Arquivo da categoria: Sem categoria

LIGA DA JUSTIÇA GANHA NOVA ARTE

Dirigido por Zack Snyder, longa tem estreia prevista para 16 de novembro no Brasil 

A Warner Bros. Pictures divulga nova arte do aguardado Liga da Justiça. A imagem destaca Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Ciborgue e Flash prontos para o combate, além de reforçar a união do time de super-heróis.

JSTLG - BPO Fight 1sht_2659x4096.jpg

Anúncios

ZECA PAGODINHO ENCERRA A TURNÊ “SER HUMANO” NA CAPITAL PAULISTA COM SHOW NO CITIBANK HALL

Após viajar pelas principais capitais do país, pelos EUA e por países da Europa, Zeca encerra a turnê no dia 04 de novembro, às 22h30

Um dos sambistas mais respeitados e queridos pelo Brasil está de volta ao Citibank Hall. Após viajar pelas principais capitais do país, pelos EUA e por vários países da Europa como Portugal, Inglaterra, Holanda e Alemanha, Zeca Pagodinho encerra a turnê do show  “Ser Humano”, na capital paulista dia 04 de novembro, no Citibank Hall. O show, que tem como marca registrada a singularidade de Zeca, irá mesclar alguns de seus últimos lançamentos, com clássicos de seus mais de 30 anos de carreira.
2017-07-23-Murillo_Tinoco_056.jpg
Zeca Pagodinho se apresenta, em novembro, no Citibank Hall. (Foto: Murillo Tinoco)

Clientes dos cartões Citi e Diners Club contarão com pré-venda exclusiva entre os dias 12 e 16 de outubro. A venda para o público em geral estará disponível a partir do dia 17 de outubro. Os ingressos poderão ser adquiridos pela internet (www.ticketsforfun.com.br), nos pontos de venda espalhados pelo Brasil e na bilheteria do Citibank Hall. O show é realizado pela TIME FOR FUN.

O sambista promete fazer a alegria do público nesta despedida com sambas do álbum como  “Amor pela Metade” (Dunga e Gabrielzinho do Irajá), a música que dá nome ao CD e à turnê “Ser Humano” (Claudemir, Marquinho Indio e Mário Cleide), entre outras.

Além dessas, os fãs irão ouvir clássicos de seus mais de 30 anos de carreira como “Coração em Desalinho”, “Judia de Mim”, “Verdade”, “Maneiras”, “Deixa a Vida Me Levar”, “Uma Prova de Amor”, “Faixa Amarela”, “Samba Pras Moças”, “Não Sou Mais Disso” e também o samba “Toda Hora” (Moacyr Luz e Toninho Geraes) que faz parte do mais recente CD do projeto Quintal do Pagodinho. Zeca sobe ao palco com a Muleke, banda que o acompanha durante toda sua trajetória artística. A direção musical é de Paulão 7 Cordas.

O artista este ano ganhou uma grande homenagem através do musical “Zeca Pagodinho – Uma História de Amor ao Samba”, com texto e direção de Gustavo Gasparini. A peça foi apresentada no Teatro Net Rio e tem como projeto chegar a São Paulo em 2018. Segundo Gasparani, o texto trata da “saga de um herói suburbano”.

Depois do encerramento da turnê, Zeca Pagodinho irá se concentrar na escolha de repertório do próximo trabalho que deverá ser lançado no primeiro semestre do ano que vem. O público do Citibank Hall pode esperar uma apresentação de muito samba da melhor qualidade.

 

ZECA PAGODINHO
CITIBANK HALL – SÃO PAULO
Realização: TIME FOR FUN
Copatrocínio: Antarctica
Meio preferencial de pagamento: Citi.
Data: Sábado, dia 04 de novembro de 2017
Horário: 22h30
Local: Citibank Hall SP – Av. das Nações Unidas, 17.955 – Santo Amaro – São Paulo (SP).
Capacidade: 3.873 pessoas.
Duração: Aproximadamente 1h40.
Ingressos: De R$ 50 a R$ 240 (ver tabela completa).
Classificação etária: De 12 a 14 anos: permitida a entrada acompanhados dos pais ou responsáveis legais.
De 15 anos em diante: permitida a entrada desacompanhados.
Abertura da casa: 1h30 antes do espetáculo.
Acesso para deficientes
Ar-condicionado                                                                                               
Venda de ingressos no site: www.ticketsforfun.com.br
Venda a grupos: grupos@t4f.com.br
Estacionamento (terceirizado): R$ 50.

Record lança edição oficial do diário de Anne Frank em quadrinhos

image004 (2).jpgUma das principais obras do século XX, “O diário de Anne Frank” até hoje emociona leitores no mundo inteiro e não sai das listas de livros mais vendidos no Brasil. Agora, 70 anos após sua primeira publicação, o diário chega pela primeira vez às livrarias em formato de quadrinhos.

O texto foi adaptado pelo roteirista e cineasta Ari Folman e pelo ilustrador David Polonsky. Os dois são também o time por trás de “Valsa com Bashir”, HQ que deu origem ao filme de animação homônimo indicado ao Oscar. “O diário de Anne Frank em quadrinhos” será lançado em cerca de 50 países e, aqui no Brasil, chega às livrarias no início de outubro. A Record é a editora brasileira de “O diário de Anne Frank”, e agora também de sua única versão oficial em quadrinhos.

No diário – que ela trata como uma amiga e chama carinhosamente de Kitty –, Anne narra o cotidiano de sua família, que tenta se esconder do regime nazista em meio à Segunda Guerra Mundial; faz observações que vão do engraçado ao profundo sobre o mundo ao seu redor; e reproduz os conflitos clássicos de uma adolescente, com direito à primeira paixão e às brigas com a irmã, por exemplo. A transformação para o formato em quadrinhos não foi fácil e, em nota no fim da edição, os autores comentam algumas de suas escolhas, como a decisão de reproduzir páginas inteiras e inalteradas de texto quando julgassem necessário; e de transformar os períodos de depressão e desespero de Anne em cenas fantásticas ou com aura de sonho.

Além de ter se tornado um grande símbolo de resistência ao Holocausto e de ter ajudado a popularizar, ao longo de 70 anos, uma história que não deve ser esquecida, Anne era também uma escritora talentosa, e a versão em HQ de seu diário realça alguns dos melhores momentos de sua escrita. “Pareceu-me inconcebível que uma garota de 13 anos fosse capaz de um olhar tão maduro, poético e lírico sobre o mundo à sua volta e traduzisse o que via em registros concisos e questionadores, transbordando de compaixão e humor, com um grau de autoconsciência que eu raramente encontrei no mundo adulto, muito menos entre crianças”, escreve Ari Folman na nota dos autores.

No Brasil, a versão definitiva de “O diário de Anne Frank”, autorizada por Otto Frank e publicada pela Record, já vendeu quase 1 milhão de exemplares.

“Uma iniciativa da Fundação Anne Frank, com quem a Record trabalha em parceria exclusiva desde a década de setenta, quando Otto Frank em pessoa assinou conosco o contrato de edição em português da versão editada por ele das memórias da filha, ‘O diário de Anne Frank em quadrinhos’ é um acréscimo valioso ao nosso esforço conjunto de divulgação dessa emocionante história, que deve ser lida por todos, e nunca esquecida. A edição em quadrinhos vem atender à demanda por um formato e uma linguagem com maior apelo entre os mais jovens, e será uma nova porta de entrada para se conhecer o texto de Anne Frank”, descreve Renata Pettengil, editora-executiva da Record.

CONFIRA O PRIMEIRO TRAILER LEGENDADO E ARTE DE TOMB RAIDER – A ORIGEM

Com direção de Roar Uthaug, longa tem estreia prevista nos cinemas brasileiros em 15 de março de 2018

 A Warner Bros. Pictures divulga o primeiro trailer legendado e a primeira arte de Tomb Raider – A Origem. O trailer traz diversas cenas de ação de Lara Croft, interpretada pela atriz Alicia Vikander. Já as artes trazem a atriz com a tradicional roupa do personagem com um mar ao fundo.

TMRDR - BPO Teaser 1sht_2764x4096.jpg

Sobre o filme

Lara Croft é a independente filha de um excêntrico aventureiro que desapareceu quando ela mal tinha chegado à adolescência. Agora, uma jovem de 21 anos sem nenhum foco ou propósito na vida, Lara faz entregas de bicicleta nas caóticas ruas de Londres, ganhando apenas o suficiente para pagar o aluguel, e cursa a faculdade, raramente conseguindo ir às aulas. Determinada a forjar seu próprio caminho, ela se recusa a tomar as rédeas do império global de seu pai com a mesma convicção com que rejeita a ideia de que ele realmente se foi. Aconselhada a enfrentar os fatos e seguir em frente depois de sete anos sem seu pai, Lara busca resolver o misterioso quebra-cabeças de sua morte, mesmo que nem ela consiga entender a sua motivação.

 Contrariando os pedidos finais de seu progenitor, ela deixa tudo para trás em busca do último destino em que ele foi visto: um lendário túmulo em uma mítica ilha possivelmente localizada ao longo da costa do Japão. Mas sua missão não será fácil, já que a jornada para a ilha será traiçoeira. De repente, os riscos não podem ficar mais altos para Lara, que – contra todas as probabilidades e armada apenas com sua mente afiada, fé cega e espírito naturalmente obstinado – deve aprender a ultrapassar seus limites enquanto viaja para o desconhecido. Se sobreviver aos perigos dessa aventura, ela pode enfim encontrar um propósito para sua vida e tornar-se digna do nome Tomb Raider.

Da Warner Bros. Pictures e Metro-Goldwyn-Mayer Pictures, Tomb Raider – A Origem é a história que vai colocar uma jovem e resoluta Lara Croft em um caminho para se tornar uma heroína global. O filme conta com a ganhadora do Oscar Alicia Vikander (“Ex_Machina: Instinto Artificial”, “A Garota Dinamarquesa”) no papel principal de Lara Croft, direção de Roar Uthaug (“A Onda”), produção do ganhador do Oscar Graham King (“Os Infiltrados”) sob a bandeira da sua GK Films. A produção do filme começou na esteira do 20º aniversário da popular franquia de jogos de videogame da Square Enix, Crystal Dynamics e Eidos Montreal.

Tomb Raider – A Origem também tem em seu elenco Dominic West (“Jogo do Dinheiro”, “300”), Walton Goggins (“Os Oito Odiados”, “Django Livre”) e Daniel Wu (série de TV “Into the Badlands”).

Filmado em locações na África do Sul e Reino Unido, Uthaug dirige a partir do roteiro escrito por Geneva Robertson-Dworet. O time criativo nos bastidores inclui o diretor de fotografia George Richmond (“Missão: Impossível – Nação Secreta”); o designer de produção Gary Freeman (“Malévola”); o editor indicado ao Oscar Stuart Baird (“007 – Operação Skyfall”, “A Montanha dos Gorilas”); e o figurinista Tim Wonsik (figurinista principal, “Guardiões da Galáxia”, “Capitão América: O Soldado Invernal”).

Tomb Raider – A Origem, que tem estreia prevista para 15 de março de 2018, será distribuído pela Warner Bros. Pictures, uma empresa da Warner Bros. Entertainment, e em territórios selecionados pela MGM.

Nova série de Audrey Carlan chega às livrarias pela Verus

image003.jpgApós o sucesso de “A garota no calendário”, a Verus lança “Corpo”, primeiro volume da série Trinity, de Audrey Carlan.

Aos 24 anos, Gillian já passou por momentos mais dolorosos que muita jovem da mesma idade. Por anos ela viveu um relacionamento abusivo com o seu último namorado até conseguir o suporte de uma importante organização beneficente de apoio a mulheres que sofrem violência doméstica. Agora ela está livre e segura trabalhando como gerente nesta mesma instituição.

Em um bar, após uma cansativa viagem de trabalho, Gillian conhece Chase. A atração entre os dois é imediata, até ela descobrir que o executivo é o presidente do conselho de sua empresa. Gillian precisa decidir entre o medo de confiar em um homem novamente e o desejo de ter Chase ao seu lado.

Audrey, que começou com uma publicação independente na internet, foi contratada pela editora Waterhouse Press em 2015. Atualmente possui mais de 20 livros publicados e é best-seller do The New York Times. “Corpo”, nova série erótica da autora, chega às livrarias este mês.

Audrey Carlan mora em algum lugar da Califórnia com seus dois filhos e o marido. Quando não está escrevendo, está dando aulas de yoga, bebendo um bom vinho com suas melhores amigas ou devorando um romance super apimentado.

O casamento pelo ponto de vista masculino

image005.jpgDepois de seis anos de namoro, Danilo Radke e a namorada resolveram noivar. A nova fase do relacionamento significou não apenas morar junto, mas também gerou a criação de uma página com crônicas diárias sobre a vida a dois. Há quase um ano, Danilo dá a sua versão sobre o casamento, sempre com muito humor, na página “Putz casei”, que hoje já soma mais de 310 mil curtidas.

O sucesso no mundo online ganha versão física em “Putz casei”, livro que será lançado pela BestSeller durante a Bienal do Livro do Rio de Janeiro. Nele, o autor exemplifica situações em que qualquer um pode se identificar. A obra começa com “Os dez mandamentos do homem casado”, que incluem “não usar o nome da mulher em vão” e visitar os pais no final de semana. Futebol? Só mesmo aos domingos e apenas se a esposa não quiser ver outra programação na TV. De forma irreverente, Danilo também fala sobre jantar fora, brigas, parcelas no cartão de crédito e ensina o caminho da felicidade.

Com 28 anos e formado em publicidade, Danilo descobriu o talento para o humor no Twitter, onde ele postava suas piadas. A partir daí, foi ganhando seu público até ser convidado por comediantes para fazer Stand Up Comedy.

O autor estará no Estande do Grupo Editorial Record para o lançamento do livro com sessão de autógrafos, dia 8 de setembro a partir das 11h.

Sobre o autor: Danilo Radke é publicitário e comediante. Em 2016 foi morar junto com a noiva e ter uma vida de casado. Já no primeiro mês resolveu criar a página no Facebook “Putz casei” para compartilhar o ponto de vista masculino.

Record lança edição especial de “O martelo das feiticeiras”

image005.jpgUm clássico editado por muitos anos pelo selo Rosa dos Tempos, criado por Rose Marie Muraro, Ruth Escobar e Laura Civita, e depois incorporado ao Grupo Editorial Record, “O martelo das feiticeiras” volta às livrarias em edição capa dura e novo projeto gráfico. Pela primeira vez, sairá pela editora Record. A nova edição mantém a importante introdução de Rose Marie, que contextualiza a condição feminina no mundo, os mitos de criação, a origem das sociedades patriarcais e, principalmente, os motivos da perseguição às mulheres no período da Inquisição.

Escrito pelos inquisidores Heinrich Kramer e James Sprenger, o livro é um manual feito a partir da bula do papa Inocêncio VIII, documento que propõe o fim de “toda a depravação herética” e o livramento dos “demônios”, “encantamentos” e “feitiçarias” dos infiéis. Essa espécie de guia autorizava a perseguição, a tortura e a morte perpetrada contra as mulheres, que, por possuírem saberes de cura do corpo e da alma, passaram a ser consideradas bruxas.  Como tal, deveriam morrer.

O livro é dividido em três partes: na primeira, explica como reconhecer os demônios e como se manifestam na bruxaria; a segunda classifica os malefícios e mostra como lidar com eles; a terceira ensina como julgar e cumprir as sentenças dos hereges.

Mas por que as mulheres se tornaram a maior ameaça à sociedade patriarcal e às principais estruturas de poder a partir do final do século XIII?

“Desde a mais remota antiguidade, as mulheres eram as curadoras populares, as parteiras, enfim, detinham saber próprio, que lhes era transmitido de geração em geração. Em muitas tribos primitivas eram elas as xamãs. Na Idade Média, seu saber se intensifica e aprofunda. As mulheres camponesas pobres não tinham como cuidar da saúde, a não ser com outras mulheres, tão camponesas e tão pobres quanto elas. Elas (as curadoras) eram as cultivadoras ancestrais das ervas que devolviam a saúde, e eram também as melhores anatomistas do seu tempo. Eram as parteiras que viajavam de casa em casa, de aldeia em aldeia, e as médicas populares para todas as doenças. Mais tarde elas vieram a representar uma ameaça. Em primeiro lugar, ao poder médico, que vinha tomando corpo através das universidades no interior do sistema feudal. Em segundo, porque formavam organizações pontuais (comunidades) que, ao se juntarem, estruturavam vastas confrarias, as quais trocavam entre si os segredos da cura do corpo e, muitas vezes, da alma. Mais tarde, ainda, essas mulheres vieram participar das revoltas camponesas que precederam a centralização dos feudos, os quais, posteriormente, dariam origem às futuras nações”, escreve Rose Marie Muraro na introdução do livro.

Destiny 2 ganha trailer inédito de lançamento

A humanidade ruiu. O vilão Dominus Ghaul chegou à Terra com a sua armada da Legião Vermelha para reivindicar o poder que ele acredita ser o único a merecer. Reúna-se com os sobreviventes e levante-se contra Ghaul antes que tudo esteja perdido.

Destiny 2 traz uma dramática e cinemática campanha com uma variedade de atividades para todos tipos de jogadores, inclusive àqueles que gostam de jogar sozinho, em multiplayer cooperativo ou competitivo com novos lugares para explorar e aventuras inéditas para viver. Destiny 2 será lançado em 6 de setembro para PlayStation 4 e Xbox One e estará disponível para PC em 24 de outubro via Battle.net®, o serviço online de games da Blizzard Entertainment.

A batalha pela humanidade continua em As Brigadas Fantasma

Aleph lança continuação de Guerra do Velho, série de John Scalzi

unnamed

A Editora Aleph acaba de lançar As Brigadas Fantasma, a aguardada continuação de Guerra do Velho, livro que vendeu mais de 14 mil exemplares. John Scalzi, escritor da série, é um dos principais nomes da ficção científica contemporânea. Ganhador dos prêmios Hugo e Locus, o autor conquistou público, crítica e mercado. Em 2015, fechou um contrato com a editora Tor Books de cerca de US$ 3,4 milhões, para publicar 13 livros nos próximos 10 anos.

Diferente do primeiro livro da franquia, As Brigadas Fantasma leva o foco para a atuação de Jane Sagan, líder de um esquadrão das Brigadas Fantasma, que, antes de poder se aposentar e buscar sua individualidade, precisa impedir uma guerra entre espécies, ao mesmo tempo em que caça algo inédito em suas tropas: um traidor.

Durante as várias missões em que atuaa tenente descobre uma armadilha sendo armada contra a humanidade, um genocídio planejado detalhadamente com base na cooperação, até então inédita, entre três espécies — e um humano. Para lidar com esse novo desafio, não existem ninguém melhor do que os soldados das Brigadas Fantasma.

Apesar de carregar toda a expectativa causada pelo sucesso de Guerra do Velho, As Brigadas Fantasma é capaz igualar (e até superar) seu predecessor e surpreender o leitor com uma história dinâmica, leve e inteligente, como já é característico de Scalzi, mas sem deixar de fora discussões importantes como questões de identidade e política.

ASSISTA AGORA AO CLIPE DE “SOMETHING NEW” DO WIZ KHALIFA

A faixa conta com a participação de Ty Dolla $ign e já está disponível em todas as plataformas digitais

Wiz Khalifa esquentou o começo da semana com o lançamento do clipe de “Something New” e convidou uma galera de peso para uma pool party.

A faixa feita em colaboração com Ty Dolla $ign estará em seu novo álbum“Rolling Papers 2”.

No videoclipe dirigido por Bryan Barber, Wiz Khalifa e Ty Dolla $ign curtem uma super pool party ao lado de Demi Lovato, Jamie Foxx, G-Eazy, Juicy J e o ex-lutador do UFC Chuck Liddel.