Arquivo da tag: Sesc Pinheiros

São Paulo em Palavras, novo título da Aquarela Brasileira Livros, apresenta uma metrópole multifacetada na visão de 26 autores

Lançamento ocorre no dia do aniversário da cidade, 25 de janeiro,
no Sesc Pinheiros, com a presença dos escritores e sarau

sa%cc%83o-paulo-em-palavras_capa-1São Paulo em conto, prosa e verso pelas palavras de Alessandro Buzo, Alex Richards, Amara Moira, Ana Maria González, Andrea Pelagagi, Bruno Brum, Brunno Almedia Maia, Daniel Arruda, Dennis de Oliveira, Erika Balbino, Fábio Bardella, Gu Tramontin, Janaina Abreu, Jenyffer Nascimento, João Diniz, Jonas Worcman, José Santos, Lívia Prado, Paulo Rafael, Pedro Gabriel, Roberta Scatolini, Selma Maria + Nina Anderson, Vanessa Farias, Wagner Merije e do saudoso Mário de Andrade.

Para celebrar a cidade, um grupo de escritores foi reunido pelo editor e artista múltiplo Wagner Merije para criar uma obra única e coletiva que mostrasse a relação de cada autor com a metrópole. O resultado é a antologia São Paulo em Palavras, compêndio de 160 páginas à venda por R$ 30 que será lançado em 25 de janeiro, no Sesc Pinheiros.

“…A ideia é descortinar e mostrar a capital revista por paulistanos e paulistas, por brasileiros de outras partes do país e de fora dele, por gente das periferias e universidades, com formações diversas e atuações em vários movimentos e que vivem a cidade com intensidade…”, afirma Merije, organizador do livro

No título, cada autor apresenta suas criações em seis páginas. Amor, amizade, tensão, delírio, autoconhecimento e mapas sentimentais que trazem à tona lugares, personagens, momentos históricos e suas relações afetivas sobre esta instigante cidade que completa 463 anos.

“…Em quase meio século de existência, São Paulo se tornou uma metrópole superlativa em tudo, inclusive na diversidade. Por motivos assim, é muito válido dedicar uma obra artística de percepções múltiplas para a pauliceia. A concepção grega de percepção incluía a provocação do reconhecimento, de admitir que cada coisa tem alma, paixões, amor, fascinação capaz de provocar uma reciprocidade afetiva no sujeito percebedor. São representações abertas sobre São Paulo a propor o diálogo e a interação…”, complementa Merije, no prólogo do livro.

São Paulo em Palavras tem a orelha assinada por Alexandre Staut, escritor, editor, criador da revista São Paulo Review.

O lançamento acontece no dia do aniversário da cidade, 25 de janeiro (quarta-feira), das 17h às 19h, no Sesc Pinheiros, com direito a sarau com participação de vários escritores e microfone aberto para o público.

Serviço
Lançamento com Sarau

Data: 25/1/2017

Horário: 17h às 19h

Local: Sesc Pinheiros

Entrada: livre

 

STANLEY KUBRICK É TEMA DE MOSTRA GRATUITA NO SESC PINHEIROS

Projetos Tela Clássica e Cicloficinas propõem reflexão sobre a vida e a obra do cineasta norte-americano

Entre os meses de outubro e dezembro de 2016, o Sesc Pinheiros revisitará o legado de Stanley Kubrick (1928-1999) por meio de uma oficina crítica sobre sua contribuição para o desenvolvimento da sétima arte e da exibição gratuita de uma seleção de nove filmes do cineasta norte-americano.

Sesc Pinheiros recebe exposição de Stanley Kubrick. (Foto: Reprodução)
Sesc Pinheiros recebe exposição de Stanley Kubrick. (Foto: Reprodução)

Realizada no contexto do projeto Tela Clássica, a mostra de filmes ocorrerá sempre às terças-feiras, no Auditório da Unidade, com destaque para clássicos como 2001: Uma Odisseia No Espaço (foto 1), ficção científica adaptada do conto de Sir Arthur C. Clarke; Laranja Mecânica (foto 2), uma inquietante narrativa sobre um grupo de jovens neonazistas; e O Iluminado (foto 3), da obra homônima de Stephen King, com atuação antológica de Jack Nicholson.

Já nas tardes de quinta-feira, de 6 a 27 de outubro, o público interessado poderá acompanhar a atividade formativa O Cinema de Stanley Kubrick, orientada pelo pesquisador Fernando Brito. Parte do projeto Cicloficinas, as aulas buscarão dimensionar a importância da obra de Kubrick e compreendê-la em seu contexto histórico, social, cultural e cinematográfico. As inscrições estão abertas, com taxas que variam de R$ 9 a R$ 30.

SOBRE STANLEY KUBRICK – Celebrado como um dos grandes nomes da história do cinema, Stanley Kubrick dirigiu 13 longas-metragens ao longo de seus 48 anos de carreira. A produção pode ser considerada lacônica, se comparada à de outros cineastas do século XX, porém mostra-se suficiente para comprovar seu pleno domínio das técnicas narrativas: navegando por gêneros tão diversos quanto o drama, a ficção científica, o policial e o terror, Kubrick explorou em seus filmes uma visão irônica e pessimista do ser humano, compondo obras atemporais que abrem discussão sobre os limites psicológicos da humanidade.


SERVIÇO:

Cicloficinas: O cinema de Stanley Kubrick
Ministrada pelo pesquisador e crítico de cinema Fernando Brito, como parte do projeto Cicloficinas, esta atividade formativa analisa o conceito, o roteiro e a produção de Kubrick. Fernando Brito é doutor em Literatura Inglesa pela USP, pesquisador e crítico de cinema. Trabalha como curador da Versátil Home Video, a principal distribuidora de cinema europeu, clássicos e filmes cult do Brasil. Uma de suas curadorias mais recentes foi a de Kubrick Essencial, coleção que reuniu quatro longas-metragens e três curtas do mestre no formato blu-ray.

Local: Sala de Múltiplo Uso (3ª andar)
Datas: 6 a 27 de outubro. Quintas, das 14h às 16h30
Classificação: Livre
Valores: R$ 30 (inteira). R$ 15 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$ 9 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Inscrições na Central de Atendimento (3º andar).

Tela Clássica: Mostra Stanley Kubrick
O projeto Tela Clássica oferece ciclos dedicados à memória e à obra dos cineastas mais representativos da história do cinema mundial. Contempla nomes que inventaram a linguagem fílmica, desbravaram os caminhos da moderna produção cinematográfica e possibilitaram a evolução de uma indústria que une arte, tecnologia e entretenimento. Fritz Lang, Luis Buñuel, Serguei Eisenstein, Akira Kurosawa, Vittorio de Sica, Rainer Werner Fassbinder, David Lean e Pier Paolo Pasolini já foram homenageados no projeto. Agora, de outubro a dezembro de 2016, o cineasta em destaque é Stanley Kubrick.

Local: Auditório (3º andar); 98 lugares
Datas: 18 de outubro a 20 de dezembro de 2016, às terças-feiras
Grátis: Retirada de ingressos com uma hora de antecedência

Agenda de exibições:

Dia 18/10, terça-feira, às 20h | O Grande Golpe (The Killing)
EUA, 1956, 83’. P&B. Policial/Suspense. Projeção digital. Recomendação etária: 14 anos.
Após ser libertado da prisão, um fora da lei planeja um grande golpe que pode render milhões de dólares. O plano começa a ruir quando uma garota ambiciosa e traiçoeira começa a se meter na história. Com Sterling Hayden, Coleen Gray e Vince Edwards.


Dia 25/10, terça-feira, às 20h |
Glória Feita de Sangue (Paths Of Glory)
EUA, 1957, 88’. P&B. Drama/Guerra. Projeção digital. Recomendação etária: 14 anos.

Um general francês, durante a 1ª Guerra Mundial, ordena um ataque suicida, mas a estratégia fracassa quando nem todos os seus soldados se lançam na ofensiva. Com Kirk Douglas, Ralph Meeker e Adolphe Menjou.

Dia 1/11, terça-feira, às 19h | Spartacus (Spartacus)
EUA, 1960, 197’. Colorido. Drama Histórico. Projeção digital. Recomendação etária: 14 anos.

A trajetória épica de um escravo do império romano que se torna gladiador e sonha com o fim da escravidão. Com Kirk Douglas, Laurence Olivier, Peter Ustinov, John Gavin, Jean Simmons, Charles Laughton e Tony Curtis.

Dia 8/11, terça-feira, às 19h | Lolita (Lolita)
Reino Unido, 1962, 152’. P&B. Drama. Romance. Projeção digital. Recomendação etária: 18 anos.

A história de um professor universitário de meia idade que se vê obcecado por uma jovem de 14 anos e se casa com sua mãe, para se manter próximo a ela. O filme é uma adaptação da obra de Vladimir Nabokov. Com James Mason, Peter Sellers e Shelley Winters.

Dia 22/11, terça-feira, às 19h | 2001 – Uma Odisseia no Espaço (2001:A Space Odyssey) EUA/Reino Unido, 1968, 141’. Colorido. Ficção Científica. Projeção digital. Recomendação etária: 14 anos.

No século XXI, uma equipe de astronautas é enviada a Júpiter para investigar um misterioso monolito negro que desde a Pré-História emite sinais de outra civilização. Com Keir Dullea, Douglas Rain e Sean Sulivan.

Dia 29/11, terça-feira, às 19h | Laranja Mecânica (A Clockwork Orange)
EUA/Reino Unido, 1971, 136’. Colorido. Ficção/Drama. Projeção digital. Recomendação etária: 18 anos.

O líder de uma gangue de delinquentes violentos é preso pela polícia e acaba submetido a uma série de experimentos científicos destinados a refrear os impulsos destrutivos do ser humano. Com Malcolm McDowell, Patrick Magee e Michael Bates.

Dia 6/12, terça, às 19h | Barry Lyndon (Barry Lyndon)
EUA/ Reino Unido, 1975, 187’. Colorido. Drama/Histórico. Projeção Digital. Recomendação etária: 18 anos.

No século XIX, um irlandês miserável casa-se com uma viúva nobre e rica para assumir o título de seu falecido marido. Com Ryan O’Neal, Marisa Berenson e Patrick Magee.

Dia 13/12, terça, às 19h | O Iluminado (The Shining)
EUA/ Reino Unido, 1980, 146’. Colorido. Terror. Projeção Digital. Recomendação etária: 18 anos.

Um escritor desempregado é contratado para vigiar um hotel no Colorado, que permanece fechado durante o período de inverno. Após algum tempo, ele e sua família começam a sentir os efeitos do isolamento e da solidão. Com Jack Nicholson, Shelley Duvall e Danny Lloyd.

Dia 20/12, terça, às 19h | Nascido para Matar (Full Metal Jacket)
EUA/ Reino Unido, 1987, 116’. Colorido. Drama/Guerra. Projeção Digital. Recomendação etária: 18 anos.

Um sargento do exército norte-americano treina seus recrutas com métodos violentos e sádicos, com o objetivo de prepará-los para os horrores da Guerra do Vietnã. Com Matthew Modine, Arliss Howard e Vinvent D’Onofrio.

 

———————-

SESC PINHEIROS

Endereço: Rua Paes Leme, 195.

Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h.

Tel.: 11 3095.9400.

Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas / veículos e motos: Credenciados no Sesc: R$ 7,50 nas três primeiras horas e R$ 1,50 a cada hora adicional. Não credenciados no Sesc: R$ 10,00 nas três primeiras horas e R$ 2,50 a cada hora adicional. Para atividades no Teatro Paulo Autran, preço único: R$ 7,50 (credenciados) e R$10,00 (não credenciados).

Transporte Público: Metrô Faria Lima – 500m / Estação Pinheiros – 800m.

SESC PINHEIROS RECEBE MARIA GADÚ COM SHOW DA TURNÊ “GUELÔ

Cantora e compositora leva musicalidade e lirismo de seu terceiro álbum ao palco do Teatro Paulo Autran nos dias 5, 6 e 7 de fevereiro

O Sesc Pinheiros recebe a cantora e compositora Maria Gadú com o show de Guelã, seu mais recente CD. As apresentações ocorrem nos dias  05, 06 e 07 de fevereiro (sexta-feira e sábado às 21h; domingo às 18h), no Teatro Paulo Autran. Os ingressos vão de R$ 12 (credencial plena do Sesc) a R$ 40 (inteira).

Depois de conquistar o grande público com canções como Shimbalaiê e Altar Particular  presentes em seu disco de estreia, lançado em 2009   Maria Gadú esboçou a vontade de alçar novos voos já no álbum seguinte, Mais uma Página, lançado em 2011. O desejo se consolidou em 2015 com Guelã, palavra que significa gaivota num dialeto crioulo da África do Sul e que dá título ao seu terceiro álbum de estúdio.

Maria Gadú se apresenta no Sesc Pinheiros, entre os dias 5 e 7 de fevereiro.  (Foto: Divulgação)
Maria Gadú se apresenta no Sesc Pinheiros, entre os dias 5 e 7 de fevereiro. (Foto: Divulgação)


O trabalho quebra um jejum de quatro anos sem gravações inéditas e investe na musicalidade e no lirismo das composições. Essa busca por novas sonoridades se evidencia já emsuspiro, faixa que abre o disco e na qual a letra aparece apenas no minuto final da canção. Em seguida, vem obloco, composição de Maria Gadú em parceria com Maycon Ananias. A faixa supreende pelo ritmo e chama atenção para o que é uma constante no arranjo do disco: a guitarra.

Depois de ser lançado em São Paulo e entrar na lista de indicados ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Popular Brasileira, Guelã e sua criadora retornam à capital paulista  onde ambos nasceram  para três apresentações no Sesc Pinheiros. Com Maria Gadú, sobem ao palco do Teatro Paulo Autran os músicos Federico Pepi, Lancaster Pinto e Bianca Godói. O repertório é composto por músicas de Guelã, novas leituras de canções de álbuns anteriores e algumas surpresas.

SERVIÇO

“GUELÔ  COM MARIA GADÚ
Dia:
05, 06 e 07 de fevereiro (sexta-feira e sábado às 21h, domingo às 18h)
Local: Teatro Paulo Autran
Duração: 90 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 10 anos.
Ingressos: R$ 40,00 (inteira). R$ 20,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$ 12,00 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Ingressos à venda pelo Portal
www.sescsp.org.br a partir de 02/02 (terça-feira), às 21h, e nas bilheterias do SescSP a partir de 03/02 (quarta-feira), às 17h30. Venda limitada a quatro ingressos por pessoa. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

SESC PINHEIROS
Endereço: Rua Paes Leme, 195.

Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h.
Tel.: 11 3095.9400.

Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas / veículos e motos: Matriculados no Sesc: R$ 7,50 nas três primeiras horas e R$ 1,50 a cada hora adicional. Não matriculados no Sesc: R$ 10,00 nas três primeiras horas e R$ 2,50 a cada hora adicional. Para atividades no Teatro Paulo Autran, preço único: R$ 7,50.

Filipe Catto apresenta novo show “Tomada” em São Paulo

Depois do sucesso do primeiro disco, “Fôlego”, e do DVD “Entre Cabelos, Olhos e Furacões”, Filipe Catto apresenta seu novo álbum “Tomada”, lançado em agosto de 2015. Filipe chega a São Paulo nos dias 24 e 25 de Janeiro para duas apresentações no Sesc Pinheiros.

O repertório do show é baseado nas novas músicas do CD Tomada, produção do Kassin escolhidas a dedo por Filipe com muito cuidado, deixando tudo com sua própria essência e levando para o palco a aproximação de músicas lá dos primórdios até os dias de hoje.

Filipe Catto se apresenta dias 24 e 25 de janeiro, em São Paulo. (Foto: Divulgação)
Filipe Catto se apresenta dias 24 e 25 de janeiro, em São Paulo. (Foto: Divulgação)

O resultado desse trabalho, que contém 11 faixas, traz como destaque composições de autoria do próprio artista, como “Dias e Noites”, parceria com dois nomes consolidados da MPB (Moska e Pedro Luis), e a faixa “Depois de Amanhã”, que conta com a assinatura de Moska.

Grandes sucessos como “Adoração” e “Saga” não ficam de fora e também fazem parte do show. A banda que acompanha o cantor é formada por Michelle Abu (Bateria), Fabá (Guitarra), Lucas Vargas (Teclados), Ana Karina (Baixo e Vocais).

SERVIÇO 

Local: Teatro Paulo Autran – R. Paes Leme, 195 – Pinheiros
Dias: 24 e 25 de Janeiro
Horários dos shows: 18h
Ingressos: Sócios Sesc: R$ 12 l Meia-entrada: R$ 20 l Inteira: R$ 40 – Compras pelo telefone: (11) 3095-9400

SESC PINHEIROS RECEBE ERASMO CARLOS PARA SHOW DE LANÇAMENTO DO DVD “MEUS LADOS B”

Em duas apresentações no Teatro Paulo Autran, Tremendão explora pérolas do seu repertório que acabaram ofuscadas pelos clássicos

Em setembro, o Sesc Pinheiros recebe Erasmo Carlos para tocar as composições menos conhecidas de sua carreira. O show de lançamento do DVD Meus Lados B, em São Paulo, acontece nos dias 19 e 20 (sábado às 21h e domingo às 18h), no Teatro Paulo Autran. Os ingressos variam deR$ 15 (credencial plena) a R$ 50 (inteira).

Erasmo Carlos se apresenta esse fim de semana no Sesc Pinheiros. (Foto: Divulgação)
Erasmo Carlos se apresenta esse fim de semana no Sesc Pinheiros. (Foto: Divulgação)

Originalmente concebido para o projeto Inusitado, espetáculos de caráter experimental apresentados no Rio de Janeiro com curadoria de André Midani, Meus Lados B surgiu como uma fuga da zona de conforto de Erasmo. “Vou cantar aquelas músicas que gosto e não tenho oportunidade de cantar”, declara.

Dessa forma, o repertório foi construído com canções lançadas entre as décadas de 60 e 80, sem a inclusão dos grandes sucessos facilmente associáveis ao cantor. Músicas como Gente Aberta, Grilos, Cachaça Mecânica e Maria Joana evidenciam a versatilidade das composições de Erasmo, bem como suas grandes influências musicais, desde seu característico rock ‘n’ roll à psicodelia e tropicalismo, com nuances de black music, soul, bossa nova e MPB.

Gravado em São Paulo em janeiro de 2015, o DVD teve seu primeiro lançamento em julho no Rio de Janeiro, passando ainda por Porto Alegre e Belo Horizonte. As apresentações no Sesc Pinheiros marcam o lançamento do DVD no estado de São Paulo.

 SERVIÇO

Erasmo Carlos – Show “Meus Lados B”
Local:
Teatro Paulo Autran (1.010 lugares)
Dia: 19 e 20 de setembro. Sábado às 21h e domingo, às 18h
Duração: 90 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 10 anos.
Ingressos: R$ 50,00 (inteira). R$ 25,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$15,00 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Ingressos à venda pelo Portalwww.sescsp.org.br a partir de 08/09 (terça-feira), às 16h30, e nas bilheterias do SescSP a partir de 09/09 (quarta-feira), às 17h30. Venda limitada a quatro ingressos por pessoa. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

SESC PINHEIROS

Endereço: Rua Paes Leme, 195.

Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h.

Tel.: 11 3095.9400.

Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas / veículos e motos: para atividades no Teatro Paulo Autran, preço único: R$ 6,00.

Sesc Pinheiros nas redes:

www.facebook.com/sescpinheiros

www.twitter.com/sescpinheiros

www.youtube.com/sescpinheiros

www.instagram.com/sescpinheiros

Zeca Baleiro, Paulo Lepetit e Naná Vasconcelos celebram miscelânea musical do Brasil com ‘Projeto Café no Bule’

CD produzido pelo Selo Sesc tem 13 composições inéditas do trio; músicas bailam por vários estilos, do xote ao rock

O maranhense Zeca Baleiro, o pernambucano Naná Vasconcelos e o paulista Paulo Lepetit estão juntos pela primeira vez para lançar uma celebração à miscelânea musical do Brasil: o CD “Projeto Café no Bule”, que o Selo Sesc coloca à venda em 4 de setembro. São 13 composições inéditas do trio (todas são dos três em conjunto, exceto “Cajú”, de Naná com Vinicius Cantuária) em uma mistura de ritmos: afoxé, xote, ciranda, blues, maracatu, jazz e rock.

Zeca Baleiro realiza show no Sesc Pinheiros. (Foto: Divulgação)
Zeca Baleiro realiza show no Sesc Pinheiros. (Foto: Divulgação)

Longe de ser uma catalogação de gêneros, o CD quer mostrar que a produção musical nacional é viva e sujeita a novos significados. Vem lapidada pela polivalência do trio. Naná assina percussão variada e efeitos. Lepetit, baixo, u-bass, violão, guitarra e teclados. Zeca, violão, guitarra, cavaco, ukulele e teclados.

A ideia do disco surgiu de um contato viabilizado por Zeca Baleiro entre Naná e o compositor Itamar Assumpção (morto em 2003) para a concepção de um disco. No meio deste processo estava Paulo Lepetit, que acompanhava Itamar. De lá para cá, Zeca, Naná e Lepetit começaram a pensar em um projeto dos três.

“Há casos em que Naná gravou primeiro a levada e eu e Lepetit desenvolvemos a letra, a melodia e a harmonia conjuntamente depois, como é o caso das faixas ‘Ciranda da Meia-Noite’, ‘Batuque na Panela’ e ‘Xote do Tarzan’. Outras nasceram de um groove de baixo e violão, seguido pela letra e a levada rítmica, como em ‘Yellow Taxi’ e ‘Vou de Candonga’. Em ‘A Dama do Chama-Maré’ e ‘A Maré Tá Boa’, Naná começou a letra e nos deu para musicar, fazer a segunda parte, e depois ele pôs a percussão. Fiz a letra e mandei para o Lepetit, que harmonizou”, conta Zeca Baleiro.

A gravação durou dois anos espaçados, com três vindas de Naná a São Paulo, onde Lepetit tem um estúdio em parceria com Zeca. O título “Projeto Café no Bule” remete à expressão popular. Tem um significado de “aqui tem conteúdo”.

“Foi tudo muito natural e espontâneo. Não pensamos em seguir fórmula alguma. As composições foram apontando caminhos. Procuramos colocar o mínimo de elementos além de nós três. Tocamos a maioria dos instrumentos. Guitarras, cavacos, teclados, baixos. E fomos pontuando com alguns convidados específicos para dar um colorido diferente a cada canção”, relata Lepetit.

Naná Vasconcelos completa: “foi uma levada simples, sem seleção de repertório. Fomos fazendo. Eu fiz algumas letras, o Zeca completou. Ele e Lepetit colocaram melodias… e assim foi. Já os batuques são ideias minhas, nos quais estão englobados ritmos brasileiros como a ciranda, o xote e o maracatu”.

O diretor regional do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda, afirma que “ao reunir estes três grandes nomes da MPB, o Selo Sesc reafirma seu compromisso com a criação de um catálogo amplo e democrático, inspirado na infinita fonte de criação musical existente no Brasil”. Para ele, “esse ‘bule’ de Naná, Zeca e Paulo engrossa o nosso café musical, servido em um disco cujas manifestações de nossa cultura são cotejadas com naturalidade, leveza e bom humor”.

O CD “Projeto Café no Bule” custa R$ 20,00 e estará à venda a partir de 4 de setembro nas unidades do Sesc e pelo site no link http://www.sescsp.org.br/livraria.

 Shows de lançamento

Zeca e Lepetit estão no Sesc Pinheiros entre 4 e 7 de setembro para lançamento do disco (confira horários abaixo). “Estamos preparando um show que expresse essa mistura de ritmos do CD”, afirma Lepetit. 

SERVIÇO
Shows de lançamento do “Projeto Café no Bule”
Com Zeca Baleiro e Paulo Lepetit
Local:
Teatro Paulo Autran (1.010 lugares), do Sesc Pinheiros
Data: 4 a 7/9. Sexta e sábado, às 21h; domingo e segunda (feriado), às 18h
Duração: 90 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 10 anos
Ingressos: R$ 40,00 (inteira). R$ 20,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$12,00 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Ingressos à venda pelo Portal www.sescsp.org.br a partir de 25/8 (terça-feira), às 16h30, e nas bilheterias do SescSP a partir de 26/8 (quarta-feira), às 17h30. Venda limitada a quatro ingressos por pessoa. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

 

 

SESC PINHEIROS

Endereço: Rua Paes Leme, 195.

 Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h. Tel.: 11 3095.9400.

 Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 22h; sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas (veículos e motos): para atividades no Teatro Paulo Autran, preço único: R$ 6,00.