Arquivo da tag: Mangá

JBC Anuncia: Jaspion

O Fantástico Jaspion​, um dos maiores heróis japoneses de todos os tempos, está de volta em uma aventura inédita em mangá produzida inteiramente no Brasil. Tudo graças a uma parceria inédita entre a Editora JBC​, a Toei Company ​e a Sato Co.

Para essa empreitada comandada pelos editores da JBC Marcelo Del Greco e Cassius
Medauar e com produção executiva de Edi Carlos Rodrigues​, foram convidados os
premiados quadrinistas Fábio Yabu ​(roteiro) ​e Michel Borges ​(arte), autores da trilogia
Combo Rangers, também publicada pela JBC.

6a0bcbd6-46ef-40b5-b3da-7b5df5cc90a7.jpg

Sucesso absoluto na virada dos anos 1980 para os anos 1990, quando sua série foi exibida
na extinta TV Manchete​, Jaspion foi um marco e, ao lado de Changeman​, foi responsável
por desencadear uma verdadeira febre de heróis japoneses na época. O Campeão da
Justiça faz parte da quarta geração de metal heroes do Japão cujos antecessores são os
policiais do espaço Gaban​, Sharivan ​e Sheider. ​O sucesso do algoz do maligno Satan
Goss ainda impulsionou a vinda de outro herói japonês: Spielvan​, que chegou a ser
batizado no Brasil de Jaspion 2​ – embora as séries não tivessem correlação.

Ao todo Jaspion teve 46 episódios lançados no Japão em 1985. No Brasil, o herói chegou
três anos depois, em 1988, trazido pela Everest Vídeo (a mesma que, depois de trocar de
nome para Tikara Filmes​, trouxe Shurato e Yu Yu Hakusho​). Hoje é possível acompanhar
as clássicas aventuras do herói em DVD e no canal Tokusatsu TV​, no YouTube.

Além de comemorar os 30 anos do lançamento da série original em vídeo e na televisão
brasileira, o lançamento da aventura inédita de Jaspion em mangá também faz parte das
celebrações dos 110 anos da Imigração Japonesa​ no Brasil.

A história em si retomará o que foi visto na série clássica, contextualizando os eventos
ocorridos 30 anos atrás para os tempos atuais, com novos conflitos, velhos conhecidos e,
talvez, até um novo penteado. Mas é certo que antigos e novos vilões estarão presentes na aventura.

O mangá do Fantástico Jaspion já está em produção e a previsão de lançamento é para o
final de 2018. Jaspion ​é a primeira obra desenvolvida exclusivamente para o Henshin
Universe​, selo destinado para a produção nacional de mangás originais da Editora JBC​.
Para que todos possam acompanhar todos os detalhes dessa iniciativa inédita no Brasil, o
canal Made in Japan no YouTube irá lançar o Henshin Universe, programa semanal que
mostrará os bastidores da produção do mangá até o seu lançamento. Ao longo dos
episódios, Marcelo Del Greco e Edi Carlos Rodrigues ainda irão esmiuçar todo o univers de Jaspion e das séries Tokusatsu – com direito a muitos convidados especiais,
curiosidades e informação.

A história de Jaspion
Órfão de pai e mãe, Jaspion foi criado pelo sábio Edin e chega à Terra a bordo da
nave-robô Daileon. Junto do herói também chegam no nosso planeta a sua companheira
andróide do herói, Anri, e a mascote Miya.

A missão do Campeão da Justiça é enfrentar o temido Satan Goss. Mas para que seu
objetivo seja cumprido, Jaspion precisa encontrar as crianças escolhidas por Deus que
teriam o poder de localizar o Pássaro Dourado, a ave mítica que trazia consigo o segredo
para derrotar o pai do abominável MacGaren.

Anúncios

Os Cavaleiros do Zodíaco – The Lost Canvas está de volta!!

Edição de colecionador do mangá escrito e desenhado por Shiori Teshirogi será lançado ainda no primeiro semestre de 2018

A Editora JBC traz de volta um dos maiores sucessos do universo de Os Cavaleiros do Zodiaco. The Lost Canvas ​volta em versão especial para colecionadores 11 anos após a sua primeira publicação no Brasil pela JBC. A seguir, confira um pouco sobre a história do mangá de Shiori Teshirogi e seus personagens principais.

c0e70104-0ae8-4f24-b7f7-aeff71dd5a92.jpg
JBC voltará a publicar The Lost Canvas. (Foto: Divulgação)

A história

A Saga de Hades se passa 245 anos antes das aventuras de Seiya e seus amigos, quando,
em pleno século XVIII, o Imperador do Inferno tentou dominar a Terra com seu exército de Espectros, e coube à Deusa da Justiça e seus fiéis guardiões deterem a invasão.
The Lost Canvas reconta a história desde o momento em que Alone, o então jovem de
coração puro possuído é pelo Senhor do Mundo dos Mortos e volta-se contra seu amigo de infância, Tenma, e passa a comandar as forças do Submundo contra o Santuário.
Para impedir o perigo eminente, Athena convoca seus leais Cavaleiros de Ouro, os quais
estão prontos para sacrificar suas vidas em prol da paz no mundo. E assim as cortinas de
uma nova batalha se abrem!

Personagens

Tenma: Antigo Cavaleiro de Pégasus, descoberto pelo Cavaleiro de Ouro Dohko de Libra,
que se tornaria no futuro o Mestre de Shiryu de Dragão,. Ele é levado para o Santuário de
Athena, na Grécia, onde é treinado até ganhar a sagrada Armadura de Pégasus. Se vê
obrigado a lutar contra seu amigo de infância para tentar salvá-lo das Forças do Mal.

Alone​: ​Por ter coração puro, o irmão de Sasha foi escolhido para ter hospedado em seu
corpo a alma de Hades, o terrível Imperador do Inferno que almeja dominar a Terra. Ele
acaba se tornando o grande inimigo de Tenma.

Sasha​: ​Irmã de Alone, é a antiga encarnação da Deusa Athena. Após ser adotada, foi
separada de seu irmão e levada para o Santuário. Lá, ela assume o seu lugar como
comandante dos 12 Cavaleiros de Ouro e de todos seus demais guerreiros em meio à
terrível Guerra Santa que eclode.

Os autores

Masami Kurumada:​ Natural de Tóquio, Kurumada sempre teve vocação para desenhar
mangás. Seu primeiro trabalho foi Sukeban Arashi, publicado pela famosa revista Shonen Jump, da editora Shueisha.A mesma editora lançou em 1977, Ring Ni Kakero, mas o sucesso e grande destaque aconteceu em 1985, com Os Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya).

Shiori Teshirogi: ​Ilustradora famosa, nascida em Miyagi (Japão), teve seu primeiro mangá publicado pela Editora Akita Shoten, a mesma que publicaria The Lost Canvas. Durante uma sessão de autógrafos, Shiori entregou um de seus mangás já publicados para Masami Kurumada, que gostou bastante do trabalho realizado. A partir daí, nasceu a parceria para a produção da série The Lost Canvas – Gaiden, estrelada pelos Cavaleiros de Ouro do século XVIII.

Ficha ténica:
Os Cavaleiros do Zodíaco – The Lost Canvas
Autores​: ​Masami Kurumada e Shiori Teshirogi
Volumes​: ​25
Gênero​: Ação/Aventura
Classificação Etária​: 14 anos
Editora JBC

SCARLETT JOHANSSON FALA SOBRE A SUA PERSONAGEM EM “A VIGILANTE DO AMANHÃ: GHOST IN THE SHELL”

Como Major, a atriz protagoniza a superprodução da Paramount Pictures, que estreia no dia 30 de março

Afinal, quem é a protagonista de “A Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell”? Na trama, que se passa em um futuro próximo, Major é a primeira de sua espécie: uma humana que foi ciberneticamente melhorada, com a função de deter os mais perigosos criminosos. Quando o terrorismo atinge um novo nível, que inclui a habilidade de invadir a mente das pessoas e controlá-las, ela é designada a deter os avanços dessa prática. Interpretada por Scarlett Johansson, a personagem central do filme começa a se questionar cada vez mais sobre a sua origem ao perseguir um perigoso hacker.

“Esse filme é sobre a jornada de autodescoberta da personagem”, diz a atriz, em vídeo divulgado pela Paramount Pictures, que revela mais detalhes sobre a produção baseada na série mangá “Ghost in the Shell” e no famoso anime homônimo de Mamoru Oshii.

Com direção de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”), o elenco também inclui Beat Takeshi Kitano, Juliette Binoche, Michael Pitt, Pilou Asbæk, Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo.

PERSONAGEM DE SCARLETT JOHANSSON ACORDA EM NOVO CORPO NO FILME “A VIGILANTE DO AMANHÃ: GHOST IN THE SHELL”

Superprodução da Paramount Pictures  estreia no dia 30 de março

Ao acordar em uma mesa de laboratório, Major, a personagem de Scarlett Johansson em “A Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell”, recebe a informação de que foi vítima de um ataque terrorista, e que agora, tem um novo corpo. Embora digam que a salvaram, ela irá questionar sua origem e reivindicar suas antigas memórias, como mostra a cena divulgada pela Paramount Pictures.

Baseada na série mangá “Ghost in the Shell” e no famoso anime homônimo de Mamoru Oshii, a produção acompanha a saga da Major. Em um futuro próximo, ela é a primeira de sua espécie: uma humana que foi salva de um terrível acidente e ciberneticamente melhorada para ser uma soldada perfeita e deter os mais perigosos criminosos. Quando o terrorismo atinge um novo nível, que inclui a habilidade de invadir a mente das pessoas e controlá-las, Major é designada a deter os avanços dessa prática. Na medida em que se prepara para enfrentar um novo inimigo, ela descobre que foi enganada: sua vida não foi salva, mas roubada.

Com direção de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”), o elenco também inclui Beat Takeshi Kitano, Juliette Binoche, Michael Pitt, Pilou Asbæk, Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo.

“VIGILANTE DO AMANHÃ: GHOST IN THE SHELL” GANHA NOVO CARTAZ ANIMADO

Com Scarlett Johansson, ficção científica estreia no Brasil em 30 de março

Um novo cartaz animado de “Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell” questiona a identidade da protagonista Major (Scarlett Johansson) com as frases: “Não salvaram a sua vida. Eles a roubaram”. A versão em português do material destaca um dos maiores questionamentos da protagonista: sua verdadeira origem.

Baseado na série mangá “Ghost in the Shell” e no famoso anime homônimo de Mamoru Oshii, o filme acompanha Major, uma híbrida de humano e ciborgue, que lidera um esquadrão de elite especializado no combate a crimes cometidos com uso da tecnologia: a Seção 9. Ela e sua equipe precisam aniquilar um hacker, cujo objetivo é deter os avanços da cibernética. O filme é um lançamento da Paramount Pictures e estreia no Brasil em 30 de março.

Com direção de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”), o elenco também inclui Juliette Binoche, Pilou Asbæk, Takeshi Kitano, Michael Pitt, Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo.

“VIGILANTE DO AMANHÃ: GHOST IN THE SHELL” GANHA CARTAZ ESPECIAL

Com Scarlett Johansson, ficção científica estreia no Brasil em 30 de março

Um cartaz especial para os fãs (fan art ) de “Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell” acaba de ganhar versão em português. A arte destaca Scarlett Johansson como a protagonista Major Motoko Kusanagi. Ela aparece entre os personagens Batou e Daisuke Aramaki, interpretados por Pilou Asbæk e Takeshi Kitano, respectivamente.

TP2Rc8ABF0212.jpg

Baseado na série mangá “Ghost in the Shell” e no famoso anime homônimo de Mamoru Oshii, o filme acompanha Major, uma híbrida de humano e ciborgue, que lidera um esquadrão de elite especializado no combate a crimes cometidos com uso da tecnologia: a Seção 9. Ela e sua equipe precisam aniquilar um hacker, cujo objetivo é deter os avanços da cibernética. O filme é um lançamento da Paramount Pictures e estreia no Brasil em 30 de março.

Com direção de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”), o elenco também inclui Juliette Binoche, Michael Pitt, Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo.

Editora JBC lança O Homem que Foge – Nigeru Otoko

Obra de Natsume Ono será o primeiro lançamento de 2017 da JBC

A Editora JBC começa 2017 com um grande lançamento: O Homem que Foge – Nigeru Otoko , obra de Natsume Ono lançado no Japão originalmente entre 2010 e 2011 pela editora Ohta Shuppan. O mangá foi classificado como “Conto de Fadas Adulto”, com um teor diferente das histórias que costumamos ler.

Nigeru Otoko Capa.jpg
JBC lança primeiro mangá de 2017. (Foto: Divulgação)

A partir de uma antiga lenda, a autora leva uma jovem a uma intensa jornada que a conduzirá a provar na pele as consequências de tentar fugir da realidade ou optar por encarar de frente os obstáculos da vida. Uma reflexão sobre as decisões que cada um de nós precisa tomar ao longo de nossa jornada.

Famosa no Japão por obras como Ristorante Paradiso, Natsume Ono é, assim como Inio Asano (de Nijigahara Holograph), representante de uma nova geração de autores de mangás de sucesso voltados para o público adulto. Desde o início de sua carreira em 2003, a desenhista flerta com os mais diversos gêneros de histórias – desde comédias e romances a dramas existencialistas.

Além de Ristorante Paradiso, House of Five Leaves, também ganhou versão em anime. Atualmente a mangaká trabalha em duas publicações: Futagashirae ACCA: 13-ku Kansatsu-ka.

Não perca esta obra que é considerada uma das grandes criações de Natsume Ono.  O Homem que Foge – Nigeru Otoko  será lançado pela Editora JBCainda este mês e em breve estará nas grandes livrarias e lojas especializadas. Faça o download da capa em alta resolução aqui.

“VIGILANTE DO AMANHÃ: GHOST IN THE SHELL” GANHA O PRIMEIRO TRAILER

Com Scarlett Johansson, ficção científica estreia no Brasil em março de 2017

O primeiro trailer de “Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell” acabam de ser divulgados mundialmente pela Paramount Pictures, direto de um evento em comemoração ao filme, em Tóquio, no Japão, com a presença de Scarlett Johansson e do diretor Rupert Sanders. Além da dupla, o renomado ator e diretor japonês, “Beat” Takeshi Kitano, o lendário compositor do anime, Kenji Kawai, e o cultuado designer de games, Hideo Kojima também estiveram por lá, onde os fãs puderam assistir um trecho inédito do longa.

Baseado na famosa série mangá, “Ghost in the Shell”, o filme estreia em 30 de março e acompanha Motoko Kusanagi – conhecida como Major. Interpretada por Scarlett Johansson, a personagem é uma híbrida de humano e ciborgue, que lidera um esquadrão de elite: a Seção 9. Dedicada a perseguir os mais perigosos criminosos e extremistas, ela precisa aniquilar um hacker, cujo objetivo é deter os avanços da tecnologia cibernética.

Com direção de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”), o elenco também inclui Beat Takeshi Kitano, Juliette Binoche, Michael Pitt, Pilou Asbæk, Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo.

JBC lançará na CCXP 2016 Blame!, mangá do mesmo autor de Knights of Sidonia

Tsutomu Nihei, criador das séries, virá para o Brasil para participar do evento

JBC lança o mangá Blame! na Comic Con Experience. (Foto: Divulgação)
JBC lança o mangá Blame! na Comic Con Experience. (Foto: Divulgação)

Depois do sucesso de Knights of Sidonia, a JBC irá lançar Blame!, a obra que transformou Tsutomu Nihei em um dos maiores mangakás da atualidade, na Comic Con Experience 2016.

Assim como nas aventuras de Nagate Tanikaze em sua batalha contra os Gaunas em Knights of Sidonia, o gênero escolhido por Tsutomu Nihei para Blame! também foi a ficção científica. Usando como referência clássicos do cinema como Matrix e Alien – O Oitavo Passageiro, Nihei-sensei criou um ambiente claustrofóbico para contar a história de Killy, um aventureiro solitário que tem uma missão fundamental para o futuro da raça humana.

Com uma narrativa ágil e muita aventura, a trama se passa dentro de uma superestrutura vertical repleta de inúmeros andares, escadarias, paredes de aço e até cavernas. É nela que Killy passa seus dias enfrentando criaturas sanguinárias e ciborgues assassinos para encontrar uma maneira de acessar a central de computadores local e assim tentar localizar a informação necessária para a sobrevivência da humanidade.

Com o sucesso alcançado, o mangaká ganhou projeção internacional  chegando até a desenhar para Marvel a minissérie Snikt!, do mutante Wolverine. Recentemente foi anunciado uma a produção de um longa-metragem animado de Blame! produzido pelo Netflix.

Publicado originalmente a partir de 1998 pela Editora Kodansha, Blame! foi encerrado com 10 volumes. No Brasil, a obra receberá tratamento especial pela JBC: virá com sobrecapa igual à original japonesa e suas páginas internas terão papel Luxcream.

Dados da Edição

Autor: Tsutomu Nihei

Formato: 13,5 x 20,5cm

Número de páginas: 216 págs.

Preço: R$ 23,90

Classificação etária: +16 anos

Tsutomo Nihei na CCXP 2016

Nos dias 1, 2 e 3 de dezembro o próprio Tsutomu Nihei estará presente na Comic Con Experience para promover o lançamento deBlame!, dar autógrafos e conversar com os fãs no Brasil! Imperdível!!!

HQs e mangás da Editora Jambô chegam ao Social Comics

Streaming disponibiliza novos e antigos títulos da editora, como Holy Avenger, DBride – A Noiva Dragão e Quadrinhos Ácidos

O streaming de HQs Social Comics oferece novas opções de leitura para os fãs de mangás, literatura de RPG e fantasia. A plataforma fechou parceria com a Editora Jambô, uma das principais do país, e lança títulos do seu catálogo para os assinantes. Entre as obras, destaque para a série Holy Avenger, um dos maiores sucessos editoriais do Brasil em mangá, que por seu sucesso recebeu premiações no Brasil e até no Japão. Ao todo, serão 40 edições, as cinco primeiras já disponíveis.

HQs e Mangás da Editora Jambô está disponível no Social Comics. (Foto: Divulgação)
HQs e Mangás da Editora Jambô está disponível no Social Comics. (Foto: Divulgação)

Brigada Ligeira Estelar é também RPG (este de ficção científica) e ganha quadrinhos no Social Comics, com as séries Batalha dos Três Mundos, Shadrach, Esquadrão Trunfo e Éden Zero. Outros títulos da Jambô que os leitores já podem encontrar na plataforma são DBride – A Noiva do Dragão, 20 Deuses, Projeto Ayala, Dungeon Crawlers, Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço, Quadrinhos Ácidos e As Aventuras de Sir Holland, o Bravo.

“O Social Comics é um ótimo canal para expormos nossos títulos e atingirmos novos públicos. Além disso, utilizaremos a plataforma para testar algumas obras antes mesmo de lançarmos as mesmas impressas”, diz Guilherme Dei Svaldi, editor chefe da Jambô Editora.

Além das publicações desta editora, os assinantes também podem conferir quase 2.500 histórias em quadrinhos no formato digital. Para ter acesso a todo acervo, basta assinar o Social Comics por R$ 19,90 por mês. A plataforma digital, lançada em 2015 e pertencente ao Omelete Group, tem o objetivo de fomentar a indústria nacional de Histórias em Quadrinhos, utilizando o mesmo conceito do Netflix, mas para HQs. Os usuários podem testá-la por 14 dias gratuitamente.

“Para o Social Comics é uma honra enriquecer nosso catálogo com os excelentes títulos da Jambô, uma editora que presenteia os fãs de mangá e títulos relacionados a RPG e fantasia”, comenta Marcelo Bouhid, diretor de marketing do Social Comics.