Arquivo da tag: Cosplay

CCXP19 abre inscrições para o Concurso Cosplay

Dividida em duas etapas, a primeira com participação do público na internet, competição contará com jurado internacional e premiará vencedor com carro 0 km

Os cosplayers já podem começar a se preparar para mais um ano de disputa acirrada na CCXP. Estão abertas, a partir de hoje (segunda-feira, 14), as inscrições para o Concurso Cosplay, uma das atrações mais aguardadas do maior festival de cultura pop do planeta – que acontece entre 5 e 8 dezembro, no São Paulo Expo.

O concurso será individual e com temas de personagens da cultura pop, vindos dos quadrinhos, cinema, games, séries, filmes e música, entre outros. Para participar, é necessário acessar o site https://www.ccxp.com.br/cosplay e preencher o formulário com os dados solicitados, além de enviar fotos e um vídeo da performance.

Será possível se inscrever até o dia 28 de outubro (segunda-feira) e os participantes devem usar todos os recursos à sua disposição para caprichar no seu costume. A primeira etapa classificatória acontece na internet. O público vai poder votar nos cosplays preferidos pelo site entre 29 de outubro e 11 de novembro. Já no dia 12 de novembro serão conhecidos os finalistas que vão ganhar credenciais para todos os dias de festival e participar da grande final, que acontece no dia 8 de dezembro e vai contar com o cosplayer italiano Leon Chiro no corpo de jurados. O prêmio principal para quem ficar com o título de Master Cosplay da CCXP19 é um carro 0 km, além de credenciais Full Experience da CCXP20.

“Os cosplayers são uma parte muito importante da grande celebração à cultura pop que é a CCXP. Eles dão mais vida ao evento e fazem um sucesso enorme com o público e na mídia. Nosso concurso é uma forma de dar mais visibilidade a estes artistas, que passam o ano inteiro pensando em como se superar nos costumes e nas performances. E quem não for selecionado para a grande final não precisa desanimar. Todo mundo é bem-vindo! A gente prepara com muito carinho toda estrutura para receber os cosplayers com o maior conforto possível e organiza um desfile nos três primeiros dias de festival, que têm como prêmio credenciais para a CCXP20”, conta Marcelo Forlani, sócio-fundador da CCXP.

Realizados na quinta-feira, sexta-feira e sábado, os desfiles não fazem parte do Concurso Cosplay, mas também acontecem no Creators Stage. Qualquer cosplayer que estiver no evento pode participar, desde que faça sua inscrição no Cosplay Universe – área pensada exclusivamente para esses artistas. O espaço conta com um camarim equipado com guarda-volumes (vagas limitadas), espelhos e bancadas para maquiagem, provadores para troca de roupa e cosplay helper, para aqueles ajustes de última hora.

CCXP19
Datas: de 5 a 8 de dezembro de 2019
Local: São Paulo Expo (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, Água Funda, São Paulo – SP)

CCXP recebe o cosplayer Leon Chiro

Italiano estará todos os dias no Cosplay Universe, além de participar de sessões de Fotos & Autógrafos e ser jurado na etapa final do Concurso Cosplay

A CCXP acaba de confirmar mais um convidado internacional para sua sexta edição, que acontece entre 5 e 8 de dezembro, no São Paulo Expo. O cosplayer Leon Chiro é conhecido por encarnar com perfeição personagens dos universos de games, animes e desenhos como Jin Kazama (Tekken), Trunks (Dragon Ball Z) e Dante (Série Devil May Cry), entre outros. No maior festival de cultura pop do planeta, o italiano participará de sessões de Fotos & Autógrafos, será jurado na etapa final do Concurso Cosplay e poderá ser visto diariamente no Cosplay Universe – área dedicada exclusivamente a esses artistas, responsáveis por dar mais vida aos corredores da CCXP. 

Leon Chiro é o primeiro grande nome anunciado para o espaço, que em 2018 recebeu convidados como Irina Meier, Monica Somenzari e Mauricio Somenzari. O Cosplay Universe foi pensado para oferecer mais conforto aos fãs que desejam interpretar seus personagens preferidos. O camarim é equipado com vestiário para troca de roupas, bancada de maquiagem e guarda-volumes (com vagas limitadas). Lá ainda é possível registrar cada momento épico com um fotógrafo profissional, em um estúdio especial para os cosplayers.  

Leon Chiro estará na CCXP. (Foto: Divulgação)

As inscrições para o Desfile Cosplay também são realizadas no Cosplay Universe. A atividade acontece na quinta-feira, na sexta-feira e no sábado do festival. Nela, os artistas apresentam suas roupas e performances para os jurados, que escolhem diariamente o melhor cosplayer em três diferentes categorias: Melhor Figurino, Melhor Inventividade e Melhor Apresentação. 

Quem ainda não garantiu a entrada da CCXP19 tem até o dia 31 de julho para comprar os ingressos com os preços do segundo lote. Já estão esgotadas as credenciais que dão direito aos quatro dias de festival, o pacote Full Experience e os ingressos avulsos para sábado. Ainda é possível adquirir o pacote Epic Experience – que oferece entrada no evento 1h antes da abertura dos portões (sem preferência de entrada nos auditórios), acesso a Spoiler Night, uma foto ou um autógrafo com um artista convidado da CCXP19, além de um kit com camiseta, pin e pôster e desconto de 10% nas lojas oficias da CCXP no evento. Também estão disponíveis para compra as credenciais avulsas para quinta-feira, sexta-feira e domingo. Os ingressos do Unlock CCXP – evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento – também já estão à venda pelo site www.ccxp.com.br.  

Ingressos CCXP   

2º lote – de 1º de maio até 31 de julho   
Quinta-feira: R$ 200,00 (inteira), R$ 100,00 (meia) e R$ 120,00 (ingresso social).   
Sexta-feira: R$ 260,00 (inteira), R$ 130,00 (meia) e R$ 150,00 (ingresso social).   
Sábado: (ESGOTADO)  
Domingo: R$ 400,00 (inteira), R$ 200,00 (meia) e R$ 220,00 (ingresso social).   
4 dias: (ESGOTADO)  
Epic: R$ 1.400,00  
Full: (ESGOTADO)  
Unlock (evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento): R$ 1.900,00  

3º lote – de 1º de agosto até 4 de dezembro   

Quinta-feira: R$ 240,00 (inteira), R$ 120,00 (meia) e R$ 140,00 (ingresso social).   
Sexta-feira: R$ 300,00 (inteira), R$ 150,00 (meia) e R$ 170,00 (ingresso social).   
Sábado: (ESGOTADO)  
Domingo: R$ 440,00 (inteira), R$ 220,00 (meia) e R$ 240,00 (ingresso social).   
4 dias: (ESGOTADO)  
Epic: R$ 1.500,00  
Full: (ESGOTADO)  
Unlock (evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento): R$ 2.000,00  

CCXP19  

Datas: de 5 a 8 de dezembro de 2019   

Local: São Paulo Expo (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, Água Funda, São Paulo – SP)  

Sobre a CCXP – Em 2018, o festival recebeu 262 mil visitantes, batendo recorde de público e se estabelecendo mais uma vez como o maior festival de cultura pop do mundo. A CCXP já faz parte do calendário cultural do país e este ano acontecerá entre 5 e 8 de dezembro, no São Paulo Expo. Saiba mais em www.ccxp.com.br.   

Shota Nakama retorna à Brasil Game Show e se apresenta pela primeira vez no país com a Video Game Orchestra

Produtor musical japonês fará shows ao vivo com sua banda no palco da BGC, e tocará releituras de clássicos dos games; também participará de sessões de meet & greet, do BGS Talks e será jurado de concursos de cosplay

Shota Nakama, um dos principais produtores musicais da indústria dos jogos eletrônicos, retornará à BGS em 2019 com uma grande novidade: desta vez, se apresentará ao vivo com sua banda Video Game Orchestra (VGO) e músicos brasileiros, nos dias 11 e 12 de outubro, no palco da Brasil Game Cup (BGC). Nakama e sua banda farão releituras de grandes clássicos dos games em apresentações de aproximadamente 90 minutos. A BGS acontece entre 9 e 13 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Criada por Shota Nakama em 2008, em Boston-EUA, a Video Game Orchestra faz concertos de trilhas de videogame misturando orquestra, coro e banda de rock, um conceito chamado “rockestral”. Sucesso de crítica e público, a banda já realizou turnês em diversos países, como Canadá, Japão, China e Taiwan.

Além das apresentações no palco da BGC, Nakama terá uma extensa agenda com o público e, assim como no ano passado, participará de sessões gratuitas de meet & greet, falará sobre sua trajetória de sucesso no palco do BGS Talks e será um dos jurados dos concursos de cosplay. “Quando fui anunciado na BGS 2018 fiquei muito impressionado com a repercussão do meu vídeo, e a sensação foi ainda melhor ao chegar no evento e perceber que os brasileiros conhecem e gostam do meu trabalho, da minha música. Estou muito feliz por retornar à Brasil Game Show e, principalmente, por mostrar meu trabalho no palco. Pela receptividade do público no ano passado, tenho certeza que será uma experiência incrível”, afirmou Shota Nakama.

“Será a primeira vez que a Video Game Orchestra vem ao Brasil e não há lugar melhor para essa estreia do que na Brasil Game Show. Além de muito querido pelo público, o Nakama é um dos maiores produtores musicais de games do mundo e tenho certeza que os shows serão inesquecíveis para os gamers”, comenta Marcelo Tavares, CEO e fundador da Brasil Game Show.

(Foto: Divulgação)

Nakama também é produtor do projeto Capcom Live, que segue os mesmos moldes da Video Game Orchestra mas com trilhas de games da Capcom. Entre as franquias para as quais já compôs, organizou, orquestrou, gravou e mixou estão Final Fantasy, Kingdom Hearts, Sonic Mania, Little Witch Academia (Netflix).

Para mais informações sobre a Brasil Game Show, acesse: www.brasilgameshow.com.br

Serviço – BGS 2019

Quando: 09 a 13 de outubro (1º dia exclusivo para imprensa e negócios)

Onde: Expo Center Norte

Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme, São Paulo/SP

Horário: 13h às 21h

Cartoon Network e Turma da Mônica lançam tirinhas digitais com cross entre personagens

Jake, Gumball, Ben10 e outros personagens favoritos do Cartoon entraram de vez no mundo dos quadrinhos com historinhas divertidas junto com a turminha

Os personagens do Cartoon Network e da Turma da Mônica vão ganhar as redes sociais com tirinhas digitais divertidas e exclusivas. Isso mesmo! Você verá a Magali fazendo cosplay de Steven Universo; o Xaveco com o Irmão do Jorel; o Cebolinha com o Clarêncio; a Mônica com as Meninas Superpoderosas e muito mais.

cross entre os personagens é parte da estratégia multiplataforma do Cartoon Network e uma iniciativa inédita entre as duas marcas, ampliando a parceria que já dura 14 anos. “Depois do sucesso que tivemos com o especial ‘Surra de Sansão’ em novembro, enxergamos uma grande oportunidade de conexão com os fãs também em conteúdo digital, por isso, esta é a primeira de outras ações que ainda estão por vir”, conta Adriana Alcântara, diretora sênior de conteúdo e produção nacional do Cartoon Network.

Turma da Mônica realiza crossover com personagens do Cartoon Network. (Foto: Divulgação)

Os personagens escolhidos e as temáticas envolvidas no conceito criativo das tirinhas estão diretamente relacionadas às iniciativas do Cartoon Network para 2019 e temáticas que são comuns entre as duas marcas, como é o caso do universo de cosplay, por exemplo. “Tentamos focar nas nossas propriedades conhecidas pelo público, como Steven Universo e Hora de Aventura; apresentar as novas, como O Mundo de Greg; ressaltar as que já são sucesso como Ben 10 e comemorar os 20 anos das Meninas Superpoderosas. E claro, valorizar as que são made in Brazil, como Irmão do Jorel”, explica a executiva. Todo trabalho foi desenvolvido em conjunto com as áreas criativas das duas marcas para alinhar as linguagens e criar um conteúdo que fizesse sentido para o mundo dos quadrinhos.

“Somos mais que parceiros do Cartoon Network, somos verdadeiros fãs do canal. Temos uma longa e sólida relação e trazer as duas famílias de personagens para as histórias em quadrinhos, que são nosso formato mais tradicional, foi mais um desafio que tivemos a honra de participar. Esperamos que o público goste do resultado tanto quanto nós”, revela Mônica Sousa, diretora executiva da MSP.

Em novembro de 2018, o Cartoon Network dedicou o mês inteirinho para a dona do coelho mais famoso do mundo, com uma iniciativa especial que começou no cinema, passou pela TV, foi para as redes sociais e fechou com um caminhão cheio de Sansão circulando pelas ruas de São Paulo. O resultado foi incrível! Com esta iniciativa, o canal cresceu em novembro 19% entre as crianças de 4-11 em relação ao mês anterior. E o especial esteve presente entre os 15 melhores programas do Cartoon Network entre as crianças com TV Paga de 4-11 anos em novembro. ¹

showpage de Turma da Mônica no site do Cartoon Network recebeu mais de 65 mil visitas ao longo do mês de novembro. Os vídeos de Turma da Mônica Toy representaram 14% do consumo total de vídeos do site no período.

Segundo dia de CCXP reforça o empoderamento feminino

Festival também foi palco da primeira exibição de Aquaman no Brasil

Há tempos que elas deixaram de ser consideradas frágeis. O segundo dia da CCXP provou que o poder da indústria de entretenimento pertence às mulheres. Desde as atrizes de fama internacional, como Jéssica Chastain e Sophie Turner, às brasileiras reconhecidas pelo seu ativismo, como Débora Falabella, Leandra Leal, Camila Pitanga e Taís Araújo, além da desenhista Rebecca Sugar – que inspira uma nova geração de meninas com o seu desenho Steve Universe – elas dominaram o maior festival de cultura pop do mundo. Até o domingo, são esperadas 260 mil pessoas.

Um dos painéis mais esperados do dia foi o da Fox Film 2019, que trouxe Sophie Turner e Jessica Chastain para o lançamento de “X-Men: Fênix Negra”, no Auditório Thunder Cinemark XD. As atrizes, que esbanjaram simpatia, conversaram com Erico Borgo, um dos fundadores do portal Omelete, sobre os bastidores das gravações. O carisma que conquistou os brasileiros ficou ainda mais claro quando elas deitaram no chão para assistir o teaser do filme, exibido exclusivamente para os visitantes da CCXP18. Ao fim da participação no painel da Fox, as atrizes foram ovacionadas pelo público.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Não menos conhecidas, as atrizes Débora Falabella, Taís Araújo, Camila Pintanga e Leandra Leal, contaram, junto com o diretor Carlos Manga Jr e a autora Estela Renner, sobre Aruanas, nova série da Globoplay. O foco da produção é retratar o ativismo feminino na Amazônia. Lanne Maísa, estudante de T.I, que veio de Santos para prestigiar a CCXP, ficou animada com a apresentação da série: “A escolha das quatro para serem as protagonistas da série foi muito boa. Quando pensamos em empoderamento feminino, elas são as primeiras atrizes que vem à cabeça”, diz.

Uma nova geração de meninas e meninos pôde conhecer de perto a desenhista Rebecca Sugar, que subiu ao palco para conversar sobre o desenho que ela mesma criou e que ganha mais admiradores: Steven Universo. Os fãs da animação aplaudiram Rebecca do início ao fim e ainda tiveram a oportunidade de vê-la interpretar duas músicas. Com isso, a ilustradora arrematou o coração daqueles que já estavam apaixonados por sua simpatia.

O espaço recebeu ainda a primeira exibição do filme Aquaman, a mais esperada do dia. O público lotou o auditório e vibrou com cada cena de ação. Após o filme, Erico Borgo anunciou uma surpresa: o ator Jason Momoa, protagonista do filme, foi reproduzido em holografia, conversando com os visitantes.  Além dele, Zachary Levi subiu ao palco deixando todos os presentes extasiados.

Aquaman
“Aquaman” teve e a primeira exibição no Brasil na CCXP. (Foto: CCXP/ I Hate Flash)

Nostalgia deu o tom do Auditório Thunder Cinermark XD

Quem esteve no Thunder também matou saudades de suas séries e desenhos prediletos. O ator americano Tom Welling, que deu vida à versão jovem de um dos heróis mais admirados da cultura pop, foi a estrela do painel “Superman 80 anos, Tom Welling e o legado de Smallville”, que faz parte das celebrações pelo aniversário do Homem de Aço.  Em uma entrevista descontraída com Aline Diniz, influenciador do Omelete, ele contou como foram alguns momentos da gravação da série.

Tom Weeling
Tom Welling trouxe uma sensação de nostalgia à CCXP. (Foto: CCXP/ I Hate Flash)

A publicitária Bruna Junqueira, de 24 anos, se emocionou do início ao fim do painel, ao ser perguntada o porquê, a jovem disse: “Eu ia até a locadora para pegar a fita e assistir com meu pai. Smallville faz parte da minha ligação com ele. Eu estou chorando desde o momento em que foi anunciado ele aqui. Ver ele de perto foi incrível”, contou. Outro momento nostálgico foi quando os dubladores de Dragon Ball Z subiram ao palco e fizeram o público delirar quando, ao vivo, dublaram o trailer de Dragon Ball Super Broly.

Os fãs dos quadrinhos também tiveram o seu momento. O desenhista Maurício de Sousa apresentou as novidades que está preparando para a clássica Turma da Mônica. Os fãs dos personagens do gibi puderam ver o trailer inédito do filme “Turma da Mônica Laços”, que chega ao cinema de junho de 2019, junto com os atores de interpretam os personagens icônicos.

O poder da criatividade nos palcos da CCXP

As diferentes formas de comunicação e expressão fizeram parte do Creators Stage. No segundo dia de CCXP, o destaque foi para duelo de filmes da cultura pop com comentários sobre obras como “Star Wars”, “Harry Potter”, “Poderoso Chefão” e “De volta para o futuro”, proporcionado pelos apresentadores Cris Dias, Carlos Meringo, Juliana Valar, Alexandre Maron e Luiz Higino, do podcast B9 – ou BrainCast.

O processo criativo para a elaboração de um roteiro foi o tema da masterclass de David Michelinie, criador do personagem da hq Venom, no Auditório Prime. O local também recebeu o experiente Tom Grummet, que falou sobre o processo e a importância da narrativa para construir uma história em quadrinho. Já na primeira mesa do dia, cinco mulheres conversaram sobre a necessidade da representatividade com personagens femininas no mundo do entretenimento.

Os principais nomes do universo dos quadrinhos foram o destaque do Auditório Ultra. Um dos momentos mais aguardados foi o encontro dos cinco principais criadores do universo de X-Men: Joe Rubinstein, John Cassaday, John Romita Jr., Scott Lobdell e Peter Milligan. O bate-papo dos escritores e artistas, mediado por Bruno Zago, do canal Pipoca e Nanquim, rendeu muitas risadas quando os artistas contaram suas histórias com o memorável Stan Lee: “Ele nunca lembrava meu nome, sendo que trabalhou anos com meu pai!”, contou John Romita Jr., filho do artista homônimo.

O público pode usar a imaginação

A Mulher Maravilha é unanimidade entre a ala feminina no Cosplay Universe. A heroína, que saiu dos quadrinhos da DC para as telas de cinema no ano passado, continua inspirando mulheres de todas as gerações. Só no camarim do evento foi possível contar cerca de 20 versões da personagem.

Ana Paula de Oliveira, de 37 anos, escolheu a heroína para representa-la. “A Mulher Maravilha tem uma força que faz a gente se sentir mais motivada a encarar o mundo real, me vestir com ela me torna mais poderosa”, explica a administradora carioca.

O segundo dia de desfiles foi um dos momentos mais aguardados no Creators Stage. Nele foram eleitos os três melhores cosplayers desta sexta-feira e a personagem feminina B2 foi a grande vencedora. Já a melhor apresentação foi pelo personagem Pantera Negra e para inventividade, quem ganhou foi o Capitão Caverna. “Todos nos impactaram de forma diferente”, comenta Elisa Cassan uma das juradas do concurso”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O desfile aconteceu ao som da banda Leela, cuja a vocalista é uma mulher, e contou com a presença de personagens de Stranger Things, Hora da aventura, universos DC e Marvel.

Serviço:

CCXP – Comic Con Experience

Data: 06 a 09 de dezembro de 2018

Horários:

Spoiler Night – Quarta-feira (05 de dezembro) – 18h às 21h

Quinta-feira (06 de dezembro) – 12h às 21h

Sexta-feira (07 de dezembro) – 12h às 21h

Sábado (08 de dezembro) – 11h às 21h

Domingo (09 de dezembro) – 11h às 20h

Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center – Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5

– São Paulo – SP

http://www.ccxp.com.br

http://www.facebook.com/CCXPoficial/

http://www.twitter.com/CCXPoficial

https://www.instagram.com/ccxpoficial

CCXP começa com presença de astros de Game of Thrones e homenagem ao cineasta Chris Columbus

Começou ontem o maior festival de cultura pop do planeta. A CCXP abriu os portões ao meio dia para receber o público que ansiava por percorrer os corredores do São Paulo Expo, em busca de experiências épicas que só acontecem por aqui. E o primeiro dia foi recheado de celebridades do universo do entretenimento.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma orquestra interpretou a música tema da série Game of Thrones para anunciar um dos painéis mais aguardados do festival e receber as estrelas da série. Maisie Williams e John Bradley-West subiram ao palco levando o público ao delírio. Numa entrevista descontraída com seus diretores, os artistas conversaram sobre a expectativa para a última temporada e a saudade que estão de quando começaram as gravações, além de brincaram sobre alguns momentos dos personagens ao longo da trama. Ao final, foi apresentado um teaser da última temporada que vai ao ar nos canais HBO em 2019. O auditório do Cinemark, lotado, ovacionou Maisie e Bradley do início ao fim.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Outro ponto alto da programação do espaço foi a presença de Guilherme Briggs, Paola Oliveira e Lorenzo Di Bonaventura, produtor de Transformers, para um bate-papo sobre o filme Bumblebee, com estreia prevista no Brasil para o dia 25 deste mês. Durante a apresentação da Paramount, cenas foram apresentadas em primeira mão, o que animou ainda mais auditório. O local também foi palco da homenagem ao cineasta Chris Columbus, diretor de filmes como Os Goonies e franquia Harry Potter, que foi recebido por Erico Borgo, no primeiro painel desta edição, para um bate-papo que lembrou os grandes sucessos de sua carreira.

Os bastidores da série American Gods foram tema da conversa do protagonista Ricky Whittle com Aline Diniz. O elenco de Ilha de Ferro, da Globoplay, também passou pelo auditório para contar histórias sobre a nova produção de grande sucesso do Grupo Globo

Creators Stage

Grande novidade da quinta edição do festival, o Creators Stage recebeu o Encontro Nacional de Podcasts – com Phelipe Cruz, do Papel Pop, Bárbara dos Anjos Lima, do Estamos Bem, Thiago Borbs, do Judão, Jurandir Filho, e Cris Dias e Alexandre Maron, do BrainCast – para uma conversa sobre Cultura Pop e a popularização desse meio de comunicação. Segundo os participantes, o formato traz mais liberdade com conteúdo e tempo. “Você pode trabalhar com pessoas e assunto que gosta, pode mudar de ideia e falar de onde você estiver”, explica Cris Dias. “Para criar um podcast, basta ter uma voz”, completa Alexandre Maron.

O criador e roteirista de Ladybug, Jeremy Zag, foi outra atração do espaço. Ele subiu ao palco para falar sobre a terceira temporada da série do canal Gloob e apresentou ao público local trechos e imagens exclusivas, além de presentear os fãs com a notícia que vai produzir um musical da série. “É uma mistura de Homem-Aranha com Frozen”, brincou. A novidade agradou Júlia Rocha, 15 anos, fã da série. “Meu principal objetivo na CCXP é ver coisas exclusivas e, principalmente os spoilers. Foi surpreendente!”, vibrou.

Se os fãs ficaram felizes, o artista saiu do evento encantado. “Eu sou um grande fã de animações desde a minha infância, vou para todas as Comic Cons de San Diego. Essa é a minha primeira vez no Brasil e estou muito, muito, muito impressionado com o tamanho do festival e com a energia vinda daqui. Honestamente, não vejo diferença daqui para a de San Diego, vocês estão de parabéns!”, contou Jeremy Zag.

Auditório Ultra

Super-Man
80 anos de Superman foi um dos destaques da CCXP. (Foto: CCXP/ I Hate Flash)

O dia no Auditório Ultra começou com uma reunião de feras dos quadrinhos. John Romita Jr., Tom Grummett, David Michelinie, Ivan Reis e Joe Prado debateram sobre os 80 anos do icônico Superman. Os artistas falaram sobre o primeiro contato com o super-herói, seja pelas histórias ou então pelos famosos produtos assinados por José Luis García-López.

Para celebrar outro aniversário, desta vez de anti-herói Venon, seu cocriador, David Michelinie, teve um painel inteiro dedicado ao seu trabalho. Pela primeira vez no Brasil, o artista contou estar impressionado com a CCXP. “Está sendo fantástico! Os espaços foram muito bem elaborados e distribuídos, ideal para garantir o ambiente de trocas de histórias”, contou.  

Auditório Prime

Bruno Honda abriu o Auditório Prime com a masterclass sobre carreiras. O ilustrador e quadrinista, que atualmente trabalha na Mauricio de Sousa Produções, falou sobre a importância de um planejamento estratégico na produção de entretenimento em geral, desde quadrinhos até conteúdo em vídeo. Também passou pelo palco o capista Felipe Massarera, que ilustrou um desenho do Batman enquanto falava com o público. Já a equipe da StartAmima Studios, contou sobre sua produção original de animação, O Grilo Feliz.  Cris Peter falou sobre representatividade e diversidade nos quadrinhos e, por último, os designers da Galápagos Jogos conversaram sobre as dificuldades e curiosidades de produzir os jogos de tabuleiros de grandes franquias.

Fotos & Encontros

O primeiro dia de encontros com os ídolos tirou muito suspiro dos fãs. Durante uma tarde de autógrafos, patrocinada pela operadora Oi, os visitantes tiveram acesso a importantes nomes da cultura pop, como Manu Bennett, o Exterminador, da série Arrow; Chris Columbus, diretor dos filmes Esqueceram de Mim, Harry Potter e Gremlins; e Ricky Whitlle, ator protagonista da série American Gods. O público saiu encantado e ainda mais apaixonado. Para Ricardo Vieira, de Brasília, essa é uma lembrança para se guardar por toda a vida. “O Chris Columbus é demais. Ele atendeu os fãs com muito carinho e gentileza”, ressalta.

Board Games

O evento conta também com a Arena Board Games. No espaço, os visitantes têm acesso a mais de 20 clássicos e modernos jogos de tabuleiro, que são sucesso entre os apaixonados pela categoria. “A arena foi um dos grandes motivos pelo qual decidi vir ao CCXP. Eu sou um apaixonado por esses jogos e não tenho acesso diretamente a eles no meu cotidiano. Esse é o lugar ideal para jogar e conhecer o que tem de novidade”, comentou André Queiroz, do Rio de Janeiro.  

Para o CCXP 2018, a marca Galápagos apresentou o Attack on Titan – Todos contra os titãs. Neste jogo, os participantes se transformam em heróis de um dos animes mais assistidos do mundo e, junto com seus companheiros, organiza estratégias para destruir o titã. A novidade foi um dos destaques do espaço.

Oi Game Arena

Parte importante da cultura pop, os games têm espaço garantido na Game Arena. As semifinais do Desafio CCXP de League of Legends reuniram amantes do eSports para conferir os confrontos entre as equipes Flamengo X IDM Gaming e Red Canids X Team One. Jogadores amadores, fãs, grupos de amigos, pais e filhos tiveram a oportunidade vivenciar no mundo real o que costumam experimentar no virtual.

Disposto a dedicar grande parte do primeiro dia da CCXP na Arena Games, Luís Carlos Tomás Pereira, de Palmas, TO, explica a emoção de estar presenciando a partida: “a sensação de ver alguém que eu torço jogando na minha frente é indescritível”, vibrou. Os ganhadores classificados, Flamengo e Team One, irão competir pelo primeiro lugar no sábado, 9.

Cosplay Universe

Este slideshow necessita de JavaScript.

Na CCXP os grandes encontros não são somente entre ídolo e fã. Os personagens dos games, quadrinhos, animes e telinhas são materializados para o mundo real e, por isso, não é difícil ver um papo de amigos entre Triss, The Witcher 3, e o Arqueiro Verde no Cosplay Universe. Quem passou por lá hoje teve a oportunidade de ver se perto a musa russa Irina X, uma das cosplayers mais famosas do mundo. Ricardo Gourlat e Rogério Miranda vieram especialmente para a atração. “Vale muito a pena, como fã de games, por exemplo, você dificilmente vai ter a chance estar perto do personagem que curte de uma maneira tão realista e só o Cosplay proporciona está oportunidade”, conta Ricardo. “Venho todos os anos e sempre dou uma atenção especial ao Cosplay por ser a realização do mundo que me diverte diariamente”, completa Rogério

Top 5 da CCXP 2018

Por Henrique Moita

Graças ao pessoal da BandUP!, que esse ano está com uma parceria com a Warner, vendendo diversos produtos da empresa no evento, o Diversorio foi convidado para participar do Spoiler Night da Comic Con Experience (que começa oficialmente hoje, 6) e pudemos dar uma olhadinha no que as pessoas vão poder presenciar no maior evento da cultura pop/geek do Brasil. Então, caso você pretenda visitar o evento, aqui fica uma lista com 5 coisas que você não pode perder na CCXP 2018.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28
Netflix leva réplica da Casa da Moeda, cenário de “La Casa de Papel”. (Foto: Henrique Moita)

  • Stands: Não é novidade nenhuma que uma das maiores atrações da CCXP são os stands das grandes empresas. Nesse ano, vale o destaque para os seguintes: Warner, que conta com diversas atrações dos seus principais lançamentos no cinema, como Creed II, Aquaman, Shazam e algumas de suas principais séries, como The Big Bang Theory; Disney, que hoje em dia já se tornou dona de quase tudo e tem um stand enorme que conta com atrações de suas diversas empresas, como a Pixar, Star Wars e Marvel; Netflix, que todo ano tem alguma atração muito boa e esse ano não decepciona trazendo uma réplica da Casa da Moeda da Espanha, da séria La Casa de Papel, na qual você pode entrar; também temos a HBO, que como sempre foca nas suas duas maiores franquias da atualidade, Westworld e Game of Thrones, e traz algumas atrações dessas séries; e por último, mas não menos importante temos o stand do Harry Potter, que conta com a loja oficial da franquia, e esse ano trás uma réplica original da cabana de Rubeo Hagrid.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.26
Brie Larson, a Capitã Marvel, com certeza levará materiais exclusivos à CCXP. (Foto: Henrique Moita)

  • Painéis: Infelizmente, no Spoiler Night não temos nenhum painel, porém, essa não deixa de ser uma das principais atrações do evento. As produtoras que estão lá tem momentos muito aguardados pelo público, como a divulgação de algum trailer inédito ou trecho de algum filme que está para ser lançado e até mesmo a presença de diversas celebridades para serem entrevistadas. Destaques para os painéis da Netflix (serão dois esse ano), Disney/Marvel, Warner/DC Comics, Paramount e HBO.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28 (2)
Loja do Harry Potter trás réplica da cabana do Hagrid. (Foto: Henrique Moita)

  • Lojas: Sim, a CCXP, como de costume tem diversas lojas a sua disposição, nas quais você pode comprar diversos produtos. Porém, não espere grandes promoções. Os preços das maiorias dos produtos são bem carinhos, mas isso não faz com que as lojas estejam sempre lotadas e com filas enormes do lado de fora.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28 (1)
Curte games? A CCXP tem diversos games espalhados pelo evento. (Foto: Henrique Moita)

  • “Mini-BGS”: Em uma feira dessa magnitude, não poderiam faltar os games. Desde a área do YouTube Gaming até os diversos consoles espalhados pelos stands, quem quer se divertir jogando alguns jogos de franquias famosas como Dragon Ball, Injustice 2, Just Dance, entre outros, achara na CCXP alguns lugares ótimos para isso.
  • Cosplayers: O que não falta nesse tipo de evento são os famosos cosplayers. E nesse, como sempre estará recheado de pessoas “fantasiadas” de personagens famosos, sempre dispostos a tirar foto com os visitantes. Sempre bom lembrar também que na CCXP rola uma competição para ver quem é o melhor cosplay.

Então é isso galera, espero que, quem for, possa aproveitar as maravilhas proporcionadas na CCXP 2018. Viva o Épico!

Cosplay na Brasil Game Show

Por Nanna Bessa

Sou cosplayer há uns três anos e ainda hoje muita coisa é novidade no meio para mim.

Seja um evento, uma situação… A convite de um amigo estive na edição de 2018 da Brasil Game Show, e por três dias consecutivos, pude ser quem eu quisesse.
Devido ao fato de ter usado cosplay durante todos os dias, e tudo ser novo pra mim, como o lugar, encontrar cosplayers que admiro, ou que converso virtualmente há meses ou anos, eu confesso que o evento em si ficou em segundo plano.
Por ser voltado a jogos, eu não imaginava que os cosplayers, ainda mais que não tinham relação com o tema da feira seriam tão bem recebidos pelo público.
Consegui fazer/mexer às pressas os meus de Batgirl, Catwoman e Spiderman/Mary Jane.
Tirando um ou outro momento em que eu estava de Batgirl e fui chamada de Mulher Gato (quem faz cosplay sabe a vontade de chorar que dá rs), considero que tenha sido bem tranquilo.

44514585_2243229145718796_5554993027132424192_n.jpg
Nanna Bessa foi pela primeira vez na Brasil Game Show. (Foto: Charlie Silva)

Tanto os adultos, quanto as crianças (que pra mim são sempre a melhor parte, com sua empolgação, beijos e abraços sinceros) foram muito educados e respeitosos, ao contrário de alguns amigos que relataram problemas com assédio, eu não tenho do que reclamar, mesmo tendo usado roupa bem justa durante os dias.
Consegui interagir e até brincar com algumas pessoas sem nenhum tipo de problema.
E mesmo com essa experiência convivendo com pessoas que também fazem, ainda assim meus olhos brilhavam quando eu via alguém vestindo uma armadura ou algum traje mais trabalhado, que provavelmente foi feito pela própria pessoa.
Um ponto bem negativo na minha opinião, foi em relação a falta de informação dos funcionários, pois ao chegar lá, perdi a conta de pra quantas pessoas perguntei onde era a área cosplay, e muitos nem sabiam do que eu tava falando.
Como eu nunca havia estado naquele espaço onde foi realizado, fiquei completamente perdida, e tendo que parar toda hora pra tirar fotos, sem saber nem pra que lado eu
deveria ir.
Seria interessante que em eventos desse porte as pessoas estivessem mais instruídas, ou, que houvesse uma identificação maior/melhor dessas áreas.
Só no outro dia que vi que havia stands de informação, mas eu já tinha conseguido dar muita cabeçada e conseguido me localizar.
A área destinada aos cosplayers era tranquila, perto da Nintendo, e na frente havia bastante espaço para fotos e interação, para rever os amigos. Enquanto na parte de trás havia os camarins masculinos e femininos, e banheiros (um ponto importantíssimo pra nós, pois imagina o sufoco que é conseguir atravessar um pavilhão inteiro, tendo que parar toda hora para ir ao banheiro). Um item importante: a temperatura lá dentro estava relativamente ok. Usei macacão os 3 dias e não passei tanto calor, coisa que é bem normal.
De modo geral, achei uma experiência válida e pretendo voltar mais vezes, tentando reservar ao menos um dia para conhecer melhor os stands, as lojas e poder comer tranquilamente.

CCXP abre inscrições para o Concurso de Cosplay

Finalistas ganharão credenciais para todos os dias do evento e vencedor será premiado com um carro zero km

 A CCXP – maior festival de cultura pop do planeta – abre inscrições para o Concurso de Cosplay neste dia 17 de outubro (quarta-feira). O concurso será individual e com temas de personagens da cultura pop, vindos dos quadrinhos, cinema, games, séries, filmes e música, entre outros, diretamente para os corredores da CCXP, que acontece entre 6 e 9 de dezembro, no São Paulo Expo.

As inscrições ficam abertas até o dia 28 de outubro (domingo) no site da CCXP e para participar será preciso soltar a imaginação. Para homenagear o personagem do coração, o cosplayer deverá se inspirar e preparar uma apresentação em vídeo de até um minuto, com uma performance relacionada ao universo do tema ou personagem escolhido. Ao preencher o formulário com os dados pessoais, o candidato precisará enviar o vídeo da performance e fotos do cosplay.

44255911_241926080013926_4616231292122431488_n.jpg
Nanna Bessa como Batgirl. (Foto: Charlie Silva)

Após a inscrição, a seleção dos participantes vai acontecer em duas etapas. A primeira será uma votação online pelo site da CCXP, na qual o público e o júri escolherão seus cosplays preferidos, entre 30 de outubro e 7 de novembro. A segunda etapa vai acontecer ao vivo na CCXP, com a presença do júri e da convidada internacional Irina Meier – uma das cosplayers mais famosas do mundo.

Todos os finalistas já terão suas credenciais garantidas para todos os dias da CCXP, além de prêmios para os campeões de cada categoria. Quem receber o título de melhor cosplay do Brasil também levará para casa um Ford Ka Sedan SE Plus 1.0 Zero km. No dia do evento, os finalistas terão uma área dedicada para eles com camarim.

Serviço CCXP:

Data: De 06 a 09 de dezembro de 2018

Horários:

Quinta-feira (06 de dezembro) – 12h às 21h

Sexta-feira (07 de dezembro) – 12h às 21h

Sábado (08 de dezembro) –  11h às 21h

Domingo (09 de dezembro) –  11h às 20h

Local: São Paulo Expo – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Água Funda, São Paulo – SP.

www.ccxp.com.br

www.facebook.com/CCXPoficial/

twitter.com/CCXPoficial

https://www.instagram.com/ccxpoficial

ToyShow promove Anime Day com dubladores do Goku e da Saga de Gêmeos em São Paulo

Evento gratuito conta com a presença de personagens, concurso valendo prêmios e tarde de autógrafos com Wendel Bezerra e Gilberto Baroli

A ToyShow, maior loja de colecionáveis da América Latina, promove nos dias 27 e 28 de janeiro, um evento gratuito inspirado em Animes na Rua Pamplona, 1135, nos Jardins, em São Paulo. Das 14h às 16h nos dois dias, os participantes poderão contar com diversas atrações.

Anime Day_ToyShow_Gilberto Baroli.jpg
Gilberto Baroli estará no Anime Day, da ToyShow. (Foto: Divulgação)

No sábado, haverá uma tarde de autógrafos e fotos com Wendel Bezerra, dublador do Goku e do Bob Esponja. Além disso, personagens dos principais animes, como Dragon Ball Z, Cavaleiros do Zodíaco, One Peace e outros estarão presentes. No domingo, os participantes poderão interagir com o grande dublador Gilberto Baroli, conhecido por dar a voz à Saga de Gêmeos do anime Cavaleiros do Zodíaco.

Concurso de cosplay

Para agitar ainda mais o fim de semana inspirado no melhor dos Animes, a ToyShow promoverá um concurso de cosplay com prêmios para as três melhores fantasias. O primeiro colocado, por exemplo, ganhará R$ 500 em produtos da loja.

E aí, vai perder?

Anime Day na ToyShow

Rua Pamplona, 1135 – Jardins (próximo do metrô Trianon-Masp)

Data: 27 e 28 de janeiro – sábado e domingo

Horário do evento: das 14h às 16h

Horário de funcionamento da loja: das 11h às 20h, no sábado, e das 12h às 18h, no domingo.

 

Acompanhe pelas redes sociais:

Facebook e Instagram: @toyshowcolecionaveis

Ou entre em contato:

(011) 2361-1971