Produtores independentes se destacaram durante a Brasil Game Show

Por Henrique Moita e Rodrigo Bocatti

Durante a Brasil Game Show, um dos destaques do evento foi a área de produtores independentes, que dobrou de número do ano passado para 2016. Com diversos estilos de jogos, os visitantes puderam testar e ver as novidades que estão chegando no mercado e em todas as plataformas.

gallery-2.jpg
Skydrome foi apresentado pela Kinship, durante a Brasil Game Show. (Foto: Divulgação)

Um dos estandes mais disputados era do Skydrome, da Kinship, que era um projeto que estava sendo desenvolvido há algum tempo. O jogo é de estratégia e ação em tempo real. “São dois times de quatro pessoas que o objetivo principal é invadir a ilha do time inimigo, mas com tropas e não com o seu personagem. Então por isso que é estratégia, você precisa saber exatamente qual o momento certo de atacar, de defender, por onde atacar, porque tem vários caminhos e ficar atento as intervenções dos inimigos, que são ataques que ocorrem sem você saber”, explicou Cheny Schmeling, diretor criativo da Kinship.

“Eu acho que as pessoas ainda confundem muito a produção como um hobby, como produção indie de negócio. Existem projetos aí que que estão super bem-acabados, finalizados, assim, a produção nacional tá arrebentando, tá nível internacional”, completou Schmeling, que ainda falou que a área indie dentro da BGS ainda irá crescer muito.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s