Arquivo da tag: CPU

HyperX ensina a escolher a memória RAM ideal e melhorar a performance da máquina

(Foto: Divulgação)

Leigo ou heavy user, todo mundo em algum momento já quis saber quanto seu dispositivo tem ou precisa ter de memória RAM. A curiosidade se justifica, já que a capacidade da memória é decisiva para a performance da máquina. Mas a quantidade de bytes não é tudo, e conhecer um pouco mais sobre o assunto pode ajudar o consumidor a fazer a melhor escolha na hora de comprar um computador pronto, montar uma máquina ou atualizar o sistema.

Iuri Santos, gerente de tecnologia da HyperX no Brasil, marca da Kingston, maior fabricante de memórias independente do mundo, afirma que a memória RAM, junto da CPU, é o ‘cérebro’ da máquina. “É como imaginar uma pessoa sem memória. Como ela poderá fazer uma conta de cabeça se não se lembra sequer do que tem que somar? Quando fazemos a conta no papel, escrevemos os números e enviamos essas informações para o cérebro calcular. Com a memória RAM o processo é parecido, ou seja, ela é responsável por registrar e armazenar os dados na CPU, sejam temporários ou permanentes”, explica Iuri.

Segundo ele, a memória RAM é ainda mais importante para o gamer, pois o computador precisa calcular a física de cenário, objetos e personagens no jogo, processar a inteligência dos inimigos e passar todas as informações para a placa de vídeo fazer o desenho na tela, por exemplo, da forma mais rápida possível, pois qualquer atraso pode travar o jogo. “Geralmente, quedas de frame em cenas complexas nos jogos estão relacionadas a uma configuração inadequada de memória RAM no sistema e não a uma falta de força de processador ou da placa de vídeo”, diz o gerente de tecnologia da HyperX.

Situações como essa podem ser resolvidas com um upgrade de RAM. O processo para aumentar a memória e deixar a máquina mais estável e veloz é simples e pode ser ainda mais facilitado com o tutorial preparado pelo gerente de tecnologia da HyperX, a seguir:

• Antes de mais nada, identifique a geração do processador do computador e o chipset da placa-mãe em que ele está instalado. Esses dois pontos determinam as tecnologias compatíveis com o sistema.

• Em seguida, observe os componentes de memória que já estão instalados no sistema e verifique se já estão sendo utilizados todos os números de canais de memória que o computador disponibiliza. O canal de memória é a forma que a CPU tem para acessar simultaneamente mais informações por ciclo de processamento. Algumas máquinas podem ter dois, quatro ou até oito módulos de memória, mas cada chipset terá a sua tecnologia de canal determinada em conjunto com o processador instalado.

• Caso a máquina tenha apenas um módulo de memória instalado, a instalação de um segundo, com a mesma configuração, número de chips e capacidade, fornecerá o dobro da capacidade computacional em relação à atual. Um módulo de memória instalado sozinho permite o processamento de 64 bits de dados por ciclo, e hoje em dia todas as máquinas são compatíveis com ao menos o dual channel (dois canais). Dessa forma, preenchendo os dois canais, cada um com um módulo de memória de 64 bits, o processamento de dados é dobrado para 128 bits, o que resulta em melhor performance da máquina na hora de processar as informações.

• Com os dois canais funcionando, é importante verificar se a configuração atual atende à demanda de memória dos programas usados. Hoje em dia, um sistema com ao menos 16GB de memória RAM permite rodar muito satisfatoriamente os jogos mais recentes. Existem programas que, sozinhos, rodam muito bem com apenas 8GB de RAM, mas, em muitos casos, para gamers que querem jogar e fazer streaming ao mesmo tempo, por exemplo, 16GB passa a ser o novo ponto de partida, utilizando sempre dois módulos de 8GB nas placas-mãe dual channel ou quatro módulos de 4GB nas quad channel (quatro canais). Observe que sempre número par, dependendo da quantidade de canais de memória disponíveis na plataforma utilizada.

• Um detalhe importante referente a módulos de alta velocidade é que, geralmente, quanto menos módulos utilizar, maior se torna a velocidade em MHz compatível com a plataforma. Por exemplo, 32GB podem ser configurados usando quatro módulos de 8GB ou dois de 16GB, em plataformas dual channel, mas, quando possível, deve-se dar preferência para a configuração com apenas dois módulos de 16GB, permitindo assim que módulos com frequências mais altas possam ser utilizados. Já em plataformas quad channel, o ideal é usar 4 módulos de memória ao invés de oito módulos, sendo sempre importante respeitar o número múltiplo de quatro.

• Verifique se as memórias utilizadas têm as mesmas frequências. Os processadores Intel de 6ª e 7ª geração e os AMD Ryzen de 1ª geração podem, com segurança, fazer uso de memórias de 2400MHz de frequência, principalmente de dois módulos em dual channel. Já os processadores Intel de 8ª e 9ª geração e AMD Ryzen de 2ª e 3ª geração em placas-mãe com chipsets da família 400 e 500, principalmente, podem seguramente trabalhar com 2666MHz de frequência. Se o chipset da placa-mãe começar com Z ou X, geralmente 3200MHz é uma frequência segura para o funcionamento das memórias em overclock de fábrica através do conhecido perfil XMP. Frequências mais altas podem ser utilizadas, mas a recomendação é verificar quantos módulos e de qual capacidade são compatíveis em tal frequência para cada modelo de processador e placa-mãe.

• Falando em memórias padrão, a terceira geração AMD Ryzen trabalha nos chipsets da família 500, com memórias de 3200MHz, sendo frequências mais altas dependentes apenas da compatibilidade da placa-mãe e do número de módulos de memória instalados. Os processadores Intel de 10ª geração têm como especificação, e dependendo do modelo do processador, até 2933Mhz e aceitam memórias mais rápidas, também conforme o modelo da placa-mãe em que for instalado.

“Com essas informações fica mais fácil fazer o computador rodar jogos e todos os programas sem engasgos. Se tiver apenas um módulo de memória instalado, procure o upgrade para estabelecer o dual channel. Caso queira melhorar ainda mais, troque o módulo atual por um par de módulos mais rápidos. Se preferir deixar o sistema pronto para multitarefas e os jogos do futuro, use módulos maiores na velocidade ideal para o conjunto de placa-mãe e processador instalados no sistema. Nunca deixando módulos em quantidade ímpar ou fazendo upgrades instalando módulos de características muito diferentes. O sistema com um ótimo processador, ótima placa-mãe, turbinado com um SSD, deve ter a memória RAM certa para estar 100% preparado para todas as batalhas no mundo dos games”, finaliza o gerente de tecnologia.

A HyperX oferece memórias RAM DDR3 e DDR4 nas linhas FURY, Predator e Impact, com kits de 4GB a 256GB e frequências de 2400MHz a 4800MHz.

Para mais informações sobre a HyperX e seus produtos, visite http://www.hyperxgaming.com/br .

Acer expande portfólio Predator para jogos com desktops, monitores e acessórios

A Acer complementa sua premiada linha de games com uma série potentes e avançadas de PCs, monitores e acessórios. Existem opções para diversos tipos de gamers, desde profissionais que buscam tecnologia de ponta até jogadores casuais que querem um desktop gamer sólido por um preço acessível.

“Nossa mais recente linha gamer está equipada com algumas das mais inovadoras e poderosas tecnologias disponíveis hoje em dia”, diz Jerry Kao, Co-COO da Acer. “Como líder na indústria de games, batalhamos para ajudar os gamers a ganhar uma vantagem sobre os oponentes com sistemas robustos e cheios de recursos, e dispositivos que ampliam os limites do desempenho, facilidade de uso e conforto.”

Monitor gamer Predator X25: 360 Hz incrivelmente rápido

Esse potente monitor gamer de 24,5” 1920 x 1080 possui taxa de atualização super-rápida de 360 Hz. Com os mais recentes processadores NVIDIA® G-SYNC®, o Predator X25 proporciona a experiência de game ideal cheia de recursos avançados, fazendo com que os games sejam o mais realista possível.

O Predator X25 também é capaz de ajustar brilho e temperatura da cor automaticamente com base na luz ambiente. Com LightSense, o Predator X25 detecta a quantidade de luz ambiente no local de visualização e ajusta automaticamente suas configurações de brilho para dar maior conforto para os olhos. A função AdaptiveLight ajusta automaticamente as luzes de fundo do monitor conforme a luz ambiente da sala, enquanto o ProxiSense lembra os gamers de fazerem uma pausa depois de determinado período de tempo. Ergonômico, o monitor é ajustável com inclinação de -5 a -25 graus, giro de +/- 30 graus, ajuste de altura de até 11,94 cm, e eixo de +/- 90 graus.

Monitores da série XB3: game fluido, imagens brilhantes

A Acer lança quatro monitores da série Predator XB3: o Predator XB323QK NV de 31,5”, o Predator XB273U GS e o Predator XB273U GX de 27”, e também o Predator XB253Q GZ de 24,5”. Todos eles possuem certificação de compatibilidade com NVIDIA G-SYNC, taxas de atualização de até 240 Hz, e resolução UHD de até 4K; essa linha de monitores proporciona um game fluido e amplos ângulos de visão de 178 graus. O DisplayHDR 400 tem suporte a imagens incrivelmente brilhantes com alto contraste e precisão de cores, enquanto um tempo de resposta de até 0,5 ms (G to G) no overdrive reduz drasticamente os borrões de movimento em imagens em movimento rápido. A nova linha inclui Acer AdaptiveLight, ajudando no conforto dos gamers durante longas sessões de jogo, e foi projetada ergonomicamente, com uma base que permite o ajuste de altura, inclinação, giro e eixo. O RGB LightSense permite que os gamers escolham dentre uma variedade de diferentes efeitos de luz, incluindo cor, velocidade, duração e brilho, que pode ser ajustado para reagir ao jogo, música ou vídeo.

Predator Orion 9000: desempenho extremo para profissionais e gamers hardcore

Projetado para gamers hardcore e profissionais, o atualizado Predator Orion 9000 (P09-920) proporciona desempenho extremo, resfriamento avançado e facilidade de upgrade. Um monstro nos games, essa série vem com tudo, com processador de até Intel® Core i9 Extreme Edition, duas placas de vídeo NVIDIA® Geforce® RTX® 2080 Ti no modo SLI, até três HDs de 3,5”, e duas SSD de 2,5” com uma base de troca a quente USB 3.2 Gen2 tipo C para SSD/HD. Os ventiladores Predator FrostBlade de 4,7” fornecem até 16% mais fluxo de ar e 55% mais pressão estática comparados a gerações anteriores[i], um ventilador de resfriamento líquido da CPU mantém a temperatura baixa enquanto as batalhas pegam fogo. O Killer E3100G integrado e Intel® WiFi 6 oferecem suporte a conexão sem fio rápida e confiável. O overclock pode ser ativado com o toque de um botão. Um painel lateral com vidro temperado de uma borda a outra, compatível com EMI, mostra a iluminação ARGB colorida nos ventiladores internos e conta com um design sem ferramentas para simplificar os upgrades. O chassi inclui um suporte conveniente para o headset, alças e rodinhas.

Predator Orion 3000: desempenho potente em uma torre de porte médio

Os mais novos modelos do Predator Orion 3000 foram feitos para gamers que buscam uma torre de porte médio para seus games preferidos, ou que queiram fazer muito streaming sem sofrer impacto no desempenho. Graças ao processador Intel® Core i7 de 10a geração[ii] e à GPU2 GeForce® RTX 2070 SUPER, ele consegue dar conta de uma ampla variedade de games. Acrescente a isso memória DDR4 de até 64 GB de 2.666 MHz, SSD PCIe NVMe de até 1 TB2, e dois discos rígidos SATA3 de 3,5”, e ele passa a ter ousadia para editar e armazenar vídeos. Dois ventiladores com engenharia personalizada Predator FrostBlade lidam agilmente com a entrada e a saída de ar para manter as temperaturas baixas, enquanto as luzes dos ventiladores e as barras de luzes verticais na frente do gabinete podem ser personalizadas com efeitos especiais e até 16,7 milhões de cores através do software PredatorSense. Um painel lateral opcional feito com vidro temperado, compatível com EMI, mostra os poderosos componentes e as luzes coloridas RGB lá dentro. O Killer E2600 turbina o desempenho da rede de alta velocidade gigabit, e a funcionalidade Intel® Wi-Fi 62 proporciona desempenho de rede sem fio de alta velocidade e baixa latência. 

Nitro 50: desktop prático para gamers casuais e iniciantes

Os desktops da série Nitro 50 oferecem desempenho potente para games sem atrasos e tarefas suaves com muita imagem, com processador até Intel® Core i7 de 10a geração e GPU até GeForce® RTX 2060 SUPER. Até 64 GB de memória DDR4-2666turbinam o melhor desempenho possível. Contornos nítidos e LEDs2 vermelhos preparam o clima para jogadas épicas, enquanto o chassi de 18 litros se encaixa perfeitamente em cima ou embaixo da mesa. O potente resfriamento Predator FrostBlade mantém a temperatura baixa, e os gamers conseguem controlar e fazer ajustes na velocidade do ventilador em tempo real. O armazenamento de alta capacidade é fornecido por uma SSD NVMe PCIe de 1 TB2 e dois HDs de 3 TB2.

Mouse Predator Cestus 350: precisão, velocidade e estilo

O mais recente mouse Predator dá aos gamers controle rápido e preciso, sem a bagunça dos fios. Diferentes jogos possuem estilos variados de jogar, cada um com suas próprias configurações ideais. Com o Predator Cestus 350, os jogadores podem criar cinco perfis personalizados ou utilizar as configurações DPI predefinidas (até 16.000) através do sensor óptico Pixart 3335 superpreciso, e fazer uso de oito botões programáveis, o que permite que eles otimizem o mouse para cada jogo. Ele também é compatível com conexão sem fio rápida, com taxa de sondagem de 1 ms/1.000 Hz para conexão sem fio, e de 0,5 ms/2.000 Hz para conexão com fio.

Cadeira gamer Predator x OSIM: conforto máximo para jogar

Projetada para gamers profissionais e entusiastas de e-sports, a nova cadeira gamer Predator x OSIM faz massagem relaxante que utiliza a tecnologia de massagem OSIM V-Hand para simular as mãos ágeis de um massagista profissional no pescoço e nos ombros do usuário. Junto com outras técnicas de massagem, como amassar, pressionar, rolar e tocar, que cobrem as costas inteiras, essa cadeira gamer foi projetada especialmente para diminuir a tensão e otimizar o conforto físico durante ou após o jogo.

A cadeira aconchegante e ergonômica é altamente ajustável, pode ser reclinada até 145 graus, e os gamers podem usar os botões no descanso do braço direito da cadeira para controlar dois conjuntos de roletes que imitam duas mãos ágeis passando pela curva em S da coluna. Três programas automáticos de massagem (Pescoço e ombros, Lombar, e Energizante) estão disponíveis, projetados por um especialista em massagem para cuidar do pescoço, dos ombros e da região lombar, que são pontos comuns onde os gamers sentem dor por ficarem longos períodos sentados.

Os gamers têm muitas opções para personalizar a massagem, e elas vão além de simplesmente variar as técnicas de massagem usadas. Os roletes da cadeira podem ser ajustados para se adaptar a seis posições diferentes no ombro, conforme as diferenças de altura das pessoas, e há também configurações de largura de roletes que oferecem aos gamers a possibilidade de atingir exatamente o ponto certo, independentemente da largura do corpo. Além disso, os gamers têm a opção de configurar uma massagem programável em determinado local que se concentra naquela área específica, dando aos músculos particularmente doloridos um pouco de atenção e cuidado extras.

Apresentando couro de PVC preto com padrão em fibra de carbono com detalhes metálicos em cinza escuro e verde azulado, a cadeira para gamers Predator x OSIM tem uma aparência esportiva, mas ainda assim profissional. Além de tudo isso, dois alto-falantes Bluetooth integrados no descanso de cabeça da cadeira proporcionam efeitos de som dinâmicos para intensificar a imersão no jogo sem a chateação de um headset.

Preços e disponibilidade

Ainda não existe confirmação para data de comercialização do produto no Brasil. As especificações, preços e disponibilidade exatos variam de acordo com a região. Para saber mais sobre disponibilidade, especificações do produto e preço em mercados específicos, entre em contato com o escritório Acer mais próximo através do site www.acer.com.