Arquivo da tag: Isolamento Social

Do palco às telonas: Daniel Boaventura dá dicas de 5 musicais para assistir em casa

Referência da arte no Brasil, o cantor e ator revisita sua trajetória e elege os preferidos para curtir na quarentena

A união entre músicas emblemáticas e atuações brilhantes não é apenas a fórmula de sucesso para os teatros musicais, é também a especialidade do cantor e ator Daniel Boaventura, referência desta arte no Brasil. Com quase 30 anos de carreira na atuação, o artista domina os palcos e já passou por grandes montagens ao longo da trajetória, desde os maiores clássicos até adaptações inéditas e outras que lhe renderam prêmios na categoria. Enquanto não é possível assistir presencialmente, o especialista no assunto dá dicas de 5 filmes musicais para maratonar e curtir em casa. 

1 – La La Land (2016)

(Foto: divulgação)

Indicado para 14 categorias do Oscar em 2017, vencendo seis delas, a obra de Damien Chazelle traz a história apaixonante de um pianista de jazz e uma aspirante a atriz que vivem o amor na cidade de Los Angeles. O roteiro e direção de Chazelle com a trilha sonora de Justin Hurwitz e as atuações dos protagonistas Emma Stone e Ryan Gosling renderam não só as premiações mais importantes do gênero, como também o recorde de conquistas. Disponível na plataforma Netflix.

2 – Chicago (2002)

(Foto: divulgação)

Um brilhante caso de clássico nos palcos e sucesso nas telonas. O filme é considerado um dos maiores musicais do cinema norte-americano, segundo o American Film Institute. Vencedor de seis prêmios do Oscar, o longa tem a direção assinada por Rob Marshall, com roteiro de Bill Condon e os lendários Renée Zellweger, Catherine Zeta-Jones, Queen Latifah e Richard Gere no elenco. O enredo explora o status de fama instantânea na cidade de Chicago da década de 1920, embalado por uma trilha sonora de tirar o fôlego. Disponível pelo Google Play e YouTube Films.

3 – West Side Story / Amor, sublime amor (1961)

(Foto: divulgação)

Sucesso na Broadway e grande vencedor de prêmios do cinema, o longa, assim como a montagem, é uma adaptação livre de Romeu e Julieta, de William Shakespeare. Aclamado pela crítica e pelo público, o filme é o musical mais premiado da história do cinema, com 10 Oscars, 3 Globos de Ouro e 2 Grammys. A trama é ambientada na Zona Oeste de Nova Iorque e mostra o amor proibido entre Tony, antigo líder da gangue Jets, e María, irmã do líder da gangue rival, os Sharks.

4 – Os Miseráveis (2012)

(Foto divulgação)

Neste drama musical, baseado no romance homônimo de Victor Hugo, a história se passa durante a Revolução de Julho, no século 19, entre as batalhas de Waterloo e a insurreição republicana de junho de 1832. Repleto de sensibilidade, intrigas e dramas, o filme é um dos dos musicais mais aclamados da crítica na década e foi indicado a oito categorias do Oscar de 2013. No elenco estão grandes nomes como, Hugh Jackman, Anne Hathaway, Amanda Seyfried e Russell Crowe.

5 – O Rei do Show (2017)

(Foto: divugação)

Considerado o terceiro filme musical mais lucrativo da história do cinema, o drama biográfico traz a história da criação do circo Barnum & Bailey Circus e as vidas dos seus artistas. A trilha sonora da obra ganhou destaque na crítica e foi vencedora de um Globo de Ouro de Melhor Canção Original, além da indicação ao Oscar, além das atuações e performances dos protagonistas Hugh Jackman, Zac Efron, Michelle Williams, Rebecca Ferguson e Zendaya terem sido bastante aclamadas pelo público.

“Carenteners”, nova série original da Warner Channel, estreia dia 30 de junho

Pela primeira vez o canal exibe uma produção brasileira totalmente gravada durante o isolamento social

‘Carenteners’ estreia dia 30, na Warner. (Foto: Divulgação)

Imagine conhecer o amor da sua vida uma noite antes do planeta mudar completamente? Esse é o conceito de “Carenteners”, nova série da Warner Channel coproduzida em parceria com a produtora Huuro Entretenimento e totalmente realizada durante o isolamento social.

Com estreia marcada para o dia 30 de junho e exibições todas as terças e quintas, às 21h40, o enredo envolve o casal Cecília e Marcos, que se apaixona antes da quarentena e precisa se adaptar aos novos tempos para manter o relacionamento enquanto lidam com seus próprios problemas, como trabalho, convivências familiares e amizades.

O projeto inovador consiste em uma série filmada à distância sob direção remota e com os próprios atores operando câmeras, celulares e computadores enquanto interpretam seus personagens. O resultado deste trabalho será dividido em 10 episódios de cinco minutos cada, que serão exibidos na Warner Channel, em horário nobre, após The Big Bang Theory, e disponibilizados no Youtube do canal.

Os desafios de criar, desenvolver e realizar esse trabalho durante o isolamento social foram grandes, mas para Silvia Fu Elias, diretora de Conteúdo da Warner Channel, foi uma motivação a mais: “Ter um conteúdo de ficção, feito dentro de todos os protocolos de segurança e com humor nos pareceu o desafio perfeito para esse momento de quarentena“, explica.

A série foi criada e produzida por Aline Diniz, apresentadora do canal TNT e sócia da produtora criativa Huuro Entretenimento, que entende tudo do assunto depois de anos cobrindo entretenimento: “Sempre estive do outro lado da tela e acompanhar o desenvolvimento de um projeto como esse tem sido uma delícia e incrivelmente emotivo”.

Aline divide a produção com Érico Borgo, conhecido como uma das principais vozes da cultura geek/nerd do país e sócio da produtora. Eles já trabalharam juntos por quase 10 anos no portal Omelete e, mais recentemente, na CCXP. “Estou muito feliz que o primeiro projeto da Huuro, nossa nova empresa, seja ao lado da Turner e algo tão diferente e criativamente desafiador”, conta Érico.

O elenco composto por jovens talentos também se adaptou ao novo ambiente de trabalho remoto e aos desafios que traz esse formato de filmagem.

Para Ana Tardivo, que interpreta a protagonista Cecília, realizar algo tão inédito é transformador: ”intenso e transformador em muitos sentidos. Vejo uma possibilidade de criar e executar um conteúdo artístico inovador, tanto na forma, quanto na realização. Está sendo um desafio diário e constante compreender os mecanismos e dinâmicas dessa nova forma de produzir conteúdo audiovisual. Nunca tinha pensado que algo assim pudesse ser realizado. Uma grande honra estar fazendo parte deste projeto”.

Para Mateus Sousa, que vive o protagonista Marcos, o maior desafio é ressignificar formas de contar histórias. “Carenteners é diferente de tudo que já fiz. É um privilégio trabalhar dentro de casa, mas ao mesmo tempo desafiador ajudar a desenvolver e executar outras áreas da produção de conteúdo que vão além da atuação, como a autogravação, maquiagem, figurino, iluminação, cenário. Tudo isso com orientação remota dos profissionais de cada área”.

Carenteners vai ao ar às terças e quintas, às 21h40, logo após The Big Bang Theory, a partir de 30 de junho na tela da Warner Channel.

Sinopse:

Cecília e Marcos tiveram um encontro às cegas, marcado por amigos em comum e a química foi instantânea. Combinaram de sair de novo assim que possível, mas o isolamento social atrapalhou os planos bem quando estavam começando se conhecer melhor. Mas o casal não se dá por vencido e tenta manter a chama do relacionamento acesa com encontros virtuais. Amar, trabalhar, surtar. Em meio à pandemia global, a vida acontece na frente de uma tela de computador. Mas quem imaginou que seria necessário namorar à distância morando na mesma cidade? Cecília e Marcos se apaixonaram uma semana antes da quarentena começar, quando o apocalipse parecia longe demais para ser verdade. Em um piscar de olhos, tudo mudou. Ela se viu presa na casa da mãe controladora de novo e ele tendo que fechar o seu recém-inaugurado botecão e cheio de boletos pra pagar. Mas é em meio a flertes virtuais, chamadas travadas e surtos coletivos que Cecília e Marcos vão encontrar o amor em plena quarentena – por mais que a vontade de se ver os deixe à beira de um ataque de nervos.

J.K Rowling lança nova história original com capítulos disponíveis online e gratuitamente para crianças em isolamento social

(Foto: Site The Ickabog)

J.K. Rowling anunciou na última terça-feira, 26 de maio, em seu site (www.jkrowling.com) e nas suas redes sociais a publicação online e gratuita de O Ickabog, obra escrita há mais de dez anos como uma história de ninar para seus filhos mais novos. Rowling decidiu compartilhar a história favorita de sua família para ajudar a entreter crianças, pais e cuidadores confinados em casa durante o isolamento social provocado pelo Coronavírus.

A história foi lançada às 11h (no horário de Brasília) e dois dos primeiros capítulos já foram publicados no site www.theickabog.com. Serão 34 capítulos no total, publicados todos os dias úteis da semana até 10 de julho. Escrito para ser lido em voz alta, O Ickabog é um conto de fadas ambientado em uma terra imaginária. É uma história independente, não relacionada a qualquer outra obra de J.K Rowling e vai agradar crianças e jovens, assim como toda a família. A história será traduzida para outros idiomas e disponibilizada no site logo após a estreia da versão em Inglês.

Em novembro de 2020, O Ickabog será publicado nas versões impressa, e-book e audiolivro. J.K. Rowling irá ceder os royalties das vendas do livro a projetos e organizações que ajudam os grupos mais afetados pela COVID-19 – mais detalhes serão anunciados posteriormente.

Para que as crianças se envolvam enquanto a história se desenrola, J.K. Rowling convida pequenos e jovens artistas a ilustrar o enredo e seus vívidos personagens. Os pais e responsáveis são convidados a submeter as artes de seus filhos em uma competição oficial de ilustrações realizada pelas editoras que publicam J.K Rowling em todo o mundo. Os desenhos escolhidos em cada país irão ilustrar o livro publicado em seus territórios. A competição tem lançamento hoje no Reino Unido, Irlanda, Austrália, Nova Zelândia, Índia, EUA e Canadá e, em breve, será lançada nos demais países, em uma colaboração verdadeiramente internacional entre a autora e jovens artistas de todo o mundo. J.K. Rowling não fará parte do processo de seleção, mas fará sugestões de cenas e personagens a serem desenhados diariamente durante a publicação dos capítulos online.

Usando a hashtag #TheIckabog, as crianças (ou pais/responsáveis no caso das crianças menores de 13 anos) são incentivadas a postar pinturas e desenhos nas redes sociais. J.K. Rowling poderá aparecer no Twitter ocasionalmente para comentar algumas de suas ilustrações favoritas. Uma seleção de imagens também será publicada em uma galeria no site de O Ickabog.

Mais informações sobre a história, seus capítulos e links para as competições de ilustração podem ser encontradas em www.theickabog.com.

J.K. Rowling apresenta sua história em www.jkrowling.com/j-k-rowling-introduces-the-ickabog/

“A ideia para O Ickabog me ocorreu enquanto eu ainda escrevia Harry Potter. Escrevi a maior parte do primeiro rascunho entre meus intervalos nos livros da série com a intenção de publicá-lo depois de Harry Potter e as Relíquias da Morte.

No entanto, após o último livro de Potter, eu quis fazer uma pausa nas publicações, o que acabou durando cinco anos. Naquela época, escrevi Morte Súbita, sob o pseudônimo de Robert Galbraith, escrevi O Chamado do Cuco (The Cuckoo’s Calling). Depois de um pouco de hesitação (e também após o meu paciente agente registrar The Ickabog – desculpe, Neil), decidi que queria me afastar dos livros infantis por um tempo. Foi assim que o primeiro rascunho de O Ickabog subiu para o sótão, onde permaneceu por quase uma década. Com o tempo, passei a pensar nele como uma história que pertencia aos meus dois filhos mais novos, porque eu lia para eles à noite quando eram pequenos, o que sempre foi uma lembrança feliz da família.

Algumas semanas atrás, durante o jantar, considerei timidamente a ideia de tirar O Ickabog do sótão e publicá-lo gratuitamente para crianças em isolamento social. Meus filhos, agora adolescentes, ficaram emocionados e entusiasmados com a ideia. Então a caixa empoeirada com os rascunhos desceu as escadas e, nas últimas semanas, estive imersa em um mundo fictício que nunca imaginei visitar novamente. Enquanto trabalhava para terminar o livro, comecei a reler os capítulos todas as noites para a família. Essa foi uma das experiências mais extraordinárias da minha vida de escritora, pois os dois primeiros leitores do Ickabog me contaram do que se lembravam quando eram pequenos e exigiram a reposição das partes que mais gostavam (e eu obedeci).

Acho que O Ickabog funciona como série porque foi escrito como um livro para ser lido em voz alta (talvez tenha sido moldado inconscientemente pelo modo como o li para meus próprios filhos), mas é adequado para que crianças de 7 a 9 anos leiam sozinhas.

Postarei um capítulo (ou dois ou três) todos os dias úteis entre 26 de maio e 10 de julho no site do Ickabog. Planejamos publicar algumas traduções em breve, inclusive em português, e divulgaremos mais detalhes no site quando estiverem disponíveis.

O Ickabog é uma história sobre a verdade e o abuso de poder. E para evitar uma pergunta óbvia: a ideia me surgiu há mais de uma década, por isso não tem a pretensão de ser lida como uma resposta a qualquer coisa que esteja acontecendo no mundo neste momento. Os temas são atemporais e podem se aplicar a qualquer época ou país.

Ao decidir publicar, pensei em como seria maravilhoso se as crianças confinadas ou que precisassem de distração durante este tempo estranho e difícil que estamos vivendo ilustrassem a história para mim. Haverá sugestões sobre as ilustrações que precisamos para cada capítulo no site do Ickabog, mas ninguém deve se sentir limitado por essas ideias. Eu quero ver a imaginação correr solta! Criatividade, inventividade e empenho são as coisas mais importantes: não estamos necessariamente procurando a habilidade mais técnica!

Em novembro de 2020, O Ickabog será publicado em inglês nos formatos impresso, e-book e audiolivro, seguido pelas edições em outros idiomas. Os melhores desenhos de cada território serão incluídos nos livros publicados em seus respectivos países. Como os editores de cada local precisarão decidir quais imagens funcionam melhor para suas próprias edições, não julgarei pessoalmente as ilustrações. No entanto, se pais e responsáveis postarem o desenho de seus filhos no Twitter usando a hashtag #TheIckabog, poderei compartilhar e comentar! Para saber mais sobre o concurso de ilustrações, acesse o site The Ickabog quando for lançado em seu território.

Prometo ceder todos os direitos autorais de O Ickabog, quando publicado, para ajudar grupos particularmente afetados pela pandemia da Covid-19. Mais detalhes estarão disponíveis no final do ano.”

Galaxy A: produza conteúdos incríveis para as redes sociais sem sair de casa

Samsung lista recursos e dicas para aproveitar ao máximo as câmeras dos smartphones da linha Galaxy A para registrar fotos e vídeos em casa

(Foto: Divulgação / Imagem meramente ilustrativa)

Em um cenário em que muitas pessoas estão sem sair de casa, as redes sociais têm sido um dos principais meios para manter a interação com familiares e amigos, seja com a postagem de fotos, vídeos ou realização de lives. Pensando nisso, a Samsung elaborou uma lista com recursos e dicas para você produzir conteúdos incríveis com os smartphones Galaxy A51, Galaxy A71 e Galaxy A01 mesmo sem sair de casa.

  • Utilize o sensor principal para fotos e vídeos em alta resolução

Os dispositivos da linha Galaxy A foram desenvolvidos com foco em uma geração que enxerga o smartphone como um instrumento fundamental para criar conteúdo, capturar momentos e compartilhá-los com o mundo. Neste contexto, o sensor principal do conjunto de câmeras é um fator essencial para garantir imagens em alta resolução, ainda mais aquelas que serão postadas nas redes sociais. O Galaxy A71 tem sensor principal de 64 MP, o Galaxy A51 de 48 MP e o Galaxy A01 de 13 MP, com todos eles sendo capazes de garantir fotos e vídeos com qualidade.

  • O cenário em casa não está tão bonito? Foque apenas no que está em primeiro plano

Em casa, não encontramos cenários tão bonitos para fotos quanto praias, regiões montanhosas, parques ou até mesmo restaurantes. Com isto, é comum não querer destacar o que está em segundo plano na foto, e sim o próprio rosto. Com os recursos de efeitos bookeh existentes no Galaxy A51, Galaxy A71 e Galaxy A01, o usuário pode acionar a opção de Foco Dinâmico, desfocando o fundo e evidenciando o que está em primeiro plano na imagem.

  • Capture todos os mínimos detalhes com a câmera macro

Muitas pessoas estão aproveitando este período em casa para organizar itens, desde armários, gavetas ou pastas com arquivos. Ao encontrar um objeto antigo, que já estava esquecido, decide tirar uma foto e compartilhar nas redes sociais. E, frequentemente, o principal elemento da imagem está em um detalhe. Uma palavra em um bilhete antigo, um botão da roupa, um brinquedo ou algum outro item bem reduzido.

Para não deixar escapar nenhum detalhe, o ideal é utilizar a lente macro¹ de 5 MP presente no Galaxy A51 e Galaxy A71. Assim, é possível capturar closes de objetos a 4 cm da câmera, registrando seus mínimos detalhes

  • Dance, pule e se movimente à vontade: superestabilizador para vídeos suaves

Os vídeos curtos, seja com uma pessoa cantando, dançando ou pulando, estão cada vez mais em alta nas redes sociais. Por isso, é fundamental ter disponível um smartphone que proporcione imagens de alta qualidade até mesmo nos momentos de empolgação. O Galaxy A51 e o Galaxy A71 contam com o recurso superestabilizador, que utiliza Inteligência Artificial para minimizar tremores e gerar imagens super suaves.

  • Interaja com os filtros disponíveis no Instagram

Para quem busca alternativas para interagir de maneira divertida com seus seguidores no Instagram, a Samsung disponibilizou cinco filtros no Instagram Stories: quiz absurdo, esquilo absurdo, olho absurdo, cara que derrete e tela infinita. O “quiz absurdo” faz diversas perguntas para interação do usuário, como “série absurdamente viciante?”, “@ absurdamente confiável?”, “mico mais absurdo que já pagou?”, “show mais absurdo que foi?” e “crush absurdamente forte?”. Os outros quatro fazem uma brincadeira com o rosto.

* Todas as funcionalidades, recursos, especificações e outras informações do produto fornecidas neste documento, incluindo, entre outros, benefícios, design, preço, componentes, desempenho, disponibilidade e capacidades do produto, estão sujeitos a mudanças sem aviso prévio.

¹ A ferramenta Macro câmera é somente suportada pela câmera traseira.

6 ferramentas tecnológicas para facilitar sua vida durante a quarentena

Focadas em soluções para o dia a dia, diversas empresas atuam em todo Brasil com serviços de excelência em várias áreas

Com novidades tecnológicas “pipocando” diariamente, fica um pouco mais fácil superar a quarentena voluntária ou obrigatória no Brasil. Não faz mais sentido algum viver sem a comodidade e a segurança propostas por ferramentas que surgiram para facilitar o nosso dia a dia. São inúmeras opções que englobam os mais variados segmentos do mercado, do tradicional delivery de comida até o agendamento de consultas médicas, aulas de empreendedorismo, cursos de idiomas e visitas de profissionais para serviços domésticos. 

Você é adepto aos aplicativos e demais ferramentas tecnológicas? Ficou curioso para conhecer novas possibilidades que podem tornar sua quarentena mais leve? Listamos algumas ferramentas, disponíveis em todo Brasil, que irão mudar a sua vida.

Docway (www.docway.com.br): pmrincipal aplicativo médico do Brasil, a Docway surgiu em 2015 com o objetivo de facilitar a vida de quem precisa de atendimento médico humanizado, levando o médico até o paciente por meio da tecnologia. Hoje, conta com mais de 55.000 usuários, está presente em mais de 340 cidades, entre elas todas capitais do país. Graças ao projeto inovador, hoje é possível chamar o médico para uma visita onde quer que o paciente esteja, facilitando o dia a dia de quem precisa de cuidados médicos com um atendimento exclusivo e diferenciado. Além disso, nos últimos meses, em parceria com as principais operadoras de saúde do Brasil, a Docway passou a oferecer soluções em telemedicina focadas na Covid-19.

(Foto: Divulgação)

Juno (www.juno.com.br): Depois de abandonar o nome BoletoBancário.com e apostar em diversas outras soluções para facilitar pagamentos, reduzir a burocracia e democratizar serviços financeiros, a fintech curitibana Juno acaba de se tornar uma instituição de pagamentos autorizada pelo Banco Central (BC), entrando no seleto grupo de 20 companhias do país que contam com essa chancela. A empresa é uma solução completa para a emissão de cobranças e recebimento de pagamentos para MEIs, e-commerces, marketplaces, empresas de qualquer tamanho e, também, para pessoas físicas. A Juno surgiu para desmistificar os serviços financeiros e não deixar que boas ideias sejam travadas pela papelada. Ou seja, tem por objetivo fazer com que todo empreendedor possa crescer e transformar o mundo da sua maneira, dando para cada negócio as ferramentas necessárias para que eles elevem o seu potencial ao máximo. 

(Foto: Divulgação)

HealthYou (www.healthyou.com.br/covid): Desde o início da pandemia da COVID-19, o mundo tem procurado incansavelmente formas de tratamentos e atendimentos eficazes para a população, especialmente para os grupos prioritários. Com o número de testes disponíveis reduzidos no Brasil, o temor pela identificação da doença tem atingido inúmeras pessoas. Pensando nisso, a HealthYou, startup focada na eficiência de dados de saúde, acaba de lançar um serviço gratuito capaz de realizar a triagem e a identificação de grupos de riscos. Em caso de criticidade, a plataforma direciona o usuário para o teleatendimento 24h e, posteriormente, para unidades de saúde indicadas por geolocalização.

(Foto: Divulgação)

Jaworski Consultoria Empresarial (www.jaworskiconsultoria.com.br): motivado pela crise gerada pelo novo coronavírus no Brasil, o consultor Milton Rui Jaworski acaba de lançar um novo produto para ajudar empresas brasileiras que estão sofrendo com os efeitos da pandemia: uma consultoria online com valores extremamente acessíveis. Quanto a sua empresa gerou de lucro no mês passado? Você conhece o ponto de equilíbrio da sua empresa? São essas algumas das questões que o novo serviço pretende responder. A partir das informações fornecidas pelo cliente, o consultor faz uma análise detalhada que se estende a todos os setores da empresa. Em seguida, é realizada uma reunião oficial por meio de plataformas online de chamadas de vídeo para explicar o documento, passar orientações e responder dúvidas.

(Foto: Divulgação)

Kultivi (www.kultivi.com): em tempos de isolamento social, que tal aproveitar o tempo livre para estudar e tornar o período de reclusão mais proveitoso? A startup Kultivi, uma plataforma gratuita de ensino, conta com mais de 80 cursos em diferentes áreas, como idiomas, empreendedorismo, medicina e voltados ao Enem e à OAB. Grande destaque da plataforma, o curso de inglês, por exemplo, oferece cerca de 220 aulas, além de materiais especiais de apoio. Todas as aulas disponíveis na plataforma da Kultivi são desenvolvidas por especialistas renomados em cada segmento e integralmente gratuitas para o usuário.

(Foto: Divulgação)

Rappi (www.rappi.com.br): Comida, livros, temperos, remédios, roupas, perfumes, ração para cachorro e bebidas. Esses são só alguns itens que você pode comprar via Rappi, aplicativo que permite que o usuário compre qualquer coisa e receba em casa, após poucos minutos. Basta escolher o local, o produto e pedir. Após o pedido finalizado, um entregador da plataforma vai até a loja, realiza a compra e entrega onde o usuário solicitar.  

(Foto: Divulgação)

Psicóloga lança livro e leitores têm acesso ao livro gratuitamente durante o isolamento social

Lúcia Moyses lança sétimo livro da coleção DeZequilíbrios. (Foto: Divulgação)

Lucia Moyses, psicóloga e neuropsicóloga paulistana lança “A Outra”, o sétimo livro da coleção DeZequlíbrios – composta por 10 livros independentes entre si que explora a mente humana e os relacionamentos pessoais. Durante o isolamento social, os amantes da literatura podem conferir a obra gratuitamente no www.luciamoyses.com.br na aba notícias.

A mulher abriu a porta e o homem entrou, com um ramalhete de flores na mão. O que parecia ser apenas um gesto romântico se transformou em violência e morte. O que realmente aconteceu naquele dia? O que deu errado naquele encontro? O sétimo livro da coleção DeZequilíbrios conta a história de Amanda, uma linda mulher com o rosto de anjo. Seria ela uma vítima acusada injustamente ou uma assassina fria e cruel? Enquanto enfrenta este novo desafio, a doutora Renata precisa lidar com um favor que deu errado.

A cada volume a autora aborda um drama diferente que envolve um distúrbio psiquiátrico, tendo como elo o entrelaçamento da vida da personagem principal. A partir de uma história, Lucia usa o recurso temporal de flashback ou entrecruzamento de tempos para narrar as histórias que têm por objetivo desenhar um rosto, uma fisionomia para situações de limites psicológicos presentes na condição, questionando pressupostos e esclarecendo-os, para desvincular as doenças de estigmas e preconceitos.

Transtornos como síndrome do pânico, depressão, TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) e anorexia passam a ser levados a partir da empatia e do prazer pela leitura, com os dramas, as vivências, as alegrias e os infortúnios da vida das personagens no cotidiano, até a irrupção de experiências psíquicas em seus limites.

“Os livros da coleção DeZequilíbrios misturam ficção e suspense tendo como pano de fundo, transtornos psiquiátricos que podem ser desconhecidos ou estigmatizados pela sociedade, derrubando mitos e entretendo o leitor com uma leitura leve, porém, nem por isso superficial. A intenção é que se aprenda um pouco sobre psicologia ao mesmo tempo, em que se envolve com as tramas dos personagens”, explica a escritora.

A magia de Hogwarts e de Harry Potter chegou ao Spotify!

Em parceria com J.K Rowling a plataforma lança podcasts exclusivos sobre o personagem

Spotify lança conteúdos especiais de Harry Potter. (Foto: Divulgação)

Wizarding World e J.K. Rowling anunciaram um lançamento: Harry Potter At Home (Harry Potter em Casa, em inglês), uma coleção de iniciativas gratuitas projetadas para ajudar a trazer a magia de Harry Potter e Hogwarts para crianças, pais e cuidadores em isolamento social. A iniciativa trará podcasts semanais do primeiro livro de Harry Potter, Harry Potter e a Pedra Filosofal, para harrypotterathome.com, Spotify e SpotifKids.

Os fãs do bruxo mais famoso do cinema e dos livros, sejam crianças ou adultos, podem esperar um elenco estelar e eclético de narradores e algumas participações especiais nesses podcasts. A partir de hoje, os 17 capítulos do livro serão lançados a cada semana até o final de junho.

Assim como neste vídeo, alguns dos nomes mais amados do entretenimento global, música, esporte e do Mundo Mágico deram sua voz à história que amam. O primeiro capítulo, “O garoto que viveu”, será narrado pelo próprio Harry Potter, o ator Daniel Radcliffe.

Toda semana, estrelas como David BeckhamStephen FryDakota FanningClaudia Kim, Eddie RedmayneNoma Dumezweni entre outros, vão ler partes deste livro icônico, com os temas de família, amizade, bravura e superação de adversidades, com o objetivo de surpreender e encantar fãs ao redor do mundo.

Os capítulos em áudio estarão disponíveis exclusivamente no Spotify, para usuários Free e Premium, e no novo aplicativo Spotify Kids, disponível exclusivamente para assinantes do plano Premium Familiar em mercados selecionados. Os vídeos dessas gravações serão exibidos exclusivamente no HarrPotteAHome.

Daniel, Edson & Hudson, Marília Mendonça, Ara Ketu, Dilsinho, Péricles, Roberta Miranda, Dennis DJ e Anitta são algumas das lives dessa semana

(Fotos: Instagram)

Por Rodrigo Bocatti

Todos sabemos que o mundo está passando por um momento difícil, devido a disseminação do coronavírus. Para vencermos o vírus, o isolamento social é necessário. E para divertir e entreter as pessoas, diversos artistas estão fazendo lives. Nesta semana, teremos diversos nomes cantando, entre os principais estão Daniel, Edson & Hudson, Marília Mendonça, Ara Ketu, Dilsinho, Péricles, Roberta Miranda, Dennis DJ e Anitta, além claro de outros artistas. Lembre-se, todos os shows serão nos canais oficiais dos artistas, então não assistam em outros alternativos. 

Segunda-feira (04/05):

André Mehmari – 19h

Dilsinho – 19h30

Ministério Pedras Vivas – 20h

Terça-feira (05/05):

Anelis Assumpção – 19h

Hugo Pena – 20h

Infuria – 20h

Quarta-feira (06/05):

Hungria – 19h

Ayrton Montarroyos e Edmilson Capelupi – 19h

Conrado e Aleksandro – 21h

Quinta-feira (07/05):

Ara Ketu – 18h30

Céu – 19h

Péricles – 20h

Lucas Lucco – 20h

Sexta-feira (08/05):

Latino – 18h

Roberta Miranda – 19h

Lucas & Thiago – 19h

Mastruz com Leite – 20h

Lauana Prado – 22h45

Sábado (09/05):

Marília Mendonça – a confirmar

Dennis DJ – 16h

Domingo (10/05):

Dorgival Dantas – a confirmar

Michel Teló – 13h

Edson & Hudson – 14h

Daniel – 15h

Bom Gosto – 16h

Anitta – 16h30

Leonardo e Zé Felipe – 17h

João Neto e Frederico – 18h

Latino vai fazer live em apê virtual e público poderá conhecer

(Foto: Divulgação)

Latino está mudando para a web! Festa no apê é o novo espaço digital do cantor e marca a entrada do hitmaker no mundo das transmissões ao vivo.

A data está marcada para a próxima sexta-feira, 8 de maio, às 19h. O público poderá acessar a live e também um esquenta, à partir das 18h, pelo site oficial do Latino ou diretamente pelo canal do Youtube do cantor.

Além do show online, a Festa no Apê do Latino terá o objetivo de arrecadar doações para o movimento “Ajude 1 Freela”, campanha solidária que visa garantir a subsistência aos profissionais de eventos afetados pela crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus.

Para garantir uma experiência completa, o apê na web entra no ar alguns dias antes do show. Por lá será possível participar da escolha do setlist da festa.

Gusttavo Lima prepara repertório para live do dia 03

Cantor é presença confirmada na programação do “VillaMix em Casa”

Gusttavo Lima fará na live, agora pelo Villa Mix, no domingo. (Foto: Divulgação)

Primeira atração anunciada para a segunda edição do “VillaMix em Casa”, o cantor Gusttavo Lima está preparando um repertório especial para a live que acontecerá no próximo domingo (03/05). A transmissão será realizada pelo YouTube, aplicativo e rádio do VillaMix Festival e promete, mais uma vez, surpreender o público apresentando um formato inovador.

No setlist, o Embaixador contemplará canções como “Perrengue”, “Carreira Solo” e “A gente Fez Amor” (música mais tocada nas rádios há 12 semanas consecutivas), além de grandes sucessos da carreira. “Estou feliz demais por esse convite da família VillaMix e espero por todos vocês neste nosso novo encontro! Tenho certeza de que será uma experiência inesquecível”, comenta.

Vale destacar que esta é a única live com presença confirmada do artista e que, até o momento, não há nenhuma outra transmissão de show online sendo negociada ou em andamento.

Além de Gusttavo Lima, o “VillaMix em Casa” receberá também César Menotti & Fabiano, Matheus & Kauan e Leonardo. As arrecadações seguirão a todo vapor durante a transmissão dos shows que terá início às 16h. Na primeira edição do evento, foram arrecadados R$ 1.190.000 para o Hospital de Amor de Barretos, R$ 579.510 para a Instituição Amigos do Bem, 69 toneladas em alimentos, milhares de máscaras de EPI hospitalar, cestas básicas, álcool em gel e sabonetes.