Arquivo da tag: Espanha

BRUNO GAGLIASSO ESTARÁ EM SANTO, SUA PRIMEIRA SÉRIE NA NETFLIX, AO LADO DO ESPANHOL RAÚL ARÉVALO

A produção original espanhola será a primeira a ser gravada entre Espanha e Brasil

E lá vem o primeiro trabalho de Bruno Gagliasso na Netflix: o ator estará em Santo, série original espanhola criada por Carlos López e com gravações no Brasil e na Espanha. No projeto, que conta ainda com o diretor Vicente Amorim e o roteirista Gustavo Lipsztein, ambos brasileiros, Bruno contracena com o ator espanhol Raúl Arévalo (Anti-motimTarde para a raiva e O Mediador).

“Eu estou muito feliz com este primeiro trabalho na Netflix: uma produção espanhola, com uma equipe brasileira e que ainda destaca a nossa cultura na trama. Estou há mais de um ano dedicado a essa série, realizando encontros virtuais de leitura com elenco e diretores e também um mergulho profundo no perfil psicológico do meu personagem”, diz Bruno.

Série policial, Santo é um thriller de intriga e de ação, que, em alguns momentos, flerta com o terror. A trama gira em torno de Santo, um narcotraficante cujo rosto nunca foi visto e que é investigado pelos policiais federais Ernesto Cardona (Bruno Gagliasso) e Miguel Millán (Raúl Arévalo). Radicalmente opostos, eles terão que aprender a colaborar um com o outro para resolver o caso e manter suas vidas seguras.

Santo é como um terremoto com dois epicentros simultâneos, um no Brasil e outro na Espanha: a história de dois policiais em dois continentes diferentes que se unem para perseguir um inimigo que ninguém sabe como é porque nunca foi visto. É um grande desafio, mas contamos com uma equipe de altíssimo nível e um elenco estelar. Trabalhar com Raúl e Bruno também garante que esta história vai deixar uma marca”, afirma Carlos López, criador da série.

No roteiro, ao lado de Carlos, estão o espanhol Miguel Ángel Fernández (Tempos de guerra e Desaparecidos) e o brasileiro Gustavo Lipsztein (Travessia mortal e Perdendo meus mármores). Produzida pela Nostromo Pictures para a Netflix, a série será dirigida pelo espanhol Gonzalo López-Gallego (NéboaLa zona e Ángel o demonio) e pelo brasileiro Vicente Amorim (A DivisãoPolice Romance: Espinosa e Copa Hotel).

Para Verónica Fernández, diretora de Conteúdo (séries) na Netflix Espanha, “Santo vai surpreender pela originalidade de sua abordagem e por ter um pulso narrativo frenético. Unir talentos espanhóis com talentos brasileiros causou uma explosão de criatividade. É um thriller que te dá arrepios.”

A SEGUNDA TEMPORADA DE ‘A PESTE’ ESTREIA EM 22 DE FEVEREIRO NA HBO E NA HBO GO

A produção espanhola é uma ficção ambientada na fascinante Sevilha do século XVI, uma cidade controlada pela máfia

A Peste chega na HBO na próxima semana. (Foto: divugação)

A HBO anuncia a estreia da segunda temporada da série espanhola A PESTE, que chegará às telas do público na América Latina na segunda-feira, 22 de fevereiro às 22h, exclusivamente na HBO e na HBO GO

A nova temporada, toda filmada na Andaluzia, terá seis episódios de 45 minutos de duração. Os dois primeiros foram dirigidos por Alberto Rodríguez e os outros quatro por David Ulloa.

Cinco anos após a última grande epidemia de peste, Sevilha conseguiu se reerguer. Continua mantendo o monopólio do comércio com as Índias e sua prosperidade está aumentando. Mas o crescimento da população dispara e atinge recordes históricos. O governo não é capaz de alimentar seus habitantes nem de garantir os serviços assistenciais mínimos. A insatisfação social cresce e se cristaliza no nascimento da Garduña, uma sociedade secreta de crime organizado que tomou conta da cidade.

O elenco conta com os protagonistas Pablo Molinero (Mateo), Sergio Castellanos (Valerio), Patricia López Arnáiz (Teresa), Jesús Carroza (Baeza) e Cecilia Gómez (Eugenia), além de Federico Aguado (Pontecorvo), que interpreta o presidente da Câmara da cidade e primeiro político da época, Luis Callejo (Conrado) e Estefania de los Santos (María de la O).

Criada por Alberto Rodríguez e Rafael Cobos, A PESTE conta com uma equipe técnica de profissionais com uma brilhante trajetória no cinema e diversos Prêmios Goya®. Entre eles, Manuela Ocón (Diretora de Produção); Pepe Domínguez del Olmo (Diretor de Arte); Fernando García (Figurino); Yolanda Piña e Paco Rodríguez H. (Maquiagem e Cabelo); Juan Ventura (Coordenador de Efeitos Digitais), Daniel de Zayas (Som) e Julio de la Rosa (Música). José M. G. Moyano é o diretor de pós-produção e a fotografia é assinada por Andreu Adam. Domingo Corral (Movistar+) e Jose Antonio Félez (Atípica Films) são produtores executivos.

Não perca a estreia da segunda temporada de A PESTE na segunda-feira, 22 de fevereiro, na HBO e na HBO GO

NOVA TEMPORADA DE ‘VERGONHA’ ESTREIA NA HBO

(foto: divulgação)

A nova temporada da comédia dramática espanhola VERGONHA estreia no canal HBO e na HBO GO. Com criação e direção de Juan Cavestany e Álvaro Fernández-Armero, os seis novos episódios da série acompanham os protagonistas Jesus (Javier Gutiérrez) e Nuria (Malena Alterio) em seus esforços para construir uma “família modelo”.

(foto: divulgação)

Na segunda temporada de VERGONHA, enquanto o casal viaja para buscar o filho adotivo, Nuria descobre que está grávida. Na tentativa de se tornarem bons pais, eles vão participar de atividades escolares onde conhecerão outros casais: Guillermo e Andrea, e Ramón e Vanessa. O primeiro casal é culto, bonito e preocupado com a educação de seus filhos. Já o segundo, é rude, desajeitado e totalmente impróprio. Procurando imitar o primeiro casal, Nuria e Jesus vão superar as maluquices do segundo, garantindo situações hilárias.

A primeira temporada completa da série está disponível na HBO GO. VERGONHA é uma produção da Movistar+, com criação e direção de Juan Cavestany e Álvaro Fernández-Armero.

(foto: divulgação)

HBO DIVULGA PÔSTER OFICIAL DA SÉRIE ‘DIZ-ME QUEM SOU’

Baseada no best-seller homônimo de Julia Navarro, a nova minissérie espanhola estreará na América Latina no dia 6 de dezembro

(foto: divulgação)

A HBO divulgou o pôster oficial da nova minissérie DIZ-ME QUEM SOU. Baseada no best-seller “Dime quién soy” (sem tradução para o português), da escritora Julia Navarro, esta produção espanhola chegou às telas do público na América Latina no domingo, 6 de dezembro, às 21h, exclusivamente no canal HBO e na HBO GO

Madrid, 1998. Um homem chamado Albert James deixa uma enorme biografia na mesa de trabalho de Javier, um editor bem-sucedido. É a história de Amelia Garayoa, mãe de Javier que ele nunca conheceu. Antes de o destino finalmente reunir mãe e filho, Amelia fez uma longa viagem, começando pela tumultuada Madri de 1934. 

Ali ela conhece Pierre, um carismático e revolucionário jovem jornalista francês, a quem ela acompanha a Buenos Aires, por amor e sede de aventura. Na capital argentina, a diva da ópera Carla Alessandrini decide proteger Amelia e se torna uma segunda mãe e melhor amiga da jovem espanhola. As viagens pessoais, românticas e políticas de Amelia a levaram a passar por experiências que transformaram sua vida a cada passo.

Dirigida por Eduard Cortés, DIZ-ME QUEM SOU é protagonizada por Irene Escobar, Oriol Pla, Maria Pia Calzone, Pierre Kiwitt, Will Keen, Stefan Weinert e Pablo Derqui.

SÉRIE ESPANHOLA ‘VERGONHA’ ESTREIA NO CANAL HBO

‘Vergonha’ já está disponível na HBO. (Foto: divulgação)

A comédia dramática espanhola VERGONHA estreou no canal HBO e na HBO GO. Em dez episódios, a produção acompanha um fotógrafo que se envolve em casos cômicos no trabalho e em casa e, quanto mais ele tenta resolver as coisas, piores – e mais engraçadas – elas ficam. A série tem criação e direção de Juan Cavestany e Álvaro Fernández-Armero.

(Foto: divulgação)

Em VERGONHA, o aspirante a fotógrafo Jesus (Javier Gutiérrez) passa por situações inusitadas enquanto tenta equilibrar a dedicação à arte e seu complicado relacionamento com a namorada Nuria (Malena Alterio). Em seus esforços para manter em alta as relações familiares e sociais, Jesus mostrará uma habilidade incomum de se envergonhar constantemente: sua vida pessoal oscila de um constrangimento social para outro.

VERGONHA é uma produção da Movistar+, com criação e direção de Juan Cavestany e Álvaro Fernández-Armero.

(foto: divulgação)

SÉRIE ESPANHOLA VENCEDORA DE CANNES CHEGA EM JULHO À HBO

VIDA PERFEITA acompanha as histórias de três mulheres que passam por crises pessoais e encontram novos caminhos para a felicidade

Premiada ‘Vida Perfeita chega dia 06 de julho. (Foto: Divulgação)

Vencedora do prêmio de melhor série na edição de 2019 do Festival Internacional de Séries de Cannes, a comédia dramática espanhola VIDA PERFEITA estreia em 6 de julho, às 23h30, no canal HBO e na HBO GO. Com oito episódios de meia hora, a produção acompanha um trio de amigas que passam por jornadas de redescoberta e se distanciam das expectativas tradicionais da sociedade.

Em VIDA PERFEITA, María (Leticia Dolera) está prestes a alcançar o auge da vida que sempre sonhou quando seu esposo confessa, no dia de assinar a hipoteca da casa, que não suporta mais sua maneira controladora e inflexível e desiste do negócio. Ao lado da irmã Esther (Aixa Villagrán) e da melhor amiga Cris (Celia Freijeiro), que também passam por crises, María percebe, aos 30 anos, que seus planos não trouxeram a felicidade que esperava. As três entendem que a vida perfeita não precisa ser necessariamente como tinham imaginado.

VIDA PERFEITA é uma produção da Movistar+ e já tem a segunda temporada confirmada. A série tem criação e roteiro por Manuel Burque e Leticia Dolera, que também assina a direção ao lado de Ginesta Guindal.

‘O DIA DE AMANHÃ’ ESTREIA EM 8 JUNHO NA HBO

(Foto: Divulgação)

A minissérie espanhola O DIA DE AMANHàestreia na próxima segunda-feira, 8 de junho, às 22h, no canal HBO e na HBO GO. Baseada no livro homônimo de Ignacio Martínez de Pisón e com produção da Movistar+, a trama é ambientada na Espanha, entre os anos 60 e 70, durante a ditadura de Francisco Franco.

O DIA DE AMANHàacompanha a história de Justo Gil (Oriol Pla), um homem persistente e ambicioso que chega a Barcelona à procura de uma grande oportunidade que lhe dê condições para ajudar a família. As portas para a dolce vita da cidade se abrem para Justo, assim como o coração de Carmé (Aura Garrido). Porém, ele coloca tudo em risco quando perde um investimento, em um negócio malsucedido. Preso em uma batida policial, ele recorre à única forma de salvar sua vida, tornando-se um informante da violenta polícia secreta do governo.

Com produção da Movistar+, a minissérie de drama tem direção de Mariano Barroso. O roteiro, assinado por Alejandro Hernández, é baseado no livro homônimo de Ignacio Martínez de Pisón.

Nosotros, um casamento ibérico: gastronomia Portuguesa e Espanhola na medida!

(Foto: Divulgação)

Nos Otros, restaurante de inspiração portuguesa e espanhola, criou um menu exclusivo de delivery para os tempos de quarentena.

Tapas tradicionais e exclusivas para compartilhar ou não! Várias releituras da gastronomia ibérica, como Polvo y Morcilla, típico na Espanha e as Pataniscas de Bacalhau, direto de Portugal.
Um dos diferenciais são receitas exclusivas e releituras portuguesas direto da cozinha familiar portuguesa.

Entre as opções o Nosotros, tem também um sanduiche popular português, conhecido como Bifana, (lombo de porco, molho secreto e pão artesanal).

Uma carta reduzida de drinks está disponível no delivery e take away, assim como toda a carta de vinhos com uma seleção de rótulos portugueses e espanhóis.

De segunda a sábado, de 18h as 22h. Estão disponiveis através do Uber Eats, iFood e delivery próprio.

Nosotros ( @nos.otros_)
Rua Cônego Eugenio Leite 727, Pinheiros
Pedidos: (11) 2985.5020 / 96647.7472
www.goomer.app/nosotros
 

Brissa Ioselli aponta quatro destinos internacionais para ter experiências gastronômicas e sociais únicas

A ex-participante do MasterChef Brasil e expert em gastronomia Brissa Ioselli aponta quatro lugares no mundo onde é possível aliar gastronomia, com ingredientes e sabores exclusivos, ao turismo e lifestyle

Brissa Ioselli, ex-participante do MasterChef Brasil e influenciadora digital, une o seu amor pela gastronomia o seu amor por viagens em roteiros turísticos fascinantes, e partilha suas experiências com seus mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais.

Adepta de um estilo de vida saudável, sem dietas radicais e restritivas, Brissa procura sempre transmitir a mensagem de que é possível aliar o prazer de comer e desfrutar de experiências gastronômicas com uma rotina que permita manter a boa forma: “não vale a pena abdicar do prazer de uma taca de vinho ou de uma iguaria gastronômica quando se visita um lugar especial em nome de se manter sempre magra. É possível, com equilíbrio e moderação, obter o melhor dos dois mundos, se abrindo à possibilidade de se permitir viver novas e inenarráveis experiências culturais, sociais e gastronômicas sem abdicar da boa forma. O equilíbrio é a chave.”

Brissa Ioselli aponta 4 destinos internacionais para viver experiências gastronômicas únicas em todo o mundo, com pratos criados com ingredientes endêmicos, que não podem ser apreciados da mesma forma em nenhum outro lugar. Confira:

França 
Lyon – L’auberge du Pont Collonges 

Sopa de cebola do L’auberge du Pont Collonges. (Foto: Divulgação)

Este é o restaurante do chef Paul Bocuse, que tem 3 estrelas Michelin – Recomendo a sopa de cebola, que é super tradicional, sendo um prato emblemático e lendário do restaurante, preparado de forma exclusiva. Ela é feita com caldo de carne, vinho branco, trufas negras, foie gras, cenoura, cebola, salsão, carne, pitadas de sal marinho e pimenta-do-reino, fechada por uma massa folhada para preservar o calor e os aromas. Foi criada em 1975 para um almoço do então presidente francês Valéry Giscard d’Estaing.

Paris –  Le Procope  

Ravioli do Le Procope. (Foto: Divulgação)

Este é o mais antigo de Paris em operação contínua, desde 1686 – O mini ravioli é inesquecível. Esse restaurante foi frequentado por grandes nomes como Molière, Robespierre, Danton, Voltaire, Rousseau e até mesmo Napoleão Bonaparte.

Chile
Casablanca – Vinícola Casas del Bosque  

Casa Del Bosque. (Foto: DIivulgação)

Espanha
Madrid – Café San Gines

Churros de madrid. (Foto: Divulgação)

Fundada em 1894, a Chocolatería San Ginés está localizada no coração de Madrid e é reconhecida por servir o mais gostoso e famoso churros da cidade. Vale o passeio. Nas paredes do café você consegue ver fotos de todas as personalidades famosas que já estiveram por lá.

ELITE – 2 TEMPORADA

Por Henrique Moita

“Elite” é mais um sucesso entre as séries espanhóis da Netflix, junto com “La Casa de Papel” e “Vis a Vis”. E após maratonar a segunda temporada, no dia do lançamento, vamos a nossa crítica.

O TEXTO CONTÉM SPOILERS DA PRIMEIRA TEMPORADA.CUIDADO!!!!!!!!!!!!!!!!

Segunda temporada de “Elite” já está disponível na Netflix. (Foto: Divulgação)

CONTINUE POR SUA CONTA E RISCO!

Após descobrirmos quem é o assassino de Marina (só nós mesmo, já que a polícia ainda não sabe) acompanhamos como os alunos da Las Encinas estão vivendo, alguns sabendo da verdade, outros achando que sabem e ainda os que tentam revelar o assassino para todos. Tudo isso, enquanto acompanhamos as buscas a um aluno que está desaparecido.

Essa temporada trás, além das velhas histórias que ficaram em aberto, algumas novas, de personagens já conhecidos e alguns que aparecem para dar dinâmica na série.

Primeiro vamos falar dos três novos personagens acrescentados na série, Rebeka, Cayetana e Valerio. Todos são bons e trazem histórias importantes para a série. Só devo admitir que esperava um pouco mais da Rebeka, que recebe muito destaque no começo, mas acaba meio que ficando de lado ao decorrer da temporada.

Outro destaque positivo é o personagem do Samuel. Eu gostava de falar que ele era o Clay (personagem de 13 Reasons Why) da Espanha, ou seja, um personagem sem graça, que até tem sua importância para a trama, mas ninguém estava ligando muito para ele, mas nessa temporada ele deu uma boa guinada e melhorou bastante.

Agora vamos aos pontos fracos dessa temporada.

O primeiro, são os romances da série. Eles até tem sua importância para muita parte da história, mas acho que acabam enrolando muito nesses temas, coisa que poderiam ser mais diretos.

Outro ponto é como o personagem de Miguel Herrán (Christian) foi deixado de lado nessa temporada, mesmo depois de ter uma importância enorme na primeira. Não sei se tem algo a ver com a série La Casa de Papel, como gravações em datas próximas ou algo do gênero, já que ele interpreta o Rio nela, mas achei que foi um desperdício o personagem nessa temporada. Espero que na terceira temporada (porque sim, deixam em aberto para mais uma), ele possa ser melhor aproveitado.

Por fim, essa segunda temporada, segue a qualidade da primeira, ainda. E consegue te deixar intrigado durante os episódios para que o mistério central seja desvendado. E o que nos resta agora é esperar uma muito possível terceira temporada, para que assim, talvez, consigamos ver a conclusão dessa história.