Arquivo da tag: Estados Unidos

Cafés da manhã de outros países para viajar na gastronomia sem sair de casa

Abreu recomenda pratos diferentes e de fácil preparo com origens internacionais

O desjejum é uma refeição essencial, já que garante a energia para começar o dia. Em geral, durante uma viagem, o café da manhã gera até expectativas: é comum ser oferecido pelos hotéis e há pessoas que selecionam a hospedagem baseando-se em avaliações a respeito do que é servido pela manhã.

Os mais populares são aqueles que não apenas contam com alimentos comuns e dentro da zona de conforto do viajante, como pães, frios e frutas, mas que também dão a oportunidade de o turista provar o que é típico no país visitado.

Considerando o momento atual, em que mesmo os maiores amantes de viagens devem ficar em casa, a Abreu, especialista em levar turistas para os melhores destinos ao redor do mundo, fez uma lista de pratos de café da manhã consumidos em diferentes países e que têm um processo de preparo relativamente fácil. Assim, será possível viajar pela gastronomia de outros países sem sair de casa!

Estados Unidos
O café da manhã dos Estados Unidos é famoso no restante do mundo. Os norte-americanos consideram esta a principal refeição do dia, por isso apostam em pratos mais pesados, que incluem ovos mexidos ou fritos, bacon, rabanadas e linguiças.

No entanto, segundo a Abreu, o que mais encanta os viajantes neste país são as deliciosas panquecas americanas, que podem ser servidas com calda de chocolate, manteiga, frutas ou maple syrup, xarope extraído da árvore bordo, muito conhecido nos EUA e Canadá. Os ingredientes para prepará-las são comuns e muita gente os tem em casa: trigo, açúcar, fermento, ovos, leite, manteiga, sal e óleo. Por isso, é muito possível começar o dia com essa delícia e se sentir em terras ianques.

República Dominicana
Em meio ao Caribe estão as iguarias da República Dominicana. Este país é famoso por seus incríveis resorts all-inclusive, onde não faltam opções no café da manhã. Mas, para quem quer provar algo tipicamente dominicano, a sugestão da Abreu é o mangú, uma espécie de purê de banana que costuma vir acompanhado de salame, queijo ou ovos. Os ingredientes para o preparo são bananas-da-terra verdes, sal, manteiga e água.

Bolívia
Neste nosso vizinho sul-americano, os locais adoram iniciar um novo dia com salteñas, um tipo de pastel assado com recheios diversos, que são vendidos por todos os lugares, principalmente na rua. São similares às famosas empanadas argentinas. A massa leva ovos, óleo, trigo, água e sal, e o recheio pode ser o que tiver em casa: presunto e queijo, carne moída, tomates, batatas, etc.

Austrália
Do outro lado do mundo, os australianos comem pão com Vegemite, uma substância que parece uma geleia, mas possui um gosto forte, salgado e amargo. De acordo com a Abreu, os viajantes costumam estranhar o sabor, mas há alguns que se apaixonam perdidamente pela iguaria. É muito difícil encontrar Vegemite no Brasil, mas há outro prato comum na culinária matinal do país que é bastante fácil de reproduzir em nossas próprias cozinhas: torradas com abacate amassado com suco de limão e sal!

Inglaterra
Na Europa, os costumes são variados. Na Inglaterra, por exemplo, a refeição é farta como nos Estados Unidos e inclui alguns alimentos similares, como ovos e bacon. Mas o que os viajantes da Abreu mais costumam achar exótico são os feijões que são servidos junto com tudo isso!

No entanto, embora possa parecer estranho comer feijões pela manhã, muitas pessoas consideram essa a melhor parte do café. Para ficar ainda mais inglês, basta tomar um tipo forte de chá, já que a bebida é muito mais popular no país da rainha do que o tradicional café tomado no Brasil.

Espanha
Neste país da Península Ibérica, são muitas as opções de café da manhã. Mas uma das mais tradicionais, que também é muito fácil de fazer em casa, é o pan a la catalana. Basta espalhar o suco de um tomate bem maduro no pão com um pouco de alho, sal e azeite. Para os mais famintos, vale incrementar com queijo e presunto – melhor ainda se for o presunto de Parma, típico do país.

Startup quer tornar viagens para os EUA mais acessíveis para brasileiros

Empresa virtual criada pelos sócios Marlon Faria, Anselmo Costa e Daniela Melo inova ao oferecer condições facilitadas para famílias de menor poder aquisitivo realizarem o sonho de viajar para os EUA

Os Estados Unidos seguem como um dos principais destinos turísticos internacionais escolhidos pelos brasileiros. Nos primeiros cinco meses do ano passado ano, 918 mil brasileiros escolheram o destino, o que deixa o Brasil dentro do usual Top 5, ostentando a quarta colocação das nacionalidades que mais viajaram para os EUA, atrás de Reino Unido (1,69 milhão), Japão (1,37 milhão) e China (1,22 milhão) – neste ranking ficam de fora os vizinhos territoriais Canadá (8,6 milhões) e México (7,5 milhões). Somados, os países da América do Sul levaram aos Estados Unidos 2,43 milhões de viajantes – aumento de 15,6% em relação aos primeiros cinco meses de 2018.

Um dos destinos mais procurados dentro do país pelos turistas brasileiros são os parques da Disney e da Universal Studios em Orlando, na Florida. Sonho de consumo de muitas crianças, adolescentes e até mesmo adultos, este roteiro turístico vem se tornando cada vez mais acessível aos brasileiros. O que antes era uma viagem que apenas as classes A e B poderiam bancar, hoje está acessível também à classe C, depois que empresas brasileiras se aliaram a parceiros internacionais para transformar a viagem dos sonhos em um lucrativo negócio.

Percebendo a demanda do mercado, os sócios Marlon Faria, Anselmo Costa Daniela Melo, juntos com parceria em operadora de turismo direto de Orlando, criaram a startup VaiAonde.com, que busca facilitar a aquisição de pacotes de viagem parcelados: “nós vimos uma oportunidade de negócio, dado o enorme mercado consumidor e milhares de clientes em potencial. Muitos brasileiros sonham em fazer a primeira viagem internacional em família, e com a loja virtual de turismo vaiaonde.com temos o objetivo de atingir aquele público que jamais pensou que teria condições de realizar esse sonho, de viajar para os EUA”, revela Anselmo Costa.

O diferencial em relação a outras agências de turismo é que todo o processo pode ser feito através da internet, pela loja virtual, e o parcelamento dos custos da viagem pode ser feito em até dois anos: “buscamos oferecer oportunidades para realizar os sonhos de milhares de crianças, jovens, adultos e idosos, facilitando seu acesso aos melhores parques de Orlando, bem como em cruzeiros, hotéis, aluguéis de carros, e mais pacotes nos mais diversos lugares turísticos do mundo, com a compra de pacotes parcelados em ate dois anos, sem prejudicar o orçamento familiar. Para realizar o sonho de conhecer a Disney, não é preciso sacrificar o pão nosso de cada dia. É a viagem dos sonhos que cabe no bolso do brasileiro médio”, conta.

Cidade de Park City tem pacotes especiais para esqui na primavera do Hemisfério Norte

Fim da temporada no lugar com a melhor neve do mundo combina temperaturas mais amenas, estrutura premiada e dezenas de atividades ao ar livre

O finalzinho da temporada de inverno em Park City, Utah, nos Estados Unidos contará com pacotes promocionais para os meses de março e abril. É o momento perfeito para usufruir da premiada estrutura local pagando menos.

Nessa época, é possível aproveitar o mix imbatível de Park City, que é formado pela melhor neve do mundo, ainda presente em grande quantidade nos próximos meses, e mais de 300 dias de sol no ano. Ou seja, a vista branquinha das montanhas fica ainda mais bonita com a luz dourada e o céu azul típico da estação.

A cidade se apresenta como o paraíso dos fãs de esportes de inverno. São mais de 400 pistas e 60 meios de elevação divididas entre Deer Valley, eleito algumas vezes o melhor resort de esqui dos Estados Unidos, e Park City Mountain, maior estação do país. Além dos tradicionais esqui e snowboard para todas as idades, há ainda opções como snowshoeing, passeios de trenó e tubing, uma das atividades mais populares do complexo Woodward Park City.

Entre as ofertas, para começar, as acomodações de alto padrão Hyatt Place, The Lowell, Silver Baron Logde, Trail’s End Lodge, Black Diamond, The Grand Lodge e One Empire preparam descontos de 20% ou 25%.

Já os hotéis Best Western Plus Landmark Inn, Hotel Park City, Montage Deer Valley, Identity Properties, Park City Lodging, Park City Mountain e o luxuoso Waldorf Astoria Park City ofertam uma ou mais noites gratuitas mediante reservas de pacotes. Outras opções são os hotéis Snow Flower e Park City Peaks e o reconhecido Stein Eriksen Collection, que oferecem créditos bem atrativos para estadias futuras.

Aos visitantes em busca de novidades, vale ficar de olho nos empreendimentos que foram inaugurados nos últimos meses. Entre eles, o hotel Lift, dono de imcomparáveis coberturas e amplos apartamentos de quatro quartos. Já o Apex tem arquitetura moderna e design sofisticado que se fundem à paisagem. Junta-se a eles o The Lodge at Blue Sky, estrutura que une luxo e o conceito da tranquilidade da vida no interior em 3,5 mil acres.

Nos arredores da Main Street, que guarda o charme e a história do passado minerador, a primavera é época de shows ao ar livre, vida noturna agitada e diversão e relaxamento nos momentos de après-ski nos mais de 150 bares e restaurantes. Nesta temporada, novos nomes se juntaram à lista, como o Courchevel Bistro e sua cozinha de influência francesa. Outra novidade é o Hearth and Hill com menu focado na reinvenção da culinária contemporânea norte-americana.

Saiba mais sobre os pacotes para a primavera https://www.visitparkcity.com/plan-your-trip/specials-and-promotions/?skip=0&sort=title&catids=19&redeemStart=02%2F07%2F2020&redeemEnd=02%2F07%2F2021 e sobre a cidade em www.visitparkcity.com. A temporada vai até 12 de abril.

Destino: Miami em um roteiro além de compras

Miami tem mais pontos de turismo do que apenas lugares para fazer compras. (Foto: Divulgação)

A cidade concentra grande parte dos turistas brasileiros que voam rumo aos Estados Unidos

Lindas paisagens, praias cristalinas, vida noturna agitada e um grande centro de compras são os fatores que influenciam os turistas a visitarem Miami. De acordo com o Greater Miami Convention&Visitors Bureau (GMCVB), durante o ano passado, a cidade recebeu aproximadamente 462 mil turistas, deixando o Brasil em 1° lugar no ranking, seguido pela Colômbia e Argentina.

Porém, Miami vai além do convencional e tem muito mais a oferecer do que apenas praias, outlets e festas luxuosas. A cidade concentra atrações incríveis e diferenciadas para proporcionar aos visitantes novas experiências (mesmo para os que fazem essa rota diversas vezes).

Para quem gosta de museus e exposições, Miami tem muito a oferecer, afinal, nos últimos 10 anos tornou-se um importantíssimo centro de artes, arquitetura e multi-culturalismo. Já quem não dispensa o contato com os animais e natureza, o Zoo de Miami é um dos maiores do mundo e tem atraído milhares de pessoas todos os dias por conta dos animais que não encontramos por aqui, além de oferecer passeios e atividades inusitadas, como alimentar as girafas e andar de Monorail, um monotrilho que percorre todo o zoológico proporcionando uma vista aérea incrível.

Outro ponto que merece destaque é a variedade de comidas e bebidas que podem ser apreciadas. Os festivais gastronômicos que acontecem pela cidade reúnem pratos assinados por chefs consagrados de vários locais do mundo.

Vislumbrando o público que vai para Miami desfrutar de experiências encantadoras, a Mapa Group oferece em seu portfólio apartamentos de luxo que são recheados de conforto, espaço e privacidade para quem busca se sentir ‘em casa’ depois de um dia cheio de novas aventuras. Sem contar que ficando em um apartamento é possível ter uma experiência mais intensa, podendo viver como um habitante da cidade, que faz compras em supermercados, caminha pela vizinhança, aproveita as comodidades dos luxos que os condomínios da região proporcionam,etc.

Um exemplo disso é o apartamento localizado no 47° andar do condomínio One Paraiso, que fica na 7th Avenue, uma das mais atraentes da cidade. Com uma vista para a baía que é de tirar o fôlego, cômodos cheios de requinte, amplitude e modernidade, o apartamento está disponível para ser alugado para temporadas. São 200m², que se dividem em uma espaçosa varanda, 3 suítes, sendo a máster com amplo closet, cozinha integrada com a sala de jantar e estar, além disso, o locatário ainda pode usufruir das áreas comuns do condomínio como piscina e academia.  

“Buscamos as regiões mais nobres e desejadas para colocar nosso DNA. Sempre procuramos por singularidade e exclusividade, com luxo e requinte, em Miami não poderia ser diferente”, afirma Fabio Panossian, CEO Mapa Group.

 Para quem vai viajar com tempo disponível, vale a pena alugar um carro e conhecer outras cidades da Flórida, como por exemplo, Fort Lauderdale, que é vizinha de Miami e possui uma praia linda, com águas bem claras e uma orla cheia de lojas, bares e restaurantes. Para quem está com crianças, o Museum of Discovery and Science é um ótimo passeio, pois explica de maneiras lúdicas e interativas as principais descobertas da humanidade.

Conheça os 5 melhores destinos de férias para fazer fotos incríveis

Vencedor de prêmios internacionais o fotógrafo Douglas Atina aponta 5 destinos nacionais e internacionais para fazer fotos incríveis

Com a chegada das férias de janeiro muitas pessoas procuram destinos para não apenas aproveitar os dias de folga como também ganhar muitas curtidas no Instagram e nas redes sociais, compartilhando fotos incríveis de lugares simplesmente deslumbrantes ao redor do mundo.

Douglas Atina, vencedor de diversos prêmios internacionais e indicado ao Oscar da fotografia mundial, o Golden Lens, revela que o que não falta são destinos e lugares incríveis para fazer fotografias: “nós aqui na Arco e Flash fotografia fazemos muito o chamado destination wedding, que é viajar com os noivos para lugares extraordinários ao redor do mundo e fazer imagens impressionantes. Com isso, pude conhecer muitos roteiros que parecem terem simplesmente saltado de uma pintura para a vida real e proporcionar aos noivos lembranças inesquecíveis, registradas e eternizadas através das imagens”, conta.

Confira as dicas de Douglas Atina com lugares incríveis para fazer fotografias ao redor do mundo:

Bali, Indonésia

(Foto: Douglas Atina)

A perfeição da ilha de Bali é cinematográfica e por isso mesmo tantas obras foram de Hollywood foram filmadas por esse recanto de praias exuberantes, penhascos, áreas verdes. Além disso, muitos casais apaixonados escolhem a localidade para a lua de mel, em meio a praia de águas cristalinas e e um pôr do sol indescritível.

Grand Canyon, Estados Unidos

(Foto: Douglas Atina)

Caminhar entre as formações rochosas, descer os rios de caiaque, subir em um ponto mais alto para tirar fotos, ou fazer um passeio de helicóptero para observar tudo de cima serão experiências únicas e proporcionarão fotos incríveis com certeza.

Fernando de Noronha, Brasil

(Foto: Douglas Atina)

O arquipélago de Fernando de Noronha é um dos mais disputados pontos turísticos do Brasil, mas nem por isso se tornou uma área banalizada. Com sua natureza intocada nas vastas áreas verdes e a transparência das águas em cada uma das praias, a região está entre as mais bonitas do planeta.

Patagônia, Argentina

(Foto: Douglas Atina)

Com parte do seu território ainda intocado, lá é possível apreciar as suntuosas geleiras em passeios de barco e observar os pinguins. Mesmo que a maior parte da área seja inabitada e com a evidente atmosfera de aventura, a região conta com bons hotéis, ou seja, até para quem gosta de conforto e calmaria é uma boa ideia fazer uma visita à essa localidade. Suas fotos farão sucesso nas redes sociais com certeza

Capadócia, Turquia

(Foto: Douglas Atina)

Localizada a aproximadamente 700 quilômetros de Istambul, a cidade conta, além do tradicionalíssimo passeios de balão –, com enigmáticas cidades submersas, vales em regiões acidentadas e tantos exemplares do que há de mais perfeito no mundo natural.

São Francisco garante a diversão das crianças

Conheça lugares para criança em São Francisco. (Foto: Divulgação)

Diversão é a palavra-chave para aqueles que vão viajar para a cidade de São Francisco, Califórnia. A cidade dos bondinhos, museus interativos, parques urbanos e, do mundialmente famoso, Fisherman’s Wharf possui inúmeras opções de entretenimento para crianças de todas as idades.

Além disso, a cidade da baia é considerada o destino ideal para aqueles que querem curtir as férias com a família em um lugar tranquilo e repleto de novidades. Por isso, San Francisco Travel criou uma lista com dicas para você incluir no roteiro das próximas férias em família:

Children’s Creativity Museum

(Foto: Divulgação)

museu é feito especialmente para as crianças e oferece inúmeras atividades voltadas para a área de música, produção de pequenos filmes e tecnologia. As exposições buscam nutrir a criatividade e a interação entre crianças e famílias.

California Academy of Science

(Foto: Divulgação)

Aquário, planetário e museu de história natural, tudo em um só lugar. O California Academy of Sciences está localizado no coração do Golden Gate Park e é um dos nomes mais mportante nas áreas de preservação do meio ambiente, exploração da biodiversidade, educação ambiental e sustentabilidade em todo o mundo.

Walt Disney Family Museum

(Foto: Divulgação)

Walt Disney Family Museum é um museu feito pela própria família Disney que apresenta, de forma interativa, a história da criação dos personagens clássicos e, claro, mostra como foram idealizados os parques. O museu reúne inúmeros protótipos do Mickey, além de uma enorme maquete do primeiro parque e também diversos filmes da coleção.

Imersão no The Flyer

(Foto: Divulgação)

Inaugurado esse ano o The Flyer é um simulador que promete animar os adultos e também as crianças. A atração oferece experiência 7D única para parecer voar pelos marcos mais emblemáticos de San Fransciso, é de tirar o fôlego. A novidade fica no Pier 39, que é casa dos leões marinhos, os animais que encantam tanto a criançada. 

11 parques nacionais de tirar o fôlego

Abreu lista locais de impressionantes belezas naturais para conhecer pelo mundo

Cenários deslumbrantes espalham-se por todo o mundo, e talvez os mais incríveis sejam aqueles totalmente naturais. Florestas com rios caudalosos, vales entre montanhas nevadas com lagos profundos, penhascos e formações rochosas, vulcões e desertos encantam os viajantes, principalmente por serem tão diferentes dos horizontes de cidade com os quais muitos deles estão acostumados.

Os patrimônios naturais mais importantes de cada país acabam se tornando uma área protegida, e muitos são transformados em parques nacionais, o que significa que os turistas são mais que bem-vindos. A Abreu, especialista em levar viajantes aos melhores destinos ao redor do globo, recomenda alguns parques nacionais imperdíveis para conhecer em diferentes países.

Parque Nacional Fiordland – Nova Zelândia
Situado na Ilha Sul da Nova Zelândia, reúne montanhas nevadas, florestas, fiordes, lagos, rios e cachoeiras. Com mais de 1,2 milhão de hectares, oferece opções de passeios para qualquer amante da natureza. Quem curte explorar os lugares com os próprios pés pode percorrer algumas das trilhas que cortam o parque; já quem prefere passeios tranquilos e confortáveis pode fazer um cruzeiro por algum dos lagos; também é possível andar de caiaque, desbravar cavernas, pescar e até acampar.

Parque Nacional de Serengeti – Tanzânia
Este verdadeiro santuário de vida selvagem fica na Tanzânia, perto da fronteira com o Quênia. É um dos destinos de preferência para safáris na África, com ótima estrutura para turismo. Com tranquilidade e segurança, é possível ver de perto elefantes, gnus, leopardos, gazelas, macacos, hienas, girafas e inúmeras outras espécies. A geografia local inclui infinitas planícies, savanas, bosques e florestas.

Parque Nacional Kruger – África do Sul
Milhares de quilômetros ao sul do Serengeti está o Parque Nacional Kruger, com quase dois milhões de hectares e mais de 800 espécies de animais, incluindo mamíferos, pássaros, répteis, anfíbios e peixes. Com alojamentos que vão desde campings até lodges luxuosos, o Kruger é outra opção muito popular para a realização de safáris.

Parque Nacional dos Lagos de Plitvice – Croácia
Este parque é uma das principais atrações da Croácia. Fica a 130 quilômetros da capital, Zagreb, e possui 16 lagos conectados por uma série de cascatas em meio a uma floresta habitada por cervos, ursos, lobos e javalis. A cachoeira mais alta tem 70 metros de altura, mas todo o passeio pelo parque garante cenários tão bonitos que nem parecem reais.

Parque Nacional da Chapada Diamantina – Brasil
São muitas as belezas naturais do Brasil, mas a Chapada Diamantina, na Bahia, é a escolha da Abreu no quesito parques nacionais, visivelmente mais tropical que Plitvice, por exemplo. A 400 quilômetros de Salvador, tem grutas, cachoeiras, cânions, poços de água cristalina e morros, onde se pode nadar, fazer trilhas, escaladas e rapel e aproveitar pores do sol inesquecíveis.

Parque Nacional Torres del Paine – Chile
Imponentes montanhas, geleiras, bosques virgens e lagos azul-turquesa fazem os visitantes se sentirem muito pequenos em meio a tanta imensidão em Torres del Paine. Considerada a oitava maravilha do mundo, apresenta uma paisagem cinematográfica que, durante o verão, conta com 17 horas de luz, e é possível ver condores, raposas e outros animais.

Parque Nacional Galápagos – Equador
As Ilhas Galápagos ficam em meio ao Oceano Pacífico, a cerca de 1.000 quilômetros da costa do Equador. São um arquipélago com 58 ilhas vulcânicas com espécies de animais exóticas, como tartarugas-gigantes, iguanas-marinhas e pinguins-de-Galápagos. Um verdadeiro paraíso da natureza, é um destino intenso, que há mais de um século inspirou o naturalista Charles Darwin a criar a Teoria da Evolução.

Parque Nacional Banff – Canadá
O mais antigo parque nacional do Canadá fica nas Montanhas Rochosas, uma importante cordilheira da América do Norte. Além das montanhas, seu território tem geleiras, florestas de pinheiros, picos nevados e lagos cristalinos. O cenário é impressionante, e as atividades pelo parque incluem trilhas dos mais diversos níveis de dificuldade, canoagem, pesca, passeios de barco, escalada, entre outros.

Parque Nacional do Grand Canyon – Estados Unidos
Os Estados Unidos são muito lembrados por seus centros urbanos e cosmopolitas, com arranha-céus espelhados e avenidas largas, mas a Abreu explica que, na verdade, o país tem muitas belezas naturais também. O Grand Canyon é uma das mais famosas: surpreendente e arrebatador, o cânion tem 1,6 quilômetro de profundidade e 16 quilômetros de largura, por onde serpenteia o rio Colorado.

Parque Nacional de Yosemite – Estados Unidos
Também nos Estados Unidos, a 260 quilômetros de São Francisco, o Yosemite é visitado por mais de 4 milhões de pessoas todo ano, que se encantam com suas quedas d’água, vales profundos, árvores gigantescas e picos de granito. É lá que fica a cachoeira mais alta do continente, com 740 metros.

Parque Nacional de Yellowstone – Estados Unidos
Foi o primeiro parque nacional dos Estados Unidos, localizado na região Oeste do país. Sua paisagem é bem diferentes dos outros dois parques norte-americanos citados nesta lista, já que conta com impressionantes termas e gêiseres, além de lagos de águas transparentes, desfiladeiros, pradarias e cachoeiras. Há inúmeras trilhas e é possível ver animais como bisões, alces e ursos.

UNIVERSAL ORLANDO RESORT ANUNCIA NOVO AMBICIOSO PARQUE TEMÁTICO

“Universal’s Epic Universe” trará à vida experiências bem além de tudo que se possa imaginar

 O Universal Orlando Resort está construindo um novo, quarto, parque temático, chamado Universal’s Epic Universe. A visão: criar um nível de experiência absolutamente inédito, que mude para sempre o entretenimento em parques temáticos.

Universal’s Epic Universe levará os visitantes em uma viagem onde histórias amadas se expandirão em terras vibrantes – e onde a viagem é tão importante em sua aventura quanto o destino final.

“Nosso novo parque representa o maior investimento único que a Comcast NBCUniversal fez em seu negócio de parques temáticos e na Flórida em geral”, declarou Brian L. Roberts, Chairman e Chief Executive Officer da Comcast Corporation. “Ele reflete a tremenda empolgação que temos quanto ao futuro do nosso negócio de parques temáticos e para todo o futuro da nossa companhia na Flórida.”

Universal’s Epic Universe será ambicioso. (Foto: Divulgação)

O novo parque temático também apresentará um centro de entretenimento, hotéis, lojas, restaurantes e mais. Ele estará localizado em uma área de cerca de 3000 km2, que praticamente dobra a área total disponível da Universal na Flórida Central. O Universal’s Epic Universe está apenas a poucos quilômetros do Resort atual no Southwest Orange County. Especificamente, estará ao sul da Sand Lake Road e a leste da Universal Boulevard.

“Nossa visão para o Epic Universe é histórica”, afirma Tom Williams, Chairman e Chief Executive Officer da Universal Parks & Resorts. “Ele será construído com base em tudo o que fizemos e se tornará o parque temático mais imersivo e inovador que já criamos. É um investimento em nosso negócio, nossa indústria, nossos membros da equipe e nossa comunidade”.

O novo parque foi anunciado na quinta-feira em um evento com a presença do governador da Flórida, Ron DeSantis; prefeito de Orange County, Jerry Demings; Tom Williams e Brian Roberts.

“Estamos ansiosos com o novo nível de entretenimento e inovação que o Universal’s Epic Universe trará a uma das indústrias mais importantes do nosso estado”, declarou o governador DeSantis. “Esperamos ansiosamente pela contribuição contínua da Universal para o desenvolvimento e crescimento econômico do nosso estado. E somos especialmente gratos pela parceria da Universal no aprimoramento do Shingle Creek, que desempenha um papel fundamental servindo ao Everglades”.

“O investimento que a Universal está fazendo em nossa comunidade e o benefício que todos nós veremos é substancial”, afirmou o Prefeito Demings. “Isso irá beneficiar quase todos os segmentos da nossa economia – do turismo a tecnologia”.

O Prefeito Demings também destacou o papel da Universal na extensão da Kirkman Road. É uma parceria público-privada 50/50, na qual a Universal está investindo US$ 160 milhões para estender a Kirkman até a área em que o novo parque estará localizado.

“A extensão da Kirkman irá melhorar o transporte em uma parte movimentada e crescente do nosso condado e abrirá toda a área para mais desenvolvimento – incluindo uma importante expansão do nosso Centro de Convenções”, ele disse.

Durante o anúncio, o Governador DeSantis, o Prefeito Demings e Tom Williams divulgaram informações sobre a contribuição econômica da Universal para a economia local e do estado.

O Universal Orlando atualmente emprega 25 mil pessoas e contratará mais 14 mil membros para a equipe do Epic Universe, para cargos profissionais, técnicos, culinários e outras posições especializadas. A empresa atualmente contribui com mais de US$ 302 milhões em impostos anuais estaduais e locais – um número que quase dobrará quando o novo parque for inaugurado.

A maioria dos negócios com os quais a Universal conta são companhias regionais ou nacionais com grande presença regional. Um estudo sobre o impacto econômico da Universal, conduzido pelo Professor de Economia da UCF, Sean Snaith, apontou que os benefícios econômicos diretos e indiretos combinados do Universal Orlando à economia da Flórida desde a inauguração do Universal Studios, em 1990, são de US$ 73 bilhões. Ele também descobriu que a construção do novo parque contribuirá com um total de US$ 11,5 bilhões em benefícios econômicos diretos e indiretos para a economia da Flórida.

Mais detalhes sobre o Universal’s Epic Universe serão revelados ao longo do tempo. Para mais informações, visite www.universalorlando.com.

Férias de julho: Destinos internacionais para viajar sem gastar muito

O mês de julho é perfeito para tirar aquelas férias com a família e realizar aquela viagem dos sonhos. Segundo um levantamento da Câmbio Store, os meses de junho, julho e agosto são os meses onde ocorre a maior parte das viagens ao exterior no Brasil. Cerca de 35% do volume de viagens do ano estão concentrados nesses 3 meses e a procura por moedas estrangeiras também segue o movimento.

Por esse motivo, separamos algumas opções de destinos internacionais para viajar sem gastar muito.

Punta del Este – Uruguai

Escultura de Las Manos em Punta del Este. (Foto: Divulgação )

Escolher qualquer região da América do sul para passar as férias é uma ótima pedida, pois os preços nessa época do ano costumam ser mais baixos por conta do frio em alguns países. Punta del Este possui tudo o que há de melhor para se aproveitar em uma viagem, cassinos, praias, parques e belos cartões postais, como a escultura de “Las Manos” enterrada na areia. 

Milão – Itália

Catedral de Milão na Itália. (Foto: Divulgação)

A cidade da moda é perfeita para viajar em julho, nesta época é quente lá, por esse motivo, várias lojas oferecem promoções em compras de roupas devido ao reduto. Para os amantes de cultura, Milão é recheada de opções, entre elas, a famosa Catedral de Milão, localizada na praça central da cidade. A única desvantagem em ir para lá em julho é a superlotação da cidade, mas isso você corre o risco de encontrar em diversos destinos, aliás, é férias. A moeda oficial da Itália é o Euro, por isso, levar dólar ou cartão pré-pago internacional pode sair mais barato em algumas ocasiões. 

Nova Iorque – Estados Unidos

Nova Iorque. (Foto: Divulgação)

A cidade é uma opção para quem curte passeios e badalação, movimentada o ano todo Nova Iorque possui diversão para todos os gostos, inclusive, os pontos turísticos mais frequentados pelos turistas são o Central Park e a Estátua da Liberdade, também vale um passeio pelo Time Square para realizar compras. Levar o cartão de crédito ou pré-pago é vantajoso em alguns casos , mas é preciso tomar alguns cuidados, use o cartão de crédito somente para gastos essenciais, pois a alta cotação da moeda e taxas de juros pode fazer ela custar caro. O melhor dos cenários é levar algo em espécie.

Bariloche – Argentina 

As montanhas em Bariloche. (Foto: Divulgação)

Para os amantes de frio e neve, Bariloche é o destino ideal. Em meados de julho e agosto a temperatura chega a mínimas abaixo de zero e nos altos cerros da cidade é onde está a maior concentração de gelo e melhor vista também. Bariloche oferece atividades para toda a família, tanto para aqueles que buscam aventuras no gelo ou para quem quer apreciar a natureza, pois é possível visitar parques e montanhas. A moeda oficial do destino é o peso argentino, sendo até mais vantajosa que o dólar americano, pois a variação da moeda chega a 70%, de acordo com o ranking VET do Banco Central.

Cidade do México – México

Praça da constituição na Cidade do México. (Foto: Divulgação)

Passar as férias de julho na Cidade do México é uma oportunidade de aproveitar o que a cidade tem de melhor, pois por ser localizada no hemisfério norte, o calendário de estações é oposto ao Brasil. Sendo assim, é verão no destino. Alguns dos pontos turísticos mais procurados da região são o Zócalo e o Bosque Chapultepec, vale também fazer um passeio por toda a Avenida Paseo de la Reforma e provar da culinária local mexicana. O Peso Mexicano é a moeda oficial da Cidade do México, mas levar dólar em espécie e cartão pré-pago internacional pode fazer a viagem sair mais em conta.


Santiago – Chile 

A torre Costanera Center em Santiago. (Foto: Divulgação )

E mais uma sugestão de destino na américa do sul para quem quer curtir a neve. Vale muito a pena visitar a Santiago no mês de julho, o destino oferece diversas opções de lazer para os amantes do frio, no centro da cidade não neva, mas dá para ver as montanhas branquinhas ao redor e realizar passeios até lá com a intenção de tocá-las. Se deseja uma vista panorâmica da cidade, basta ir ao edifício Sky Costanera, que possui 300 metros de altura e possibilita uma ótima visão dos principais pontos turísticos. A variedade de pratos típicos de inverno disponíveis na região também é uma vantagem de ir a Santiago no inverno, aproveite para provar a deliciosa Cazuela, sopa de legumes com pedaços de cordeiro. 
 

5 curiosidades sobre São Francisco que você precisa saber

Golden Gate Bridge

Golden Gate Bridge. (Foto: San Francisco Travel)

A ponte ligando San Francisco ao condado de Marin era considerada impossível de ser construída por conta da forte correnteza e ventos no estreito de Golden Gate. A construção foi iniciada em 1933 e finalizada em 1937. O projeto foi assinado pelo engenheiro Joseph B. Strauss, que não tinha nenhuma experiência com pontes suspensas no currículo, e criou a ponte mais icônica do mundo. 

A ponte tem seis pistas e 2,7km de comprimento e pesa, atualmente, 887.700 toneladas. Perdeu um total de 12.000 toneladas quando o pavimento foi trocado nos anos 1980.  A Golden Gate não é vermelha, apesar de muitos acreditarem que sim. Ela é pintada em International Orange que, na verdade, era a cor do primer para a tinta que viria depois. O tom chama a atenção de navios que passam pela região e se destaca em dias de nevoeiro. 

A famosa ponte foi considerada a mais longa ponte suspensa do mundo até 1964. Atualmente ocupa o nono lugar no ranking.

Biscoitos da sorte

Os biscoitos da sorte foram inventados em San Francisco, não na China. Acredita-se que a primeira vez em que os hoje populares biscoitinhos apareceram tenha sido no final dos anos 1890, início dos anos 1900. Eles foram servidos por Makoto Hagiwara, do Japanese Tea Garden, localizado no Golden Gate Park. Uma das fábricas mais tradicionais dos biscoitos da sorte, a Golden Gate Fortune Cookies Factory é aberta a visitação.   

Bondes

San Francisco stock

A linha F (Market-Wharves) de bondes tem veículos preservados de outras épocas. Os carros são uma mistura de modelos antigos da frota da cidade e de cidades ao redor do mundo. Operado pelo Muni e com apoio da Market Street Railway, uma organização não governamental de fãs de bondes, a linha é considerada uma tradição da cidade. 

A primeira calça jeans

Há mais de 150 anos, a Levi Strauss & Co. criou e patenteou o primeiro par de jeans do mundo – Levi’s®501® – em São Francisco, e seus produtos se tornaram a peça de vestuário mais vendida no mundo. A loja Levi’s®, localizada na 815 Market Street oferece itens icônicos, peças vintage e ofertas exclusivas de produtosQuem tiver interesse em ter um par de Levi’s® personalizadapode passar no taylor shop para criar sua calça exclusiva, um dos únicos dois lugares no mundo onde o lote No.1 de jeans está disponível.

Leões Marinhos no Pier 39

Leões Marinhos. (Foto: San Francisco Travel )

Nem sempre os preguiçosos leões marinhos estiveram esparramados ao sol no Pier 39. De acordo com o The Sea Lion Center of San Francisco, os animais chegaram lá em 1989. A população aumentou depois do terremoto de Loma Prieta, no mesmo ano, quando os barcos foram levados para outros píeres na cidade. Desde então o Píer 39 é a casa dos cerca de mil leões marinhos que ficam pegando um sol nas docas – o número varia de acordo com padrões migratórios. É possível dar uma olhadinha neles ao vivo através da webcam do Pier 39.