“A garota das sapatilhas brancas” é o segundo livro de Ana Beatriz Brandão pela Verus

image005.jpgEm 2014, quando estava prestes a lançar o seu primeiro livro impresso, Ana Beatriz Brandão mal podia acreditar no sonho que estava se tornando realidade. A autora, que começou escrevendo fantasia, depois lançou pela Verus o seu primeiro romance. “O garoto do cachecol vermelho” foi um sucesso com os fãs e destaque entre os mais vendidos no estande do Grupo Editorial Record, na Bienal de 2016.

Este ano, a autora lança “A garota das sapatilhas brancas”, spin off com o ponto de vista de Daniel, protagonista do primeiro livro. A obra traz lembranças de Daniel e respostas sobre seu comportamento para que o leitor o conheça melhor. A história mostra o poder das decisões em afetar o futuro.

Engajada, a autora irá destinar parte dos direitos autorais do novo livro para o Instituto Paulo Gontijo e para a Associação Regional de Esclerose Lateral Amiotrófica (ARELA-RS).  Ana repete o mesmo gesto que fez com “O garoto do cachecol vermelho”, quando contribuiu para a Associação Brasileira de Esclerose Lateral Amiotrófica (ABRELA). Em ambos os livros a autora aborda e esclarece sobre a esclerose lateral amiotrófica (ELA) através de Daniel. Isso porque ele herda a doença degenerativa do pai e precisa conviver com o medo e as incertezas de ser um portador. Até conhecer Melissa, uma bailarina tão decidida a entrar para a Juilliard (conceituada escola de artes americana) quanto mimada, mas que guarda um grande trauma.

O lançamento de “A garota das sapatilhas brancas”, com sessão de autógrafos, acontecerá na Bienal do Livro, no Rio de Janeiro, no dia 7 de setembro (quinta-feira) no estande do Grupo Editorial Record a partir das 14h30min.

Aos 17 anos, Ana Beatriz é uma das escritoras mais novas da Verus. A carreira começou cedo, aos 13, e no que depender dela, ainda há muito pela frente.

Ana Beatriz Brandão sempre sonhou em viver em um mundo cercado de magia.  Aos 13 anos começou a escrever seu primeiro livro e não parou mais. De lá para cá, escreveu 17 e publicou três: dois livros fantasia e o romance “O garoto do cachecol vermelho”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s