Arquivo da tag: Pai

Rio Man marca presença no Dia dos Pais

Underwear agrada todos os estilos de pais e é indispensável no dia-a-dia

Em 11 de Agosto se comemora o Dia dos Pais e a dica da Rio Man para presentear o paizão nesse domingo especial são as cuecas – versáteis para todas as ocasiões! Quer coisa melhor que um presente super útil?

Disponíveis nos modelos sungão, slip e boxer, atendem todos os homens com conforto e estilo. A Cueca Sungão em Cotton, com laterais largas e comprimento que não passa do início das coxas,traz como detalhe elástico do cós com desenhos variados e está disponível nas cores mescla, marinho e preto com preço sugerido de R$ 29,90. Uma ótima opção para quem pratica esportes! Já para os pais mais tradicionais, a Cueca Slip Sem Costura é um modelo clássicoque possui modelagem diferenciada com elástico embutido nas pernas, garantindo conforto absoluto. Disponível em marinho, chumbo, branco e preto, nos tamanhos P a GG com preço sugerido de R$ 34,90.

Para os pais que buscam conforto sem deixar o charme de lado, o ideal são os Kits Cueca Boxer Sem Costura – duos variados de cueca boxer com desenho anatômico que proporcionam ajuste perfeito, secagem ultra rápida e liberdade de movimento! Disponíveis do P ao GG em diversas cores com preço sugerido de R$ 49,90.

Pai é Pai, não importa o estilo! A Rio Man atende todos eles.

Acesse o sitewww.riomanunderwear.com.br e saiba mais detalhes sobre essas dicas de presentes! Siga também @riomanunderwear.

Autor se inspira na própria vida para contar a história de pai que se reconecta com o filho autista graças ao Minecraft

Keith Stuart virá ao Brasil em dezembro para falar sobre o assunto na Comic Con Experience

Editora Record lança livro de relação entre pai e filho. (Foto: Divulgação)
Editora Record lança livro de relação entre pai e filho. (Foto: Divulgação)

O jornalista britânico Keith Stuart é editor de games do jornal The Guardian e, portanto, acostumado a ter uma série de jogos e consoles espalhados pela casa. Zac, o filho de Keith, é autista. Aos 6 anos, ele descobriu o Minecraft, e a relação do menino com o jogo foi uma revelação para a família: a nova experiência o ajudou a se expressar e, principalmente, fez com que os pais entendessem melhor quem ele era. A história da vida real é a inspiração para o romance “O menino feito de blocos”, que chega às livrarias pela Record no fim de novembro.

Na trama, Keith conta a história de Alex, um homem que incorpora perfeitamente o sentimento de “estar perdido”. Casado há 10 anos com Jody, ele é o pai de Sam, um menino autista de 8 anos. Alex nunca soube lidar com o filho. Para se afastar de todo o choro, dos ataques de fúria e das reações inexplicáveis, se afundou num trabalho burocrático do qual nem gosta. Sua ausência deixa o casamento por um fio, e Jody decide que os dois precisam de uma “separação experimental”. Não ajuda muito o fato de Alex ainda guardar um trauma de infância: a morte de seu irmão mais velho, George, quando eram crianças.

Agora, Alex está vivendo no colchão inflável do melhor amigo e precisa dar um jeito de se reerguer. E, ele logo percebe, grande parte disso passa por conhecer de verdade o próprio filho. Um dia, por acaso, os dois começam a jogar Minecraft.  O jogo é uma espécie de Lego mais elaborado e online, onde é possível construir mundos com blocos feitos de materiais diversos. Naquele ambiente, Sam se ilumina e se expressa como nunca fez antes. Ali, no “Mundo do Sam e do Papai”, como eles batizam sua criação, eles vão trabalhar juntos e se conectar de uma forma que acaba influenciando também a vida real, para além do virtual.

Keith narra com sensibilidade a jornada de Alex, um personagem que reflete de forma muito verdadeira algumas das angústias comuns aos adultos contemporâneos. Sua experiência também permite uma sinceridade tocante ao falar sobre as dificuldades de lidar com uma criança com autismo, e as delícias de conseguir criar uma relação verdadeira com os filhos.

O autor virá ao Brasil para participar da Comic Con Experience. No sábado, dia 3 de dezembro, às 15h30, ele estará na mesa “Games como conexão com mentes especiais”. Keith vai conversar com o apresentador Marcos Mion (que também tem um filho autista) e com o quadrinista Flavio Soares, que escreve uma história em quadrinhos sobre sua relação com o filho que tem síndrome de Down.