Arquivo da tag: China

FILME “SHADOW”, DO DIRETOR ZHANG YIMOU, CHEGA AOS CINEMAS BRASILEIROS EM 12 DE AGOSTO

Diretor busca um novo sucesso após o desastroso “A Grande Muralha”

Por Guilherme Melo

A pandemia de coronavírus atrasou o lançamento do filme chinês “Shadow” no Brasil. Dirigido por Zhang Yimou (dos sucessos indicados ao Oscar “Herói”, “O Clã das Adagas Voadoras”, e do complicado “A Grande Muralha”), o longa foi lançado em 2018 na China, mas chegou a outros países pelo streaming, e a partir do próximo dia 12 de agosto será a vez dos brasileiros conferirem essa superprodução.

O Diversório teve a oportunidade de assistir “Shadow” em uma cabine especial e podemos garantir: a espera valeu a pena!

O ator Chao Deng, o grande destaque, vive dois personagens: O Comandante Ziyu e seu sombra Jing. O Comandante conta com um sósia desde sua infância, como estratégia para lidar com possíveis riscos a sua vida enquanto atua dentro da corte do Rei Peiliang (Ryan Zheng).

Já adulto, o Comandante fica doente, percebe que está envelhecendo rápido, e acaba precisando que seu sósia assuma seu lugar de forma quase que definitiva. É aí que se inicia uma trama cheia de intrigas.

Enquanto o Rei Peiliang tenta manter a cidade de Pei longe de conflitos com outros reinos, o plano do Comandante Ziyu é travar uma guerra. Para atingir seu objetivo, ele conta com apoio de sua esposa (Li Sun) e seu sósia.

Uma subtrama que merece destaque é a da Princesa Qingping (Xiaotong Guan). O Rei Peiliang, seu irmão, se compromete a enviá-la como concubina para outro reinado, para manter a paz, o que faz com que a princesa se revolte e se envolva em uma ação de vingança. A trama dela destaca a busca da mulher pelo direito de decidir seu próprio destino.

Como não poderia ser diferente, a produção também reserva cenas de luta de tirar o fôlego, mas o grande trunfo do filme é a trama misteriosa e nada óbvia, com situações bem amarradas, surpreendentes e grandes atuações.

Shadow será distribuído pela PlayArte Pictures.

Novos fones de ouvido da realme, Buds Air Pro chegam ao Brasil

Lançamento da marca proporciona cancelamento de ruído, tecnologia TWS e 20 horas de bateria

Buds Air Pro da realme. (Foto: divulgação)

A realme, marca de smartphones que mais cresce no mundo, acaba de anunciar a chegada de mais um de seus produtos em território nacional: os fones de ouvidos Buds Air Pro. Com a tecnologia TWS (True Wireless Stereo), o novo carro-chefe da fabricante chinesa foi idealizado para o público jovem e conta com recursos como latência de 95 milissegundos e cancelamento ativo de ruído de até 35 decibéis. Presente no dispositivo, o S1, chip de alta performance, elimina os sons externos ao mesmo tempo que consome menos bateria. Disponível nas cores Preto Rock e Branco Soul, cada unidade do fone de Buds Air Pro pesa apenas 5 gramas e, com interior de silicone, são agradáveis ao toque e confortáveis para uso ao longo do dia.

O realme Buds Air Pro possui driver de reforço dinâmico de graves de 10mm que, junto da solução Dynamic Bass Boost (DBB), torna os graves mais profundos e ricos. Já o Bluetooth 5.0 do dispositivo fornece uma conexão estável mesmo com a interferência de diversos aparelhos, e sua distância de transmissão de 10 metros permite que os usuários reproduzam música sem problemas, mesmo quando o smartphone conectado não estiver por perto. Junto disso, outras de suas características incluem recursos como Google Fast Pair, padrão que permite o emparelhamento rápido de dispositivos sem fio, Smart War Detection, que identifica o uso dos fones assim que colocados nos ouvidos, controles inteligentes de toque e assistente de voz. 

Resistente a respingos d’água, o Buds Air Pro passou por uma rigorosa fase de testes que garantem seu uso diário, ao mesmo tempo que mantém sua durabilidade e alta qualidade. Eles podem ser controlados diretamente com o aplicativo realme Link, responsável pela personalização de funções de toque, ativação da função de cancelamento de ruído, alternância do reforço de graves e atualizações automáticas do sistema para o melhor uso do dispositivo.

Cancelamento ativo de ruído e chip realme S1

O realme Buds Air Pro apresenta o chip S1 de cancelamento de ruído, além de contar com com dois microfones que auxiliam nesta tarefa, com redução máxima de sons de até 35 decibéis. O tamanho dos fones também é ajustado de acordo com o formato da orelha para a máxima redução externa. 

Personalizado e exclusivo, o chip realme S1 oferece uma capacidade de cancelamento de ruído eficiente com a vantagem de consumo de energia ultra baixo e conectividade estável, oferecendo aos usuários uma experiência sem precedentes e que define tendências. Ele utiliza uma nova geração de tecnologia de emparelhamento que detecta de forma inteligente e em tempo real os Buds Air Pro no momento em que o estojo de carregamento é aberto. 

Modo de transparência

O modo de transparência permite que os usuários ouçam os sons do ambiente com um clique. Uma vez que o design do Buds Air Pro foi pensado para o cancelamento de ruídos, o modo de transparência permite que seus usuários falem com outras pessoas sem a necessidade tirar os fones de ouvido de maneira mais fácil.

Latência super baixa de 94 ms no modo de jogo

No modo de jogo, o tempo de espera dos fones de ouvido é de apenas 94 ms. Quando utilizado, os usuários têm a latência reduzida em até 51% para uma sincronização perfeita entre vídeo e áudio enquanto jogam ou assistem a filmes.

Som de alta qualidade com Advanced Audio Coding

O realme Buds Air Pro oferece suporte a áudio de alta qualidade com o AAC (Advanced Audio Coding), algoritmo de codificação de alta taxa de compressão, alta fidelidade musical e melhor experiência na hora de escutar músicas.

Tempo de reprodução de 25 horas

A grande capacidade de bateria de 486 mAh do dispositivo fornece aos usuários uma vida útil de até 25 horas. Também é possível realizar uma carga rápida, em que apenas 10 minutos resultam em 3 horas de reprodução.

Confira aqui todos os materiais de divulgação do Buds Air Pro.

Preço e disponibilidade

O Buds Air Pro estará com preço especial entre os dias 06 e 12 de abril por R$ 699,00 no site das Americanas. A partir do dia 13 de abril, o preço sugerido será de R$899,00.

Mulan

Por Henrique Moita

Há pouco menos de um mês, mais precisamente no dia 17 de novembro, chegava ao Brasil um dos serviços de streaming mais esperados dos últimos tempos, o Disney+. Como a empresa do famoso camundongo é dona de quase todo o mundo do entretenimento, junto vieram diversos filmes e séries consagrados, como filmes do UCM, saga Star Wars, sucessos da FOX, entre outros.

Na última sexta-feira, chegou a mais recente adaptação de uma de suas maiores animações, agora em live action, Mulan. Diferente das anteriores, que tinham a intenção de ser uma “cópia” do original, porém nesse formato com atores reais, Mulan queria mudar.

Um dos principais motivos, era que a animação, não era muito fiel a lenda da guerreira na qual ela é baseada. Por isso diversas mudanças foram feitas. As duas principais seriam a ausência de um dos personagens mais queridos pelo público, o dragão Mushu, sendo substituído no longa por uma fênix e o fato do filme não ser mais um musical, por querer adotar um plano mais sério.

A ideia geral do filme, permanece a mesma, Mulan é uma jovem mulher que não tem aptidão nenhuma para ser aquela “mulher tradicional” da época e quando a China é sofre um ataque, ela finge ser um homem, para ir no lugar de seu pai para a guerra, tendo em vista que seu pai já era velho e estava debilitado por conta de guerras anteriores.

Mulan está disponível no Disney+. (Foto: divulgação)

Agora vem aquelas famosas perguntas. O filme é bom? Tem muita diferença para a animação, além das já citadas? Mushu fez muita falta?

Vamos começar respondendo a última pergunta logo de cara. Admito que fiquei muito chateado ao saber que o pequeno dragão não estaria presente no longa e já logo pensava: “Desonra! Desonra pra tu, desonra pra Disney, desonra para a sua vaca!”, mas assistindo o filme, percebi que sua ausência era realmente necessária. Mushu não se encaixaria no tom do filme, que tenta ser muito mais sério do que a animação original. Porém, o seu “substituto”, a fênix, também poderia não estar lá. Realmente não vi a necessidade do ser estar presente, a não ser para ter algo visualmente bonito em algumas cenas, mas também não faria falta.

Agora respondendo a segunda pergunta. Tirando a já citada ausência, temos a mudança de que, no live action, Mulan já possui um dom especial, aqui chamado de “chi”, apresentado para nós logo no começo. Temos a ausência de Li, substituído pelo também soldado Honghui como par da protagonista. Agora, o comandante do grupo de Mulan, será o Comandante Tung, ex-companheiro de guerra de seu pai. E também temos a presença de uma Bruxa, que auxilia o Bori Khan (que na animação seria Shan-Yu).

Agora vamos a primeira pergunta e a mais importante. A qualidade do filme. Dessa vez, fiz algo “errado” antes de escrever a crítica e acabei lendo outras. Porém, fico feliz em dizer que isso não mudou em nada a minha opinião, até porque a enorme parte da crítica, fala que o filme é de ruim a mediano. E devo admitir que eu gostei bastante dessa nova versão. Apesar de alguns furos, afinal, nenhum filme é perfeito, o live action de Mulan me agradou bastante, principalmente na mudança para um tom mais sério do filme, em comparação com a animação. A única coisa que eu realmente não gostei, mas até compreendo um pouco, é o destino da Bruxa e talvez o fato de Mulan ser muito “overpower” ao invés de ser apenas uma guerreira com grandes habilidades, ela aparenta quase ter superpoderes.

Por fim, minha nota para Mulan será 7,5/10.

Ah, e eu particularmente, gostei da aparição de Ming-Na Wen (apesar de discreta e quase imperceptível para quem não prestar atenção), que na animação da voz á Mulan e muitos queriam que ela tivesse interpretado inclusive a mãe da protagonista nesse novo filme.

SPACE apresenta “Missão Extraordinária” no bloco Oriente Extremo

Produção asiática será exibida na terça-feira, dia 19 de maio, às 22h30

Space exibe o longa “Missão Extraordinária”, na sessão Oriente Extremo. (Foto: Divulgação)

Bloco dedicado a filmes asiáticos no canal SPACE, o Oriente Extremo apresenta na próxima terça-feira, dia 19 de maio, às 22h30, o longa chinês Missão Extraordinária. Na trama, repleta de ação e suspense, um policial se infiltra em uma perigosa organização de narcotraficantes. O paranóico chefe da quadrilha desconfia da identidade do protagonista que é constantemente testado a provar sua lealdade consumindo heroína. Viciado no entorpecente, ele agora precisa vencer o trauma de perder a própria mãe para as drogas e derrubar os criminosos.

Sinopse: Um policial chinês (Xuan HuangA Grande Muralha) se infiltra em uma organização do narcotráfico que atua em vários países. É uma jogada arriscada que o levará a enfrentar perigos em florestas e cidades e a se envolver em perseguições cheias de adrenalina.

Missão Extraordinária no Oriente Extremo vai ao ar no SPACE na terça-feira, dia 19 de maio, às 22h30.

Horários de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

Volta ao mundo em 24 dias: viva experiências com seus próprios olhos numa travessia de trem

O grupo TT Travel propõe uma viagem pelos continentes europeu, asiático e americano, que passa por 14 cidades do Canadá, China, Mongólia e Rússia

Um dos maiores sonhos daqueles que são imbuídos de espírito livre é dar uma volta ao mundo. Não há nada que se iguale à experiência de ver paisagens e conhecer a fundo culturas e hábitos com os próprios olhos. Tudo o que um viajante de alma procura é estabelecer contato real com povos e realidades distantes, tanto ao mergulhar na história, quanto na identidade local expressa pela arte, gastronomia ou arquitetura. Nem todos, entretanto, têm a disposição de sair com uma mochila nas costas. Então que tal quebrar as fronteiras a bordo de trens com todo o conforto a que tem direito? É exatamente isso que propõe o Grupo TT Travel.

A quarta edição da “Volta ao Mundo de Trem” apresenta uma verdadeira cruzada sob trilhos pelo hemisfério norte ao passar pelos continentes europeu, asiático e americano. Durante 24 dias – de 15 de agosto a 7 de setembro de 2020 – os passageiros percorrerão aproximadamente 16 mil quilômetros de malha ferroviária por 14 cidades do Canadá, China, Mongólia e Rússia.

A façanha começa em grande estilo na cosmopolita Toronto, com um jantar no restaurante 360 da CN Tower, que proporciona vista completa desta que é a maior cidade canadense. A partir daí, deixe-se encantar pelo cenário natural que se descortina pelas janelas panorâmicas do Trem Canadense num trajeto que atravessa as Montanhas Rochosas, passa por florestas de coníferas até chegar noJasper Natural Park. Neste santuário de verde, o lago de água azul cristalina doMaligne Lake promete momentos de êxtase. OGlacier Skywalk, uma plataforma suspensa de vidro, dará a impressão de caminhar sobre nuvens e poder apreciar de cima o visual dos desfiladeiros de neve. Já nos campos de gelo de Columbia, um passeio desnowcoach irá arrebatar aos amantes do gelo ao longo do panorama alvo doGlaciar Athabasca.

O trecho canadense culmina em Vancouver, uma cidade de enorme mistura cultural por abrigar imigrantes de todas as partes do mundo, sobretudo da Ásia. Nocity tour, é possível visitar os famosos totens esculpidos na madeira noStanley Park; o mercado público deGranville Island e suas lojas de joias, roupas, cerâmicas e artesanato; além deGastown, um bairro histórico de atmosfera tipicamente inglesa. Daqui, como um oceano separa os continentes, um voo daAir Canada levará o aventureiro itinerante até o outro lado do mundo.

Embora cada dia mais moderna, a cultura milenar é o grande atrativo da China. Em Pequim, a tradição de antigos impérios se revela noMuseu Nacional, onde se encontram mais de um milhão de relíquias do país. Lar dos imperadores das dinastiasMing eQing, aCidade Proibida serviu por 500 anos como o centro político do país. Antes acessível somente para a realeza, hoje está aberta a todos. OPalácio de Verão, por sua vez, é reconhecido por ter os maiores e mais conservados jardins do continente asiático. É tanta história e beleza que foi listado pela UNESCO como Patrimônio Mundial. Por falar nisso, nenhum programa pelo território chinês pode deixar de incluir visitação à uma das Sete Maravilhas do Mundo. AMuralha da China, esta imponente obra arquitetônica construída para impedir a invasão das nações do norte, também está no roteiro.

Da capital chinesa, uma viagem de 36 horas atravessará as planícies doDeserto de Gobbi, onde se poderá apreciar o por do sol entre as montanhas e um céu repleto de estrelas ao anoitecer. NoParque Nacional Gorkhi Terelj, formações rochosas maciças entre vales com rio sinuoso deixam qualquer um fascinado. A investida por terras áridas ainda compreende uma visita a uma família nômade com acampamento emiurta, tendas circulares características do povo mongol. Já na base da estátua deChinggis Khaan existe um museu arqueológico em que se pode provar trajes representativos do país. Otour pela Mongólia ainda chega à capital Ulan Bator, que reserva, entre outras atrações, entrada aoMosteiro Gandan, termplo budista de estilo tibetano, e a vista panorâmica doMonte Zaisan.

A viagem, então, entra no seu trecho final quando adentra o território russo pela lendária Ferrovia Transiberiana. No entanto, ainda há um longo trajeto a ser percorrido, já que a Rússia tem dimensões continentais. Ao longo deste caminho, tão mítico quanto inspirador, o viajante pode contemplar as paisagens da Sibéria. OLago Baikal – o maior de água doce do mundo – e o Museu Taltsy, em Irkutsky, deslumbram. Este último parece uma antiga vila com longas ruas, casas de madeira e moinhos aquíferos. Novosibirsk guarda uma joia artística, oTeatro de Ópera e Ballet, enquanto Ecaterimburgo – nas proximidades dos Montes Urais, que separa Ásia e Europa -, aIgreja Sangue Derramado reconta os dias finais dos Romanov. Foi neste templo cristão ortodoxo, um dos monumentos símbolo da Rússia, que o Imperador Nicolau II e sua família foram executados, acabando com o czarismo no país.

Ao cruzar a divisa para a porção europeia, Kazan mostra na cultura todo o reflexo da mistura entre continentes. Num almoço tártaro, a gastronomia é um exemplo de combinações russas e búlgaras no uso de ingredientes, condimentos e temperos. Já nas edificações, o Kremlin da cidade – erguido sob ordens do czar Ivan, o Terrível -, é mais um Patrimônio Mundial da UNESCO que entra no roteiro como entretenimento imperdível. O outro Kremlin, esse a sede do governo russo, em Moscou, é mais um dos passeios obrigatórios ao se chegar na capital, que marca o fim desta jornada. Antigamente, um dos lugares mais fechados e temidos do mundo, hoje abre seus portões a fim de compartilhar com o público a grandiosidade dos seus jardins, museus e catedrais.

Entre painéis naturais que mais parecem quadros, maravilhas da arquitetura construídas pelo homem e convívio imersivo com famílias locais, além de almoços e jantares onde se pode provar sabores antes inexplorados, são essas experiências que, no fundo, trazemos como bagagem para a vida. Tudo isso é providenciado pela TT Travel em um planejamento minucioso que mostra o cuidado com segurança e bem-estar. Os serviços contratados já incluem um guia brasileiro, que acompanha toda a viagem, bem como outros profissionais locais de cada parada. Além do mais, o pacote inclui 58 refeições, 14 noites a bordo dos trens em cabines confortáveis com duas camas e oito noites em hotéis de quatro ou cinco estrelas com a comodidade necessária para repor todas as energias. 

Mais informações podem ser obtidas no site www.voltaaomundodetrem.com.br ou com a Trains & Tours Lufthansa City Center: Av. Santo Amaro, 4644, loja 5, São Paulo – SP, telefone (11) 4878-1085 e e-mail relacionamento@lufthansacc.com 

Da mitologia chinesa para o Smite: Da Ji é a nova deusa do jogo

Fãs do game da Hi-Rez já podem se aventurar em batalhas com a nova personagem, cujas habilidades exclusivas causam danos aos inimigos; novo patch de atualização 4.9 também está disponível

A Hi-Rez Studios acaba de adicionar uma nova personagem jogável ao Smite, game do gênero MOBA distribuído no Brasil pela Level Up: a deusa Da Ji, também conhecida como “A Raposa de Nove Caudas”. De acordo com a mitologia chinesa, Da Ji foi amante de Zhou, último imperador da Dinastia Shang, da China Antiga e dada ao rei por seu pai, Su Hu. Possuída por um espírito milenar de grande beleza e malícia, Da Ji encantou o rei e o levou a deixar de lado as questões de Estado.

image009.jpg

Como na mitologia, também no jogo a deusa tem grandes poderes. Graças às suas garras afiadas, sua habilidade básica- Lâminas da Tortura –, por exemplo, provoca muitos danos aos inimigos.  Além disso, Da Ji tem uma série de habilidades que potencializam seu poder básico e a protege dos inimigos. São elas:

·         Queimaduras horríveis: aquecendo suas garras, Da Ji queima instantanemante os adversários, causando danos extras a cada três segundos.

·         Mil cortes: ataca inimigos próximos e pode dar até quatro golpes em apenas dois segundos. A habilidade também concede à deusa diferentes vantagens frente aos inimigos, como maior agilidade e um poder adicional na cauda que minimiza os danos  provocados por seus inimigos.

·         Conexão Espiritual: tem o poder de transportar inimigos e aliados para perto da deusa, facilitando o ataque básico “Lâminas de Tortura”.

·         Pao Lao – Da Ji tem três chances de atirar correntes em seus inimigos, que ao serem atingidos ficam muito mais lentos e são puxados para a armadilha de tortura.

Patch 4.9

Além da nova personagem, a Hi-Rez disponibilizou aos jogadores de Smite o pacote de atualizações 4.9, com novas aparências para Da Ji Kuzenbo, Medusa e Camazotz, aprimoramentos em gameplay, de níveis de dificuldade e de balanceamento.

Mais informações sobre Smite estão disponíveis em https://www.smitegame.com/

Tropkillaz se apresenta no Strawberry Festival na China

A dupla está produzindo o novo álbum da Karol Conka

Formado pelo DJ Zegon e Laudz, o Tropkillaz é um dos maiores destaques da música eletrônica do Brasil e do mundo. Após várias turnês internacionais, eles acabam de ser confirmados no line up do Strawberry Festival, um dos principais festivais da China, que acontece em Shanghai e Beijing simultaneamente.

Tropkillaz  - credito Lost Art.JPG
Tropkillaz se apresenta no Strawberry. (Foto: Lost Art)

O duo brasileiro toca na edição de Shanghai no dia 30 de Abril e em Beijing dia 01 de Maio. Além do Tropkillaz, grandes nomes como Charli XCX, Knife Party, The Vaccines, The Drums, Marky Ramone e Trentemoller participam do festival.

Antes da China, o Tropkillaz se apresenta dia 28 de abril em Jacarta, na Indonésia e depois segue para mais uma turnê na Europa. Paralelamente aos shows, Zegon e Laudz estão produzindo o novo álbum da Karol Conka.

Shanghai Disney Resort, o mais novo destino internacional da Disney, já tem data marcada para inauguração

A grande cerimônia acontecerá em 16 de junho de 2016

The Walt Disney Company e o Shanghai Shendi Group anunciaram hoje a grandiosa festa de inauguração do Shanghai Disney Resort. Serão vários dias e inclui uma cerimônia espetacular de boas-vindas para os primeiros hóspedes no dia 16 de junho. 

Shanghai Disney Resort irá abrir suas portas dia 16 de junho.  (Foto: Castle)
Shanghai Disney Resort irá abrir suas portas dia 16 de junho. (Foto: Castle)

O resort internacional, localizado no distrito de Pudong, em Shanghai, será o primeiro destino resort na China continental, com histórias características e personagens clássicos da Disney, com novas experiências adaptadas ao povo da China.

“Com sua inauguração em junho, o Shanghai Disney resort será um destino internacional único, que é autenticamente Disney e distintivamente chinês”, disse Robert A. Iger, presidente e CEO da The Walt Disney Company. “O resort reflete a narrativa lendária da Disney, junto com a rica cultura chinesa e apresenta algumas das experiências mais criativas e inovadoras que já criamos. Estamos ansiosos para mostrá-lo ao mundo e compartilhá-lo com o povo da China para as futuras gerações.”

Em 2014, a Disney e o Shanghai Shendi Group, os dois acionistas do Resort, anunciaram um plano acelerado de expansão, para capitalizar o grande crescimento do setor do turismo na China, adicionando outras atrações, entretenimento e ofertas para incrementar a capacidade no parque temático. No dia da inauguração, o Shanghai Disney Resort incluirá:

     Shanghai Disneyland, um parque temático com seis áreas temáticas: Ilha da Aventura, Jardins da Imaginação, Avenida Mickey, Terra do Futuro, Ilha do Tesouro e Terra da Fantasia, com o maior e mais alto castelo em um parque temático Disney. Os hóspedes poderão desfrutar de numerosas e emocionantes atrações e espetacular entretenimento ao vivo – alguns, únicos para um parque Disney.

     O Shanghai Disneyland Hotel e o Toy Story Hotel são hotéis resort  temáticos, convenientemente localizados, perto do parque. O Shanghai Disneyland Hotel é um resort elegante, inspirado no art-nouveau, com um toque da imaginação e da magia de Disney. Já o Toy Story Hotel apresenta aos hóspedes um mundo inspirado nos brinquedos dos filmes animados Toy Story da Disney•Pixar. 

     Disneytown, é um distrito de entretenimento, shopping e restaurantes, adjacente à entrada do Shanghai Disneyland. O Disneytown incluirá o Grande Teatro Walt Disney, que sediará a primeira produção Disney de sucesso, o Rei Leão, fora da Broadway, em madarim. Outro imperdível para os hóspedes será o mundo da Disney Store, oferecendo uma impressionante coleção de mercadorias Disney, incluindo muitos produtos desenvolvidos especialmente para o Shanghai Disney resort.

     Wishing Star Park, uma área de lazer com belos jardins, uma trilha e um lago deslumbrante. Com aproximadamente 40 hectares, o Wishing Star Park oferece aos convidados vistas naturais e belos entardeceres.

Sara Sarres embarca para a China para a Turnê Mundial de “O Fantasma da Ópera”

A atriz Sara Sarres viaja para a China para se juntar ao elenco de O FANTASMA DA ÓPERA – Turnê Mundial, a atriz interpretará Christine, seu papel da temporada de São Paulo em 2005. Sara fará récitas determinadas nas cidades de Guangzhou e Beijing, de setembro de 2015 a janeiro de 2016.

Sara Sarres participa da turnê de "O Fantasma da Ópera". (Foto: Carlo Locatelli)
Sara Sarres participa da turnê de “O Fantasma da Ópera”. (Foto: Carlo Locatelli)

A atriz não esconde a alegria e a satisfação de fazer parte de um projeto internacional tão importante. Sara Sarres vive um momento muito especial em sua carreira, além deste projeto, o espetáculo “O Homem de la Mancha” de Miguel Falabella, protagonizado pela atriz, obteve 11 indicações (Melhor Musical) para a terceira edição do Prêmio Bibi Ferreira, considerada a mais importante premiação de musicais do país. Sara também foi indicada a melhor atriz por Aldonza/ Dulcinéia.  A cerimônia conta com 22 espetáculos concorrendo em 18 categorias de júri e uma categoria de voto popular
Aclamada como uma das maiores atrizes de teatros musicais, protagonizou os espetáculos “O Fantasma da Ópera” (Christine), “Les Misérables” (Cosette), “Cats” (Jellylorum), “Shrek – O Musical” (Fiona), “West Side Story” (Anita), “A Família Addams” (Morticia Alternante), “Cole Porter – Ele nunca disse que me amava” (Bessie), “Comunitá” (Antônia), “O Mágico de Oz (Glinda), “Godspell” (Dir. Miguel Falabella), “A Madrinha Embriagada” (Jane Valadão), que lhe rendeu uma indicação de melhor atriz para o Prêmio Bibi Ferreira e recentemente viveu Dulcineia em “O Homem de La Mancha” sob direção de Miguel Falabella no Teatro do SESI em São Paulo.