Arquivo da tag: Roma

5 destinos italianos para visitar com a Alitalia

A Alitalia é a tradicional companhia aérea italiana, que traz a cultura do país para a experiência de bordo. Nada melhor do que explorar os incríveis destinos da Itália e imergir completamente na trajetória da viagem a bordo dos voos da empresa.

Confira abaixo cinco destinos italianos para explorar com as rotas da Alitalia:

Roma

(Foto: Divulgação)

No Brasil, a Alitalia tem voos diários saindo do Rio de Janeiro e dois voos por dia saindo de São Paulo, todos com destino a Roma. Por isso, a cidade é a porta de entrada perfeita para a Itália. Em Roma, estão alguns dos principais cartões postais do país como o Coliseu, o Panteão e a Fontana di Trevi.

Milão

(Foto: Divulgação)

Milão é a capital mundial da moda e do design. O destino é perfeito para compras e também para degustar o que há de melhor na alta gastronomia italiana. Alguns pontos turísticos que se destacam na cidade são a Piazza del Duomo e a Catedral de Milão.

Veneza

(Foto: Divulgação)

Veneza é um dos destinos mais românticos da Itália. Toda a cidade é cortada por lindos canais, tornando as gôndolas um dos principais meios de transporte do local. A Praça de São Marcos é um dos principais atrativos da cidade, onde estão localizadas a Basílica e o Campanário.

Florença

(Foto: Divulgação)

Florença é a cidade que mais se destaca na região da Toscana. Ela abriga uma enorme variedade de obras de arte e arquitetura da era renascentista. Um passeio imperdível é visitar a Galeria da Academia de Artes, onde está localizada a famosa escultura de David de Michelangelo.

Nápoles

(Foto: Divulgação)

Nápoles é a principal cidade do sul da Itália. O destino tem um visual incrível do Vulcão Vesúvio oferece diversas possibilidades de passeios culturais como visitas aos castelos Nuovo e Ovo, ao Palácio Real e Praça do Plebiscito.

Italiana Bialetti lança cafés especiais no Brasil

Centenária marca italiana estreia em novo segmento de mercado, com o lançamento de dois blends de cafés especiais

O ano de 2019 marca os 100 anos da italiana Bialetti, ícone para o café e o design italianos.É da marca a invenção da tradicional cafeteira italiana Moka Express, uma grande inovação para o design industrial e objeto de desejo para os ‘coffee lovers’.O utensílio virou até item colecionável e faz parte do acervo de importantes museus pelo mundo, como o MoMa – Museu de Arte Moderna de Nova Iorque.Além das cafeteiras e acessórios para degustar o genuíno espresso italiano, a Bialetti surpreende o mercado brasileiro, com o lançamento de uma linha de Cafés Especiais.São dois blends, com as opções de moagem para Moka, Espresso e Café Coado.A novidade pode ser encontrada na loja oficial da marca – www.bialettishop.com.br

Café Bialetti NÁPOLI (Encorpado / Aroma Doce / Torra Média)

(Foto: Divulgação)

Oriundo da Espécie Coffea Arábica de linhagens Mundo Novo, Acaia,Catuaí Amarelo e Catuaí Vermelho, Bourbon, Icatú e Obatã.A colheita é feita de forma manual e seletiva.A secagem é feita ao sol em terreiros, seguindo métodos ideais para a secagem uniforme.Após a secagem é feito o beneficiamento, armazenamento e torra.Tudo isso é feito dentro da própria fazenda, o que assegura a pureza de um café verdadeiramente rastreado e de alta qualidade. Estes procedimentos preservam as suas características originais e conservam assim o delicioso sabor do café.Nas opções de moagem para Moka e Café Coado. 

Café Bialetti ROMA (Corpo Denso / Aroma Achocolatado / Torra Média)

(Foto: Divulgação)

O Café Bialetti Roma vem da Espécie Coffea Arábica de linhagens Bourbon Amarelo,Mundo Novo e Catuaí, da região Alta Mogiana, no Estado de São Paulo.O café passa por dezenas de processos, com muito valor agregado, da colheita até a torra.O blend é constituído de forma natural, garantindo assim as propriedades necessáriaspara um café doce e equilibrado.Moagem para Espresso. Onde Encontrar: na www.bialettishop.com.br Atendimento ao Consumidor: (19) 99926–6417

Viaje aos anos 70 com essas casas do Airbnb na Colônia Roma

A Colônia Roma é, sem dúvida, uma das jóias da Cidade do México, sendo um dos bairros mais emblemáticos com uma história que remonta o início do século XX. Graças à recente estreia do filme do diretor mexicano, que leva o mesmo nome, Roma ganhou ainda mais destaque  em todo o mundo.

Durante vários anos, este bairro mágico tornou-se um dos mais populares, tanto para viajantes estrangeiros como para os moradores locais, que gostam de caminhar pelas suas ruas, apreciar a arquitetura e desfrutar da gastronomia dos seus restaurantes e comida de rua.

Mergulhe em suas ruas ecléticas e reviva a era dos anos 70 hospedando-se nestas acomodações exclusivas do Airbnb:

Casa espetacular com uma experiência artística

(Foto: Divulgação)

Aprecie as pinturas, os móveis e cada detalhe dessa casa. Aproveite também para tomar sua bebida favorita no jardim do terraço observando um lindo pôr do sol.

Duas suítes conectadas por um magnífico salão

(Foto: Divulgação)

Essa bela suíte vai fazer você viajar no tempo. Todos os móveis são peças originais do meio do século e feitas por designers mexicanos famosos. O apartamento tem, ainda, um terraço maravilhoso, ideal para café da manhã.

Bela suíte em um edifício histórico

(Foto: Divulgação)

Esta suíte extraordinária está localizada em um edifício icônico do bairro e é chamada de “A Casa das Bruxas” devido à  influência da arquitetura britânica e alemã.

Casa Art Déco Romântica com Terraço

(Foto: Divulgação)

“Casa Josefa” é uma casa de três níveis de Art Déco que originalmente foi construída na década de 1920 e depois foi renovada por um designer e artista com um mural pintado à mão, com detalhes da época e influência francesa que caracteriza o bairro de Roma.

Viaje no tempo com estilo e conforto

(Foto: Divulgação)

Mergulhe neste aparthotel artístico bem localizado e decorado com incríveis fotografias, esculturas, pinturas e peças em vidro.

Casa única e histórica

(Foto: Divulgação)

Você já pensou em viver em Roma como um local? Esta bela casa construída em 1920 foi restaurada com muito amor para ser um lar compartilhado com as pessoas que querem aprender sobre a cultura mexicana.

Conheça os vestígios romanos no Alentejo

Região portuguesa guarda evidências da presença da maior civilização da história ocidental

O Império Romano foi a maior civilização da história ocidental, tendo estendido seu território por boa parte do que hoje é a Europa, inclusive por Portugal. Por isso, o Alentejo, maior região do país, guarda diversos vestígios dessa época, o que acrescenta ainda mais charme aos seus pequenos vilarejos e cidades.

O período romano no Alentejo deu-se entre os séculos 2 a.C. e 5 d.C., época da queda do Império. Neste período, a região foi um importante provedor de trigo para Roma. Localizado no coração de Évora está o Templo Romano, o maior ícone desta dinastia em terras alentejanas. Parte das muralhas da cidade, conhecidas como Cerca Velha, também carrega herança desse povo antigo, como a Porta de D. Isabel e a Casa dos Burgos, que possui uma domus romana encravada no subsolo.

Templo Romano - Credito Turismo do Alentejo.jpg
Templo romano em Alentejo. (Foto: Turismo de Alentejo)

O tema é abordado com profundidade no Museu de Évora, onde os destaques são a estátua de um sileno, um dos seguidores de Dioniso na mitologia romana, e fragmentos recém-descobertos de uma mão feminina segurando um fruto. Na Câmara Municipal da cidade, por sua vez, foi encontrada a estrutura de enormes Termas Romanas, locais que eram destinados aos banhos públicos. Outro complexo termal está em Vila Romana de Tourega e tem 500 metros quadrados, com diversas salas e tanques de banho.

Nos arredores de Marvão, as Civitas de Ammaia, a ponte de Vila Formosa, a vila de Torre de Palma e o Núcleo Museológico da Igreja da Madalena apresentam vários vestígios romanos. Em Beja, por sua vez, vale observar os detalhes de Vila Ruiva, a vila de S. Cucufate e Casa do Arco, além das Portas de Évora e de Avis, os gigantescos capitéis junto ao Museu Regional da cidade e o Núcleo Museológico Romano.

Outras cidades também têm o que mostrar, como a vila de Pisões em Penedo-Gordo; o Museu da Lucerna, em Castro Verde; e o Núcleo Museológico Romano, em Mértola.

No litoral alentejano, descubra a Estação Arqueológica de Miróbriga, em Santiago do Cacém, e a Cripta Arqueológica do Castelo, em Alcácer do Sal. Esta última está localizada no subsolo do antigo Convento de Aracoeli, atual Pousada D. Afonso II, e contém ruínas de habitações da Idade do Ferro, além de um importante santuário romano do século 2 d.C.

 

Três roteiros clássicos de viagens de trem na Europa

Conheça os destinos que não podem faltar em sua primeira visita ao Velho Continente

Europa reúne os destinos mais procurados por viajantes do mundo todo e, para conhecer as suas belas paisagens, nada melhor do que utilizar a sua extensa malha ferroviária.

Além de conforto e pontualidade, os trens proporcionam uma viagem segura e tranquila até mesmo para os turistas de primeira viagem, com estações bem localizadas, conectividade com os transportes públicos e sem a necessidade de check-in.

A Rail Europe, líder em distribuição de bilhetes e passes dos trens europeus, elaborou três roteiros clássicos de viagem pelo Velho Mundo imprescindíveis no itinerário de suas férias. 

Jungfraujoch - Top of Europe - Suíça.jpg
Rail Europe dá dicas de roteiro de trem pele Europa. (Foto: Divulgação)

1. Roteiro: Londres – Paris – Bruxelas – Amsterdã

Os principais destinos da Europa e que todo turista deve conhecer. Em Londres, visite os museus – a maioria tem entrada gratuita – e os icônicos pontos turísticos London Eye, Big Ben e Palácio de Buckingham. A bordo do trem Eurostar, após 2h20 de viagem, a chegada em Paris já evidencia a arquitetura magnífica da capital da França. Reserve tempo para admirar a Torre Eiffel enquanto descansa do itinerário intenso de passeios.

Os trens da Thalys levam os viajantes com rapidez e comodidade para Bruxelas. Caminhe por entre as pequenas ruas da metrópole belga e experimente as delícias típicas: chocolate, cerveja e batatas fritas. A mesma companhia faz o trajeto até Amsterdã. Com sua vida noturna agitada, é ideal para quem busca muita diversão. O passeio de barco pelos canais e o emocionante Museu Anne Frank são atividades obrigatórias.

2. Roteiro: Veneza – Florença – Roma

A partir da romântica Veneza, onde o melhor é se perder por entre as ruas estreitas e admirar as obras-primas da arquitetura em meios aos canais, se inicia o roteiro pelas principais cidades turísticas da Itália. O trem de alta velocidade até Florença sai da estação Santa Luzia diariamente e a viagem tem 2h de duração. Capital do Renascimento, é um museu a céu aberto e com opções para todos os gostos.

Ao embarcar para Roma, reserve um lugar na janela para admirar as paisagens bucólicas durante o trajeto de 1h30. Além disso, programe-se para não perder nenhum detalhe da capital, que reúne um acervo vasto e impressionante de arte, esculturas e construções majestosas.

3. Roteiro: Zurique – Lucerna – Interlaken

A Suíça conta com uma eficiente rede ferroviária, o que proporciona facilidade de locomoção aos turistas que visitam o país. Em Zurique, percorra o centro histórico, a orla e faça um passeio de barco pelo lago. A menos de 1h de trem da capital, Lucerna encanta por suas belezas arquitetônicas – com suas charmosas construções medievais – e naturais, pois está rodeada pelos alpes nevados.

Um dos principais destinos turísticos do país, Interlaken está a cerca de 2h de Lucerna, viajando de trem. É o ponto de partida para a famosa subida ao complexo “Top of Europe”, a estação de trem mais alta da Europa. O local conta com um parque de diversões nas alturas, além de muita neve, esculturas de gelo e vista de tirar o fôlego.