Games invadem as telonas

Por Gabriela Zaniratto e Rodrigo Bocatti

Pac Man é uma ameça mundial no filme "Pixels". (Foto: Divulgação)
Pac Man é uma ameça mundial no filme “Pixels”. (Foto: Divulgação)

Quem nunca sou em ser um personagem de videogame? Esse é o enredo do novo filme “Pixels”, porém de uma forma invertida: no longa são os games que invadem a Terra, como uma invasão de um planeta que quer dominar o nosso.

Para quem viveu nos anos 80 irá ter uma nostalgia ao assistir o filme, já que os jogos que querem destruir o mundo são Pac-Man, Centopeia, Space Invaders entre outros. O presidente Will Cooper (Kevin James) até tenta utilizar o exército para garantir a paz, porém com o fracasso ele é obrigado a pedir ajuda a seus amigos geeks Ludlow Lamonsoff (Josh Gad) e Sam Breener (Adam Sandler), que foi vice-campeão mundial de fliperama em 1982. Os dois conseguem deter a Centopeia e são contratados como os salvadores e para completar a equipe é chamado Eddie Plant (Peter Dinklage), o Fire Blast, campeão do mesmo torneio disputado por Sam.

Com armas e equipamentos criados pela tenente-coronel Violet Van Paten (Michelle Monaghan) e o exército americano, a equipe enfrenta o simpático Pac Man, porém um dos integrantes da equipe usa um código inválido e a Terra acaba de ser condenada e a invasão dos jogos começam.

Com roteiro de Tim Herlihy e Adam Sandler, “Pixels” é um filme de comédia feita para toda família. Porém um personagem que passa desapercebido é o Mário, da franquia Super Mário, que faz apenas uma breve aparição, porém um dos melhores personagem é o Q-bert.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s