Arquivo da tag: Social Comics

Conheça Bloodshot, HQ que inspirou novo filme homonimo estrelado por Vin Diesel

(Foto: Divulgação)

Casa da Valiant no Brasil, Social Comics, libera gratuitamente primeiras edições e dossiê de Bloodshot. HQ da editora americana conta a história de soldado que foi transformado em arma mortal

Social Comics, casa da Valiant no Brasil, possui em sua plataforma a HQ Bloodshot que inspirou novo filme com Vin Diesel. Comemorando a exibição, o serviço de quadrinhos online liberou, na última quarta-feira (4), as edições 0 e 1 de forma gratuita, junto com um dossiê completo de informações sobre o personagem. As publicações estarão disponíveis no site por um mês, sem a necessidade de inscrição.

A plataforma também iniciou uma parceria com a Cinemark para clientes dos programas de fidelidade Cinemark Mania e Meu Cinemark terem acesso aos quadrinhos de Bloodshot. A divulgação da parceria passou a ser promovida nas telas do cinema da rede a partir de 05 de março.

O filme será lançado no Brasil dia 12 de março pela Sony Pictures com a estreia de David S. F. Wilson como diretor. Será o primeiro a ser realizado no universo de heróis da Valiant Entertainment, trazendo para as telonas a HQ mais popular da editora.

Sinopse do filme

Ray Garrison é um soldado morto em combate que foi trazido de volta à vida por uma corporação para se tornar o super-humano Bloodshot. Com um exército nano-tecnológico correndo em suas veias, ele é uma arma perfeita – com força incomparável e poder de cura instantâneo. Mas, ao controlar seu corpo, a corporação também toma controle de sua mente e memórias. Ray não sabe diferenciar o que é real do que não é, mas está em uma missão para descobrir a verdade.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=H-wkvQZGhoU&feature=emb_title

História da HQ

Bloodshot foi criado por Kevin VanHook e Yvel Guichet em 1992. Sua primeira aparição ocorreu um ano depois, nas páginas da revista Rai #0. O personagem rapidamente virou um dos grandes sucessos da Valiant, ganhando sua própria publicação. Originalmente a obra se tratava de Angelo Mortalli, um gangster que foi modificado e utilizado no Projeto Espíritos Ascendentes após ser traído pela máfia que trabalhava.

Em 2012, a Valiant promoveu um reboot de todas as suas histórias, criando a origem atual de Bloodshot apresentada na HQ. Nela, Ray Garrison foi ressuscitado para participar do mesmo projeto de seu antecessor, tendo a memória apagada e substituída por lembranças falsas. No processo nanites foram inseridos em seu sangue, lhe dando poderes como regeneração, metamorfose e força sobre humana. Após descobrir seu verdadeiro passado, ele parte em busca de respostas e vingança contra aqueles que arruinaram sua vida.

Projeto Espíritos Ascendentes: Consistia em reviver soldados e transformá-los nas máquinas mortais chamadas de Bloodshots para realizar missões do governo, sendo descartados e aprimorados a cada nova tentativa. Os mais recentes, apesar de eficientes, apresentavam o problema de concluir as missões de forma mecânica, matando qualquer inocente que ficava no caminho, o qual o Projeto chamava de “dano colateral”. Por fim, os cientistas conseguiram o resultado que procuravam em Ray Garrison, inserindo em seu cérebro memórias falsas que lhe davam um propósito para completar as missões de forma mais humana e eficaz.

Além de Bloodshot, outros títulos da Valiant também estão disponíveis na Social Comics para todos os assinantes. A plataforma disponibiliza quadrinhos para todas as idades e conta com quatro formas de assinaturas mensais que variam entre gratuita e com preços de R$14,90 a R$25,90.

Clássicos da Turma da Mônica agora estão disponíveis em versão digital no Social Comics, a partir da nº 1

Iniciativa faz parte das comemorações dos 60 anos do Estúdio e da carreira do quadrinista Maurício de Sousa

Social Comics, plataforma online para leitura de quadrinhos em versão digital, inicia em julho a publicação das revistas clássicas da Turma da Mônica, desde a número um. Originalmente publicadas em “formatinho” pela Editora Abril, a partir dos anos 1970, os quadrinhos entram semanalmente na plataforma, sempre com duas edições. Os primeiros números já estão disponíveis.

A Turma da Mônica está presente no Social Comics. (Foto: Divulgação)

A Turma da Mônica surgiu nas tirinhas de jornal, sendo a primeira dela a aparição dos personagens Bidu e Franjinha, em 18 de julho de 1959, no jornal Folha de São Paulo. Depois vieram CebolinhaCascão, além da Mônica, que surgiu na tirinha do Cebolinha em 1963, além de Magali, Astronauta, Horácio e tantos outros, que depois migraram para as revistas em quadrinhos publicadas pelas editoras Abril e Globo, e atualmente pela editora Panini, e que fizeram tanto sucesso desde o surgimento até os dias de hoje. A partir de agora todo esse acervo começa a ser digitalizado e poderá ser acessado online, de qualquer lugar, por meio do serviço de streaming. A iniciativa faz parte da celebração dos 60 anos de carreira da quadrinista Maurício de Sousa, e que é um marco histórico e importantíssimo para o quadrinho nacional e mundial.

Os quadrinhos mais tradicionais da Turminha já podem ser encontrados na plataforma desde 2016, mas novos conteúdos do MSP serão anunciados em breve. Recentemente foi disponibilizado gratuitamente o nº Zero da Turma da Mônica Geração 12, último lançamento em parceria com a Editora Panini, e que também foi destaque da última edição do festival Anime Friends.

O Social Comics é um serviço de streaming de conteúdo em quadrinhos com um conceito similar à Netflix, que disponibiliza toda semana novas histórias em quadrinhos, sendo inclusive possível baixar para leitura offline. É a maior plataforma do gênero na América Latina e possui quadrinhos para todas as idades disponíveis em seu catálogo. A Plataforma está na versão 3.0 e conta com muitas inovações na experiência do usuário, além da opção de criar uma conta grátis que dá acesso a navegação pela plataforma e a leitura de várias edições, além de novos e diversificados planos de assinatura, com condições especiais para usuários da operadora de telefonia celular Claro, além do perfil Kids, com acesso conforme a faixa etária.

O acervo da plataforma é composto por títulos produzidos por autores independentes, grandes desenvolvedores de conteúdo e também das maiores editoras do Brasil, com títulos como os da Turma da Mônica, Disney/Pixar, Umbrella Academy, Valiant, Transformers, Estranhos no Paraíso, 10 Pãezinhos, entre muitos outros. O valor das assinaturas é a partir de R$ 12,99 e R$ 4,99 (mensal e semanal, respectivamente, para clientes Claro). Para assinar, o cliente Claro deve enviar um SMS com a palavra ATIVE para 3001 e baixar o App Social Comics no Google Play ou na Apple Store. É possível também fazer outros planos de assinatura, com várias opções (como Família, Premium e outros).

Para saber mais, acesse o site oficial e baixe o aplicativo Social Comics: Google Play / Apple Store

Parceria entre Senado Federal e Social Comics disponibiliza gratuitamente os primeiros quadrinhos brasileiros

O Guarani, Nhô-Quim e O Tico-Tico já estão disponíveis na plataforma como parte do projeto do Senado Federal de resgate histórico e popularização de obras clássicas

Desde 2002, o Senado Federal passou a disponibilizar ao público conteúdos digitais de obras clássicas que constituem referência histórica e auxiliem os leitores a conhecerem melhor o Brasil. Agora, com o objetivo de popularizar ainda mais esse acesso, o Órgão anuncia parceria com o Social Comics para leitura online dos primeiros quadrinhos brasileiros, que fazem parte de seu acervo editorial. Com isso, os clássicos O Guarani, Nhô-Quim e O Tico-Tico podem ser lidos gratuitamente por todos os usuários do aplicativo, até mesmo os não assinantes.

Guarani.jpg
HQs nacionais estão disponíveis na Social Comics. (Foto: Divulgação)

A versão em quadrinhos do romance O Guarani, de José de Alencar, foi publicada originalmente em 1937 e recebeu ilustrações do historiador de arte F. Acquarone. No Social Comics, os leitores têm acesso ao volume 235 com 122 páginas.

Já Nhô-Quim é considerada a primeira HQ brasileira e uma das antigas do mundo. Foi publicada na revista Vida Fluminense em 30 de janeiro de 1869 e contava as aventuras de um caipira vivendo na cidade grande. As histórias eram divididas em capítulos nas páginas centrais da revista e o Senado recuperou alguns desses conteúdos que agora estão disponíveis no Social Comics.

O Tico-Tico foi a revista responsável pela publicação do primeiro herói nacional dos quadrinhos infantis, o Juquinha, no dia 14 de fevereiro de 1906. Seu idealizador, José Carlos de Brito e Cunha, o J. Carlos, também foi o criador do primeiro afro-brasileiro dos quadrinhos, o Giby, companheiro do Juquinha. De tão marcante, o nome virou sinônimo de revista em quadrinhos no Brasil. Com pesquisa e texto de Athos Eichler Cardoso, o Conselho Editorial do Senado lançou o livro “Memórias d’O Tico-Tico – Juquinha, Giby e Miss Schocking”, que reúne as primeiras experiências gráficas de J. Carlos (1884-1950) na revista. A publicação contou com projeto gráfico e capa de Josias Wanzeller da Silva, que retocou todas as imagens e trabalhou também na restauração e diagramação da obra que entra agora no catálogo da plataforma de streaming de quadrinhos.

Social Comics disponibiliza 17 novas graphic novels da Editora Nemo

Os títulos estão sendo liberados semanalmente para leitura online até o início de 2019

Em mais uma grande parceria que marca o início da fase 3.0 da plataforma, o Social Comics anuncia a entrada de 17 graphic novels da Editora Nemo, disponibilizadas semanalmente até o início de 2019 para todos os assinantes do streaming de quadrinhos.

Entre os títulos está Paciência (disponível desde 01/10), do autor Daniel Clowes, que apareceu por 19 semanas na lista dos mais vendidos do New York Times em 2016 e conta a história Jack Barlow, um homem obcecado em encontrar a pessoa que matou sua esposa, Paciência, quando ela estava grávida. Outra obra disponível na plataforma (desde 08/10) é Lennon, uma biografia ilustrada do maior ícone do rock mundial.

image001.jpg
Editora Nemo tem diversos títulos na Social Comis. (Foto: Divulgação)

Já a graphic francesa A diferença invisível (disponível desde 15/10) fala sobre Transtorno do Espectro Autista – a síndrome de Asperger.

Confira o calendário completo de lançamentos da Editora Nemo na plataforma:

22/10/2018 – Vincent Van Gogh
29/10/2018 – O Mundo de Dentro – Bruna Vieira em Quadrinhos
05/11/2018 – Rosalie Lightning – Memórias Gráficas
12/11/2018 – Quando Tudo Começou – Bruna Vieira em Quadrinhos
19/11/2018 – O Melhor Que Podíamos Fazer
26/11/2018 – Kobane Calling
03/12/2018 – Ghost World
10/12/2018 – Uma irmã
17/12/2018 – Os Diários de Amora
14/12/2018 – Justin
31/12/2018 – A Marcha
07/01/2019 – Nada a perder
14/01/2019 – Ousadas
21/01/2019 – Duas Vidas

Com a entrada dessas obras, a Nemo passa a contar com mais de 100 títulos de seu catálogo disponíveis no Social Comics.

A Nemo é uma das maiores editoras de quadrinhos do Brasil e é atualmente sinônimo de HQs de qualidade com um catálogo que reúne nomes mundialmente reconhecidos e autores brasileiros contemporâneos, valorizando essa linguagem artística.

O Social Comics é um serviço de streaming de quadrinhos com um conceito similar à Netflix. É a maior plataforma do gênero na América Latina e já possui mais de 5000 quadrinhos para todas as idades disponíveis em seu catálogo. Parte desse acervo é feito por material de autores independentes e também das maiores editoras do país, com conteúdos como Turma da Mônica, Disney/Pixar, The Walking Dead, Transformers, Valiant, Estranhos no Paraíso, 10 Pãezinhos, entre muitos outros.

Em sua fase 3.0, apresenta inovações na experiência do usuário e traz importantes mudanças, como criar uma conta grátis, que dá acesso a navegação pela plataforma e a leitura de várias edições, novos planos de assinatura e o perfil Kids, com acesso conforme a faixa etária. O valor das assinaturas é a partir de R$ 14,90.

Para saber mais, acesse o site oficial e baixe o Social Comics: Google Play / Apple Store

HQs de The Walking Dead, da Panini, chegam ao Social Comics

Inaugurando sua fase 3.0, plataforma de streaming disponibiliza seu primeiro conteúdo em parceria com a maior editora de quadrinhos da América Latina, que coincide com a retorno da série de TV no canal FOX

O Social Comics anuncia a entrada do primeiro conteúdo da Panini em sua plataforma. Agora, o público pode ler online os títulos de The Walking Dead, histórias que deram origem à aclamada série de TV, que volta ao ar em sua nona temporada no canal FOX neste domingo, dia 07 de outubro, mesmo dia em que os quadrinhos marcam sua estreia no Social Comics.

Sucesso de vendas nos Estados Unidos, a criação dos quadrinistas Robert Kirkman e Tony Moore, começou a ser publicada no Brasil pela Panini em 2017. O volume um, com as seis primeiras histórias, estará disponível para todos os assinantes da plataforma a partir do próximo domingo.

SC_BN_TWD.png
(Foto: Divulgação)

A entrada de conteúdos da Panini na plataforma é o início de novas publicações de quadrinhos da fase 3.0 do Social Comics, que apresenta inovações na experiência do usuário e traz importantes mudanças, como criar uma conta grátis, que dá acesso a navegação pela plataforma e a leitura de várias edições, novos planos de assinatura e o perfil Kids, com acesso conforme a faixa etária. O valor das assinaturas é a partir de R$ 14,90.

O Social Comics é um serviço de streaming de quadrinhos com um conceito similar à Netflix. É a maior plataforma do gênero na América Latina e já possui mais de 5000 quadrinhos para todas as idades disponíveis em seu catálogo. Parte desse acervo é feito por material de autores independentes e também das maiores editoras do país, com conteúdos como Turma da Mônica, Disney/Pixar, Transformers, Valiant, Estranhos no Paraíso, 10 Pãezinhos, entre muitos outros.

Social Comics terá lançamento antecipado de Lazarus

HQ foi indicada ao Prêmio Eisner de Melhor Nova Série

Lazarus é uma HQ de Greg Rucka e Michael Lark. O quadrinho será publicado no Brasil pela Editora Devir em Maio, e o lançamento do primeiro capítulo na versão digital chega ao  Social Comics (www.socialcomics.com.br) antecipadamente à publicação da versão impressa.

Os assinantes do Social Comics, a maior plataforma de streaming de quadrinhos na América Latina, podem acompanhar as missões de Forever, a defensora de sua família em um mundo de ficção científica distópico.

0c611323-2e02-4675-9e8e-3c6ba672dd27.png
Lazarus está disponível no Social Comics. (Foto: Divulgação)

O título, muito esperado pelos fãs brasileiros, é uma publicação de sucesso nos Estados Unidos, onde sai pela editora Image Comics. Lazarus recebeu uma indicação ao Prêmio Eisner de Melhor Nova Série em 2014.

No primeiro capítulo de Lazarus, já disponível para leitura, conhecemos um mundo dividido por fronteiras econômicas, onde o dinheiro dita as regras e o poder é restrito a poucas famílias. Cada família tem seu Lazarus, um protetor que recebe treinamento e recursos tecnológicos especias. Forever é a espada e o escudo da família Carlyle.

DUCKTALES ESTREIA NO SOCIAL COMICS

Em parceria com a Editora Abril, chega a aguardada revista com as divertidas aventuras de Tio Patinhas, Pato Donald e toda a turma

DuckTales: Os Caçadores de Aventuras é a mais nova revista em quadrinhos daEditora Abril para a linha Disney, e o lançamento da versão digital no Social Comics(www.socialcomics.com.br) acontece simultaneamente com a publicação da versão impressa.

Agora, os assinantes do Social Comics, a maior plataforma de streaming de quadrinhos na América Latina, poderão curtir mensalmente as aventuras do Tio Patinhas, Pato Donald, os sobrinhos Huguinho, Zezinho e Luisinho e o restante da turma para desvendar grandes mistérios e encontrar lendários tesouros.

ce48dd35-965b-422c-b2de-7ed1bb92e5df.png
DuckTales esta na Social Comics. (Foto: divulgação)

O aguardado título é baseado na nova série animada que estreou nos Estados Unidos ano passado e, em 2018, chega ao Brasil pelos canais Disney Channel e SBT.

Em DuckTales: Os Caçadores de Aventuras # 1, já disponível para leitura, são 48 páginas nas quais nossos corajosos desbravadores descobrirão os segredos de um Farol aparentemente normal, viverão confusões em um passeio no lago e participarão das atrapalhadas filmagens de um filme de terror em um hotel abandonado.

Para ler DuckTales e centenas de outros quadrinhos da Disney, como Mickey, Zé Carioca, Pato Donald, Tio Patinhas, Pateta e Minnie, basta acessarwww.socialcomics.com.br.

As origens de DuckTales

O desenho animado DuckTales: Os Caçadores de Aventuras estreou em 1987 com grande sucesso e durou quatro temporadas.

Esta nova série revive o antigo desenho numa nova versão, e narra as andanças do Tio Patinhas, com os trigêmeos Huguinho, Zezinho e Luizinho, o temperamental Pato Donald e a equipe da mansão: o valente chofer e piloto Capitão Bóing, a governanta Madame Patilda e sua neta aventureira Patrícia Vanderpato, a mais nova amiga dos trigêmeos.

Armado com sua moeda da sorte, Tio Patinhas e companhia estão em busca do tesouro escondido de sua família. No caminho, eles enfrentam muitas aventuras, seja um robô fora de controle ou viajar para o deserto e resgatar Pato Donald das garras de uma múmia.

SERVIÇO:
DuckTales no Social Comics: https://www.socialcomics.com.br/ducktales/1
Lançamento: 06 de fevereiro de 2018
Abertura da série animada: https://www.youtube.com/watch?v=vexHZl0J0fA
Mais quadrinhos Disney: https://www.socialcomics.com.br/disney-comics

HQs de Transformers chegam ao Brasil

Hasbro e Social Comics firmam parceria para conteúdo em português no aplicativo de streaming

Tem uma grande novidade para os fãs de quadrinhos! A Hasbro, empresa global de entretenimento, e a Social Comics, plataforma de leitura digital de quadrinhos, se uniram para trazer para o Brasil HQs de Transformers.

Para iniciar a parceria, foi lançado o arco “The Transformers – Generation 1” no dia 10 de julho, dentro do aplicativo da Social Comics. Lançada originalmente em 2009, a série é composta por seis revistas e traz a Terra reconstruída, com os Autobots escondidos, três anos após os eventos devastadores de All Hail Megatron.

image001.jpg

Em princípio, será disponibilizado uma nova HQ de Transformers por quinzena, sendo que as próximas serão “More than meet the eye” e “Robots in Disguise”. Além de Transformers, chegarão ao aplicativo as séries de Magic e Dungeons & Dragons, em agosto, e My Little Pony, em outubro.

A Social Comics é um serviço de streaming de quadrinhos, o único do mercado brasileiro. A plataforma agrega mais de quatro mil HQs, de mais de mil artistas e 60 editoras, nacionais e internacionais. Com menos de dois anos, o serviço já contou com mais de quatro milhões de páginas lidas, uma média de 361 revistas lidas por dia.

Social Comics revela novidades na CCXP Tour

Social Comics divulga parcerias com os autores Terry Moore, Jok e os gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá, além de outras novidades

Social Comics, maior plataforma de streaming de quadrinhos da América Latina, esteve presente na CCXP Tour Nordeste, que aconteceu entre os dias 13 e 16 de abril, em Recife. E levou diversas novidades para os fãs.

Em painel exclusivo realizado no dia 16 de abril, no Auditório Ultra, João Paulo Sette, CEO do Social Comics, apresentou novidades que já estão disponíveis aos assinantes, e outras que serão disponibilizadas em breve.

NewsCCXPTour.jpg
Durante a CCXP Tour, Social Comics apresenta novidades. (Foto: Divulgação)

A apresentação contou ainda com as presenças dos irmãos quadrinistas Fábio Moon e Gabriel Bá, falando sobre a carreira e as comemorações dos 20 anos de criação do fanzine 10 Pãezinhos, trabalho com alavancou a carreira dos dois autores.

Veja o que foi revelado durante o painel:

FÁBIO MOON & GABRIEL BÁ – 20 ANOS DE 10 PÃEZINHOS

Comemorando os 20 anos da criação do fanzine 10 Pãezinhos, os irmãos Fábio Moon e Gabriel Bá disponibilizarão cinco volumes coletando as histórias produzidas no início de suas premiadas carreiras.

O primeiro deles, O Girassol e a Lua, já pode ser lido pelos assinantes.

Na trama, ao encontrar um diário e enveredar por sua história, uma garota vai descobrir como é difícil a trajetória em busca do amor, pois esse caminho traz muitos mistérios, fantasia, perdas, reencontros e até um misterioso assassino.

Os outros volumes serão lançados ao longo de 2017. São eles: Meu Coração, não sei por que…CríticaMesa para dois e Fanzine.

Obras como Daytripper Dois Irmãos levaram Fábio Moon e Gabriel Bá ao reconhecimento internacional, coroando uma carreira que conta com cinco prêmios Eisner Awards, quatro Harvey Awards, um Jabuti e mais de dez Troféus HQ Mix.

ESTREIA DE CONTEÚDO ORIGINAL

Durante a CCXP Tour, estreou o primeiro conteúdo original do Social ComicsAether Ring! Os roteiros são de Thiago Duarte e Priscilla Konat Zorzi, com artes de Tiago Barbosa de Morais. O projeto foi desenvolvido em parceria com o estúdio de animação Hype.cg, e pensado na leitura digital em dispositivos móveis e desktops

Em Aether Ring, humanos convivem com covenants, criaturas de aparência e poderes fantásticos vinculadas ao nosso mundo por misteriosos anéis. As duas espécies conectam-se através de contratos de interesse mútuo, cujas cláusulas podem esconder terríveis condições.

É o que descobre Tera, um jovem de 14 anos que tem sua vida completamente alterada após vivenciar um evento aterrorizante. Determinado a obter vingança, o caminho de Tera cruzará com o do sombrio pistoleiro Harmonica, um covenant de grande poder. Harmonica possui suas próprias contas para acertar, juntando-se ao garoto quando este adquire uma das quase extintas armas do Deus Solas, objetos capazes de matar covenants.

A primeira edição já está disponível.

ESTRANHOS NO PARAÍSO & TERRY MOORE

Em parceria com o aclamado autor norte-americano Terry Moore, o Social Comics trará Estranhos no Paraíso e outras obras para os leitores brasileiros, como Rachel RisingEcho Motor Girl.

O projeto segue os mesmos moldes daquele firmado com a editora Valiant Entertainment, no ano passado, e o Social Comics cuidará da produção do material para o formato digital em português.

O objetivo é disponibilizar Estranhos no Paraíso na íntegra pela primeira vez no Brasil, sendo que as datas de lançamentos serão reveladas em breve.

Estranhos no Paraíso é bastante conhecida por aqui. Chegou pela primeira vez em 1998, numa minissérie de três partes da Editora Abril e, depois, saiu pela Via Lettera (1999-2000), Pandora Books (2002-2003) e HQM Editora (2006-2013).

A série gira em torno dos amigos Francine, Katchoo e David, e a complicada relação entre eles. Francine considera Katchoo sua melhor amiga, mas Katchoo ama Francine. Já David, ama Katchoo. Esse triângulo amoroso serve de mote para mistérios e intrigas que vão desde o passado secreto de Katchoo até surpreendente desenrolar na vida do trio.

A obra é vencedora do prêmio Eisner Awards como melhor série. Também venceu o National Cartoonists Society Reuben Award e o GLAAD Award como melhor revista em quadrinhos.

ESTREIA DO SELO GAMBETA

Social Comics estreará o selo Gambeta, em parceria com o quadrinista argentino Jok, que coordenará o projeto. Ele será dedicado a quadrinhos de autores sul-americanos, que passarão a ficar disponíveis aos assinantes.

Dentre as obras programadas, estão Merlin: The Young Druid (por Rodolfo Santullo e Jok), Reflex (por Rodolfo Santullo e Jok), Control de Plagas (por Max Aguirre e Jok), Abelard and the Giant Eagles (por Jok e Carlos Aón) e El Dormilón (por Rodolfo Santullo e Carlos Aón).

As datas de publicação serão anunciadas em breve.

Enquanto os leitores aguardam esses títulos, já podem aproveitar Quarenta Caixões, com roteiro de Rodolfo Santullo e arte de Jok, um dos lançamentos especiais feitos durante a CCXP Tour. A obra está disponível na plataforma via Jambô Editora.

COMBO RANGERS

A criação máxima de Fábio Yabu ganhará mais histórias na plataforma, via Editora JBC. Em breve, os assinantes poderão ler dez novas HQs da equipe de heróis, lançadas originalmente pela Panini Comics, em 2003.

Além disso, a edição Combo Rangers: Somos Humanos, publicada pela JBC em 2015, também está programada, assim como a ainda inédita terceira graphic novel dos personagens, cujo lançamento está programado para o final deste ano.

Atualmente, o Social Comics já conta com 13 revistas dos Combo Rangers, e também com a graphic novel Combo Rangers: Somos Heróis.

 

Social Comics traz quadrinhos inéditos da Valiant Entertainment para o Brasil

Parceria com a editora norte-americana apresenta um novo universo de super-heróis aos leitores brasileiros

Com pouco menos de um ano e meio no mercado, o Social Comics se tornou a maior plataforma de streaming de quadrinhos da América Latina.

Além de formar parcerias com as principais editoras brasileiras, proporcionando uma grande variedade de obras de qualidade para os assinantes, o Social Comics tornou-se também o maior difusor de trabalhos de autores independentes. São quase três mil edições, disponíveis para leitores de todos os cantos do País, ao alcance de qualquer computador, smartphone ou tablet.

4173d77f-a28b-477d-b413-e111bcfafb18.png
Valiant Entertainment e Social Comics fecham parceria. (Foto: Divulgação)

Agora, entrando em uma nova fase do seu plano de expansão, o Social Comics tem o orgulho de anunciar um acordo de características inéditas no mercado editorial nacional.

A partir de agora, como resultado de uma negociação realizada diretamente com a norte-americana Valiant Entertainment, a plataforma oferecerá todo o catálogo de HQs da editora, apresentando um novo e empolgante universo de super-heróis, um dos três maiores do mundo dos quadrinhos.

A parceria não se resume apenas a disponibilizar as edições na plataforma, como normalmente acontece. Por se tratar de obras estrangeiras, o Social Comics será responsável pela supervisão da produção editorial de todo o material, assim como a definição do cronograma de publicação. Para este desafio, conta também com os serviços da Paco’s Agência Digital.

Estamos muito animados com esta parceria com o Social Comics para levar nossos personagens – como Rai, Bloodshot, Archer & Armstrong, Harbinger e X-O Manowar – até os leitores, em português. Muitas coisas estão sendo feitas para os próximos dois anos, e não só com publicações, mas também filmes, vídeo games e animações. É muito bom estar também no Brasil”, comemorou Gavin Cuneo, diretor de operações da Valiant Entertainment.

A estreia do Universo Valiant aconteceu durante a CCXP – Comic Con Experience 2016, e 67 edições já estão disponíveis para leitura, totalizando 15 arcos de histórias e uma saga completa.

Além disso, um novo arco será lançado semanalmente. Ou seja, é como se um encadernado fosse publicado a cada sete dias, proporcionando assim materiais inéditos regularmente. Também está nos planos o lançamento de arcos fora de cronologia, de forma praticamente sincronizada com os Estados Unidos, fato sem precedentes no mercado brasileiro de quadrinhos.

Esta parceria com a Valiant Entertainment é de grande importância e responsabilidade para nós. E gera muita satisfação, pois comprova que nosso trabalho está sendo reconhecido e levado a sério não só no Brasil, mas também internacionalmente. Temos certeza que esse conteúdo exclusivo surpreenderá os leitores. E é bom se prepararem, pois temos planos empolgantes para essa linha”, afirmou Marcelo Bouhid, diretor de marketing do Social Comics.