Arquivo da tag: Negócios

6 ferramentas tecnológicas para facilitar sua vida durante a quarentena

Focadas em soluções para o dia a dia, diversas empresas atuam em todo Brasil com serviços de excelência em várias áreas

Com novidades tecnológicas “pipocando” diariamente, fica um pouco mais fácil superar a quarentena voluntária ou obrigatória no Brasil. Não faz mais sentido algum viver sem a comodidade e a segurança propostas por ferramentas que surgiram para facilitar o nosso dia a dia. São inúmeras opções que englobam os mais variados segmentos do mercado, do tradicional delivery de comida até o agendamento de consultas médicas, aulas de empreendedorismo, cursos de idiomas e visitas de profissionais para serviços domésticos. 

Você é adepto aos aplicativos e demais ferramentas tecnológicas? Ficou curioso para conhecer novas possibilidades que podem tornar sua quarentena mais leve? Listamos algumas ferramentas, disponíveis em todo Brasil, que irão mudar a sua vida.

Docway (www.docway.com.br): pmrincipal aplicativo médico do Brasil, a Docway surgiu em 2015 com o objetivo de facilitar a vida de quem precisa de atendimento médico humanizado, levando o médico até o paciente por meio da tecnologia. Hoje, conta com mais de 55.000 usuários, está presente em mais de 340 cidades, entre elas todas capitais do país. Graças ao projeto inovador, hoje é possível chamar o médico para uma visita onde quer que o paciente esteja, facilitando o dia a dia de quem precisa de cuidados médicos com um atendimento exclusivo e diferenciado. Além disso, nos últimos meses, em parceria com as principais operadoras de saúde do Brasil, a Docway passou a oferecer soluções em telemedicina focadas na Covid-19.

(Foto: Divulgação)

Juno (www.juno.com.br): Depois de abandonar o nome BoletoBancário.com e apostar em diversas outras soluções para facilitar pagamentos, reduzir a burocracia e democratizar serviços financeiros, a fintech curitibana Juno acaba de se tornar uma instituição de pagamentos autorizada pelo Banco Central (BC), entrando no seleto grupo de 20 companhias do país que contam com essa chancela. A empresa é uma solução completa para a emissão de cobranças e recebimento de pagamentos para MEIs, e-commerces, marketplaces, empresas de qualquer tamanho e, também, para pessoas físicas. A Juno surgiu para desmistificar os serviços financeiros e não deixar que boas ideias sejam travadas pela papelada. Ou seja, tem por objetivo fazer com que todo empreendedor possa crescer e transformar o mundo da sua maneira, dando para cada negócio as ferramentas necessárias para que eles elevem o seu potencial ao máximo. 

(Foto: Divulgação)

HealthYou (www.healthyou.com.br/covid): Desde o início da pandemia da COVID-19, o mundo tem procurado incansavelmente formas de tratamentos e atendimentos eficazes para a população, especialmente para os grupos prioritários. Com o número de testes disponíveis reduzidos no Brasil, o temor pela identificação da doença tem atingido inúmeras pessoas. Pensando nisso, a HealthYou, startup focada na eficiência de dados de saúde, acaba de lançar um serviço gratuito capaz de realizar a triagem e a identificação de grupos de riscos. Em caso de criticidade, a plataforma direciona o usuário para o teleatendimento 24h e, posteriormente, para unidades de saúde indicadas por geolocalização.

(Foto: Divulgação)

Jaworski Consultoria Empresarial (www.jaworskiconsultoria.com.br): motivado pela crise gerada pelo novo coronavírus no Brasil, o consultor Milton Rui Jaworski acaba de lançar um novo produto para ajudar empresas brasileiras que estão sofrendo com os efeitos da pandemia: uma consultoria online com valores extremamente acessíveis. Quanto a sua empresa gerou de lucro no mês passado? Você conhece o ponto de equilíbrio da sua empresa? São essas algumas das questões que o novo serviço pretende responder. A partir das informações fornecidas pelo cliente, o consultor faz uma análise detalhada que se estende a todos os setores da empresa. Em seguida, é realizada uma reunião oficial por meio de plataformas online de chamadas de vídeo para explicar o documento, passar orientações e responder dúvidas.

(Foto: Divulgação)

Kultivi (www.kultivi.com): em tempos de isolamento social, que tal aproveitar o tempo livre para estudar e tornar o período de reclusão mais proveitoso? A startup Kultivi, uma plataforma gratuita de ensino, conta com mais de 80 cursos em diferentes áreas, como idiomas, empreendedorismo, medicina e voltados ao Enem e à OAB. Grande destaque da plataforma, o curso de inglês, por exemplo, oferece cerca de 220 aulas, além de materiais especiais de apoio. Todas as aulas disponíveis na plataforma da Kultivi são desenvolvidas por especialistas renomados em cada segmento e integralmente gratuitas para o usuário.

(Foto: Divulgação)

Rappi (www.rappi.com.br): Comida, livros, temperos, remédios, roupas, perfumes, ração para cachorro e bebidas. Esses são só alguns itens que você pode comprar via Rappi, aplicativo que permite que o usuário compre qualquer coisa e receba em casa, após poucos minutos. Basta escolher o local, o produto e pedir. Após o pedido finalizado, um entregador da plataforma vai até a loja, realiza a compra e entrega onde o usuário solicitar.  

(Foto: Divulgação)

Restaurante inova, leva experiência romântica na casa de clientes e tem 15% a mais no faturamento

Diante da crise pandêmica, restaurante de Curitiba cria loja on-line com pacotes românticos completos e espera aumentar em até 15% o faturamento

Jantar romântico direto na casa dos clientes, essa é a saída do 38 Floor Bistrô Romântico durante a crise. (Foto: Divulgação)

Se por um lado os efeitos do coronavírus diminuíram o número de clientes nos restaurantes de todo o mundo, a pandemia trouxe aos empresários do setor uma oportunidade de olhar para o mercado de modo a explorar demandas que os mesmos não atendiam, reinventando seus modelos de trabalho e, até mesmo, expandindo os negócios.

Cenário de celebrações, aniversários de casamento e novas histórias de amor com uma média de um pedido de casamento por dia – de segunda a sábado – o recém inaugurado 38 Floor Bistrô Romântico  (que fica na mesma cobertura do famoso restaurante panorâmico Terrazza 40 em Curitiba) diminuiu sua capacidade de atendimento em prevenção ao coronavírus, seguindo todas as medidas preventivas. E, diante da esperada queda no número de clientes, rapidamente lançou um novo serviço.

A experiência do restaurante na casa do cliente

Muitos casais gostam de celebrar datas especiais no conforto e intimidade de sua casa, preferindo não sair. De olho nesse público, o restaurante desenvolveu um novo produto que – no mês e lançamento – teve uma média de duas entregas diárias. “No momento de crise surgem diversas oportunidades. Basta estarmos atentos a demanda do público para criar novos produtos que não sejam concorrentes do nosso atual. Foi o que fizemos em abril: ampliamos nossos serviços e, consequentemente, nossa receita”, fala Marcelo Stebner Campos, gestor da casa. O faturamento da casa tem expectativa de aumentar até 15% com essa novidade.

O dia a dia corrido ou até mesmo a falta de habilidade na cozinha, também são fatores que fazem com que as pessoas busquem serviços para conseguir fazer surpresas e proporcionar momentos de romantismo. Para isso, todos os serviços oferecidos pelo Bistrô  incluem rosas vermelhas, vela para o centro da mesa e marcadores de taças que podem ser guardados como uma lembrança do dia.

No menu, opções da gastronomia internacional com receitas para todos os paladares. O pedido e pagamento são feitos somente on-line e o restaurante entra em contato com o cliente para agendar o melhor horário de entrega!  “Quem antes só podia receber aqui tudo o que temos para jantares românticos, agora pode ter também em casa. Nesse novo formato está uma seleção de entradas, pratos principais e sobremesas que o cliente escolhe na hora de fazer a compra em nossa loja on-line”, explica Marcelo. Os valores vão de R$ 270 até R$ 410 para duas pessoas.

A casa também já tem desenhado alguns outro serviços, como a possibilidade de disponibilizar um violista para receber a outra pessoa com uma surpresa na casa, montagem da mesa decorada para aqueles que precisam de mais ideias. “Queremos tornar a experiência ainda mais próxima do real. Em breve teremos um canal no Youtube e o cliente poderá acessar pela televisão de sua casa. Lá disponibilizaremos uma playlist de duas horas com as mesmas músicas tocadas no nosso restaurante e, ao mesmo tempo que as músicas passam, a casa será invadida por uma filmagem do sunset e da noite curitibana, feita no próprio bistrô”, acrescenta  o gestor.

Manter o contato próximo com o cliente, mesmo com esse atendimento online e serviço em casa, continua sendo prioridade. “Decidimos não terceirizar esse serviço. Temos uma equipe interna treinada que faz toda a gestão da entrega, pois somente assim conseguimos garantir que o cliente receba em casa exatamente do jeito que preparamos, como se fosse servido aqui. Sem falar na questão da higiene que nesse momento é primordial”, finaliza Marcelo Campos.

Site: http://www.skycuritiba.com/bistroemcasa

AGÊNCIA MINEIRA “VAY AGORA” LANÇA VOUCHERS COM DESCONTOS PARA PASSAGENS ÁREAS A SEREM EMITIDAS EM ATÉ DOIS ANOS

EMPRESA LANÇA CAMPANHA INSTITUCIONAL E MUDA O NOME PARA “VAY DEPOIS”, INCENTIVANDO CLIENTES A FICAREM EM CASA

(Foto: Element5 Digital)

Milhares de viagens foram canceladas devido às medidas de prevenção contra o coronavírus. Mas, nada impede de planejar as férias para o futuro. A fim de incentivar seus clientes a cumprirem o isolamento social, a Vay Agora, que oferece viagens de forma descomplicada, lançou a campanha #VayDepois. Além da mudança temporária do próprio nome em suas redes sociais, criou o slogan “FycaEmCasa” e vem compartilhando dicas de planejamento de viagens, filmes, livros e até como fazer um scrapbook com as lembranças das últimas férias.

Bilhete #VayDepois também é uma vantagem da campanha. São vouchers em que o consumidor paga por um valor e recebe outro superior em créditos, para, posteriormente, trocar em passagens áreas. Há opções de vouchers de R$ 500 pagando R$450; R$ 1000 por R$850; e R$ 5000 por R$4000. Após a compra, o prazo para a emissão de passagens é de dois anos. A utilização pode ser gradativa, nacional ou internacional – dependendo da disponibilidade das operadoras parceiras – no nome do titular ou de terceiros. Tudo para que viajar possa ser simples, quando for possível. 

“Essa é a hora de se cuidar e ficar em casa. A Vay apoia totalmente a medida de isolamento social, as pessoas devem ficar seguras e saudáveis. Só assim será possível planejar as próximas viagens e viver momentos inesquecíveis no futuro”, afirma um dos fundadores da agência, Vitor Coutinho.  

Desde o início da crise gerada pelo COVID-19, a Vay tem dado suporte a todos que compraram passagens para este período, atuando como intermediadores na relação do cliente junto as companhias aéreas. Os colaboradores estão empenhados em resolver todas as remarcações e cancelamentos causados por esta situação.

Embora o setor do turismo tenha sido um dos mais afetados, a agência mineira segue com quadro completo de funcionários e com boas perspectivas para o futuro. “Nosso modelo de negócio, com atendimento 100% online, porém com uma interface totalmente humanizada, nos permitiu uma boa performance nessa crise. Temos controle de todas as passagens emitidas, os clientes foram atendidos imediatamente e por pessoas de verdade. E agora temos como viabilizar condições melhores para quem precisou adiar as férias, mas não quer deixar de planejar”, completa Coutinho.

HBO TERÁ MARATONA DE ‘O NEGÓCIO’: QUATRO TEMPORADAS COMPLETAS PODERÃO SER VISTAS NA PRÓXIMA SEMANA

Episódios da série original brasileira que deixou saudade entre os fãs serão exibidos diariamente no canal HBO Signature

HBO exibe maratona de “O Negócio”. (Foto: Divulgação)

HBO anuncia programação especial com maratona das quatro temporadas da produção original nacional O NEGÓCIO. A história de quatro garotas de programa que se tornam empreendedoras de sucesso será exibida no HBO Signature a partir da segunda-feira, 27 de abril, às 12h. Os episódios vão ao ar diariamente no canal, no mesmo horário. 

O NEGÓCIO acompanha a rotina de Karin (Rafaela Mandelli), Luna (Juliana Schalch), Magali (Michelle Batista) e Mia (Aline Jones), garotas de programa de luxo que se destacam no mercado. Elas decidem colocarar em prática diversas estratégias de marketing que aprenderam e, com isso, não só conquistam espaço no mercado como também criam a bem-sucedida empresa “Oceano Azul”.

Entre negócios, luxo, jogos de poder e sedução, a trama aborda também as dificuldades de conciliar a vida profissional com a pessoal e o dilema das protagonistas sobre falar a verdade de suas realidades para as pessoas mais próximas. A série mescla um mundo de riquezas e conquistas com os conflitos internos das personagens e as situações mais inesperadas que se podem imaginar.

As quatro temporadas de O NEGÓCIO estão disponíveis na HBO GO. Criada por Luca Paiva Mello e Rodrigo Castilho, a série conta com direção geral de Michel Tikhomiroff e direção de Julia Jordão, da Mixer, e é produzida por Roberto Rios e Luis Peraza, da HBO Latin America Originals.

Tecnologia e Delivery: armas para os restaurantes enfrentarem a crise do coronavírus

A tecnologia tem auxiliado na adaptação de restaurantes ao delivery, seja na busca por clientes e meios de entrega, como na montagem do novo cardápio, no cálculo de insumos e fornecedores ativos.

chef Jun Sakamoto cria menu para delivery. (Foto: Divulgação)

A crise ocasionada pelo coronavírus está forçando os restaurantes a se reinventarem. O fechamento temporário tem sido um verdadeiro desafio para os proprietários, que estão buscando novas maneiras de continuarem suas atividades. 

O delivery – entrega em domicílio, não é nenhuma novidade. No entanto, empresas que não utilizavam esse recurso passaram a pensar nele como alternativa para atender seus clientes durante o período de isolamento social. 

É o que o chef Jun Sakamoto tem feito frente esta nova realidade. Dois de seus três restaurantes em São Paulo estão funcionando assim: o J1 Sakamoto, no Shopping Villa Lobos está operando pelo aplicativo Rappi e o Jun Sakamoto, que fica na Rua Lisboa, preparou um delivery especial. “Eu e meu assistente preparamos os pratos e levo pessoalmente aos clientes. Sushis e sashimis são servidos em louças de cerâmicas, depois eu mesmo vou buscá-las, comenta. Já o Junji Sakamoto, unidade do Shopping Iguatemi, está fechado por decreto do governo do Estado. 

Mas, como adaptar rapidamente o atendimento presencial ao delivery? Jun responde que a tecnologia foi fundamental para esta mudança radical sem que perdesse a qualidade. 

Como não teve tempo de fazer um projeto e nem para desenvolver as plataformas próprias, o empresário recorreu a parceiros para adequar seus serviços.

Com uma ferramenta de Gestão Empresarial, o ERP EVEREST, ele conseguiu montar um novo cardápio, calcular os preços dos insumos, localizar fornecedores que estivessem abertos e assim chegar a um valor final justo.

“Eu consigo controlar todas as minhas operações, os custos, diminuir desperdícios, acompanhar as compras, evitar ter compras irregulares e até controlar o padrão dos pratos através das ordens de produções”, comenta Jun Sakamoto.

Eduardo Ferreira, diretor comercial da ACOM Sistemas, empresa responsável pelo sistema ERP, explica que a ferramenta integra as informações mais importantes, fornecendo relatórios gerenciais do restaurante sobre faturamento, ticket médio, produtos mais vendidos, margem de lucro, entre outros recursos que servem de embasamento para tomadas de decisões estratégicas, como promoções, ações comerciais e de marketing, expansão, precificação, investimentos, etc. “O sistema realiza toda a gestão de um restaurante seja qual for a forma de atendimento. Com a readaptação para o delivery, esta tecnologia está sendo bastante útil também na busca por fornecedores ativos para realizar a entrega”, conta.

Já para a busca do cliente final, vale tudo, principalmente a divulgação nas redes sociais. Outra ferramenta que os estabelecimentos têm utilizado é a GoomerGo: um aplicativo recém criado que conecta restaurantes e clientes pelo WhatsApp. “Diante dessa realidade, desenvolvemos a primeira versão do aplicativo em 4 dias no intuito de apoiar e colaborar com o setor de alimentação neste momento. O GoomerGo é gratuito e sem intermediários para realização de pedidos online. Não cobra nenhuma taxa de pedido ou comissão dos estabelecimentos e não envolve a parte logística. Toda a responsabilidade de realizar a entrega e receber o pagamento fica a cargo do próprio restaurante. Em menos de um mês, mais de 3 mil restaurantes já estão utilizando em todo o Brasil”, conta Álvaro Barbosa, gerente de marketing da Gommer, startup que desenvolveu o aplicativo.

Band exibe o “O Sócio” a partir do dia 4

Reality será transmitido pela emissora às quintas-feiras às 22h30

A partir da próxima quinta-feira (4), às 22h30, a Band exibe o reality O Sócio. Sucesso mundial, a nova atração da emissora é comandada por Marcus Lemonis, empresário e investidor de sucesso dono de uma fortuna estimada em US$ 2 bilhões.

ViewImage (5).jpg
Band estreia “O Sócio”, dia 4. (Foto: Divulgação)

Em casa episódio, o bilionário enfrenta os desafios de salvar uma pequena ou média empresa à beira da falência. Investindo uma quantidade substancial de seu próprio dinheiro em troca de um porcentual da empresa e de seus lucros, o empresário vai fazer quase qualquer coisa para salvar a empresa, mesmo que isso signifique ele fazer o trabalho com as próprias mãos, promovendo o estagiário ou demitindo os empregados do topo da empresa.

No programa de estreia, Marcus conhece um apaixonado por carros, Pete Athans, que se afundou ao usar as economias de sua vida toda para construir uma empresa de troca de carros usados no estado de Illinois, nos EUA. Financiar sua concessionária fez com que Pete ficasse quase completamente sem dinheiro. Agora, ele não consegue nem colocar carros em sua loja. Para piorar, seu jeito de administrar o negócio faz com que seus empregados não façam o trabalho direito. Marcus irá tentar ser a força motora que esse proprietário precisa para mudar seu jeito de gerenciar a empresa ou então o negócio irá para o buraco.

O reality O Sócio vai ao ar todas as quintas-feiras, às 22h30, na tela da Band.