Arquivo da tag: Sesc Belenzinho

The Outs se apresenta no Sesc Belenzinho dia 16 de setembro

Depois da elogiada apresentação no Lollapalooza 2017, a banda The Outs, sensação da cena indie carioca, volta a São Paulo para um show no Sesc Belenzinho no próximo sábado, 16 de setembro.
The Outs - divulgação 1w (1).JPG
Sesc Belenzinho recebe show de The Outs, no dia 16. (Foto: Divulgação)

Dennis Guedes (guitarra/baixo/vocais), Tiago Carneiro (baixo/vocais), Gabriel Politzer (bateria) e Vinícius Massolar (guitarra/teclado/vocais) vão tocar pela primeira vez na íntegra o repertório de seu álbum de estreia ”Percipere” (Deck/2016). A apresentação ainda terá outras surpresas, entre elas uma nova composição que fará parte do próximo disco, previsto para ser lançado em 2018.

O show terá projeções psicodélicas de Gabriel Rolim e participações especiais das cantoras Paula Cavalciuk e Dayse Salles, mãe do guitarrista Dennis Guedes.

Serviço

Show: The Outs

Data: 16 de setembro (sábado)

Horário: 21h30

Local: Sesc Belenzinho

Endereço: Rua Padre Adelino, 1000 – Belenzinho – São Paulo/SP

Informações: (11) 2076-9700 / www.sescsp.org.br/belenzinho

Ingressos: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes).

Venda pelo Portal e unidades do Sesc

Classificação: Não recomendado para menores de 18

Mundo Livre SA se rende ao DVD

Com mais de 30 anos de estrada, a sensacional Mundo Livre SA, criadora do movimento mangue bit ao lado de Chico Science & Nação Zumbi, se rendeu ao DVD graças ao apoio dos fãs. ”Foi resultado de um enorme esforço coletivo, uma espécie de mutirão envolvendo gente de várias regiões” – disse o vocalista Fred Zeroquatro. “Tudo na base da colaboração com profissionais que além de muito talentosos, eram sobretudo fãs da banda”.

Mundo Livre S.A lança DVD. (Foto:  Felipe Martins)
Mundo Livre S.A lança DVD. (Foto: Felipe Martins)

Gravado em São Paulo, no Sesc Belenzinho, o DVD e CD “Mangue Bit ao Vivo” traz Zeroquatro (vocal), Chef Tony (bateria), Walter Areia (baixo) em sua melhor forma e acompanhados por Leo D. (teclados e samples), Pedro Santana (percussão), Nilsinho Amarante (trompete) e Fabinho Costa (trombone). “A maior dor de cabeça foi resumir toda a discografia em 17 músicas” – comentou Zeroquatro. Entre o repertório variado estão grandes sucessos como “Meu Esquema”, “Mexe Mexe”, “O Seu Suor é o Melhor de Você” e “Computadores Fazem Arte”, todos em novos arranjos e a inédita “Loló Luiza”. O conceito cenográfico, de Gigi Barreto, foi inspirado na arquitetura caótica das palafitas que povoam os manguezais urbanos de Recife.

Mangue Bit ao Vivo” foi financiado primeiramente pelos fãs através da internet (Catarse) e depois executado com apoio do Sesc Belenzinho. Será lançado ainda este mês através do selo Coqueiro Verde.

DU RAP apresenta novo CD Quixote, no Sesc Belenzinho, dia 30/10

O rapper paulista Fino Du Rap faz show de lançamento da mixtape Quixote, dia 30 de outubro, sexta-feira, às 21h30, no Sesc Belenzinho. O álbum mescla poesia e literatura por meio da batida do hip-hop. Uma das marcas do MC e poeta é a mistura de estilos. O samba e o samba-rock se fundem com o rap em letras que tratam sobre respeito, amor e a sociedade contemporânea.

Fino Du Rap se apresenta no Sesc Belenzinho. (Foto: Thamyris Salgueiro)
Fino Du Rap se apresenta no Sesc Belenzinho. (Foto: Thamyris Salgueiro)

No palco, Fino estará acompanhado pelo Dj F-Zero e  a banda Ouro&chá e conta com participação especial de Izzy Gordon, Eduardo Brechó (Banda Aláfia),Bárbara Bonnie, Dagô Miranda, James Lino (Potencial 3), James Bantu, Tati Botelho, Avante O Coletivo, Raphão Alaafin e do poeta Fabio Boca. Todos artistas que participaram do CD.

Clayton dos Santos, o Fino du Rap, nasceu no bairro do Capão Redondo, Zona Sul de São Paulo. Com 18 anos de carreira vivenciou fases e épocas distintas do hip-hop paulistano. O MC trás em sua bagagem a essência dos primórdios do Rap, com letras onde o intuito é a luta por melhores condições sociais, mas sem deixar de lado letras e composições com assuntos que fazem parte da evolução do gênero.

Temas mais abrangentes que exaltam as qualidades da condição humana como o amor, as causas sociais e a perseverança, também estão presentes em suas letras. A faixa título foi composta durante os protestos que aconteceram no Brasil em junho de 2013. Fino conta que estava relendo o romance Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes, e ao voltar de uma passeata surgiu a ideia para a música.

Poeta e escritor, hoje viaja o mundo com suas rimas e poesias, mas por muito tempo teve que trabalhar como limpador de vidros fazendo rapel nos prédios da cidade. Muitas ideias para suas composições surgiram enquanto estava pendurado limpando as vidraças dos escritórios comerciais.

Trajetória de rimas

Quixote é o quinto trabalho solo do rapper e conta com participação de Izzy Gordon, Dagô Miranda, Fabio Boca, James Lino, Raphão Alaafin, Eduardo Brechó, Poesia Samba Soul, Avante O Coletivo, Fernanda Coimbra, Bárbara Bonnie, Dugueto Shabazz, James Bantu e Tássia Reis.

Fino Du Rap participou de bandas como Realidade Zona Sul e Núcleo. Iniciou sua carreira solo no ano 2000 e, em 2002, lançou o primeiro disco, Mochila de Rimas. Em 2005, lançou o EP O Som do Fino, com cinco faixas e o inicio da parceria com DJ F-Zero, que dura até hoje. Em 2009, com produção do DJ F-Zero e Diamante coloca no mercado o CD Quarto Mundo, que teve boa repercussão no meio do rap sendo indicado entre os 10 melhores discos do ano pelo site Rapevolusom.

Em 2011 começa parceria com o DJ Kensaye, um francês que mora em Londres e descobriu o som de Fino pela internet. O produtor o convidou para participar de uma coletânea chamada Back to School. É dele parte da produção do quarto álbum Intaumfião, lançado em 2013.

A faixa Roda Viva, produzida por Kensaye e que contou com a participação de Eduardo Brechó (Aláfia), teve o vídeo-clipe gravado na Argentina durante a 40ª Feira Internacional do Livro de Buenos Aires quando Fino viajou à convite da Cooperifa. As imagens são de Mariana Castilho, a edição e direção de Rogério Vieira.

O clipe pode ser conferido no link https://www.youtube.com/watch?v=takz7xiE_oU

O menino franzino que se inspirou nos Racionais MC’s quando viu um show na Praça do Campo Limpo no final da década de 90 não imaginava as lutas e moinhos que iria enfrentar, muito menos um dia dividir o palco com Mano Brown, quando abriu seu show ano passado em Ubatuba. Hoje também trabalha como arte-educador e é integrante do coletivo Narra Várzea que atua realizando interferências poéticas, além de narrar e comentar os jogos de futebol de várzea.

QUIXOTE  – Produção: Dj F-Zero, Diamantee, Dj William, Rafael Franja Lima e Kensaye Russel 

1- Intro | Don Kichute – Fabio Boca

2- Roda Viva | Part. Eduardo Brechó

3- Evoluir enquanto Trabalhar | Part. Avante O Coletivo 

4- Gueto, Love, Rima e Sobrevivência | Part. James Lino

5- Viver para Contar | Part. Dugueto Shabazz

6- Rolezin Love | Part. Dagô Miranda 

7- Na Tranquila | Part. Poesia Samba Soul 

8- Efêmera Emoção

9- Pedalando | Part. Fernanda Coimbra 

10- Espírito de Luta

11- Dose pra Leão

12- Vila Cais 

13- A Poesia Invadiu | Part. Raphão Alaafin e James Bantu

14- Eu que nunca quis | Part. Bárbara Bonnie 

15- Um Monte Assim Oh! | Part. Tássia Reis 

16- Lusmarina | Part. Eduardo Brecó

17- QUIXOTE | Part. Izzy Gordon

Para Serviço:

FINO DU RAP – Show de lançamento do CD Quixote – Dia 30 de outubro, no Sesc Belenzinho.

Abertura – 20h30 – Dj Guss. Horário/Show – 21h30. Ingressos R$ 20,00 / R$ 10,00 (meia-entrada) / R$ 6,00 (comerciário). Classificação – 12 anos. Duração – 80 minutos.

SESC BELENZINHO – Rua Padre Adelino, 1000. Belenzinho (próximo ao metrô Belém), São Paulo – SP. Local: Comedoria (Térreo). Capacidade: 450 lugares.