Arquivo da tag: Vale dos Vinhedos

Miolo Millésime Brut 2015 entre os melhores do ano para Jorge Lucki

Miolo MIllésime Brut é uma dos melhores espumantes de 2019. (Foto: Divulgação Miolo)

Espumante arrematou grandes prêmios em 2019

Não é à toa que um dos principais críticos de vinhos do Brasil reconhece o Miolo Millésime Brut 2015 como um dos melhores do ano 2019 do Novo Mundo. Desde 2000, Jorge Lucki ocupa um espaço privilegiado no Valor Econômico para reverenciar os destaques segundo suas impressões. O espumante, que traz o selo de Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, também já foi reconhecido por Steven Spurrier como o melhor do Hemisfério Sul.

Somente este ano, o Miolo Millésime Brut 2015 recebeu Grande Ouro no 11º Concurso do Espumante Brasileiro realizado pela Associação Brasileira de Enologia e alcançou 91 pontos ficando entre os Melhores Espumantes Brut e Melhores do Vale dos Vinhedos no Descorchados 2019. No Catad’Or 2019 ganhou 89 pontos e arrematou Gold no Wines of Brazil Awards 2019, realizado na ViniBraExpo.

Para o enólogo Adriano Miolo, Diretor Superintendente da Miolo, fechar 2019 com mais este reconhecimento é, sem dúvida, a realização. “Em cada produto lançado, engarrafamos histórias e o desejo de que ao tirar a rolha todos possam, com a Miolo, sentir o prazer de brindar em qualquer lugar do mundo. E assim vamos compartilhando sensações com o que de melhor sabemos fazer”, comemora.

O que faz do Miolo Millésime Brut 2015 um espumante exclusivo não é somente o fato de ser elaborado apenas em safras excepcionais. O cuidado começa ainda no vinhedo. As uvas Chardonnay e Pinot Noir, cultivadas nos vinhedos da Família Miolo, no distrito de São Gabriel, em Garibaldi, são colhidas e selecionadas manualmente. Depois da fermentação na própria garrafa, esse espumante envelhece por 18 meses nas caves subterrâneas e climatizadas da Miolo no Vale dos Vinhedos. Desde a colheita até chegar ao mercado foram três anos.

O espumante

Límpido, apresenta coloração amarelo palha com tons esverdeados, perlage fina, abundante e persistente. Seus aromas finos lembram frutas cítricas, pera, abacaxi e mel, mesclados a aromas típicos de envelhecimento, como pão tostado. Na boca, mostra sua complexidade, com boa cremosidade. Elegante, apresenta acidez equilibrada, retrogosto agradável e final de boca longo denotando alta qualidade do produto. A temperatura ideal para ser degustado é entre 6° e 8°.

O Miolo Millésime Brut 2015 é ideal com aperitivo ou mesmo desfrutado por si só, em atitude contemplativa ou festiva. Os acompanhamentos vão desde o bolinho de bacalhau, croquete de camarão e croquete de carne, moqueca de peixe, casquinha de siri, bobó de camarão e culinária caiçara.

Drinks a base de whisky

Destilaria do Vale dos Vinhedos vai além da visitação guiada com degustação de whiskies e estimula a coquetelaria para receber o verão

Muito além do gelo, o whisky tem sido usado no preparo de drinks refrescantes para o verão. Coloridos e descontraídos, os coquetéis ganham espaço à beira da piscina, na praia, em bares e baladas e no aconchego da própria casa. A Union Distillery, destilaria de whisky localizada na entrada do Vale dos Vinhedos, oferece visita guiada seguida por degustação de whisky e ainda dá dicas de como o visitante pode ampliar sua experiência em torno da bebida com drinks elaborados com os rótulos da casa.

Em tempos de diversidade, a pluralidade também chegou aos drinks à base de whisky. Eles já chamam a atenção pela apresentação, com diferentes cores conforme a receita. A combinação do whisky com frutas, sucos e licores ajuda a desmistificar a imagem de que o destilado é uma bebida somente para ser apreciada pura ou com gelo. Inspirado no famoso Manhattan, drink favorito do Al Capone, a Union Distillery criou o Casa Rossa Classic, uma combinação entre whisky, vinho licoroso tinto, angostura e gelo. Há também o Casa Rossa, Casa Rossa Orange, Oldfashioned e o Union Club. Estes drinks servem de dica para quem prefere comprar um dos whiskies e fazer o drink em sua própria casa.

A visita

Genuinamente brasileira, a Union é a primeira destilaria do Brasil aberta ao turismo. Os visitantes podem conhecer as instalações e todo processo de elaboração do whisky. A planta é equipada com destiladores modernos e sistemas de segurança e controle que permitem operar dentro de padrões competitivos, assegurando o produto, reduzindo os riscos e preservando a beleza peculiar do local. Na sala dos destiladores, por exemplo, é impossível não se surpreender com o tamanho dos três exemplares, com capacidades que variam de 16 a 18 mil litros cada. Feitos de cobre, eles atingem uma altura de oito metros.

De lá, o passeio segue para onde ficam os barris de carvalho americano, onde o aroma denuncia a atividade do local. São 10 mil barris somente na filial e outros 10 mil na matriz. A experiência encerra no varejo, onde é oferecida a degustação de quatro rótulos. O valor por pessoa é R$ 40 e inclui uma taça personalizada de cristal que o turista leva como lembrança. No local, também é possível adquirir os whiskies e os vinhos licorosos, além de acessórios.

Drinks Union Distillery

Casa Rossa: 170 ml (Whisky, vinho licoroso tinto, licor de cacau, gelo)

Casa Rossa Orange: 280 ml (Whisky, vinho licoroso rosado, suco de laranja, gelo)

Casa Rossa Classic: 140 ml (Whisky, vinho licoroso tinto, angostura, gelo)

Oldfashioned: 140 ml (Whisky, angostura, laranja, açúcar, gelo)

Union Club: 140 ml (Whisky, licor de whisky, gelo)

SERVIÇO

O que? Union Distillery

Onde? Vale dos Vinhedos

Funcionamento: Aberto de segunda a sábado, além de feriados (exceto aos domingos)

Visitação: inclui visita guiada à destilaria, uma taça personalizada de cristal e degustação de quatro produtos (Blended Whisky, Pure Malt Whisky, Pure Malt Whisky Turfado, Licor de Whisky)

Horários de visitação:

Segunda – 14h30min às 16h30min

Terças a sábados e feriados – 9h30min às 16h30min

Horários Loja: Segundas, das 14h às 18h; Terças a sábados e feriados: das 9h às 18h

Observação: Para grupos é necessário agendamento prévio.

Informações e agendamentos: 54 3452.5000 | Whatts: 54 9 8432.7123

Casa Valduga inicia temporada da vindima em que hóspedes aprendem a colher uvas

Com diferentes opções de pacote, é possível visitar a vinícola entre os meses de janeiro e fevereiro de 2018

Entre os meses de janeiro e fevereiro, ocorre a já famosa temporada da vindima, época da colheita de uvas na região do Vale dos Vinhedos, no sul do país. E, em mais um ano, a vinícola Casa Valduga abrirá suas portas para quem tem interesse em conhecer todo o processo de elaboração dos seus renomados rótulos.

image001.jpg
Casa Valduga abre temporada de vindima. (Foto: Divulgação)

Para os amantes do vinho, é uma grande oportunidade de passar dois ou três dias imersos no universo da vinícola, participando desde a colheita das uvas até a tradicional “pisa”, onde começa o processo de produção de umas das bebidas mais populares do mundo.

Este ano, serão duas opções de pacotes com duas ou três diárias, com programações completas para que o hóspede possa escolher de acordo com a sua preferência. Os pacotes de três diárias variam entre R$5.584,00 e R$6.064,00, por casal. Já os de três, variam entre R$3.856 e R$4.178 por casal. Também há a opção de passar apenas o sábado na vinícola, curtindo a programação da vindima, sem hospedagem, por R$2.295, por casal.

A temporada deste ano ocorrerá entre os dias 18 de janeiro a 18 de fevereiro, durante cinco finais de semana, com uma incrível programação diária, incluindo almoços, jantares e a tão esperada colheita e “pisa” das uvas.

Atrações diversificadas marcam a Primavera no Vale dos Vinhedos

Passeios, pacotes de hospedagem, opções gastronômicas e cursos de degustação estão na programação

Os próximos meses serão de coloridos intensos nas paisagens do Vale dos Vinhedos. Os parreirais começam a sair de seu repouso de inverno e despertam com vida, anunciando uma nova safra de uvas que resultará em espumantes e vinhos que carregam o terroir do Vale. Para acompanhar toda essa transformação da natureza, programações especiais florescem nos meses de setembro, outubro e novembro, trazendo o melhor da primavera traduzido em degustações, pacotes de hospedagens, passeios ciclísticos e experiências gastronômicas.

Vale dos Vinhedos proporciona lindas paisagens, durante a Primavera. (Foto: Gilmar Gomes)
Vale dos Vinhedos proporciona lindas paisagens, durante a Primavera. (Foto: Gilmar Gomes)

A programação de Primavera no Vale dos Vinhedos inicia no dia 11 de setembro e se estende até o dia 15 de novembro. Este ano, o cronograma conta com dois passeios ciclísticos, que possibilitarão aos seus participantes um agradável tour pelo roteiro enoturístico com paradas em vinícolas que compõem os trajetos. O primeiro ocorre no dia 18 de outubro, em uma realização do Hotel Villa Michelon. Serão cerca de 5.5 km de percurso entre terrenos planos e subidas, em um trajeto que pode ser desfrutado por toda a família.  Já no dia 15 de novembro, o Pedal do Vinho será dedicado aos mais resistentes. Com quilometragem maior e em terrenos mais exigentes, o passeio marca o encerramento da programação da estação.

Valorizando a cultura local e relembrando os 140 anos da imigração italiana, os dias de primavera no Vale dos Vinhedos contarão com festas que celebram a fé da região e roteiros culturais. Um deles é o Ricordi d’Itália, um trajeto de cerca de três horas disponível durante toda a programação e que propõe uma visão diferente do Vale dos Vinhedos: partindo da Capela Nossa Senhora da Glória, os visitantes são convidados a percorrer o Vale dos Vinhedos com carroças e carretos típicos dos imigrantes italianos. Com visitas a vinícolas centenárias, ruínas e contemplando a paisagem, o passeio proporciona uma imersão na história dos primeiros imigrantes da região.  Festas em honra a padroeiros com missa e almoços festivos também mostrarão toda a alegria dos habitantes e comunidade local.

VINÍCOLAS, GASTRONOMIA E HOSPEDAGEM

As vinícolas do Vale dos Vinhedos são atração o ano inteiro. A cada estação, renovam seus passeios e atrativos para que o visitante vivencie o que o roteiro enoturístico pode oferecer, em harmonia com a natureza. O contato com o mundo do vinho e as paisagens das videiras fica por conta dos piqueniques e um Wine Bar a céu aberto que permite que vinhos e espumantes sejam degustados de maneira leve e descompromissada.

Vinícolas do Vale dos Vinhedos oferece os melhores vinhos aos turistas. (Foto: Gilmar Gomes)
Vinícolas do Vale dos Vinhedos oferece os melhores vinhos aos turistas. (Foto: Gilmar Gomes)

Minicursos de degustação, degustações verticais (vinhos da mesma variedade em diversas safras) , e até mesmo ter a oportunidade de elaborar o próprio espumante são algumas das atividades oferecidas. Além disso, as vinícolas contam com descontos especiais em seus respectivos varejos, e as tradicionais visitas guiadas, disponíveis diariamente.

Estabelecimentos diversos voltados à gastronomia oferecem opções de lazer com degustação de espumantes, que casam bem com a primavera. Tábuas de frios servidas ao ar livre, programação de elaboração de biscoitos para as crianças, refeições leves que combinam com a estação são mais algumas opções da primavera no Vale dos Vinhedos. E para quem deseja desfrutar do Vale dos Vinhedos por mais dias, pacotes de hospedagem com tarifas especiais nos feriados e finais de semana são oferecidos pelos hotéis que integram a rota.

A programação completa pode ser conferida no site www.valedosvinhedos.com.br. A grande maioria necessita de agendamento prévio, que pode ser feito através dos contatos disponíveis de cada estabelecimento.