Arquivo da tag: Lex luthor

Warner Channel exibe season finale de Supergirl neste domingo (24)

Quatro últimos episódios da quinta temporada da heroína serão
exibidos em sequência a partir das 22h25

Warner exibe últimos episódios de Supergirl. (Foto: Divulgação)

Neste domingo, chega ao fim a agitada 5ª temporada de Supergirl, com a heroína enfrentando diversos vilões, como a versão feminina de Brainiac (a inteligência artificial de Krypton) e seu eterno inimigo Lex Luthor, acompanhado pela irmã Lena. Além disso, a CatCo, revista onde trabalha Kara Danvers, o alter ego da Garota de Aço, recebe um novo dono e colegas de redação para apimentar as relações pessoais dos personagens. Não perca, o final da quinta temporada de Supergirl no domingo, dia 24 de maio, às 22h25, na Warner Channel.

Confira abaixo a lista de episódios:

Ep.16: “Alex in Wonderland” – Alex usa lentes Obsidian para visitar National City virtualmente e assume uma nova personalidade. Enquanto isso, Kelly ajuda William a investigar Lex e Kara recebe notícias ruins.

Ep.17: “Deus Lex Machina” – Lex inicia um intrínseco plano para se aproximar de Lena, derrotar o ataque de Leviathan ao mesmo tempo que coloca Supergirl contra ele. Além disso, será revelado como Lex conseguiu seus poderes depois da Crise nas Infinitas Terras.

Ep.18: “The Missing Link” – Supergirl e seu time batalham contra Rama Khan e Levithan enquanto Lena e Lex juntam forças quando o projeto Non Nocere falha, deixando os irmãos em perigo.

Ep.19: “Immortal Kombat” – Supergirl percebe que precisa trabalhar com Lena para derrotar Lex e Levithan. Nia tem dificuldades em entender os que seus sonhos significam e Brainy descobre que só existe uma maneira de parar Lex Luthor.

Os quatro últimos episódios da 5ª temporada de Supergirl serão exibidos no domingo,
dia 24 de maio, às 22h25, no “Domingo Heroico” da Warner Channel.

*Horário de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio.

Conheça as novidades da Iron Studios Concept Store

A Iron Studios Concept Store, loja conceito de colecionáveis, começa o ano recheada de surpresas. A primeira é o lançamento da Rey, uma das personagens favoritas de Star Wars. A loja realiza também o Festival de Thor e comemora o Dia Nacional das HQs, com descontos exclusivos relacionados aos temas. Confira os detalhes de cada promoção:

Rey, Star Wars

iron01
(Foto: Divulgação)

Fabricada em polystone, pintada à mão e seguindo referências oficiais, a Rey 1/10, de Star Wars é novidade. Com aproximadamente 24 cm, a aprendiz de jedi inclui cajado e sabre de luz. R$ 339,90.

Thor

iron02
(Foto: Divulgação)

Até o dia 29 de janeiro os fãs de Thor são beneficiados com 10% de desconto nas peças do Deus dos Raios e Trovões. As três estátuas disponíveis são: Thor 1/12 da Bandai (R$ 194,90), Thor 1/6 da Hot Toys (R$ 1539,90) e Thor 1/6 da Iron Studios (R$1299,90).

Dia Nacional das HQs

A primeira história em quadrinhos brasileira foi publicada em 30 de janeiro de 1869. As Aventuras de Nhô-Quim ou Impressões de Uma Viagem à Corte, autoria de Angelo Agostini e responsável por designar o Dia do Quadrinho Nacional. Por isso, de 30/01 até 10/02, todas as Concept Stores de São Paulo baixam 10% do valor dos produtos relacionados ao universo Comics. Confira algumas ofertas:

iron03
(Foto: Divulgação)

Atenção admiradores de Gotham City: tem a dupla imbatível Batman Sideshow Sixth Scale por R$ 1.499,90 e Robin R$ 249,90 e o vilão Joker por R$374,90.

O incrível e poderoso alter ego de Dr. Robert Bruce Banner também faz parte da promoção. O Hulk nas versões Green e Gray Premium Format Figure saem por R$ 3.749,90 cada.

iron06
(Foto: Divulgação)

Marvel e DC Comics se encontram nas vitrines da Iron Strudios Concept Store: Daredevil Sideshow (R$ 3.749,90), Arrow da DC Collectibles (R$ 659,90) e Lanterna Verde da Sideshow Sixth Scale (R$ 1.349,90)

iron07
(Foto: Divulgação)

.O affair do Homem-Aranha também participa da promoção: a estatueta da Black Cat Comiquette Sideshow sai por R$ 1799,90. Enquanto isso, os arquinimigos Batman e Superman se unem por um bem maior: o preço baixo. O Red Hood sai por R$ 374,90 e Lex Luthor por R$ 404,90.

Lex Luthor vira o Superman em prévia de revista da Liga da Justiça!

Por Legião dos Heróis

Lex Luthor sempre se agarra ao poder quando tem a oportunidade. Com o vácuo deixado porDarkseid sendo preenchido, foi permitido que o careca se tornasse o novo governante de Apokolips.

A DC Comics iniciou suas apresentações na WonderCon com um painel da DC All Access mostrando duas páginas de  Justice League #49 e #50. As edições são muito esperadas e foram escritas por Geoff Johns e desenhadas por Jason Fabok.

Lex Luthor como Superman nos quadrinhos da Liga da Justiça. (Foto: Divulgação)
Lex Luthor como Superman nos quadrinhos da Liga da Justiça. (Foto: Divulgação)

A maior pergunta levantada pelas imagens se refere a Lex Luthor, que é destaque no trono de Darkseid, enquanto veste uma armadura com o símbolo do Superman. Será que o vilão pretende detronar o Homem de Aço e se tornar o único Superman?

A resposta a gente vai ter quando Justice League #49 for lançada em 20 de abril e Justice League #50 ser lançada em 25 de maio.

DC Comics começa a apresentar seu universo cinematográfico

Por Rodrigo Bocatti

Apesar de já ter lançado “Homem de Aço”, a Dc Comics começou realmente agora a apresentar todo poder de seu universo. E quando o filme “Batman vs Superman – A Origem da Justiça” foi anunciado, os fãs ficaram eufóricos e os detalhes foram surgindo e a Dc Comics e a Warner anunciaram que o novo Cavaleiro das Trevas seria Ben Affleck e muita gente reclamou da escolha do ator, muito por causa de sua atuação em “Demolidor” (2003). Mas o tempo foi passando, as imagens foram aparecendo e os trailers divulgados, com isso as críticas ao interprete foram ficando esquecidas. Gal Gadot sofreu uma pequena rejeição como Mulher-Maravilha, mas aconteceu a mesma coisa com Affleck. Henry Cavill já estava estabelecido como Superman.

Com um novo Batman, surgiu uma dúvida de como iria apresentar o Batman, já que ele está em uma idade avançada. E isso foi feito de forma incrível e não se perdeu muito tempo, com flashback a história de sua motivação foi contada. Com o Morcego aposentado, os crimes em Gotham voltaram a ocorrer, porém sem interrupção do herói.

Porém, com a chegada do Superman e os acontecimentos de “Homem de Aço” (2013), o Batman toma a decisão de voltar à ativa, porém mais violento do que antes e deixando sua marca gravada nos bandidos, com isso ele é visto como o Justiceiro sem lei por algumas pessoas, inclusive Clark Kent.

Manipulados, Batman e Superman finalmente se enfrentam. (Foto: Divulgação)
Manipulados, Batman e Superman finalmente se enfrentam. (Foto: Divulgação)

Já por outro lado, a população tem receio dos poderes do Super-Homem, que é comparado a um Deus e a qualquer momento poderia se virar contra a humanidade e destruí-la. Pensando nisso, Lex Luthor (Jessie Eisenberg) vai atrás de um artefato no oceano índico e uma das fraquezas do seu arqui-inimigo, a Kriptonita. Bruce Wayne consegue pegá-la para sim, para poder combater de frente o homem mais forte do universo.

A batalha épica ocorre, mas não pelas razões discutidas durante o longa, mas por uma manipulação de Luthor. Com o poder da pedra e utilizando-a contra Kar-El e apenas nesses momentos, o Batman tem uma chance de igualar a luta e matar seu “rival”. Porém, no fim Lois Lane (Amy Adams) salva a vida do amado.

Com as diferenças resolvidas, os heróis se unem contra o verdadeiro vilão do longa (e possivelmente de alguns filmes que estão por vir). A criação do Apocalypse, partindo do cadáver de Zod (Michael Shannon), é o que revela a capacidade e Luthor fazer qualquer coisa para derrotar o Homem de Aço, que salva sua vida.

E eis um dos pontos altos da trama: a chegada da Mulher-Maravilha para salvar a vida do Batman e ajudar a derrotar o verdadeiro inimigo. Mas o que impressiona em sua chegada, é Diana não usando seu escudo para parar o golpe, mas sim seus braceletes e ainda a vemos fazendo uso do Laço da Verdade. E a foto que retrata bem o longa, é a trindade da Dc Comcis reunida para salvar o mundo.

Apocalypse tem um papel fundamental no filme. (Foto: Divulgação)
Apocalypse tem um papel fundamental no filme. (Foto: Divulgação)

Considerações (ATENÇÃO! SPOILERS ABAIXO):

Uma das coisas mais legais que acontece em “Batman vs Superman – A Origem da Justiça” é apresentação da Mulher-Maravilha, mas em nenhum momento ela fala o porquê dela estar em Metropólis ou de quem ela realmente é.

O sonho do Batman revela muita coisa e insere o conceito de multiuniverso nos filmes da Dc Comics. Os trajes de todos os personagens centrais da trama são realistas e muito próximos dos quadrinhos. E como Zack Snyder já disse, Flash (Erza Miller), Cyborg (Ray Fisher) e Aquaman (Jason Momoa) são cenas muito bem feitas e que revelam o necessário dos personagens, para serem inseridos na hora certa na Liga da Justiça, que aparentemente tem um vilão definido.

A trindade da DC Comics está formada. (Foto: Divulgação)
A trindade da DC Comics está formada. (Foto: Divulgação)

E o que falar da atuação de Henry Cavill, Bem Affleck e Gal Gadot (a trindade). Quem duvidava da química entre elas poderá rever seus conceitos. E quem tinha receio da atuação de Affleck como o novo Batman pode dormir tranquilo, pois o traje do herói está em boas mãos. Gal Gadot ficou encarno a princesa amazona muito bem, e seu olhar de guerreira e a sutileza de uma pessoa da realeza fica bem no filme.

E Jessie Eisenberg na pele de Lex Luthor também está muito bem no papel do vilão. Desde o começo ele demonstra sua paranoia de vencer o Superman a qualquer custo e não mede esforços e escrúpulos para colocar o mundo contra ele e no momento mais crucial do filme, Lex arma uma jogada digna de seu personagem.

O filme não é 100% perfeito, como acredito que nenhum filme será. E esse deixa algumas pontas soltas, principalmente do lado do Batman e da Mulher-Maravilha. Como a mansão dos Wayne foi destruída? E quem era o Robin que morreu (na teoria dos fãs esse seria Jason Todd, porto pelo Coringa)? E como a princesa Diana chega a Metrópolis e o porquê dela ser convidada para uma festa na casa de Lex Luthor (muito provavelmente essas perguntas serão respondidos no filme solo da heroína)?

Batman vs Superman – Zack Snyder e Jesse Eisenberg falam sobre Lex Luthor!

Por Legião dos Heróis

O diretor de Batman vs Superman: A Origem da Justiça, Zack Snyder, e o atore que interpreta Lex Luthor no filme, Jesse Eisenberg falam sobre trazer um Lex Luthor mais contemporâneo para o próximo filme da Warner/DC, com sua assustadora personalidade e sua obsessão bilionária pelo Homem de Aço. Quando se trata do Lex de Jesse Eisenberg, a opinião dos fãs ainda está dividida. E para os fãs que imaginam que Jesse irá interpretar um novo Mark Zuckerberg, Zack Snyder diz o seguinte: “De um ponto de vista da cultura pop, você não pode fingir que aquele filme não existiu. Porque ele interpretou Mark Zuckerberg, Jesse representa um tipo muito contemporâneo de modelo de negócios. Após o mundo do ponto-com, fortunas podem ser feitas do seu porão, não é tão complicado imaginar Jesse como Luthor sendo tão poderoso quanto ele é.”

Detalhes sobre Lex Luthor, em "Batman vs Superman - A Origem da Justiça" são revelados. (Fotos: Divulgação)
Detalhes sobre Lex Luthor, em “Batman vs Superman – A Origem da Justiça” são revelados. (Fotos: Divulgação)

Jesse também resolveu falar sobre como ele precisava fazer algo diferente dos seus antigos papéis e das antigas interpretações de Luthor. “Se houverem algumas similaridades com outros papéis, o público conseguirá ver, um ator não.” E sobre as comparações com sua interpretação do criador do Facebook, Jesse respondeu por Lex: “Lex se sente uma pessoa totalmente nova e diferente.” Continuando, o ator também falou sobre como foi ver o roteiro e descobrir que ele iria interpretar um vilão: “O roteiro foi feito com uma estrutura psicológica real, foi escrito com um tipo de humor que eu sabia que conseguiria fazer. E com uma intensidade dramática que eu aprecio.” Ele ainda disse sobre a maneira que sua versão do Lex opera: “Ele usa as palavras e alusões muito inteligentes sobre outras histórias e mitos. Mas isso nunca compromete o que é assustador sobre ele.”  Ele ainda disse que Lex é “Cheio de raiva” “Ele é o cara que não vai dormir para conseguir terminar algo”.

Quando se trata de Luthor, os fãs dos quadrinhos sabem como os intuitos de Luthor salvar a humanidade são obscurecidos por sua obsessão pelo Superman, e Jesse também está ciente disso. “Meu personagem que deveria ser considerado um sucesso financeiro moderno, está sendo ameaçado por esse cara que tem poderes em um âmbito sobrenatural. Superman é uma ameaça existencial para meu personagem”.