Arquivo da tag: Ficção

SANTO CHEGA À NETFLIX NO DIA 16 DE SETEMBRO 

Série gravada na Espanha e no Brasil tem no elenco Bruno Gagliasso, Raúl Arévalo, Victoria Guerra e Greta Fernández

Santo, a primeira série de ficção espanhola gravada entre a Espanha e o Brasil, já tem data para chegar à Netflix: dia 16 de setembro! A produção é uma criação do espanhol Carlos López (HacheO PríncipeA Embaixada), dirigida pelo brasileiro Vicente Amorim (Divisão ARomance Policial: EspinosaCopa Hotel) e produzida pela Nostromo Pictures.

A trama eletrizante de crime, ação e intriga conta a história de Santo, o traficante de drogas mais procurado do mundo, cujo rosto nunca foi visto. Os dois policiais que o procuram, Cardona (Bruno Gagliasso) e Millán (Raúl Arévalo), inicialmente se opõem, mas passam  a colaborar e a se entender para resolver o caso e permanecerem vivos.

A série é o primeiro trabalho de Bruno Gagliasso na Netflix e, para as gravações, o ator se mudou para Madri, na Espanha, entre os meses de abril e outubro de 2021. A partir daí, o elenco e as equipes de direção e produção passaram a gravar em Salvador, na Bahia. “Meu trabalho em Santo foi visceral. Sem dúvidas, a preparação mais intensa de toda a minha carreira. Para chegar ao Cardona, meu personagem, tive que ir a lugares que jamais pensei. Minha estreia na Netflix é forte e intensa. E eu mal posso esperar pela estreia”, comenta o ator.

Além de Bruno Gagliasso e Raúl Arévalo (RiotTarde Para La IraO Mediador), o elenco também conta com os atores Victoria Guerra (Água Seca3 Mulheres), Greta Fernández (Elisae MarcelaA Filha de um Ladrão), Luiz Felipe Lucas (CarcereirosConfissões Médicas) e María Vázquez (Quem Mata com FerroMaría).

NETFLIX INICIA PRODUÇÃO INSPIRADA NAS CRIANÇAS ATINGIDAS PELA TRAGÉDIA DA CANDELÁRIA

Inspirada em fatos reais, a minissérie ficcional será gravada em 2022 com Luis Lomenha como showrunner e produção executiva de Alessandra Nascimento, Rodrigo Letier, Roberta Oliveira e Fernando Meirelles

(Foto: Jorge Bispo/Netflix)

A Netflix se une ao showrunner Luis Lomenha, à Jabuti Filmes e à produtora Kromaki para iniciar um novo projeto de ficção inspirado na tragédia que ficou conhecida como a “Chacina da Candelária”. O anúncio da produção aconteceu hoje no painel “Fantasia, Ficção e Fatos Reais: desenvolvendo narrativas locais com Netflix”, realizado na tarde de hoje no Rio2C – Rio Creative Conference, do qual Luis participou ao lado de Elisabetta Zenatti, vice-presidente de Conteúdo da Netflix no Brasil, Ana Luiza Azevedo, cineasta e diretora da série Só Se For Por Amor, e Rodrigo Sant’Anna, ator e roteirista da sitcom A Sogra Que Te Pariu.

Dirigida por Lomenha e Marcia Faria, a produção acompanha as 36 horas que antecedem a tragédia pelo ponto de vista de quatro crianças. Oriundos de lares desestruturados, esses jovens encontram nas ruas do Rio de Janeiro, e na companhia mútua, uma forma de tocar a vida e, quem sabe, alcançar seus sonhos e viver aventuras – até terem seus futuros interrompidos por uma chacina de repercussão mundial.

Com título ainda em definição, a minissérie de quatro episódios vai misturar realismo, fantasia e afrofuturismo como uma inovação estética para contar a trajetória de crianças que, nessa narrativa, representam milhões de pessoas que vivem nas ruas das grandes metrópoles brasileiras. O que elas poderiam ter sido ou vivido se tivessem sido acolhidas e/ou tivessem tido outras oportunidades? 

“A infância é sinônimo de esperança. É o hoje, o amanhã e o depois. Uma sociedade que se silencia diante da morte de crianças pretas é um agrupamento de desumanos, um sodalício que precisa de um novo começo”, afirma Lomenha.

Para desenvolver o projeto, Lomenha reuniu alguns dos sobreviventes com os roteiristas Renata Di Carmo, João Santos, Luh Maza, Dodo Azevedo e Igor Verde. O roteiro desse drama que cruza cenas de ação, elementos oníricos e realidade surgiu a partir do relato dessas experiências.

Com início das gravações em 2022, a minissérie terá protagonistas interpretados por jovens negros que ainda não atuaram no mercado do audiovisual, selecionados após cinco meses de parceria com diversos grupos artísticos da periferia do Rio de Janeiro. Cada episódio também contará com participações especiais de nomes renomados do entretenimento brasileiro. 

Créditos
Showrunner: Luis Lomenha 
Direção: Luis Lomenha e Marcia Faria
Roteiro: Dodo Azevedo, Igor Verde, João Santos, Luh Maza, Luis Lomenha e Renata Di Carmo
Produção executiva: Alessandra Nascimento, Fernando Meirelles, Luis Lomenha, Roberta Oliveira e Rodrigo Letier
Produtoras: Jabuti Filmes e Kromaki

Prime Video Lança Trailer e Primeiras Imagens da Segunda Temporada da Série Original Amazon Upload 

Os novos episódios estreiam globalmente no Prime Video em 11 de março

(Foto: divulgação)

O Prime Video lança hoje o trailer oficial e as primeiras imagens da segunda temporada da série Original Amazon Upload. Os sete novos episódios estreiam exclusivamente no Prime Video no dia 11 de março, em mais de 240 países e territórios.

Upload é uma série de comédia e ficção científica criada pelo vencedor do Emmy Greg Daniels (The OfficeParks and Recreation) que se passa em um futuro com tecnologia avançada no qual telefones de hologramas, impressoras 3D de comida e mercados automatizados são a regra. Mas a característica mais peculiar deste mundo é que os humanos podem decidir se querem ou não fazer o upload de sua consciência para uma pós-vida virtual.

Na segunda temporada da série, Nathan vê sua (pós) vida em uma encruzilhada: sua namorada Ingrid chega de surpresa a Lakeview querendo fortalecer a relação, mas seu coração chama por Nora, seu anjo do atendimento ao cliente. Enquanto isso, Nora está lidando com um grupo anti-tecnologia chamado Ludds. Os novos episódios contarão com mais conceitos ligados ao futuro, incluindo o mais novo programa digital para bebês no aplicativo de Lakeview chamado “protótipos” e outros vislumbres satíricos dos avanços tecnológicos e dores de cabeça que estão por vir.

Upload foi criada por Greg Daniels, que também atua como produtor executivo ao lado de Howard Klein. O elenco da série conta com Robbie Amell como Nathan, Andy Allo como Nora, Kevin Bigley como Luke, Allegra Edwards como Ingrid, Zainab Johnson como Aleesha, Owen Daniels como A.I. Guy, Josh Banday como Ivan, e Andrea Rosen como Lucy.

Rocco lança “Os Espectadores”, de Jennifer duBois, que apresenta uma reflexão sobre o poder da mídia e a cultura do espetáculo

Autora reconhecida pelo romance “A estrela”, finalista do Young Lions NYPL, explora a ascensão e queda de uma personalidade influente na TV norte-americana

(Foto: divulgação)

Em janeiro, a Editora Rocco lança no Brasil “Os Espectadores”, de Jennifer duBois. O livro de ficção conta a história de um crime que chocou os Estados Unidos e culmina em um tsunami midiático para o polêmico apresentador Matthew Miller, que fez sua fama na TV explorando os segredos mais improváveis e bizarros da sociedade norte-americana.

Em seu romance mais ousado e multifacetado, Jennifer duBois cria um recorte da recente história cultural americana, do apogeu do movimento gay nos anos 1970 à crise da AIDS nos anos 1980, passando pelos bastidores da televisão em uma época de pânico moral.

Apesar de estar à frente de um dos talk shows mais assistidos da TV americana, o protagonista Matthew Miller permanece um mistério tanto para seu enorme público quanto para aqueles que trabalham ao seu lado nos bastidores todos os dias.  No entanto, quando dois alunos do ensino médio responsáveis por um tiroteio em massa em uma escola deixam uma carta onde revelam ser fãs devotos do programa, a vida e a carreira de Matthew Miller são lançadas ao escrutínio público. Para muitos, a sagacidade, a ironia e a imparcialidade do apresentador são apenas uma fachada que esconde uma cultura decadente e sem limites. Logo, os segredos do passado de Mattie como um jovem político brilhante na conturbada Nova York do final dos anos 1960 começam a vir à tona.

Por intermédio de Mattie, a autora explora a ascensão e queda de uma personalidade influente pelas perspectivas de dois espectadores: Cel, sua cética assistente de relações públicas, e Semi, o amante desiludido de seu passado.

“Os Espectadores” examina a capacidade humana de reinvenção e nos força a questionar o que escolhemos olhar e por quê. Uma história sobre responsabilidade e redenção – além de um retrato nostálgico da cidade de Nova York e uma análise mordaz da cultura do espetáculo.

Prime Video lança trailer oficial da sexta temporada de The Expanse

O Prime Video lança hoje o trailer da sexta e última temporada da série de ficção científica The Expanse, que estreia na sexta-feira, dia 10 de dezembro, com o primeiro episódio e continuará semanalmente por seis semanas, culminando com o final da série em 14 de janeiro de 2022. A série Original Amazon estará disponível exclusivamente no Prime Video em mais de 240 países e territórios ao redor mundo, e é produzida pelo Alcon Television Group.

A nova temporada de The Expanse começa com o sistema solar em guerra, enquanto Marco Inaros e sua Marinha Livre continuam a lançar ataques de asteroides devastadores na Terra e em Marte. Enquanto as tensões da guerra ameaçam separar a tripulação do Rocinante, Chrisjen Avasarala faz um movimento ousado e envia o ex-fuzileiro naval marciano Bobbie Draper em uma missão secreta que pode virar o jogo. Enquanto isso, no Cinturão, Drummer e o que sobrou de sua família estão fugindo e sendo caçados por trair Marco. E em um planeta distante além dos Anéis, um novo poder começa a surgir.

A série conta com Steven Strait, Dominique Tipper, Wes Chatham, Shohreh Aghdashloo, Cara Gee, Frankie Adams, Keon Alexander, Nadine Nicole e Jasai Chase Owens no elenco.

Ataques com ácido: os vestígios da violência contra a mulher impressos em lançamento ficcional

Crime hediondo é gancho do romance policial da protagonista Betina Zetser, jornalista investigativa que enfrenta traumas e ameaças quatro anos após denúncia de trabalho escravo no interior do Brasil

(Foto: divulgação)

Vestígios é segundo volume da saga de Betina Zetser, protagonista da escritora e romancista Luciana de Gnone. O ataque com ácido, crime hediondo que frequentemente ganha as manchetes por todo o mundo, é o gancho da próxima matéria investigativa da jornalista.

Da realidade para a ficção, Luciana de Gnone alerta os leitores sobre os vestígios e sinais da violência contra a mulher a partir da história de vítimas que sofreram o ataque dentro da narrativa. Jackeline Fernández, por exemplo, é fundadora de uma organização que dá apoio às mulheres que foram atacadas. Vítima do crime, a personagem é uma das fontes de Betina para a investigação jornalística.

 “— O que quero dizer, Richard, é que não importa qual a cifra percentual dos ataques atuais. Estamos falando de vidas que são destruídas, vidas como a minha, a sua ou de qualquer pessoa que passe por uma situação como essa. Quero muito ajudar de alguma maneira a essas mulheres, quero entender o que está por trás desses ataques, quero ser útil para a sociedade. Esse é o nosso papel, pelo amor de Deus!

Ele não disse mais nada, apenas fez um gesto com as mãos para que me retirasse.

Estava muito decepcionada com sua indiferença. Não entendia como ele poderia reagir assim, tendo uma filha da mesma idade das vítimas da Tanzânia.”
(Vestígios, pág. 65)


Enquanto isso, Bruno, marido de Betina, enfrenta um inimigo do passado que retorna para perturbar a vida do casal. É com esse enredo que Luciana aprofunda a história do primeiro volume da saga, mas sem comprometer o entendimento de quem não leu o primeiro livro. Os pesadelos com Hermano, criminoso responsável por gerenciar trabalhadores escravizados, ganham força após a notícia de que ele está foragido.

Além da saga de Betina Zetser – o lançamento do terceiro e último volume previsto para dezembro de 2020, Luciana é autora de “Crimes em Copacabana”. Semanalmente novos capítulos da série são lançados no Wattpad. As narrativas, apesar de terem tramas diferentes, possuem a mesma protagonista e os crimes acontecem nos anos 1980 no bairro de Copacabana, Rio de Janeiro.

Ficha Técnica:
Título
: Vestígios
Autor: Luciana de Gnone
ISBN: 978-65-86069-56-3
Editor: Casa do Escritor
Páginas: 360
Tamanho: 14 x 21 cm
Preço: R$ 39,90
Link de venda: https://amzn.to/3pfQeLb

Warner Channel estreia segunda temporada de “Roswell, New Mexico”

Série de ficção científica volta ao canal no próximo dia 03 de novembro

‘Roswell, New Mexico chega na Warner Channel Brasil. (Foto: divulgação)

A Warner Channel anuncia a estreia da segunda temporada da intrigante série de ficção-científica ‘Roswell, New Mexico’, a partir de terça, dia 03 de novembro, com episódios semanais sempre na faixa da 00h30. A série, composta de 13 episódios, se baseia nos livros da série Roswell High e traz a história de uma filha de imigrantes, Liz Ortecho, que, relutantemente, decide voltar à cidade de Roswell, no Novo México, e acaba descobrindo que a cidade está lotada de alienígenas.

Por lá, ela reencontra Max Evans, sua paixão da adolescência que agora é policial. A química entre os dois é imediata, mas Liz logo descobre que Max também é um alienígena que manteve suas habilidades extraterrestres em segredo durante toda a sua vida, assim como sua irmã Isobel Bracken e o amigo Michael Guerin.

A segunda temporada chega recheada de novidades, entre elas a entrada da atriz Cassandra Jean Amell, que ficou conhecida como Noira Fries, de Arrow. Ela interpreta Louise, uma outra alienígena que está à procura de refúgio na cidade, mas logo descobre que as pessoas que cruzam seu caminho não são muito amigáveis.

Segunda temporada estreia amanhã, na WC Brasil. (Foto: divulgação)

Outra novidade é a entrada da atriz Jamie Clayton que se junta ao elenco como Agente Grace Powell. Ela chega a Roswell para investigar uma série de desaparecimentos. Quando alguém que ela ama desaparece, ela descobre que a cidade é o lar de mais segredos enterrados do que ela esperava.

O elenco inclui ainda Nathan Parsons, Jeanine Mason, Heather Hemmens, Tyler Blackburn, Lily Cowles e Michael Vlamis.

Romântica e emocionante, esta história é sobre pessoas que se sentem como estrangeiros em seu próprio mundo, alienadas por diferentes motivos.

Roswell, Nem Mexico. (Foro: divulgação)

Não perca a estreia da segunda temporada de Roswell, New Mexico, a partir de terça, dia 03 de novembro de 2020, na faixa da 00h30 na Warner Channel

Horários de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

‘Ultraman R&B’ e ‘Professor’ estreiam com exclusividade no Cinema Virtual

Filme mais recente da saga ‘Ultraman’ chega no Cinema Virtual. (Foto: Divulgação)

Dois novos títulos da Elite Filmes chegam ao Cinema Virtual, plataforma que tem a proposta de conectar distribuidores e exibidores para levar virtualmente e com exclusividade filmes inéditos ao público de cinema. O projeto segue o modelo dos cinemas físicos, com estreias todas as quintas.

Os filmes são “Ultraman R&B, um dos capítulos mais recentes da grande franquia japonesa de tokusatso, e o drama americano “Professor” . Confira sinopses, cartazes e trailers:

  • Ultraman R&B (Ultraman R/B The Movie) [Ação, Ficção Científica] – Após a paz ser restaurada em Ayaka-shi, Isami e Asahi lutam para alcançar seus sonhos. Katsumi é enviado para um planeta distante. Na Terra, o monstro Snake Darkness aparece e Katsumi terá que encontrar seu caminho de volta à Terra e se reunir com sua família.  
  • Professor (Teacher) [Drama] – James Lewis é professor de inglês em um colégio conceituado e quando ele presencia uma briga, começa a notar que um de seus alunos é alvo de constante provocação. Agora, para resolver a situação, ele deve enfrentar os agressores, mas vai acabar se envolvendo com pessoas mais perigosas do que imaginava.

Outros nove filmes da Elite também estão disponíveis no Cinema Virtual: Até que Você me Ame, Fluidity, O Candidato, A Mulher Invisível, Ultraman Geed – O Filme, Kaleb – O Cão Herói, O Garoto do Leito 6, O Guardião dos Mundos e Com Amor, Scott.

Série de ficção “Sonhadores” estreia em julho na Amazon Prime Video

‘Sonhadores’ estreia dia 5 de julho. (Foto: Divulgação)

 A série de ficção baiana “Sonhadores”, distribuída pela O2 Play, será exibida na Amazon Prime Video a partir do dia 5 de julho.

Minissérie de oito episódios, totalmente filmada em Salvador, em 2018, “Sonhadores” foi escrita e dirigida por Julia Ferreira, com produção executiva de Fabíola Aquino, sócia-diretora da Obá Cacauê Produções. No elenco, estão atores de projeção nacional, como Fernando Alves Pinto, Antônio Pitanga.

Na minissérie, a atriz Aicha Marques é Angela, mãe de Rafa, interpretado pelo finalista do The Voice Kids, Brunno Pastori, protagonista da série. A cineasta Julia Ferreira também atua em “Sonhadores”, já que se trata de uma comédia dramática autobiográfica.

A série narra a emocionante história de Rafa, adolescente de grande sensibilidade e o seu rito de passagem para a vida adulta. Seus desafios são inúmeros: o afastamento da sua maior referência, seu pai Miguel (Fernando Alves Pinto), artista roqueiro desempregado – tendo que salvá-lo da pobreza extrema e depressão; a difícil tentativa de unir os pais novamente; o bullying homofóbico violento que sofre na escola, por vestir-se de forma andrógina; a descoberta da sexualidade e das drogas, despertando ainda mais sua imaginação mórbida; a busca da sua vocação e “voz” enquanto artista.

O enredo é revelado através do olhar e imaginação de Rafa, dando à série toques de realismo fantástico. Também é permeado pelo pop e rock’n’roll, enquanto estética e movimento cultural, revelando uma Salvador underground, dark, alternativa – sobretudo no boteco roqueiro que Miguel frequenta – com trilhas inspiradas em Raul Seixas, Pepeu Gomes e Novos Baianos. “É uma Salvador, uma Bahia completamente diferente de tudo que já se viu na TV até hoje”, destaca Julia Ferreira. “Algo inovador em termos de representação que se faz da Bahia e do Nordeste no audiovisual brasileiro.”

Sinopse
“Sonhadores” conta a história de Rafa, um menino de 14 anos e rara criatividade, que enfrenta o afastamento da sua maior referência: seu pai Miguel, um artista roqueiro desempregado. Rafa passava as tardes com Miguel desenhando, criando histórias ao som do bom rock’n’roll baiano, enquanto a mãe, Angela, sustentava e cuidava da casa sozinha. Após expulsar o marido, Angela arruma um novo emprego, ânimo e um namorado mau caráter. Para além desses problemas, Rafa tentará salvar o pai da miserabilidade numa pensão em Salvador – e da depressão. Na escola, o menino tem de lidar com o bullying violento dos colegas, a descoberta da sexualidade, das drogas e da sua vocação artística. Todos esses eventos são vistos sempre através do seu olhar, sua fértil imaginação artística e lado mórbido, tendo como pano de fundo o rock baiano e o rock’n’roll enquanto movimento cultural e atitude. Exímio desenhista como o pai, Rafa está se descobrindo em seus desenhos, histórias sombrias e travestindo-se de personagens. A mãe, Angela, teme que ele repita o histórico de artista fracassado do pai.

Youtuber indica 5 séries para debulhar durante a quarentena

Lista agrada a todos os gostos: da comédia à ficção científica

É certo que o isolamento começou a ser flexibilizado em maior parte do Brasil. Mesmo assim, ainda não é hora de estarmos reunidos com muitos amigos e participando de festas!  E, por isso, seguimos na maratona de séries! Hoje o escritor e Youtuber Felippe Barbosa nos traz algumas dicas de séries dignas de serem maratonadas. 

Além de autor do livro “Os Quase Completos” (Ed. Arqueiro), vencedor do 1º Prêmio Pólen de Literatura, Felippe é um influenciador “geek” viciado crônico em séries e indicou 5, das melhores séries, para você curtir durante seu tempo livre no #isolamento.

Com certeza alguma se encaixa para o seu momento 🙂 

(Foto: Divulgação)

1- Para quem está sentindo falta do trabalho no escritório, uma boa comédia pode ajudar: “The Office” é uma das comédias mais aclamadas da história da TV norte-americana, e com razão. A série que deslanchou a carreira do ator Steve Carrel adota um formato de pseudodocumentário, acompanhando o cotidiano dos funcionários de um escritório em Scranton, Pensilvânia, filial da empresa fictícia Dunder Mifflin, uma indústria de papel. No ambiente de trabalho mais desinteressante possível, as situações mais bizarras acontecem, capazes de tirar boas risadas de quem está com saudade dos colegas de emprego.

(Foto: Divulgação)

2- Para quem está precisando manter distância ou evitar contato no relacionamento amoroso, trago o romance ideal: “Pushing Daisies” foi definitivamente uma série a frente de seu tempo, motivo pelo qual acabou sendo cancelada. Mas mesmo assim, a série continua sendo uma boa escolha até hoje, trazendo a história do jovem Ned, que trabalha como confeiteiro e esconde do mundo sua estranha habilidade de trazer os mortos de volta à vida com um simples toque. A questão é que seus poderes só funcionam permanentemente se ele nunca tocar novamente a pessoa ressuscitada, e isso se torna um problema quando ele ressuscita a garota por quem era apaixonado na infância, se apaixonando por ela, sabendo que nunca poderá tocá-la.

(Foto: Divulgação)

3- Para quem acha que a relação com familiares e vizinhos tem sido muito complicada em tempos de quarentena, uma ficção científica que prova como as coisas podiam ser mais complicadas: “Dark” é definitivamente a melhor série da Netflix até o momento em questão de produção e roteiro bem amarrado. Com a sua terceira e última temporada chegando esse mês na rede de streaming, a série acompanha quatro famílias vivendo numa pequena cidade alemã, que tem suas vidas pacatas interrompidas pelo desaparecimento de duas crianças e estranhos fenômenos envolvendo viagem no tempo. Após conhecer a árvore genealógica dos personagens da série, você nunca mais irá reclamar que sua família é complicada.

(Foto: Divulgação)

4- Para quem é forçado a conviver trancafiado com os irmãos em casa, um bom exercício pode ser assistir juntos a um terror familiar: “A Maldição da Residência Hill” é um drama psicológico de horror, que acompanha os traumas de uma família que se mudou para uma casa assombrada por espíritos quando os cinco filhos eram crianças. Após a morte da mãe e uma vida tentando superar os traumas vividos na infância, os cinco irmãos juntos terão que reunir as peças do que aconteceu quando viveram na casa, e unir forças para enfrentar seus demônios interiores. Uma das obras mais emocionantes e arrepiantes do catálogo da Netflix, que tem tudo para unir ainda mais sua família durante o isolamento (seja pelo carinho, ou seja pelo medo).

(Foto: Divulgação)

5- Para quem necessita de uma visão esperançosa e otimista sobre a vida, o drama mais fofo de todos os tempos: “Anne with an E” também foi uma série que deixou os fãs de coração partido após seu cancelamento, mas pode-se dizer que ela teve um final digno. A jovem órfã Anne é mandada para morar com um casal de irmãos que planejavam adotar um garoto, sendo que há treze anos a menina sofria em orfanatos, sendo considerada estranha por sua imaginação fértil. Ao causar um susto inicial em sua nova família e nos colegas da nova cidade por ser extremamente criativa e inteligente, a garota passa a transformar a vida de cada uma das pessoas ao seu redor, lutando pela sua aceitação e pelo seu lugar no mundo. Em tempos onde o mundo precisa tanto de mais amor, aceitação e conhecimento, “Anne with na E” é com certeza a escolha perfeita para essa quarentena.