Arquivo da tag: Cultura

The Town 2023: Organização anuncia momento mágico que vai entrar para a história do festival

Se em 1985 o Rock in Rio iluminou o público, em 2023 é o público que vai iluminar The Town

Faltando cerca de nove meses para a abertura dos portões, The Town, o novo e maior festival de música, cultura e arte de São Paulo, anuncia um momento único e mágico, que vai entrar para a história ao entregar para a plateia a tarefa de iluminar o festival, criando uma experiência inesquecível. Será um espetáculo que vai sincronizar luz, música, fogos de artifício e transmissão ao vivo nos telões vai parar a nova Cidade da Música e o público vai se arrepiar com um momento emblemático e que se conecta diretamente com a origem de tudo, em 1985 na abertura dos portões do Rock in Rio. É o The Town fazendo história e gerando memória para os fãs que habitam este novo festival. Quem viver o dia 02 de setembro de 2023 no Autódromo de Interlagos, jamais se esquecerá.                                                                                                                  

O Rock in Rio de 1985 entrou para a história ao trazer grandes nomes da música nacional e internacional, colocando o país na rota das turnês internacionais. Roberto Medina, criador e presidente do Rock in Rio e The Town, se emociona ao relembrar a estreia do Rock in Rio, no dia 11 de janeiro de 1985. “Foi o início de um sonho que já remonta quase 38 anos de história. Tudo que vivemos naquela época tem um lugar especial guardado na minha memória e no meu coração. Sinto como se estivesse vivendo tudo novamente, ao planejar e construir um novo festival do zero, com a diferença de que hoje temos uma expertise que antes não tínhamos. Só posso agradecer a toda minha equipe por embarcar em mais um sonho ao meu lado. Ao criar esse show, esse momento, esse espetáculo, estamos relembrando e homenageando o maior festival de música e entretenimento do mundo, como tudo começou”. 

Roberta Medina, filha de Roberto e vice-presidente executiva de Rock in Rio e The Town, relembra que era apenas uma criança no primeiro Rock in Rio e afirma que, hoje, o que a motiva a embarcar no sonho de The Town é poder dizer “eu estava lá quando tudo começou”. “Eu tinha sete anos no primeiro Rock in Rio e lembro muito pouco de tudo que aconteceu. Agora, 38 anos depois, poder fazer parte da primeira edição do The Town e, daqui a outros 38 anos, poder dizer que estava lá tem um gostinho especial. Primeira edição é sempre a primeira edição! E nós estamos criando, com toda expertise do Rock in Rio, uma nova marca brasileira para dar uma cara nova ao mundo do entretenimento, para mostrar São Paulo para o Brasil e para o mundo com toda qualidade do trabalho que a gente faz, qualidade de equipe que temos e reverberando mensagens que são super relevantes não só para o Brasil como para o mundo. Isso é um grande privilégio”. 

No The Town não vai ser diferente e a plateia também terá um novo momento único e mágico, para nunca mais esquecer. É que, se o Rock in Rio foi o primeiro festival a iluminar o público, em The Town o público que vai iluminar o festival. Serão distribuídas 100 mil pulseiras de LED na abertura dos portões para que os fãs participem ativamente deste momento, sendo o centro da experiência, que contará com uma atmosfera similar à trazida pelo Coldplay, no penúltimo dia de Rock in Rio 2022. A tradicional pulseira que brilha no ritmo de cada faixa da banda projeta uma atmosfera única de tirar o fôlego. O dispositivo funciona por meio de uma tecnologia chamada Xylobands, que consiste em um software instalado num computador e ligado a uma caixa de transmissão de ondas, que acionam a sequência de cores ordenada pelo programa, de acordo com o ritmo da música. As pulseiras, feitas de plástico criado a partir de plantas, são controladas à distância por radiofrequência e podem ser recicladas após o uso. 

O momento será um espetáculo que vai acontecer no intervalo do segundo para o terceiro show do Palco Skyline, e terá duração de 10 minutos. Todas as luzes da Cidade da Música se apagarão e apenas os palcos estarão acesos, com direcional de 6.300 spots de luz (2 milhões de Watts de potência), conectando cada pessoa que estiver no festival, não importando a sua localização na venue. O consagrado artista Ney Matogrosso é a atração convidada para reviver este momento nostálgico, cantando o sucesso “América do Sul”, apresentado na abertura do Rock in Rio, em 1985, inaugurando o Palco Mundo. Diante de um público de centenas de milhares de pessoas, o cantor entoou versos que diziam “Deixa viver esses campos molhados de suor, esse orgulho latino em cada olhar, esse canto e essa aurora tropical”, em um momento de grito de liberdade após anos de ditadura militar e de demonstração de orgulho à pátria. 

Com mais de 45 anos de carreira, Ney Matogrosso é reconhecido por sua voz marcante, movimentos cheios de personalidades e figurinos extravagantes. O artista é considerado pela revista Rolling Stone como a terceira maior voz do Brasil de todos os tempos e cantor de clássicos como “Poema” e “Sangue Latino”. Ney foi o primeiro artista a se apresentar no Rock in Rio de 1985, e também cantou no Palco Sunset em 2017 junto com Nação Zumbi e na edição lusitana do festival em 2022, no palco Galp Music Valley. Ele também subiu ao Palco Mundo em 2015 para uma participação especial no “Tributo a Cazuza”, tema do show de abertura do primeiro dia do festival naquele ano. Um dos artistas mais emblemáticos, notáveis e performáticos do Brasil fará parte de um momento em The Town que colocará, mais uma vez, o Brasil no centro da música mundial.

O diretor artístico Zé Ricardo, responsável pela construção da cerimônia, explica que a proposta de colocar a plateia como foco central do momento não é uma novidade para os organizadores. “Para o Rock in Rio, a plateia sempre foi a alma do espetáculo e, a partir da primeira edição, em 1985, os fãs passaram de meros espectadores para grandes protagonistas de momentos que ficaram marcados para sempre. Mais de 37 anos depois, a iluminação continua a ter papel principal no festival e, para a primeira edição de The Town, estamos preparando um espetáculo de luzes, ritmos, fogos e muita tecnologia que estarão sincronizados e serão transmitidos para todos os telões. Vamos construir uma nova história com o público como protagonista mais uma vez”.

O britânico Terry Cook, Light Designer do Rock in Rio e, agora, de The Town, explica que os jogos de luzes durante uma apresentação ajudam a criar momentos que marcam o público, geram memórias, criando ambientes para que os artistas e a plateia estejam em sinergia e tenham a melhor experiência possível. “Estou muito feliz em poder participar ativamente desse momento que será histórico para a cidade de São Paulo e, consequentemente, para o país. Para criar esse espetáculo, estamos trabalhando com a ativação simultânea de 1.000 m2 de LED, correspondente a soma de todos os telões dos palcos, e 6.300 spots de luz que iluminam os palcos e a plateia, sincronizados com a batida da música que o Ney Matogrosso vai apresentar, além de total sincronização com os fogos de artifício. A cereja do bolo será adicionada com as 100 mil pulseiras que estarão distribuídas por toda a plateia e que nos ajudará a criar uma estrutura cinematográfica que vai impactar o público no primeiro dia de festival e quem estiver conosco terá uma noite que jamais esquecerão”, garante. 

Esse será o segundo espetáculo Originals produzido pelos organizadores do Rock in Rio, a empresa Rock World — o primeiro foi o musical Uirapuru, na edição deste ano do Rock in Rio. The Town realizará sua primeira edição no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, nos dias 2, 3, 7, 9 e 10 de setembro de 2023 e já conta com Iza e Criolo como atrações confirmadas. 

The Town já nasce gigante

Dos mesmos criadores do Rock in Rio, The Town estreia na grande metrópole no dia 2 de setembro de 2023, e segue durante os dias 3, 7, 9 e 10, no Autódromo de Interlagos, em uma área de 350 mil m2, que será totalmente renovada. O novo festival já se posiciona como um evento de grande relevância, não apenas para a capital paulista, como também para todo o Brasil e já soma mais de 215 mil seguidores em suas redes sociais, lançadas há poucos meses.  

A primeira edição do novo festival já ganhou duas músicas-tema, gravadas nas vozes de Iza e Criolo. A primeira, considerada o grande hino do evento, tem interpretação de Iza, com a participação do baterista da banda Sepultura, Eloy Casagrande, e de uma orquestra comandada pelo maestro Eduardo Souto Neto. Já a segunda, um trap em homenagem a arte e cultura da capital, foi gravada pelo rapper Criolo em uma colaboração inédita com a Iza e o diretor artístico Zé Ricardo. Ambos os cantores já estão confirmados no line-up do festival. 

Com previsão para receber cerca de 500 mil pessoas em mais de 235 horas de música, a Cidade da Música contará com cinco palcos, onde o público poderá imergir em novas e inesquecíveis experiências. Com cenografia inspirada em ícones da arquitetura paulistana e apresentando uma diversidade única de ritmo e união de tribos, The Town chega a São Paulo com apoio, força e empoderamento de gente grande. De acordo com uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas, está previsto um impacto econômico de R$1.7 bilhão, o maior já visto na capital, além de gerar mais de 19 mil empregos diretos.  

De olho no festival 

Faltando pouco mais de nove meses para a primeira edição, o evento já tem atraído a atenção de diversas marcas. The Town conta com patrocinadores e apoiadores de peso como Itaú, Americanas, Porto, Vivo e Riachuelo – patrocinadores oficiais; a Red Bull, a Movida, a Estácio e a LATAM entram como apoiadores do evento; e os jornais Estado de São Paulo, O Globo e a Folha de São Paulo, a Eletromidia e FLIX como media partner. As marcas Itaú, Riachuelo, Seara, Americanas e Vivo também estão fechadas como patrocinadoras para duas edições de The Town. 

The Town tem, ainda, a Heineken como patrocinadora Master, bem como os parceiros de transmissão: TV Globo, Multishow e Globoplay, as rádios 89FMRede Mix com as rádios Mix FM 102.1, Rio de Janeiro e Mix FM 106.3, São Paulo.

Uma Cidade que não dorme: The Town oferece entretenimento para todos    

Inspirado nos prédios emblemáticos de São Paulo, o palco ‘Skyline’ é o maior palco do evento e é também onde receberá os maiores artistas do mundo, incluindo a tradicional queima de fogos de artifício sincronizada, na abertura e no encerramento. Com inspiração na arte urbana da selva de pedras, o palco ‘The One’ contará com conteúdo exclusivo do festival, através de encontros e apresentações produzidas sob medida. As bandas consagradas e novos artistas devem consolidar o tom de diversidade de ritmos em shows únicos e inesquecíveis.   

Desembarcando do Rio para São Paulo, o ‘New Dance Order’ será o palco dedicado à música de pista, passando pelos gêneros house, techno, trance, bass, trap, EDM e outros beats eletrônicos. The Town também contará com mais um espaço para lá de especial – a ‘São Paulo Square’, palco inspirado na região em que a Cidade foi fundada. Ali, se reunirão alguns dos seus principais ícones históricos, como a Catedral da Sé e a Estação da Luz, embalados ao ritmo de muito jazz e blues.  

A homenagem à capital não para por aí. O festival também traz para o público os antigos galpões das fábricas que ajudaram a elevar o nome de São Paulo. O palco ‘Factory’ trará o mood da cultura urbana e terá performances de street dance e shows de trap, hip hop e rap – que estão entre os gêneros mais consumidos da metrópole.  

Para completar, ao melhor estilo da cidade, The Town contará com o ‘Market Square’, espaço gastronômico que trará toda a diversidade da culinária paulista. Os cardápios serão criados exclusivamente para The Town e assinados por conceituados chefs, bares e restaurantes que mostrarão porque São Paulo é reconhecida como a capital gastronômica do país.  

The Town ainda contará com a ‘Área VIP’, espaço climatizado com buffet assinado por renomado chef e bar exclusivo. 

DISNEY COMEMORA O MÊS DO ORGULHO NOS CANAIS E PLATAFORMAS DIGITAIS

A celebração conta com programações especiais, além de lançamentos e iniciativas, que buscam promover o amor, o respeito e a igualdade de oportunidades para todas as pessoas

(Foto: divulgação)

Com ações especiais, conteúdos temáticos e lançamentos de produtos temáticos, a Disney acompanha as iniciativas globais realizadas no para o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAP+, que se comemora no dia 28 de junho. Durante junho e até o início de julho, a Companhia convida o público a celebrar o respeito, o amor e a sua identidade através de histórias representativas e autênticas que traduzem a rica diversidade humana e promovem a inclusão de todas as pessoas, sem distinção.

Confira a programação dos canais e plataformas Disney para celebrar o Mês do Orgulho:

Disney+

Em 28 de junho, o Disney+ destacará em sua programação SEGREDOS MÁGICOS, um curta animado da coleção SparkShorts da Pixar que apresenta Greg que mesmo tendo uma vida cheia de amor sente necessidade de guardar um segredo, mas com a ajuda de seu cachorrinho e um pouco de magia, aprenderá que não há nada que precise esconder;, e THE LITTLE PRINCE(SS) de Disney Launchpad, destacando estereótipos historicamente arraigados, muitas vezes ainda presentes na relação entre pais e filhos, convida toda a família à reflexão.

Como parte da programação também será possível ver O QUE NOS DEFINE?, um documentário que examina o papel da ciência, política e cultura quando discutimos gênero e HOWARD – SONS DE UM GÊNIO, que mostra um retrato íntimo e profundo de Howard Ashman, o compositor por trás de vários clássicos da Disney durante a década de 80 nos Estados Unidos.

Além disso, na sexta-feira 11 de junhoestreia um novo episódio de High School Musical: A Série: O Musical, “The Quinceañero” que gira em torno da organização da tradicional “quinceañera” de Carlos por seus amigos.

National Geographic

Já a National Geographic celebrará a Semana do Orgulho Nat Geo entre 28 de junho e 2 de julho, com a transmissão de documentários temáticos no canal como TRANGÊNEROS, EXPLORER INVESTIGATION, A EVOLUÇÃO DO SEXO e conteúdos especiais no site nationalgeographicbrasil.com. 

Canais STAR

Também em junho, os canais STAR Channel, STAR Life, STAR Hits, STAR Hits 2 e FX Brasil celebram o mês do orgulho com seus telespectadores com a campanha STAR Pride, que contará com um vídeo manifesto será exibido ao longo da programação. Criado com base nos conceitos de amor, orgulho e respeito, o vídeo exalta a frase e slogan da campanha: “Amor e respeito com todas as letras”. 

Outra ação da campanha é a produção de conteúdo junto ao “POC de Cultura” que serão veiculados entre as séries e filmes do catálogo STAR. No dia 27, a partir das 13h, o STAR Channel transmite uma maratona com todos os episódios da primeira temporada da série POSE; e no dia 28 a partir das 12h15 será exibido um especial de filmes que abordam a temática e alguns episódios marcantes de Os Simpsons.

ESPN

ESPN está produzindo uma série especial para o SportsCenter sobre a inclusão dos atletas LGBTQIAP+ no universo esportivo. Serão três episódios com entrevistas exclusivas que irão ao ar na semana do dia 28 de junho.

Rádio Disney

Na Rádio Disney, os ouvintes poderão escutar durante a programação os depoimentos de seus artistas preferidos contando um pouco mais de suas experiências e da importância de celebrar o Mês do Orgulho, além da oportunidade de participar virtualmente de um Meet&Greet especial. Os fãs também poderão ouvir um podcast com entrevistas de artistas falando sobre diversidade e participar de um sorteio de produtos licenciados da coleção Rainbow da Disney.

Playlist Oficial e Redes Sociais

Ao longo do mês, o público também poderá acompanhar as celebrações do Mês do Orgulho ouvindo a playlist global de Disney Pride, além de conferir ações nas diferentes contas da Disney no Twitter, Facebook e Instagram com a hashtag #DisneyPride. No Instagram também será lançado um novo filtro temático.

Páscoa ao estilo tcheco

A primavera chega e com ela o feriado da Páscoa. Em todo o mundo, as tradições variam um pouco, mesmo que os motivos sejam os mesmos. Convidamos você a conhecer a tradicional Páscoa tcheca

A Páscoa tradicional

O evento mais popular é chamado de Páscoa na região de Valašsko e é comemorado em Rožnov pod Radhoštěm, na Morávia Oriental. Este ano, a festa começará no dia 6 de abril (sábado) com uma tradicional feira de artesanato. Lá você pode ver como é feita a pomlázka – uma das tradições tchecas cujas raízes remontam à era pagã. Na segunda-feira de Páscoa, os meninos andam em pomlázka. Isso significa que eles vão de casa em casa visitando suas jovens vizinhas e lhes dando uma surra simbólica com  uma trança de galhos de salgueiro. Nos tempos antigos, essa surra servia para garantir a fertilidade, mas significado original desapareceu. A tradição, no entanto, permanece e os meninos sempre recebem algo doce como recompensa.

Kopec (a colina alegre), na Boêmia Oriental, também tem muito a oferecer. Nos dias 14 a 17 de abril, as casas são decoradas para a Páscoa e uma equipe vestida no estilo da época explicará os costumes folclóricos tradicionais.

Mercado de Páscoa em Praga

Praga celebrará a Páscoa com a maior feira da República Tcheca. A feira da primavera na Praça da Cidade Velha oferecerá festividades populares, amostras de costumes e artesanato tradicionais e comida saborosa também.

Dezenas de quiosques venderão itens típicos da Páscoa, como ovos pintados à mão ou doces em forma de cordeiro, presentes e decorações. O programa altamente popular e a oferta de pratos típicos tchecos reforçam  os costumes tchecos.

20 motivos para conhecer Mônaco em 2020

Viajar é a palavra da moda este ano. Ver uma arquitetura incrível, admirar obras de arte centenárias, provar novos sabores e acumular experiências memoráveis se torna algo viciante entre os viajantes. Não importa o tamanho da jornada, mas sim o que faz cada um se sentir vivo

Há mais de 150 anos, Mônaco é um destino mítico, associado ao glamour, viagem de sonhos e romance. No começo de 2020, listamos 20 razões para conhecer o principado. Confira abaixo:

Estilo de vida

(Foto: Metropole Monte-Carlo)

Para quem gosta de uma viagem descontraída, a pedida é fazer o check-in em uma suíte elegante, com vista para o Mar Mediterrâneo, agendar uma massagem em um spa, experimentar a cozinha gourmet internacional e finalizar a noite tomando bons drinks depois de uma tarde de compras.

1) A excelência dos hotéis de luxo;

2) O alto nível da gastronomia orgânica;

3) A diversidade e personalização dos tratamentos em spas;

4) A vida noturna agitada;

5) Compras em mais de 40 das marcas de luxo mais prestigiadas do mundo.

Cultura

(Foto: © MONTE-CARLO Société des Bains de Mer)

Para quem procura uma agenda cultural diversa durante o ano todo, Mônaco organiza festivais, apresentações de balé, orquestras, óperas, exposições, shows e eventos voltados para o tema.

1) A Companhia de Balé de Monte-Carlo;

2) O talento da Ópera de Mônaco;

3) A biblioteca musical da Orquestra Filarmônica de Monte-Carlo;

4) O rico patrimônio de museus, monumentos e passeios culturais;

5) Programas e exposições culturais diversificadas abertas a todos os públicos.

Esportes

(Foto: © MONTE-CARLO Société des Bains de Mer)

Para os fãs de esporte, visitar Mônaco significa participar de eventos internacionais ou mesmo praticar diversas modalidades, como as atividades aquáticas.

1) O Grande Prêmio da Fórmula 1 e o Grand Prix histórico;

2) O cenário único do Monte-Carlo Rolex Masters;

3) Acompanhar as partidas de basquete do time da casa Roca;

4) Os novos camarotes Legends Skyboxes, que oferecem uma experiência VIP para assistir aos jogos de futebol do time AS Monaco;

5) Navegar com o Iate Clube de Mônaco.

Business Extended Monaco

(Foto: Monacair Helicopter)

Com a tecnologia digital 5G, Mônaco embarca em um novo ciclo de desenvolvimento e ocupa um lugar de destaque no fórum das cidades globais.

1) Mônaco tem uma economia muito diversificada. São mais de 110 indústrias dentro deste pequeno território, incluindo construção, bancos e transporte marítimo;

2) O principado possui uma excelente infraestrutura e é social e politicamente estável;

3) Existem vários locais excelentes para convenções e eventos em Mônaco, como hotéis e o Fórum Grimaldi;

4) O governo de Mônaco apoia empresas que desejam começar um negócio em Mônaco e existe um departamento criado para oferecer ajuda e aconselhamento;

5) O Aeroporto Internacional de Nice fica a apenas 30 minutos de carro ou 5 minutos de helicóptero, o que significa que os empresários podem pegar um avião rapidamente.

Para mais informações, visite en.gouv.mc.

MULHERES LEVAM SUA VISÃO DE SEXUALIDADE E NEGRITUDE À GALERIA RECORTE

Trabalhos inéditos de três colagistas brasileiras fazem parte da segunda edição da exposição “Sobre a Mulher Livre”

Três artistas de diferentes regiões do país vão mostrar sua visão sobre liberdade de seus corpos, sexualidade, identidade e pertencimento na segunda edição da exposição coletiva “Sobre a Mulher Livre”, que terá início no dia 18 de setembro na Galeria Recorte, espaço multicultural localizado na região do Baixo Augusta.

Elisa Riemer, de Maringá (PR), Thais Silva, capixaba com base em Petrópolis (RJ) e Maria Zeferina, paranaense que atualmente mora em São Luis, no Maranhão, são colagistas e designers e têm em comum a técnica da colagem digital e o feminismo.

Cada uma das artistas têm uma identidade bem marcada.

Maria Zeferina faz das ruas a sua plataforma de maior alcance. Através de lambes em escala aumentada, a artista já participou de festivais de muralismo, local dominado pelo público masculino, como o “Meeting of styles”, no México.

Elisa Riemer aborda a questão da sexualidade feminina em cenários repletos de “amor entre as mulheres”. Inseridas em contextos oníricos, essas mulheres que habitam as paisagens nos remetem à década de 20 e têm uma uma forte relação com a astrologia. Sua obra “Deleitação” foi capa da versão italiana do livro “Come as you are”, de Emily Nagoski, um best seller mundial sobre a sexualidade feminina.

Já Thaís Silva, a @blackcollage, intitula-se “afrofuturista”, fazendo um resgate de personagens e fotos icônicas, inseridas em contextos contemporâneos com apelo à ancestralidade e a referências negras e indígenas.

A mostra coletiva foi idealizada por Michele Micheletto, curadora da Galeria Recorte, primeira galeria de arte do país especializada exclusivamente em colagens. “Num momento em que o retrocesso avança no país e o machismo segue cada vez mais enraizado na nossa cultura, queremos dar espaço a esses trabalhos tão potentes dentro do contexto da liberdade das mulheres”, afirma a curadora.

A exposição, que é gratuita, estará aberta ao público até 9 de novembro.

SERVIÇO
SEGUNDA EDIÇÃO DA EXPOSIÇÃO “SOBRE A MULHER LIVRE”Local: Galeria RecorteEndereço: Rua Augusta, 829, ConsolaçãoHorário para visitação: terças às sextas, das 12h às 21h, e sábados, das 10h às 18hVisitação até: 9 de novembro de 2019Entrada GratuitaFacebook: www.facebook.com/galeriarecorteContato: 11 3368-9824 / 98200-0805

MINISSÉRIE SOBRE A VIDA DE SANTOS DUMONT ESTREIA EM NOVEMBRO NA HBO

A produção vai ao ar em toda a América Latina

A  vida do inventor brasileiro, considerado “Pai da aviação”, é tema da minissérie SANTOS DUMONT que estreia em 10 de novembro, às 21h, em toda a América Latina na HBO e na HBO GO. Realizada em coprodução com a Pindorama, a trama é composta por seis episódios e traz João Pedro Zappa como intérprete de Dumont na fase adulta.

Santos Dumont estreia em novembro. (Foto: Divulgação)

SANTOS DUMONT retrata a história do homem que personificou as grandes transformações da virada do século, aclamado em quase todo o mundo como o primeiro homem a voar em um avião – o 14 Bis. Ambientada na França e no Brasil do fim do século 19 e início do século 20, a produção acompanha a trajetória do aviador desde a infância nos cafezais de sua família no interior de Minas Gerais até os sofisticados salões e aeroclubes de Paris.

A minissérie é produzida por Roberto Rios, Eduardo Zaca, Patricia Carvalho e Rafaella Giannini, da HBO Latin America Originals, e Estevão Ciavatta e Susana Campos, da Pindorama, com recursos da Condecine – Artigo 39. A direção é de Fernando Acquarone e Estevão Ciavatta, que também dirigiu a série exclusiva da HBO, PREAMAR. Com roteiro de Pedro Motta Gueiros e Gabriel Mariani Flaksman, a série será distribuída com exclusividade pela HBO Latin America.

GALERIA RECORTE APRESENTA “PLANOS POSSÍVEIS”, EXPOSIÇÃO INDIVIDUAL DE LUCAS RAMPAZZO

Série de colagens convida espectador a pensar novas possibilidades de construções arquitetônicas e paisagens urbanas

A Galeria Recorte, espaço multicultural localizado na região do Baixo Augusta, em São Paulo, recebe a exposição “Planos Possíveis”, trabalho mais recentes do designer e artista visual Lucas Rampazzo. A entrada é gratuita e a exposição fica em cartaz até 14 de setembro, na Rua Augusta, 829.

A mostra traz duas séries de colagens que dialogam entre si, instigando o olhar imaginativo sobre o espaço urbano e de convívio. Através de sobras e retalhos geométricos de papel, o artista esboça possibilidades de construções arquitetônicas e paisagens urbanas.

Exposição de Lucas Rampazzo está em cartaz na Galeria Recorte. (Foto: Divulgação)

“A escolha por reutilização de objetos e aproveitamento de material descartado é um convite a construirmos este olhar de transformação e mudança na paisagem urbana a partir do nosso universo imaginário. Seu trabalho nos conduz a olharmos as sutilezas que nos envolve cotidianamente e que, de maneira simples, podemos traçar conexões imaginárias de uma construção concreta do que almejamos como estética para o mundo atual”, afirma Lucas Pexão, curador da exposição.

As formas e figuras compostas a partir de encaixes funcionam como um quebra-cabeça oculto existente na relação forma-objeto dos nossos espaços de convívio. Essas combinações sugerem um esboço de ambientes e espaços arquitetônicos, ora vistos de cima, ora vistos de frente, ora vistos do ponto de quem experimenta o lugar em si. Em conjunto, as obras formam composições visuais entre cor e forma, inerentes ao universo do design gráfico, e também das repetições das formas, dialogando com o universo composicional da música.

Lucas Rampazzo nasceu em Maringá, no Paraná, e vive e trabalha em São Paulo. Em 2011, fez residência artística na cidade de Rotterdam, na Holanda, e já participou de exposições coletivas na galeria Logo, Mezanino e Sé Galeria. Também teve o zine Untitled Polaroids adquirido pelo acervo de publicações do MoMa, em Nova Iorque.

Em 2017, foi convidado para a residência multidisciplinar Re-Uso, na Praça Victor Civita, e, em 2018, para o festival Plana, na Cinemateca do Estado de São Paulo, expondo painéis pintados em grande formato.

Atualmente é reconhecido pela pesquisa e estudos relacionados ao seu trabalho ligado ao design e à música, onde transita por essas linguagens na busca das semelhanças entre o universo sonoro e visual. Ele também assina o projeto gráfico da capa do CD “Convoque seu Buda”, de Criolo.

SERVIÇO

 EXPOSIÇÃO “PLANOS POSSÍVEIS”

Local: Galeria Recorte

Endereço: Rua Augusta, 829, Consolação

Horário para visitação: terças às sextas, das 12h às 21h, e sábados, das 10h às 18h

Visitação até:  14 de setembro de 2019

Entrada Gratuita

Facebook: www.facebook.com/galeriarecorte

Contato: 11 3368-9824 / 98200-0805

Exposição “Contemporâneo, sempre” no Farol Santander

Por Renata Lakatos e Douglas Alves

A arte contemporânea tem seu quinhão de exímios defensores, assim como uma parcela de críticos severos, mas é, sem dúvida, um dos movimentos artísticos que mais ganhou destaque no Brasil, com nomes de relevância mundial, apreciados ao longo das décadas.

Parte do mau julgamento da arte contemporânea vem da falta de conhecimento já que esse não é, afinal, o movimento mais estudado nas aulas de artes da escola, mas mesmo o mais ferrenho dos críticos sentirá seu coração amolecer ao entrar na exposição “Contemporâneo, sempre”, que acontece no Farol Santander, no centro de São Paulo, até dia 5 de janeiro de 2020.

Arte contemporânea no Farol Santander. (Foto: Renata Lakatos)

Nada de paredes brancas e cara de contemplação; a mostra é dinâmica, para ser vista de diversos ângulos e com muita atenção, mas pode ser apreciada mesmo por aqueles que pouco – ou nada – entendem de arte. As cores, as formas, os desenhos e ângulos te agarram com força e levam para o centro do espaço que não apenas traz uma das obras mais impressionantes da exposição, a pintura “Palimpsestos”, do artista Paulo Almeida, que foi terminada no local e é modificada a cada nova exposição. Tivemos a oportunidade de vê-lo ainda trabalhando e o processo é encantador.

Exposição sempre tem novidades. (Foto: Renata Lakatos)

A exposição tem curadoria de Agnaldo Farias e Ricardo Ribenboim e apresenta um panorama de 70 anos da arte brasileira, reunindo um conjunto significativo de pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e fotografias. Do total do acervo, que conta com mais de 2 mil obras, foram selecionados 64 trabalhos, divididos nas categorias Abstração, Retrato e Paisagem. A expografia apresenta um olhar didático para o público, que permite compreender como cada uma de suas vertentes traduz a história da arte no Brasil.

“A exposição foi concebida reunindo em grupos artistas de diversas épocas e variadas técnicas e isso permite ao visitante compreender como cada uma dessas categorias perpassa a história da arte brasileira e da Coleção Santander Brasil. São trabalhos adquiridos no momento em que foram produzidos, e não quando os artistas já eram consagrados, e a compra de suas obras não implicava mais correr riscos. Os jovens artistas sublinham o compromisso da instituição com a ousadia e a experimentação”, explica Agnaldo Farias. Destes, destacam-se Alfredo Volpi, Tomie Ohtake e Burle Marx.

Artes da exposição do Farol pode ser vista até 2020. (Foto: Renata Lakatos)

A mostra conta ainda com um espaço multimídia onde os visitantes podem interagir, a partir de uma projeção na parede, com imagens desconstruídas das obras expostas, alterando formas e cores com seus próprios gestos e movimentos. Há também uma obra representativa de cada uma das categorias destacada em projeto de acessibilidade, em relevos táteis e em alto contraste, além de legendas em braile e áudio descrição.

Quando: de 27/08/2019 a 05/01/2020

Onde: Rua João Brícola, 24 – Centro (entrada acessível pelo nº 32)

Funcionamento: de terça a dominfo, das 9h às 20h

Ingressos: R$ 25,00 (visitação completa ao Farol Santander) disponível pelo site e na bilheteria física no local

http://www.farolsantander.com.br

sHOPPING GRANJA VIANNA CONVIDA PARA O ART DAY

Evento reúne grafiteiros reconhecidos nacionalmente a shows de rock e jazz em uma programação especial que transforma as paredes do shopping center em uma grande exposição de arte

O Shopping Granja Vianna prepara um dia especial para quem gosta de arte urbana: o Art Day. No próximo sábado, 24, grafiteiros reconhecidos de São Paulo dão mais cores ao shopping center. Os muros do estacionamento ganham obras exclusivas em um evento que reúne muita música, gastronomia e atividades interativas para toda a família.

“Queremos promover, cada vez mais, arte e cultura na região. Começamos com a Galeria da Granja, com obras de grandes artistas expostas em uma de nossas lojas. Desta vez promoveremos o Art Day que reunirá grandes nomes do grafite para dar voz a assuntos extremamente atuais, relevantes e ligados a nossa essência: a diversidade e a sustentabilidade”, explica Caroline Alves, gerente de Marketing do Shopping Granja Vianna. “Quem gosta de música, arte e gastronomia, poderá curtir um dia divertido em família”, completa.

Art Day será atração do Shopping Granja Vianna, no fim de semana. (Foto: Divulgação)

Os muros do estacionamento do Piso L3 do shopping center ganham as intervenções de Caio Bless, Bruno Badaró, Consp, Fernando Berg, Ficko, Gigante, Heitor_ohas, Heneh, Meio Killo, Mosko, Nakano, Negritoo, Nemviptk, Ocre, Paulo Bruno, Sapiens Questione, Vinicius Targa, xGuix e Subtu.

O Shopping Granja Vianna preparou uma programação especial para quem acompanhar este dia de arte. Enquanto os artistas trabalham, shows ao vivo de rock e jazz acontecem no mesmo espaço, que ganha também foodtrucks com opções para todos os bolsos e paladares e uma área kids para as crianças soltarem toda a imaginação e não perderem a diversão. Os jovens grafiteiros de Cotia, vão participar de um bate papo especial com os artistas para falarem sobre essa forma de expressão que é o grafite.

Todos as latas de sprays usadas nos muros se transformarão em uma grande obra de arte, desenvolvida, ao vivo, durante o evento.

Art Day acontece no sábado, dia 24, a partir das 10h no estacionamento do Piso L3. A entrada é gratuita.

Art Day no Shopping Granja Vianna
Data: sábado, dia 24 de agosto
Horário: das 10h às 20h
Local: Estacionamento do Piso L3
Endereço: Rodovia Raposo Tavares, km 23,5
Gratuito, sujeito à lotação

SHOPPING GRANJA VIANNA INAUGURA GALERIA DE ARTE

Depois do Granja Open Air, espaço de eventos a céu aberto, shopping center abre espaço cultural com exposição de 20 artistas brasileiros

O Shopping Granja Vianna torna-se o endereço certo também para os amantes de arte, com a inauguração da Galeria Granja Vianna. O novo espaço do shopping center, aberto nesta semana, reúne 77 quadros de 20 artistas nacionais em ambiente com mais de 200 m², ampliando as opções de passeios culturais no complexo de compras.

“Estamos sempre buscando oferecer uma experiência completa para todos os nossos clientes. O Granja Open Air é palco dos melhores eventos da região e, agora, com a Galeria Granja Vianna, trazemos um espaço dedicado para a arte”, diz Caroline Alves, gerente de Marketing do Shopping Granja Vianna.

Galeria de arte do Shopping Granja Vianna. (Foto: Divulgação)

A exposição conta com quadros dos artistas: Binakano, Bruno Badaró, Caio Bless, Consp, Cristian Psdeks, Fernando Berg, Ficko, Heitor_Ohas, Heneh, Maurício Gigante, Meio Killo, Negritoo, Nemviptk, Ocre, Paulo Bruno, Russ, Spiens Questione, Subtu, Vinicius Targa e XGuix. As obras estão à venda. Basta aproximar a câmera do celular do QR-code disponível ao lado do quadro e, assim, ser automaticamente direcionado para o site de compras.

A Galeria Granja Vianna está localizada no Piso L1 e abre de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h, e domingo e feriado, das 14h às 20h. A entrada é gratuita.