Marrs Green: a favorita na opinião popular

Há um ditado que diz: A voz do povo é a voz de Deus. Muitas vezes, essa máxima prevalece. Eleita pela Pantone, a cor Greenery foi desbancada pela Marrs Green, que caiu no gosto dos consumidores

ViewImage.jpg
Canto de leitura projetado por Carmen Calixto tem poltrona estofada com tecido na cor Marrs Green. (Foto: Henrique Queiroga)

A Pantone, fornecedora profissional de padrões de cores para a moda e o design, determinou o Greenery, um verde musgo, como a cor de 2017. Mas, após uma pesquisa realizada pelo projeto World’s Favourite, descobriu-se que entre os consumidores, outra cor, com tom até similar ao Greenery, é mais popular: o Marrs Green.

Formado pela mistura de tons de verde, azul e cinza, essa cor – de fato – caiu no gosto popular e a prova disso é que seu uso já se faz presente em diversas composições do décor. “Desde que usada de maneira correta, esse tom combina com todos os estilos de decoração proporcionando aos espaços alegria e leveza”, explica a arquiteta Carmen Calixto.

Certamente esses foram os motivos que fizeram com que a Marrs Green fosse eleita a favorita de milhares de pessoas em mais de cem países. Porém, por ser um tom que não passa desapercebido, é importante ficar atento a alguns detalhes, como explica a arquiteta Carmen: “O Marrs Green é uma cor fresh, mas marcante. Sendo assim, para não errar, é indicado usá-la de maneira pontuada. Caso a pessoa opte por usar em grandes áreas – como numa parede, por exemplo – é interessante mesclá-la com o tom branco para não criar uma sensação de ambiente infantil e também para não enjoar”, comenta Carmen.

Uma outra boa dica para não errar no uso dessa cor é usá-la em adornos. “Os adornos, por serem peças menores, criam elementos de cor na composição sem – no entanto – demarcá-la demais. Em nossa loja, os objetos em Marrs Green têm tido grande saída e isso se deve ao seu alto poder de personalizar os espaços transmitindo uma agradável sensação de frescor e aconchego aos ambientes”, destacam Míriam Gatti, designer de produto, e a arquiteta Gabriela Brasil, sócias-proprietárias da loja Oca Brasil.

Na Oca, cachepôs, vasos e porta velas nesse tom são os itens mais procurados. “São objetos que despertam um sentimento afetivo, de lembranças do lar e de momentos agradáveis; principalmente relacionados à espiritualidade e a natureza”, encerram Míriam e Gabriela.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s