Arquivo da tag: Netflix

Iain Glen está confirmado na CCXP19

Conhecido por seu papel em “Game of Thrones”, o ator foi escalado pela DC para viver Batman na série “Titãs”, exibida pela Netflix

 O escocês Iain Glen é um dos convidados da CCXP para a sexta edição do evento, que acontece entre 5 e 8 de dezembro, no São Paulo Expo. Famoso por interpretar personagens como Dr. Isaacs, nos filmes de “Resident Evil”, e Sor Jorah Mormont, na série “Game of Thrones”, Glen já tem um novo trabalho em vista: o ator foi escolhido para viver uma versão mais velha de Bruce Wayne em “Titãs”, série da DC exibida pela Netflix. O astro estará no maior festival de cultura pop do planeta na quinta-feira (5/12) e na sexta-feira (6/12), em sessões de Fotos & Autógrafos e outras atividades a serem divulgadas em breve.  

Para a alegria dos fãs, o anúncio de Iain Glen como Batman aconteceu durante a última temporada de “Game of Thrones”, exibida no primeiro semestre deste ano. O artista já participou de diversas outras séries de TV, como “Doctor Who” e “Downton Abbey”, pela qual foi premiado ao lado de todo o elenco em 2013.  Sua filmografia também é vasta. São mais de 30 longas no currículo, incluindo “Uma Sombra no Escuro”, que lhe rendeu o Urso de Prata de Melhor Ator, no Festival de Berlim. A agenda completa de Iain Glen no festival será divulgada em breve.  

Iain Glen, de Game Of Thrones, vem para CCXP. (Foto: Divulgação)

Quem ainda não garantiu a entrada da CCXP19 tem até o dia 31 de julho para comprar os ingressos com os preços do segundo lote. Já estão esgotadas as credenciais que dão direito aos quatro dias de festival, o pacote Full Experience e os ingressos avulsos para sábado. Ainda é possível adquirir o pacote Epic Experience – que oferece entrada no evento 1h antes da abertura dos portões (sem preferência de entrada nos auditórios), acesso a Spoiler Night, uma foto ou um autógrafo com um artista convidado da CCXP19, além de um kit com camiseta, pin e pôster e desconto de 10% nas lojas oficias da CCXP no evento. Também estão disponíveis para compra as credenciais avulsas para quinta-feira, sexta-feira e domingo. Os ingressos do Unlock CCXP – evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento – também já estão à venda pelo site www.ccxp.com.br.  

Instagram CCXP: https://www.instagram.com/ccxpoficial/?hl=pt-br 

Ingressos CCXP   

2º lote – de 1º de maio até 31 de julho   
Quinta-feira: R$ 200,00 (inteira), R$ 100,00 (meia) e R$ 120,00 (ingresso social).   
Sexta-feira: R$ 260,00 (inteira), R$ 130,00 (meia) e R$ 150,00 (ingresso social).   
Sábado: (ESGOTADO)  
Domingo: R$ 400,00 (inteira), R$ 200,00 (meia) e R$ 220,00 (ingresso social).   
4 dias: (ESGOTADO)  
Epic: R$ 1.400,00  
Full: (ESGOTADO)  
Unlock (evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento): R$ 1.900,00  

3º lote – de 1º de agosto até 4 de dezembro   

Quinta-feira: R$ 240,00 (inteira), R$ 120,00 (meia) e R$ 140,00 (ingresso social).   
Sexta-feira: R$ 300,00 (inteira), R$ 150,00 (meia) e R$ 170,00 (ingresso social).   
Sábado: (ESGOTADO)  
Domingo: R$ 440,00 (inteira), R$ 220,00 (meia) e R$ 240,00 (ingresso social).   
4 dias: (ESGOTADO)  
Epic: R$ 1.500,00  
Full: (ESGOTADO)  
Unlock (evento voltado para profissionais do mercado de entretenimento): R$ 2.000,00  

CCXP19  

Datas: de 5 a 8 de dezembro de 2019   

Local: São Paulo Expo (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, Água Funda, São Paulo – SP)  

STRANGER THINGS: Levi’s® apresenta coleção cápsula em parceria com série

Já pensou em ter o mesmo look que o personagem da sua série favorita está usando? Agora é possível. Para o inverno de 2019, a Levi’s® traz ao Brasil sua parceria com a série Stranger Things da Netflix.

Assistir qualquer filme ou série de TV dos anos 80 nos faz vivenciar uma década cheia de Levi’s®. E como prova contemporânea disso, nada melhor do que uma coleção cápsula com a série Stranger Things que é altamente tematizada pelos elementos culturais da época. E como a marca foi o ícone da moda daquele período, faz sentido que os personagens usem com frequência uma ampla variedade de Levi’s®.

Levi’s lança coleção cápsula de Stranger Things. (Foto: Divulgação)

Trabalhando diretamente com a equipe de figurino de Stranger Things em sua terceira temporada, a Levi’s® pesquisou em seu extenso arquivo para ajudar a criar os trajes da época para vários personagens da série. A nova temporada acontece em 1985, um período em que a enorme presença da Levi’s® na cultura e estilo diário era tão significativa quanto nos dias de hoje. A equipe de design também trabalhou com os figurinistas da série para criar visuais especiais e autenticamente replicados para dois personagens favoritos: Eleven e Dustin.

Não só esses looks completos aparecerão na série, mas também estarão disponíveis para compra como parte desta edição especial de inverno da coleção Levi’s® x Stranger Things. Em julho, você poderá ir a uma loja e adquirir um visual completo e recriado pela Levi’s® usado por dois heróis queridos de Stranger Things. É viver 1985 de novo.

Netflix apresenta… Homecoming: A Film by Beyoncé

A Netflix lançou Homecoming: A Film by Beyoncé, que apresenta um olhar intimista de sua performance histórica no Coachella em 2018, que homenageou as faculdades e universidades historicamente negras dos Estados Unidos (HBCUs). Intercalado com gravações e entrevistas detalhando a preparação e a forte determinação que há por trás de sua visão,Homecoming permite ao telespectador dar uma espiada na preparação e sacrifícios emocionais necessários para conceituar e executar uma performance dessa magnitude e que se tornou um movimento cultural. Essa produção Netflix já está disponível globalmente.

Netflix lança Homecomig, com Beyónce. (Foto: Divulgação)

Como a primeira mulher negra a ser headline do Coachella, Homecoming homenageia os afro-americanos visionários que inspiraram Beyoncé, incluindo os ex-alunos HBCU Toni Morrison, Alice Walker, a ativista Marian Wright Edelman e o acadêmico W.E.B. Du Bois, além de pessoas importantes culturalmente como Nina Simone, Maya Angelou, Chimamanda Ngozi Adichie e Audre Lorde. Beyoncé conheceu a importância das HBCUs com o seu pai Mathew Knowles, ex-aluno da Universidade Fisk.

Filmado ao longo de oito meses, o filme acompanha a estrela global quando ela retorna ao palco depois do nascimento de seus gêmeos, destacando a completa preparação necessária na criação de sua performance inovadora, que incluiu quatro meses de ensaios com a banda seguidos de quatro meses de ensaios de dança com mais de 150 músicos, dançarinos e outros profissionais – todos foram escolhidos a dedo pela própria artista.

Em meio a dupla função: de diretora de sua performance ao vivo e do filme que capturou o processo de realizá-lo, Beyoncé diz: “Foi um dos trabalhos mais difíceis que eu fiz, e eu sabia que eu precisava empurrar a mim mesma e ao meu time para irmos além, sair do ótimo ao extraordinário. Nós sabíamos que algo assim nunca havia sido feito anteriormente a nível de um festival, precisava ser icônico e sem qualquer comparação. A performance foi uma homenagem a uma parte importante da cultura afro-americana. Tinha que ser verdadeira para aqueles que a conhecem, e divertida e esclarecedora para aqueles que precisavam aprender. Ao fazer o filme e recontar a história, o propósito permaneceu o mesmo ”.

Muitos no elenco; banda, cantores, dançarinos e steppers são ex-alunos da HBCU, imersos na tradição de Batalha de Fanfarras, dos Estados Unidos. Eles se juntaram ao grupo de artistas da Beyoncé, que já estiveram em turnê com ela por anos. Os espectadores não só conseguem ver os intensos ensaios de dança e o talento desses incríveis artistas, mas conhecer sua jornada pessoal de estudante da HBCU para artista e o grande impacto que geraram ao lado de Beyoncé neste show histórico.

Muitos com consciência cultural e intelectual se formaram em universidades para negros, inclusive o meu pai”, diz ela no filme. “Há algo muito importante nessa vivência, que deve ser celebrado e protegido.

Como um presente para seus fãs, o filme também inclui – nos créditos finais – sua regravação de “Before I Let Go”, do Frankie Beverly and Maze, um clássico de R&B de 1981 que é frequentemente apresentado nos jogos da HBCU. O single está disponível na trilha sonora do filme, “HOMECOMING: THE LIVE ALBUM”, já disponível pela Parkwood Entertainment e Columbia Records.smarturl.it/BH9102

Homecoming: A Film by Beyoncé, foi dirigido e produzido por Beyoncé Knowles-Carter. O seu colaborador de longa data, Ed Burke, atuou como codiretor. Steve Pamon e Erinn Williams são produtores executivos.

Set List

“Crazy In Love”

“Freedom”

“Lift Ev’ry Voice And Sing”

“Formation”

“Sorry”/”Me, Myself and I”

“Kitty Kat”

“Bow Down”

“I Been On”

“Drunk In Love”

“Diva”

“Flawless” (Remix)

“Feeling Myself”

“Top Off”

“7/11”

“Don’t Hurt Yourself”

“I Care”

“Partition”

“Yoncé”

“Mi Gente (Remix)”

“Mine”

“Baby Boy”

“You Don’t Love Me (No, No, No)”

“Hold Up”

“Countdown”

“Check On It”

“Déjà Vu”(featuring JAY-Z)

“Run the World (Girls)”

“Lose My Breath” (featuring Kelly Rowland e Michelle Williams)

“Say My Name” (featuring Kelly Rowland e Michelle Williams)

“Soldier” (featuring Kelly Rowland e Michelle Williams)

“Get Me Bodied” (com Solange Knowles dancing)

“Single Ladies (Put a Ring on It)”

“Love On Top”

Top 5 Stands e Atrações da CCXP18

Por Andressa Barbieri

De quinta a domingo da última semana foram dias foram uma imersão no universo nerd para os mais de 260 mil visitantes que compareceram a CCXP18 na cidade de São Paulo.

A feira é muito conhecida por ter diversas atrações interativas trazidas pelos expositores e lojas com produtos voltados ao público nerd, alguns deles exclusivos para o evento.

Confira agora o Top 5 Stands e Atrações mais interessantes que fizeram parte da CCXP18!

  1. Superman Experience

WhatsApp Image 2018-12-10 at 16.37.47
Superman completou 80 anos e ganhou uma ativação em sua homenagem. (Foto: Andressa Barbieri)

Não tinha como ser diferente. A melhor atração da CCXP18 foi destinada aos 80 anos do Superman. Apesar de ser uma atração rápida, todos que participaram dessa experiência saíram arrepiados do espaço.

A atração era composta por um vídeo comemorativo onde eram reproduzidas cenas de animações e capas de quadrinhos do Homem de Aço e sua evolução ao longo das décadas. A música tema do herói tocando no último volume durante toda a exibição deixava o público arrepiado.

No final do vídeo, o telão se recolhia na lateral e revelava uma estátua perfeita em tamanho real do Superman. Foi uma homenagem realmente à altura do personagem.

  1. Artists’ Alley by Ford

CCXP
Artist’s Alley é um dos pontos mais procurados da CCXP. (Foto: CCXP/ I Hate Flash)

Todo ano a CCXP destina um grande espaço da feira para os artistas independentes mostrarem seus trabalhos, e esse ano não foi diferente.

O mais interessante desse espaço é que você pode conhecer artistas que não conhecia antes por, infelizmente, não terem tanta visibilidade, encontrar aqueles que você já gosta e sempre quis conhecer pessoalmente e também se deparar com artistas lendários que você nunca sonhou em conhecer na vida!

O Artists’ Alley tem espaço pra todo o tipo de talento e conhecer e apoiar artistas independentes talentosíssimos do Brasil e do resto do mundo é um privilégio que só a CCXP nos oferece. É o coração do evento.

  1. Warner

A Warner apostou em diversas ativações de suas novas produções para os fãs se sentirem parte desses universos.

Dentre todas as atividades, a que mais se destacou foi a atração relacionada ao filme Aquaman, onde os participantes entravam em uma cabine com reproduções do fundo do oceano que iam de uma parede à outra, passando pelo teto, seguidas da exibição do trailer do filme na mesma disposição. Na saída, os visitantes podiam tirar fotos de estátuas de Arthur Curry e da Princesa Mera.

  1. Netflix

ccxp2018_dia3_netflix_arielmartini_2
Netflix levou réplica da Casa da Moeda da Espanha, cenário de La Casa de Papel, para CCXP. (Foto:Crédito: CCXP/ I Hate Flash)

O stand da Netflix não tinha como passar despercebido por nenhum visitante da feira. Além das atividades que contavam com a participação do público, como réplicas de cenários de suas produções, jogos interativos e karaokê, a marca ainda levou uma réplica da Casa da Moeda da Espanha, da série La Casa de Papel. Até quem não acompanha a série ficou curioso e acabou encarando a fila para conhecer a réplica muito bem produzida por dentro.

  1. Loja Oficial Harry Potter

WhatsApp Image 2018-12-10 at 16.37.21
Réplica da casa de Hagrid era uma das atrações da CCXP. (Foto: Andressa Barbieri)

Uma das atrações mais procuradas do evento é, com certeza, a loja de produtos oficiais de Harry Potter. A fila sempre lotada não deixa dúvidas disso. Esse ano a grande novidade foi a réplica da cabana do Hagrid que contava com a presença do hipogrifo Bicuço, a primeira fora dos estúdios do parque do bruxinho, e foi parada obrigatória para todos os fãs de Harry Potter presentes na CCXP. Porém, algumas coisas deixaram os fãs um pouco decepcionados, como o fato de ser proibido entrar na cabana para conhecer o interior da casa de Hagrid e a falta de novidades na loja.

Apesar de trazer alguns lançamentos, principalmente ligados ao novo filme da franquia de Animais Fantásticos, a loja pareceu um pouco mais do mesmo que foi apresentado ano passado. Mas, mesmo sem muitas novidades, visitar a loja valeu muito a pena e os bruxos da CCXP certamente aumentaram seu acervo de produtos do universo de Harry Potter.

Top 5 painéis da CCXP18

Por Andressa Barbieri

Todo mundo já sabe que a CCXP de São Paulo é a maior Comic Con do mundo, mas só esse ano o evento conseguiu realmente atingir um de seus grandes objetivos, que é ter a credibilidade das produções internacionais. Até ano passado, uma das grandes críticas do público da CCXP era a falta de atores de peso no evento, a maioria dos atores que compareciam eram atores coadjuvantes ou que não tinham ainda muita visibilidade no mundo nerd.

Esse ano as coisas mudaram! E principalmente por esse motivo, os painéis foram o ponto alto dos 4 dias de evento, com direito a muitas novidades, presença de artistas incríveis e muitas pré-estreias.

Então, segue aqui o Top 5 dos melhores painéis que rolaram na CCXP18!

  1. Warner

A Warner veio e mostrou que nada é impossível nesse mundo! Assim como a Netflix, a produtora trouxe vários painéis pra CCXP18.

Pra começar, teve logo a pré-estreia exclusiva do filme “Aquaman”, que atingiu e muito as expectativas dos fãs. Muita gente já tá dizendo que é o melhor filme da DC Comics desde “Batman: Cavaleiro das Trevas”. O filme não deixa nada a desejar, tem muita ação, personagens femininas fortes e determinantes, vilões com ótimas motivações, fotografia incrível e muitos closes no Jason Momoa. Se você ficou um pouco desiludido com os últimos filmes da DC, vale a pena dar mais uma chance pra franquia.

No domingo, foram 4 h30 seguidas de novidades. Começando com um bate papo superdescontraído com o elenco de “Creed II”, Michael B. Jordan, Tessa Thompson e Florian Munteanu.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois, os filmes de terror da Warner ganharam espaço: “A Maldição da Chorona”, que aborda uma lenda urbana latino-americana, ganhou uma cena inédita e “It: A Coisa – Capítulo 2”, apresentou um vídeo dos bastidores e de mensagem dos atores do longa para os fãs brasileiros.

Justice Smith, protagonista de “Pokémon: Detetive Pikachu”, entrou no palco para contar a experiência de gravar esse filme onde, na maior parte do tempo, ele tem que usar a imaginação para criar as cenas a partir do famoso fundo verde utilizado nas cenas que ganharão CGI na finalização.

“Uma Aventura Lego 2” e “Godzilla 2” também ganharam trailers, esse último seguido de um recado da atriz Millie Bobby Brown para os fãs.

E aí acabou… A primeira parte!

Entramos então no universo da DC. A Warner trouxe diversas novidades sobre as produções “Aquaman”, “Mulher-Maravilha 1984” e “Shazam!”, com a presença de Zachary Levi, que contou de forma muito bem humorada como é ser um herói nos cinemas, como é realizar esse sonho, e também sobre como é difícil ir ao banheiro usando o uniforme do personagem, já que ele precisa da ajuda de duas pessoas para colocar e tirar o traje. Teve a exibição de uma cena completa de “Shazam!” e de “Mulher-Maravilha 1984”, além de recados de atores como Jason Momoa e Gal Gadot.

Pra finalizar, os fãs tiveram a oportunidade de assistir a mais uma pré-estreia, dessa vez de “Creed II”. O filme mistura toda a atmosfera de Rocky e Creed que estamos acostumados, com momentos muito emocionantes nas relações entre Adonis Creed e a namorada, Bianca, Creed e Rocky, Rocky e sua família, Rocky e Ivan Drago e de Drago com seu próprio filho, o novo desafiante de Creed nos ringues. Além da nostalgia de termos Rocky e Drago frente a frente mais uma vez, o filme acerta em trazer de volta antigos acontecimentos que amarguram os personagens por muitos anos.

  1. Sony

A Sony resolveu matar os fãs de curiosidade e fez um painel surpresa. Isso mesmo! Até o momento do início do painel ninguém fazia ideia do que ia acontecer. Muitas especulações surgiram, mas certamente ninguém chegou nem perto de imaginar tudo que aconteceu durante as 2h do painel.

Pra começar, foi apresentado o primeiro trailer inédito de “MIB Internacional”, seguido de um vídeo dos protagonistas do filme especialmente para os fãs brasileiros. De repente, sem enrolação, Tessa Thompson estava no palco! A atriz falou sobre sua personagem a definindo como “badass, muito inteligente e super nerd”, a expectativa de fazer parte do universo de MIB e como foi reencontrar Chris Hemsworth depois de “Thor: Ragnarok”, onde interpretou a Valquiria.

WhatsApp Image 2018-12-10 at 15.28.07 (2)
Tessa Thompson apareceu de surpresa no painel da Sony. (Foto: Andressa Barbieri)

Depois disso, o painel entrou em um momento sombrio. A Sony trouxe o trailer de “Brightburn”, um filme de terror de super-herói dirigido por James Gunn, e de “Escape Room”,  baseado em um jogo de Escape onde temos que achar as pistas e escapar das salas antes que acabe o tempo, sabe? A diferença é que no filme, a vida dos personagens é que estão em jogo. A apresentação contou com a presença do diretor Adam Robitel e com uma cena desesperadora e exclusiva de 5 minutos do filme.

Daí pra frente o painel foi uma overdose de Homem-Aranha. Começando pela exibição dos 30 primeiros minutos do filme “Homem-Aranha no Aranhaverso”, que foi o suficiente para mostrar a estética diferenciada do filme, que mistura animação digital com itens característicos dos quadrinhos, como as onomatopeias nos momentos de lutas. E pra finalizar, Tom Holland, Jacob Batalon e Jake Gyllenhall apareceram para falar, mas sem spoilers, sobre o filme “Homem-Aranha: Longe de Casa  e apresentar o primeiro trailer exclusivo do longa. Tão exclusivo que nem os próprios atores tinham visto ainda!

  1. Netflix

A Netflix trouxe vários painéis para os 4 dias da CCXP desse ano com muitas novidades sobre as produções para 2019.

Para falar sobre “Mogli – Entre Dois Mundos”, o ator e diretor Andy Serkis veio contar sobre a atmosfera mais sombria do filme dirigido por ele e sobre seu personagem Baloo, que ao contrário da versão que estamos acostumados onde ele é um personagem brincalhão e animado, traz dessa vez um semblante mais ranzinza.

No painel da série “The Umbrella Academy” tivemos a presença já esperada de Gerard Way e Gabriel Bá, os criadores dessa história em quadrinhos, e parte do elenco que dá vida aos personagens da trama. A grande surpresa da noite foi a presença de Ellen Page, também do elenco, mas que não estava cotada como uma das atrações do painel, uma ótima surpresa para os fãs.

WhatsApp Image 2018-12-10 at 15.28.10
Netflix trouxe Sandra Bullock para CCXP, que teve pré-estreia de Bird Box. (Foto: Andressa Barbieri)

Para “Bird Box”, a Netflix foi ousada! Além da pré-estreia do filme, o painel contou com a presença de nada mais nada menos que Sandra Bullock e Trevante Rhodes, protagonistas do suspense, e Dylan Clark, produtor do filme. Arrisco dizer que esse filme foi a surpresa mais positiva dentre as pré-estreias apresentadas nos painéis. O filme não estava sendo tão comentado pelo público, mas deixou todo mundo de boca aberta no final da exibição. Recomendo!

Pra finalizar, as fofuras de “Stranger Things” apareceram para levar os fãs ao mundo invertido. Caleb Mclaughlin, Noah Schnapp e Sadie Sink falaram sobre seus personagens, a importância da relação deles com o público e sobre a relação dos atores nos bastidores entre si, nem tudo são flores o tempo todo, não é mesmo? E no final, foi mostrado um teaser sobre a 3ª temporada da série que termina com a frase “No verão de 1985, a aventura continua…”. Ansiosos?

  1. Marvel

O painel mais aguardado pelo público da CCXP talvez não tenha sido tão interessante quanto muitos imaginavam. A expectativa era grande para a liberação do primeiro trailer de Vingadores 4 neste painel, porém o trailer foi liberado na internet um dia antes, diminuindo um pouco a ansiedade dos fãs. Mesmo assim, o dia do painel da Marvel, sábado, foi o dia com a fila mais longa para a entrada no auditório e grande parte dessa fila era devido ao painel do UCM. Enquanto nos outros dias era possível conseguir lugar ainda de manhã para entrar no auditório Cinemark XD com capacidade para mais de 3mil pessoas, na madrugada de sexta para sábado as pulseiras que garantiam a entrada no auditório esgotaram por volta de 5h da manhã.

Apesar de não termos o trailer de “Vingadores: Ultimato” como novidade, este foi apresentado durante o painel na presença de Sebastian Stan, levando o público à loucura mesmo que já tivessem assistido anteriormente na internet. Durante o painel rolou um bate papo com o Soldado Invernal, que falou um pouco sobre como é fazer parte deste universo cinematográfico de 10 anos e sobre como foi conhecer e conviver com Stan Lee, que nos deixou a menos de um mês, com direito a um vídeo muito emocionante do mestre dos quadrinhos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em seguida, Brie Larson veio para trazer novidades sobre Capitã Marvel. Ela contou sobre o processo de produção do filme, da importância de ser a primeira protagonista feminina de um filme solo de herói da Marvel e trouxe clipes de partes do filme não divulgadas ainda. Esses clipes mostraram um pouco mais sobre a força absurda da personagem e trouxeram algumas novidades sobre o enredo do filme, como uma cena em que a Capitã Marvel está sendo treinada pelo personagem misterioso de Jude Law.

  1. Mauricio de Souza Produções

A Turma da Mônica é uma das queridinhas da CCXP e sempre traz painéis com muitas novidades para os fãs. E vamos combinar né, quem aqui nunca leu um gibi da Turma da Mônica? É incrível ver Maurício de Souza e a própria Mônica em pessoa falando sobre as novidades da marca ao lado dos responsáveis pelas criações.

Os painéis da Mauricio de Souza Produções sempre chamam a atenção pela organização de conteúdos e por conseguirem mesclar muito bem as novidades que acompanham a modernização do mercado com a nostalgia dos gibis que estamos acostumados desde a infância.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Esse ano, as grandes novidades anunciadas foram a Gibiteca, um aplicativo que funciona como uma biblioteca de Gibis pra você carregar sua coleção pra onde quiser, o lançamento de novos episódios de franquias de vídeos e quadrinhos que já haviam sido lançados nos anos anteriores, como por exemplo o Mônica Toy, um trailer exclusivo do filme Turma da Mônica: Laços com a presença dos atores mirins do filme e a revelação do personagem de Rodrigo Santoro no filme, o Louco. E para finalizar, a maior surpresa do painel, uma parceria com a HBO para a série Astronauta. Para a divulgação desse último, foi passado um teaser muito rápido que não conta muita coisa, mas nos deixa com a curiosidade a flor da pele! O que você acha que vem por aí?

Ufa! É muita coisa! E aí, os painéis da CCXP18 foram ou não foram Épicos?

Último dia da CCXP18, 9, tem Michael B. Jordan, Sandra Bullock e crianças de Stranger Things

Evento bate recorde de visitantes e recebe 262 mil pessoas. Organização já anuncia data da próxima edição

A CCXP18 se despede do público em um domingo épico, como os organizadores dizem. O último dia de Auditório Thunder Cinemark XD começou com um verdadeiro espetáculo da Warner, que levou à loucura os fãs de Michael B. Jordan, Tessa Thompson e Florian Munteanu. Os três falaram sobre a continuação da franquia Rocky Balboa, Creed II, cuja pré-estreia aconteceu no festival. Outra estrela do painel foi Zachary Levi, que interpreta Shazam. O ator se diz emocionado por entrar para o universo da DC Comics: “Shazam! é sobre a criança interior, um menino que se descobre um super-herói. É um filme muito divertido, com um protagonista bastante espirituoso”. Já a Netflix brindou o público com a exibição de “Caixa de pássaros”, que estreia na plataforma dia 21 de dezembro. O estúdio trouxe também Sandra Bullock, uma das estrelas mais aguardadas do evento, e parte do elenco da série Stranger Things.

Este slideshow necessita de JavaScript.

No último dia do festival, o público também pode conhecer o vencedor o melhor Cosplayer do Brasil. Júlio César Shirou, cosplay do personagem Link, da série de games The Legend of Zelda, levou o título e também um Ford Ka Sedan SE Plus 1.0 Zero km.  O Auditório Prime recebeu os consagrados artistas Lee Weeks e Peter Milligan para masterclasses. Mike Deodato Jr. também esteve presente no espaço e se emocionou ao ser questionado por um fã se continuaria a trabalhar com o personagem Flama, criado por ele.

A Game Arena recebeu a final do Torneio Universitário de eSports do jogo CS: GO. O time da PUC-SP enfrentou a equipe da UTFPR, que se consagrou a campeã. Já no Auditório Ultra o painel mais disputado foi a homenagem ao legado de Stan Lee. Os convidados, Marcio Takara, Mike Deodato, Leonardo Romero, RB Silva e Adriano Di Benedetto, contaram sobre os títulos que estão trabalhando atualmente e quais foram seus primeiros contatos com o universo do icônico gênio da Marvel Comics.

CCXP tem dia épico com grandes astros de Hollywood

Além dos já programados Brie Larson e Sebastian Stan, o Auditório Thunder Cinemark XD recebeu de surpresa Tom Holland, Jake Gyllenhaal, Jacob Batalon, Tessa Thompson e Ellen Paige

O público foi à loucura no terceiro dia de CCXP. O maior festival de cultura pop do planeta, que acontece até hoje, no São Paulo Expo, recebeu grandes estrelas do cinema em painéis que lotaram o Auditório Thunder Cinemark XD. Além dos aguardados astros que já faziam parte da programação, cinco aparições surpresas fizeram o público delirar quando subiram ao palco.

Tom Holland, Jake Gyllenhaal e Jacob Batalon, transformaram o painel da Sony Entertainment em um dos momentos mais épico da CCXP18! Os atores apareceram para falar de “Homem-Aranha: Longe de Casa” e Tom garantiu: “o próximo filme é muito melhor do que o primeiro e vocês não vão acreditar no que está por vir”. Outro nome convidado foi Adam Robitel, de “Escape Room” que defende que, no filme, “cada personagem é um mistério e o motivo pelo qual eles estão reunidos também”.  Os fãs assistiram ao trailer e o artista ainda afirmou que eles podem esperar surpresas como desafios, sustos, personagens femininas incríveis e fortes e cenários supercaprichados.

No mesmo painel, Tessa Thompson, de “MIB Homens de Preto”, também foi uma das atrações surpresas. A atriz arrancou risadas do público ao contar sua preparação para o filme: “fiz meditação, revi os filmes e rezei para o espírito de Will Smith e Tommy Lee Jones!”, brincou. Os brasileiros foram os primeiros do mundo a assistir ao trailer do longa. No encontro, ainda foi apresentado o filme “Brightburn”, que, produzido por James Gunn, inaugura um novo gênero: o terror de super-heróis.

Se a Sony fez surpresa, a Disney já tinha criado expectativa com atrações muito aguardadas pelo público. Sebastian Stan, o Soldado Invernal, contou sobre como é pertencer ao Universo Marvel. Ele, que sempre via os super-heróis como parte de sua família, comentou que “participar do time foi uma realização”. Ele ainda lembrou de Stan Lee, com um vídeo tributo, e emocionado deu o recado para os fãs: “ele amava todos esses personagens e estava muito contente com todos os filmes”.

Brie Larson, Capitã Marvel e a primeira mulher a ser a protagonista de um filme da Marvel, foi recebida de pé pelo público do Auditório Thunder. Segundo ela, voltar com o filme à década de 90, período de sua infância, foi bastante nostálgico e os fãs podem esperar bastante evolução da personagem: “veremos desenvolvimentos não só físicos, mas emocionais na Capitã Marvel”. A atriz também falou sobre os poderes da personagem, sobre a rivalidade entre krees e skrulls e foi exibido um trailer inédito. Para Brie, o papel foi gratificante: “não tinha a força que tenho agora. Antes me via como tímida e agora consigo levantar um carro ladeira acima”. E quando perguntada sobre qual mensagem gostaria de deixar para as garotas que se inspiram na Capitã Marvel: “eu fiz para vocês!”.

A Netflix realizou um painel sobre “Mogli – Entre Dois Mundos”, lançado ontem, dia 07/12. O filme, que já está disponível pela plataforma para 190 países, é a primeira experiência de Andy Serkis como diretor: “Esse roteiro ia direto ao coração do livro, que é uma história escrita há mais de 100 anos, é uma jornada muito emocional”. Além disso, Andy faz o personagem Baloo na produção, que acredita ser muito atual: “Vivemos em um mundo em que milhões de refugiados andam sem destino à procura de um lar. Sinto que algumas histórias vêm à tona retomadas pela literatura”, conta.

A streaming também trouxe outra surpresa para os fãs de graphic novel: a apresentação de The Umbrella Academy, uma série original da Netflix, baseada na graphic novel de Geraldo Way e que conta a história de irmãos que, com super-poderes, são adotados e treinados para combater o mal. Parte do elenco, formado pela atriz Ellen Paige, mais uma surpresa da CCXP que foi ovacionada pelos fãs, Tom Hopper, Emmy Raver-Lampman e David Castaneda, fecharam o último painel da noite. Além do trailer da série, que vai ao ar em fevereiro de 2019, o público ganhou rosquinhas cor-de-rosa com confeitos coloridos em homenagem a um dos objetos marcantes da direção de arte da produção. O painel terminou com chuva de papéis picados e uma apresentação de violino em homenagem à personagem de Ellen Paige, reconhecida como alguém “super comum”.

 

Auditório ULTRA

Quando os pequenos atores, Giulia Benitte, Kevin Vechiatto, Laura Rauseo, Gabriel Moreira, entraram no palco, acompanhados do diretor Daniel Rezende e, dos icônicos, Mauricio de Sousa e sua filha Mônica, os visitantes da CCXP aplaudiram de pé. Além de apresentarem o trailer e making of exclusivos, os profissionais dividiram com todos como foi interpretar a turma de amigos mais conhecida do Brasil. E, o que não faltou nos comentários de todos, foi o quão emocionante todo o projeto se mostrou para os envolvidos e como se tornaram unidos, “como uma família”, compartilhou Rezende.

Em mais um painel que faz parte das homenagens aos 80 anos do Superman, Tom Grummett comentou sobre os bastidores do clássico “A morte e o retorno de Superman”. O artista contou sobre as decisões feitas em um comitê para “matar” o super-herói e, depois então, ressuscitá-lo: “Assim que anunciamos que iríamos matar o Superman, os fãs do personagem já sabiam que iríamos trazê-lo de volta”. Questionado como foi ser convidado para fazer parte das obras do Homem de Aço, Grummett disse, em tom de brincadeira, como nunca foi convidado, apenas entrou de intruso: “Eu disse para o meu editor que queria fazer só uma história e ele falou que ia guardar aquela informação”.

Auditório Prime

Em uma sala lotada de fãs de todas as idades, o quadrinista John Romita Jr. dividiu seus truques para desenvolver as mais fantásticas narrativas de icônicos super-heróis. A concorrida masterclass abriu o terceiro dia do ciclo de palestras do Auditório Prime.  Durante mais de 60 minutos, ele mostrou sua técnica singular de desenho e criou, ao vivo, uma narrativa sobre o Superman, o grande homenageado da CCXP 2018. Logo em seguida, veio Joe Rubstein, um dos maiores nomes mundiais da arte final em quadrinhos. Em sua masterclass, o público aprendeu como se dá o acabamento para as principais séries de super-heróis, um processo artístico que envolve criatividade, observação e muita sensibilidade.

Pedido de casamento no Universo Cosplay

O que era para ser uma declaração de amor por parte da psicóloga Doani Pinheiro, virou um pedido de casamento de Jorge Gabriel – cosplay do Thor. Acontece que os dois tiveram a mesma ideia de surpreender o parceiro. Logo após uma apresentação do Thor e Luke, Doani chegou com o microfone para demonstrar o que sente pelo namorado. Mas o jogo virou e Gabriel surgiu com um bufê de flores para pedir a namorada em casamento. “Eu quis juntar duas coisas que eu amo: ela e a CCXP”, declara o cosplay de Thor.

Arena Games

Os fãs de e-sports lotaram a Game Arena para acompanhar a grande final do Desafio CCXP de League Of Legends 2018, entre Flamengo e Team One. Em uma disputa emocionante, a equipe do Flamengo se consagrou como a grande campeã do desafio pelo placar de 3×2. Em maioria, os flamenguistas comemoraram a conquista que, até então, era inédita para os cariocas. O professor de matemática, Geovane Biscaim, que veio do interior paulista e acompanhou a final desde o início, disse: “É um momento único para mim. Eu sempre assisto aos jogos pela internet, é a primeira vez que vejo uma competição de perto e estar aqui é uma emoção que não há igual”, celebra.

Para fechar a noite, a Arena recebeu a final do Just Dance Brasil, com competidores de todo o país. Os participantes dançaram sucessos como “Havana” e “New Rules”. A final, entre os cariocas Guilherme Jackson e Tarcísio dos Santos foi disputada numa melhor de três. Tarcísio venceu e levou para casa o troféu de campeão do Just Dance Brasil e a vaga para o campeonato mundial do jogo, que acontece no Brasil, em 2019.

Creators Stage

O mais novo espaço do Festival mostrou mais uma vez que a CCXP tem conteúdo para todos os gostos. A banda brasileira de indie rock, Supercombo, se apresentou para uma plateia com fãs ansiosos e de todas as idades. As mineiras Luana Paes e Laura Azevedo, de 14 anos, mostraram animação ao ver o grupo pela primeira vez. “Eu adoro eles, estou muito ansiosa pelo show”, diz Laura.

Nathalia Arcuri, do canal Me Poupe, apresentou o talk show “Knight Nath Money Show” e levou ao palco personagens importantes de sua infância: Maurício de Sousa e Luciano Amaral – o Lucas Silva e Silva de “No mundo da lua” e Pedro de “Castelo Ratimbum”. A influenciadora simulou as finanças de personagens da Turma da Mônica e Mauricio de Sousa contou como começou a ganhar dinheiro com um trabalho que sempre amou. “Eu não considero trabalho. Isso é uma diversão, um passatempo, o que eu sempre gostei de fazer”, conta.

A nova série da Globoplay foi outro tema do espaço. Tatá Werneck, Fernando Caruso, Eduardo Sterblitch, Fernanda Young e Patrícia Pedrosa dividiram o palco para falar sobre “Shippados”, que estreia no primeiro semestre de 2019. Os apresentadores mostraram como seus gostos pela cultura pop influenciaram suas carreiras. Tatá Werneck falou sobre como mulheres comediantes são discriminadas e tratadas como loucas quando querem fazer as mesmas coisas que os homens. “Homens são engraçados, mulheres são loucas”, ironiza.  

Este slideshow necessita de JavaScript.

Top 5 da CCXP 2018

Por Henrique Moita

Graças ao pessoal da BandUP!, que esse ano está com uma parceria com a Warner, vendendo diversos produtos da empresa no evento, o Diversorio foi convidado para participar do Spoiler Night da Comic Con Experience (que começa oficialmente hoje, 6) e pudemos dar uma olhadinha no que as pessoas vão poder presenciar no maior evento da cultura pop/geek do Brasil. Então, caso você pretenda visitar o evento, aqui fica uma lista com 5 coisas que você não pode perder na CCXP 2018.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28
Netflix leva réplica da Casa da Moeda, cenário de “La Casa de Papel”. (Foto: Henrique Moita)

  • Stands: Não é novidade nenhuma que uma das maiores atrações da CCXP são os stands das grandes empresas. Nesse ano, vale o destaque para os seguintes: Warner, que conta com diversas atrações dos seus principais lançamentos no cinema, como Creed II, Aquaman, Shazam e algumas de suas principais séries, como The Big Bang Theory; Disney, que hoje em dia já se tornou dona de quase tudo e tem um stand enorme que conta com atrações de suas diversas empresas, como a Pixar, Star Wars e Marvel; Netflix, que todo ano tem alguma atração muito boa e esse ano não decepciona trazendo uma réplica da Casa da Moeda da Espanha, da séria La Casa de Papel, na qual você pode entrar; também temos a HBO, que como sempre foca nas suas duas maiores franquias da atualidade, Westworld e Game of Thrones, e traz algumas atrações dessas séries; e por último, mas não menos importante temos o stand do Harry Potter, que conta com a loja oficial da franquia, e esse ano trás uma réplica original da cabana de Rubeo Hagrid.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.26
Brie Larson, a Capitã Marvel, com certeza levará materiais exclusivos à CCXP. (Foto: Henrique Moita)

  • Painéis: Infelizmente, no Spoiler Night não temos nenhum painel, porém, essa não deixa de ser uma das principais atrações do evento. As produtoras que estão lá tem momentos muito aguardados pelo público, como a divulgação de algum trailer inédito ou trecho de algum filme que está para ser lançado e até mesmo a presença de diversas celebridades para serem entrevistadas. Destaques para os painéis da Netflix (serão dois esse ano), Disney/Marvel, Warner/DC Comics, Paramount e HBO.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28 (2)
Loja do Harry Potter trás réplica da cabana do Hagrid. (Foto: Henrique Moita)

  • Lojas: Sim, a CCXP, como de costume tem diversas lojas a sua disposição, nas quais você pode comprar diversos produtos. Porém, não espere grandes promoções. Os preços das maiorias dos produtos são bem carinhos, mas isso não faz com que as lojas estejam sempre lotadas e com filas enormes do lado de fora.

WhatsApp Image 2018-12-05 at 22.31.28 (1)
Curte games? A CCXP tem diversos games espalhados pelo evento. (Foto: Henrique Moita)

  • “Mini-BGS”: Em uma feira dessa magnitude, não poderiam faltar os games. Desde a área do YouTube Gaming até os diversos consoles espalhados pelos stands, quem quer se divertir jogando alguns jogos de franquias famosas como Dragon Ball, Injustice 2, Just Dance, entre outros, achara na CCXP alguns lugares ótimos para isso.
  • Cosplayers: O que não falta nesse tipo de evento são os famosos cosplayers. E nesse, como sempre estará recheado de pessoas “fantasiadas” de personagens famosos, sempre dispostos a tirar foto com os visitantes. Sempre bom lembrar também que na CCXP rola uma competição para ver quem é o melhor cosplay.

Então é isso galera, espero que, quem for, possa aproveitar as maravilhas proporcionadas na CCXP 2018. Viva o Épico!

Autora de “A Barraca do Beijo” participa da 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Beth Reekles virá pela primeira vez ao Brasil sentir o carinho dos fãs; livro de sucesso virou filme e ainda assim continua a conquistar os leitores adolescentes

ogilvystrip_148795_0_web.jpgCom apenas 23 anos, a escritora Beth Reekles já conquistou uma legião de fãs por todos os cantos do mundo. “A Barraca do Beijo”, publicado no Brasil pela editora Astral Cultural, foi sucesso noWattpad, com mais de 19 milhões de acessos e 40 mil comentários, venceu o Prêmio Watty de Ficção Adolescente Mais Popular e acabou até virando filme. Beth participa da 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) no dia 05 de agosto, às 11h, na Arena Cultural BIC®, em um bate-papo aberto com o público.

O livro conta a história de Elle Evans, uma garota bastante popular e querida na escola. Tudo na sua vida parece ser perfeito ao lado de Lee Flynn, seu melhor amigo e quase irmão. Porém, Elle tem um problema: nunca beijou ninguém! Sua vida vira de pernas para o ar quando ela e Lee têm a brilhante ideia de fazer uma barraca do beijo no festival da escola. O que deveria servir apenas para arrecadar dinheiro para uma causa social e movimentar o evento escolar, torna-se um marco na vida de Elle: seu primeiro beijo.

Mas não pense que foi qualquer primeiro beijo: foi com Noah Flynn, o bad boy da escola e crusheterno de Elle. O único problema se dá ao fato de Noah ser o irmão mais velho de Lee. O que parecia impossível torna-se realidade e agora, a garota precisará decidir entre viver uma paixão proibida (e escondida) com seu paquera ou abrir o jogo de uma vez por todas com seu melhor amigo e colocar tudo a perder.