Arquivo da tag: Leonardo DiCaprio

[Teaser Oficial e Primeiras Imagens] Leonardo DiCaprio e Jennifer Lawrence tentam salvar o mundo no teaser de Não Olhe para Cima

Estreia na Netflix: 24 de dezembro
Nos cinemas: 09 de dezembro
Direção: Adam McKay
Roteiro: Adam McKay
História: Adam Mckay & David Sirota
Produção: Adam McKay, p.g.a. & Kevin Messick, p.g.a.

Direção de Fotografia: Linus Sandgren, ASC, FSF
Designer de Produção: Clayton Hartley
Edição: Hank Corwin, ACE
Figurino: Susan Matheson
Trilha Sonora: Nicholas Britell

Elenco: Leonardo DiCaprio, Jennifer Lawrence, Rob Morgan, Jonah Hill, Mark Rylance, Tyler Perry, Timothée Chalamet, Ron Perlman, Ariana Grande, Scott Mescudi, Himesh Patel, Melanie Lynskey, Michael Chiklis, Tomer Sisley, Cate Blanchett e Meryl Streep
 

Sinopse: A estudante de astronomia Kate Dibiasky (Jennifer Lawrence) e seu professor, Dr. Randall Mindy (Leonardo DiCaprio), descobrem que um cometa está prestes a colidir com a Terra, mas ninguém parece se importar. Alertar a humanidade sobre o impacto fatídico da rocha do tamanho do Monte Everest não será nada fácil. Com a ajuda do Dr. Oglethorpe (Rob Morgan), eles embarcam em um tour midiático que vai do gabinete da indiferente presidente Orlean (Meryl Streep) e seu filho bajulador Jason (Jonah Hill) até as ondas de rádio do The Daily Rip, um programa matinal bem-humorado  apresentado por Brie (Cate Blanchett) e Jack (Tyler Perry). A apenas seis meses da colisão, chamar a atenção da mídia e de um público obcecado pelas redes sociais se mostra um desafio chocantemente cômico – o que será preciso fazer para o mundo apenas olhar para cima?

Não Olhe para Cima foi escrito e dirigido pelo ganhador do Oscar Adam McKay (A Grande Aposta) e tem um elenco estrelado que conta ainda com Mark Rylance, Ron Perlman, Timothée Chalamet, Ariana Grande, Scott Mescudi (mais conhecido como Kid Cudi), Himesh Patel, Melanie Lynskey, Michael Chiklis e Tomer Sisley.

STAR CHANNEL: “TITANIC” É DESTAQUE DESTE DOMINGO (22); CONFIRA CURIOSIDADES SOBRE O CLÁSSICO

(Foto: divulgação)

Neste domingo (22), a partir das 21h00, o premiado e clássico filme dos anos 90 “Titanic” será exibido no Star Cine Prime, no canal STAR Channel. Como destaque da programação, o filme conta a história de um artista pobre – Jack Dawson, interpretado por Leonardo DiCaprio – e da jovem rica Rose, interpretada por Kate Winslet, que se conhecem e se apaixonam na fatídica jornada do navio RMS Titanic, em 1912. Embora esteja noiva do arrogante herdeiro de uma siderúrgica, Cal Hockley (Billy Zane), a jovem desafia sua família e amigos em busca do verdadeiro amor.

A produção é uma história de ficção do naufrágio real do RMS Titanic, um navio de passageiros britânico operado pela White Star Line e construído pelos estaleiros da Harland and Wolff, em Belfast. O Titanic foi pensado para ser o navio mais luxuoso e mais seguro de sua época, gerando lendas que era supostamente “inafundável”. A embarcação partiu em sua viagem inaugural, do Reino Unido com destino ao Estados Unidos, em 10 de abril de 1912. Entretanto, às 23h40 de 14 de abril, colidiu com um iceberg, naufragando na madrugada do dia seguinte, com mais de 1.500 pessoas a bordo, tornando-se um dos maiores desastres marítimos em tempos de paz de toda a história.

Produzido em 1997, “Titanic” segue sendo um dos filmes mais famosos do mundo e há mais de 20 anos coleciona fãs. Além do mais, quem não se apaixonaria pelo inesquecível Jack e não gostaria de um amor que nem o dele e de Rose, não é mesmo? Confira agora curiosidades desse clássico que tanto amamos.  

1- O diretor James Cameron realizou 12 expedições e mergulhos aos destroços do verdadeiro Titanic, ficando mais tempo no navio do que os próprios passageiros da embarcação.

2- Cameron, além de dirigir, também editou, produziu e roteirizou o filme.

3- Por 12 anos, Titanic teve a maior bilheteria de todos os tempos, sendo destronado por Avatar (2009), também dirigido por James Cameron.

4- Titanic é um dos filmes que mais ganhou Oscars na história, empatando com Ben-Hur (1959) e O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei (2003), cada um deles com onze estatuetas.

5- Falando em Oscar, mesmo com tantas vitórias na premiação, o filme não levou nenhuma estatueta de atuação e DiCaprio sequer foi indicado, gerando certa polêmica.

6- Leonardo DiCaprio não era o favorito do estúdio para o papel de Jack. Eles queriam Matthew McConaughey, que chegou até a fazer testes de câmera com Kate Winslet. Atores como Tom Cruise, Brad Pitt, Christian Bale e Macaulay Culkin também participaram dos testes para o personagem.

7- Para Kate Winslet também não foi tão simples conseguir o papel de Rose. Ela precisou disputar com Madonna, Sharon Stone, Nicole Kidman, Gwyneth Paltrow, Winona Ryder e Uma Thurman. Winslet insistiu muito para ficar com o papel, a atriz até mandava flores para Cameron com recados assinados como sendo “da sua Rose”.

8- Kate decidiu fazer suas cenas na água sem roupa térmica, acreditando que tornaria sua performance mais real, resultando numa pneumonia na atriz.

9- Para tornar a história o mais real possível, Cameron decidiu fazer com que a cena do acidente durasse exatamente o mesmo tempo que a colisão do navio com o iceberg aconteceu de verdade: 37 segundos.

10- A icônica cena de Jack gritando “Eu sou o rei do mundo” foi totalmente improvisada por DiCaprio.

11- Cameron não é adepto de músicas temas em seus filmes, mesmo sabendo disso, o compositor da trilha do filme, James Horner, convidou o compositor Will Jennings e a cantora Céline Dion para produzirem “My Heart Will Go On”. Quando a música foi apresentada para o diretor, ele mudou de ideia e decidiu inclui-la no longa.

12- As cenas do navio afundando foram gravadas em uma tomada só, e foram utilizados mais de 120 mil litros de água.

13- Durante as gravações, boa parte da equipe da produção precisou ir para o hospital após uma sopa de frutos do mar ser adulterada com uma droga chamada PCP (pó e anjo) que causa alucinações. Muitos suspeitaram de se tratar de uma pegadinha, ou até mesmo uma sabotagem, mas até hoje nada foi confirmado. 

14- O famoso astrônomo americano Neil deGrasse Tyson mandou um e-mail para James Cameron, dizendo que, naquela época do ano e naquele ponto do Atlântico em 1912, quando Rose está deitada em um pedaço de madeira olhando para as estrelas, não são aquelas estrelas que ela deveria estar vendo. O diretor, então, desafiou Neil a mapear corretamente a posição das estrelas e, quando recebeu o material, Cameron refilmou a cena, inserindo as estrelas corretas na versão 3D do filme, lançada em 2012.

Oscar 2016: Spotlight é eleito melhor filme, Mad Max conquista 6 estatuetas!

Por Minha Série

Após uma temporada de muita indefinição na categoria melhor filme, Spotlight – Segredos Revelados foi consagrado no Oscar 2016, superando favoritos como O Regresso e A Grande Aposta. Além do prêmio de melhor filme, Spotlight levou também o Oscar de roteiro original.

Leonardo DiCaprio finalmente conquistou a cobiçada estatueta pelo seu trabalho em O Regresso. Em seu discurso de agradecimento, o ator lembrou cineastas que marcaram sua carreira e que o ajudaram em sua trajetória nos cinemas. O astro aproveitou ainda para falar sobre o aquecimento global e lembrou a dificuldade da equipe para encontrar locações com gelo.

Leonardo DiCaprio venceu o Oscar 2016 de melhor ator em "O Regresso". (Foto: Divulgação)
Leonardo DiCaprio venceu o Oscar 2016 de melhor ator em “O Regresso”. (Foto: Divulgação)

O flime O Regresso rendeu também prêmios ao diretor Alejandro G. Iñárritu (em sua segunda vitória consecutiva, seguindo a de Birdman do ano passado) e ao diretor de fotografia Emmanuel Lubezki (terceira vitória consecutiva, após Birdman e Gravidade).

Alicia Vikander confirmou o status como nova queridinha de Hollywood levando a estatueta de atriz coadjuvante pelo filme A Garota Dinamarquesa. Outra estrela em ascenção que conquistou o Oscar foi a atriz Brie Larson, vitoriosa por O Quarto de Jack.

Entre as surpresas da noite, Mark Rylance foi consagrado melhor ator coadjuvante por Ponte dos Espiões, vencendo o Rocky Balboa de Sylvester Stallone (do filme Creed: Nascido para Lutar), que era considerado o favorito para a premiação.

Mad Max: Estrada da Fúria dominou as categorias técnicas, com vitórias em edição, mixagem de som, edição de som, direção de arte, figurino e maquiagem. Ex-Machina: Instinto Artificialsurpreendeu ao conquistar o prêmio em efeitos visuais, ganhando de blockbusters que custaram muito mais para serem produzidos.

"Mad Max: Estrada da Fúria" foi o grande vencedor do Oscar 2016, com seis estatuetas. (Foto: Divulgação)
“Mad Max: Estrada da Fúria” foi o grande vencedor do Oscar 2016, com seis estatuetas. (Foto: Divulgação)

A canção “Til It Happens to You” (do documentário The Hunting Ground) teve uma apresentação emocionante da cantora Lady Gaga, que levou vítimas de crimes sexuais ao palco e, de quebra, encheu de lágrimas os olhos do público do teatro Dolby e dos espectadores em casa – mas perdeu o Oscar, em uma derrota desconcertante, para a música “Writing´s on the Wall” de 007 contra Spectre.

A polêmica do “Oscars So White” também marcou a edição. O mestre de cerimônia Chris Rock comentou, em seu monólogo de abertura e em diversas ocasiões ao longo da premiação, sobre a falta de indicados negros este ano, sugerindo a falta de oportunidades e a desigualdade racial em Hollywood. A presidente da Academia prometeu, em seu discurso, medidas para corrigir esse problema nos próximos anos da premiação.

Confira os indicados e os vencedores (em negrito) do Oscar 2016:

Melhor Filme

  • Brooklyn
  • A Grande Aposta
  • Mad Max: Estrada da Fúria
  • Perdido em Marte
  • Ponte dos Espiões
  • O Quarto de Jack
  • O Regresso
  • Spotlight – Segredos Revelados (Vencedor)

Melhor Diretor

  • Adam McKay, por A Grande Aposta
  • George Miller, por Mad Max: Estrada da Fúria
  • Lenny Abrahamson, por O Quarto de Jack
  • Alejandro G. Iñárritu, por O Regresso (Vencedor)
  • Tom McCarthy, por Spotlight – Segredos Revelados

Melhor Ator

  • Bryan Cranston, por Trumbo: Lista Negra
  • Matt Damon, por Perdido em Marte
  • Leonardo DiCaprio, por O Regresso (Vencedor)
  • Michael Fassbender, por Steve Jobs
  • Eddie Redmayne, por A Garota Dinamarquesa

Melhor Atriz

  • Cate Blanchett, por Carol
  • Brie Larson, por O Quarto de Jack (Vencedora)
  • Jennifer Lawrence, por Joy: O Nome do Sucesso
  • Charlotte Rampling, por 45 Anos
  • Saoirse Ronan, por Brooklyn

Melhor Ator Coadjuvante

  • Christian Bale, por A Grande Aposta
  • Tom Hardy, por O Regresso
  • Mark Ruffalo, por Spotlight – Segredos Revelados
  • Mark Rylance, por Ponte dos Espiões (Vencedor)
  • Sylvester Stallone, por Creed: Nascido para Lutar

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Jennifer Jason Leigh, por Os 8 Odiados
  • Rooney Mara, por Carol
  • Rachel McAdams, por Spotlight – Segredos Revelados
  • Alicia Vikander, por A Garota Dinamarquesa (Vencedora)
  • Kate Winslet, por Steve Jobs

Melhor Roteiro Original

  • Divertida Mente
  • Ex-Machina: Instinto Artificial
  • Ponte dos Espiões
  • Spotlight – Segredos Revelados (Vencedor)
  • Straight Outta Compton – A História do N.W.A.

Melhor Roteiro Adaptado

  • Brooklyn
  • Carol
  • A Grande Aposta (Vencedor)
  • Perdido em Marte
  • O Quarto de Jack

Melhor Longa de Animação

  • Anomalisa
  • Divertida Mente (Vencedor)
  • O Menino e o Mundo
  • Quando Estou com Marnie
  • Shaun: O Carneiro

Melhor Filme Estrangeiro

  • A War (Dinamarca)
  • Embrace of the Serpent (Colômbia)
  • Cinco Graças (França)
  • O Filho de Saul (Hungria) (Vencedor)
  • Theeb (Jordânia)

Melhor Fotografia

  • Carol
  • Mad Max: Estrada da Fúria
  • Os 8 Odiados
  • O Regresso (Vencedor)
  • Sicario: Terra de Ninguém

Melhor Edição

  • A Grande Aposta
  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • O Regresso
  • Spotlight – Segredos Revelados
  • Star Wars: O Despertar da Força

Melhores Efeitos Visuais

  • Ex-Machina: Instinto Artificial (Vencedor)
  • Mad Max: Estrada da Fúria
  • Perdido em Marte
  • O Regresso
  • Star Wars: O Despertar da Força

Melhor Direção de Arte

  • A Garota Dinamarquesa
  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • Perdido em Marte
  • Ponte dos Espiões
  • O Regresso

Melhor Figurino

  • Carol
  • Cinderela
  • A Garota Dinamarquesa
  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • O Regresso

Melhor Maquiagem

  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • The 100-Year-Old Man Who Climbed Out the Window and Disappeared
  • O Regresso

Melhor Edição de Som

  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • Perdido em Marte
  • O Regresso
  • Sicario: Terra de Ninguém
  • Star Wars: O Despertar da Força

Melhor Mixagem de Som

  • Mad Max: Estrada da Fúria (Vencedor)
  • Perdido em Marte
  • Ponte dos Espiões
  • O Regresso
  • Star Wars: O Despertar da Força

Melhor Trilha Sonora Original

  • Carol
  • Os 8 Odiados (Vencedor)
  • Ponte dos Espiões
  • Sicario: Terra de Ninguém
  • Star Wars: O Despertar da Força

Melhor Canção Original

  • “Earned It”, de Cinquenta Tons de Cinza
  • “Manta Ray”, de Racing Extinction
  • “Simple Song #3”, de Juventude
  • “Til It Happens to You”, de The Hunting Ground
  • “Writing´s on the Wall”, de 007 contra Spectre (Vencedor)

Melhor Documentário

  • Amy (Vencedor)
  • Cartel Land
  • The Look of Silence
  • What Happened, Miss Simone?
  • Winter on Fire: Ukraine’s Fight for Freedom

Melhor Curta-Metragem Documentário

  • A Girl in the River: The Price of Forgiveness (Vencedor)
  • Body Team 12
  • Chau, Beyond the Lines
  • Claude Lanzmann: Spectres of the Shoah
  • Last Day of Freedom

Melhor Curta-Metragem

  • Ave Maria
  • Day One
  • Everything Will Be Okay (Alles Wird Gut)
  • Shok
  • Stutterer (Vencedor)

Melhor Curta de Animação

  • Bear Story (Vencedor)
  • Prologue
  • Sanjay’s Super Team
  • We Can’t Live without Cosmos
  • World of Tomorrow