Arquivo da tag: Caça-Fantasmas

TNT exibe “Caça-Fantasmas”

Filme chega ao canal no próximo domingo, dia 26 de julho, às 22h

Em 2016, Caça-Fantasmas voltou revitalizado para uma nova geração e, no próximo domingo, dia 26 de julho, o remake de sucesso será exibido pela primeira vez na TNT no bloco Megafilm, às 22h. Prepare-se para acompanhar uma trama nostálgica, agora protagonizada por fortes nomes femininos no elenco, como Melissa McCarthy, Kristen Wiig, Kate McKinnon e Leslie Jones. Elas embarcarão em uma aventura repleta de risadas, mistérios e criaturas sobrenaturais, com o objetivo de salvar o mundo e capturar qualquer fantasma que aparecer no caminho.

Sinopse: Uma respeitada professora de física na Universidade de Columbia, Erin Gilbert (Kristen Wiig) escreveu anos antes um livro, em parceria com Abby Yates (Melissa McCarthy), sobre a existência de fantasmas. A obra nunca foi levada a sério e, quando descoberta por seus colegas acadêmicos, fez Erin perder o emprego na universidade. Quando tudo parecia perdido, um homem contata Erin para ajudá-lo em sua mansão mal-assombrada, afinal, ele a achou por conta do seu livro. A mulher vai então atrás de sua ex-amiga Abby, que continua pesquisando o sobrenatural com a ajuda da excêntrica Jillian Holtzmann (Kate McKinnon). Erin convence Abby a tirar o livro de circulação com a condição de irem até a mansão resolver o caso. Lá, elas acabam encontrando um fantasma de verdade. Demitidas das instituições onde trabalhavam, as três se unem para pesquisar e capturar fantasmas pela cidade.

Classificação: 10 anos.

Não perca “Caça-Fantasmas” pela primeira vez na
tela da TNT neste domingo, dia 26 de julho, às 22h

Horários de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

Caça-fantasmas brasileiros lançam livro com os principais casos solucionados

Rosa Jaques e seu marido João Tocchetto lançam livro sobre casos desvendados. (Foto: Divulgação)
Rosa Jaques e seu marido João Tocchetto lançam livro sobre casos desvendados. (Foto: Divulgação)

Dos mortos no massacre do Carandiru ao estilista e polemista Clodovil, são muitos os fantasmas que se comunicam com Rosa Jaques – e encontram a paz graças a suas palavras e orientação. Os casos solucionados por ela e seu marido, João Tocchetto, são narrados no livro Caça-Fantasmas Brasileiros.

O casal viaja o Brasil com a missão de resolver histórias de assombrações e contam as principais neste livro publicado pela Editora Planeta. São histórias em manicômios, hospitais, cadeias, escolas e cemitérios, num casarão do bairro do Bixiga em São Paulo ou num presídio abandonado no Rio Grande do Sul.

O trabalho realizado pela dupla – que contabiliza mais de seiscentos casos resolvidos e documentados, inclusive, em seu canal no Youtube – rendeu-lhes muitas aparições em jornais, revistas e programas de televisão que, em sua grande maioria, ajudam a reforçar a seriedade do trabalho do casal. “Minha missão é ajudar e não buscar aceitação das pessoas, mas também gosto de ser confrontada por quem não acredita”, garante Rosa.

Entre os casos relatados no livro, destaque para o que aconteceu no edifício mais alto da cidade de São Paulo, o Palácio W. Zarzur. Por ali, uma certa figura feminina loira andava assombrando o quadragésimo andar. Foi graças a comunicação estabelecida entre Rosa e a fantasma que seu espírito, ao que parece, encontrou seu caminho.

Vem do Rio Grande do Sul, outro episódio narrado por Rosa e João no livro. A cena, dessa vez, aconteceu na Boate Kiss, um ano e meio depois do incêndio. O casal esteve no local, na área externa, e, diferente do que costuma ocorrer por onde passam, ali Rosa não sentiu a presença de espíritos. “Parece que tudo morreu junto, até as emoções”, descreve ela. Mas fato curioso acontece quando já estavam se preparando para deixar o local. Rosa sente uma vibração muito forte vinda do ponto em que há uma homenagem a um dos mortos na tragédia. E, a despeito de toda energia de sofrimento que paira sobre o local, o espírito parece alegre. É que, segundo Rosa, ele não estava preso e só apareceu para dizer que estava feliz e que continuava se divertindo. Exatamente como estava, minutos antes do incêndio.

Para os curiosos e os que não temem conversas com os mortos, o livro é uma boa pedida!

SDCC 2016: Iron Studios leva peças brasileiras para a principal comic con do mundo

Presente nos estandes da Sideshow Collectibles e da BlueFin na San Diego Comic-Con

A Iron Studios, desenvolvedora e produtora brasileira de figuras colecionáveis oficiais altamente detalhadas, marca presença pela primeira vez em um dos maiores eventos de cultura pop do mundo, a San Diego Comic-Con. Entre as novidades, exibidas pela primeira vez na convenção, estão sete peças da linha Ghostbusters Art Scale 1/10, exceto pelo Louis Tully, que será exclusivo da Comic Con Experience, evento que acontece de 1 a 4 de dezembro em São Paulo (SP).

Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)
Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)

A parceria com distribuidoras americanas levou as linhas, 1/4 da Iron Studios para o estande da Sideshow Collectibles, como o Falcon Legacy Replica 1/4 Civil War e o Spider Man By Mike Deodato Jr Legacy Replica 1/4, enquanto as peças 1/10 foram pela BlueFin, como Os Caça-Fantasmas e peças do universo DC Comics: Batman, Super-Homem e Mulher-Maravilha.

Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)
Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)

“Há 9 anos venho para SDCC e sempre sonhei em ver nossos colecionáveis no mercado norte-americano. É uma honra que pela primeira vez uma empresa brasileira tenha seus produtos sendo vendidos em uma das maiores Comic-Cons do mundo”, comenta Renan Pizii, CEO da Iron Studios.

Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)
Iron Studios apresentou novas actions figures na San Diego Comic Con. (Foto: Omelete)

Para saber mais sobre a Iron Studios, acesse: http://www.facebook.com/ironstudios

Franquia da Columbia Pictures, Ghostbusters é a nova licença da Iron Studios

A divisão de licenciamentos da Sony Pictures, responsável pelos direitos do filme Os Caça-Fantasmas, fecha com a empresa brasileira para produção de colecionáveis exclusivos

A parceria entre a desenvolvedora e produtora de peças colecionáveis Iron Studios com a Sony Pictures / Columbia Pictures, uma das empresas de entretenimento mais importantes do mundo, traz ao mercado brasileiro, a partir dos próximos meses, novos produtos originais baseados no clássico Os Caça-Fantasmas.

Ghostbusters é a nova licença da Iron Studios. (Foto: Divulgação)
Ghostbusters é a nova licença da Iron Studios. (Foto: Divulgação)

Em negociação desde o ano passado, a Iron Studios conquistou os direitos para a produção dos colecionáveis, que já estão em fase de aprovação de conceito e design das primeiras peças. O direito de venda é global, portanto, as peças poderão ser adquiridas por fãs do mundo inteiro.

A franquia, lançada originalmente em 1984, ganhou fama a partir da história de três cientistas que se dedicavam ao estudo de casos paranormais, Peter Venkman (Bill Murray), Ray Stantz (Dan Aykroyd) e Egon Spengler (Harold Ramis) e decidem abrir a exterminadora de fantasmas Ghostbusters.

Agora, a série chega ao seu terceiro filme: As Caça-Fantasmas, previsto para estreia em julho de 2016, com a história de Erin Gilbert (Kristen Wiig), Abby Yates (Melissa McCarthy), Patty Tolan (Leslie Jones) e Jillian Holtzmann (Kate McKinnon), que se unem para salvar a cidade de eventos fantasmagóricos.

“Estamos investindo para trazer toda a nostalgia do filme para os colecionadores. Teremos os personagens principais, poses clássicas e os principais ícones da série, que não poderão faltar na coleção de qualquer fã do clássico”, ressalta Gabriel Eberhardt, gerente de novos projetos da Iron Studios.