Arquivo da tag: HBO Latin America

DE CONFLITO HISTÓRICO A DRAMA FAMILIAR: DEZ MOTIVOS PARA ASSISTIR ‘PÁTRIA’, NOVA MINISSÉRIE ORIGINAL DA HBO

Na minissérie dramática PÁTRIA, nova produção original da HBO Europe realizada com participação da HBO Latin America, o conflito separatista no País Basco, que por décadas marcou a história da Espanha, é o ponto de partida para os dilemas entre duas famílias que estão em lados opostos do confronto. A vida de Bittori (Elena Irureta) e sua família muda completamente no dia em que o ETA (grupo separatista basco) mata seu marido, Txato (José Ramón Soroiz), na porta de casa. As relações com a família de sua amiga Miren (Ane Gabarain), cujo filho milita no grupo nacionalista, são cortadas.

A partir dessas famílias divididas, a produção retrata um lado pouco explorado dos conflitos ao mostrar como pessoas comuns vivem neste contexto. E este é apenas um dos motivos para não perder nenhum momento de PÁTRIA, que estreia neste domingo, dia 27 de setembro, às 21h, no canal HBO e na HBO GO.

‘Pátria’ estreia domingo, na HBO. (Foto: divulgação)

BASEADA EM UM LIVRO DE SUCESSO

PÁTRIA é baseada no livro homônimo de sucesso de Fernando Aramburu lançado em 2016, que vendeu mais de 1 milhão de exemplares em língua espanhola. A história foi adaptada na minissérie que é composta por oito episódios de uma hora.

RECONSTRUÇÃO FIEL

A minissérie conta três décadas da história do País Basco, marcadas pela atuação do ETA, pelos olhos de duas famílias divididas pelo confronto. A maquiagem e figurino se destacam ao longo da narrativa, retratando com precisão a passagem dos anos durante esse período histórico.

UMA AULA DE HISTÓRIA

PÁTRIA retrata acontecimentos e consequências do conflito basco, importante passagem da história europeia e mundial, que durou pouco mais de cinco décadas. O confronto aconteceu entre Espanha e o Movimento Basco de Libertação Nacional, que buscava a independência do País Basco da Espanha e da França. O movimento foi construído em torno da organização armada ETA, grupo classificado como terrorista pela União Europeia.

ELENCO MARCANTE

Atrizes bascas com longa carreira na TV e cinema espanhol, Elena Irureta e Ane Gabarain dão vida às matriarcas e protagonistas de PÁTRIA. Já tendo atuado juntas em outras ocasiões, a química entre as intérpretes de Bittori e Miren é um dos destaques da produção.

ESTREIA GLOBAL

PÁTRIA é a primeira produção da HBO Europe a estrear simultaneamente na Espanha e em mais de 60 países da Europa e das Américas, incluindo o Brasil. É a oportunidade de acompanhar a estreia da minissérie ao mesmo tempo que o resto do mundo.

OLHAR ESPECIAL

Ao mostrar como pessoas comuns vivem em um contexto de conflito, PÁTRIA se destaca de outras produções que retratam confrontos ao colocar no centro da narrativa temas que não costumam ganhar tanto destaque, como a solidão, o perdão e a dor humana.

SEM ESTEREÓTIPOS

Para retratar a relação das famílias que se encontram em lados opostos de um conflito separatista, a produção mostra o sofrimento de ambas e revela as cicatrizes de uma comunidade dividida por ideologias políticas.

DILEMAS UNIVERSAIS

Por meio de seus protagonistas, pessoas comuns que vivem nessa realidade de guerra, a minissérie consegue mostrar, apesar do foco em um conflito local, diversos elementos humanos que são semelhantes em muitos lugares do mundo, como o a amizade, o medo e a solidariedade – ou os dilemas causados pela ausência desses sentimentos.

RELAÇÃO COM A AMÉRICA LATINA

A história do povo basco também se encontra presente na América Latina: na Argentina, Chile e Uruguai, estima-se que aproximadamente 10% da população tenha ascendência basca.

PRIMEIRA DE MUITAS

PÁTRIA marca a história da própria HBO, como a primeira série de drama original espanhola produzida pela HBO Europe, com participação da HBO Latin America. A HBO já prepara outras produções originais na Espanha, como a série de fantasia 30 MONEDAS.

DOOM PATROL retorna à HBO em setembro com sua segunda temporada

A partir do dia 4, a série criada por Jeremy Carver continua a expandir o Universo DC na HBO e na HBO GO

Segunda temporada de ‘Doom Patrol’ estreia em setembro, na HBO e HBO Go. (Foto: Divulgação)

Reinventando um dos grupos de super-heróis mais queridos da DC Comics, DOOM PATROL estreia sua segunda temporada na América Latina no dia 4 de setembro, às 22h, exclusivamente na HBO e HBO GO.

Após a derrota de Mr. Nobody (Alan Tudyk), os membros dessa gangue peculiar encontram-se miniaturizados e presos na pista de carros de corrida de Cliff (Brendan Fraser), onde começam a se confrontar. Como cada integrante da equipe é desafiado a superar seus próprios traumas, eles devem se unir para proteger o novo membro da família: Dorothy Spinner (Abigail Shapiro, atriz convidada).

A série é estrelada por Brendan Fraser (Crash – No Limite, A Múmia, Deuses e Monstros) como Robotman/Cliff; Matt Bomer (Crimes do Colarinho Branco, American Horror Story, Um Coração Normal) como Negative Man/Larry Trainor; April Bowlby (Dois Homens e Meio, Como Eu Conheci Sua Mãe) como Elasti-Woman/Rita Farr; e Diane Guerrero (Orange is the New Black) como Crazy Jane. A equipe é comandada por Timothy Dalton (The Living Daylights, Licença para Matar) no papel do Doctor Niles Caulder/The Chief e Joivan Wade (A Primeira Noite de Crime, Doctor Who) como Cyborg.

Desenvolvida por Jeremy Carver (Supernatural, Frequency, Ser Humano), DOOM PATROL é produzida por Geoff Johns (Esquadrão Suicida, Aquaman, Mulher Maravilha, Liga da Justiça), Greg Berlanti (Arrow, Titãs, The Flash, Supergirl, Lendas do Amnhã), Sarah Schechter (Supergirl, Riverdale, Ponto Cego) e Chris Dingess (Agente Carter, astwick: A Cidade da Magia).

A primeira temporada de DOOM PATROL também está disponível na HBO GO.

HBO CELEBRA O ANIVERSÁRIO DE SANTOS DUMONT

Conheça mais sobre o brasileiro pioneiro da aviação

Minissérie sobre Santos Dumont está disponível na HBO Go. (Foto: Divulgação)

Protagonista de seu tempo, Alberto Santos Dumont dedicou sua vida à aviação. Nascido em 20 de julho 1873, ele planejou, construiu e experimentou mais de duas dezenas de invenções, deixando sua marca na história do Brasil e da aviação mundial. Nesta data, celebramos 147 anos do nascimento do aviador e inventor brasileiro.

Sua trajetória, desde a infância nos cafezais de sua família no interior de Minas Gerais até os sofisticados salões e aeroclubes de Paris, é mostrada em SANTOS DUMONT, minissérie da HBO que retrata os desafios da vida do brasileiro considerado “pai da aviação” e a história de suas grandes invenções.

Disponível na HBO GO, a produção conta a história do homem que personificou as grandes transformações da virada do século, e foi aclamado como o primeiro a voar em um avião – o 14 Bis. Ambientada na França e no Brasil, a minissérie realizada pela HBO em coprodução com a Pindorama Filmes traz uma reconstrução minuciosa do ambiente do fim do século XIX e início do século XX.

João Pedro Zappa protagoniza SANTOS DUMONT e interpreta o inventor na fase adulta. Na infância ele é vivido pelo ator Guilherme Garcia e, mais velho, por Gilberto Gawronski. A minissérie é produzida por Roberto Rios, Eduardo Zaca, Patricia Carvalho e Rafaella Giannini, da HBO Latin America Originals, e Estevão Ciavatta e Susana Campos, da Pindorama Filmes, com recursos da Condecine – Artigo 39. A direção é de Estevão Ciavatta – que também dirigiu a série exclusiva da HBO, PREAMAR – e Fernando Acquarone; o roteiro é assinado por Pedro Motta Gueiros e Gabriel Mariani Flaksman.

‘ZUMBILÂNDIA: ATIRE DUAS VEZES’ ESTREIA NA HBO E NA HBO GO

‘Zumbilândia 2’ está disponível na HBO e HBO Go. (Foto: Divulgação)

ZUMBILÂNDIA: ATIRE DUAS VEZES, comédia protagonizada por Emma Stone, Woody Harrelson, Jesse Eisenberg e Abigail Breslin, chega à HBO e à HBO GO.

Sequência de ZUMBILÂNDIA, também disponível na HBO GO, o filme acompanha mais uma vez Columbus (Jesse Eisenberg), Tallahassee (Woody Harrelson), Wichita (Emma Stone) e Little Rock (Abigail Breslin) em busca de habitação e sobrevivência em meio a um apocalipse zumbi nos Estados Unidos. Agora, eles precisam encarar uma batalha implacável contra zumbis mais inteligentes, rápidos e aparentemente indestrutíveis. No percurso, encontram outros sobreviventes e percebem que novos rumos podem ser explorados.

Com direção de Ruben Fleischer, este thriller cômico também traz no elenco Luke Wilson, Zoey Deutch, Thomas Middleditch, Rosario Dawson e Avan Jogia.

Mês Do Orgulho LGBTQIA+: HBO indica filmes e séries sobre inclusão e diversidade

Há 51 anos, o mês do orgulho LGBTQIA+ celebra a diversidade afetiva e sexual de todas as identidades de gênero e orientações sexuais, entre lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, assexuais, queer e mais. Este período do ano também simboliza a luta permanente da comunidade por direitos, liberdade e igualdade.

Para promover conscientização e contribuir com a reflexão, a HBO selecionou filmes, séries e documentários disponíveis na HBO GO que mostram a comunidade LGBTQIA+ e histórias de vida com base na inclusão e na diversidade.

BATWOMAN: ADEUS AOS ESTEREÓTIPOS COM A PRIMEIRA HEROÍNA LÉSBICA

(Foto: Divulgação)

BATWOMAN dá um passo à frente na representação de personagens femininas nas histórias de super-heróis com a primeira heroína lésbica a estrelar uma série de televisão. Interpretada pela atriz australiana Ruby Rose, a personagem chega a Gotham City para lutar contra o crime e os preconceitos da cidade. A trama mostra seus envolvimentos amorosos e expõe episódios de discriminação, incluindo uma cena em que é expulsa da escola militar por relacionar-se com outra mulher.

GENTLEMAN JACK: O CASAMENTO IGUALITÁRIO DA PRIMEIRA LÉSBICA MODERNA

(Foto: Divulgação)

Baseada em fatos reais, a série retrata a vida de Anne Lister, um jovem aristocrata inglesa que entrou para a história como a primeira lésbica moderna. Ela foi a pioneira do casamento igualitário, quando se uniu clandestinamente em 1834 com Ann Walker. Sua história se tornou conhecida graças aos seus diários, que foram escritos em um código secreto só decifrados após o seu falecimento. Seus cadernos foram o pontapé inicial para que a sua história chegasse às telas pela HBO, com o título de GENTLEMAN JACK e estrelada por Suranne Jones.


EUPHORIA: IDENTIDADE DE GÊNERO SEM RÓTULOS

(Foto: Divulgação)

A série mostra como um grupo de adolescentes navega em um universo frenético em busca da própria identidade, experimentando os vícios, a sexualidade, a violência de gênero, a estética corporal e a exposição nas redes sociais. Um dos focos da trama de EUPHORIA é a relação entre Rue, vivida por Zendaya, e Jules, personagem da jovem atriz Hunter Schafer, modelo e ativista trans que se transformou em um ícone do coletivo LGBTQIA+. A naturalidade da intimidade entre as atrizes quebra todos os estereótipos do gênero e torna EUPHORIA uma produção revolucionária.

TODXS NÓS: SÉRIE BRASILEIRA TRATA DO GÊNERO NÃO BINÁRIO E LINGUAGEM INCLUSIVA

(Foto: Divulgação)

Em TODXS NÓS, Clara Gallo dá vida a Rafa, jovem pansexual e não-binárie, que decide deixar a família no interior e mudar-se para a casa de seu primo, Vini (Kelner Macêdo), em São Paulo. Vini já divide o espaço com sua melhor amiga, Maia (Julianna Gerais), e ambos ficam surpresos ao descobrir que Rafa se identifica com o pronome neutro e não com o gênero feminino ou masculino. A produção nacional, com direção geral de Vera Egito, mostra o caminho de descobertas e aceitações de Rafa, enquanto dá visibilidade e expõe alguns dos desafios cotidianos enfrentados pelo coletivo LGBTQIA+.

WIG: VISIBILIDADE PARA O MOVIMENTO DRAG CONTEMPORÂNEO

(Foto: Divulgação)

O documentário original da HBO mostra as origens e a influência do Wigstock, festival anual de drag queens, e explora como o “queer” é visto nos dias de hoje. Criado em 1984 em Nova York, em uma época de crise na comunidade LGBTQIA+ – devido ao aumento do impacto do vírus HIV e às intensas reações contra o orgulho gay –, Wigstock foi uma celebração que marcou o fim dos verões por mais de 20 anos. Por meio de imagens de arquivo, WIG oferece uma visão do movimento drag contemporâneo, para o qual o festival serviu de fundação.

LOOKING: RECORTES COTIDIANOS DE TRÊS AMIGOS GAYS

(Foto: Divulgação)

Esta comédia mostra as experiências de três amigos gays em São Francisco. Apesar de estarem unidos pela amizade, cada um atravessa um momento diferente da vida: Patrick (Jonathan Groff) está voltando a sair com outras pessoas depois do fim de um relacionamento; Agustín (Frankie J. Alvarez), começa a questionar a ideia de monogamia em seu relacionamento; e Dom (Murray Bartlett) enfrenta a chegada a seus 40 anos com sonhos românticos que ainda não foram realizados. As histórias se entrelaçam enquanto cada um busca por felicidade e intimidade em uma época de escolhas – e direitos – para os homens gays.

YEARS AND YEARS: RETRATO DE UM FUTURO PRÓXIMO

(Foto: Divulgação)

A série acompanha as mudanças no Reino Unido e no mundo ao longo de quinze anos sob a perspectiva da família britânica Lyons. Um dos personagens é Daniel Lyon (Russell Tovey), um jovem gay que trabalha em abrigos para refugiados e imigrantes. A série acompanha a deterioração de seu casamento e seu envolvimento amoroso com um refugiado ucraniano. Em YEARS AND YEARS, ele precisa lidar com uma sociedade marcada pela instabilidade política, guerras iminentes e avanços tecnológicos.


THE NORMAL HEART: A AIDS NÃO PODE SER INVISÍVEL

(Foto: Divulgação)

Estrelada por Mark Ruffalo, o filme aborda a disseminação do HIV em Nova York nos anos 80 e a luta de ativistas para dar visibilidade à doença. O filme destaca as dificuldades que a comunidade LGBTQIA+ enfrentava para expor a verdade sobre a AIDS em uma sociedade que, até então, negava os fatos.

FORA DO ARMÁRIO: ACEITAÇÃO FAMILIAR NA VIDA REAL

(Foto: Divulgação)

Série documental brasileira com dez episódios, esta coprodução com a Producing Partners acompanha, ao longo de meses e anos, pessoas que “saíram do armário”. No episódio eu conta com a participação de Jean Willys e Tammy Miranda, o deputado conta sobre como sua participação em um reality show pode dar visibilidade à causa LGBTQIA+, enquanto o ator e cantor conta as dificuldades de aceitação de gênero sob o holofote da mídia. A produção foi realizada com recursos da Condecine – Artigo 39.

‘O DIA DE AMANHÃ’ ESTREIA EM 8 JUNHO NA HBO

(Foto: Divulgação)

A minissérie espanhola O DIA DE AMANHàestreia na próxima segunda-feira, 8 de junho, às 22h, no canal HBO e na HBO GO. Baseada no livro homônimo de Ignacio Martínez de Pisón e com produção da Movistar+, a trama é ambientada na Espanha, entre os anos 60 e 70, durante a ditadura de Francisco Franco.

O DIA DE AMANHàacompanha a história de Justo Gil (Oriol Pla), um homem persistente e ambicioso que chega a Barcelona à procura de uma grande oportunidade que lhe dê condições para ajudar a família. As portas para a dolce vita da cidade se abrem para Justo, assim como o coração de Carmé (Aura Garrido). Porém, ele coloca tudo em risco quando perde um investimento, em um negócio malsucedido. Preso em uma batida policial, ele recorre à única forma de salvar sua vida, tornando-se um informante da violenta polícia secreta do governo.

Com produção da Movistar+, a minissérie de drama tem direção de Mariano Barroso. O roteiro, assinado por Alejandro Hernández, é baseado no livro homônimo de Ignacio Martínez de Pisón.

‘TODXS NÓS’ ESTREIA EM 22 DE MARÇO NA HBO E HBO GO

“Todxs Nós” ganha data de estreia. (Foto: Divulgação)

Série original da HBO Latin America aborda o cotidiano da comunidade LGBTQIA+ com leveza e humor

TODXS NÓS, série original da HBO Latin America realizada no Brasil, protagonizada por Clara Gallo, Kelner Macêdo e Julianna Gerais, estreia no domingo, 22 de março, às 23h, no canal HBO e na HBO GO. Criada por Vera Egito, Heitor Dhalia e Daniel Ribeiro, com direção geral de Vera Egito, a comédia dramática abordará, ao longo de oito episódios de 30 minutos, temas ligados ao universo LGBTQIA+ como compreensão, inclusão, aceitação e uso da linguagem neutra.

Em TODXS NÓS, a atriz Clara Gallo vive Rafa, jovem de 18 anos, pansexual e não-binárie que decide deixar a família no interior de São Paulo e mudar-se para a casa de seu primo, Vini (Kelner Macêdo), na capital. Vini, que já divide o espaço com Maia (Julianna Gerais), fica surpreso ao descobrir que Rafa se identifica com o pronome neutro e não com o gênero feminino ou masculino. Já na chegada, explica, por exemplo, que é prime – e não prima – de Vini.

HBO LATIN AMERICA DIVULGA CARTAZ DA QUARTA E ÚLTIMA TEMPORADA DE ‘SR. ÁVILA’

A HBO Latin America divulga o cartaz de SR. ÁVILA para lembrar que a quarta – e última temporada – chegará ao canal HBO no dia 29 de julho, às 21h. Produzida no México e estrelada por Tony Dalton, a série conquistou o reconhecimento mundial com vários prêmios, entre eles, um Emmy® Internacional na categoria “Melhor Programa do Horário Nobre Em Língua Não Inglesa”, o primeiro para uma série original da HBO na região.

BR_ SOMBRILLAS_SR_AVILA_4_VERTICAL_PROXY.PNG
Última temporada de “Sr.Avila” ganha primeiro pôster. (Foto: Divulgação)

Com 10 episódios, a quarta temporada de SR. ÁVILA tem direção-geral de Fernando Rovzar, que também foi roteirista junto com os irmãos Walter e Marcelo Slavich. Além da produção executiva de Luis F. Peraza, Roberto Rios e Paul Drago.

Para quem quiser rever os episódios da trama, as três primeiras temporadas estão disponíveis na HBO GO.