Arquivo da tag: Turismo

Cafés da manhã de outros países para viajar na gastronomia sem sair de casa

Abreu recomenda pratos diferentes e de fácil preparo com origens internacionais

O desjejum é uma refeição essencial, já que garante a energia para começar o dia. Em geral, durante uma viagem, o café da manhã gera até expectativas: é comum ser oferecido pelos hotéis e há pessoas que selecionam a hospedagem baseando-se em avaliações a respeito do que é servido pela manhã.

Os mais populares são aqueles que não apenas contam com alimentos comuns e dentro da zona de conforto do viajante, como pães, frios e frutas, mas que também dão a oportunidade de o turista provar o que é típico no país visitado.

Considerando o momento atual, em que mesmo os maiores amantes de viagens devem ficar em casa, a Abreu, especialista em levar turistas para os melhores destinos ao redor do mundo, fez uma lista de pratos de café da manhã consumidos em diferentes países e que têm um processo de preparo relativamente fácil. Assim, será possível viajar pela gastronomia de outros países sem sair de casa!

Estados Unidos
O café da manhã dos Estados Unidos é famoso no restante do mundo. Os norte-americanos consideram esta a principal refeição do dia, por isso apostam em pratos mais pesados, que incluem ovos mexidos ou fritos, bacon, rabanadas e linguiças.

No entanto, segundo a Abreu, o que mais encanta os viajantes neste país são as deliciosas panquecas americanas, que podem ser servidas com calda de chocolate, manteiga, frutas ou maple syrup, xarope extraído da árvore bordo, muito conhecido nos EUA e Canadá. Os ingredientes para prepará-las são comuns e muita gente os tem em casa: trigo, açúcar, fermento, ovos, leite, manteiga, sal e óleo. Por isso, é muito possível começar o dia com essa delícia e se sentir em terras ianques.

República Dominicana
Em meio ao Caribe estão as iguarias da República Dominicana. Este país é famoso por seus incríveis resorts all-inclusive, onde não faltam opções no café da manhã. Mas, para quem quer provar algo tipicamente dominicano, a sugestão da Abreu é o mangú, uma espécie de purê de banana que costuma vir acompanhado de salame, queijo ou ovos. Os ingredientes para o preparo são bananas-da-terra verdes, sal, manteiga e água.

Bolívia
Neste nosso vizinho sul-americano, os locais adoram iniciar um novo dia com salteñas, um tipo de pastel assado com recheios diversos, que são vendidos por todos os lugares, principalmente na rua. São similares às famosas empanadas argentinas. A massa leva ovos, óleo, trigo, água e sal, e o recheio pode ser o que tiver em casa: presunto e queijo, carne moída, tomates, batatas, etc.

Austrália
Do outro lado do mundo, os australianos comem pão com Vegemite, uma substância que parece uma geleia, mas possui um gosto forte, salgado e amargo. De acordo com a Abreu, os viajantes costumam estranhar o sabor, mas há alguns que se apaixonam perdidamente pela iguaria. É muito difícil encontrar Vegemite no Brasil, mas há outro prato comum na culinária matinal do país que é bastante fácil de reproduzir em nossas próprias cozinhas: torradas com abacate amassado com suco de limão e sal!

Inglaterra
Na Europa, os costumes são variados. Na Inglaterra, por exemplo, a refeição é farta como nos Estados Unidos e inclui alguns alimentos similares, como ovos e bacon. Mas o que os viajantes da Abreu mais costumam achar exótico são os feijões que são servidos junto com tudo isso!

No entanto, embora possa parecer estranho comer feijões pela manhã, muitas pessoas consideram essa a melhor parte do café. Para ficar ainda mais inglês, basta tomar um tipo forte de chá, já que a bebida é muito mais popular no país da rainha do que o tradicional café tomado no Brasil.

Espanha
Neste país da Península Ibérica, são muitas as opções de café da manhã. Mas uma das mais tradicionais, que também é muito fácil de fazer em casa, é o pan a la catalana. Basta espalhar o suco de um tomate bem maduro no pão com um pouco de alho, sal e azeite. Para os mais famintos, vale incrementar com queijo e presunto – melhor ainda se for o presunto de Parma, típico do país.

Mônaco: livros, filmes e músicas para se inspirar e conhecer mais sobre o principado

GVA dá dicas de mídias para conhecer o principado de Mônaco sem sair de casa. (Foto: © MONTE-CARLO Société des Bains de Mer)

A Monte-Carlo Société des Bains de Mer (SBM), proprietária do Cassino de Monte-Carlo e diversos outros estabelecimentos sofisticados no Principado de Mônaco, fez uma lista com sugestões para conhecer o país mesmo sem sair de casa, para que os viajantes já comecem a sonhar com sua próxima visita ao destino. São ideias para leitura, filme e playlist, maneiras simples de incentivar a curiosidade, a descoberta e o aprendizado.

Para ler

Um espião no sul da França durante os anos 1960: você pode estar pensando em James Bond ou Agente 117? Bom, não é! É um advogado comum que se vê em uma situação muito perigosa. Scratch One é um thriller escrito por Michael Crichton sob o pseudônimo de John Lange. Sua habilidade narrativa revela a atmosfera da Côte d’Azur em meados do século XX.

Para ver

Entre todos os filmes que acontecem em Mônaco, alguns são fundamentais. GoldenEye, por exemplo, é obrigatório. Esta é a primeira obra em que Pierce Brosnan faz o papel de James Bond e o traje lendário se encaixa perfeitamente nele! Uma das primeiras cenas mostra uma perseguição de tirar o fôlego nas alturas de Mônaco. Também é mostrado o Cassino de Monte-Carlo, onde o espião joga (e vence) um bacará desafiador. Você também pode se divertir no bacará e pedir uma vodca martini… mas, é claro, “shaken and not stirred“!

Para ouvir

Não há nada como uma playlist de música eletrônica para descontrair. Divirta-se com essa seleção de músicas dos famosos clubes e bares da SBM, como a playlist eletro-zen do Buddha-Bar Monte-Carlo e a cativante playlist latina do COYA Monte-Carlo. Inspire-se enquanto espera para desfrutar de música eletrônica ao vivo em Mônaco.

Para saber mais sobre as propriedades da Monte-Carlo SBM, acesse www.montecarlosbm.com.

Para saber mais sobre o destino, acesse www.visitmonaco.com e o site Bureau Mundo, escritório virtual da GVA: www.bureaumundo.com.

Ilhas Seychelles: confira fotos e vídeos em 360° para sonhar com o destino

Seychelles em 360º. (Foto: Divulgação)

Seychelles, paraíso escondido no Oceano Índico, é um país na bucket list de muitos viajantes, por sua natureza única e paisagens de tirar o fôlego. Para todos que estão em casa neste momento, aprendendo novas habilidades, fazendo cursos, testando novas receitas e pensando na próxima viagem quando o mundo voltar à normalidade, o destino convida a conferir suas fotos e vídeos em 360°.

As galerias do site oficial de turismo de Seychelles possuem fotos em 360° das três ilhas principais do país: Mahé, Praslin e La Digue. As pessoas podem sonhar com algumas de suas praias paradisíacas, além de panoramas incríveis que podem ser vistos em trilhas locais ou mesmo da capital Victoria. Alguns destaques são a praia de Anse Lazio, localizada na ilha de Praslin e que coleciona títulos de a mais bonita do mundo; e o Vallée de Mai, Patrimônio da UNESCO e considerado por muitos o Jardim do Éden original, onde cresce o Coco de Mer, símbolo de Seychelles.

Além das fotos, as pessoas também podem assistir vídeos em 360°, todos focados em esportes ao ar livre. Um deles mostra uma experiência de mergulho e é possível acompanhar mergulhadores em suas descobertas embaixo d’água, como um naufrágio. Há também um vídeo mostrando a experiência de estar em cima de um jet ski nas águas de Seychelles do ponto de vista do piloto; e até mesmo uma experiência em primeira pessoa de uma tirolesa no meio das florestas preservadas do país.

As fotos e vídeos 360° podem ser conferidos no link www.seychelles.travel/en/interactive-gallery/360-gallery.

Para mais informações sobre Seychelles, acesse www.visiteseychelles.com e o site Bureau Mundo, escritório virtual da GVA: www.bureaumundo.com.

Dez razões porque Punta Cana continua sendo o melhor destino do Caribe

Além de suas praias paradisíacas, destino tem atividades variadas, excelente hotelaria, campos de golfe e hospitalidade atenciosa e profissional

Dias sem pressa, praias que parecem saídas de um sonho, excursões para todos os gostos e idades, infraestrutura de primeira categoria e facilidade para chegar. Destino ideal para casais, famílias, negócios e eventos. Por tudo isso e muito mais, Punta Cana é e segue sendo reconhecida como a joia preciosa do Caribe.

“Ano após ano, Punta Cana segue se consolidando como destino turístico de excelência na América Latina, uma posição merecida que se reflete tanto na quantidade de pessoas que nos visitam de todo o mundo, como nos projetos hoteleiros que não param de crescer”, afirma Magaly Toribio, assessora de Marketing do Ministério de Turismo da República Dominicana (MITUR).

A seguir, confira dez razões pelas quais os turistas visitam e voltam a visitar Punta Cana:

1. Uma costa de 48 quilômetros
Com um dos maiores litorais de areia branca do Caribe, Punta Cana oferece a combinação perfeita entre descanso e diversão. Desde Macao, o pitoresco point de surfe, até a praia de Juanillo, passando pelas famosas praias de Bávaro, Corales e Cortecito, rodeadas por lojas e bares, os visitantes encontram um lugar ideal para nadar, descansar embaixo de coqueiros, fazer snorkeling ou desfrutar de um passeio de barco.

2. O paraíso dos golfistas
Punta Cana guarda uma grande quantidade de campos de primeira qualidade, dez deles localizados ao longo da costa, com vistas fantásticas para o mar. Muitos campos foram projetados por figuras de renome mundial, como o campo Corales, um design de Tom Fazio, e Punta Espada, desenvolvido por Jack Nicklaus. Além disso, a menos de uma hora, está o famoso campo Teeth of the Dog, em La Romana, criado pelo grande Pete Dye.

3. Serviços de categoria mundial para eventos
Com uma excelente infraestrutura turística, mais de 127 instalações hoteleiras, 48 mil quartos e um atendimento que se destaca por sua amabilidade, o destino continua sendo o preferido para a realização de grandes eventos. É em Punta Cana que estão os maiores centros de convenção do país, equipados com a mais moderna tecnologia.

4. Hospedagens de primeira linha
Os resorts e hotéis all-inclusive, muitos dos quais são em frente ao mar, são uma marca única de Punta Cana. Independentemente de se tratar de uma família com crianças, um casal, um grupo de amigos ou uma viagem de negócios, são a opção mais escolhida para hospedar-se e desfrutar sem preocupações.

5. Excelente acesso e conectividade
Chegar ao paraíso é fácil. O Aeroporto Internacional de Punta Cana (PUJ) é considerado o melhor conectado do Caribe e da América Central, com voos partindo de 26 países e um fluxo de até dois milhões de passageiros ao ano. Desde 2017, região é também destino de pequenos cruzeiros, enquanto pela Autoestrada de Coral chega-se facilmente a outros destinos do país, o que permite tirar o máximo de proveito da estadia.

6. Os arredores de Santo Domingo
Conhecer a cultura dominicana e seu legado histórico é muito prático. Punta Cana fica a apenas duas horas e meia de carro de Santo Domingo e sua Cidade Colonial, declarada Patrimônio da Humanidade por haver sido o primeiro assentamento europeu na América. Um ótimo plano é passar um dia caminhando por suas ruazinhas de pedra, onde ficam inúmeros edifícios coloniais do século 16, assim como museus, lojas e restaurantes.

7. Excursões para todas as idades
Fora das praias, os visitantes aventureiros encontram diversas atividades, como fazer safáris até plantações de açúcar, refrescar-se nos cenotes e lagoas de água doce que se escondem nos bosques do Parque Ecológico Olhos Indígenas, praticar caiaque e fazer trilhas em fabulosos mangues da Laguna de Bávaro ou divertir-se nos numerosos parques temáticos da região com aventuras como tirolesa e arvorismo.

8. Vida noturna animada
Punta Cana nunca para! Seja para dançar de balada em balada ou desfrutar de uma noite elegante com coquetéis e canapés nas marinas e lounges de frente para o mar, todos encontram seu espaço na vibrante vida noturna local. Além disso, a maioria dos resorts conta com cassinos modernos e animados, que ficam abertos a noite toda.

9. Mergulho para todos os gostos e níveis
Corais bem cuidados, naufrágios em alto-mar e cavernas submarinas garantem experiências de mergulho inesquecíveis. Localizado em frente à costa de Punta Cana, El Acuario é ideal para principiantes porque a profundidade não supera os sete metros. É possível observar barracudas, raias-águia, baiacus-espinho e peixes-papagaio. Mais ao norte, na região de Bávaro, a caverna submarina Taina Macao tem uma impressionante variedade de estalagmites e estalactites. Em Bávaro há também o naufrágio Astron, coberto de plantas e peixes tropicais, onde se pode chegar nadando desde a costa.

10. O rum e os charutos
Ambos andam junto com a República Dominicana. Em Punta Cana, uma ótima opção é visitar fábricas de charutos com um tour em que se pode ver e aprender o processo de enrolá-los, além de experimentar tipos diferentes. As duas marcas de rum dominicano mais famosas, Barceló e Brugal, são oferecidas em todos os hotéis e restaurantes locais. São um must para os amantes de coquetéis e de runs envelhecidos.

Monaco 360: uma visita virtual para conhecer Mônaco sem sair de casa

(Foto: Divulgação)

Em tempos atuais, em que o mundo inteiro enfrenta um desafio comum, as pessoas estão adotando medidas para conter o avanço do vírus, sendo a principal delas não sair ou circular pelas ruas, restaurantes, shoppings, etc. Para quem estava pensando em viajar, foi preciso adiar os planos, mas há algumas soluções para conhecer mais sobre o mundo mesmo sem sair de casa. Agora é a melhor hora para se inspirar com as fotos e vídeos de lugares incríveis ao redor do planeta, ler sobre eles, aprender sobre suas culturas e histórias e até mesmo planejar uma viagem futura, para pôr em prática quando a situação se normalizar, companhias aéreas voltarem a todo o vapor e países abrirem suas fronteiras.

O Escritório de Turismo de Mônaco convida as pessoas, neste momento, a sonharem com as próximas viagens, novos destinos e experiências. O principado europeu possui uma plataforma chamada Monaco 360, que permite uma visita virtual de 360° ao país. É possível conferir tanto os principais lugares de Mônaco de diversos ângulos, como o Port Hercule e a região das praias, quanto a parte de interna de atrações importantes, como o Museu Oceanográfico e o famoso Cassino e Ópera de Monte-Carlo, com seus diversos salões de jogos e sua ópera. É possível ainda ver de perto os hotéis de Mônaco, como o icônico Hôtel de Paris ou o cinco estrelas Metropole Monte-Carlo. Imagina conhecer alguns dos melhores hotéis do mundo, navegar por seus aposentos sofisticados e ver sua arquitetura e decoração impressionantes sem sair de casa? Há muita coisa para explorar por ali. Vale a pena conhecer a plataforma, descobrir novos locais em Mônaco e começar a sonhar com a próxima viagem.

O Monaco 360 pode ser acessado pelo link monaco360.visitmonaco.com.

Para saber mais sobre o destino, acesse www.visitmonaco.com e o site Bureau Mundo, escritório virtual da GVA: www.bureaumundo.com.

Destino tchéquia: Experiências Tchecas Favoritas

(Foto: Divulgação)

Cada viajante vive os destinos de maneira diferente, e não há nada melhor para entender ou planejar uma viagem do que ouvir sugestões de outros viajantes. Queremos que deseje o nosso destino e é por isso que convidamos Joaquin del Palacio, geógrafo, professor e diretor do programa mexicano “A rota do viajante”, para compartilhar seus “favoritos tchecos” e dar uma ideia de tudo o que você poderá vivenciar no destino:

Há uma crença entre os viajantes: quem visita mais países ganha. No entanto, o viajante encontra a verdadeira grandeza em momentos, lugares e sensações completas. É isso que o leva a obter sucesso na viagem. Os destinos são contados por memórias inesquecíveis.

A República Tcheca está colocada entre os melhores destinos para sentir sensações em lugares e viver momentos muito especiais, tanto nas cidades quanto na natureza, em hotéis e restaurantes.

(Foto: Divulgação)

Sonhos felizes!

Nunca esquecerei de ter pernoitado em um hotel de cinema. Sim, porque no Grandhotel Pupp, no centro da cidade termal de Karlovy Vary, onde todos os anos é realizado o Festival Internacional de Cinema e fotos de estrelas de Hollywood adornam suas paredes. Não é apenas um excelente hotel, é quase um palácio, mas também me fez sentir especial e me transportou para outra era … Seu cassino, o spa ou seu belo teatro de bolso, além de seu estilo elegante e sua bela sala ficaram gravados. na minha memória.

Na Tchéquia dormi nas nuvens… Uma experiência difícil de conseguir! Muito perto de Liberec fica o pico Ještĕd e, no topo deste pico, está o icônico e cônico hotel Jested que parece ser uma nave espacial. Seu brilho metálico é visível a quilômetros. Localizado no pico que dá nome, é acessado até sua porta por uma estrada panorâmica.

É um edifício único que ganhou prêmios. Permanece praticamente intacto desde a sua inauguração, e alguns quartos mantenham a mesma decoração. As vistas de 360º mudam a cada momento, de acordo com a luz e o céu. Mas o melhor da estadia veio ao acordar, abrir a cortina e olhar pela janela … Tudo estava branco! Estava nublado. Uma grande nuvem de algodão foi meu edredom.

(Foto: DIvulgação)

Boa mesa

A gastronomia é um estímulo para viajar à República Tcheca. Caracteriza-se por um excelente custo-benefício e pela excelência de alguns de seus pratos, como goulash, truta ou pato. Este pássaro é preparado lindamente, tanto que é quase impossível evitar pedir ao abrir o cardápio. Durante uma viagem de quatro dias provei quatro vezes! E, claro, uma delícia com vinho da Morávia ou com cerveja que é fantástica!

A mais consumida na Espanha sempre foi a loira e do tipo Pilsen. No final da visita à fábrica na cidade de Pilsen, aumenta o desejo de prová-la: uma cerveja não filtrada, na temperatura ideal, não tão fria quanto na Espanha, e dentro da fábrica. Ninguém conseguia pensar que esse momento seria inesquecível. Aquele aroma, o sabor rico que permanece na boca por um longo tempo, até sua imagem com aquela curiosa turbidez formaram uma das surpresas da viagem.

(Foto: Divulgação)

Natureza selvagem

A natureza tcheca encanta por suas boas condições e impressiona pela quantidade de paisagens protegidas que possui. E é por isso que é fácil acumular experiências únicas. Entre todas as lembranças escolho essas, acima de tudo: uma rota, um arco de pedras e uma tempestade.

No Parque Nacional da Boêmia Suíça, há um itinerário que começa em Hřensko, percorre o rio Kamenice e até mesmo navega em uma parte através de um desfiladeiro intransitável. Depois se atravessa um povoado  que serve como ponto de apoio. Através de uma longa caminhada pelas florestas, chega-se a um lugar verdadeiramente impressionante: o Portão Pravčice. Um espetacular arco de pedra de 21 m de altura e 27 de largura que deixa todo mundo admirando. É uma das paisagens mais bonitas da Europa.

As florestas ao redor de Dĕčín escondem muitas surpresas … Procurando acomodações, um velho hotel decadente de madeira em decomposição  emergiu das árvores, digno de um filme de terror, ao lado de um lago cheio de patos onde eu me banhei em suas águas, nos últimos raios de sol  que se refletia nele. No entanto, ao anoitecer, tudo mudou. Da janela havia um vislumbre de uma tempestade sobre a floresta. Aproximando-se lentamente. Raios, trovões e relâmpagos sacudiam as paredes da sala.

A aventura completa está disponível em:

https://destinotchequia.com/articulos/minhas-experincias-tchecas-favoritas

Brissa Ioselli aponta quatro destinos internacionais para ter experiências gastronômicas e sociais únicas

A ex-participante do MasterChef Brasil e expert em gastronomia Brissa Ioselli aponta quatro lugares no mundo onde é possível aliar gastronomia, com ingredientes e sabores exclusivos, ao turismo e lifestyle

Brissa Ioselli, ex-participante do MasterChef Brasil e influenciadora digital, une o seu amor pela gastronomia o seu amor por viagens em roteiros turísticos fascinantes, e partilha suas experiências com seus mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais.

Adepta de um estilo de vida saudável, sem dietas radicais e restritivas, Brissa procura sempre transmitir a mensagem de que é possível aliar o prazer de comer e desfrutar de experiências gastronômicas com uma rotina que permita manter a boa forma: “não vale a pena abdicar do prazer de uma taca de vinho ou de uma iguaria gastronômica quando se visita um lugar especial em nome de se manter sempre magra. É possível, com equilíbrio e moderação, obter o melhor dos dois mundos, se abrindo à possibilidade de se permitir viver novas e inenarráveis experiências culturais, sociais e gastronômicas sem abdicar da boa forma. O equilíbrio é a chave.”

Brissa Ioselli aponta 4 destinos internacionais para viver experiências gastronômicas únicas em todo o mundo, com pratos criados com ingredientes endêmicos, que não podem ser apreciados da mesma forma em nenhum outro lugar. Confira:

França 
Lyon – L’auberge du Pont Collonges 

Sopa de cebola do L’auberge du Pont Collonges. (Foto: Divulgação)

Este é o restaurante do chef Paul Bocuse, que tem 3 estrelas Michelin – Recomendo a sopa de cebola, que é super tradicional, sendo um prato emblemático e lendário do restaurante, preparado de forma exclusiva. Ela é feita com caldo de carne, vinho branco, trufas negras, foie gras, cenoura, cebola, salsão, carne, pitadas de sal marinho e pimenta-do-reino, fechada por uma massa folhada para preservar o calor e os aromas. Foi criada em 1975 para um almoço do então presidente francês Valéry Giscard d’Estaing.

Paris –  Le Procope  

Ravioli do Le Procope. (Foto: Divulgação)

Este é o mais antigo de Paris em operação contínua, desde 1686 – O mini ravioli é inesquecível. Esse restaurante foi frequentado por grandes nomes como Molière, Robespierre, Danton, Voltaire, Rousseau e até mesmo Napoleão Bonaparte.

Chile
Casablanca – Vinícola Casas del Bosque  

Casa Del Bosque. (Foto: DIivulgação)

Espanha
Madrid – Café San Gines

Churros de madrid. (Foto: Divulgação)

Fundada em 1894, a Chocolatería San Ginés está localizada no coração de Madrid e é reconhecida por servir o mais gostoso e famoso churros da cidade. Vale o passeio. Nas paredes do café você consegue ver fotos de todas as personalidades famosas que já estiveram por lá.

Cinco experiências incríveis para se fazer na Amazônia nos feriados

A Amazônia é um destino sem igual. Cerca de 60% de todo o território brasileiro é ocupado por este rico e encantador bioma, que se faz presente em oito estados diferentes e abriga a maior e mais diversificada biodiversidade do mundo, com incontáveis espécies. Do Acre ao Mato Grosso, aliás, infinitas possibilidades de passeios e experiências únicas, como essas 5 sugestões, listadas abaixo, surgem como boas opções para os turistas que anseiam em conhecer de perto o coração verde do Brasil.

Veja as dicas:

Trilhas pela mata:

(Foto: Divulgação)

Pode parecer clichê dizer, mas caminhar entre as árvores de um bioma tão rico e único quanto a Amazônia é uma incrível experiência de conexão com a natureza. Observar com atenção todos os detalhes da fauna e da flora também. São mais de 30 mil espécies de plantas e incontáveis espécies de aves, mamíferos, répteis e peixes. Uma vez no local, não deixe de explorar a região durante a noite. As chances de avistar algum animal em busca de alimento, sobretudo os de hábitos noturnos, são bem maiores e a experiência será inesquecível. Mas antes de aventurar, procure um bom guia, certo?

Passeio de canoa:

(Foto: Divulgação)

Contemplar a natureza é uma prática que pode ser feita de diversas maneiras na Amazônia. Desbravar as águas por meio da canoagem é uma delas. Com a vantagem de ser uma prática bem silenciosa, já que não há a presença de motor no bote, a experiência lhe permitirá ouvir o gracioso canto dos pássaros, a correnteza do rio e os mais variados sons da floresta. Isso sem mencionar a possibilidade de avistar algumas espécies de aves e macacos com mais facilidade.

Observe a Amazônia do alto:

(Foto: Divulgação)

Depois de explorar as suas belezas por terra e água, que tal vislumbrar os encantos da Amazônia pelo alto? Na Reserva Privada do Cristalino Lodge, em Alta Floresta, Mato Grosso, é possível apreciar toda a vastidão da floresta à 50 metros de altura, por meio de duas torres de observação. Construídas em aço galvanizado, as estruturas estão posicionadas em diferentes pontos da reserva ecológica e oferecem uma vista de tirar o fôlego, sobretudo ao pôr do sol… 

Tome um banho de rio:

(Foto: Divulgação)

Mergulhar em um revigorante banho de rio, com águas limpas da própria Amazônia, se traduz em uma sensação de pura felicidade. Em algumas regiões, como no sul, entre os meses de julho a novembro, pequenas “praias” e pedras, quase que sob medida, surgem para tornar a experiência ainda mais gostosa, prazerosa e libertadora.

Aulas de Yoga ao ar livre:

(Foto: Divulgação)

Já pensou em praticar yoga ao ar livre e com a floresta Amazônica como cenário? No hotel Cristalino Lodge, isso é possível. Voltado para os amantes da natureza, o empreendimento criou um retiro de yoga que visa restaurar o estado de equilíbrio físico, mental e espiritual dos hóspedes por meio de um profundo contato com a natureza. O programa, que tem duração de 4 noites – 29 de abril a 3 de maio – oferece uma série de atividades de yoga e meditação, no qual os participantes serão convidados a aprofundar-se na sua prática e a sentirem os benefícios da vida em harmonia com a natureza.  

Reservas e informações: (11) 3071-0104, (66) 3521-2221 ou office@cristalinolodge.com.br | http://cristalinolodge.com.br/pt/

Preços a partir de R$ 1.400,00 por pessoa + taxa Fundação Cristalino (R$ 250,00 por pessoa.

Entre vilas e vinhedos de Saint-Émilion, no sul da França

Hóspedes do Château Grand Barrail Hôtel podem conhecer região perto de Bordeaux em passeios guiados de bicicleta ou a pé

Os vinhedos de Saint-Émilion são motivo de orgulho para produtores e moradores dessa região, a cerca de 40 quilômetros de Bordeaux, no sul da França. Percorrer as aldeias e suas vinhas, que entraram para a lista de Patrimônios da Unesco em 1999, é só uma das atividades possíveis de serem realizadas por quem se hospeda no sofisticado Château Grand Barrail Hôtel.

Integrante da coleção Small Luxury Hotel of the World, o hotel atrai interessados em viver uma experiência cinco-estrelas em meio à natureza verdejante, de refeições ao ar livre com os vinhedos no horizonte a tratamentos no Spa Cinq Mondes tendo os lindos jardins como pano de fundo.

Depois de começar o dia com um café da manhã em um dos elegantes salões do restaurante Gourmet, os hóspedes podem explorar a região de Saint-Émilion em tours guiados, a pé ou de bicicleta, com paradas estratégicas para entender o processo de produção dos famosos vinhos de Bordeaux e degustação na companhia de um especialista.

Outras possibilidades de passeio são a visita ao Château de Vayres, castelo classificado como Monumento Histórico Francês, ou a travessia de canoa por um trecho do Dordogne, o rio que serpenteia a região. O Château Grand Barrail Hôtel tem bicicletas à disposição dos que preferem explorar livremente a bonita propriedade rural onde está instalado.

Ao fim de um dia de atividades, os hóspedes ainda conseguem relaxar na piscina, situada em um ponto mais reservado, antes de desfrutar de todo o refinamento francês em um jantar elaborado pelo chef Quentin Merlet, responsável também por releituras de bistrô servidas diariamente na hora do almoço. No agradável lounge bar, drinques refrescantes ou uma taça de tinto podem embalar as últimas conversas da noite.

Divididas em seis categorias, as acomodações do Château Grand Barrail Hôtel são decoradas com elementos que unem toques clássicos, como a cama com dossel (exclusividade da Royal Suite), a nuances contemporâneas, entre elas, caixas de som bluetooth e máquinas de Nespresso.

O Château Grand Barrail Hôtel é representado no Brasil pela Key Partners (www.keypartners.com.br), de Sylvia Leimann. Para mais informações e reservas, acesse o site www.grand-barrail.com/.

Parque Maeda em Itu é opção de lazer bem pertinho de SP

Local conta com infraestrutura completa para lazer e hospedagem; parque reúne pesqueiro, pousada, parque aquático e uma série de atrações para toda a família, entre elas, o maior jardim japonês do Brasil

Localizado em Itu (SP), o Parque Maeda é opção para quem quer se refugiar em um local tranquilo, voltado à família e próximo da natureza. O destino é muito procurado por visitantes de outras cidades do estado e também da Grande São Paulo – estes, buscando refúgio no sossego e no clima bucólico do interior.

Entrada e estacionamento no parque são gratuitos. O público só paga pelo que usar ou consumir. Há opção de comanda e do passaporte promocional, um day use que permite usufruir de diversas atividades, incluindo o almoço com comida japonesa e brasileira à vontade. O passaporte é bastante vantajoso, pois garante ao visitante acesso a diversas atrações do parque e ainda a uma gastronomia farta e diversificada. Crianças abaixo de 4 anos não pagam.

O Maeda conta também com uma aconchegante Pousada com diversos tipos de acomodações. O chalé casal acomoda até três pessoas e o chalé família, até sete. Já os apartamentos comportam até quatro visitantes. A hospedagem inclui um farto café da manhã e piscina privativa para os hóspedes, que também têm a opção de fazer refeições no restaurante exclusivo da pousada – as quais não são inclusas na diária.

Opções de lazer

As opções de lazer e passeio incluem o belíssimo Jardim Japonês, o maior do país, que conta com um primoroso projeto de paisagismo, espelhos d’água com carpas orientais, bonsais, ponte japonesa e cascatas.

Para chegar ao jardim, o visitante pode utilizar o teleférico – que garante bons momentos de diversão nas alturas e ainda proporciona uma vista panorâmica do parque – ou o trenzinho, outra divertida atração acompanhada por monitores que explicam cada trecho do passeio. Ele vai até o Jardim Japonês e também às Rodas d’água, à Sede da Fazenda e à Árvore Gigante – uma árvore centenária com vários mirantes construídos sobre a copa – o mais alto chega a 22 metros de altura.

O parque aquático do Maeda tem piscinas com toboáguas para crianças e adultos e conta com o apoio e a segurança de monitores e salva-vidas. Há passeios de carruagem e a cavalo e voo de helicóptero por todo o perímetro do parque ou pela área do parque mais a cidade de Itu. A vista panorâmica é incrível e atrai muita gente.

Pesca esportiva

Um dos motivos que levam pessoas de todo o Estado de São Paulo a visitarem o Parque Maeda é a pesca esportiva. O local é referência entre os amantes da pesca, que chegam a encontrar peixes de até 20 quilos nos tanques. No pesqueiro estão disponíveis a pesca diurna e noturna, das 7h às 23h30.  Além do Pesqueiro, o Parque disponibiliza também o Tancão e o Tanque de Engorda para pesca diurna.

Serviço

O Parque Maeda está localizado em Itu, a 75 km de São Paulo. Informações aos visitantes pelo número (11) 2118-6200. Reservas para a pousada podem ser feitas pelo e-mail: pousada@parquemaeda.com.br ou pelo telefone (11) 2118-6262. Mais informações podem ser obtidas pelo Facebook: @ParqueMaeda e no Instagram: Parque Maeda.