Arquivo da tag: Viagens

Comic Con San Diego atrai fãs de cultura pop e do verão californiano

Agência de viagens online ViajaNet oferece dicas para quem quer curtir o evento ou apenas aproveitar as diversas atrações da cidade americana

Desde o verão de 1970, a cidade de San Diego na Califórnia (EUA) transforma-se por quatro dias na capital mundial da cultura pop. Em 2016, a 49ª edição da Comic Con International: San Diego – ouSan Diego Comic Con (SDCC) – acontece entre os dias 21 e 24 de julho e espera atrair mais de 150 mil pessoas com centenas de atrações relacionadas a séries de TV, cinema, literatura, desenhos animados e, claro, quadrinhos. Confira as dicas da agência de viagens online ViajaNet para curtir o evento e outros passeios na cidade.

image007

A cidade

Localizada no sul do estado – a 190 quilômetros de Los Angeles –, San Diego é a segunda cidade mais populosa da Califórnia e a oitava dos Estados Unidos. Além de sediar a Comic Con, tem lindas praias e é conhecida pelo clima ameno em grande parte do ano, pelo famoso e grandioso zoológico (considerado um dos melhores do mundo) e por abrigar a maior base naval da costa oeste. O evento acontece em pleno verão, com temperaturas médias variando de 19ºC a 25ºC. Quatro horas atrás de Brasília, a adaptação com o fuso pode demorar um pouquinho.

O que é a comic con

A primeira aconteceu em 1968 em Birmingham, na Inglaterra. Tratava-se de um encontro em que fãs de quadrinhos podiam compartilhar interesses e paixões. Com o aumento de popularidade de outras mídias e vertentes da fantasia e ficção nas décadas seguintes, os encontros passaram a se voltar também aos aficionados por desenhos animados, cinema, séries de TV, jogos eletrônicos e outras atividades relacionadas à cultura pop, reunindo multidões que hoje lotam eventos em todo o mundo. No Brasil, a maior feira do gênero é a Comic Con Experience – CCXP, que reuniu 142 mil pessoas em São Paulo na segunda edição, em 2015.

Centro de Convenções de San Diego

Inaugurado em 1989, o San Diego Convention Center sedia a SDCC desde 1991. O espaço conta com 240 mil m² de área e é uma das construções mais representativas no skyline da cidade. O local também abriga diversos outros tipos de eventos, como convenções dos principais partidos políticos norte-americanos (Democrata e Republicano), reuniões da Society for Neuroscience (SfN) e o encontro internacional da Biotechnology Industry Organization (BIO). O recorde de público pertence à SDCC: mais de 130 mil visitantes na edição de 2010.

Ingressos e hotéis

Ao preço de 50 dólares para cada dia, os tíquetes costumam se esgotar assim que são colocados à venda. Durante o evento, a cidade inteira se mobiliza para receber as centenas de turistas de outros estados e países. Os preços de hospedagem, obviamente, sobem um pouco: a diária nos albergues ainda disponíveis partem de R$ 100, mas as vagas em hotéis mais luxuosos podem chegar até a R$ 1,8 mil pelo fim de semana que fecha a Comic Con.

Como Chegar

O aeroporto internacional de San Diego fica a apenas 10 minutos de carro do Centro de Convenções, ou a 25 minutos de trem (tanto o aeroporto quanto o local do evento contam com estações próprias). Com data de chegada na véspera e partida um dia depois da Comic Con, o preço da passagem ida e volta parte de R$ 4,2 mil das principais capitais do país, como São Paulo e Rio de Janeiro. A dica de ouro, no caso, é embarcar para Los Angeles e de lá pegar um trem da Amtrak direto para San Diego. O percurso total sai por, pelo menos, metade do valor citado acima.

A San Diego Comic Con

Junto com as convenções de Nova Iorque e Salt Lake City (ambas também nos Estados Unidos), a San Diego Comic Con é uma das maiores e, sem dúvida, a mais popular do mundo. Reunindo a nata da indústria de entretenimento, entre artistas, produtores e empresas do segmento, o evento conta com uma média de público superior 100 mil pessoas por edição desde 2006 – a primeira, antes chamada de Golden State Comic Con e realizada em agosto de 1970, reuniu 300 pessoas.

Le Postiche apresenta coleção de viagem para 2016

Novos modelos são lançados para as férias de julho

Le Postiche lança malas para férias de julho. (Foto: Divulgação)
Le Postiche lança malas para férias de julho. (Foto: Divulgação)

A nova coleção de malas e acessórios da Le Postiche chega às lojas para as férias de inverno apresentando um visual cool e jovem. Com itens preparados para diferentes tipos de viajantes, a marca traz praticidade aliada a um design moderno através de produtos especiais para momentos inesquecíveis.

O conceito QUERO TUDO, presente na campanha anual da marca, ganha o tema “Quero todos os lugares” com a ideia de trazer opções para todos os estilos de viagem, adaptando-se aos gostos e necessidades de quem está programando seu próximo roteiro.

As malas precisam ser funcionais para não atrapalharem o lazer. Pensando nisso as peças foram desenvolvidas para oferecer resistência sem comprometer a leveza da bagagem. As cores rosa, roxo e verde ganharam destaque na coleção com estampa e texturas geométricas.

Duas novas linhas completam o mix da marca. Para quem busca algo mais sóbrio, clássico, a linha Supreme, feita em jacquard, é a escolha ideal. Disponíveis nas cores café e marinho, as malas possuem sistema de fixação de cadeado e bolso com zíper interno. Já para quem está à procura de um design moderno e prático, a linha Gênova chega às lojas com seus modelos rígidos, nas cores vermelho, preto, bege e cinza, além da segurança com cadeados TSA.

Le Postiche lança malas para férias de julho. (Foto: Divulgação)
Le Postiche lança malas para férias de julho. (Foto: Divulgação)

Para quem não abre mão do lado fashionista, as malas Floripa ganham charmosas estampas florais. O apoio de pés fornece mais equilíbrio em caso de peso extra e há a possibilidade do uso de extensor. Toda coleção possui opções de tamanho P, M e G.

Nesta temporada a marca também apostou em kits que facilitam a organização da viagem, como por exemplo o kit conforto, que é formado por um porta-dólar ergonômico, máscara para repouso e identificador de bagagens. Outro conjunto é o kit praticidade, composto por uma frasqueira, nécessaire e sacola, perfeito para as estadias mais curtas.

Descobrindo Kroměříž, a cidade dos jardins (e muito mais)

Kroměříž está, sem dúvida, entre as mais belas cidades da República Tcheca. Seu pitoresco centro histórico com casas burguesas abobadadas, o monumental palácio do arcebispo com os belos jardins que se estendem ao seu redor e adegas arcebispais com vinho especial são os destaques. É chamada Atenas de Hanácko, cidade que por sua arquitetura impressionante entrou para a  Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO.

Deliciando-se nos jardins de Kroměříž

ImageProxy (1)
O maior tesouro de  Kroměříž são seus jardins. Inscritos na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO, os jardins são uma perfeita simbiose da luz, das plantas, da água, da arte e da arquitetura. O Jardim das Flores e o Jardim ao Pé do Palácio estão entre os mais bonitos da Europa. E mais: destacam-se ainda o labirinto de plantas, a original decoração de flores e esculturas, o boulevard e as estufas históricas.

O Jardim das Flores foi criado em meados do século XVII e tem perfeita simetria. Está abundantemente adornado de esculturas e fontes. No seu centro, uma rotunda  cercada por um boulevard elegante, com estátuas dos deuses da antiguidade. O Jardim ao Pé do Palácio é um belo exemplo de um parque bem preservado com uma coleção única de árvores.

Galeria do Palácio Arcebispal

ImageProxy
Uma parte do palácio arcebispal é formada por uma galeria de pintura conhecida por toda Europa e que possui uma extraordinária coleção de pinturas da Europa Central dos séculos XV e XVIII. O bispo de Olomouc, Carlos II de Liechtenstein, foi quem idealizou a coleção de pinturas e para isso empregou uma série de pintores e copistas, além de adquirir uma coleção de quadros de artistas famosos.

A obra mais conhecida e mais valiosa da coleção de Liechtenstein é o quadro do mestre veneziano Tiziano Vecellio, que abre caminho para as obras originais de mestres como  Van Dyck, Cranash ou Dürer.
Para quem aprecia um bom vinho. a dica são as medievais Adegas Arcebispais. Assim será possível admirar a arquitetura local, os jardins e as pinturas com uma taça de vinho na mão.
O que mais para visitar?
Para animar a estadia em Kroměříž, a dica são excursões aos arredores como uma visita à cidade de Uherské Hradiště, conhecida por seu folclore tradicional. Ou à cidade de Zlín, relacionada com o nome de Tomáš Baťa, fundador da  famosa marca de sapatos tcheca que leva seu sobrenome.

Rota do Chocolate: os melhores destinos para passar a Páscoa

Segundo dados da Decolar.com, os destinos nacionais estão em alta

A Páscoa é a época mais gostosa do ano. Comer chocolate e presentear familiares e amigos é tradição nesta data. Feriado é sempre uma oportunidade de sair da rotina, conhecer novos lugares e cultura e viajar! Pensando nisso, a Decolar.com, maior agência de turismo online da América Latina, elegeu alguns destinos:

GRAMADO (RS)

image016

Localizada na Serra Gaúcha, a cidade é reconhecida pelas paisagens e atrações turísticas. As fábricas de chocolate artesanais produzem especiarias que agradam todos os gostos. Algumas delas são abertas para visitação. É uma excelente escolha para quem quer aproveitar o clima da Páscoa.

ILHÉUS (BA)

image017

Ilhéus é uma cidade repleta de histórias, culturas e um cenário de casas e fazendas inspiradoras. E foi lá que começou a história do chocolate. É possível conhecer a origem do produto visitando as fazendas de cacau da região. O destino é ótimo para quem quer conhecer mais sobre essa cultura.

CAMPOS DO JORDÃO (SP)

image018

A cidade é tradicional para ser visitada no inverno. Mas o destino também pode ser conhecido na Páscoa. Visitar as fábricas de chocolate da região nessa época permite que você acompanhe toda a produção de dentro da loja. Uma dica para quem quer aproveitar a data com a família de uma forma inusitada.

BARILOCHE (ARG)

image019

Uma atração à parte da cidade é o chocolate. Em uma simples volta pelas ruas principais de Bariloche você encontra diversas lojas de fábrica. Uma outra opção é o Museu do Chocolate, uma alternativa para curtir uma viagem em família com um roteiro inusitado.

5 passeios em Aruba por menos de US$ 15

Atividades imperdíveis que cabem no bolso

Quer desfrutar da paradisíaca Ilha Feliz e ainda se manter dentro do orçamento? Confira atividades baratinhas e super especiais na Ilha Feliz!


Parque Nacional Arikok
O Parque Nacional Arikok ocupa cerca de 20% do destino e é um habitat protegido com várias espécies da fauna e flora silvestre. Vale uma visita à fazenda Cunucu Arikok, onde se pode ver uma antiga casa tradicional de Aruba. No roteiro não podem faltar as praias intocadas Boca Prins e Dos Playa, além das fascinantes cavernas Guadirikiri e Fontein.

Custo: US$ 11 a entrada para adultos e gratuita para menores de 17 anos.

Praticar snorkel

É possível fazer Snorkel sem gastar muito em Aruba. (Foto: Divulgação)
É possível fazer Snorkel sem gastar muito em Aruba. (Foto: Divulgação)


As águas cristalinas da Ilha Feliz são perfeitas para praticar snorkel. Os arrecifes, localizados bem perto da praia, possuem uma vida marinha abundante, colorida, exótica e de fácil acesso. Os melhores lugares são as praias de Boca Catalina e Arashi, ao norte da zona hoteleira, e Mangel Hato e Baby Beach, ao sul.

Custo: aluguel do snorkel por até US$ 15; grátis para hóspedes de diversos hotéis.

Santuário dos Burros
Conheça os bichinhos mais adoráveis de Aruba: os burrinhos. Trazidos pelos espanhóis para o transporte de mercadorias, estes dóceis animais foram soltos na natureza após a chegada dos automóveis na ilha. Foi criado o Donkey Sanctuary Aruba, uma organização não lucrativa que se dedica a proporcionar segurança, refúgio, alimento e atenção médica a cerca de 90 burricos.

Custo: zero! A entrada é gratuita.

Museus de Aruba
Em Oranjestad, há museus interessantes bem perto uns dos outros. A dica é fazer uma verdadeira viagem pelo tempo. O Museu Arqueológicodocumenta os três períodos ameríndios em Aruba, entre 2500 a.C. e 1880 d.C., com apresentações audiovisuais e uma ampla mostra de artefatos. No edifício mais antigo da capital arubana, o Fort Zoutman, encontra-se o Museu Histórico, que exibe coleções sobre os acontecimentos nacionais até a década de 1920. Já no museu e fábrica Aruba Aloe, chegamos ao século 20 em diante: é possível conhecer tudo sobre a planta medicinal aloe vera, ou babosa. A Ilha Feliz é uma grande exportadora deste fabuloso produto. Na hora de passar na lojinha que fica na saída, não resista a gastar o que economizou em produtos como hidratantes e loções.

Custos: US$ 5, no Museu Histórico. As restantes atrações têm entrada franca.

 

Vida noturna arubana
Para se entreter nas noites quentes da Ilha Feliz não faltam opções. As ruas se enchem de turistas e pessoas locais que procuram muita dança e diversão. Todas as semanas, festivais locais promovem o melhor da cultura e costumes arubanos, com muita música, dança, arte e culinária típica. Todas as terças-feiras o Festival Bon Bini colore a ilha. Já às quintas-feiras, o Festival Carubbian, em San Nicolás, promove seus encantos com comidas típicas e artesanato.

Os arubanos adoram dançar! Alguns bares da ilha oferecem aulas gratuitas de salsa e merengue. Alguns resorts incluem aulas de dança entre as atividades de recreação. A maioria dos bares e hotéis também promovem happy hours, com ofertas especiais de bebidas e pratos, acompanhados de entretenimento ao vivo. Estas são opções ideais para viver as melhores noites da sua vida a preços muito reduzidos.

Custos: US$ 5, no Festival Bon Bini. Entrada gratuita no Festival Carubbian.

Aruba é um dos destinos mais procurados pelos brasileiros

Ilha do Caribe é indicada por agências de viagens Expedia e Viajanet e também pelo público através do TripAdvisor

Aruba é o sonho de consumo para quem procura férias em um lugar paradisíaco. Esse sonho tem se tornado realidade para muitos brasileiros. Segundo as agências de viagens Expedia e Viajanet, Aruba está entre os três destinos internacionais que mais receberam brasileiros durante o feriado de fevereiro, apenas contra capitais sul americanas mais próximas. Em busca de mar turquesa, areias brancas e um povo acolhedor, os viajantes também puderam aproveitar a infraestrutura turística de ponta da ilha.

Aruba é um dos destinos mais procurados pelos brasileiros. (Foto: Divulgação)
Aruba é um dos destinos mais procurados pelos brasileiros. (Foto: Divulgação)

E quem viaja para Aruba não deixa de indicar o destino. Em 2015, a ilha do Caribe com maior índice de retorno de seus visitantes já havia ganhado o prêmio Traveller’s Choice (Escolha dos Viajantes, em português) na categoria Destino de Ilha, do site TripAdvisor. Este ano, o hotel Bucuti & Tara Beach Resort Aruba, na descoladíssima Eagle Beach, ganhou o primeiro lugar na categoria Hotéis Mais Românticos do Mundo, e o oitavo lugar na modalidade Melhores Hotéis do Mundo.

“O resort é lindo, o serviço excelente, e a grande praia de areia branca é impressionante. A equipe fez-nos sentir especiais e mimados toda a semana”, conta um dos hóspedes sobre a sua experiência no site de recomendações. O próprio TripAdvisor descreve a Ilha Feliz de forma sugestiva. “Visite Aruba uma vez e na mesma hora você vai começar a planejar sua próxima visita”.

Os melhores destinos para curtir o Pré-Carnaval no Brasil

O Brasil é famoso por ter o melhor Carnaval do mundo. Os tradicionais cinco dias de folia ficaram pequenos para a euforia dos brasileiros nessa época. Não à toa, diversas cidades do país já se acostumaram com o Pré-Carnaval, ou seja, os festejos carnavalescos antes da hora. Diversos blocos dos principais destinos saem às ruas com até um mês de antecedência para dar uma prévia do evento popular, o que acaba se tornando uma verdadeira festa. Alugar um imóvel em uma dessas cidades é um ótimo programa para começar a curtir o Carnaval mais cedo. O AlugueTemporada separou alguns destinos em que o Pré-Carnaval já se consolidou.

AlugueTemporada dá dicas para curtir o pré-carnaval. (Foto: Divulgação)
AlugueTemporada dá dicas para curtir o pré-carnaval. (Foto: Divulgação)

 Rio de Janeiro

Com um dos melhores carnavais do Brasil, o Rio de Janeiro começa a vivenciar o clima da festa muito antes da data. Para 2016, por exemplo, há blocos de rua desfilando pela Cidade Maravilhosa desde 9 de janeiro. O bloco Eles Que Digam saiu no dia 9, no bairro de Santo Cristo, enquanto o bloco Maracutaia ensaia, no mesmo dia, na Praça Onze. Daí em diante, todos os fins de semana têm opções de blocos ou ensaios de escolas de samba para os cariocas e turistas. Ao todo, mais de 100 blocos sairão na cidade durante o mês de janeiro, destaque para Desliga Da Justiça (23), Spanta Neném (23), Imprensa Que Eu Gamo (23), Me Esquece (24), Vira-Lata (24), Xupa Mas Não Baba (30), Simpatia É Quase Amor (30), Afroreggae (31), Chora Me Liga (31) e Empolga às 9 (31). É um verdadeiro Carnaval, só que antes da festa oficial.

Recife

Em Pernambuco, as cidades vizinhas Recife e Olinda promovem um dos carnavais mais agitados do país. As cidades pernambucanas têm eventos de Carnaval frequentes a partir de 22 de janeiro. Ao todo, 13 blocos sairão no mês de janeiro, como o De Bar em Bar e o Guaiamum Treloso.

 

Salvador

Salvador é um dos destinos de Carnaval mais famoso do Brasil. O Festival de Verão, que até então era o principal evento de Pré-Carnaval na cidade, foi transferido para novembro. Com isso, o Pré-Carnaval de Salvador em 2016 vai começar no dia 30 de janeiro, com blocos pelas ruas de diversos bairros da capital baiana. O bloco Furdunço já confirmou que vai espalhar trios elétricos pelas ruas nos dias 30 e 31. O Furdunço tem característica de reunir milhares de foliões em diversos trios, com uma mistura de ritmos e muita alegria. No dia 30, o bloco Fuzuê também vai fazer a festa nas ruas históricas da cidade.

 

Fortaleza

Após adquirir tradição carnavalesca nos últimos anos, Fortaleza atualmente conta com um ciclo de festejos que começa durante o período de pré-carnaval, um mês antes do Carnaval. São mais de 60 blocos que se apresentam na prévia, entre eles os famosos Baqueta e Luxo na Aldeia. As prévias começaram no dia 9 de janeiro e vão até o último sábado do mês.

 

São Paulo

 A capital paulista está cada vez mais adaptada aos blocos de rua. Em 2016, muitos já confirmaram presença nas ruas de São Paulo para o período que antecede o Carnaval. No dia 30, pelo menos oito blocos já confirmaram apresentações, entre eles Passaram a Mão na Pompéia, que desfila na Zona Oeste, Me Fode Que Eu Sou Produção, com saída da Praça Roosevelt, e Ritaleena, em Vila Madalena. Já no dia 31, Nóis Trupica Mais Não Cai, em Vila Madalena, e Vá Tomá na Cupecê, no Jardim Prudência, estão confirmados.

Quatro passeios radicais para encerrar 2015 com pura emoção

Têm sempre aquelas pessoas que esperam o fim do ano para cometer as loucuras da vida e enfrentar os medos que há tempos tomam coragem para fazer. A Parques e Ingressos, empresa de pré-venda online de tickets para parques e atrações nos Estados Unidos, Inglaterra e Emirados Árabes Unidos, tem quatro sugestões de desafios para quem está a fim de testar os limites nos céus e nas águas antes de 2015 acabar.

Antes de 2015 acabar, curta altas emoções. (Foto: Divulgação)
Antes de 2015 acabar, curta altas emoções. (Foto: Divulgação)

Em Orlando, nos EUA, a atração Warbird Adventure Flight leva os corajosos a pilotar o avião T- 6 Texan, usado para treinar pilotos americanos para a Segunda Guerra Mundial. Com a ajuda de um instrutor, manobras no ar testam os limites de coragem em um voo que pode durar 15, 30 ou 60 minutos. Vai encarar?

Para aqueles que apreciam a natureza e querem se aventurar na mata nativa da Flórida, há passeios de dia e de noite a bordo de um airboat. Os tripulantes têm a oportunidade de contemplar a paisagem e ver de perto animais exóticos. Os jacarés são os anfitriões. Você topa?

No Walt Disney World, o voo de parapente no Sammy Duvall e o ski aquático e Wakeboard do Disney´s Comtemporary Resort são as aventuras da vez. O voo de parapente dura de 8 a 12 minutos e oferece uma vista sem igual do Resort Walt Disney World. O passeio de ski aquático e Wakeboard têm opções para iniciantes e experientes e dura entorno de 60 minutos. Todos os passeios são acompanhados por uma equipe treinada para garantir a segurança e diversão.

É recomendado sempre garantir os ingressos com antecedência já que são atrações populares e para as quais é necessário agendar um horário. Então, qual aventura você tem coragem de encarar?

Top 10 lugares para se encantar com o clima natalino pelo mundo

Hora de se encantar com a magia que envolve o Natal. Montar a árvore, acender as luzinhas coloridas, espalhar enfeites pela casa, colocar a meia na janela, comprar presentes, esperar o bom velhinho e reunir a família para a ceia. Então é Natal. O Aluguetemporada selecionou destinos pelo mundo que se enfeitam e oferecem uma programação especial para celebrar o nascimento do menino Jesus. É um mais lúdico do que o outro. Todos especiais para celebrar em família e antes mesmo do dia 25 de dezembro chegar. Ho Ho Ho…

Gramado, Brasil

Gramado, no Rio Grande do Sul, é uma ótima opção para o natal. (Foto: Divulgação)
Gramado, no Rio Grande do Sul, é uma ótima opção para o natal. (Foto: Divulgação)

O Brasil é o país com mais católicos fora da Europa. Não à toa boa parte da população adora o Natal e programa uma grande celebração em família para celebrar a virada do dia 24 para 25 de dezembro. O Natal Luz em Gramado é o principal destino do país para celebrar em grande estilo. A cidade exibe desfiles com alegorias, shows de música, dança e fogos de artifício. Como a programação é intensa, a dica é olhar o site do evento e fazer um roteiro para curtir em família. A festa já começa no dia 30 de outubro e em todas as noites, sempre às 21h, a cerimônia Show de Acendimento das Luzes é um espetáculo à parte. É uma cerimônia emocionante de som e efeitos sincronizados de iluminação na grande árvore de natal local. A Vila de Natal na Expogramado e a Exposição de renas decoradas, no Centro da cidade, também são programas tradicionais e imperdíveis. Quem for passear por lá, não pode deixar de se deliciar com o café colonial e rodízio de fondue, oferecido aos montes nos restaurantes da região.

Nova York, Estados Unidos

Quem ainda não foi, sabe pelos filmes que em Nova York, nos Estados Unidos, o Natal é imperdível até para quem não é católico. Além das casas ficarem todas decoradas com luzes de todas as cores e árvores gigantescas, tem as famosas vitrines de Natal, como a das lojas Macy’s, uma verdadeira atração à parte. A árvore de Natal do complexo comercial Rockefeller Center, com a popular pista de patinação, é outra atração imperdível. Não bastasse tanta beleza, o Central Park nessa época fica todo revestido pela neve, o que dá toda uma bossa para NY ser um destino para a lista dos amantes dessa festa. No dia 25 muitas pessoas jantam fora, então se a ideia for essa, é bom reservar com antecedência. Reunir a família para trocar presentes em casa, que nem aqui, também é tradição por lá.

Paris, França

A cidade luz não poderia ficar de fora da lista. Pelas ruas de Paris a decoração natalina já chama atenção de turistas, que não podem esquecer o casaco, pesado de preferência. O frio é rigorosíssimo. Já em novembro a famosa Champs-Élysées ganha luzes de natal e para as crianças há opção para brincar em carrossel e trenzinhos de Papai Noel. A Torre Eiffel também recebe iluminação especial e fica ainda mais bela, se é que isso é possível. Outro atrativo é visitar a tradicional Galerie Lafayette, que sempre prepara uma decoração especial. No dia 24, a boa pedida é escolher um restaurante para fazer a ceia com a família, e no dia 25 as missas na igreja Notre Dame celebram o nascimento do menino Jesus.

 Terra Santa, Israel

Nada mais encantador do que passar o natal onde a história aconteceu de verdade, não é mesmo? E por lá, na Terra Santa, especificamente nas cidades de Nazaré, Jerusalém e Belém, as atrações turísticas são mágicas para comemorar a data. Os presépios em tamanho real, feitos artesanalmente na Itália e esculpidos em madeira, impressionam com a reprodução de Jesus recém-nascido na manjedoura. O roteiro turístico começa em Nazaré, onde Maria recebeu o aviso do Anjo sobre a chegada do menino Jesus. Em Belém, oficialmente na Cisjordânia, fica a Basílica da Natividade, onde é rezada a Missa do Galo no dia 25. Nessa mesma Basílica há uma estrela onde indica o local exato do nascimento do menino Jesus. A estrutura turística ainda oferece boas opções de restaurantes e lojinhas. É um destino e tanto para passar o natal.

Vaticano

Quem sabe não é a hora de sair do sofá, fazer as malas e assistir a Missa do Galo no Vaticano ao vivo e a cores esse ano? Para acompanhar a solenidade, realizada na noite do dia 24, no interior da Basílica São Pedro, é preciso entrar no site do Vaticano, preencher um formulário, e encaminhá-lo por fax. O site possui versão em português. É gratuito, mas muito concorrido. Se o Vaticano não responder, o jeito vai ser assistir na Praça São Pedro, ponto de encontro muito tradicional de turistas do mundo todo, principalmente em dias de pronunciamento do Papa. Na hora da comunhão vários padres saem para atender aos fiéis. No dia 25 o Papa Francisco aparece no balcão central da Basílica de São Pedro para dar a benção natalina em 60 idiomas. Um momento simbólico e histórico para guardar para sempre na memória e no coração.

Fátima, Portugal

Fátima é o principal destino religioso de Portugal e um local imperdível para viver o Natal intensamente. No dia 24 de dezembro, na Basílica da Santíssima Trindade, quarto maior templo católico do mundo em capacidade, é celebrada às 23h a Vigília Natalícia, “Missa do Nascimento de nosso Senhor Jesus Cristo”.  No dia 25 é no Santuário de Fátima, igreja onde Nossa Senhora apareceu para os fieis, que ocorre a “Solenidade do Natal do Senhor”. A Capela das Aparições, onde tem o Pedestal com a imagem de Nossa Senhora, também é um santuário que vale a visita.

Disney, Estados Unidos

A Disney é um mundo paralelo em qualquer época do ano, mas no Natal é tomada pelo clima natalino em cada detalhe. Desde os desfiles de personagens, a decoração e a música ambiente. Cada detalhe é bem planejado e temático para celebrar a data. O cardápio de atrações é muuuito farto. O Frozen Holiday Wish, no castelo da Cinderela, é um show de iluminação combinado com música realizado no parque Magic Kingdom. Lindo e imperdível para os pequenos e também para os papais babões. Ainda tem um showzinho com a Anna, Elsa e os outros personagens do filme. Em frente ao pavilhão dos Estados Unidos, no Epcot, tem o Candlelight Processional, um coral de natal. As atrações fazem parte do “Mickey’s Merry Christmas Party”, a verdadeira festa de natal da Disneylândia. (Foto de Divulgação)

Lapônia, Finlândia

E que tal passar o Natal na terra do bom velhinho? A Lapônia, cidade da Finlândia, conhecida como a terra natal do Papai Noel, resume o que há de melhor no natal. Muita neve, renas, luzes, pinheiros e personagens vestidos com as tradicionais roupas vermelhas. A região que faz fronteira com a Noruega, Suécia e Rússia, é rica em beleza natural com florestas, planícies brancas e auroras boreais. Ainda há o Sant Park – considerado o maior parque natalino do mundo – com oito mil metros quadrados, construído no interior de uma caverna. Trenzinhos, carrosséis e brinquedos típicos de todo parque de diversões fazem a alegria dos visitantes que ainda podem conhecer a cozinha da Mamãe Noel, um globo de neve gigante e a Escola dos Elfos, entre outros atrativos.

San Miguel de Allende, Mexico

 A arquitetura colonial conservada de San Miguel Allende, a 275 km da Cidade do México, se enche de luzes, procissões, música ao vivo e queima de fogos para celebrar o nascimento do menino Jesus. A festa começa no dia 16 de dezembro com as tradicionais paradas públicas com comidas, música, carros alegóricos, entre outros festejos populares. No dia 24 muitas pessoas se vestem como Maria e José e passeiam pelas ruas.  É fácil ver projeções de desenhos animados de Natal tanto no dia 24 quanto no dia 25, em vários pontos de San Miguel de Allende.

Quebec, Canadá

O Natal em Quebec, província do Canadá, além de lindo, é sustentável. Uma grande árvore feita de materiais reciclados, e as luzes da decoração sobressaem na neve e no frio que costuma ser bem rigoroso. As construções do século 16 fazem um lugar perfeito para passar um Natal vintage. A hospitalidade dos habitantes combinada com a culinária que oferece salsichas e castanhas assadas ajuda a combater o frio encantam turistas do mundo inteiro.