Arquivo da tag: Avalon Waterways

Na proa, os museus de Amsterdã

Cruzeiro fluvial da Avalon Waterways, exclusivo para brasileiros, ao término aporta em Amsterdã, aonde haverá tempo para explorar a cidade com a maior densidade mundial de museus, a começar pelos três mais importantes, na Musemplein

Amsterdã é a última cidade no roteiro do cruzeiro fluvial “Reno Retumbante” da Avalon Waterways – exclusivo para cruzeiristas brasileiros, a ocorrer entre o final de julho e início de agosto. A chegada a esta moderna e sofisticada cidade ocorre na manhã do penúltimo dia de viagem, imediatamente seguida por um passeio pelos canais. A tarde será livre para os cruzeiristas planejarem seus próprios programas. Entre as múltiplas escolhas destacam-se os museus, que têm em Amsterdã a maior densidade do mundo.

ViewImage (1).jpg
No Rijksmuseum, a história da Holanda desde o ano 1.100 ao presente. (Foto: Divulgação)

Dificilmente, uma única tarde será suficiente para saborear o encantador mundo das imagens e das cores que moram nos inúmeros museus da cidade. Mas, para os cruzeiristas, será fácil estender o tempo até o dia seguinte. Após a chegada a Amsterdã, o charmoso navio Avalon Felicity permanece ancorado no porto da cidade, para uma última noite a bordo (ou para descansar após uma boa noitada). Na manhã seguinte, após o café da manhã, ocorre o desembarque e o término do pacote. No caso de você reservar para a noite o seu voo de volta, poderá ir até o aeroporto (para táxi ou Uber, solicite auxílio ao recepcionista do hotel), guardar a bagagem, retornar à cidade e passar um dia inteiro a explorar Amsterdã.

Após acomodar a sua bagagem no aeroporto, você poderá retornar por ônibus ou trem subterrâneo diretamente à Museumplein, a Praça dos Museus, um dos mais visitados pontos turísticos de Amsterdã. Nela são localizados três entre os mais importantes museus da cidade – Van Gogh, Rijksmuseum, Stedelijk, e outros a pequenas distâncias. A Museumplein é palco para o imenso letreiro I amsterdã (três primeiras letras em vermelho, e as demais, em branco), cenário quase unânime para turistas clicarem suas fotos.

No Museu Van Gogh está a belíssima coleção de obras-primas do holandês de Zindert, uma das maiores expressões da pintura pós-impressionista; o Stedelijk exibe extraordinários conjuntos de arte moderna e contemporânea; e o Rijksmuseum – Museu Nacional, por conta da sua formidável coleção de arte e história holandesas, é considerado um dos maiores dentre os marcos culturais da Holanda. O Rijksmuseum acaba de lançar (final de janeiro, 2018) um aplicativo que pode ser baixado sem custo, com avançado sistema de navegação. O aplicativo, para acesso por smartphones, oferece escolha entre 14 turnês pelos interiores do museu; exposições, abordagem sobre as coleções; e e-tickets.

É também imperdível visitar o Museu Casa de Rembrandt, para perceber o homem atrás das suas encantadoras obras. A casa foi restaurada para mostrar o quarto, o estúdio e outros cômodos tal qual existiam nos anos do século 17, quando nela viveu Rembrandt van Rijn. Em endereço próximo, na Prins Hendrikkade 600 está o ARCAM (Architectuur Centrum Amsterdam). Embora não seja, exatamente, um museu, é a sugestão de visita para arquitetos e apreciadores da arte que ao longo do tempo vem moldando os perfis das cidades. Associando o desenvolvimento ocorrido no passado, no presente e até o que ocorrerá no futuro urbano de Amsterdã, o ARCAM é um centro de informações com exposições que deixam ver a história da arquitetura da cidade através de uma exposição permanente. O prédio, projeto do arquiteto René van Zuuk, tem interiores ultramodernos, assim como a fachada, a qual apresenta uma “dobra” que vem desde o teto em alumínio até ao chão. Aberto também aos domingos (dia do término do cruzeiro), das 13 às 17 horas. Entrada livre.

Transporte para retorno a partir do aeroporto – Por ônibus: linha 197 – compra de bilhete no próprio ônibus, ao custo de 2,90 euros por passageiro/viagem. É possível antecipar a compra para a viagem de volta ao aeroporto. Por trem: até a Estação Central, próximo à Museumplein, 5,20 euros passageiro/viagem, à venda nas máquinas da estação, no aeroporto; pode ser comprado com cartão de crédito; é necessário validar o bilhete em um dos totens localizados próximo à escada rolante de acesso à plataforma de embarque.

Exclusivo para cruzeiristas brasileiros, o pacote do cruzeiro Reno Retumbante, com 10 dias/nove noites de duração, inicia a 27 de julho (chegada ao aeroporto de Zurique, com traslado incluso para Lucerna) e termina em 05 de agosto, com todos os serviços e o atendimento a bordo customizados. Além das inclusões tradicionais da Avalon – dois pernoites em Lucerna; todas as refeições a bordo, com vinhos e cervejas no almoço e no jantar; e os passeios em terra, a XQ Viagens Especiais tem um pacote especial para esta saída, com acompanhante brasileiro desde o embarque; seguro de viagem e de cancelamento; passagem aérea; e opções de parcelamento. Preços a partir de USD 4.310 por passageiro em cabine dupla, externa. Roteiro detalhado e demais informações: www.xq.tur.br

Lisieux, exclusividade na rota fluvial Paris à Normandia

A partir de Caudebec, às margens do Sena, cruzeiro da Avalon oferece excursão por terra a Lisieux, na semana de celebrações que homenageiam Teresa Martin

Um instigante roteiro em terra faz parte do programa do cruzeiro fluvial da Avalon Waterways que começa e termina em Paris, após navegar pela Normandia. A saída da capital francesa será no dia 30 de setembro e, a partir de então, a cada parada um formidável passeio, entre eles, uma excursão a Lisieux – o segundo maior destino de peregrinação na França, depois de Lourdes. A data coincide com a semana das celebrações, em Lisieux, das homenagens a Marie Françoise Thérèse Martin – Teresinha do Menino Jesus, Carmelita Descalça canonizada pela Igreja católica em 1925. Para esta saída haverá acompanhante em português desde o Brasil.

ViewImage.jpg
Basílica Santa Teresa, em Liseux. (Foto: Divulgação)

Em Lisieux, o passeio mostrará os grandes símbolos que remetem à vida e clausura de Teresinha de Jesus: a casa da sua infância – Les Buissonnets; a catedral gótica; o Carmelo e a Basílica construída no século 20 em homenagem a ela, aonde há uma capela dedicada ao Brasil. A hospedagem em um hotel flutuante – o navio, é uma boa solução para visitar Lisieux naquele período, quando é complicado conseguir vaga nos hotéis locais por conta do grande número de peregrinos que visitam a cidade.

Enquanto rota turística fluvial, a excursão para Lisieux é exclusividade do cruzeiro Paris à Normandia – saída em 30 de setembro.  No dia 03 de outubro, navegando pelo Rio Sena, o cruzeiro aportará em Caudebec, de onde partirá a excursão.

Dentre os demais passeios em terra (todos guiados) do cruzeiro Avalon Paris à Normandia estão: Giverny, onde viveu Claude Monet; Les Andelys, o lugar escolhido por Ricardo Coração de Leão para construir (1196) o seu castelo-fortaleza, uma obra prima da arquitetura medieval; Auvers-sur-Oise, cidadezinha onde Vincent Van Gogh viveu por 43 anos.  Passeios também em Paris, ao final do cruzeiro (Catedral de Notre Dame; Museu do Louvre; Arco do Triunfo; Torre Eiffel).

A duração do cruzeiro Avalon “Paris à Normandia” é de sete noites de navegação, com preço a partir de USD 3.360 por pessoa, em cabine Premium. O preço inclui: todas as refeições a bordo, com cervejas e vinhos no almoço e no jantar; todos os passeios informados acima, inclusive a Lisieux e em Paris; taxas portuárias; transfers; e gorjetas.  O preço não inclui bilhete aéreo. Roteiro completo: www.xq.tur.br