Arquivo da tag: História em Quadrinhos

DOCUMENTÁRIO EM QUADRINHOS DOS SOBREVIVENTES DO ACIDENTE NUCLEAR DE CHERNOBYL

HQ Primavera em Tchernóbil mostra a vida que restou no palco da tragédia

(Foto: Divulgação)

Em abril de 1986 aconteceu o maior desastre nuclear da história, a explosão da Estação Nuclear de Chernobyl, na Ucrânia, parte da antiga União Soviética. A nuvem radioativa contaminou pessoas, animais e o que tem vida.

Após 20 anos, um grupo de ativistas e artistas visitam o palco da tragédia que infelizmente deixou famílias para trás. O propósito da visita era documentar a situação dos sobreviventes e mostrar como é a vida num lugar contaminado. Emmanuel Lepage tinha a missão de retratar o desastre, mas encontra tamanha beleza que decide criar a história em quadrinhos “Primavera em Tchernóbil”.

A HQ em pré-venda, publicada pela Geektopia, é um documentário, uma grande reportagem que retrata vidas reais a partir da perspectiva do artista que esteve em Chernobyl, o lugar que se manterá inabitável por até 20 mil anos. A arte de Emmanuel Lepage sobre sua visita é extremamente sensível, à medida que o autor percebe que há vida entre os escombros da tragédia, o preto e branco inicial começa a dar lugar a vislumbres de cor, que representam a esperança.

O autor Emmanuel Lepage nasceu em 1966 em Saint-Brieuc, na França. Começou sua carreira em 1983, quando o jornal “Ouest-France” passou a publicar algumas de suas ilustrações. É dono de um traço elegante e um notável talento como colorista. Recebeu merecido reconhecimento ao se juntar à prestigiada coleção “Aire Libre”, em colaboração com a escritora Anne Sibran na obra “La Terre sans mal”, que reconstrói a vida dos índios na Amazônia. Antes de “Primavera em Tchernóbil”, Emmanuel Lepage publicou outro documentário em quadrinhos em 2011.

O IMPÉRIO DOS GIBIS: A Incrível História dos Quadrinhos da Ed. Abril

Os jornalistas Manoel de Souza e Maurício Muniz revelam fatos inéditos e bastidores surpreendentes da editora que revolucionou a cultura no Brasil por meio das HQs

(Foto: Divulgação)

Por sete décadas, a Editora Abril foi a mais importante empresa do mercado editorial brasileiro, com uma trajetória iniciada em 1950, quando seu fundador, o italiano Victor Civita, lançou com sucesso seu primeiro produto, a edição inicial da revista Pato Donald…

Ou, ao menos, esta é a versão oficial, que não corresponde exatamente à realidade: o Pato Donald não foi a primeira publicação da Abril, uma empresa fundada antes do que se imagina, em 1947, e sem qualquer envolvimento de Victor.

Estes e outros fatos obscuros e surpreendentes sobre a editora são finalmente revelados pelos jornalistas Manoel de Souza e Maurício Muniz no livro O IMPÉRIO DOS GIBIS: A INCRÍVEL HISTÓRIA DOS QUADRINHOS DA ED. ABRILda recém-inaugurada editora Heroica.

O projeto, da dupla de especialistas no ramo da cultura pop e geek, exigiu mais de 18 meses de pesquisa, buscas em mais de 300 periódicos e documentos antigos, conversas com 46 figuras-chave na história da Abril em 63 horas de entrevistas gravadas e a leitura de mais de 2 mil quadrinhos lançados pela empresa ao longo de sete décadas. Tudo isso para apresentar um panorama que se confunde com a própria história do mercado editorial brasileiro, desde os tempos em que o material de reprodução dos gibis demorava seis meses para chegar ao país em longas viagens de navio, até a revolução da era dos computadores, em que se tornou possível baixar arquivos de revistas em poucos minutos pela internet. Editora que encantou gerações Por anos, a Abril foi responsável pela publicação, no Brasil, das principais franquias dos quadrinhos, como Disney (com Pato Donald, Mickey e Zé Carioca), Marvel (Capitão América, Homem-Aranha e Wolverine), DC (Batman, Superman e Mulher-Maravilha) e MSP (com os personagens de Mauricio de Sousa).

Aliás, o famoso criador da Mônica elogiou bastante O IMPÉRIO DOS GIBIS numa live transmitida em 4 maio, Dia Mundial do Livro. Nesse bate-papo patrocinado pela Câmara Brasileira do Livro, Mauricio de Sousa indicou O IMPÉRIO DOS GIBIS como uma obra essencial para conhecer o mercado de quadrinhos no Brasil – inclusive ficando surpreso com a quantidade de detalhes que o livro traz sobre seu conturbado relacionamento com a Abril. O setor de quadrinhos da editora dos Civita encantou gerações, mas escondeu brigas internas, polêmicas, estratégias de mercado um tanto questionáveis e traições que parecem saídas de um romance de intrigas políticas. Hoje pode parecer difícil de acreditar, mas os quadrinhos infantis da Abril foram alvo até de rigorosa atenção dos órgãos de censura durante o governo militar! Primeira tiragem esgotou-se em 48 horasO IMPÉRIO DOS GIBIS foi viabilizado originalmente por meio da plataforma de financiamento coletivo Catarse, conseguiu reunir quase 600 apoiadores e arrecadou o dobro do valor inicialmente pretendido. Isso possibilitou a impressão de uma tiragem inicial de 1.200 exemplares – que, para surpresa dos autores, esgotou-se em 48 horas por meio de vendas realizadas pelo site da Heroica, em abril de 2020. Agora, a segunda tiragem, recém-impressa, está disponível para venda e pronta entrega com exclusividade em www.editoraheroica.com.br.

O volume de 544 páginas ainda vem acompanhado de marcador de páginas e 30 cards exclusivos, tamanho 10 cm x 15 cm, que mostram capas das mais importantes revistas em quadrinhos da Editora Abril.

SERVIÇO
O Império dos Gibis: A Incrível História dos Quadrinhos da Ed. Abril
Autores: Manoel de Souza e Maurício Muniz
544 páginas (480 PB e 64 COR)
Lombada quadrada
Formato: 15,6 x 22,8 cm
Capa em Cartão 250g
Miolo PB em Pólen Soft 70g
Miolo COR em Offset 90g
Preço até 31/7: R$ 84,90 (frete incluso e pagamento em até 12 vezes)
Vendas: 
www.editoraheroica.com.br

Panini lança livro ilustrado comemorativo aos 80 anos de Marvel

Com distribuição nacional, álbum de figurinhas chega ao site da Panini, no próximo com cromos adesivos e cards dos grandes heróis do universo geek

(Foto: Divulgação)

Para comemorar os 80 anos da Marvel, considerada uma das maiores editoras de histórias em quadrinhos do mundo, a Panini, líder no segmento de colecionáveis no país, traz pela primeira vez o álbum de figurinhas MARVEL SUPER HEROES. A novidade convida os amantes de HQs a explorarem esse universo de forma diferente, garantindo uma coleção especial com cromos ilustrados dos marcantes heróis da franquia.

Para celebrar a trajetória de Marvel, a Panini lança o álbum de figurinhas e permite que os fãs tenham mais uma forma de colecionar parte desse universo: ao longo de 48 páginas, imagens de famosos heróis, como Capitão América, Homem-Aranha, Hulk, Thor, X-Men, Viúva-Negra e Miss Marvel, são ilustradas em 192 cromos, sendo 64 especiais e metalizados, e 50 cards.

“Para nós, é um imenso prazer poder fazer parte dessa história. Buscamos, cada vez mais, proporcionar diversão em família para todos os tipos de consumidores. Desta vez, além de atingirmos o nosso propósito, estamos fazendo parte da vida de fãs que acompanham a história de Marvel, que tem mais de 8 mil personagens em seu catálogo”, comenta Marcelo Adriano, gerente de marketing da Panini Brasil.

O livro ilustrado exclusivo MARVEL SUPER HEROES conta com versão brochura por R$ 9.90, e capa dura, e envelopes com quatro figurinhas mais um card por R$ 3,00. O produto está disponível nas bancas de jornal e também pode ser adquirido na lojapanini.com.br.


Ficha Técnica álbum de figurinhas MARVEL SUPER HEROES
Lançamento: 05/06/2020
Estrutura: 48 páginas
Distribuição: nacional
Total de cromos: 192, sendo 64 especiais
Total de cards: 50
Envelope com 4 cromos + 1 card: R$ 3,00
Porta cards (fechado): 210 x 230 mm

Capa brochura
Formato: 225 x 287 mm
Miolo: LWC 60grs
Capa: verniz híbrido, tríplex 250g

Capa dura
Formato: 225 x 287 mm
Miolo: couche 150G
Capa: laminação + verniz híbrido

Kits álbum oficial MARVEL SUPER HEROES
· Cartela com 12 envelopes por R$36,00
· Kit livro ilustrado brochura + 12 envelopes por R$45,90
· Kit livro ilustrado capa dura + 12 envelopes por R$65,90
· Box Premium com livro ilustrado capa dura + 48 envelopes + 5 cards exclusivos extras por R$173,90
· O box premium traz 5 cards extras de edição de colecionador, de forma complementar à coleção gratuitamente.

Mulher-Maravilha: lançamentos Panini

Livros capa dura e encadernados são as novidades da editora para o mês

Símbolo do poder feminino, a super-heroína Mulher-Maravilha tem presença marcada nos quadrinhos e nas telas do cinema. E, para dar ainda mais voz à amazona, a Editora Panini lança três títulos: Mulher-Maravilha: Terra Um vol. 2, Mulher-Maravilha: Antologia e Mulher-Maravilha: Volte Para Mim, já disponíveis nos principais pontos de venda.

A personagem Diana Prince, mais conhecida como Mulher-Maravilha, surgiu na década de 1940 para mostrar que mulheres são fortes, independentes, donas de si e não precisam ser salvas por ninguém. Ao longo do tempo, a heroína vem estampando inúmeras produções, HQs e outras coleções, reforçando o movimento feminista no mundo.

Confira, abaixo, mais detalhes das novidades.

MULHER-MARAVILHA: TERRA UM VOL. 2

Mulher-Maravilha Terra Um Vol2. (Foto: Divulgação)

Após deixar seu lar para ajudar a humanidade e conhecer o piloto da Força Aérea Steve Trevor, Diana Prince se encontra no Mundo dos Homens. A guerreira está pronta para qualquer coisa que aparecer, mas será que o mundo está pronto para a Mulher-Maravilha?

Ao longo das 140 páginas, será possível acompanhar os conflitos do governo americano diante da presença da amazona. Como Diana poderá levar à frente sua missão de paz e amor em um mundo que a vê como ameaça?

Com roteiro de Grant Morrison e arte de Yanick Paquette, o volume 2 da saga traz a trajetória da poderosa e icônica personagem Mulher-Maravilha.

A publicação tem o valor de R$ 46,00. pt

MULHER-MARAVILHA: VOLTE PARA MIM

Mulher-Maravilha – Volte para Mim. (Foto: Divulgação)

A famosa dupla de escritores Amanda Conner e Jimmy Palmiotti se juntam a Chad Hardin para o resgate de Steve Trevor. Quando o piloto é chamado para um teste de voo em uma aeronave experimental, ele acaba se perdendo no Triângulo das Bermudas e resta à Mulher-Maravilha e a Etta Candy seguirem seu rastro até uma ilha misteriosa e selvagem.

No decorrer das 164 páginas, a Mulher-Leopardo, inimiga mortal da Mulher-Maravilha, aparecerá para atrapalhar um pouco os planos.
O preço do título é de R$ 26,90.

MULHER-MARAVILHA: ANTOLOGIA

Mulher-Maravilha Antologia. (Foto: Divulgação)

A publicação apresenta a Princesa Diana, nascida do barro e dotada pelos deuses com poderes surpreendentes, defensora dos fracos e dos oprimidos sob o traje de Mulher-Maravilha, pregando a paz como representante da Ilha das Amazonas, Themyscira.

Desde o início da década de 1940, no meio da Segunda Guerra Mundial, até sua atualização por Brian Azzarello e Cliff Chiang, nos Novos 52: descubra todas as facetas da Princesa Amazona, reveladas por seus maiores autores nesta antologia: William Moulton Marston, Harry G. Peter, George Pérez, Gene Colan, Ross Andru, John Byrne, Mike Deodato, Yanick Paquette, Phil Jimenez e Greg Rucka. O valor sugerido do título é R$ 129,00.

Os títulos estão disponíveis na Loja Panini, em lojas parceiras e livrarias on-line.


Ficha técnica

Mulher-Maravilha: Terra Um vol. 2
· Roteiro: Grant Morrison
· Arte: Yanick Paquette
· Formato: 17 x 26 cm
· Tipo de lombada: quadrada
· Tipo de papel: couché
· Tipo de capa: dura
· Estrutura: 136 + 4 páginas
· Tipo de distribuição: nacional
· Periodicidade: especial
· Preço: R$ 46,00


Mulher-Maravilha: Volte Para Mim
· Roteiro: Amanda Conner e Jimmy Palmiotti
· Arte: Chad Hardin
· Formato: 17 x 26 cm
· Tipo de lombada: quadrada
· Tipo de papel: LWC
· Tipo de capa: cartão
· Estrutura: 160 + 4 páginas
· Tipo de distribuição: nacional
· Periodicidade: especial
· Preço: R$ 26,90


Mulher-Maravilha: Antologia
· Roteiro e arte: George Pérez et al.
· Formato: 17 x 26 cm
· Tipo de lombada: quadrada
· Tipo de papel: couché
· Tipo de capa: dura
· Estrutura: 400 + 4 páginas
· Tipo de distribuição: nacional
· Periodicidade: especial
· Preço: R$ 129,00

Dois irmãos: uma jornada fantástica

(Foto: Divulgação)

Protagonizada por uma dupla de elfos adolescentes, animação da Disney ganha versão em quadrinhos

A mais recente produção dos estúdios Disney estreou nos cinemas no início de março e vem, desde então, conquistando os corações de crianças e adultos. Dois irmãos conta a história de uma dupla de elfos que tenta, a todo custo, descobrir se ainda há algum tipo de magia no mundo. E para eternizar, também em livro, a emocionante jornada de Ian e Barley, protagonistas para lá de especiais, a Pixel está lançando uma versão em quadrinhos da trama. Para os que gostam da dinâmica ágil das HQs, Dois irmãos: uma jornada fantástica é uma excelente pedida.
 
Os Lightfoot são uma família de elfos bem comum, que vive em um mundo habitado por criaturas fantásticas. Barley, o mais velho de dois irmãos, é um grande conhecedor do passado e sabe tudo sobre as magias lendárias que um dia dominaram a cidade. Já Ian, que está prestes a completar 16 anos, é um elfo tímido e pouco confiante, que sofre por nunca ter conhecido seu falecido pai.
 
Um dia, os irmãos recebem uma carta inesperada, com uma revelação que mudará para sempre suas vidas. Os dois partem, então, em uma viagem repleta de aventuras, ao longo da qual vão descobrir coisas importantes sobre si mesmos e entender que a magia pode estar onde menos se espera.

Salseirada, de Al Stefano, homenageia Mestre Salu e o folclore brasileiro

Al Stefano lança HQ homenageando folclore brasileiro. (Foto: Divulgação)

Protagonistas da trama receberam o nome do rabequeiro e de outro ícone do maracatu, Zabé da Loca

Uma das maiores autoridades em cultura popular do Brasil, Manuel Salustiano Soares, o Mestre Salu (1945-2008), inspirou uma geração de artistas como Chico Science, Antonio Nobre e Siba. Mais recentemente, inspirou também o quadrinhista Al Stefano na produção de seu novo livro em quadrinhos, Salseirada (Zapata Edições, 120 páginas, R$ 30).

Repleta de referências ao folclore brasileiro, a trama mostra como o rabequeiro Salú encontrou a “rabeca do tempo”, instrumento mágico que controla o clima. Junto com sua irmã Zabé e o amigo Mutum, ele percorre o sertão nordestino levando música e chuva para aliviar o sofrimento de pequenos lavradores assolados pela seca e pela fome.

O problema é que, no passado, a rabeca do tempo pertenceu a um coronel ganancioso, que usou o instrumento mágico para eliminar desafetos e prosperar. Agora, seu neto e um bando de jagunços querem recuperar a rabeca a qualquer preço. Somente a intervenção de espíritos da floresta, como a Caipora, Pé de Garrafa, Quibungo e Lobisomem, pode impedir que ela retorne para as mãos erradas… 

Cristina Eiko e Paulo Crumbim reforçam lista de quadrinistas da CCXP19

Cristina Eiko e Palu Crumbim estão confirmados na CCXP. (Foto: Divulgação)

O casal que pela primeira vez aparece como convidado do festival, estará todos os dias no Artists’ Alley

A lista de quadrinistas convidados para o maior Artists’ Alley do Hemisfério Sul não para de crescer. Cristiana Eiko e Paulo Crumbim são os novos nomes anunciados para CCXP19 – que acontece entre 5 e 8 de dezembro, no Expo São Paulo. Os artistas terão uma mesa no espaço queridinho do público e estarão todos os dias no festival para encontrar com os fãs que desejem comprar seus trabalhos, pegar um autógrafo e tirar uma foto.

Cristina Eiko nasceu em São Paulo e formou-se em Design. A artista trabalhou com animação em comerciais e longas-metragens como “Segredo de Kells” e “Uma História de Amor e Fúria”. Em 2010 começou a desenhar “Quadrinhos A2”, junto com seu parceiro Paulo Crumbim. Com ele também criou a Graphic MSP “Penadinho – Vida”, lançado em 2015, e em 2017 lançou sua primeira HQ solo, “Culpa”, na coleção Ugritos da Ugra Press.

Paulo Crumbim também nasceu em São Paulo, mas na cidade de Santos. O artista concluiu a faculdade de Publicidade e, alguns anos depois, migrou para animação. Trabalhou em “Uma História de Amor e Fúria”, além de diversos comerciais e para a Folha de São Paulo. É autor e roteirista de quadrinhos como “Quadrinhos A2”, e “Penadinho – Vida”, com Cristina Eiko. Entre seus trabalhos solos, para os quais atuou como desenhista e roteirista, estão “Gnut”, hq experimental para a web e impressa, “Cambria/Terreno/.exe”, “Um Longo Vestido/Sem Mim”, “Kettling! Firehose! Schadenfreude!”, uma gama de zines experimentais entre 2017 e 2018, e “Ruído”, da coleção Ugritos, de 2018.

O casal se conheceu em 2005, enquanto trabalhavam no longa-metragem de animação “Asterix e os Vikings”. Ambos já faziam quadrinhos informalmente em seus cadernos de rascunhos, com pequenos registros do dia a dia. Após a FIQ de 2009, decidiram que fariam quadrinhos juntos. Em 2010, começaram a desenhar “Quadrinhos A2”, publicações que tiveram duas edições impressas com compilações de suas HQS autobiográficas. A obra arrebatou o 25º Troféu HQ Mix na categoria “Melhor publicação independente de autor”.

Para conhecer a lista completa de artistas acesse: https://www.ccxp.com.br/artists-alley.

Ingressos CCXP  

3º lote – de 1º de agosto até 4 de dezembro  

Quinta-feira: R$ 240,00 (inteira), R$ 120,00 (meia) e R$ 140,00 (ingresso social). 
Sexta-feira: (ESGOTADO)
Sábado: (ESGOTADO)
Domingo: R$ 440,00 (inteira), R$ 220,00 (meia) e R$ 240,00 (ingresso social). 
4 dias: (ESGOTADO)
Epic: (ESGOTADO)
Full: (ESGOTADO)
Unlock (evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento): R$ 2.000,00 

CCXP19 
Datas: de 5 a 8 de dezembro de 2019  
Local: São Paulo Expo (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, Água Funda, São Paulo – SP) 

Lançamento Pixel: HQ “Aladdin”

Personagens da Disney ganham HQ com ilustrações revigoradas

Na cidade de Agrabah, Aladdin, um garoto de rua, apaixona-se por Jasmine, a princesa do reino. Ele sabe que a amada está fora do seu alcance, já que só pode se casar com outro membro da realeza. Tudo muda, entretanto, quando Aladdin encontra uma antiga lâmpada na Caverna das Maravilhas e vê sair de lá um gênio mágico, que lhe promete realizar três desejos.

(Foto: Divulgação)

Agora, Aladdin pode se tornar um príncipe e conquistar o coração da jovem por quem está enamorado. Mas o que ele não sabe é que o vizir real planeja usar a lâmpada para governar a cidade e está disposto a fazer todo tipo de trapaça para alcançar seu objetivo.

20% de cashback com AME em livros




Parte da milenar coletânea As mil e uma noites, a história de Aladdin foi transformada, nos anos 1990, em uma popular animação dos estúdios Disney. Em 2019, a trama ganha, pela Pixel, uma versão em quadrinhos supercolorida, com ilustrações modernas e revigoradas. A HQ Aladdin chega às livrarias logo depois de uma adaptação em live-action da narrativa fazer sucesso nas telonas.

Clássicos da Turma da Mônica agora estão disponíveis em versão digital no Social Comics, a partir da nº 1

Iniciativa faz parte das comemorações dos 60 anos do Estúdio e da carreira do quadrinista Maurício de Sousa

Social Comics, plataforma online para leitura de quadrinhos em versão digital, inicia em julho a publicação das revistas clássicas da Turma da Mônica, desde a número um. Originalmente publicadas em “formatinho” pela Editora Abril, a partir dos anos 1970, os quadrinhos entram semanalmente na plataforma, sempre com duas edições. Os primeiros números já estão disponíveis.

A Turma da Mônica está presente no Social Comics. (Foto: Divulgação)

A Turma da Mônica surgiu nas tirinhas de jornal, sendo a primeira dela a aparição dos personagens Bidu e Franjinha, em 18 de julho de 1959, no jornal Folha de São Paulo. Depois vieram CebolinhaCascão, além da Mônica, que surgiu na tirinha do Cebolinha em 1963, além de Magali, Astronauta, Horácio e tantos outros, que depois migraram para as revistas em quadrinhos publicadas pelas editoras Abril e Globo, e atualmente pela editora Panini, e que fizeram tanto sucesso desde o surgimento até os dias de hoje. A partir de agora todo esse acervo começa a ser digitalizado e poderá ser acessado online, de qualquer lugar, por meio do serviço de streaming. A iniciativa faz parte da celebração dos 60 anos de carreira da quadrinista Maurício de Sousa, e que é um marco histórico e importantíssimo para o quadrinho nacional e mundial.

Os quadrinhos mais tradicionais da Turminha já podem ser encontrados na plataforma desde 2016, mas novos conteúdos do MSP serão anunciados em breve. Recentemente foi disponibilizado gratuitamente o nº Zero da Turma da Mônica Geração 12, último lançamento em parceria com a Editora Panini, e que também foi destaque da última edição do festival Anime Friends.

O Social Comics é um serviço de streaming de conteúdo em quadrinhos com um conceito similar à Netflix, que disponibiliza toda semana novas histórias em quadrinhos, sendo inclusive possível baixar para leitura offline. É a maior plataforma do gênero na América Latina e possui quadrinhos para todas as idades disponíveis em seu catálogo. A Plataforma está na versão 3.0 e conta com muitas inovações na experiência do usuário, além da opção de criar uma conta grátis que dá acesso a navegação pela plataforma e a leitura de várias edições, além de novos e diversificados planos de assinatura, com condições especiais para usuários da operadora de telefonia celular Claro, além do perfil Kids, com acesso conforme a faixa etária.

O acervo da plataforma é composto por títulos produzidos por autores independentes, grandes desenvolvedores de conteúdo e também das maiores editoras do Brasil, com títulos como os da Turma da Mônica, Disney/Pixar, Umbrella Academy, Valiant, Transformers, Estranhos no Paraíso, 10 Pãezinhos, entre muitos outros. O valor das assinaturas é a partir de R$ 12,99 e R$ 4,99 (mensal e semanal, respectivamente, para clientes Claro). Para assinar, o cliente Claro deve enviar um SMS com a palavra ATIVE para 3001 e baixar o App Social Comics no Google Play ou na Apple Store. É possível também fazer outros planos de assinatura, com várias opções (como Família, Premium e outros).

Para saber mais, acesse o site oficial e baixe o aplicativo Social Comics: Google Play / Apple Store