Arquivo da tag: Clássico

COLOQUE SEU BRACELETE DE OURO, É HORA DE INVOCAR ALMAS E SALVAR O MUNDO

O aclamado RPG Beyond Oasis chega hoje à Coleção SEGA Forever  

Ali, estou chamando por você. Por favor, venha me resgatar… Beyond Oasis* chega hoje à coleção SEGA Forever, uma coleção sempre em expansão de jogos clássicos da SEGA de todas as eras dos consoles e que é gratuita (com suporte a anúncios) para dispositivos móveis. Todos os jogos da coleção SEGA Forever estão disponíveis gratuitamente na App Store para iPhone e iPad ou Google Play Store para dispositivos Android. Os jogadores que desejarem jogar sem anúncios podem removê-los de uma só vez através de uma compra pelo aplicativo no valor de $1.99.

image003.png
(Foto: Divulgação)

Beyond Oasis é um RPG de ação que foi aclamado pela crítica em seu lançamento original em 1994 para Mega Drive* por conta de seu vasto mundo, pela grandiosa trilha sonora do mestre Yuzo Koshiro e por sua história poderosa e cheia de reviravoltas. Os jogadores enfrentam uma diversidade de inimigos no papel do Príncipe Ali, que descobriu um antigo Bracelete de Ouro e agora tem a missão de salvar o mundo do maléfico portador do Bracelete de Prata. Assim como os outros títulos da coleção SEGA Forever, Beyond Oasis possui recursos adicionais como placares de líderes, saves na nuvem e suporte à controles. Além disso, Beyond Oasis apresenta ainda o recurso “Rebobinar” – implementado inicialmente na versão SEGA Forever de Golden Axe – e que permite voltar alguns segundos do jogo para repensar e refazer suas ações.

Beyond Oasis chega ainda hoje junto da próxima atualização diária da App Store e da Google Play Store. O download direto do game poderá ser feito através deste link em algumas horas assim que o jogo estiver disponível.

Para ficar atualizado com as notícias de lançamentos, compartilhar seu amor por jogos clássicos, participar de pesquisas, compartilhar sua opinião e interagir com outros fãs da SEGA, confira o site SEGA Forever e siga nossas contas oficiais no FacebookTwitter, e Instagram.

 

Anúncios

“Alice no País das Maravilhas” reestreia no Teatro Folha

Na montagem da Cia Le Plat du Jour a personagem Alice é uma menina que mora em uma grande metrópole

A Cia Le Plat du Jour volta ao Teatro Folha para reestrear a peça ”Alice no País das Maravilhas” dia 07 de outubro. A temporada acontecerá até 17 de dezembro, aos sábados e domingos, às 16h.

image006.jpg
Nova versão de “Alice no País das Maravilhas” estreia no Teatro Folha. (Foto: João Caldas)

Nesta montagem Alice mora em um prédio situado em grande metrópole. Como toda criança, Alice só deseja brincar com outras crianças, mas como nem sempre isso é possível, ela resolve dar um mergulho em sua imaginação. A correria do dia-a-dia e a vida na cidade grande não impedem que a menina viva muitas aventuras. “Eu queria tanto que tudo fosse tão diferente” é o que diz na busca do lugar ideal, o paraíso perdido, seu verdadeiro “Jardim das Maravilhas”.

A partir do desejo de Alice, o público vê a grande viagem da personagem. Nesta aventura, tudo é possível: ela diminui e aumenta de tamanho, encontra situações e personagens inusitados como um coelho que anda de ponta cabeça, um cachorro gigante, um cogumelo que canta, um dragão que voa, uma rainha autoritária, entre outros personagens.

O humor irreverente e nonsense da Cia Le Plat du Jour unido às técnicas circenses utilizadas no espetáculo dão a graça e a beleza que agradam não somente às crianças mas também aos adultos.

A montagem é uma adaptação do livro “Aventuras de Alice no país das maravilhas”, de Lewis Carroll. A obra foipublicada pela primeira vez em 1865. A complexa obra deu vazão a diversas interpretações tanto para o universo da psicanálise como para o universo artístico.

FICHA TÉCNICA

Adaptação livre do livro “Aventuras de Alice no país das maravilhas” de Lewis Carroll

Criação: Le PLat du Jour

Texto e Direção: Alexandra Golik e Carla Candiotto

Assistência de direção: Bebel Ribeiro

Elenco: Cia Le Plat du Jour

Música original: Marcelo Pellegrini

Voz do “gato que ri”: Edson Montenegro

Cenografia: Le Plat du Jour e  Paula De Paoli

Cenotécnico: Wagner José de Almeida e Juciê Batista

Design Gráfico: Paula De Paoli

Figurinos: Chris Aizner

Adereços: Ivaldo Melo

Desenho de luz: Miló Martins

Fotógrafo: João Caldas e Denys Flores

Consultoria circense: Adriana Telg,  André Caldas, Kiko Caldas, Marcelo Castro, Érica Stoppel, Ricardo Rodrigues, Rodrigo Matheus.

Produção: Andréa Marques

Idealização do Projeto: Helena Cerello

Realização: Le Plat du Jour

 

Duração: 60 minutos

Classificação indicativa: a partir de 5 anos

SERVIÇO – ”Alice no País das Maravilhas”

Local: Teatro Folha

Reestreia: 07 de outubro de 2017

Temporada: 17 de dezembro de 2017

Apresentações: sábados e domingos, às 16h. Sessões extras dias 12 e 13/10; 02, 03 e 15/11.

Ingresso: R$ 40,00 (setor único) *

 

*Valor referente ao ingresso inteiro. Meia-entrada disponível em todas as sessões e setores de acordo com a legislação.

 

JORGE ARAGÃO CONFIRMA RETORNO AO TEATRO BRADESCO, EM SÃO PAULO

O sambista sobe ao palco no dia 18 de outubro para celebrar 40 anos de carreira, em mais uma emocionante apresentação repleta de clássicos

Devido ao grande sucesso de público, Jorge Aragão está de volta ao palco do Teatro Bradesco, em São Paulo. A apresentação está confirmada para o próximo dia 18 de outubro, às 21h, e promete muita emoção.
Com realização da Opus Promoções e Carlos Sion, o artista comemora 40 gloriosos anos de carreira com um show especial, cantando sucessos como “Malandro”, “Coisa de Pele”, “Lucidez”, “Coisinha do Pai” e “Vou Festejar”.
ViewImage.jpg
Jorge Aragão volta ao Teatro Bradesco. (Foto: Divulgação)
Os ingressos já estão à venda pela internet (www.ingressorapido.com.br), nos pontos de venda e na bilheteria oficial do Teatro Bradesco. Mais informações no serviço abaixo.
Nascido no subúrbio de Padre Miguel, no Rio de Janeiro, Jorge Aragão da Cruz é cantor, sambista e compositor de inúmeros sucessos. Quase todos os grandes intérpretes de samba (Beth Carvalho, Alcione, Zeca Pagodinho e Martinho da Vila) têm suas canções no repertório.
Dono de um talento incomum, além de romântico e espirituoso, Jorge é, sem dúvida, uma pessoa fascinante. Quem o conhece mais de perto sabe bem disso! Com 40 anos dedicados inteiramente à MPB, Jorge Aragão continua em atividade e, durante sua caminhada, descobriu que tem uma verdadeira “sede” de informações. É fascinado pelo avanço da tecnologia, e isso o instiga e o faz buscar o novo a todo instante. Jorge acha incrível viver na era da revolução tecnológica.
O ex-integrante da banda Fundo de Quintal, recentemente, foi homenageado pelo projeto Sambabook dedicado à sua obra. Gravado em março de 2016 na cidade das artes, no Estado do Rio de janeiro, o CD e DVD contou com convidados como Emicida, Maria Rita, Lenine, Seu Jorge, Ivan Lins, Sandra de Sá e Vander Lee, que se revezaram em novas versões para os sambas de Aragão. Diogo Nogueira, Xande de Pilares, Péricles, Joyce Cândido e Thais Macedo reforçaram o time de sambistas ao lado de Alcione, Zeca Pagodinho, Beth Carvalho, Martinho da Vila e Elza Soares. O projeto contou ainda com as participações de Anitta, Baby do Brasil, Luiz Melodia, Luciana Mello e Jorge Vercillo.
Filho da mãe acreana, Jorge começou sua carreira pelo samba na década de 1970, em bailes e casas noturnas. Como compositor, despontou em 1976, quando Elza Soares gravou sua composição “Malandro” (com Jotabê). Foi integrante do grupo Fundo de Quintal e um de seus principais compositores e letristas, tendo por isso abandonado o conjunto algum tempo depois para dedicar-se à carreira solo.
O primeiro disco solo, “Jorge Aragão”, veio em 1981, pela Ariola. Conhecedor do carnaval carioca, foi comentarista dos desfiles de escolas de samba nas TV’s Globo (para quem compôs o tema do Globeleza, ao lado de Franco Lattari), Manchete e nos últimos anos no projeto Carnaval do Povão pela CNT. Com doze discos lançados, excursionou pelos Estados Unidos e se apresenta em várias cidades do Brasil.
Entre seus sucessos estão “Coisinha do Pai” (com Almir Guineto e Luiz Carlos), consagrado na gravação de Beth Carvalho que valeu uma gravação inédita em 1997 para acordar Mars Pathfinder um robô da Nasa em Marte; “Coisa de Pele”, “Vou Festejar”, “Alvará”, “Terceira Pessoa”, “Amigos… Amantes”, “Do Fundo do Nosso Quintal” e “Enredo do Meu Samba” entre outras. Além de samba e pagode, Jorge também compôs nos gêneros xote, samba-rock e samba funk.
Realização: Opus Promoções e Carlos Sion
Duração: 90 min
Faixa Etária: Livre
JORGE ARAGÃO
Quarta-feira, 18 de outubro, às 21h
Teatro Bradesco (Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo)
INGRESSOS:
Setor
Valor
Meia-entrada
Frisas 3º andar
R$ 80,00
R$ 40,00
Frisa 2º andar
R$ 100,00
R$ 50,00
Frisa 1º andar
R$ 120,00
R$ 60,00
Balcão Nobre
R$ 140,00
R$ 70,00
Plateia O a W
R$ 160,00
R$ 80,00
Plateia A a N
R$ 180,00
R$ 90,00
Camarote
R$ 180,00
R$ 90,00

Hasbro traz de volta os icônicos piões de Beyblade

Com a estreia da série Beyblade Burst, os fãs terão a volta dos esperados piões de batalha

A marca, que virou febre no Brasil no início da década, está de volta nas telinhas e nas lojas de todo o país. De cara nova, Beyblade reestreou no canal Cartoon Network com a série “Beyblade Burst” e, nas prateleiras, com os novos piões e acessórios da Hasbro.

image007.jpg

Mais de 1 milhão de piões foram vendidos no passado e, dessa vez, os fãs terão ainda mais motivos para garantir o seu. Além dos quatro tipos (ataque, defesa, equilíbrio e resistência), são três camadas de customização, possibilitando mais de 5 mil combinações entre as peças!

O grande diferencial da nova linha é que os piões detonam de verdade! Durante a batalha, um pode desmontar o outro em pedaços. Sendo assim, você pode ser o vencedor não apenas sendo o último a parar de girar, mas se destruir seu adversário.

A Hasbro também lançou um aplicativo exclusivo de Beyblade Burst, em que é possível testar os mais variados piões e duelar online com seus adversários.

Os piões estarão disponíveis em todas as lojas do país e os preços variam de R$69,00 a R$399,99

Tectoy anuncia a volta do Pense Bem, um dos brinquedos de maior sucesso da década de 80

Prestes a completar 30 anos de seu lançamento, produto que lembrava um computador da época volta a ser fabricado e já pode ser adquirido em pré-venda por R$269, com exclusividade no site www.tectoy.com.br; o novo Pense Bem tem o mesmo design da versão original, e também já vem com jogos educativos e um livro de atividades

image001 (1).jpg“Muito mais que um brinquedo, quase um computador”. Com esse slogan, o Pense Bem não apenas se tornou o sonho de consumo de milhares de crianças no final da década de 80, como conquistou a família inteira. Agora, o brinquedo da Tectoy que marcou uma geração e, para muitos, foi o primeiro contato com a tecnologia, está de volta. Com design baseado no modelo original, o novo Pense Bem mantém a essência que o consagrou na época: é um brinquedo educativo e lúdico, que por meio de jogos e livros de atividades de perguntas e respostas, estimula o raciocínio e promove o aprendizado de temas que vão de música a história. O novo Pense Bem já está em pré-venda exclusiva pelo site da Tectoy (www.tectoy.com.br) por R$269.

“Relançar o Pense Bem, um dos maiores êxitos da indústria de brinquedos de todos os tempos, foi mais uma forma que encontramos para comemorar os 30 anos da Tectoy e do próprio produto, que completará 30 anos em 2018”, disse Stefano Arnhold, presidente do conselho da Tectoy.

O novo Pense Bem será produzido na fábrica da Tectoy em Manaus e, como no modelo lançado em 1988, já virá com dez jogos embarcados no aparelho, como desafios de matemática e memória, e um “Livro de Atividades Programadas” para testar os conhecimentos em 150 questões de várias áreas do conhecimento.

“A Tectoy lançou o primeiro Pense Bem em um momento que a informática avançava no Brasil. Quase três décadas depois, a vida digital é uma realidade e o Pense Bem é uma alternativa inteligente de diversão e aprendizado fora do mundo virtual”, acrescentou Tomás Diettrich, CEO da Tectoy.

Quem adquirir o Pense Bem ainda na pré-venda terá um desconto de R$30 no valor final do produto, que, quando lançado à pronta entrega, em setembro de 2017, custará R$299.

Com caixa inspirada em sua primeira embalagem, o Pense Bem funciona com uma fonte de alimentação, que acompanha o produto, ou a pilhas.

Mais informações sobre o Pense Bem e outros produtos da Tectoy estão disponíveis em www.tectoy.com.br

ESPETÁCULO CASTELO RÁ-TIM-BUM – O MUSICAL ESTREIA DIA 9 DE SETEMBRO, NO TEATRO OPUS, EM SÃO PAULO

Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical é apresentado por Ministério da Cultura e Brasilprev, empresa líder e especialista em previdência privada, com realização da 4ACT Entretenimento. A adaptação para os palcos é inédita e traz todos os principais personagens da série televisiva da TV Cultura que foi eternizada nos anos 90. O espetáculo estreia dia 9 de setembro no Teatro Opus e os ingressos começam a ser vendidos na quinta-feira, 3 de agosto. No entanto, para os fãs da série que quiserem assistir em primeira mão ao musical, já estão à venda ingressos para as sessões de pré-estreia nos dias 2 e 3 de setembro.
ViewImage.jpg
“Não se trata de mais um musical infantil. Preparamos um espetáculo de grande porte voltado a toda família, com efeitos especiais, orquestra ao vivo e uma história inédita e surpreendente. Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical vem para ser um marco na história do teatro musical brasileiro”, explica Ricardo Marques, produtor do musical e presidente da 4Act Entretenimento.
Com direção de Léo Rommano, direção musical de Paulo Nogueira, coreografias de Thiago Jansen e direção artística de Léo Rommano e Ricardo Marques, Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical é baseado na série Castelo Rá-Tim-Bum, criada por Cao Hamburger e Flávio de Souza, que estreou em 1994 e foi exibida originalmente até 1997, na TV Cultura, totalizando 90 episódios e um especial. Até hoje, a série é considerada um dos melhores produtos audiovisuais da história da televisão brasileira. “Apoiamos essa iniciativa por acreditar que ela mobilizará toda a família, foco das nossas ações culturais, para um momento de encantamento e diversão. Vivenciar a história do Castelo mais famoso do país trará uma contagiante descoberta para crianças e adolescentes e uma positiva nostalgia aos que acompanharam esse clássico nos anos 90”, comenta Cinthia Spanó, gerente de Comunicação Corporativa e Sustentabilidade da Brasilprev.
Equipe Criativa
Texto Original: JULIANO MARCEANO
Músicas e Letras Inéditas: PAULO OCANHA
Direção: LÉO ROMMANO
Direção Musical: PAULO NOGUEIRA
Coreografia: THIAGO JANSEN
Arranjos e Orquestração: RUBEN DI SOUZA
Assistente de Direção e Diretora Residente: DANI CURY
Assistente de Coreografia: BIA FREITAS
Cenógrafa: MÁRCIA PIRES
Cenógrafa Associada: PAULA DE PAOLI
Figurino: ELIANA LIU
Visagismo: ANTÔNIO VANFILL
Confecção de Bonecos: JÉSUS SÊDA
Designer de Luz: DRIKA MATHEUS
Designer de Luz Associado: ROGÉRIO CÂNDIDO
Designer de Som: BRUNO PINHO
Designer de Som Associado: PAULO ALTAFIM
Programação de Teclados: PAULO ALTAFIM
Direção Artística: LÉO ROMMANO E RICARDO MARQUES
Elenco
Nino: ROBERTO ROCHA
Dr. Victor: RODRIGO MIALLARET
Morgana: ALESSANDRA VERTAMATI
Dr. Abobrinha: IGOR PUSHINOV
Pedro: LIPE VOLPATO
Biba: LAURA CASTRO E KAROL NASCIMENTO
Zequinha: LUIZ HENRIQUE PRUDÊNCIO, HENRY GASPAR E MURILLO MARTINS
Bongô e Flap: GUILHERME LEAL
Etevaldo: PATRICK AMSTALDEN
Celeste: GABRIEL VICENTE
Penélope: MARIA CLARA MANESCO
Caipora: LARISSA LANDIM
Adelaide: ANA ARAÚJO
Patativa: LUCIANA ARTUSI
Patativa: JOYCE COSMO
Mau e Tap: ENRICO VERTA
Godofredo: DANTE ARRUDA
João de Barro e Relógio: EDUARDO LEÃO
Rato e Gato Pintado: EVERTON GRANADO
Zula: LIA CANINEU
Porteiro / Swing: GABRIEL EBLING
Dance Captain / Swing: BIA FREITAS
Produção
Produtor Geral: RICARDO MARQUES
Diretor de Produção: LÉO ROMMANO
Gerente de Produção: MANUELA FIGUEIREDO
Company Manager: GUSTAVO FLÓ
Production Stage Manager: JOÃO SÁ
Stage Managers: EURÍPEDES FRAGA E TATAH CERQUINHO
Assistentes de Produção: GERARDO MATOS, ANA DULCE PACHECO E TAMIRES CÂNDIDO
Financeiro: MAÍRA FREITAS
Sinopse
Nino, um garoto feiticeiro prestes a completar 300 anos, vive em um castelo escondido entre os arranha céus de uma grande cidade. Nesse castelo, Nino tem a companhia de seu tio Victor, feiticeiro e inventor de 3.000 anos, e sua tia avó, também feiticeira, Morgana de 6.000 anos. Além da família de feiticeiros, moram no castelo outras tantas criaturas fantásticas. Apesar de viver em um lugar tão fenomenal, Nino se sentia triste, pois queria ter amigos, ir à escola e brincar na rua como as outras crianças.
Em um dia especial, comemoração de seu aniversário, a tristeza de Nino é interrompida com a chegada de Pedro, Biba e Zequinha, três crianças sem magia, mas com o poder de alegrar a vida do menino feiticeiro.
Tudo está indo muito bem, até que coisas estranhas começam a acontecer. Para salvar o Castelo e todos, Nino terá que provar seu valor e encontrar o caminho da verdadeira magia.

“A Bela e a Fera – O Espetáculo Musical” será apresentado no Grande Auditório do Anhembi, em São Paulo

O musical inova na estrutura e na montagem da releitura do conto clássico, usando a integração dos personagens com o cenário. A apresentação será no sábado, 29 de julho, às 20h, no Grande Auditório do Anhembi. Ingressos já à venda.

Um dos maiores clássicos de animação do cinema chega aos palcos em um espetáculo com mais de 30 atores, com músicos de orquestra ao vivo e uso da tecnologia para interagir personagens e cenário. A apresentação será no sábado, 29 de julho, às 20h, no Grande Auditório do Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1209, Santana).

Os ingressos, todos com cadeira numerada, podem ser adquiridos no site www.ticketbrasil.com.br. Os preços variam de R$ 40,00 a R$ 180,00 (VIP com direito a foto com os personagens no final). Dividida em dois atos, a apresentação tem uma hora e meia de duração.

imagem_release_1001750.jpg
‘A Bela e a Fera’ se apresentam dia 29, em São Paulo. (Foto: Divulgação)

Sobre o espetáculo
O conto de fadas, escrito pelos Irmãos Grimm (Jacob e Wilhelm) em 1812,  traz a estória de amor entre uma linda e inteligente jovem (Bela) e um príncipe que foi enfeitiçado e transformado em Fera. Bela vive em um vilarejo francês com seu pai, que é capturado e aprisionado pela Fera em seu castelo. A jovem consegue localizá-lo e se oferece para ficar no lugar dele. Sua bondade a faz enxergar o lado humano da Fera, por quem se apaixona perdidamente, quebrando o feitiço.

Mesmo a estória sendo já bastante conhecida, o musical inova e surpreende o público ao fazer uma releitura do clássico com o uso de tecnologia para a criação dos cenários. As projeções em vídeo, por exemplo, criam ilusões de ótica no cenário e ajuda na performance dos personagens.

Elenco e figurinos
Com uma estrutura grandiosa de equipe e cenário, o musical encanta o público de todas as idades. O elenco conta com mais de 30 atores, bailarinos e cantores e músicos de orquestra ao vivo. O destaque é a atriz Flávia Mengar, intérprete da Bela, protagonista de outros importantes trabalhos teatrais, como a Dorothy, de “O Mágico de Oz”, e a Ariel, de “A Pequena Sereia”.

São mais de 200 diferentes figurinos, assinados por Bruno de Oliveira, um dos mais respeitados profissionais brasileiros, inclusive por ter sido o responsável por vestir os artistas que participaram do show de abertura da Copa do Mundo, em 2014. A direção é de Bruno Rizzo, conhecido por outros importantes trabalhos como “Aladim” e “Broadway Nights”.

A turnê pretende percorrer pelo menos 30 grandes cidades brasileiras, como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Salvador, Goiânia, Brasília, Ribeirão Preto, Paulínia, Londrina, Maringá, Maceió, Joao Pessoa, Joinville, São José do Rio Preto, Sorocaba, Porto Alegre, Florianópolis, Natal, Fortaleza, Belo Horizonte e Juiz de Fora, entre outras.

Serviço:
A Bela e a Fera – O Espetáculo Musical
Data: sábado, 29 de Julho
Local: Grande Auditório do Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1209, Santana)
Horário: 20h
Ingressos: Plateia VIP – R$ 180,00 (inteira) e R$ 90,00 (meia) – VIP com direito a foto com os personagens no final
Plateia Diamante – R$ 150,00 (inteira) e R$ 75,00 (meia)
Plateia Ouro esquerda – R$ 120,00 (inteira) e R$ 60,00 (meia)
Plateia Ouro direita – R$ 120,00 (inteira) e R$ 60,00 (meia)
Mezanino Prata – R$ 100,00 (inteira) e R$ 50,00 (meia)
Mezanino Bronze – R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia)
Vendas Online pelo http://www.ticketbrasil.com.br

BELA ADORMECIDA

Após bem-sucedida temporada no Teatro Opus, o musical que traz Adriane Galisteu no papel principal ao lado do filho Vittorio, acaba de confirmar apresentações no Teatro Bradesco

Todo mundo tem seu clássico preferido e a história da Bela Adormecida está entre uma das mais adoradas mundo afora. Esta nova adaptação do conto de Charles Perrault colocará a vilã Maléfica para cantar e encantar espectadores de todas as idades.
Com direção do italiano Billy Bond, o musical infantil Bela Adormecida é fruto da adaptação do famoso conto de fadas homônimo e conta a história da princesa Aurora (Bela Adormecida), que em sua festa de batizado acaba sendo vítima de uma terrível maldição proferida por Maléfica, a rainha do mal.
ViewImage (1).jpg
Adriane Galisteu é a Malévola, em Bela Adormecida, no Teatro Bradesco. (Foto: Bianca Tatamiya)
Com realização da Black & Red Produções, o espetáculo que estreou no novíssimo Teatro Opus, em São Paulo, será apresentado, nos dias 7 e 8 de outubroàs 15h, noTeatro Bradesco. Ingressos já à venda na bilheteria do Teatro, pelo site da Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com.br) e pontos autorizados. Confira o serviço completo abaixo.
Adriane Galisteu é a protagonista da produção. No papel de Maléfica, ela trará uma nova imagem ao estereótipo típico dos personagens dos contos de fadas que, geralmente, são antiquados e carrancudos. Galisteu interpreta uma vilã muito mais jovial, elegante, majestosa e até com certa luz própria. Outra novidade é que a atriz contracena com seu filho Vittorio Galisteu. Vittorio, de seis anos, interpreta o papel do Príncipe Felipe Criança. Essa foi uma maneira encontrada por Galisteu para inicia-lo no mundo das artes cênicas e também para estar mais perto do filho enquanto trabalha.
Bela Adormecida também nos presenteia com personagens carismáticos e sequências incríveis, a começar pela abertura, que se destaca pela riqueza dos cenários e, principalmente, pelos belíssimos efeitos especiais. Efeitos, estes, que podem ser vistos durante toda a apresentação, como, por exemplo, na transformação de Maléficaem Dragão, a luta entre o Príncipe Felipe e o Dragão, a mudança de cores do vestido da Bela Adormecida, atores contracenando com desenhos animados, entre outros. Além disso, o público poderá experimentar interações, como cheiros e sensações de chuva e neve na plateia. O musical possui, no total, seis cenários reais e virtuais, todos minuciosamente elaborados e construídos.
As fadas FloraFauna e Primavera, protetoras de Aurora, são personagens que prometem encantar e cativar a audiência do teatro. Este trio de irmãs renderá cenas mágicas durante o musical, como, por exemplo, um desastre provocado e que se torna a surpresa do aniversário da princesa adormecida. As três personagens conduzem, praticamente, a história toda durante o musical.
Carlos Gardin ficou responsável pelos figurinos do espetáculo. Ele criou e produziu 180 peças para dar vida a este mundo de fantasia cheio de glamour. Os 40 personagens que aparecem em cena serão representados por 22 atrizes e atores, que se revezam em diferentes papéis. Confira elenco completo:
A trilha sonora é outro elemento que merece destaque. A música-tema é de composição do grande compositor russo Piotr Ilich Tchaikovsky (O Lago dos Cisnes) e as trilhas tema dos personagens Bela, FelipeMaléfica e Fadas foram especialmente compostas para o musical pela dupla VILABOND. As composições conseguem proporcionar uma maior emoção e intensidade às cenas românticas, cômicas ou de maior ação.
Bela Adormecida pode ser considerada uma verdadeira reunião de vários elementos típicos presentes nos contos de fadas: princesas amaldiçoadas, combates mortais, castelos, reis, fadas, dragões, entre outros. Além de ser um conto mundialmente conhecido. Apesar de sua história ser bem conhecida, ela consegue prender a nossa atenção e nos deixar verdadeiramente encantados, tamanha a magia e graciosidade presentes na produção.
Realização: Black&Red Produções
Duração: 110 min
Faixa etária: Livre
BELA ADORMECIDA
Dias 7 e 8 de outubro
Sábado e domingo, às 15h
Teatro Bradesco (Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo)

“Maria e o caso das gravuras desaparecidas”: o futuro de João e Maria após a história dos Irmãos Grimm

image004.jpgAnos se passaram após aquele dia na floresta em que João e Maria foram induzidos a entrar na casa feita de doces da bruxa. Mas o reflexo desta experiência de “quase serem assados” ainda acompanha os irmãos. Por isso, João divide a sua vida entre uma ida à taberna e a permanência na cozinha. Por outro lado, apesar de não conseguir ficar muito tempo sem guloseimas, Maria, agora com 35 anos, seguiu em frente e tornou-se uma reconhecida detetive particular.

Quando algumas gravuras do famoso Albrecht Dürer desaparecem do apartamento do herdeiro do pintor, Maria é procurada para solucionar este mistério. A recompensa pode ser generosa, o que faz a detetive viajar às pressas para Nuremberg com seu irmão, promovido a ajudante.

Mas em meio a um festival gastronômico que promete movimentar toda a cidade, com um anfitrião expansivo demais e duendes ranzinzas, Maria precisará usar toda a sua inteligência para descobrir a verdade, já que nem tudo em Nuremberg é o que parece.

P.J. Brackston é o pseudônimo de Paula Brackston, autora de “A filha da feiticeira” e “A feiticeira do inverno”, ambos publicados pela Bertrand Brasil. “Maria e o caso das gravuras desaparecidas” chega às livrarias em julho.

P.J Brackston é mestre em Escrita Criativa pela Universidade Lancaster. Foi agente de viagens, secretária, professora de inglês e até pastora de cabras antes de se tornar escritora. P.J vive nas montanhas do País de Gales com seus filhos.

A Bela e a Fera chega à plataforma de streaming de vídeo para locação

Looke, plataforma brasileira de streaming de vídeos on demand, liberou para aluguel em seu serviço a mais recente adaptação live-action produzida pela Walt Disney Pictures, A Bela e a Fera.

a-bela-e-a-fera
“A Bela e a Fera” chega para o Lookie. (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de recriar a versão animada de 1991, o novo longa traz atores renomados e ótima produção gráfica para trama. A história segue semelhante, Bela mora em uma pequena aldeia francesa e tem o pai capturado por uma Fera.

Em um ato de coragem, decide trocar de lugar com ele e viver com a besta em seu estranho castelo. Lá, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera precisa de amor para voltar a ser humano.

O romance musical tem direção de Bill Condon e apresenta atores consagrados, como Emma Watson, Emma Thompson e Ewan McGregor.

O filme está disponível para locação como pré-lançamento por RS 16,99.

Imagens de apoio podem ser baixadas neste link.

Ficha técnica

A Bela e a Fera

Direção: Bill Condon.

Estrelando: Audra McDonald, Dan Stevens, Emma Thompson, Emma Watson, Ewan McGregor, Josh Gad, Kevin Kline e Luke Evans.

Idade indicada: 10 anos.

Duração: 126 minutos (2h 06 minutos)

VOD – R$ 16,99