Arquivo da tag: DC Comics

“Pennyworth” ganha segunda temporada na Starzplay

Segunda temporada chegou na Starzplay. (Foto: divulgação)

O passado do mordomo mais famoso do mundo ganha um novo capítulo na Starzplay na estreia a segunda temporada de Pennyworth! A série de origem DC retoma a história de Alfred Pennyworth (Jack Bannon), um ex-soldado britânico do Serviço Aéreo Especial (SAS) de 20 anos, que formou uma empresa de segurança em Londres em 1960. Ele trabalha com o jovem bilionário Thomas Wayne (Ben Aldridge), que no futuro se tornaria o pai de Bruce Wayne, o Batman.

Um ano depois dos explosivos eventos da última temporada, a Inglaterra se encontra envolvida em uma guerra civil devastadora, com a poderosa e neo-fascista Raven Union, liderada por Lord Harwood, ameaçando controlar o país inteiro. O Norte de Londres continua sendo uma das poucas resistências remanescentes. E é na Zona Neutra de West End que encontramos Alfred Pennyworth. Após anos no Exército Britânico, seu treinamento com a SAS o ensinou a ser um otimista cínico – esperando o pior, mas sabendo que pode lidar com isso. Agora comandando o The Delaney, um clube no mercado negro do Soho que recebe a todos, independentemente de suas condutas políticas, Alfred, com seus companheiros da SAS, “Bazza” e “Daveboy”, está em busca de uma saída – antes que Londres, e seu país, se incendeie. 

Além de Bannon e Aldridge, Pennyworth é estrelada por Emma Paetz, Hainsley Lloyd Bennett, Ryan Fletcher, Dorothy Atkinson, Ian Puleston-Davies, Ramon Tikaram, Edward Hogg, Harriet Slater, Jessye Romeo, Paloma Faith e Jason Flemyng. 

Com dez episódios, a temporada estreou na Starzplay no domingo, dia 28 de fevereiro, e ganha um episódio novo a cada semana. A primeira temporada já está disponível na plataforma.

HBO Max será lançada no Brasil em junho de 2021

Plataforma oferecerá ao público de 39 territórios na América Latina e no Caribe uma experiência totalmente inédita por meio de um novo aplicativo, diversas opções de assinaturas e acesso sem precedentes à programação favorita dos fãs do mundo todo, assim como produções locais originais, como nenhum outro serviço na região.

(foto: divulgação)

A plataforma de streaming direta ao consumidor da WarnerMedia, HBO Max, tem lançamento agendado para final de junho em 39[1] países na América Latina e no Caribe, sendo a primeira vez que o serviço estará disponível fora dos Estados Unidos. Com esta experiência de streaming totalmente nova, o público brasileiro terá acesso em breve a um catálogo incomparável de conteúdos que inclui os programas mais adorados e favoritos dos fãs das marcas da WarnerMedia, incluindo HBO, DC e Warner Bros. Além disso, o serviço, traz uma nova experiência para crianças de todas as idades e uma atrativa linha de produções originais locais e com talentos também locais.

“Estamos muito entusiasmados com o lançamento da HBO Max na América Latina e no Caribe. Este é o primeiro passo para levar nossos serviços para consumidores fora dos Estados Unidos e para o mundo todo”, disse Johannes Larcher, líder da HBO Max International. “Combinando a HBO com o melhor do catálogo de séries e filmes da WarnerMedia, bem como com produções locais dos principais criadores da América Latina, a HBO Max oferecerá aos fãs da região uma experiência de entretenimento rica e inesquecível.”  

No lançamento, tanto os assinantes diretos da HBO GO como aqueles que pagam o serviço por meio dos parceiros participantes terão acesso à HBO Max. O atual serviço da HBO GO na América Latina e no Caribe será descontinuado. Os assinantes terão acesso ao aplicativo da HBO Max, que reproduzirá a experiência com o produto disponível nos Estados Unidos, incluindo recursos que aprimoram a maneira como a audiência se conecta com os conteúdos da WarnerMedia. O aplicativo rodará na plataforma tecnológica global da HBO Max que atendeu grande demanda do consumidor nos Estados Unidos com estabilidade durante os eventos mais populares da programação.

HBO Max oferecerá acesso a conteúdos de qualidade extraídos dos 100 anos da icônica e amada programação da WarnerMedia para fãs de todas as idades – desde crianças na fase pré-escolar com coleções do Cartoon Network e do Looney Tunes Cartoons, até adolescentes e adultos fãs de marcas de sucesso como HBO, Warner Bros., New Line, DC, CNN, TNT, TBS, truTV e Adult Swim. Além disso, o conteúdo da plataforma conta ainda com uma ampla variedade de títulos originais locais, com a marca Max Originals, que são exclusivos da plataforma e mostrarão criadores, e com talentos locais com suas vozes autênticas, relevantes e próximas para o público. Os consumidores também poderão ver séries e filmes criados pelos melhores contadores de histórias do mundo, por meio de títulos famosos adquiridos de parceiros de renome locais e internacionais.

HBO Max estará disponível facilmente por meio de várias opções de assinatura e poderá ser baixada em diversos dispositivos, como smartphones, tablets e uma ampla variedade de plataformas de entretenimento.

Ao longo dos próximos meses, a HBO Max informará aos consumidores na América Latina e no Caribe outros detalhes sobre a plataforma, incluindo novos conteúdos, promoções e muito mais. Após a chegada da HBO Max à América Latina e ao Caribe, os serviços de streaming da HBO na Europa (Países Nórdicos, Espanha, Europa Central e Portugal) serão atualizados para a HBO Max ainda este ano.

[1] Anguilla, Antigua, Argentina, Aruba, BVI, Bahamas, Barbados, Belice, Bolívia, Brasil, Islas Cayman, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Dominica, República Dominicana, Equador, El Salvador, Grenada, Guatemala, Guiana, Haití, Honduras, Jamaica, México, Montserrat, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Saint Kitts e Nevis, Santa Lúcia, São Vicente, Suriname, Trinidad e Tobago, Turks e Caicos, Uruguai e Venezuela.

‘Hora H’ acompanha a estreia da segunda temporada de Batwoman, na HBO

O primeiro episódio da nova temporada da heroína poderá ser visto em dias consecutivos na TNT, Warner Channel, SPACE, TNT Series e Cinemax

Segunda temporada de Batwoman estreia hoje. (Foto: divulgação)

A programação de maior destaque da HBO chega ao ‘Hora H’, o novo bloco de programação dos canais da WarnerMedia Latin America para suas marcas de Pay TV, Warner Channel, TNT, SPACE, TNT Series e Cinemax. Este é um espaço exclusivo de exibição do primeiro episódio das novas temporadas e séries da HBO, as quais serão programadas durante a primeira semana posterior a sua estreia nessa tela, em um formato sem cortes comerciais e disponíveis tanto com legendas como dublado. As histórias poderão ser acompanhadas posteriormente na HBO GO e em suas transmissões regulares na HBO .

Desta vez, o ‘Hora H’ apresentará a estreia da segunda temporada de Batwoman. O primeiro episódio da série vai ao ar na sexta-feira, 29 de janeiro, na HBO e será exibido um dia depois, a partir do sábado, 30 de janeiro, nos canais Warner Channel, TNT, SPACE, TNT Series e Cinemax. Nesta edição, Javicia Leslie interpreta Ryan Wilder, a primeira Batwoman negra em uma série ou filme para a televisão.

Lésbica, audaciosa e extremamente inteligente, Ryan vê o Batsuit como sua chance para se libertar de um passado difícil e tornar-se poderosa. No início da temporada, ela usa os trajes de Kate Kane mas, à medida em que cresce no papel, vai criando seu próprio visual para se lançar em uma jornada pessoal que a leva de substituta, morando em uma van, a uma confiante heroína que persegue os vilões no Batmóvel.

A primeira temporada de Batwoman já pode ser vista com episódios duplos na Warner Channel, todos os domingos no bloco “Domingo Heroico” (Brasil) e todas as quintas-feiras à meia-noite (Latam).

Batwoman volta as telas. (Foto: divulgação)

ESTREIA DE BATWOMAN NO HORA H

Sábado – 30 de janeiro
22h – TNT Series (LatAm)

Domingo – 31 de janeiro
23h40 – Warner Channel (Brasil)

Segunda-feira – 1 de fevereiro
12h – Cinemax (Argentina)

21h30 – Cinemax (Brasil)

22h – TNT (LatAm)

23h – Cinemax (Chile)

23h30 – Cinemax (Colômbia)

Terça-feira – 2 de fevereiro

21h – Space (México)

21h40 – Space (Brasil)

22h – Space (Argentina, Colômbia, Chile)

Quarta-feira – 3 de fevereiro

22h30 – TNT Series (Brasil)

Quinta-feira – 4 de febrero
12h – Cinemax (México)

23h – Warner Channel (LatAm)

00h – TNT (Brasil)

Baseada nos personagens da DC, BATWOMAN é uma realização de Berlanti Productions em associação com a Warner Bros. Television. Os Produtores executivos são Greg Berlanti (ArrowThe FlashSupergirl), Caroline Dries (The Vampire DiariesSmallville), Geoff Johns (Arrow, The FlashTitans), Chad Fiveash (The Vampire DiariesGotham), James Patrick Stoteraux (The Vampire DiariesGotham) e Sarah Schechter (ArrowThe FlashSupergirl).

DE METALÚRGICOS A ALFAIATES, CONHEÇA PROFISSIONAIS QUE TRABALHARAM NO FIGURINO DE MULHER-MARAVILHA 1984

Estrelado por Gal Gadot e dirigido por Patty Jenkins, produção segue em cartaz nos cinemas brasileiros

Saiba mais sobre os figurinos de ‘Mulher-Maravilha 1984’. (Foto: divulgação)

O longa Mulher-Maravilha 1984, em cartaz nos cinemas brasileiros,é autêntico, rico e desafiador em seu figurino. Para recriar um visual encantador, vívido dos anos 1980 e provocar a sensação de imersão naquele tempo, a diretora Patty Jenkins recorreu à figurinista Lindy Hemming, à designer de produção Aline Bonetto e ao diretor de fotografia Matthew Jensen.

 “Patty decidiu que queria um figurino com mais vermelho, azul e dourado para a super-heroína, mais próximo de seu traje original dos quadrinhos, como se fosse uma joia para espelhar o período em que se passa o filme”, explica a figurinista.

“Eu tinha 20 anos nos anos 1980, então me lembro da música, das cores, do punk. Encontramos tantas fotos incríveis que se tornaram um tesouro de informações para os sets e para os figurinos, além de ilustrar detalhes sobre como as pessoas estavam se comportando, como comiam, se sentavam, falavam ao telefone. São detalhes tão importantes e necessários”, diz Aline Bonetto. 

Para manter a continuidade com o primeiro filme, os figurinos e as armaduras das amazonas foram reutilizados, sobretudo nas cenas da Rainha Hipólita e da General Antíope. Novos trajes foram criados para a plateia e as competidoras dos Jogos das Amazonas. “Criamos um visual festivo para todas as torcedoras, em branco e dourado, para combinar com as cores-mestras do filme, com sete variações dos vestidos brancos e dez variações de couro dourado, o que permitiu diversas trocas e a aparência de individualidade do elenco”, explica Hemming.

Já para as atletas foi criado figurino único que permitisse todos os movimentos necessários para cavalgar, escalar montanhas, correr pela floresta e nadar no mar. “Nossa ideia foi confeccionar um tecido que parecesse com couro, sendo lycra, e com ele, criar um body colado ao corpo, coberto por uma capa com brilho dourado, para novamente manter a sintonia com o tom dourado predominante dos Jogos das Amazonas”, afirma a figurinista.

Transições para refletir as mudanças de Barbara Minerva, a Mulher- Leopardo, também aconteceram. Para a atriz Kristen Wiig, “Lindy e Patty formam uma grande equipe. Cada pequeno detalhe no guarda-roupa de Barbara é tão pensado, porque cada look é um símbolo de como ela está mudando – até mesmo sua segunda roupa, onde ela meio que tira a saia e faz sua camisa de vestido. De repente, ela parece bem, mas é por acidente”.

Lindy Hemming não vestiu somente o elenco feminino. A Pedro Pascal coube usar figurinos que também expressassem o desejo de Max Lord de parecer um rico empresário. Numa das sequências mais divertidas do filme, há uma montagem de looks que o Steve Trevor de Chris Pine experimenta, e funciona como uma vitrine de opções de figurinos masculinos dos anos 1980. O ator, inclusive, achou o acessório principal de Steve, a pochete, tão útil, que comprou um para usar. “Na verdade, eu acabei ganhando a minha própria pochete, e usei-a constantemente enquanto estava pedalando por Washington, DC”, conta Chris Pine.

No entanto, para os fãs, o verdadeiro destaque pode ser a Armadura de Ouro. O supervisor de figurinos, Dan Grace, ficou responsável pela produção da Armadura Dourada, que consumiu mais de um ano, com o trabalho de quarenta pessoas. O corpo do traje foi feito de poliuretano, para ser leve, composto de 93 peças, e 264 ‘penas’ individuais nas asas. Diferentes conjuntos de asas tiveram que ser feitos para diferentes poses, como ficar parado com as asas dobradas ou abertas em voo. Acabamos com cinco modelos e estilos diferentes de asas”. No total, 14 versões da Armadura Dourada tiveram que ser feitas para Gal e suas dublês.

Ao todo, o departamento de figurinos de Lindy Hemming vestiu cerca de 2.850 figurantes durante as filmagens, com o apoio de mais de 100 equipes de guarda-roupa, e de 48 artistas de cabelo e maquiagem da equipe de Jan Sewell. A equipe contou com alfaiates, modelistas, designers de tecidos, especialistas em couro, metalúrgicos e fabricantes de joias e ainda vários outros especialistas.

Warner Channel apresenta maratona de super-heróis, em “Especial Natal Poderoso”

No dia de Natal, canal exibe cinco filmes na sequência, com mais de 10 horas de duração

Atenção, fãs dos heróis da DC Comics! Na sexta-feira, dia 25 de dezembro, a partir das 13h30, a Warner Channel preparou uma programação imperdível com a exibição de cinco filmes na sequência no “Especial Natal Poderoso” .

A maratona tem início às 13h30 com Superman: O Retorno, estrelado por Brandon Routh, seguindo com Batman: O Cavaleiro das Trevas às 16h30, com o inesquecível Heath Leadger no papel de Coringa, e às 19h25, a sequência com Christian Bale em Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge. Às 22h30 é hora de matar a saudade da Arlequina em Esquadrão Suicida e finaliza com Batman Begins à 00h55 .

Confira a programação completa do Especial Natal Poderoso:

13h30 – Superman: O Retorno

(foto: divulgação)

Após alguns anos de um misterioso desaparecimento, Superman (Brandon Routh) retorna ao planeta Terra. Porém a situação em Metrópolis está bastante mudada desde que o Homem de Aço deixou o planeta, pois a cidade se acostumou a viver sem ele. Além disto Lois Lane (Kate Bosworth), sua grande paixão, seguiu sua vida após o sumiço do herói. Ao mesmo tempo em que precisa se adaptar à nova realidade, Superman precisa enfrentar um antigo inimigo, que planeja um meio de acabar com ele de uma vez por todas.

16h30 – Batman: O Cavaleiro das Trevas

(foto: divulgação)

Após dois anos desde o surgimento do Batman (Christian Bale), os criminosos de Gotham City têm muito o que temer. Com a ajuda do tenente James Gordon (Gary Oldman) e do promotor público Harvey Dent (Aaron Eckhart), Batman luta contra o crime organizado. Acuados com o combate, os chefes do crime aceitam a proposta feita pelo Coringa (Heath Ledger) e o contratam para combater o Homem-Morcego.

19h25 – Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge

(foto: divulgação)

Após ser culpado pela morte de Harvey Dent e passar de herói a vilão, Batman desaparece. As coisas mudam com a chegada de uma ladra misteriosa, a Mulher-Gato, e Bane, um terrorista mascarado, que fazem Batman abandonar seu exílio forçado.

22h30 – Esquadrão Suicida

(foto: divulgação)

Após a aparição do Superman, a agente Amanda Waller (Viola Davis) está convencida que o governo americano precisa ter sua própria equipe de metahumanos, para combater possíveis ameaças. Para tanto ela cria o projeto do Esquadrão Suicida, onde perigosos vilões encarcerados são obrigados a executar missões a mando do governo. Caso sejam bem-sucedidos, eles têm suas penas abreviadas em 10 anos. Caso contrário, simplesmente morrem. O grupo é autorizado pelo governo após o súbito ataque de Magia (Cara Delevingne), uma das “convocadas” por Amanda, que se volta contra ela. Desta forma, Pistoleiro (Will Smith), Arlequina (Margot Robbie), Capitão Bumerangue (Jai Courtney), Crocodilo (Adewale Akinnuoye-Agbaje), El Diablo (Jay Hernandez) e Amarra (Adam Beach) são convocados para a missão. Paralelamente, o Coringa (Jared Leto) aproveita a oportunidade para tentar resgatar o amor de sua vida: Arlequina.

00h55 – Batman Begins

(foto divulgação)

Marcado pelo assassinato de seus pais quando ainda era criança, o milionário Bruce Wayne (Christian Bale) decide viajar pelo mundo em busca de encontrar meios que lhe permitam combater a injustiça e provocar medo em seus adversários. Após retornar a Gotham City, sua cidade-natal, ele idealiza seu alter-ego: Batman, um justiceiro mascarado que usa força, inteligência e um arsenal tecnológico para combater o crime.

Não perca a o “Especial Natal Poderoso” na sexta-feira, dia 25 de dezembro de 2020, a partir das 13h30, na Warner Channel

*Horário de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

Pela primeira vez de forma completa, Warner Channel exibe o crossover “Crisis on Infinite Earths”

Canal apresenta todos os episódios em sequência neste domingo, 20 de dezembro

Heróis da DC enfrentam o fim dos universos no crossover. (Foto: divulgação)

A Warner Channel vai exibir de forma completa, pela primeira vez, todos os episódios que compõem o especial “Crisis on Infinite Earths”, o maior crossover das séries e personagens da DC já feito na televisão. Neste domingo, dia 20 de dezembro, a partir das 22h25, no bloco “Domingo Heroico”, prepare a pipoca e o coração para curtir o melhor do universo DC.

O crossover teve início com a 5ª temporada de Supergirl, em 2019, e finalizou com Legends of Tomorrow, no início de 2020.

Dividido em cinco partes, o evento reuniu Supergirl, Arrow, Batwoman, Flash, Legends of Tomorrow e diversos personagens da DC para um arco especial. “Crisis on Infinite Earths” também trouxe a participação de atores de antigas adaptações da DC que ficaram eternizados por seus personagens, como Clark Kent (Tom Welling) de Smallville.

Confira a programação completa:

22h25: Parte 1 – Supergirl: 5ª Temporada, episódio 9

23h10: Parte 2 – Batwoman: 1ª Temporada, episódio 9

00h00: Parte 3 – The Flash: 6ª Temporada, episódio 9

00h50: Parte 4 – Arrow: 8ª Temporada, episódio 8

01h35: Parte 5 – Legends of Tomorrow: 5ª Temporada, episódio especial

Não perca o Domingo Heroico especial com todos os episódios de “Crisis on Infinite Earths”, que vai ser exibido no próximo domingo, dia 20 de dezembro de 2020, a partir das 22h25*, na Warner Channel.

*Horário de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

“Mulher-Maravilha 1984” é revelada para o jogo Injustice 2 Mobile – Disponível agora

Mortal Kombat 11: versão do personagem Shang Tsung se juntará ao Mortal Kombat Mobile esta semana

Mulher-Maravilha 1984 chega ao Injustice 2, versão mobile. (Foto: divulgação)

O Laço da Verdade nos obriga a compartilhar com vocês que Warner Bros. Games e NetherRealm Studios apresentaram hoje a nova personagem Mulher Maravilha Golden Armor – inspirada no aguardado filme da DC e Warner Bros. Pictures, “Mulher Maravilha 1984” – disponível agora no popular jogo de luta, Injustice 2 Mobile.

Além disso, no final desta semana, Shang Tsung fará sua estreia em Mortal Kombat Mobile, ao lado de novos Brutalities e um desafio de tempo limitado: Kold War Tower. O feiticeiro que rouba almas tem a aparência do ator Cary-Hiroyuki Tagawa, que interpretou o personagem popular no clássico filme “Mortal Kombat” de 1995.

INJUSTICE 2 MOBILE

Disponível agora, os jogadores podem agitar os anos 80 com a Mulher Maravilha Golden Armor, versão da heroína inspirada no próximo filme da DC e da Warner Bros. Pictures, “Mulher Maravilha 1984”. Sua habilidade de Proteção Divina aumenta a resistência a Danos ao longo do Tempo, enquanto sua Guarda Ofensiva aumenta o medidor de combinação de toda a equipe. Essa semideusa também pode derrubar seus oponentes com uma chicotada, laçando-os de volta ao combate e atacando com um golpe devastador. Finalmente, seu Arsenal de Amazona pode destruir oponentes com braçadeiras poderosas e ataques de espada que também aumentam o dano em 35% durante a batalha.

As atualizações adicionais do Injustice 2 Mobile incluem:

• NOVO – Calendário de feriados divinos da Mulher Maravilha (15 de dezembro)

A partir de 15 de dezembro, a Mulher Maravilha trará 15 dias de celebrações com uma variedade de surpresas festivas gratuitas, incluindo Power Gems, Sim Chips, Energia Créditos. Novos itens da loja de fim de ano também serão lançados, e os jogadores podem verificar diariamente se há novas ofertas.

• NOVO – Rise of Krypton: Solo Raid Event (18 de dezembro)

A partir de 18 de dezembro, jogadores do nível 20 em diante podem entrar neste evento por tempo limitado para derrotar Boss Collector of Worlds Superman com todos os novos artefatos poderosos que contêm sua maior fraqueza, a criptonita. Derrotar chefões recompensará com baús cheios de prêmios, novos retratos de perfil de Rise of Krypton, desbloqueio de herói completo e muito mais. Vencer o evento vai recompensar a lança de criptonita. Novo neste evento Solo Raid, os bônus de artefatos agora serão aplicados a todos os membros de uma equipe, não apenas ao herói que o possui.

• NOVO – Reforge Tokens (em breve)

Em breve, o novo Reforge de artefato épico concederá uma chance maior de Efeitos de chance épicos, enquanto o novo Reforge de equipamento raro concederá uma chance maior de Efeitos de chance rara.

MORTAL KOMBAT MOBILE

Shang Tsung, o vilão feiticeiro que rouba almas e anfitrião histórico do Torneio Mortal Kombat, entrará no jogo para celular mais visceral do mundo nesta semana. Inspirado no ator Cary-Hiroyuki Tagawa, que interpretou o personagem popular no clássico filme “Mortal Kombat” de 1995, Shang Tsung se transforma em seus oponentes no tag-in, permitindo que ele use seus próprios Ataques Especiais e Raio-X ou Fatal Blow contra eles. Quando Shang Tsung está abaixo de duas barras de poder, ele passivamente regenera poder com o tempo.

Atualizações adicionais para Mortal Kombat Mobile incluirão:

• NOVO – Equipamento e torre de guerra Kold por tempo limitado (esta semana)

Os jogadores que lutarem até o topo neste novo desafio de Torre, por tempo limitado para um jogador, ganharão um cartão de personagem Diamante Kold War aleatório. A nova Torre também apresenta 10 peças únicas e nunca antes vistas do Equipamento da Torre de Guerra Kold, incluindo o Equipamento necessário para ativar as mais novas Brutalidades!

• NOVO – Brutalities (esta semana)

Todas as variantes Diamond de Skarlet e Diamond Kold War Sonya Blade receberão novos Brutalities ativadas por meio de conjuntos específicos de equipamentos Kold War Tower. Skarlet pode utilizar o Bloody Finka do Bloodmaster e a Cortina de Ferro do Bloodmaster para acabar com os inimigos e assistir sua chuva de sangue. Equipe Sonya Blade com a Arma do Pai do General e as Luvas de Knockout do General para testemunhar suas bolas de fogo mortais.

• NOVO – Campo de batalha Arena Retrocade (esta semana)

Os jogadores podem lutar contra os inimigos na arena Klassic Retrocade do Mortal Kombat 11: Aftermath, onde o campo de batalha gira entre a Floresta Viva de Mortal Kombat II e o Templo de Mortal Kombat 3 durante as partidas. Esta arena estará disponível em certas partidas de Faction Wars, Event Tower e Elder Challenge.

• NOVO – Evento Holiday Souls (21 a 27 de dezembro)

Como um presente especial de fim de ano, os jogadores também receberão 50 Souls grátis diretamente em sua caixa de entrada todos os dias, durante uma semana inteira. Mas corra para coletar, pois cada presente expira em 24 horas!

CRíTICA MULHER-MARAVILHA 1984

Por Henrique Moita

Essa semana, chega aos cinemas e ao HBO Max um dos filmes mais aguardado e adiado (por conta da pandemia, mas ok) do ano, Mulher-Maravilha 1984.

Depois de tanto suspense em torno do filme, será que ele é bom? Será que os efeitos da Mulher Leopardo ficaram que nem Cats? Steve Trevor realmente voltou a vida, como deixa a entender no trailer?

Vamos começar respondendo logo a primeira pergunta. O filme é bom sim, mas acho que, em torno de todo o hype que estava sendo criado ao redor dele, esperava um pouco mais, principalmente dos vilões do filme. Acho que o grande problema de Mulher-Maravilha, não é nem esse filme em particular, mas sim, a Warner e eu explico.

Depois do grande sucesso que a Marvel fez nos cinemas com UCM, juntando todos os filmes individuais em torno dos Vingadores, parece que Warner/DC não quiseram ficar para trás e nos apresentaram Batman vs. Superman, deixando claro que eles também entrariam nesse projeto ousado de unir seus principais heróis. Porém, o problema foi uni-los logo de cara, sem mostrar suas origens.

Sim, todos já sabemos da origem do Batman, pois isso já havia sido explorado em diversas versões dos heróis ao longo dos anos e a origem do Cyborg, por exemplo é explicada ao longo do filme da Liga da Justiça. Mas como Diana vira a Mulher-Maravilha? Como Barry Allen virá o Flash?

Aí que entra a questão. Os filmes de origem estão sendo passados depois dos qual eles já estão juntos e isso atrapalha um pouco a história que está sendo contada. E em Mulher-Maravilha 1984, isso fica muito evidente. Quando Max Lord chega a quase destruir o mundo, nós não nos preocupamos nem um pouco com essa ameaça, pois já nos foi mostrado o futuro, onde sabemos que tudo está bem e nada daquilo realmente teve importância na história, a não ser, é claro para a evolução individual da princesa Diana, mas ainda assim não dá nem para ficar apreensivo, sabendo que os eventos do filme, de um modo geral para o universo compartilhado, nem importância tem.

Agora, vamos analisar o filme de modo individual.

Gosto de como o filme começa, novamente, mostrando uma Diana criança, ainda na ilha de Themyscira. O que parece ser apenas uma parte “solta” no filme, tem uma tremenda importância para o final da história, principalmente no discurso de que a verdade é a coisa mais importante do mundo. Isso, junto a ideia central do filme de “Será que vale a pena abrir mão de algo tão precioso e único para se ter o que quer? ” movem muito bem a trama do filme.

O filme também é cercado de referências ao universo das HQs, infelizmente, como nunca fui um leitor desse tipo de material, posso acabar deixando passar diversos durante o filme. Mas um icônico, como o jato invisível, está presente no longa. Mas, é claro, é apenas uma referência, sua origem nas HQs são totalmente diferentes (fui dar uma pesquisada para saber essa parte xD).

Falando agora dos efeitos visuais, mais especificamente da Mulher Leopardo. Uma das grandes preocupações dos fãs, com relação a vilã era de como ficaria o seu visual, com medo, principalmente de que ele ficasse parecido com o tenebroso Cats, porém nisso,já garanto que todos podem ficar despreocupados, os efeitos estão muito bons.

Uma outra coisa que me incomodou um pouco, que também envolve a Mulher Leopardo, foi a luta final entre ela e nossa heroína. Ela é muito rápida e escura, talvez para “economizar” nos efeitos, e poder dar uma disfarçada foi feito desse jeito, não posso afirmar isso, é claro, mas não gostei muito.

Agora, envolvendo o outro vilão da trama, queria começar falando que demorei para reconhecer Pedro Pascal no papel de Max Lord, a aparência do ator, sem seu famoso cavanhaque e com o cabelo um pouco maior do que o habitual, deixam ele praticamente irreconhecível a primeira vista, mas em questão de atuação, ele está muito bem, como de costume. Todas as ameaças dos feitos do vilão estão presentes de um modo muito bom (só seria melhor se já não soubéssemos que não daria em nada, como dito anteriormente). Maaaas, sério Warner, “acabar” com a ameaça com um “discurso no-jutsu”? Me senti assistindo Naruto, apesar da ligação com o começo do filme com essa parte em específico, esperava um pouco mais.

Em resumo, é isso, o filme é bom, esperava um pouco mais pelo hype, os vilões, em nada ameaçam nossa heroína, pois já sabemos que nada que ocorre no filme tem consequência no futuro e as lutas com os vilões poderiam ser melhores. Mas o enredo como um todo (analisando apenas no filme individual, não como um “universo compartilhado”) é bom e o quarteto principal do filme (Gal Gadot, Pedro Pascal, Chris Pine e Kristen Wiig) carregam muito bem o filme, tanto em atuação como em carisma e é incrível como Gal faz isso com maestria. Que mulher meus amigos…que mulher.

Por fim, minha avaliação de Mulher Maravilha 1984, após tudo isso, é 7/10.

Ah, o filme também terá uma cena pós-crédito, mas ela não foi apresentada para a imprensa, pois não foi mandada finalizada a tempo de ser exibida, mas podem ficar tranquilos que ela estará disponível para quem for assistir ao filme. Infelizmente, por conta disso, não sabemos o que ela mostra, ou indica, principalmente em relação ao Universo da DC nos cinemas.

Mattel lança bonecas inspiradas no filme “Mulher-Maravilha 1984”

As personagens se transformam em quatro produtos colecionáveis 

A Mattel, em parceria com a Warner Bros. Consumer Products & DC Entertainment, apresenta sua nova linha de bonecas inspirada no novo filme “Mulher-Maravilha 1984”, com estreia  prevista para dezembro no Brasil.

A coleção traz quatro bonecas colecionáveis da Mulher Maravilha e da Cheetah, com roupas e acessórios ricos em detalhes inspirados no aguardado filme da DC. Entre os lançamentos estão as bonecas Mulher-Maravilha Armadura de Ouro, que possui recursos iluminação, e a Mulher-Maravilha Diana Vestido de Gala, na identidade de Diana Prince ela usa vestido branco acetinado exclusivo. Todas as bonecas contam com diversos pontos de articulação para tornar a brincadeira o mais real possível, na hora de recriar as cenas do novo filme.

Os produtos já podem ser encontrados nas principais lojas de brinquedos de todo o Brasil. 

Conheça a linha de produtos da Mulher-Maravilha da Mattel:

Mulher-Maravilha Armadura de Ouro – Mattel

(Foto: divulgação)

Reviva momentos épicos do filme com as transformações memoráveis da personagem, agora  na versão  Mulher-Maravilha Armadura de Ouro. Esta figura de ação apresenta um visual inspirado e conta com detalhes realistas da personagem  além de um recurso inédito de iluminação para que os fãs possam dar vida a boneca e recriar seus momentos favoritos do filme.

Preço sugerido: R$ 299,99

Mulher-Maravilha – Mattel

(foto: divulgação)

Esta boneca veste o traje icônico da personagem com a tiara removível, botas, bracelete, cinto e o  icônico Laço da Verdade.

Preço sugerido: R$ 149,99

Boneca Cheetah – Mattel

(Foto: divulgação)

A boneca Cheetah é a icônica vilã da história que usa look inspirado no novo filme:vestido uma saia com estampa de guepardo, blusa preta, uma jaqueta com cinto, meia-calça e botas acima do joelho.

Preço sugerido: R$ 149,99

Mulher-Maravilha Diana Vestido de Gala – Mattel

(Foto: divulgação)

Diana Prince usa um elegante vestido branco acetinado, sapatos nude e uma bracelete de ouro, igual ao filme

Preço sugerido: R$ 149,99

STARZPLAY ANUNCIA DATA DE ESTREIA MUNDIAL DO RETORNO DA SÉRIE DE ORIGEM ‘PENNYWORTH’, DA DC

A segunda temporada da série de sucesso da DC chega aos territórios europeus e a América Latina em 28 de fevereiro de 2021na Starzplay

Starzplay, o serviço internacional de streaming premium da Starz, anunciou neste fim de semana na Comic Con brasileira que a segunda temporada da série de sucesso Pennyworth estreia na plataforma no domingo, 28 de fevereiro de 2021, na Áustria, Bélgica, Alemanha, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Holanda, Espanha, Suíça, Reino Unido e América Latina. A cada semana chegam novos episódios.

A série de origem DC Pennyworth mostra Alfred Pennyworth (Jack Bannon – “The Imitation Game”), um ex-soldado britânico do Serviço Aéreo Especial (SAS) de 20 anos, que formou uma empresa de segurança em Londres em 1960 e trabalha com o jovem bilionário Thomas Wayne (Ben Aldridge – “Our Girl”, “Reign”, “Fleabag”), antes deste se tornar o pai de Bruce Wayne.

Além de Bannon e Aldridge, a segunda temporada de “Pennyworth” tem o retorno de Emma Paetz (“Gentleman Jack”), Hainsley Lloyd Bennett (“Eastenders”), Ryan Fletcher (“Outlander”), Dorothy Atkinson (“Hanna”, “Harlots”, “Call the Midwife”), Ian Puleston-Davies (“Tin Star”, “Marcella”), Paloma Faith (“The Imaginarium of Doctor Parnassus”) e Jason Flemyng (“The Curious Case of Benjamin Button”). No início deste ano, foi anunciado que James Purefoy (“The following”, “Sex Education”, “Altered Carbon”), Edward Hogg (“Taboo”, “Harlots”, White Lightning), Jessye Romeo (“Curfew”, “In the Long Run”), Ramon Tikaram (“Brassic”, “The Victim”) e Harriet Slater (“Faunutland and the Lost Magic”) se juntam ao elenco como regulares da série.

(Foto: divulgação)

Baseada em personagens da DC criados por Bob Kane com Bill Finger, a série dramática da Warner Bros. Television tem produção executiva de Bruno Heller (“Gotham”, “The Mentalist”, “Rome”), Danny Cannon (“Gotham”, franquia “CSI”) e Matthew Patnick (“The Night Manager”, “Peaky Blinders”). A produção é distribuída mundialmente pela Warner Bros. International Television Distribution.