Arquivo da categoria: Turismo

Seis trilhas para fazer em Seychelles

Seychelles é um destino ideal para quem gosta de aproveitar a natureza. Com metade de suas terras protegidas, o viajante que chega no arquipélago encontra um local preservado, sem poluição, com uma área verde enorme e uma rica diversidade de flora e fauna. Quem gosta de fazer trilhas e se aventurar floresta adentro tem um prato cheio para explorar nas ilhas, ainda mais por causa do terreno montanhoso do destino que garante vistas incríveis durante as caminhadas. Veja abaixo uma lista de trilhas para fazer durante a viagem:

Credito-Silhouette-Cruises-baixa.jpg
Seychelles oferece trilhas exuberantes. (Foto: Silhoutte Cruises)

Morne Blanc – O caminho percorrido dentro do Parque Nacional Morne Seychelles, na ilha principal Mahé, é uma subida contínua que corta florestas até o topo da montanha Morne Blanc, com vistas panorâmicas da costa oeste da ilha. Durante o primeiro trecho da trilha o viajante passa por uma antiga plantação de chá e o cenário vai mudando ao longo do passeio, com musgos e samambaias cobrindo as superfícies e muitas jaqueiras. As vistas ao final da trilha são espetaculares e podem ser contempladas de uma plataforma no topo da montanha. Há muitos pássaros que podem ser avistados dali também, já que costumam fazer seus ninhos em áreas de florestas montanhosas.

Salazie – A trilha localizada em Praslin, segunda maior ilha do arquipélago, tem um início fácil que passa por florestas de mogno e plantações de chá e vai se tornando mais desafiadora, percorrendo florestas mais densas e um caminho estreito, até chegar a uma propriedade privada.

Glacis Trois Frères – com altitude de 300 metros, a trilha oferece uma vista incrível da capital de Seychelles, Victoria, do Parque Marinho Ste. Anne e de outras ilhas ao leste de Mahé, onde está localizada. Em dias claros e com bastante visibilidade é possível até mesmo enxergar Praslin e La Digue.

Anse Major – uma trilha relativamente fácil de ser percorrida passa pela costa rochosa à noroeste de Mahé e presenteia os aventureiros com a bela e pequena praia isolada de Anse Major.

Cassedent – com uma caminhada longa de subidas e descidas contínuas em meio a palmeiras e árvores endêmicas, a trilha termina em uma cachoeira e é um local excelente para descanso. Também localiza-se em Mahé.

Mission Lodge – um dos mais famosos pontos de observação de Mahé, o Mission Lodge oferece vistas lindas do Oceano Índico e das montanhas verdes de Seychelles, além de ser um ponto importante na história e cultura do país. Há uma pequena estrutura de madeira para contemplar o horizonte que já recebeu a visita até mesmo da realeza britânica para o chá.

“The winter is coming”: 5 praias nordestinas para fugir das baixas temperaturas do sul!

Na saga “Game of Thrones” cuja sétima temporada vem sendo aguardada ansiosamente pelos fãs, em Julho, o grande desafio é sobreviver ao inverno muitos graus abaixo de zero e derrotar o inimigo sem morrer ou congelar. Na nossa realidade, o calendário marca a chegada da estação mais gelada do ano. Não há nada que os amantes das altas temperaturas possam fazer para evitar o frio que se aproxima, no entanto, sempre existe a possibilidade de migrar para o norte e fugir, mesmo que por poucos dias, da estação mais fria do ano para aproveitar o calor e curtir uma praia em pleno inverno.

Aqui vai portanto, uma dica boa com  5 praias do nordeste onde o inverno não tem vez! Confira a lista, prepare as malas e #partiu calor!

1-    Pratagy, Alagoas

imagem_release_975357
(Foto: Divulgação)

Na capital alagoana, a sugestão fica por conta da paradisíaca e deserta Praia de Pratagy, que é uma das mais belas e tranqüilas de Maceió. Destaque para o exuberante contraste de cores oferecido pelo local, que se vê envolto não só pela imensidão azul turquesa do mar que banha a alvíssima areia da praia, mas também pela presença do sol, presente de janeiro a janeiro. Quem quiser tornar a experiência ainda mais cômoda, o Pratagy Beach All Inclusive Resort surge como opção de hospedagem…

2-    Jericoacoara, Ceará

imagem_release_975371
(Foto: Divulgação)

Jericoacoara está longe de ser uma praia comum. O lugar ésimplesmente fantástico! Tanto é que, em 1994, o jornal The WashingtonPost classificou a praia cearense com uma das dez mais bonitas doplaneta. Cerca de 20 anos depois, o portal de notícias americano TheHuffington Post selecionou Jericoacoara como a quarta melhor praia domundo. Bem, com tantas recomendações assim, está claro que o lugarnão deve ficar de fora do seu roteiro, não é mesmo? Jericoacoara fica a 300 km deFortaleza e é uma excelente opção para fugir do frio…

3-    Praia do Francês, Alagoas

imagem_release_975372
(Foto: Divulgação)

Localizada a apenas 18 quilômetros de Maceió, no município de Marechal Deodoro, a Praia do Francês, que leva esse nome por conta da exploração de contrabandistas franceses, é reconhecida tanto pela sua exuberante beleza, quanto pela boa infra-estrutura. Bastante procurada por surfistas, por oferecer as “melhores ondas” do estado alagoano, o local oferece diversos atrativos, como passeios de barcos e visitação as famosas piscinas naturais do estado.

4-    Praia da Pipa, Rio Grande do Norte

imagem_release_975373
(Foto: Divulgação)

A 85 quilômetros de distância da capital Natal, no município de Tibau do Sul, a estonteante Praia da Pipa se destaca por oferecer tranquilidade e badalação na mesma proporção, agradando assim os mais variados perfis de viajantes. O local dispõe de diversas opções de atividades, que variam desde passeios de barcos e buggy a mergulho com golfinhos. A Baía dos Golfinhos, aliás, é um ótimo ponto de observação desses simpáticos animais.

5-    Porto de Galinhas, Pernambuco

imagem_release_975374
(Foto: Divulgação)

Famosa pela diversidade de belezas naturais, esta belíssima praia pernambucana, localizada a apenas 50 quilômetros de Recife, no município de Ipojuca, encanta tanto pela tonalidade da água, quanto pelo rico ecossistema marinho, onde a fauna e flora exibem-se em meio os paradisíacos recifes de corais.

A fascinante cidade de Olomouc

Olomouc barroca
Por toda parte é possível apreciar o estilo artístico dos séculos XVII e XVIII.  A arquitetura barroca está representada não apenas nos  vários monumentos históricos mais interessantes da UNESCO, como também nos monumentos sacros locais e na fortificação municipal.  A Coluna barroca da Santíssima Trindade (sloup Nejsvětější Trojice) é seu monumento histórico mais importante. Com 35 metros de altura este é o grupo escultórico mais alto da República Tcheca. Outro local barroco de destaque se eleva acima da cidade, na colina Svatý Kopeček. Ali se encontra a basílica barroca da Visitação da Virgem Maria (bazilika Navštívení Panny Marie), com uma maravilhosa decoração interior. Sendo um importante lugar de peregrinação,há sempre muitos peregrinos por lá.

ViewImage.jpg
Olomuc tem diversas atividades para os turistas. (Foto: Divulgação)

Passeio no zoo
Na colina Svatý Kopeček se encontra, além da basílica da Visitação da Virgem Maria, também o  Jardim Zoológico de Olomouc (Olomoucká zoologická zahrada). Famoso sobretudo por seu aquário de tubarões, que é o maior da República Tcheca, ali também fica uma torre mirante, da qual é possível observar toda a cidade de Olomouc. O Jardim Zoológico fica aberto todo o ano e na temporada alta o ingresso custa 110 CZK para adultos e 70 CZK para crianças. Da cidade, várias linhas de ônibus vão diretamente à colina Svatý Kopeček .

Queijinhos curados de Olomouc (Olomoucké tvarůžky)
Os queijinhos curados de Olomouc (Olomoucké tvarůžky), conhecidos por seu intenso odor, ganharam este nome nos mercados onde eram vendidos e ainda que não sejam fabricados diretamente em Olomuc, estão fortemente ligados à cidade. São vendidos em lojas especializadas e, combinados com a cerveja local, possibilitam uma experiência gastronômica fora de série.

Venda do Olomouc card
Quem decidir ir a Olomouc pode adquirir o Olomouc card, cartão turístico com o qual é possível visitar sem pagar nada 78 lugares muito interessantes, não apenas em Olomouc, mas também na Morávia Central e nas montanhas Jeseníky. No preço do cartão está incluído também o transporte público na cidade. Comprando o cartão recebe-se grátis um guia prático com informações sobre as atrações onde o cartão pode ser usado. Há opções para 48 horas por 240 CZK, ou para 5 dias por 480 CZK. À venda no Escritório de Turismo de Olomouc.

Mônaco homenageia o ídolo Ayrton Senna

Em 2017, Brasil e Mônaco comemoram 30 anos da primeira vitória de Ayrton Senna no circuito de Fórmula 1 de Monte-Carlo. Considerado o único “rei de Mônaco”, o brasileiro é até hoje o maior vencedor da etapa mais charmosa da corrida e subiu ao pódio de Mônaco seis vezes durante sua carreira, sendo cinco delas seguidas.

15-JerryAndré-living-baixa-1024x682.jpg
Mônaco homenageia os 30 anos da primeira vitória de Ayrton Senna nas ruas de Monte-Carlo. (Foto: Divulgação)

Esta conquista tão importante fez com que Senna se tornasse um ídolo não apenas em seu país de origem, mas também no pequeno principado europeu. Um dos principais museus do país, por exemplo, o Acervo de Carros Antigos, coleção pessoal do príncipe Rainier III com cerca de 100 veículos de todos os tipos e épocas, tem uma seção reservada apenas ao piloto brasileiro.

Em celebração ao aniversário da primeira conquista em Monte-Carlo, foram planejadas diversas ações no destino. Uma delas foi a inauguração de uma placa comemorativa de Ayrton Senna pelo príncipe Albert II, no mês de maio, em frente ao hotel Fairmont Monte-Carlo, localizado na curva mais famosa da pista de F1. O hotel também inaugurou recentemente uma suíte temática em homenagem ao piloto, com a presença da sobrinha de Senna e gerente geral do Instituto Ayrton Senna, Bianca Senna. O espaço de 90 metros quadrados dedicado ao tricampeão mundial possui fotos da coleção, livros e outros itens que pertenciam a ele, como um capacete original de 1987 e o volante autografado da Lotus 99T.

Mônaco é um destino perfeito para celebração e para vivenciar experiências únicas. Quem gosta de carros e corridas tem um prato cheio para degustar no principado. Além dos luxuosos veículos esportivos e do museu de carros antigos, ainda é possível alugar um carro e percorrer as ruas do principado que se transformam no circuito de Monte-Carlo, explorando cada curva que os pilotos correm todos os anos.

No Alentejo, Festival Músicas do Mundo celebra diversidade musical

19ª edição do evento acontece entre 21 e 29 de julho na cidade de Sines, no litoral alentejano

De 21 a 29 de julho, a cidade alentejana de Sines, em Portugal, se tornará palco de um dos espetáculos mais impressionantes para os amantes da música, o Festival Músicas do Mundo (FMM). Com a promessa de ser tão marcante quanto as edições anteriores, o evento reunirá artistas de todos os cantos do globo para mostrarem seu talento entre as belezas do litoral alentejano.

Gustavito & A Bicicleta - Créditos de Henrique Bocelli.jpg
Gustavito & A Bicicleta se apresentam no Festival Músicas do Mundo. (Foto: Henrique Bocelli)

Tocando do jazz ao folk, o FMM já atraiu quase um milhão espectadores com a motivação de celebrar as diferentes culturas musicais. Já são 34 atrações confirmadas, incluindo artistas brasileiros, durante os nove dias de evento que terão muita diversão e música boa.

O rapper Emicida, cultuado por suas rimas sobre a complexidade de ser negro no Brasil, as bandas Metá Metá e Gustavito & A Bicicleta, e o cantor Makely Ka integram as participações brasileiras. Artistas do Equador, Cabo Verde, Coreia do Sul e Costa do Marfim também irão agitar o festival.

Os palcos serão montados nos principais pontos turísticos de Sines e na aldeia de Porto Covo – que faz parte do mesmo distrito – e incluem o Castelo de Sines, a Avenida Vasco da Gama, o Centro de Artes de Sines e o Largo Marquês de Pombal.

Confira a agenda completo e mais informações do festival no site www.fmmsines.pt.

Serviço

Data: 21 a 29 de julho
Cidade: Sines (Alentejo – Portugal)
Palcos:
Castelo de Sines
Av. Vasco da Gama
Largo Marquês de Pombal, em Porto Covo
Centro de Artes de Sines

GOL lança check-in por reconhecimento facial no celular

O recurso de Selfie Check-In já pode ser utilizado por todos os clientes em voos nacionais e internacionais da companhia

O Selfie Check-In da GOL, recurso que usa o reconhecimento facial para a realização do check-in, já está disponível para todos os clientes da companhia, por meio do aplicativo da ​empresa no celular. A GOL é a primeira aérea no mundo a oferecer essa possibilidade aos passageiros, tanto em voos domésticos quanto internacionais.

Para usar a ferramenta, basta baixar e abrir o aplicativo GOL no smartphone ou tablet e fazer um cadastro da biometria facial, sem necessidade de inclusão de qualquer outro dado adicional, nem mesmo o localizador da viagem. Nos próximos voos, o check-in poderá ser feito no aplicativo apenas com o reconhecimento facial do cliente.

ViewImage.jpg
GOL lança Selfie Check-In. (Foto: Divulgação)

A novidade foi anunciada em maio, e desde então, esteve em testes internos e também com alguns clientes para verificação e apuração da ferramenta. Agora, todos os passageiros já poderão usufruir deste recurso inédito.

A GOL tem investido em novos recursos em seu aplicativo para se aproximar do consumidor e proporcionar aos passageiros um processo de viagem cada vez mais simples e ágil. As ações da companhia no mobile garantiram a GOL uma importante classificação no ranking MDEX, entre as empresas brasileiras com melhor desempenho neste quesito.

O Selfie Check-In foi implementado pela área de tecnologia da GOL em parceria com a FullFace Biometric Solutions, empresa que disponibilizou a tecnologia para reconhecimento facial. A FullFace é uma empresa especializada em identificação de pessoas, que desenvolveu uma tecnologia de fácil integração com hardware e software, facilitando processos de autenticação biométrico facial web e mobile. Com tecnologia inovadora e algoritmo próprio, a ferramenta garante 99% de precisão no reconhecimento biométrico individual a partir de 1024 pontos da face em menos de um segundo.

Além desta nova funcionalidade no aplicativo, a companhia ainda oferece aos seus clientes a possibilidade da realização do check-in por meio de outros canais, como os totens de atendimento, balcões e Twitter.

Clique aqui e entenda como funciona o Selfie Check-In!

Roteiro de 5 dias pela Ilha da Madeira

Confira lugares e atividades que não podem faltar em sua visita ao destino

Dotada de inúmeras belezas naturais, a Ilha da Madeira é um recanto paradisíaco em meio ao Oceano Atlântico. Com clima ameno o ano inteiro, conta com balneários excelentes, montanhas com vistas incríveis, monumentos históricos e ótimos restaurantes, além de atividades focadas em enoturismo e muito contato com a natureza.

Outro quesito importante é sua infraestrutura hoteleira, que mescla hotéis modernos e quintas decoradas em estilo provençal, cheias de charme. Se você está em busca do seu próximo destino de viagem, não deixe de conferir este roteiro de cinco dias pelo fabuloso arquipélago.

Este slideshow necessita de JavaScript.

1o dia

Funchal é o ponto de partida para desbravar a maior ilha do arquipélago, a Madeira. Essa pequena cidade cosmopolita esbanja cultura e boa comida. A Zona Velha possui bares e restaurantes ideais para provar lapas – um tipo de molusco local – e a poncha, bebida típica feita com aguardente de cana, limão e açúcar. Entre as atrações, visite o Mercado dos Lavradores, com arquitetura magnífica que oscila entre o Art Déco e o modernismo, e a famosa fábrica de bordados típicos da Madeira, a Bordal.

É dessa região que sai o famoso teleférico. A viagem até Monte, parte alta da cidade, dura cerca de 20 minutos e a paisagem é belíssima. No topo, o Jardim Tropical Monte Palace é imperdível. O espaço ocupa uma área de 70 mil metros quadrados e abriga uma rica e abundante coleção de plantas exóticas, provenientes dos quatro cantos do mundo, além de azulejaria portuguesa, coleções de arte e um museu com uma vasta exposição de minerais.

Na volta, utilize os carros de cesto para descer até o Livramento, metade do percurso para Funchal. Tradicional e divertido transporte madeirense, proporciona muita adrenalina aos turistas.

O centro da cidade também tem seus atrativos como a catedral e o Palácio de São Lourenço, além de concentrar a maior parte dos museus, entre eles, o Museu de Arte Sacra e o Museu da Madeira Wine, edifício com as adegas mais antigas da ilha.

2o dia

Caminhar por um dos inúmeros canais de irrigação, mais conhecidos como levadas, é obrigatório. São cerca de 2 mil quilômetros de caminhos que dão acesso aos cenários raros da floresta Laurissilva, nomeada Patrimônio da Humanidade. Aproveite para esticar o período de contato com a natureza e praticar diferentes esportes radicais como canyoning, rapel, mountain bike, entre outros. Para finalizar o dia, descanso e boa comida em um bom churrasco ao ar livre, a tradicional espetada.

3o dia

A Ilha da Madeira é reconhecida mundialmente pelos seus vinhos. Por isso, um passeio temático não poderia faltar. O tour sai de Funchal com sentido às vinhas de Câmara de Lobos, principal município vitícola e produtor da bebida. O trajeto ainda percorre regiões emblemáticas do norte da ilha, como São Vicente e Porto Moniz, e inclui provas em adegas, passeios pelas vinhas, almoço típico madeirense e muitas descobertas.

4o dia

É possível ir para Porto Santo – a outra ilha habitada do arquipélago – em avião ou barco. A forma mais comum é utilizar o ferry que sai pela manhã da Ilha da Madeira e retorna no fim da tarde. Seus extensos areais dourados lhe renderam o apelido de Ilha Dourada, já que percorrem praticamente toda sua costa sul e se unem ao mar azul turquesa. O clima é ideal para passar o dia todo na praia relaxando e curtindo a vista e a areia, que tem propriedades terapêuticas comprovadas. A água do mar do Porto Santo também é usada em tratamentos de talassoterapia, devido às quantidades elevadas de estrôncio, crômio e iodo, elementos benéficos para a saúde. Vila Baleira é a única cidade e abriga a Casa-museu Cristóvão Colombo, que recria o ambiente primitivo onde o famoso descobridor da América viveu.

5o dia

No último dia, aproveite para fazer atividades tranquilas, como um passeio de catamarã  pela costa chamado Rota dos Fajãs. Saindo da Marina de Funchal, o trajeto percorre todo o sudoeste da ilha até chegar a Ponta do Pargo, passando por cenários incríveis e, muitas vezes, ainda intocados. A embarcação faz uma longa parada para a prática de esportes aquáticos, como snorkeling, stand up paddle e caiaque. Também é possível observar a diversidade marinha e avistar golfinhos, baleias e tartarugas.

Quinta do Olivardo, em São Roque, celebra as raízes da Festa Junina

No Brasil, festejos estão ligados à cultura caipira, mas pouca gente sabe que esta tradição nasceu em Portugal

A chegada da temporada junina está animando os apaixonados pelos festejos caipiras e a Quinta do Olivardo, localizada em São Roque, mais uma vez, se destaca com a 2ª edição da Festa Junina Portuguesa da casa, que será realizada no dia 24/06, das 10 às 21h. A entrada é gratuita.

Será a oportunidade de o público conhecer de perto as raízes e as tradições desta festa que teve início em Portugal e depois caiu na graça dos brasileiros. Uma das tradições lusitanas são os manjericos.

Sem título.jpg
Quinta do Olivardo celebra festa junina no dia 24 de junho. (Foto: Divulgação)

Enquanto no Brasil, os casais apaixonados trocam correios elegantes, em Portugal os mancebos apaixonados entregam às moças um manjerico, um pequeno vaso de barro com um pezinho de manjericão. Conta a lenda que ao ganhar o manjerico, a moça deve cultivar com carinho a planta para que ela cresça e com ele o amor do casal perdure para sempre.

Os vasos são enfeitados com uma dobradura de papel em formato de uma flor de cravo e ao centro, é colocado uma bandeirola com um versinho apaixonado. E, durante a festa junina da Quinta do Olivardo, o público poderá vivenciar esta tradição.

Atrações para a família toda

A partir das 14h, um grupo de recreação animará as crianças com uma gincana que promete reunir toda a família. Às 16h, será a vez das tradicionais quadrinhas juninas se apresentarem e o público também poderá participar.

Às 18h, será a acesa a tradicional fogueira para, a partir das 19h, o grupo Guito Show Folk Music Brasil iniciar o grande baile, com a apresentação dos clássicos que animam as festas juninas.

Além de todas estas atividades, a 2ª Festa Junina Portuguesa da Quinta do Olivardo terá algumas delícias de tirar o fôlego, como a famosa a sardinha na brasa, o pão no prego, bolinho de bacalhau, linguiça no pão, mini espetada madeirense, queijo coalho assado, pastel de bacalhau, cuscuz, caldo verde, bolo do caco. Entre as bebidas: vinho quente, quentão, chocolate quente, vinhos Quinta do Olivardo e sucos de uva Quinta do Olivardo.

A origem da festa junina

A tradição da festa junina chegou ao Brasil junto com a coroa portuguesa. Nesta época, era comemorada apenas pela elite e era conhecido como Festa dos Santos Populares e Joanina, em homenagem a São João. Quem dançava a quadrinha eram apenas os nobres da corte, com seus vestidos bem rodados, enfeitados com rendas e pedras.

Diferentemente do Brasil, onde a festa é comemorada durante os meses de junho e julho, em Portugal os festejos são realizados em apenas um dia, no dia de São João ou Santo Antônio.

Como Chegar

A Adega e Restaurante Quinta do Olivardo está localizada no km 4 da Estrada do Vinho, em São Roque (SP), com acesso pelo km 58,5 da Rodovia Raposo Tavares (SP-270). Fica a 60 km de São Paulo e a 45 km de Sorocaba. Informações adicionais, fotos e vídeos estão disponíveis no site www.quintadoolivardo.com.br.

Serviço:

Festa Junina Portuguesa da Quinta do Olivardo

Data: 24 de junho

Horários: das 10 às 21h

Atrações:

14h – Gincana

16h – Quadrilha

18h – Fogueira

19h – Show banda Guito Show Folk Music Brasil

Endereço: km 4 da Estrada do Vinho, em São Roque (SP), com acesso pelo km 58,5 da Rodovia Raposo Tavares (SP-270). Fica a 60 km de São Paulo e a 45 km de Sorocaba.

Entrada gratuita

Lugares perfeitos para pedidos de casamento ao redor do mundo

O pedido de casamento é um momento inesquecível na vida de qualquer casal. Por isso, vale a pena dedicar algum tempo para planejar esse acontecimento e tornar a experiência ainda mais especial. O cenário contribui bastante para um pedido de casamento perfeito. Você já imaginou vivenciar esse momento em destinos incríveis como Barbados, Mônaco, Noruega ou Seychelles?

Confira abaixo algumas dicas de lugares incríveis para pedidos de casamento ao redor do mundo:

Barbados

UNNA-PF-Gallery-1-583375fde3eae
(Foto: Divulgação)

Poucas coisas são tão românticas quanto o cristalino Mar do Caribe. Isso combinado ao charme e exclusividade de Barbados é a receita perfeita para surpreender e garantir um “sim” no pedido de casamento. A dica é planejar um dia no Port Ferdinand, luxuoso resort à beira-mar. De lá é possível agendar um passeio privativo de barco, onde o pedido pode ser feito em meio à imensidão azul das águas caribenhas. Mais tarde é possível relaxar no spa e fazer uma refeição especial para celebrar o momento, tudo no próprio hotel.

Mônaco

Exclusive-Room-Sea-View-with-Balcony-1
(Foto: Divulgação)

Com uma atmosfera tranquila do Mediterrâneo e clima delicioso que envolve os casais em férias, Mônaco é um destino perfeito para celebrar o romance. As paisagens também inspiram com o azul do mar e cores pastéis da cidade. Até a língua oficial do país é o francês, conhecida como a melhor forma de expressar seu amor por alguém. O hotel Hermitage é um dos mais intimistas do Principado. Próximo ao célebre Cassino de Monte-Carlo, oferece um ambiente muito aconchegante com uma decoração belle epoque. Com seus elegantes terraços, piano-bar e restaurante premiado, o hotel é muito romântico e perfeito para um pedido de casamento. Assista ao vídeo.

Noruega

Noruega-Baixa
(Foto: Divulgação)

A Noruega é um destino com uma natureza incrível, repleta de fiordes, montanhas, geleiras, cachoeiras e fenômenos naturais como o sol da meia-noite no verão e a aurora boreal durante o inverno. Este último pode ser o plano de fundo perfeito para um pedido de casamento para casais aventureiros e amantes da natureza. A maior incidência da aurora boreal ocorre entre os meses de novembro e fevereiro, na região norte da Noruega. Por ser um fenômeno natural, não é possível ter certeza de quando ele acontecerá ou não, por isso é importante se planejar e ficar alguns dias em um mesmo local, sempre monitorando as condições climáticas. É possível organizar passeios guiados de caçada à aurora boreal e até mesmo contratar um fotógrafo profissional para registrar o momento, tudo isso através de agências de turismo locais.

Seychelles

lemuria-seychelles-2016-ab-nest-dinner-on-the-rocks-01
(Foto: Divulgação)

No Oceano Índico, próximo à costa leste do continente africano, há um arquipélago que já conquistou muitos casais, as Ilhas Seychelles. A paisagem paradisíaca, hotéis e serviços exclusivos e a tranquilidade de um lugar quase intocado pelo ser humano são algumas características do país, conhecido como um dos melhores destinos para viagens a dois. O Hotel Constance Lémuria é o local perfeito para um pedido de casamento. Ele está localizado na ilha de Praslin, na praia de Anse Georgette, uma das mais belas de todo o arquipélago. É possível organizar uma experiência incrível no hotel com transfer de helicóptero, acomodação em suíte ou villa, tratamentos de spa, refeições exclusivas e diversos serviços personalizados. O atendimento do hotel pode ajudar na preparação para um pedido de casamento perfeito e inesquecível.

Junho é o mês do catarinense no Costão

Residentes no Estado ou pessoas que nasceram em Santa Catarina e curtem Florianópolis têm a possibilidade de aproveitar a capital com descontos especiais

Para quem almeja viver novas experiências em Santa Catarina e aproveitar a capital, basta conferir as atrações que o Costão do Santinho Resort oferece aos catarinenses. Durante todo o mês de junho, o complexo tem 20% de desconto e condições especiais de pagamento para os moradores e nascidos em território catarinense. Uma opção de lazer e conforto para a família inteira.

ViewImage.jpg
Costão do Santinho Resort prepara programação especial para as férias de julho. (Foto: Divulgação)

Com o sistema VIP Inclusive, a alimentação e bebidas integram o pacote. Há três piscinas aquecidas para quem gosta de nadar e se divertir. O resort possui saunas seca e úmida. O SPA (serviço à parte) oferece mais de 50 opções de tratamento, com opções de cuidado para a beleza e saúde. Até as crianças podem aproveitar o espaço, que criou o Kids Massage especialmente para elas.

Ainda para a criançada, o Costão do Santinho tem programação diária exclusiva. Entre os destaques está o Costão Games, uma área de lazer com videogames de última geração e o Costão Mágico – um parque a céu aberto para crianças de 4 a 11 anos . O Costão Baby e Kids tem o Brinquedão (playground a céu aberto) e uma brinquedoteca com atividades supervisionadas pelos monitores. Outro local destinado aos pequenos é o restaurante infantil com menu e decoração diferenciados.

Frio em Florianópolis – A partir de junho, os hóspedes encontrarão um ambiente diferente e muitas novidades, com três hidromassagens e um ofurô ao ar livre. Poderão conferir uma boutique com artigos de inverno e no check–in de domingo a quarta-feira, os clientes receberão um voucher cortesia do Costão SPA.  Os pratos servidos nos restaurantes do resort ficarão com a cara do inverno, pois terão estações tematizadas, servindo delícias como fondue, galeto, pinhão, escondidinho, shawarma, quiches, caldos e sobremesas quentes.

O Costão do Santinho possui, ainda, quadra de saibro, quadra poliesportiva, campo de golfe e de futebol e academia completa.  Esta é a possibilidade dos catarinenses curtirem o outono/inverno perto de casa. As diárias para os catarinenses de 1 a 30 de junho estão a partir de R$ 812,00 (mínimo de três noites) para o casal e um bebê de até três anos em apartamento standard.

Para ter acesso à promoção, basta apresentar a carteira de identidade ou o comprovante de residência.