REVISTA 29HORAS INDICA AS MELHORES ATRAÇÕES DO RIO DE JANEIRO DURANTE A OLIMPÍADA

A revista distribuída mensalmente no Aeroporto de Congonhas traz um especial sobre “o melhor do Rio”, com sugestões de restaurantes, bares, museus, parques e atrações

De acordo com estimativas do governo federal, entre 500 mil e 1 milhão de turistas deverão ir ao Rio de Janeiro durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Desses, cerca de 40% terão voos com conexão em São Paulo. E boa parte desses passageiros voará para a Cidade Maravilhosa a partir da Ponte Aérea Rio-SP, partindo do Aeroporto de Congonhas. De olho nesse movimento, a Revista29HORAS, publicação mensal dirigida exclusivamente aos passageiros que embarcam e desembarcam no Aeroporto de Congonhas, enaltece em sua capa de agosto as maravilhas cariocas com a reportagem especial ‘O Melhor do Rio’.

O conteúdo da 29HORAS de agosto apresenta roteiros de hotéis, restaurantes de alto padrão e vegetarianos, confeitarias,  sanduicherias, museus e passeios para os turistas aproveitarem o máximo do Rio durante os Jogos Olímpicos. A publicação também apresenta aos leitores a sua tradicional agenda com dicas de 124 programas culturais para fazer em São Paulo nesse mês.

Prodigy Santos Dumont é uma das opções para quem for acompanhar o jogos no Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação)
Prodigy Santos Dumont é uma das opções para quem for acompanhar o jogos no Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação)

Quando o assunto é hotelaria, o Rio oferece sofisticação, modernidade e boa localização. Os turistas que se hospedarem nas unidades do Arpoador e de Niterói da rede de hotéis Best Western têm uma excelente opção de restaurante, já que poderão desfrutar de delícias veganas criadas pela “chef-celebridade” Bela Gil. No Prodigy Hotel Santos Dumont, do fundador da agência CVC, Guilherme Paulus, é possível descansar em um dos 300 amplos apartamentos com vista espetacular para a Baía de Guanabara. A unidade brasileira do Yoo2, que já foi batizada de Bota-SoHo, possui cerca de 140 acomodações para os hóspedes, que também podem desfrutar do restaurante Cariocally, com o cardápio do chef Marcelo Schambeck, famoso por ter criado o “menu-feira”.

Para os turistas que vão ao Rio em busca de um tempero diferente, a sugestão é passar nas duas unidades do Aconchego Carioca, comandados pela Katia Barbosa e sua filha, Bianca. Ali, alguns destaques são os bolinhos de feijoada recheados e o arroz da terra com carne de sol e queijo coalho. O Eleven Rio, restaurante do estrelado chef Joachim Koerper, traz a sintonia europeia com o estilo carioca e proporciona aos seus clientes criações contemporâneas como carpaccio de lagostim com caviar e creme de limão, e o leitão preparado em baixa temperatura. Detentor de uma estrela Guia Michelin, o restaurante Oro, do chef Felipe Bronze, propõe receitas criativas e muito saborosas que acompanham o menu contemporâneo e temperado por influências japonesas, espanholas e argentinas.

A gastronomia carioca não para por aí, as confeitarias concorrem de igual para igual com os restaurantes. A Colombo é símbolo da belle époque do Rio, pois se trata de um patrimônio histórico da cidade que já foi frequentado por nomes como Machado de Assis, Chiquinha Gonzaga, Getúlio Vargas e Juscelino Kubitscheck, além do maravilhoso buffet que oferece, com variedades de pães, frios, salgados, mini sanduíches e canapés. A mais antiga confeitaria carioca, Casa Cavé, especialista em doces portugueses, atrai nostálgicos e sedentos por um chá acompanhado de delícias portuguesas. Já a Casa da Tatá serve desde o pão de queijo da manhã, a pamonha caseira da tarde, assim como o almocinho brasileiro ao meio-dia, até o bolo formigueiro ou o pão de chocolate com gostinho da França.

O Bolinho de Feijoada é um dos aperitivos obrigatórios para quem acompanhar a Olimpíada direto do Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação)
O Bolinho de Feijoada é um dos aperitivos obrigatórios para quem acompanhar a Olimpíada direto do Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação)

O Especial “O Melhor do Rio” também traz as mais procuradas sanduicherias da cidade, entre elas a Reserva TT, do chef Thomas Troisgros, filho do famoso chef Claude Troigros. O Cervantes leva o nome em homenagem ao autor de “Dom Quixote”, Miguel de Cervantes, e é conhecido pela fartura e qualidade de seus produtos. Com o clima de um autêntico boteco, o Riba segue surpreendendo especialistas pelos caprichados sanduiches e seu próprio rótulo de cerveja e chope, além de ter carne assada de costela, pernil, rabada e linguiça, sendo que as criações podem vir acompanhadas por broto de rúcula e tomate confit na baguete francesa.

A Cidade Maravilhosa também reserva ótimas opções de restaurantes para os vegetarianos. O Ró é considerado o primeiro estabelecimento 100% crudívoro do país, que utiliza apenas vegetais crus provenientes de produtores locais e orgânicos. A feijoada do Rio Vegano, aos sábados, é um sucesso e inclui a mistura de feijão preto, shitake, tofu fresco, tofu defumado e linguiça de soja. Tirar o glúten do cardápio está se tornando mais recorrente e o Prana adere à risca a esta opção de alimentação, com cardápio de pratos como hambúrguer de feijão fradinho acompanhado de farofa de quinoa com amêndoas, lentilha com banana da terra, maçã verde e curry ou ainda os sanduiches que são servidos com dadinhos de tapioca fritos no óleo de coco, com chutney de abacaxi ou geleia de pimenta.

Na região revitalizada da Praça Mauá, no centro carioca, a Casa Paladino é uma escolha tradicional e sem erro. Entre as muitas opções de seu cardápio destacam-se omeletes, fritadas e sanduiches triplos e duplos com os quais os clientes podem se deliciar. Outro bar com cara de boteco que chama muito a atenção dos turistas é o Pavão Azul, que serve bolinhos de bacalhau sem batata ou o prato do dia, que pode ser carne-seca com abóbora, rabada, bife acebolado, fritada de bacalhau ou feijoada. Jobi e Bar Lagoa também são ótimas pedidas para quem busca experiências gastronômicas diferentes.

Além da hotelaria e da gastronomia, a 29HORAS destaca os inúmeros locais para se passear na capital fluminense, como museus, parques e atrações. O CCBB Rio de Janeiro ocupa um belo prédio histórico na região central da cidade, já o Museu Histórico Nacional reúne um acervo de quase 350 mil itens e é considerado um dos principais museus do Brasil. Uma das mais belas e bem preservadas áreas verdes do Rio é o Jardim Botânico, mas a metrópole carioca também seduz por outros espaços, como o Parque Henrique Lage e o Parque do Flamengo. O Cristo Redentor e o Corcovado se encaixam na lista de atrações imperdíveis ao se visitar o Rio, assim como o Palácio do Catete e Ilha Fiscal.

Além de todo o conteúdo sobre o Rio de Janeiro, a revista apresenta a diversificada agenda 29HORAS com um guia completo de 124 programas culturais para todas as datas do mês, com shows, teatro, cinema, passeios e um tour gastronômico pela cidade de São Paulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s