Arquivo da tag: Elementos

PUBG: tudo que você precisa saber sobre a ‘nova’ Paramo

Reformulado e mais perigoso, o menor mapa do jogo, inspirado na América do Sul, traz uma série de obstáculos que vão de elementos do cenário até os próprios jogadores

A 11ª temporada do PUBG traz de volta um antigo conhecido que fez sucesso em 2020. Paramo retornou com o seu vulcão nervoso e entrou de vez na lista de rotação dos mapas do jogo. 

O tempo na geladeira permitiu uma atualização geral nesse cenário, que agora conta com novidades para deixar o gameplay mais balanceado. Com pontos de interesse dinâmicos e lava por todos os lados, nada melhor que dicas para conseguir terminar com o cobiçado Chicken Dinner.

Entenda o que mudou

(Foto: divulgação)

Para quem já tinha dominado Paramo lá na 9ª temporada, a pergunta-chave é: o que mudou? Algumas novidades estão no balanceamento de sistemas únicos desse mapa enquanto as principais estão na composição física do cenário em si, que abrem mais possibilidades. 

A posição dos pontos de interesse continua aleatória. Sempre que você iniciar uma partida em Paramo, vai notar que os locais de loot estarão em posições diferentes. A novidade aqui é que há um ponto de interesse a mais, escolhido aleatoriamente entre quatro possíveis, e que ajuda a expandir as possibilidades e alocar melhor todos os 64 jogadores que vão saltar do avião.

Outra mudança é a adição de mais pontos de cobertura por toda a  extensão do mapa. Isso significa mais batalhas cadenciadas e menos pontos de vulnerabilidade total. 

No que diz respeito ao balanceamento, agora os dois principais diferenciais desse mapa fornecem loots melhores: o helicóptero e as salas secretas. Falaremos de ambos já já.

Atenção ao mapa

Agora que você entendeu o que mudou, é hora de se preparar para a vitória em si. A principal dica para Paramo é preparar a sua rota de loot assim que entrar na sala de espera. Embora o mapa seja aleatório, e isso dificulte uma rota previsível de loot, é possível minimizar os efeitos negativos no seu jogo.

Escolha seu local favorito de sempre, pois, embora a posição dos itens tenha mudado, ele continua o mesmo. O diferencial aqui é traçar uma rota de acordo com os outros locais que você também curte ou que ajudam no seu estilo de jogo e a evitar confrontos desnecessários. 

Com o tempo dá para se acostumar com vários pontos de interesse diferentes e transitar sempre em direção aos que você mais curte, desde que o gás não seja um problema.

O gás pune mais do que nunca

(Foto: divulgação)

Quando o gás é um problema, significa que você deve tomar muito cuidado. Se isso já vale para os outros mapas, em Paramo a situação é ainda mais crítica. Por ser um mapa curto, de 3×3 Km, há pouco espaço para erros, já que o gás cobre tudo muito rápido. Além disso, o gás em Paramo causa mais dano que nos outros mapas, o que pode derrubar o seu personagem em questão de segundos nas safes mais avançadas.

Preste muita atenção no tempo para a partida do gás e tente sempre se manter à frente do relógio. Dominar os limites do gás para pegar retardatários vai aumentar muito o seu número de abates. Se posicionar antes dentro da safe vai aumentar bastante as suas chances de vitória.

Não atire primeiro no Helicóptero

O helicóptero de Paramo carrega loot de qualidade e, por isso, é um alvo constante dos jogadores. Fazer com que ele solte a caixa que está levando não é fácil, sendo preciso centenas de disparos ou o uso de vários mísseis de RPG para obrigá-lo.

A dica aqui é não ser o primeiro a atacar o helicóptero, mesmo que uma RPG esteja no set de alguém do seu Squad. Fazer isso vai entregar a sua posição – o que te deixa vulnerável – e não é garantia de que o último tiro seja o seu. A caixa ainda pode cair mais próxima de outro inimigo que esperou e atirou para finalizar e queimou menos recursos para lutar por ela no chão.

Deixe os inimigos mandarem bala no helicóptero e, a partir daí, faça a sua escolha. O melhor é caçar os desavisados que estão olhando para o alto ou finalizar o helicóptero quando ele estiver mais próximo do seu Squad?

Estar na frente dos adversários no PUBG é essencial e poder esconder a sua posição e, aí, escolher atacar ou não os inimigos ou o helicóptero é a jogada dos campeões.

Caixas azuis fornecem a desejada cura

(Foto: divulgação)

Um outro diferencial desse mapa são as suas caixas azuis. Espalhadas por todos os locais, elas escondem cura de qualidade, que podem ser a diferença entre a vida e a morte para o seu personagem ou Squad.

Sempre que ver uma delas, ignore o aviso de frágil, faça questão de destruí-las e confira se há algo interessante dentro.

Salas secretas podem salvar o seu loot

As salas secretas receberam um buff, digamos assim, nessa versão de Paramo e agora aparecem com mais frequência pelo mapa. Se você não sabe do que se trata, são salões com portas trancadas que escondem loot de qualidade. O problema é que não é tão simples entrar aqui.

Para ter acesso a uma dessas salas, é preciso uma chave, que pode ser encontrada como qualquer outro loot do jogo, espalhadas pelas cidades e pontos de interesse. Como você deve imaginar, elas são raras.

A dica é não ficar muito focado nessas salas. Elas têm um potencial legal, mas ficar procurando as chaves pode ser frustrante e atrapalhar a sua progressão na partida. Se encontrar uma chave durante o seu loot normal, aí sim compensa ir atrás da recompensa, mas mesmo assim cuidado na hora de abrir a porta do local. Afinal, outra estratégia para os mais espertos é esperar na porta de uma das salas secretas. Dá para abater o jogador adversário e roubar a chave e o loot de quebra. Se for você o jogador a conseguir essa façanha, provavelmente estará bem equipado para o fim do jogo.

Cuidado com a Lava!

(Foto: divulgação)

O vulcão de Paramo não é só um enfeite ou apenas composição de cenário. Esse mapa tem condições adversas, então tome cuidado para não acabar derretido. 

A lava causa dano rápido e significativo para qualquer personagem, então evite-a todo custo. Veículos também sofrem com ela e até por isso o principal meio de transporte aqui são as motos, mais dinâmicas e preparadas para desviarem dessa pasta quente e vermelha. Um vacilo e o pneu será o primeiro a ir embora. Na sequência, a sua condução pode acabar explodindo. Seu personagem, se ainda estiver em cima dela, irá pelos ares e, consequentemente, direto para o Lobby. 

LEGO® NINJAGO®: O FILME GANHA NOVAS ARTES

A mais recente aventura de animação da franquia LEGO® nos cinemas tem estreia marcada para 28 de setembro no Brasil

A Warner Bros. Pictures divulga novas artes de LEGO® NINJAGO – O Filme que destacam os personagens da aventura inédita de animação. O longa estreia no Brasil em 28 de setembro.

LEGO® NINJAGO®: O Filme, nova aventura de animação da franquia de filmes LEGO®, da Warner Bros. Pictures, é estrelada por Dave Franco, Justin Theroux, Michael Peña, Fred Armisen, Kumail Nanjiani, Abbi Jacobson, Zach Woods, Olivia Munn, e o lendário Jackie Chan.

Na telona, a batalha por NINJAGO City põe em ação o jovem Mestre-Construtor Lloyd, também conhecido como Ninja Verde, ao lado de seus amigos, que são todos guerreiros ninja secretos. Guiados pelo Mestre Wu, que é tão rabugento quanto sábio, eles precisam derrotar o vil senhor de guerra, Lorde Garmadon, “O Pior Cara de Todos”, que também é pai de Lloyd. Com duelos de habilidades e poderes, de pai e filho, o confronto épico vai colocar em jogo o futuro deste corajoso, mas também indisciplinado grupo de ninjas modernos, que terão que aprender a deixar de lado seus egos e se unir para encontrar e libertar seus reais poderes de Spinjitzu.

Jackie Chan (“Kung Fu Panda”, “Karate Kid”) estrela como Mestre Wu; Justin Theroux (“Megamente 2”, série de TV “The Leftovers”) é Lorde Garmadon; Dave Franco (“Vizinhos 2”) interpreta Lloyd; e Olivia Munn (“X-Men: Apocalypse”) é a mãe de Lloyd, Koko. E ainda na trupe secreta de ninjas estão Michael Peña (“Homem-Formiga”, “Perdido em Marte”) como Kai; Fred Armisen (“Os Smurfs”, “Saturday Night Live”) como Cole; Kumal Nanjiani (“Os Caça-Noivas”) como Jay; Abbi Jacobson (“Vizinhos 2”), como Nya; e Zach Woods (série “Silicon Valley”) como Zane.

Quatro elementos da natureza é tema de exposição no Boavista Shopping

Terra, fogo, água e ar estão retratados em diversos quadros na nova exposição da Expoarte, no Boavista Shopping. De 13 de fevereiro a 13 de março, a artista Patrícia Gomieri exibe suas obras no local, que tem entrada gratuita. A exposição “Quatro elementos” faz parte de uma programação do empreendimento com mostras temporárias para incentivar e valorizar a arte.

“São quatro elementos vitais para todo ser humano e por isso precisamos de um pouco de cada, e todos eles juntos sem excesso mas em harmonia pode beneficiar nós seres humanos”, explica Patricia. As obras chegam a ter até um metro de diâmetro e a artista utiliza métodos como acrílico sobre tela, óleo sobre tela ou técnica mista (mistura de materiais).

Expoarte_BVS-2017.jpg

Desde os 6 anos Patricia apresentava inclinação por desenhos, traços etc. Aos 17 anos entrou para a faculdade de artes plásticas na Faculdade de Belas Artes de São Paulo. A partir de 1994, passou a desenvolver trabalhos abstratos que foram construindo sua linguagem artística.

A artista realizou diversas atividades significativas na área como salões de arte, mostra no Museu de Arte Contemporânea (MAC – no Parque Ibirapuera), participação no concurso que participei do Comitê Brasileiro de Cores (CBC), entre outras.

A Expoarte foi inaugurada no Boavista Shopping em agosto de 2016 com o objetivo de valorizar a arte em suas diversas formas e técnicas. O projeto foi reformulado em janeiro deste ano, quando ganhou novo espaço e passou a expor mensalmente obras de artistas diferentes. Desta forma, o local também oferece uma opção gratuita de cultura aos visitantes do shopping. Além das exposições temporárias, a Expoarte conta com acervo permanente.

SERVIÇO

Exposição  Quatro Elementos, de Patrícia Gomieri

Quando: 13 de fevereiro a 13 de março de 2017

Horário: Segunda a sábado das 10h às 22h e aos domingos e feriados das 14h às 20h

Onde: Expoarte, no Piso G4 do Boavista Shopping – Rua Borba Gato nº 59 – Santo Amaro – São Paulo/ SP

Entrada gratuita

www.boavistashopping.com.br

Cinco dicas para usar ladrilhos hidráulicos na decoração

Os ladrilhos hidráulicos estão com tudo na decoração de interiores. Eles possuem diversos usos e podem deixar qualquer cômodo mais bonito e alegre rapidamente. Confira essas 5 dicas para usar ladrilhos hidráulicos na decoração:

Ladrilho Hidráulico são ótimos materiais para decoração. (Foto: Ladrilhos Barbacena | Itanhangá Pisos e Revestimentos)
Ladrilho Hidráulico são ótimos materiais para decoração. (Foto: Ladrilhos Barbacena | Itanhangá Pisos e Revestimentos)

Na área externa: versátil e com alta durabilidade, os ladrilhos hidráulicos podem ser utilizados nas áreas externas sem perder a cor ou quebrar, deixando o jardim ou varanda com um visual bonito e acolhedor.
Como podem ser utilizados tanto no piso quanto nas paredes, esse tipo de revestimento pode dar um toque de cor até na parte frontal de escadas ou bordas de piscinas.

Se a área externa também funciona como estacionamento, os ladrilhos hidráulicos podem ser o revestimento ideal para o piso, pois eles suportam bastante peso sem danificar.

Na cozinha: são ótimos para a cozinha, pois são fáceis e práticos de limpar, não necessitando de produtos especiais para sua higienização. Além disso, em um ambiente que muitas vezes carece de cor, os ladrilhos podem tornar o espaço mais vibrante e bonito.

Utilizar ladrilho hidráulico no piso pode ser interessante para quem busca um revestimento que não retém muito calor e é antiaderente.

Nas paredes, este tipo de revestimento cria um mosaico de patchwork que fica muito bonito e se torna o destaque da cozinha.

Outra opção legal é ter um balcão revestido com ladrilhos hidráulicos: bonito, resistente e muito durável.

No banheiro: outro cômodo que não costuma ter muita cor é o banheiro. Por isso, fazem tanto sucesso neste espaço. Tanto no piso quanto na parede, o revestimento deixa o banheiro mais alegre e colorido.

Como é fácil de limpar e antiderrapante, os ladrilhos hidráulicos são ideais para o espaço, principalmente para quem tem crianças pequenas e idosos em casa. Assim, o banheiro fica bonito, bem decorado e seguro.

No quarto: devido a sua grande versatilidade, os ladrilhos hidráulicos podem ser usados, inclusive, nos quartos.

No Brasil, que é um país tropical quente, o revestimento contribui para deixar o cômodo mais fresco. Quem deseja ter um piso bem diferente pode optar por um patchwork de ladrilhos. Já quem quer fazer algo bem inusitado pode optar por um patchwork na parede, decorando como se fosse uma obra de arte ou, ainda, como cabeceira da cama.

Nos móveis: os ladrilhos hidráulicos são versáteis, lindos e aderem muito bem aos móveis sendo possível utilizá-los para decorá-los.

Eles podem constituir um lindo tampo para mesas de jantar ou mesinhas de apoio, dando um toque de modernidade à peças desatualizadas, tornando-as mais resistentes e duráveis.