Arquivo da tag: GPUs Nvidia RTX

GPUs NVIDIA RTX aceleram workstations e PCs de última geração para milhões de profissionais, designers, engenheiros e usuários de desktop virtual

(Foto: divulgação)

A NVIDIA anuncia uma linha de oito novas GPUs da arquitetura NVIDIA Ampere para notebooks, desktops e servidores de última geração, oferecendo aos profissionais a possibilidade de trabalhar onde quiser, sem sacrificar a qualidade ou desperdiçar o tempo.

Com as novas GPUs NVIDIA RTX™, os profissionais podem criar cenas 3D impressionantes, os designers podem fazer iterações na arquitetura complexa de uma construção em tempo real, e os engenheiros podem criar produtos inovadores em qualquer sistema.

“O trabalho híbrido é o novo normal. As GPUs RTX, baseadas na arquitetura NVIDIA Ampere, oferecem o desempenho para cargas de trabalho exigentes em qualquer dispositivo. Assim, as pessoas podem trabalhar de modo produtivo em qualquer lugar”, afirma Bob Pette, vice-presidente de visualização profissional da NVIDIA.

Para desktops, as novas GPUs NVIDIA RTX A5000 e NVIDIA RTX A4000 possuem novos RT Cores, Tensor Cores e CUDA® Cores para acelerar IA, gráficos e renderização em tempo real até o dobro da velocidade das gerações anteriores.

Para profissionais em movimento que necessitam de dispositivos finos e leves, as novas GPUs NVIDIA RTX A2000, NVIDIA RTX A3000, RTX A4000 e RTX A5000 para laptops proporcionam uma performance acelerada sem comprometer a mobilidade. Elas incluem as últimas gerações de tecnologias Max-Q e RTX e são apoiadas pelo ecossistema NVIDIA Studio™, que inclui tecnologia exclusiva de propulsores que melhora as aplicações criativas para níveis ótimos de desempenho e confiabilidade.

Para data centers, temos as novas GPUs NVIDIA A10 e A16. A A10 fornece até 2,5 vezes o desempenho da workstation virtual da geração anterior para designers e engenheiros, enquanto a A16 fornece até o dobro da densidade de usuários com menor custo total de propriedade e uma experiência de infraestrutura de desktop virtual aprimorada em relação à geração anterior.

Com os softwares NVIDIA RTX Virtual Workstation (vWS) e NVIDIA Virtual PC (vPC), as GPUs A10 e A16 oferecem mais potência, memória e velocidade para acelerar todos os workflows, desde os de gráficos e AI até os de VDI. Dessa forma, os usuários podem dedicar mais tempo ao trabalho eficiente e produtivo.

Adoção pelos clientes

Uma das primeiras empresas a adotar a RTX A5000 foi o Woods Bagot, um escritório internacional de arquitetura e consultoria. “Essa nova microarquitetura de GPU NVIDIA Ampere é um grande avanço. Fiquei impressionado com o ganho de desempenho que observei na NVIDIA RTX A5000 em comparação com o modelo equivalente da geração anterior RTX ao executar aplicações como o Chaos Vantage e o NVIDIA Omniverse”, revela Robert Cervellione, líder de estúdio de tecnologia de design na Woods Bagot. “É claro que a GPU profissional NVIDIA RTX A5000 foi projetada para essa intensa multitarefa em comparação com placas de nível de game.”

A Polaris, uma fabricante de motocicletas, moto para neve, quadriciclos e automóveis elétricos, também está usando a RTX A5000. “A velocidade é tudo quando precisamos avaliar novos conceitos para os veículos mais aventureiros, e a NVIDIA RTX A5000 realmente entrega o que precisamos”, afirma Erick Green, líder 3D/CGI na Polaris. “A renderização básica do viewport é incrivelmente rápida no Octane Render – 5x mais rápida – e desbloqueia coisas que não poderíamos sequer tentar antes”.

“Em Important Looking Pirates, estamos constantemente forçando os limites criativos, e a tecnologia inovadora é a grande capacitação”, diz Ola Bjürling, produtora de produção virtual & gráficos em tempo real da Important Looking Pirates. “Com a RTX A5000 alimentado NVIDIA Omniverse, estamos vendo resultados cinematográficos de ponta em tempo real que costumavam levar horas por frame.”

Tecnologia RTX de última geração

As novas GPUs NVIDIA RTX apresentam a última geração da tecnologia NVIDIA RTX para acelerar gráficos, ray tracing, IA e computação. As novas GPUs RTX para notebooks também incluem a última geração da tecnologia NVIDIA Max-Q, permitindo uma nova geração de potentes notebooks finos e leves projetados para profissionais. Além disso, a tecnologia RTX potencializa o NVIDIA Omniverse – a única plataforma que oferece alta performance, simulação fisicamente precisa para mundos complexos em 3D e, renderização verdadeira por ray tracing e path tracing em tempo real com facilidade.

Todas as GPUs NVIDIA RTX apresentam as tecnologias mais atuais da arquitetura NVIDIA Ampere:

  • RT Cores de 2ª geração: até o dobro do rendimento da geração anterior, com a possibilidade de realizar tarefas de ray tracing, sombreamento e remoção de ruídos ao mesmo tempo;
  • Tensor Cores de Terceira Geração: até o dobro da produtividade da geração anterior, até 10x com esparsidade, com suporte para os novos formatos de dados TF32 e BFloat16;
  • Cores CUDA: até 2,5 vezes mais rendimento de FP32 do que a geração anterior, o que aumenta significativamente o desempenho nas cargas de trabalho de gráficos e computação.

Veja alguns dos recursos e das tecnologias das GPUs para desktops:

  • Memória de GPU de até 24 GB: com o dobro da memória da geração anterior, a RTX A4000 com memória GDDR6 de 16 GB e a RTX A5000 com memória GDDR6 de 24 GB apresentam ECC, que possibilita uma computação sem erros. A RTX A5000 é expansível até 48 GB de memória usando NVIDIA NVLink® para conectar duas GPUs;
  • Virtualização: a RTX A5000 é compatível com o software NVIDIA RTX vWS, o que possibilita a criação de várias instâncias de workstations virtuais de alto desempenho para que usuários remotos compartilhem recursos e acelerem cargas de trabalho de design, IA e computação de ponta;
  • PCIe Gen 4: duplica a largura de banda da geração anterior e acelera a transferência de dados para tarefas com uso intensivo de dados, como AI, ciência de dados e criação de modelos 3D.

Veja alguns dos recursos e das tecnologias das GPUs para notebooks:

  • Tecnologia Max-Q de Terceira Geração: para notebooks finos e leves que funcionam de forma mais silenciosa e eficiente com Dynamic Boost 2.0, WhisperMode 2.0, BAR redimensionáveis e tecnologia NVIDIA DLSS;
  • Memória de GPU de até 16 GB: ideal para modelos, cenas e montagens maiores, além de workflows avançados com várias aplicações.

A NVIDIA também lança as GPUs NVIDIA T1200 e NVIDIA T600 para notebooks, baseadas na arquitetura Turing da geração anterior. Projetadas para workflows profissionais com várias aplicações, essas placas integradas oferecem desempenho e recursos muito melhores.

Disponibilidade

As novas GPUs para desktop NVIDIA RTX e as GPUs para data center NVIDIA estarão disponíveis nos parceiros de distribuição e OEMs globais, a partir do final deste mês.

As novas GPUs NVIDIA RTX para laptop estarão disponíveis em workstations móveis, previstas para o segundo trimestre deste ano, nos OEMs globais.