Arquivo da tag: Heroína

MS. MARVEL, CAPITÃ MARVEL, THE MARVELS: ENTENDA AS DIFERENÇAS ENTRE AS PRODUÇÕES

Apesar de terem nomes similares e fazerem parte do Universo Marvel, cada produção segue uma narrativa diferente

Ms. Marvel, a nova série original da Marvel Studios, estreia dia 08 de junho com exclusividade no Disney+. A produção apresenta Kamala Khan (Iman Vellani), uma adolescente muçulmana americana que cresce em Jersey City. Fã do mundo geek, Kamala é apaixonada pelo mundo de super-heróis – principalmente quando se trata da Capitã Marvel. No entanto, a garota sente que não se encaixa na escola e às vezes até em casa – isto é, até obter superpoderes como os heróis que ela sempre admirou.

Além de Ms. Marvel, o Universo Cinematográfico da Marvel conta com outras produções com nomes similares. Para não confundir o público, listamos abaixo mais informações sobre cada série para entenderem a diferença entre elas. Confira:

MS. MARVEL (2022)

(Foto: divulgação)

A série original da Marvel Studios, que será lançada em junho no Disney+, é protagonizada pela atriz Iman Vellani interpretando Kamala Khan, a Ms. Marvel. Apesar de ser uma grande fã da Capitã Marvel, Kamala é uma heroína diferente da interpretada por Brie Larson. Ela vivia como uma adolescente comum até adquirir poderes extraordinários assim como os heróis que sempre admirou. Com isso, ela vai atrás para entender melhor as novas características e forças ao mesmo tempo que tenta se adaptar aos problemas e incertezas de uma adolescente do ensino médio.

CAPITÃ MARVEL (2019)

(Foto: divulgação)

Carol Danvers (Brie Larson) é uma ex-agente da Força Aérea dos Estados Unidos que entra em contato com uma força alienígena, adquire poderes de outro mundo e esquece de sua vida passada. Após viver por anos com seres de outro planeta, ela retorna à Terra e – com a ajuda de Nick Fury (Samuel L. Jackson) – busca por respostas sobre sua antiga história, descobrindo viver em um mundo diferente daquele que pensava. Capitã Marvel é a heroína mais forte de todo o universo e estrelou o filme de mesmo nome, lançado nos cinemas em 2019.

THE MARVELS (2023)

E por último, mas não menos importante, temos The Marvels, também uma produção da Marvel Studios que será lançada em 2023 como uma sequência de Ms. Marvel e Capitã Marvel. A série juntará uma equipe extremamente poderosa, unindo Kamala Khan (Iman Vellani), Carol Danvers (Brie Larson) e Mônica Rambeaut (Teyonah Parris), que juntas formam um trio super poderoso com mulheres espetaculares.

Heroína: todo mundo precisa de ajuda

Romance da escritora Nana Lees aborda temas como drogas, feminismo, abusos e depressão em enredo profundo sobre saúde mental

Heroína (substantivo feminino):

  1. Mulher de grande coragem, dotada de sentimentos nobres e sublimes.
  2. Droga apiode, com propriedades analgésicas e narcóticas e que causa elevada dependência química.
(Foto: divulgação)

O lançamento da escritora Nana Lees reúne as duas definições de heroína em um enredo profundo sobre dores, lutas e saúde mental. A partir dos narradores personagens, os leitores de Heroína são apresentados a um internato de elite onde jovens considerados rebeldes fingem que recebem educação, enquanto, na verdade, aprendem todos os esquemas do mundo adulto.

Os grandes personagens narradores dessa história são Helen e Otávio. Ela é filha de um grande líder da indústria bélica… ele é herdeiro de um legado imenso da indústria de narcóticos. O ponto alto da trama é quando Helen, vítima de ansiedade e com princípio de depressão, toma a iniciativa de ajudar uma pessoa muito querida – a rotina de aparências começa a desmoronar quando se enrosca com Otávio, amigo de infância.

“A despeito do fato de nos conhecermos desde que eu tinha uns cinco anos, talvez menos, nós conversávamos pouco. O mais comum eram nossos olhares, um jeito cúmplice de dialogar em meio ao caos que nos rodeava e ao qual não poderíamos combater sozinhos. […] Mas tudo mudou anos depois, quando a vida começou a ficar mais pesada e segredos se tornaram comuns. Desde então, Otávio seguiu um caminho diferente do meu nesse aspecto, tornando-se um oposto, enquanto eu me fechava cada vez mais.Por mais que os problemas familiares tivessem nos separado, nos transformado, os anos que se passaram não cortaram aquele elo criado a duras penas lá na infância.”
(Heróina, pág. 13)

Preocupada em revelar a personalidade única de cada personagem, Nana detalha as descrições físicas e emocionais de cada um. O foco é sempre nos problemas psicológicos que assolam o mundo, mas que a maioria ignora.

Viciada em mangás, Nana Lees criou em Heroína um novo mundo para expressar suas próprias ideias – sempre com um lado reflexivo e um tanto bem humorado.

Ficha Técnica:
Título
: Heróina
Autor: Nana Lees
ISIN: B081NTX267
Páginas: 805 páginas
Formato: e-book
Preço: R$ 1,99
Link de venda:  https://amzn.to/2ZtzzZw

Sinopse: Em um internato de elite, situado no meio de campos verdes e nada mais, jovens considerados rebeldes passam a maior parte do tempo fingindo que recebem educação enquanto, na verdade, aprendem todos os esquemas do mundo adulto a sua própria maneira: fugindo de seus problemas através de dinheiro e influência.

Helen é uma dessas internas, filha de um grande líder da indústria bélica, cercada pelo poder e toda a conveniência que advém dele. No entanto, acometida pela ansiedade e um princípio de depressão, Helen se culpa por tudo o que tem e não consegue decidir o que fazer com a própria vida, bancada com o extermínio de muitas outras pessoas.

Fazendo do seu físico uma carapaça, se protege das expectativas alheias, da falsidade que a rodeia, enquanto tenta se encontrar em seu próprio mundo “perfeito”, por vezes se sentindo inadequada, em outras se sentindo ingrata.
Mas quando toma a iniciativa de ajudar uma pessoa que é muito querida para ela, sua rotina de aparências começa a sair dos eixos, enlaçando sua existência com a do temido Otávio Lichere, herdeiro de um legado imenso da indústria de narcóticos.

NAKORURU, de SAMURAI SHODOWN, é nova personagem de AFK Arena

Nakoruru chega ao Samurai Shodown. (Foto: Reprodução)

A SNK CORPORATION (Sede: Suita, Osaka, Japão, Presidente e CEO: Koichi Toyama) tem o prazer de anunciar que NAKORURU, de SAMURAI SHODOWN, o premiado game de luta aclamado pela crítica, é a nova personagem de AFK Arena, em um crossover com popular game mobile da Lilith Games. A heroína já está disponível para jogar.

RPG do estilo idle, ou incremental, AFK Arena foi indicado ao prêmio de Melhor Jogo no Google Play Best of 2019 – Escolha do Usuário, e já foi baixado mais de 45 milhões de vezes em todo o mundo. NAKORURU, de SAMURAI SHODOWN, participa como uma nova heroína no novo lançamento comercial do jogo no Japão..

A SNK tem mais colaborações com outros propriedades intelectuais vindo por aí, então fique ligado!

“Capitã Mavel”: último passo antes de Ultimato

Por Rodrigo Bocatti

Todos querem saber como os Vingadores vão reverter o estalo de dedos de Thanos, no final de “Guerra Infinita”, porém ainda faltava um filme que vai ter influência direta: Capitã Marvel, primeiro longa da Marvel protagonizado por uma heroína e ele não decepciona ao apresentar Carol Denvers como a heroína mais poderosa do Universo Cinematográfico da Marvel.

Diferentemente de todos outros ‘primeiros’ filmes do Marvel Studios ele mostra a heroína já em ação e com flashbacks mostra sua origem, que foi muito acertado. Brie Larson parece estar estabelecida há anos como a Capitã, sua atuação é muito segura, assim como todo elenco.

“Capitã Marvel” se passa nos anos 90 e já apresenta uma consolidada Capitã Marvel. (Foto: Divulgação)

No filme, que se passa nos anos 90 e tem diversas referências a uma das melhores épocas, Carol faz parte do exército dos Kree que vivem em guerra com os Skrulls e não tem memória do seu passado, porém depois de uma batalha frustrada ela começa a recuperar um pouco da vida que ela teve e vem para Terra investigar.

Conhecemos Monica Rambeau, grande amiga de Carol, e que deve ser importante na cronologia dos próximos filmes da Marvel, mas ainda não sabemos se ela sobreviveu ao estalar de dedos do Titã Louco. E pode ser uma futura heroína da terra e sua filha rouba a cena com tanta fofura.

Apesar do filme parecer previsível ele tem uma virada muito boa, porém ele começa em um ritmo muito acelerado, mas não mantém ele e só volta a ter um ápice perto do final. E não se anime, porque a única ligação que o filme tem com o próximo lançamento da Marvel é a cena pós-créditos.

Pontos altos de Capitã Marvel:

  1. Goose – o gatinho da Capitã Marvel realmente é o melhor do filme. Disfarçado de bichano é da raça Flerken e ele tem um papel fundamental no decorrer do longa.
  2. Brie Larson – Apesar de sofrer muitas críticas antes do lançamento do longa por não sorrir em nenhuma foto promocional e pela cor do uniforme, a atriz entrega uma heroína que está pronta para combate, mas ainda tem muito a aprender (principalmente do seu passado) e também demonstra que tem emoção.
  3. Samuel L. Jackson – Antes de “Capitã Marvel” só conhecíamos um pouco de Nick Fury e nesse filme podemos saber um pouco mais dele, de como ganhou o tapa-olho e como se tornou o espião que é. Grande atuação de Samuel.
  4. Skrulls – Apesar de serem apresentados como grandes vilões de uma das melhores sagas da Marvel, o filme deixa em aberto o que pode acontecer no futuro, mas é importante a apresentação da raça alienígena para deixar em aberto o futuro da Marvel.
  5. Cenas pós-créditos – A primeira cena pós-créditos de Capitã Marvel mostra a real ligação da heroína com Vingadores. E a outra é divertida e deixa diversas interrogações na cabeça dos fãs.

COMEÇA A PRODUÇÃO DO LIVE-ACTION DE “MULAN” DA DISNEY

A épica história da lendária guerreira chinesa toma vida com o elenco que inclui Liu Yifei, Donnie Yen, Jason Scott Lee com Gong Li e Jet Li dirigidos por Niki Caro

A produção de “Mulan”, da Disney, uma adaptação live-action do longa-metragem de animação de 1998, começou. O filme será gravado em locações na China e na Nova Zelândia e tem estreia prevista no Brasil para 26 de março de 2020.

Liu Yifei foi escalada como Hua Mulan após uma busca global que durou um ano. Juntando-se a ela no filme estão: Donnie Yen, Jason Scott Lee, Yoson Na, Utkarsh Ambudkar, Ron Yuan, Tzi Ma, Rosalind Chao, Cheng Pei-Pei, Nelson Lee, Chum Ehelepola, Gong Li e Jet Li.

image002.png
Liu Yifei começa a viver a heroína Mulan. (Foto: Divulgação)

“Mulan” é a aventura épica de uma jovem destemida que se disfarça de homem para combater os Invasores do Norte que estão atacando a China. A filha mais velha de um honrado guerreiro, Hua Mulan, é espirituosa, determinada e muito ágil. Quando o imperador emite um decreto que um homem de cada família deve servir no exército imperial, ela entra em cena para tomar o lugar de seu pai doente como Hua Jun, tornando-se um dos maiores guerreiros da China.

“Mulan” é dirigido por Niki Caro com roteiro de Rick Jaffa & Amanda Silver e Elizabeth Martin & Lauren Hynek baseado no poema narrativo “The Ballad of Mulan”. Os produtores são Jason T. Reed, Chris Bender e Jake Weiner com Barrie M. Osborne, Bill Kong e Tim Coddington atuando como produtores executivos.

O longa de animação da Disney, lançado em 1998, tinha vozes de estrelou Ming-Na Wen, Miguel Ferrer e Eddie Murphy e foi indicado ao Oscar® e a dois Globos de Ouro®.

A história do guerreiro lendário é um dos contos populares mais populares da China e ainda hoje faz parte do currículo nas escolas chin

JESSICA JONES – MARVEL ANUNCIA NOVO QUADRINHO DA HEROÍNA!

Por Legião dos Heróis

Jessica Jones se tornou uma personagem reconhecida na Marvel após sua série no Netflix, onde é interpretada por Krysten Ritter. Agora, os criadores da personagem, Brian Michael Bendis e Michael Gaydos retornarão para uma nova história da personagem nos quadrinhos!

Bendis será o autor do projeto, enquanto Gaydos irá voltar a desenhar a heroína.

Capa do novo quadrinho de "Jessica Jones". (Foto: Divulgação)
Capa do novo quadrinho de “Jessica Jones”. (Foto: Divulgação)

Nos quadrinhos, a ultima vez que vimos Jones foi em “Homem-Aranha #5”. Ela estava investigando Miles Morales a pedido da avó do jovem. Quando a nova série da heroína começar, esta história não irá ser continuada, e Jessica estará em outro lugar.

“Você vai descobrir na primeira edição. Vamos abrir a revista bem onde o mundo de Jessica explodiu em seu rosto,” disse Bendis em entrevista com o IGN, quando perguntado sobre onde Jessica estará na nova história. “Ela está aonde você menos espera que ela esteja. Você vai perceber que todos os relacionamentos dela mudaram. E aos poucos vamos descobrir o motivo. Eu gosto de escrever a Jessica onde temos que descobrir ‘porque isso aconteceu’… Eu trabalhei com outros artistas com a Jessica e sempre gostei, mas em minha mente ela se parece, respira e cheira mais como a Jessica quando o Michael desenha ela. Entre [a arte de Michael] e do David Mack, que é um grande amigo e fez todas as capas [do quadrinhos original], esta é a assinatura na qual as pessoas pensam nela, nesses visuais. Então ter todos eles de volta e ter todo mundo um pouco melhor em seus trabalhos – acho que Michael é um ilustrador melhor e David um pintor melhor [do que anos atrás] – eu tenho que melhorar para conseguir alcança-los”.