Rota da Cerveja é a nova opção turística da cidade de Pinhais

A iniciativa contemplará visitas às cervejarias localizadas no município da Região Metropolitana de Curitiba e que hoje fazem sucesso no país

Turistas e moradores agora têm uma nova opção de entretenimento em Pinhais (PR), localizada na Região Metropolitana de Curitiba. A Prefeitura, por meio do Departamento de Turismo, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, acaba de lançar a Rota da Cerveja. A iniciativa contempla visitas às cervejarias localizadas no município.

De acordo com o Diretor do Departamento de Turismo (DETUR), Márcio Mainardes, a idealização deste projeto surgiu após algumas visitas às empresas. “Percebemos que as cervejarias já possuem infraestrutura de atendimento ao cliente e de visitas monitoradas. Além disso, também são realizados eventos promovidos individualmente pelas empresas”, comenta.

ONER.jpg
Rota da Cerveja é a novidade no turismo de Pinhais. (Foto: Divulgação)

Segundo Mainardes, a partir deste cenário, percebe-se que o volume de negócios das cervejarias, dentro e fora do município, comprova a importância da atividade para o desenvolvimento do turismo, bem como, o próprio desenvolvimento econômico do município, com oferta de mais postos de trabalho e utilização de mão-de-obra local. “Atualmente é grande a variedade de tipos de cervejas fabricadas em Pinhais, constatando-se inclusive a existência de exportação dos produtos para países como Estados Unidos, Alemanha, Dinamarca, entre outros”, ressalta.

Como funcionará a Rota da Cerveja

Ao participar da rota, o visitante receberá um passaporte onde será registrada a data da visita e onde também será colado um selo da cervejaria. No último local visitado, dentre aqueles constantes no passaporte, o estabelecimento efetuará o registro e oferecerá um brinde ao visitante.

Sobre as cervejarias locais

Hoje Pinhais conta com 4 (quatro) fábricas de cervejas, concentradas na região oeste, vizinha à Curitiba, conforme descrito abaixo:

1) Cervejaria Ovelha, rua 25 de dezembro, 190 – Estância Pinhais;

2) Cervejaria Oner, rua Francisco Eugênio Gomes Pereira, 133 – Atuba;

3) Cervejaria Bastards Brewery, rua Paranavaí,190 – Emiliano Perneta

4) Cervejaria Way Beer, rua Pérola,331 – Emiliano Perneta.

No entanto a variedade de cervejas produzidas, com sabores e texturas diferenciadas, extrapola 30 rótulos, pois as fábricas produzem cervejas de outras marcas e rótulos, sendo eles:

1) Cervejaria Ovelha:
Principais rótulos:
a) Trapista
b) Vienna Lager
c) Wit
d) American Ipa
e) Black Ipa
f) Apa

2) Cervejaria Oner:
Principais rótulos:
a) Diabos Vermelhos – Belgian Ipa
b) Hop Your Mind – IPa
c) Oner – Dry Stout
d) Oner – Weizer
e) Oner – Belgian Dubble
f) Glory Hops

3) Cervejaria Bastards Brewery:
Principais rótulos:
a) Zé do Morro – Premium Lager
b) Hector Five Rounds – American Indian Pale Ale
c) Mark the Shadow – Outmeal Stout
d) Pina a Vivá – Imperial Indian Pale Lager
e) Willie the Bitter – American Palle Ale
f) Jean Le Blanc – Witbier

4) Cervejaria Way Beer
Principai rótulos:
a) American Pale Ale – American Pale Ale
b) Die Fizzy Yellow – American India Pale Ale
c) Red Ale – Red Ale
d) Avelã Porter – Specialty Beer
e) Avelã Porter – Porter
f) Amburana Lager – Specialty Beer
g) Double Apa
h) Witbier – Witbier
i) Cream Porter – Baltic Porter
j) Sour me Not Acerola – Sour Ale
k) Sour me Not Morango – Sour Ale
l) Sour me Not Graviola – Sour Ale

Mais informações pelo telefone (41) 3912-5634 ou no site http://www.pinhais.pr.gov.br/turismo/rotadacerveja.

Hoplon lança atualização da bomba de Heavy Metal Machines e disponibiliza vídeo detalhando as novidades

Estúdio brasileiro muda a mecânica do principal artefato do seu título de batalha veicular multiplayer online e adiciona novos modos de jogo e recursos para a comunidade; gamers poderão se inscrever para o primeiro campeonato oficial de Heavy Metal Machines, que terá premiação de mais de 10 mil euros, a partir de 1º de julho

A Hoplon, veterana desenvolvedora brasileira de games, acaba de lançar uma série de atualizações em Heavy Metal Machines, seu jogo free-to-play de batalha veicular multiplayer que está disponível em beta aberto no Steam e será lançado ainda este ano. Os reajustes foram feitos com base no feedback da comunidade de jogadores e das impressões do time de Primeiro campeonato de HMM Entre 1º e 14 de julho, gamers do mundo todo poderão se inscrever para participar do HMM European Tournament, primeiro campeonato oficial de Heavy Metal Machines. A competição distribuirá 10,5 mil euros para os melhores colocados e será disputada online, entre 16 e 30 de julho, baseada em servidores europeus, o que não impede a participação de jogadores de todas as regiões do mundo. O torneio não tem limite de participantes e será disputado em três fases: classificatórias, playoffs e finais. desenvolvimento do game, e vão melhorar ainda mais a dinâmica frenética e diversificada do produto, tal qual a forma como os jogadores interagem com a bomba e a implementação de novos recursos e modos de jogo. O vídeo com as mudanças trazidas pela atualização da bomba pode ser visto em https://youtu.be/drT7FLrZetI.

O principal artefato de Heavy Metal Machines foi repaginado e passa a interferir diretamente nos seguintes aspectos da jogabilidade:

image004 (1)
Heavy Metal Machines ganha atualização. (Foto: Divulgação)

O jogador que decide quando pegar a bomba e para carregá-la é preciso ativar um comando, não apenas alcançá-la.

A bomba não drena mais a energia de quem a está transportando.

O transportador da bomba pode usá-la como uma arma e lançá-la contra um inimigo, por exemplo.

A partir de agora, a bomba não só pode destruir a base inimiga como a própria base.

Maior e mais pesada, a bomba influencia no nível da dificuldade de condução dos veículos.

Outros aprimoramentos foram feitos para inserir ainda mais o Heavy Metal Machines no universo competitivo dos esportes eletrônicos, como a adição de recursos de matchmaking que permitem jogar ao lado dos amigos, criar grupos com nome, tag e imagem personalizada, definir líderes que podem convidar e remover participantes da equipe e formar times de até cinco participantes.

Já o modo de jogo Custom Match permite customizar as partidas. A partir de agora é possível criar e administrar salas virtuais onde amigos podem se reunir, definir um gestor desses ambientes que é capaz de interagir e dar acesso a novos usuários e iniciar partidas.

Mais informações sobre a Hoplon e seus jogos estão disponíveis em www.hoplon.com.br. Para acompanhar as novidades de Heavy Metal Machines, visite http://www.heavymetalmachines.com/site/.

Heavy Metal Machines está disponível em beta aberto e pode ser baixado gratuitamente no Steam (www.goo.gl/2Dzngy).

Espaço das Américas recebe show extra de Almir Sater, Renato Teixeira e Sérgio Reis

Após sucesso de vendas, sertanejos ganham mais um dia para apresentação da turnê “Tocando em Frente”

Com o sucesso de vendas, os três nomes da genuína  música sertaneja, Renato Teixeira, Sérgio Reis e Almir Sater ganham mais uma noite especial para a apresentação da turnê “Tocando em Frente”, no Espaço das Américas, um dos melhores e maiores espaço para shows de São Paulo. Agora, o trio vai dividir o palco em dois dias de show: na sexta-feira e sábado, dia 21 e 22 de julho. 

Músicas como “Romaria”, “Trem do Pantanal”, “Panela Velha”, “O Rei do Gado”, “Frete”, “Chalana” e “Tocando em Frente” são apenas uma pequena amostra do rico repertório do show. “Cada um de nós possui uma função. Eu fiquei com a parte musical e arranjos, Renato Teixeira foi eleito o porta voz do trio e Sérgio Reis é o carisma personificado”, brinca Almir Sater.

imagem_release_977191.jpg

A ideia para a turnê nasceu após o lançamento do disco “AR”, parceria entre Almir Sater e Renato Teixeira, lançado pela Universal Music em 2016. Algumas músicas do álbum estão no repertório, são elas: “D de Destino”, “Bicho Feio”, “Peixe Frito” e “Amor Leva Eu”. Os dois artistas, que deram vida à canção que dá título ao show, convidaram o amigo e vizinho Sérgio Reis para juntos escreverem mais um capítulo de suas consagradas carreiras.

Os ingressos já estão à venda e podem ser comprados na bilheteria do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h na rua Tagipuru, 795) e no site da Ticket 360 (https://goo.gl/J6QLFf). Os preços vão de R$ 90 (meia-entrada) até R$ 280 (entrada inteira) .

Para mais informações, acesse www.espacodasamericas.com.br.

Facebook: www.facebook.com/espacodasamericas | Instagram: @espacodasamericas

Serviço – Tocando em Frente: Almir Sater, Renato Teixeira e Sérgio Reis | Espaço das Américas

Data: 21 de julho de 2017 (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h30
Início do show: 22h30

Data: 22 de julho de 2017 (sábado)
Abertura da casa: 20h30
Início do show: 22h30

Censura: 14 anos
Local: Espaço das Américas ( Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda – São Paulo – SP)
Capacidade da casa para este evento: 3.082 lugares
Acesso para deficientes: sim
Ingressos:  vão de R$ 90 (meia-entrada) até R$ 280 (entrada inteira)
Compras de ingressos: Nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h – sem taxa de conveniência ) ou Online pelo site Ticket360 https://goo.gl/xgibPV
Formas de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Credito e Debito, Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.
Call center Ticket360: (11) 2027-0777

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de audio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

Record lança livro de textos inéditos de Umberto Eco publicados em jornal italiano

Autor escreve sobre política, filosofia, literatura, feminismo, racismo, internet, entre outros, e identifica em suas crônicas temas da “sociedade líquida” definida por Bauman

image005.jpgQuando criou sua coluna no L’Espresso, em 1985, Umberto Eco se inspirou nas caixinhas de fósforos Minerva, que, segundo ele, ofereciam dois espaços em branco, nos quais era possível tomar notas. “Era assim que eu via aquelas intervenções: breves anotações e divagações sobre os mais variados temas que me passavam pela cabeça – em geral inspirados na atualidade, mas não somente, pois podia incluir em atualidades o fato de ter sido tomado, numa bela noite, pelo súbito desejo de reler, sei lá, uma página de Heródoto, uma fábula de Grimm ou uma revistinha do Popeye”, escreve Eco, na introdução de Pape Satàn Aleppe, seu último livro inédito, que inclui as crônicas de sua coluna “La Bustina di Minerva” publicadas no jornal italiano de 2000 a 2015. O autor de “O nome da rosa” morreu em fevereiro de 2016.

Segundo Eco, os textos reunidos neste livro são reflexões sobre os fenômenos do que o filósofo Zigmunt Bauman definiu como “sociedade líquida”, afetada pela crise do Estado como instituição que garantia aos indivíduos proteção e possibilidade de resolver, de modo coletivo e homogêneo, os problemas do nosso tempo. Para Bauman, sobre quem Eco abre a série de artigos do livro, a sociedade líquida é afetada por crises ideológicas e dos partidos e é profundamente fincada em valores individuais e voláteis. É sobre isso e muitos outros assuntos que Eco escreve e articula nesses pequenos ensaios, ou “bustinas”, como carinhosamente a eles se refere.

Com um texto extremamente refinado, cheio de humor e um certo deboche, Umberto Eco escreve sobre livros, internet, tecnologia, racismo, política, imprensa, educação, religião, filosofia, individualismo, privacidade, entre outros. Numa crônica sobre o twitter, de 2013, antecipa o que tanto discutimos hoje sobre os boatos de internet, cunhados como pós-verdade, que foi eleita a palavra-conceito do ano em 2016, pelo Dicionário Oxford. “A irrelevância das opiniões expressas no Twitter é que todos falam, e entre estes todos há quem acredite nas aparições de Nossa Senhora de Medjugorje, quem frequente cartomantes, quem ache que o 11 de Setembro foi arquitetado pelos judeus, quem acredite em Dan Brown. Sempre me fascinaram as mensagens do Twitter que aparecem embaixo durante as entrevistas do talk-show de Telese e Porro. Falam de tudo e mais alguma coisa, um contradiz o outro e todos juntos não dão uma ideia do que pensam as pessoas, mas apenas do que pensam certos pensadores desarvorados.”

Numa “Bustina” de 2001, ele defende o fenômeno Harry Potter e sua autora, J.K.Rowling, contra os que diziam que as histórias do bruxinho continham ideias diabólicas. “Se o clima é este, creio que devo entrar em campo a favor de Harry Potter. As histórias são, é claro, histórias de magos e feiticeiros e é óbvio que teriam sucesso, pois as crianças sempre gostaram de fadas, anões, dragões e bruxos e ninguém nunca pensou que Branca de Neve fosse criação de um complô de Satanás, e se tiveram e ainda têm sucesso é porque sua autora (não sei se por cultíssimo cálculo ou prodigioso instinto) soube colocar em cena situações narrativas verdadeiramente arquetípicas.” Para Eco, as histórias passadas em Hogwarts e o sofrimento de Potter trazem elementos de contos como O Patinho Feio e Cinderela, clássicos como “Oliver Twist” e “Os meninos da rua Paulo” e até personagens como Mary Poppins e Peter Pan.

Em 2013, já antenado com a força do movimento feminista, escreve uma coluna sobre como as mulheres filósofas foram apagadas da história e preconceitos como os que às mulheres cabiam a poesia e não a matemática foram difundidos ao longo do tempo. Citando um livro francês, ele enumera, no texto, o nome de várias filósofas, lembrando que uma delas, Hipátia de Alexandria, foi escolhida como heroína pelo movimento feminista, mas pouco restou de sua obra. “Folheei pelo menos três enciclopédias filosóficas hodiernas e não encontrei nenhum traço destes nomes (exceto Hipátia). Não é que não existissem mulheres que filosofassem. É que os filósofos preferiram esquecê-las, talvez depois de terem se apropriado de suas ideias.”

Cético com relação à internet (“as redes sociais deram voz aos imbecis”, disse numa de suas últimas entrevistas) e crítico da grande mídia (seu último romance, “Número zero”, girava em torno de um jornal planejado para intimidar adversários de seu dono, com jornalistas medíocres e uma edição que nunca seria publicada), Eco também desconfiava das grandes invenções do século em que viveu, o XX. Listando tudo de relevante que foi inventado no XIX, ele debocha da atualidade. “Claro, nosso século nos deu a eletrônica, a penicilina e tantos outros fármacos que alongaram nossa vida, as matérias plásticas, a fusão nuclear, a televisão e a navegação espacial. Talvez alguma coisa tenha me escapado, mas também é verdade que hoje as canetas-tinteiro e os relógios mais caros tentam reproduzir os modelos clássicos de cem anos atrás, e numa velha Bustina observei que o último aperfeiçoamento no campo das comunicações — que seria a internet — veio superar a telegrafia sem fios inventada por Marconi com uma telegrafia com fios, ou seja, marca o retorno (para trás) do rádio para o telefone. No que diz respeito a pelo menos duas invenções típicas do nosso século, as matérias plásticas e a fusão nuclear, todos estão tentando desinventá-las, pois perceberam que prejudicam o planeta. O progresso não consiste necessariamente em ir sempre adiante a qualquer custo.”image005.jpgimage005.jpg

Bem ao estilo de toda reunião de crônicas, estas trazem assuntos tão diversos que o autor, reconhecendo a miscelânea, própria de nossos tempos líquidos, decidiu nomeá-las de Pape Satàn Aleppe, uma citação da “Divina Comédia”, de Dante. Ele explica: “A citação é evidentemente dantesca (“Pape Satàn, pape Satàn aleppe, Inferno, VII, 1), mas como se sabe, embora uma profusão de comentaristas tenha tentado encontrar um sentido para o verso, a maior parte deles concluiu que não tem nenhum significado preciso. Em todo caso, pronunciadas por Pluto, estas palavras confundem as ideias e podem se prestar a qualquer diabrura. Achei, portanto, oportuno usá-las como título desta  coletânea que, menos por culpa minha do que por culpa dos tempos, é desconexa, vai do galo ao asno — como diriam os franceses — e reflete a natureza líquida destes quinze anos.”

Crocs e Minions – confira o lançamento infantil da marca

Estampa com famoso personagem do filme “Meu Malvado Favorito” chega às lojas

A Crocs, empresa presente há 12 anos no mercado mundial e que possui como principal objetivo criar calçados divertidos e inovadores,  apresenta o modelo Fun Lab Minions Clogs inspirado no filme Meu Malvado Favorito 3.

A novidade possui design especial e único do personagem. Ideal para sair com a família e brincar com os amigos, além de ser incrivelmente leve e divertido para compor looks e fantasias. Toda diversão dos Minions agora nos pés das crianças. O lançamento pode ser adquirido nas lojas Crocs de todo o país por R$129,00.

crocs.jpg
Crocs lança coleção baseada em “Meu Malvado Favorito”. (Foto: Divulgação)

O modelo é totalmente moldado em Croslite®, uma tecnologia em resina de célula fechada que torna os calçados mais leves e permite o máximo amortecimento e conforto para as crianças. Outra característica do produto que os pais vão adorar é que o calçado é fácil de calçar.

Wesley Safadão está de volta ao Espaço das Américas

Fenômeno traz a festa mais famosa do Brasil, “Garota White”, na sexta-feira, dia 7 de julho

No dia 7 de julho, sexta-feira, Wesley Safadão, o maior fenômeno do forró eletrônico, está de volta ao Espaço das Américas, consagrado atualmente como a melhor casa de shows da capital, com a festa mais famosa do Brasil, “Garota White”.

imagem_release_963908.jpg

Sucesso absoluto, o cearense “Safadão”, ganhou reconhecimento nacional graças às suas primeiras apresentações em São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, que o levaram ao topo das principais rádios do país, e a fazer, atualmente, cerca de 25 shows por mês.

Wesley Safadão presenteia o fã paulista com mega hits de sua carreira como “Coração machucado”, “A dama e o vagabundo” e, é claro, “Aquele 1%” e “Camarote”, duas das músicas mais estouradas de 2015 em todo o país.

Sujeitos a alteração de lote, os ingressos para essa noite regada a muito forró eletrônico estão disponíveis na bilheteria do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h) e no site da Ticket 360 (https://goo.gl/J6QLFf ) a partir de R$90,00.

Para mais informações, acesse www.espacodasamericas.com.br | (11) 3868-5860 (de segunda a sexta das 9h as 19h) .

Facebook: www.facebook.com/espacodasamericas | Instagram: @espacodasamericas.

Serviço Wesley Safadão – Espaço das Américas

Data: 7 de julho de 2017 (sexta-feira)
Abertura da casa: 21h
Censura: 18 anos
Local: Espaço das Américas ( Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda – São Paulo – SP)
Capacidade da casa para este evento: 3.082 lugares
Acesso para deficientes: sim
Ingressos: a partir de R$ 90,00
Compras de ingressos: Nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h – sem taxa de conveniência ) ou Online pelo site Ticket360 https://goo.gl/J6QLFf.
Formas de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Credito e Debito, Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.
Call center Ticket360: (11) 2027-0777

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de audio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

“Peregrino” acompanha a jornada pessoal do Papa Francisco

image004.jpgFrancisco é o primeiro Papa latino-americano, um homem que veio “do fim do mundo”, com uma fé fervorosa e compromisso socioeconômico, com a promessa de olhar para os pobres, assim como denota a inspiração para o seu nome, São Francisco de Assis.

Em “Peregrino”, Mark Shriver reconstrói a jornada do Pontífice e ajuda o leitor a entender como um humilde sacerdote se tornou o líder máximo da Igreja Católica. O autor apresenta as várias facetas do desenvolvimento do Papa, como a sua infância, educação, educação espiritual e ideologias.

Filho de imigrantes italianos, Jorge Mario Bergoglio é o mais velho de cinco irmãos. A avó e também madrinha foi a responsável pela sua formação católica. Foi ela quem o ensinou a rezar e o levava para a igreja todos os domingos.  Além da paixão pela Teologia, quando jovem, Jorge também gostava da ciência.

Bergoglio chegou a trabalhar três anos em uma fábrica e, posteriormente, em um laboratório químico. De início, a mãe não aceitou sua ida para o seminário. Mas lá estava a avó novamente para apoiá-lo nesta vocação. Ele entrou para a Companhia de Jesus atraído não apenas pelo compromisso dos jesuítas com a obediência e disciplina, mas, principalmente, pelo trabalho missionário e a vivência em comunidade. Foi ordenado padre aos 32 anos e aos 61, arcebispo de Buenos Aires, cidade em que nasceu. Tornou-se cardeal pouco tempo depois, em 2001, aos 64 anos.

Nesta obra, Mark, que também vem de uma família católica, visita locais por onde Francisco passou. Na busca para conhecer a essência do Papa, o autor traça uma jornada da sua própria fé. “Peregrino” chega às livrarias pela BestSeller em junho.

Noruegueses celebram a chegada do verão no fim de junho

A Noruega se transforma no verão. Depois de vários meses de frio e dias mais curtos, os noruegueses querem aproveitar o sol ao máximo e isso traz ainda mais animação e vida para o país. Por isso, como é comum em muitas regiões da Europa, na Noruega também existem várias celebrações para comemorar o início da estação mais quente do ano.

Por volta do dia 21 de junho, acontece no hemisfério norte o  solstício de verão, que marca o dia mais longo do ano e a chegada da nova estação. Tradicionalmente, essa data é celebrada pelas religiões pagãs como o início de uma fase de fertilidade e vitalidade.

Confira algumas celebrações do solstício de verão que acontecem na Noruega:

OSlo.jpg
Chegada do verão anima turistas da Noruega. (Foto: Divulgação)

Em Oslo, uma grande fogueira é acesa na praia de Hvervenbukta ao som de música ao vivo. O museu de arte de Henie Onstad também prepara uma fogueira e promove várias atividades, além de oferecer entrada gratuita durante a noite.

Em Grimstad, no sul da Noruega, acontece uma das celebrações mais animadas do país. Diversos pequenos barcos decorados com flores se reúnem na costa e participam de uma competição, que elege o mais bonito, o menor e o mais engraçado.

É muito comum também que empresas de cruzeiros e passeios de barco realizem celebrações especiais durante essa época do ano. Por isso, para os turistas que estiverem na Noruega no fim de junho, vale a pena dar uma olhada na programação e pacotes oferecidos nas cidades que irão visitar.

IL Volo anuncia show extra no Espaço das Américas

Após sucesso de vendas para os dias 23 e 24 de setembro, trio fecha novo show dia 21 de setembro

Após sucesso de vendas dos ingressos para os dias 23 e 24 de setembro, O IL Volo anuncia show extra no Espaço das Américas, um das maiores e melhores espaços de show de São Paulo, na quinta-feira, dia 21 de setembro. 

O repertório, inspirado nos “Três Tenores”, conta com músicas como “Granada” e “O Sole Mio” e “Maria” (West Side Story) interpretadas pelo trio vocal, sempre acompanhado de uma talentosa orquestra sinfônica.

imagem_release_965342.jpg
IL Volo realizará show extra no Espaço das Américas. (Foto: Divulgação)

Em 1º de julho de 2016, o IL Volo prestou sua homenagem aos Três Tenores: José Carreras, Plácido Domingo e Luciano Pavarotti, em um grandioso espetáculo realizado em palco montado em frente à igreja Santa Croce em Florença/Itália. O concerto “Uma Noite Mágica” foi dirigido por Plácido Domingo, que disse: “É um enorme prazer estar com Piero, Ignazio e Gianluca, conduzindo-os nesta Noite Mágica, sob um céu cheio de estrelas, nesta cidade linda que é Florença. Adoro estes meninos, que estão cantando este repertório impressionante por todo o mundo, cantando as mesmas músicas que canto em meus concertos”.

Pré-venda para membros do Clube Shows Ouro na segunda-feira, dia 19 de junho, a partir das 00h. (mais informações, http://www.clubeshows.com.br). Já a venda para o público geral será quinta-feira, dia 22 de junho, a partir das 00h00.

Os ingressos já estão à venda e podem ser comprados nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h – sem taxa de conveniência ) ou através do site do Ingresso Rápido (https://ingressorapido.com.br/compra/?id=57742#!/tickets). Os preços vão de R$100,00 a R$650,00

Para mais informações, acesse www.espacodasamericas.com.br.

Facebook: www.facebook.com/espacodasamericas | Instagram: @espacodasamericas

Serviço IL VOLO | Espaço das Américas

Show: IL VOLO

Data: 21 de setembro de 2017 (quinta-feira)
Abertura da casa: 20h
Início do show: 22h

Data: 23 de setembro de 2017 (sábado)
Abertura da casa: 20h
Início do show: 22h

Data: 24 de setembro de 2017 (domingo)
Abertura da casa: 18h
Início do show: 20h

Censura: 14 anos
Local: Espaço das Américas (Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda – São Paulo – SP)
Capacidade da casa para este evento: 3.564 lugares
Acesso para deficientes: sim
Ingressos:
de Ingressos: Vão de R$100,00 (meia-entrada nos Setores K, L) à R$650,00 (inteira no Setor Azul Premium) 
Compras de ingressos:
 Nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h – sem taxa de conveniência ) ou Online pelo site do Ingresso Rápido (https://ingressorapido.com.br/compra/?id=57742#!/tickets)
Formas de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Credito e Debito, Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.
Call Center Ingresso Rápido: (11) 4003-1212 ou 4003-2051

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de audio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

Triton Eyewear aposta nas cores que são tendência do inverno 2017

Modelos nos tons de vermelho, azul, verde, rosa e amarelo são algumas das sugestões para a temporada

314775_711059_kd8044_21_web_A Triton Eyewear se inspirou nas tendências da estação para destacar na Coleção Outono/Inverno modelos de óculos em tons de vermelho, azul, verde, rosa e amarelo para completar o look dos dias mais frios.

As armações e lentes tem as cores mais usadas pelos grandes estilistas e estão disponíveis em modelos clássicos, retrô e arrojados que combinam com todos os estilos.

Com um mix com mais de 400 modelos, a empresa comercializa seus óculos e relógios em 180 lojas espalhadas por todo o Brasil e também na sua loja virtual (www.tritoneyewear.com.br).