Arquivo da tag: Comic Con Experience

Diretor de Harry Potter e Esqueceram de Mim, Chris Columbus, é um dos convidados de honra da CCXP18

CCXP – Comic Con Experience, considerada a maior comic con do planeta após reunir um público recorde de 227 mil pessoas em 2017, anuncia o seu primeiro convidado de honra e homenageado internacional do ano: Chris Columbusaclamado diretor e roteirista de produções como Harry Potter, Gremlins, Os Goonies e Esqueceram de Mim, em sua edição comemorativa de cinco anos, que acontece de 06 a 09 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo. Columbus vem pela primeira vez ao Brasil para receber a homenagem, falar sobre sua carreira e encontrar os fãs em painéis e sessão de fotos e autógrafos nos quatro dias do evento.

Atualmente colaborando com a produtora brasileira RT Features, o americano Christopher “Chris” Columbus dirigiu os dois primeiros filmes da saga Harry Potter: A Pedra Filosofal e Câmara Secreta, em 2001 e 2002, respectivamente, e foi convidado por J.K. Rowling para ajudar a produzir o terceiro longa da franquia, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, em 2004.

img.jpg
Diretor dos primeiros “Harry Potter”, Chris Columbus confirma presença na CCXP. (Foto: Divulgação)

Mais de uma década antes, em 1990, dirigiu as aventuras natalinas de Kevin McCallister (Macaulay Culkin) e sua família no icônico Esqueceram de Mim e na sua continuação (Perdido em Nova York) em 1992. Nos anos 80, foi responsável pelo roteiro dos clássicos Gremlins (1984) e Os Goonies (1985).

Columbus também produziu outros grandes sucessos como O Homem Bicentenário e Uma Babá Quase Perfeita, ambos com o saudoso Robin Williams, além de Uma Noite no Museu (1, 2 e 3), Percy Jackson e o Mar de Monstros, entre vários outros clássicos modernos. Recentemente, ele anunciou que está produzindo o terceiro filme da saga Gremlins, ainda sem previsão de estreia.

Sem filmes como Harry Potter, Os Goonies, Esqueceram de Mim e Gremlins, de certa maneira não existiria a CCXP. Seja como diretor, produtor ou roteirista, Columbus criou universos incríveis para todas as idades, falando sobre amizade e cumplicidade, sempre com altas doses de aventura, bom humor e emoção. Essa é a justamente essência do nosso festival. Por isso, a honra é toda nossa em poder homenageá-lo”, afirma Érico Borgo, diretor de conteúdo do Omelete Group.

A agenda completa do cineasta na CCXP18 será anunciada nos próximos meses.

Além de Columbus, já estão confirmados para o evento o ator Sebastian Stan, o Soldado Invernal de Vingadores: Guerra Infinita e o elenco de várias temporadas de Power Rangers em comemoração aos 25 anos da série.

Os ingressos da CCXP estão à venda pelo site www.ccxp.com.br com preços a partir de R$ 99,99. O ingresso Full Experience já está esgotado.

Confira os valores atuais de meia entrada/ ingresso social*:

  • Quinta-feira (06 de dezembro) – R$ 99,99
  • Sexta-feira (07 de dezembro) – R$ 129,99
  • Sábado (08 de dezembro) – R$ 179,99
  • Domingo (09 de dezembro) – R$ 169,99
  • Pacote 4 dias – R$ 489,99

* A meia-entrada/ ingresso social é válida a todos que doarem um livro – entregue em bom estado de conservação na entrada do evento –, que posteriormente será doado à Prefeitura de São Paulo. O benefício é também garantida por lei aos estudantes com posse de carteirinha, idosos, aposentados, professores da rede municipal e estadual de São Paulo e portadores de necessidades especiais.

Serviço:

CCXP – Comic Con Experience

Data: De 06 a 09 de dezembro de 2018

Horários:

  • Quinta-feira (06 de dezembro) – 12h às 21h
  • Sexta-feira (07 de dezembro) – 12h às 21h
  • Sábado (08 de dezembro) – 11h às 21h
  • Domingo (09 de dezembro) – 11h às 20h

Local: São Paulo Expo – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Água Funda, São Paulo – SP.

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

www.twitter.com/CCXPoficial

http://www.instagram.com/ccxpoficial

Anúncios

Comic Con Experience 2018 abre inscrições para Artists’ Alley

Quinta edição da maior comic con do mundo acontece de 06 a 09 de dezembro no São Paulo Expo

CCXP – Comic Con Experience, maior comic con do planeta após reunir 227 mil pessoas em 2017 e bater mais uma vez o recorde de público em comic cons no mundo, anuncia o calendário de inscrições para o Artists’ Alley, área dedicada aos quadrinistasconsiderada o coração do festival. Os interessados podem se inscrever pelo site do evento até às 23h59 do dia 30 de maio. No dia 20 de junho serão divulgados os aprovados.

aa180430_125822.jpg
Artists Alley já estão com inscrições abertas. (Foto: Divulgação)

O Artists’ Alley é a área mais tradicional de uma comic con, é o espaço dedicado à interação entre fãs e quadrinistas, tanto independentes quanto aqueles que trabalham para as grandes editoras brasileiras e estrangeiras, incluídos aí roteiristas, desenhistas, arte-finalistas e coloristas. É nesse espaço que os artistas apresentam e vendem pôsteres, sketchbooks, artes originais e outros itens. Trata-se de uma área que está relacionada com o início das comic cons, que surgiram no final da década de 1960 como eventos que reuniam fãs e profissionais de quadrinhos e que, com o tempo, evoluíram para abranger outras áreas do mundo pop.

Maior Artists’ Alley das Américas

Ao mesmo tempo em que ocupou o posto de maior comic com do mundo, a CCXP também comemorou o marco de maior Artists’ Alley das Américas. A área está presente desde a primeira edição. Em 2014, reuniu 215 quadrinistas nos quatro dias de evento, ultrapassando a San Diego Comic Con 2014 em quantidade de expositores. Em 2015 foram mais de 265 artistas e em 2016 essa área cresceu novamente, passando a 336 mesas, suficientes para acomodar os 460 quadrinistas – no mesmo ano, a San Diego Comic (SDCC) Con registrou 177 artistas em seu Artists’ Alley e a New York Comic Com (NYCC) teve 470 artistas. No ano passado, um novo recorde. O Artists’ Alley da CCXP contou com 515 artistas, o dobro do número registrado na tradicional SDCC e também maior que a área similar da NYCC.

Confira o calendário completo para a inscrição:

2/05/2018 – Início das inscrições (a partir das 12h, horário de Brasília)

30/05/2018 – Término das inscrições (até às 23h59, horário de Brasília)

20/06/2018 – Divulgação dos aprovados e início da contratação do espaço (por e-mail)

11/07/2018 – Término da contratação do espaço pelos aprovados e data limite para o envio de informações para o site.

Para acessar o manual completo, clique aqui.

CCXP – Comic Con Experience (www.ccxp.com.br), que reuniu 227 mil pessoas em 2017 e reiterou o recorde de público em comic cons no mundo, terá sua quinta edição entre 6 e 9 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo. A edição comemorativa do festival de cultura pop promete ser a maior da história.

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

www.twitter.com/CCXPoficial

http://www.instagram.com/ccxpoficial

Joe Rubinstein, artista da Marvel Comics, vem à CCXP18

Alemão foi o arte-finalista da HQ The Infinity Gauntlet (Desafio Infinito), de 1991, considerada uma das sagas mais importantes da Marvel Comics e que se liga ao novo Vingadores: Guerra Infinita

CCXP – Comic Con Experience, considerada a maior comic con do planeta após reunir um público recorde de 227 mil pessoas em 2017, confirma a presença de Joe Rubinstein, artista da Marvel Comics, na quinta edição do festival, que acontece de 06 a 09 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo.

O quadrinista alemão, que virá pela primeira vez ao Brasil, é o artista e escritor mais presente no Guia Oficial do Universo Marvel (The Official Handbook of Marvel Universe), pelo qual detém um recorde mundial no Guinness Book.

Rubinstein também participou da criação da minissérie de Wolverine em quatro edições de 1982, em parceria com Chris Claremont e Frank Miller. Em 1991, ele foi arte-finalista de seis edições de The Infinity Gauntlet (Desafio Infinito), dos autores Jim Starlin e George Pérez. A saga é considerada uma das mais importantes do universo Marvel, pois mostra a evolução do vilão Thanos, história que se relaciona agora com Vingadores: Guerra Infinita.

Entre 1993 e 1996, foi o arte-finalista do escritor e desenhista Dan Jurgens na revista Superman, em histórias que marcaram o retorno do personagem ao Universo DC após a conclusão da saga A Morte do Superman.

Ele estará no evento todos os dias e ficará no Artists’ Alley, além de participar de painéis especiais.

CCXP – Comic Con Experience (www.ccxp.com.br), que reuniu 227 mil pessoas em 2017 e reiterou o recorde de público em comic cons no mundo, terá sua quinta edição entre 6 e 9 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo. A edição comemorativa do festival de cultura pop promete ser a maior da história. Os ingressos para quinta, sexta, sábado, domingo, pacote de quatro dias, Full Experience, Unlock e Epic Experience estão à venda pelo site com preços a partir de R$ 89,99. Para saber mais, acesse:

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

www.twitter.com/CCXPoficial

www.instagram.com/ccxpoficial/

John Romita Jr., um dos maiores quadrinistas do mundo, vem ao Brasil pela primeira vez para a CCXP18

Artista americano é presença confirmada na quinta edição da CCXP – Comic Con Experience, que acontece de 6 a 9 de dezembro em São Paulo

CCXP – Comic Con Experience, considerada a maior comic con do planeta após reunir um público recorde de 227 mil pessoas em 2017, confirma a presença do quadrinista americanoJohn Romita Jr. na quinta edição do festival, que acontece de 06 a 09 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo.

O artista vem ao Brasil pela primeira vez e será um dos principais quadrinistas do mundo a passar pela CCXP. Romita Jr. estará no evento todos os dias no Artists’ Alley – espaço dedicado especialmente aos quadrinhos – em horários pré-definidos, e em painéis especiais nos auditórios. Todas as atividades terão a programação completa divulgada em breve.

Filho de John Romita Sr., um dos artistas mais famosos de Spiderman (Homem-Aranha) desde os anos 1960, JRJr. começou a carreira cedo. Aos 13 anos de idade propôs a criação de um personagem a Stan Lee, que posteriormente apresentou Prowler (Gatuno) ao lado de John Buscema na revista The Amazing Spider-Man #78 (O Espetacular Homem-Aranha) em 1969. Na Marvel UK (braço britânico da Marvel Comics), começou a desenhar esboços para capas de reimpressões, até estrear com uma história de seis páginas em The Amazing Spider-Man Annual #11 em 1977.

No ano seguinte, começou a ganhar popularidade ao participar de histórias do Iron Man (Homem de Ferro) ao lado do escritor David Michelinie e do desenhista Bob Layton, que na ocasião foram responsáveis por introduzir vários personagens à trama, como a namorada do guarda-costas de StarkBethany Cabe, e o rival Justin Hammer. Nessa fase, desenhou os clássicos do Homem de Ferro: Warmor Wars (A Guerra das Armaduras) e Demon in a Bottle (O Demônio da Garrafa).

img.jpg
John Romita Jr., um dos quadrinistas de Homem-Aranha, estará na CCXP18.  (Foto: Divulgação)

Nos anos 1980, teve participação regular nas revistas do Homem-Aranha. Ao lado do escritor Dennis O’Neil, apresentou as personagens Madame Web (Madame Teia) e Hydro-Man(Homem Hídrico), além de cocriar Hobgoblin (Duende Macabro) com o roteirista Roger Stern. Desenhou ainda Marvel Super Hero Contest of Champions (Torneio de Campeões), primeira série limitada publicada pela Marvel Comics reunindo os principais personagens da editora. Em sua primeira passagem como artista regular de Uncanny X-Men, cocriou o personagemForge.

De 1988 a 1990, Romita desenhou a revista do Daredevil (Demolidor), na época com roteiros de Ann Nocenti e arte-final de Al Williamson, quando participou da criação da personagemTyphoid Mary.

Na década de 1990 continuou em diversos títulos da Marvel, como: o segundo arco da história Armor Wars do Homem de FerroThe Punisher War Zone (O Justiceiro: Em Zona de Guerra); a primeira minissérie do mutante Cable; e o crossover de Punisher (Justiceiro) e Batman. Além disso, Romita Jr. colaborou com Frank Miller em Daredevil: The Man Without Fear (Demolidor: O Homem Sem Medo), uma história sobre a origem do personagem. Foi um dos responsáveis por relançar Thor com Dan Jurgens em 1998 e Peter Parker: Spider-Man com Howard Mackie em 1999.

Já nos anos 2000, o artista retornou às histórias do Homem-Aranha, participando de uma HQ em homenagem às vítimas do ataque de 11 de setembro, em que mostrava que até mesmo o super-herói estava inconformado com tamanha destruição. Outro trabalho de destaque na época foi na série regular do Wolverine – personagem cocriado pelo seu pai – ao lado do roteirista Mark Millar.

Em 2004, sua primeira história própria em quadrinhos, The Grey Area, foi publicada pela Image Comics. Desenhou também histórias do Black Panther (Pantera Negra)The Sentry (Sentinela) e Ultimate Vision.

Em 2008, Romita voltou a colaborar com Mark Millar, com quem cocriou Kick-Ass, personagem que já teve dois filmes no cinema.

Após 30 anos na Marvel, John Romita Jr. foi convidado pela DC Comics para ser um dos artistas exclusivos da editora, trabalhando em Superman (Super-Homem) com o escritor Geoff Johns, em 2014. Ao lado de Scott Snyder, participou do relançamento de DC Rebirth (Renascimento) com a revista All-Star Batman, de 2016. No mesmo ano, desenhou Dark Knight Returns: The Last Crusade (O Cavaleiro das Trevas: A Última Cruzada), uma história do Joker (Coringa) escrita por Frank Miller e Brian Azzarello que integra a cronologia do clássico O Cavaleiro das Trevas.

No ano seguinte, ele e o escritor Dan Abnett lançaram a série The Silencer, como parte da linha Dark Metal da DC Comics. Atualmente, o artista está trabalhando com Frank Miller emSuperman: Year One, série que mostrará as origens do Homem de Aço e será lançada ainda neste ano.

CCXP – Comic Con Experience (www.ccxp.com.br), que reuniu 227 mil pessoas em 2017 e reiterou o recorde de público em comic cons no mundo, terá sua quinta edição entre 6 e 9 de dezembro de 2018 no São Paulo Expo. A edição comemorativa do festival de cultura pop promete ser a maior da história. Os ingressos para quinta, sexta, sábado, domingo, pacote de quatro dias, Full Experience, Unlock e Epic Experience estão à venda pelo site com preços a partir de R$ 89,99. Para saber mais, acesse:

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

www.twitter.com/CCXPoficial

www.instagram.com/ccxpoficial

CCXP18 anuncia comemoração oficial dos 80 anos de Superman

A quinta edição do festival, que acontece de 6 a 9 de dezembro em São Paulo, terá artistas e conteúdos exclusivos relacionados ao super-herói

É um pássaro? É um avião? Não, é o Superman! A CCXP – Comic Con Experience, maior comic con do planeta após reunir um recorde de 227 mil pessoas em 2017, anuncia a celebração dos 80 anos do Superman – o Homem de Aço, personagem que iniciou um gênero que só cresce no mundo – com selo e atividades oficiais da DC Comics que acontecerão na quinta edição do festival, entre os dias 06 e 09 de dezembro no São Paulo Expo.

Painéis com artistas nacionais e internacionais, atividades e conteúdos exclusivos estão sendo preparados para comemorar o aniversário do herói, que nasceu nas HQs da DC Comics em 1938 pelas mãos do roteirista Jerry Siegel e do desenhista Joe Shuster.

img.jpg
Cosplayers de Superman e Batman na CCXP17. (Foto: Flávio Battaiola / Galpão de Imagens)

Esta será a primeira de uma série de comemorações que a CCXP18 realizará este ano, unindo conteúdo em palcos com convidados e ativações presenciais no festival. Novidades serão divulgadas ao longo dos próximos meses.

A edição comemorativa de cinco anos da CCXP deve ser a maior da história e os ingressos podem ser adquiridos pelo site do evento. Atenção! Os preços especiais de primeiro lote vão só até 30/04. Confira os valores (meia-entrada/ ingresso social):

  • Quinta-feira (06 de dezembro) – R$ 89,99
  • Sexta-feira (07 de dezembro) – R$ 119,99
  • Sábado (08 de dezembro) – R$ 159,99
  • Domingo (09 de dezembro) – R$ 149,99
  • Pacote 4 dias – R$ 429,99

A meia-entrada/ ingresso social é válida a todos que doarem um livro – entregue em bom estado de conservação na entrada do evento –, que posteriormente será doado à Prefeitura de São Paulo. O benefício é também garantido por lei aos estudantes com posse de carteirinha, idosos, aposentados, professores da rede municipal e estadual de São Paulo e portadores de necessidades especiais.

Para saber mais sobre o maior festival de cultura pop do mundo, acesse:

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

www.twitter.com/CCXPoficial

www.instagram.com/CCXPoficial/

Ordem Vermelha está entre os livros de ficção mais vendidos de janeiro em todo país

Primeiro livro de conteúdo original da Comic Con Experience, em parceria com a editora Intrínseca, Ordem Vermelha: Filhos da Degradação está entre os livros de ficção mais vendidos de janeiro em todo país. Lançado há menos de dois meses, durante a CCXP, a incrível saga criada por Felipe Castilho chegou à 12ª posição da lista de best-sellers da PublishNews — fazendo dele a obra de fantasia nacional mais vendida nesse início de ano. A trama se desenrola na última região habitada do mundo, Untherak, onde o povo tem uma única missão: servir à deusa Una sem questionamentos. Não importa a raça, todos estão submetidos à servidão, seja humano, anão, gigante, sinfo, kaorsh ou gnoll, trabalhando até o fim da vida para manter a organização do governo da soberana. Até que um grupo de rebeldes, liderado por uma figura misteriosa, resolve desafiar o status quo e encerrar o reinado de Una de uma vez por todas.

img.jpg
“Ordem Vermelha” é um dos livros mais vendidos no Brasil. (Foto: Divulgação)

Ordem Vermelha, do autor Felipe Castilho, leva o leitor a um novo mundo. Com ares de distopia e inspiração em fantasias medievais, retrata uma população que sobrevive em meio à dor, assolada pelos castigos constantes e pelas escassas alternativas possíveis em um governo autoritário. A trama criada pelo autor paulista Felipe Castilho, em parceria com o ilustrador Rodrigo Didier e o escultor 3D Victor Hugo Sousa, tem um pano de fundo que lembra os cenários ricos de O Senhor dos Anéis e traz uma realidade desoladora que se aproxima à de histórias como Star Wars. Recheada de mistérios, conspirações e personagens tão marcantes quanto diversos, é uma saga icônica por si só.

Para lutar pela liberdade do povo de Untherak, o pequeno núcleo de rebeldes deve deixar suas diferenças de lado e enfrentar alguns dos maiores desafios de suas vidas. Apostar em um futuro sem a soberana Una é um tiro no escuro, ainda mais em uma sociedade enterrada sob segredos que parecem nunca ter fim, mas os aspirantes a heróis trazem a fagulha de esperança de que algo melhor surja — mesmo que para isso seja preciso destruir o único mundo que conhecem. A narrativa é um verdadeiro épico sobre resistir à opressão e sobre a importância de poder traçar o próprio destino.

FELIPE CASTILHO é autor de livros de fantasia, além de roteirista. Famoso pela série O legado folclórico, que une mitologia brasileira com o mundo dos videogames, foi indicado ao Prêmio Jabuti 2017 pelo quadrinho Savana de pedraOrdem Vermelha: Filhos da Degradação, escrito em cocriação com Rodrigo Bastos Didier e Victor Hugo Sousa, é seu livro de estreia na editora Intrínseca.

Ordem Vermelha: Filhos da Degradação, de Felipe Castilho

Páginas: 448

Livro impresso: R$ 44,90

E-book: R$ 21,90

Outras informações:

Editora Intrínseca

Gustavo Autran – gustavoautran@intrinseca.com.br

Andressa Camargo – andressacamargo@intrinseca.com.br

Helena Mayrink – helenamayrink@intrinseca.com.br

www.intrinseca.com.br

Facebook: EditoraIntrinseca

Twitter: @intrinseca

Instagram: @intrinseca

55 21 3206-7433

Série sobre mascotes da Turma da Mônica estreia no Youtube

A Mauricio de Sousa Produções lança nessa semana a primeira das muitas novidades apresentadas ao público durante a CCXP 2017

Os apaixonados por pets já podem comemorar: o primeiro episódio da animação Biduzidos chegou aos canais da Mauricio de Sousa Produções. A nova websérie é focada nos mascotes da Turma da Mônica em situações divertidas e dinâmicas que somente os bichinhos mais queridos das histórias em quadrinhos poderiam se meter.

Com lançamentos quinzenais, cada episódio mostrará como Bidu, Mingau, Floquinho, Chovinista e Giselda se comportam em seu mundo particular. O público poderá conhecer melhor a personalidade de cada um e perceber que eles podem ser muito diferentes do que os donos imaginam. Descubra em www.youtube.com/turmadamonicaTV.

MiniCo estreia na CCXP com colecionáveis da Liga da Justiça

Por Rodrigo Bocatti

A MiniCo, criada esse ano, fez sua estreia e apresentou seus lançamentos, anunciou o que estava por vir. Com mini Batman, Coringa e Arlequina, a empresa fez muito sucesso durante a Comic Con Experience e superou as expectativas.

“O preço ajudou também (R$ 99), a gente vendeu super bem, as pessoas adoraram os protótipos de Liga da Justiça que estamos expondo. Não sabemos nem como seria a feira, mas superou as expectativas e estamos em desenvolvimento para lançar mais produtos”, afirmou o CEO da MiniCo, Thomer Elkrief.

FBAT1781.JPG
MiniCo fez sua estreia na CCXP. (Foto: Flávio Battaiola/Galpão de Imagens)

Elkrief ainda disse que a MiniCo desenvolveu produtos para os colecionadores em parceria com a Iron Studios, estão em processo de desenvolvimento de miniaturas com realidade de produtos maiores. Os próximos lançamentos são Superman, Ciborgue, Mulher-Maravilha, que devem chegar no mercado em 2018.

Nerd/geek não tem idade

Por Rodrigo Bocatti

Muitas pessoas ainda tem preconceito com nerds/geeks e pensam que games, cosplay, actions figures, entre outros, são coisas de crianças. Porém, com eventos de grande porte como a Brasil Game Show e a Comic Con Experience, maiores de games da América Latina e de cultura pop do mundo, respectivamente, isso está sendo desmitificado.

A BGS esse ano chegou a 10ª edição esse ano e cada vez recebe mais visitantes. Com atrações exclusivas, o evento se consolidou e cresce todo ano, com atrações e lançamentos exclusivos de grandes distribuidoras, os gamers podem sentir de perto o que vem de novidade por ai. E pode comprar produtos exclusivos para turbinar seus computadores ou consoles. Além de conhecer os seus ídolos do eSports de perto.

IMG_4072.jpg
Comic Con Experience reuniu mais de 100 mil pessoas. (Foto: Edu Lopes/Galpão de Imagens)

A Comic Con Experience, se tornou a maior Comic Con do mundo, traz cada vez mais estúdios com mais novidades dos filmes e séries que estão no ar ou estão chegando. Os painéis, que é muito disputado pelo público (que chega de madrugada para pegar um bom lugar), sempre levam atores espetaculares (Simon Pegg, Vin Diesel, Will Smith, Joel Edgerton são alguns que já vieram), cenas e trailers exclusivos.

Com diversos eventos voltados ao mundo nerd, Anime Friends, BGS, CCXP, Ressaca Friends e agora a volta do Anime Dreams, São Paulo se tornou o polo nerd no Brasil, apesar de ter a CCXP Tour, no nordeste, e a BGC, no Rio de Janeiro. Os nerds/geeks agradecem ao apoio de todas as empresas e repetindo a CCXP, 2017 foi épico e 2018 vai ser épico!

 

Will Smith levou auditório Cinemark a loucura na CCXP

Por Rodrigo Bocatti

Depois de um painel espetacular no sábado, a Netflix fechou com chave de ouro a última edição da Comic Con Experience, com a pré-estreia de Bright e a presença de Will Smith, Joel Edgerton e o diretor David Ayer. Enquanto o pessoal no auditório Cinemark estávamos assistindo ao novo filme da Netflix, Will apareceu para o público e interagiu com a multidão de gente que se aglomerou para ver o ídolo de perto.

Ao final do filme, todo o auditório se levantou e a apresentadora Aline Diniz chamou os três ao palco e Will chegou fazendo a festa do público falando em português. Com a plateia gritando “Will, Will, Will”, o astro não ficou tímido e mandou um beat box junto do público e, não feliz em levar todos ao delírio, ainda cantou a abertura da série “Um Maluco no Pedaço”.

Com todos mais calmo, o painel sobre “Bright” finalmente pôde acontecer. A trilha sonora do filme é espetacular e acompanha o desenvolvimento do mesmo. “Trabalhamos em cima da trilha de ‘Esquadrão Suicida’, que foi muito elogiada, e queríamos refazer esse trabalho das pessoas acompanharem o filme com a música”, afirmou o diretor Ayer.

CCXP_Bright_0004.JPG
Will Smith, Joel Edgerton e David Ayer fecharam com maestria o último painel na CCXP. (Foto: Daniel Deak)

As gravações foram realizadas em Los Angeles e de acordo com os atores muito divertida e com muita energia “É essencial termos, pois gravamos muitas horas por dia”, disse Will. “Fazemos tudo isso por vocês”, completou Edgerton.

O filme também retrata uma questão, infelizmente, bem decorrente do dia a dia: o racismo. “Temos que olhar para o mundo sem julgar as pessoas. Minha esperança é que esse filme abra a cabeça de muita gente para o debate sobre o racismo”, afirmou Ayer.