Exposição À Flor da Pele evidencia as diferentes representações do universo feminino

Mais de 150 imagens do acervo dos 10 anos da Revista S/N, de moda, imagem e cultura do Brasil, serão disponibilizados para visitação pública na Praça das Artes

Mara (estola) Rochelle Costi - 83. (Foto: Divulgação)
Mara (estola) Rochelle Costi – 83. (Foto: Divulgação)

Mais de 150 imagens de fotógrafos que marcaram o modo de ver e registrar o universo feminino do Brasil nas últimas décadas estão reunidas na exposição À FLOR DA PELE, com curadoria de Bob Wolfenson, Helio Hara e Ricardo Feldman, que será inaugurada dia 21 de outubro (quarta-feira) e estará aberta ao público de 22 de outubro a 20 de novembro na PRAÇA DAS ARTES, em São Paulo. A mostra, centrada nas diferentes representações do universo feminino, está dividida em sete módulos, que agrupam referencias recorrentes nas imagens: DIVAS, FLAGRANTES (precursores dos paparazzi) FANTASIA, FETICHE, INTRAMUROS (fotos que remetem ao tema “família”), LIMITES, PROJETORES (homens que exaltaram pela arte o universo feminino).

Fotos de nomes como Gui Paganini, Murillo Meireles e André Vainer convivem com imagens que já se tornaram clássicos feitas por Luiz Carlos Barreto, Marisa Alvarez Lima, Antonio Guerreiro, Paulo Garcez, Bubby Costa, Sérgio Jorge e Zé Antonio Moraes. Na exposição, baseada no acervo da revista s/n°, editada por Wolfenson e Hara, e que este ano completa uma década, estão ainda trabalhos de Rochelle Costi, OsGemeos e Irmãos Campana.

Na mostra, estão retratos de Giselle Bündchen, Costanza Pascolato, Leticia Sabatella, Fernanda Young, Fernanda Montenegro, Leila Diniz, Fernanda Torres, Fernanda Lima, Camila Pitanga e Cynthia Howlett (as quatro últimas fotografadas durante a gravidez), estilistas históricos como Dener e Clodovil, além de divas como Marlene Dietrich e Marylin Monroe.

#18 - Bob Wolfenson - 106. (Fot: Divulgação)
#18 – Bob Wolfenson – 106. (Fot: Divulgação)

“O ponto de partida foi o modo avião. Metaforicamente, é o instante em que, desconectados temporariamente desse fluxo, podemos desfrutar do tempo do reset: instantes em que vivemos plenamente a imaginação e a fantasia. A pausa. A partir daí, levantamos a seguinte pergunta: como é representado o universo feminino quando há completa liberdade autoral?”, dizem os curadores.

Na sala LIMITE, por exemplo, o visitante se depara com 4 imagens da mesma mulher. Cada uma com uma sutil diferença, propositalmente feita na imagem. O ensaio de Wolfenson, convida as pessoas a pensarem nos limites na era em que cirurgias, técnicas e tecnologia permitem manipular o corpo e as formas, criando-se aquilo que cada um deseja ser. As fotos são um desafio para o espectador: qual das mulheres é a real, qual foi manipulada?

À FLOR DA PELE, revisita imagens reunidas pela publicação s/n°, autoral, e que por isso proporciona o reset. Imagens resgatadas de acervos de grandes fotógrafos muitas vezes pouco conhecidos pelo público contemporâneo e fotos criadas a partir de convites da revista compõem a exposição.

A expografia é dos autores do projeto arquitetônico da Praça das Artes – Marcelo Ferraz e Francisco Fanucci (Brasil Arquitetura), e pretende criar um diálogo franco entre a forte arquitetura do edifício do antigo Conservatório Dramático Musical e as fotografias de ‘À Flor da Pele”. Esse diálogo pode ser lido na delicada montagem de elementos; na sinuosidade das cortinas de voil, sugerindo penumbra e transparência, que ora revelam, ora aumentam as nuances do universo feminino, mote central da mostra.”

A exposição À FLOR DA PELE é patrocinada pela C&A, por meio da lei de incentivo estadual de cultura – PROAC.

Serviço

A Exposição À Flor da Pele
Curadoria Bob Wolfenson, Helio Hara e Ricardo Feldman
Abertura: 21 DE OUTUBRO DE 2015
Das 19h Às 22h30min
Em exibição de 22 de outubro a 20 de novembro de 2015
Visitação de segunda a sábado de 10h as 20h, domingos de 10h as 18h.
Entrada franca
Praça Das Artes – av. São João, 281- centro – São Paulo
Próximo às estações Anhangabaú e República do metrô
Sugerimos ir de táxi
http://theatromunicipal.org.br/espaco/praca-das-artes/

Animais e pássaros pontuam a coleção de verão da Mineral Kids

Confira esta invasão no armário dos pequenos com muita diversão

Coleção de verão da Mineral Kids. (Foto: Divulgação)
Coleção de verão da Mineral Kids. (Foto: Divulgação)

A tendência de estamparia animal é um charme e dá vigor tanto aos looks clássicos, como aquelas produções mais moderninhas dos meninos e meninas.

As delicadas borboletas pousaram sobre as regatinhas femininas, e os pássaros coloridíssimos tomaram conta dos vestidos.

A corujinha também se aproximou da meninada e chega sugerindo um mood étnico. As penas formando um cocar, na cabeça, e o arco e flecha nas asas completam o estilo aventureiro. Em um mood mais cute, gatinhos surgem fazendo a festa em meio aos doces. Já os meninos vão curtir um som com os bichinhos mais irreverentes! Nas camisetas e regatas os gatos e os macacos tomam conta do universo musical à frente das pick-ups e fones de ouvido.

Mas a brincadeira não fica por ai! Os pequenos também ganham um visual hipster com estampas divertidas de dogs descolados.

Digimon Adventure Tri – Revelados os primeiros cinco minutos!

Por Legião dos Heróis

Foi divulgado um vídeo contendo os cinco primeiros minutos de Digimon Adventure Tri, um filme dividido em seis OVAs que deve assumir a posição de continuação da série clássica. Confira!

Produzido pela Toei Animation, o projeto começa a ser lançado no dia 21 de novembro no Japão, chegando em DVD e Blu-Ray no dia 18 de dezembro por lá. A primeira parte se chama Saikai (Reunião), e é dela que foram extraídos os cinco minutos iniciais, onde você pode conferir um pouco da música de abertura.

Dá só uma olhada:

TRIO DE HUMORISTAS, “OS BARBIXAS”, DUBLA OS RAPTORES EM “O BOM DINOSSAURO”, DA DISNEY•PIXAR

E  participam de ação no Vivo Open Air em São Paulo, no dia 01 de novembro

Os Barbixas irão dublar novo filme da Disney Pixar. (Foto: Divulgação)
Os Barbixas irão dublar novo filme da Disney Pixar. (Foto: Divulgação)

O trio de humoristas paulistanos, Os Barbixas, dá voz a três Raptores em “O Bom Dinossauro” – filme da Disney•Pixar que estreia nos cinemas brasileiros em 7 de janeiro de 2016. Em uma ação inovadora no Vivo Open Air em São Paulo, os comediantes farão uma performance durante a apresentação do novo trailer do filme. Uma grande oportunidade para o público conhecer um pouco mais sobre a história e conferir o trabalho dos dubladores que darão voz, na versão em português, para os personagens Bubbha, Melvin e Earl, dublados por Anderson Bizzocchi, Daniel Nascimento e Elidio Sam.

Os Raptores que eles dublam são uma espécie de dinossauros que caçam a apreciada manada de gado que pertence a uma família de Tiranossauros Rex. Como grupo, os raptores são uma grande ameaça, e até tiranossauros podem precisar de reforços para enfrentá-los.

A Cia. Barbixas de Humor é formada por Anderson Bizzocchi, Daniel Nascimento e Elidio Sann. Formada em 2004, a cia começou fazendo espetáculos beneficentes no Teatro Jardim São Paulo. Dos diversos espetáculos criados destaca-se “Improvável” (2007), espetáculo de improviso que é hoje o carro chefe do trio.

Filme "O Bom Dinossauro" contará com a dublagem do grupo "Os Barbixas". (Foto: Divulgação)
Filme “O Bom Dinossauro” contará com a dublagem do grupo “Os Barbixas”. (Foto: Divulgação)

“Já tínhamos uma imensa admiração pela arte da dublagem e seus profissionais. Receber o convite da Disney•Pixar para participarmos do filme foi uma honra. Percebemos o quanto é difícil esse trabalho, porém extremamente divertido. Ouvir sua voz dando personalidade a um personagem é muito legal. Quando vimos a edição feita e nossas vozes se encaixando nos dinossauros, a reação foi ‘Uau, que incrível! Eu sou ele!’, ou o certo seria, ‘ele agora é um pouco de mim?’. Quando você entra no estúdio, dá aquele nervoso de acertar tudo. Foi uma experiência muito gratificante e divertida. Gostamos e agora queremos mais.”, afirma o trio de humoristas.

O Vivo Open Air é o maior festival de cinema ao ar livre do mundo e já acontece no Brasil há 13 anos no Jockey Club da capital paulista. Pela primeira vez a Disney apresenta uma ação exclusiva e inédita para o público do festival.

Sobre O Bom Dinossauro

Data de lançamento:                      7 de janeiro de 2016

Diretor:                                                Peter Sohn

Produtora:                                          Denise Ream

 

E se o asteroide que mudou para sempre a vida na Terra não tivesse atingido o planeta e os dinossauros nunca tivessem sido extintos, como seria a relação entre dinossauros e humanos? A Disney·Pixar leva você para uma aventura nada jurássica, onde a dupla de amigos improváveis, Arlo e Spot, irá vivenciar uma historia de ação e humor. Dirigido por Peter Sohn, “O Bom Dinossauro” surpreenderá o público de todas as idades, com sua originalidade e inovação. O filme estreia nos cinemas brasileiros em 7 de janeiro de 2016.