Arquivo da tag: Bruce Springsteen

Bruce Springsteen e “A Música da Minha Vida”

Por Renata Lakatos

Recheado de referências políticas, preconceito racial e aceitação de costumes forçada, o filme A Música da Minha Vida traz elementos estranhos àqueles que não estão acostumados com o choque cultural vivido por imigrantes, causando um misto de inquietação e incômodo aos espectadores.

Inspirado no livro de memórias do jornalista Sarfraz Manzoor (Greetings from Bury Park) o filme conta a história do adolescente Javed (Viveik Kalra) – um britânico filho de paquistaneses – da pequena cidade de Luton, Inglaterra, no final da década de 80.

“A música da minha vida” já está nos cinemas. (Foto: Divulgação)

Javed encontra na poesia uma fuga para escapar do preconceito e da intolerância, mas falta-lhe a coragem para enfrentar as inflexibilidades do pai (Kulvinder Ghir), um paquistanês bastante tradicional que deseja que o filho tenha uma vida boa, mas que obedeça às regras por ele estabelecidas sem discussão.

Na escola, seu colega Roops (Aaron Phagura) apresenta-lhe as músicas do “Chefe”, Bruce Springsteen, e Javed encontra nas letras do músico de New Jersey a inspiração que precisava para mudar sua vida, tomando as rédeas do seu pensamento e conseguindo enfrentar o pai para defender suas ideias. Ao mesmo tempo, o jovem se dá conta, com desgosto, dos abusos que sofrem da sociedade da época pelo simples fato de serem imigrantes, tendo que lidar com o ódio e provocações diariamente.

A Música da Minha Vida é um filme incrível, que traz uma trilha sonora magnífica como pano de fundo para uma história rica e muito bem construída.

A MÚSICA DA MINHA VIDA GANHA PRIMEIRO TRAILER

Embalado pela melodia e letras das músicas de Bruce Springsteen, o longa tem estreia prevista para 19 de setembro

A Warner Bros. Pictures apresenta o primeiro trailer do drama A Música da Minha Vida, longa produzido e dirigido por Gurinder Chadha (“Driblando o Destino”). Baseado em uma história real, o filme mostra a vida de um adolescente britânico de família tradicional paquistanesa que vê sua vida mudar quando conhece as canções de Bruce Springsteen.

Sobre o filme

O roteirista/diretor/produtor Gurinder Chadha (“Driblando o Destino”) apresenta o inspirador drama A Música da Minha Vida, embalado pela melodia e letras das canções atemporais de Bruce Springsteen.

A Música da Minha Vida é uma história contagiante sobre coragem, amor, esperança, família e a capacidade única que a música tem de elevar o espírito humano. O filme conta a história de Javed (Viveik Kalra), um adolescente britânico filho de paquistaneses, crescendo na cidade de Luton, Inglaterra, em 1987. Em meio às turbulências econômicas e raciais da época, ele escreve poesia como uma forma de escapar da intolerância de sua cidade natal e da inflexibilidade de seu pai tradicional. Porém, quando um de seus colegas lhe apresenta as músicas de Bruce Springsteen, Javed vê paralelos entre sua vida simples com as poderosas letras. À medida que Javed descobre um escape catártico para seus próprios sonhos reprimidos, ele também começa a encontrar coragem para se expressar com sua própria voz.

Inspirado em uma história real, baseado no aclamado livro de memórias de Sarfraz Manzoor Greetings from Bury Park: Race, Religion and Rock N’ RollA Música da Minha Vida foi dirigido por Gurinder Chadha que foi escrito por Manzoor, Chadha e Paul Mayeda Berges.

A Música da Minha Vida é estrelado por Viveik Kalra, Kulvinder Ghir, Meera Ganatra, Nell Williams, Aaron Phagura, Hayley Atwell e Dean-Charles Chapman.

A história é realçada pela música e letras poéticas de Springsteen, que deu a Chadha sua benção desde a origem do filme.

Gurinder Chadha, Jane Barclay e Jamal Daniel produzem o filme com Tory Metzger, Renee Witt, Peter Touche, Stephen Spence, Hannah Leader, Tracy Nurse, e Paul Mayeda Berges como produtor executivo.

A equipe de Chadha nos bastidores incluiu o diretor de fotografia Ben Smithard, o desenhista de produção Nick Ellis, o editor Justin Krish e a figurinista Annie Hardinge. A música original foi composta por A.R. Rahman.

Uma apresentação da New Line Cinema, em associação com Levantine Films e Ingenious Media, uma produção de Bend It Films, um filme de Gurinder Chadha, A Música da Minha Vida. O filme tem estreia marcada para 19 de setembro de 2019 e será distribuído internacionalmente pela Warner Bros. Pictures.

LeYa lança biografia de Bruce Springsteen

Ídolo do rock lança autobiografia que está entre os livros mais vendidos do momento em todo o mundo

image004 (2).jpgApós sete anos de dedicação, Born to run chega às livrarias para cristalizar a unanimidade que é Bruce Springsteen no cenário cultural. Cantor, compositor, guitarrista e dono de uma presença de palco inigualável, ele vem há mais de 40 anos compondo canções que asseguraram seu papel como um dos grandes cronistas da vida urbana. Não impressiona, portanto, que agora Bruce se revele escritor dos mais talentosos. Suas memórias – obra que o The New York Times chamou de “intensamente satisfatória” e a revista Rolling Stone classificou como “absolutamente única” – narram desde a infância católica nos subúrbios de New Jersey à luta contra a depressão que surpreendeu os fãs habituados à sua persona pública vigorosa, revelando as faces do filho, marido, pai e amigo para além do ídolo.

Pelos temas que aborda e pela forma como conduz a narrativa, Born to run é um livro para quem gosta e também para quem não gosta de rock. Não à toa, no New York Times, o livro chegou a ocupar o topo da lista na categoria não-ficção de capa dura e o segundo na categoria geral, incluindo e-books. Também está entre os mais vendidos na Amazon. Além disso, teve seus direitos de edição vendido para mais de 21 países e foi considerado um dos 20 melhores livros do ano pela Publishers Weekly, o maior veículo do mercado editorial dos EUA.

Em quase 500 páginas, a autobiografia de Bruce é como a versão literária de seus shows antológicos que chegam a ter quatro horas de duração: uma performance virtuosa capaz de passar de rocks robustos a baladas melancólicas sem perder o ritmo ou deixar de empolgar até o acorde final. Como os muitos grandes clássicos de seu repertório, o livro é engendrado pelo lirismo de um compositor original que mergulhou fundo em suas próprias experiências.

“Escrever sobre si mesmo é uma tarefa estranha. Mas, num projeto como este, o autor faz uma promessa: mostrar sua mente ao leitor. Foi o que tentei cumprir nestas páginas”, afirma. Com franqueza e um senso de humor apurado, Bruce detalha as histórias por trás de suas canções mais famosas (como “Thunder road” e “Born in the USA”, além da faixa que empresta nome ao livro), o início de sua paixão pelo rock and roll (assistindo pela TV à icônica performance de Elvis Presley no The Ed Sullivan Show), os percalços do caminho até o sucesso, batalhas pessoais, motivações, esperanças, angústias, inseguranças e demônios.

Acima de tudo, muito mais que um enfileiramento de fatos sobre a trajetória espetacular de um astro do rock, a obra traz em primeiro plano o olhar único de alguém que soube contemplar como poucos o mundo ao seu redor. Por tudo isso, a autobiografia de Bruce Springsteen tem o poder de cativar tanto seus fãs quanto qualquer tipo de leitor – seja ele artista, louco ou simplesmente uma pessoa comum que a tenha a música como parte essencial da vida.