Arquivo da tag: Música

JESSE & JOY APRESENTAM O SEXTO ÁLBUM DA CARREIRA: “CLICHÉS”

O disco chega junto ao single e clipe de “Imagina”

(Foto: divulgação)

Autênticos, talentosos e com um estilo que soube conectar com milhões de pessoas ao redor do mundo. Essas são somente algumas das qualidades que descrevem Jesse & Joy, o duo mais famoso do México e que ficou conhecido por canções como “¡Corre!”, “Llorar”, “No Soy Una de Esas”, “¿Con Quién se Queda el Perro?” e “Espacio Sideral”, para falar somente de alguns.

Não é de se estranhar que os indicados ao Grammy Latino tenham usado esses mais de dois anos de pandemia para trabalhar e aprimorar a nova produção deles, um álbum que começaram a construir há oito anos e que finalmente está disponível em todas as plataformas digitais“Clichés”, sexto álbum da carreira, é mais uma prova da dedicação de ambos para buscar letras, estilos e sonoridades que transmitam com perfeição cada uma das músicas do álbum.

Como prelúdio para a estreia do projeto completo, o duo lançou “Respirar”, em que trabalharam com Martin Terefe, produtor e compositor sueco que já  assinou projetos com artistas como KT Tunstall, Shawn Mendes, Rita Ora, entre outros, e ao qual somaram também o trabalho de compositor, produtor e cantor britânico, Cass Lowe, que já colaborou com Chance the Rapper, Fifth Harmony e Clean Bandit, para citar apenas alguns.

Em “Clichés”, os artistas quiseram explorar diferentes sonoridades e usar como inspiração o mesmo nome do material, celebrar a vida, o amor, a diversidade e um diálogo musical entre Jesse & Joy do passado com Jesse & Joy em uma versão mais madura e experiente, que é a do presente, agradando aos mais diversos públicos.

Esse material contou com a voz inigualável de Joy e a produção de Jesse, que trabalho em parceria com o produtor, compositor e multiinstrumentalista argentino Federico Vindver, com quem trabalharam tanto de maneira presencial como à distância, com a finalidade de potencializar cada uma de suas canções. Enquanto Joy buscou transmitir seus sentimentos por meio de seu trabalho vocal, Jesse se aventurou a tocar quase todos os instrumentos presentes nas canções escritas por ambos.

Junto ao lançamento do álbum, a dupla lança o segundo single, “Imagina”, a última das composições deles, feito em Los Angeles, onde buscaram explorar uma nova faceta da dupla, sem esquecer a essência que os caracterizou em mais de 17 anos de carreira artística.

“Imagina” chega junto a um vídeo oficial no qual Jesse e Joy contaram com a ajuda de um grande amigo na proposta audiovisual, o produtor mexicano indicado ao Oscar, Carlos López Estrada, que se encarregou de criar uma peça visual e artística que chegasse à altura da canção, carregada de sensualidade.

JACK HARLOW LANÇA AGUARDADO ÁLBUM “COME HOME THE KIDS MISS YOU”

Com parcerias de peso como Drake, Lil Wayne, Justin Timberlake e Pharrell, projeto chega as plataformas com o lançamento do clipe de “First Class” com Anitta

(Foto: divulgação)

Uma das estrelas em ascensão do Hip Hop, Jack Harlow, lançou o aguardado álbum “Como Home The Kids Miss You”, segundo da carreira do artista indicado ao Grammy. O projeto chega às plataformas digitais nesta sexta-feira com o lançamento do clipe inédito do hit “First Class”, com a participação de Anitta.

“First Class”, que já ultrapassa a marca de 204 milhões de streams globais, traz trechos com samples do sucesso de “Glamorous”, um clássico de Fergie de 2006 que se tornou viral no TikTok, e chegou acompanhado de um visualizer, é O single chegou a figurar no topo da Billboard e da lista global do Spotify. O clipe, dirigido por Jack Begert and Ace Pro, traz o artista vivendo a solidão da vida de luxo, com Anitta como uma paparazzi que acompanha Harlow.

“Come Home The Kids Miss You” traz 15 faixas, entre elas parcerias de peso como Movie Star, com Pharrell, Churchill Downs com Drake, Parent Trap com Justin Timberlake e Poison com Lil Wayne.

Apontado pela revista Forbes no início de sua carreira como “promessa para a nobreza do Hip Hop”, o cantor hoje mostra que esta foi uma profecia realizada. Diversas vezes indicado ao Grammy, o artista esteve recentemente no lineup principal do Lollapalooza, com um show bombástico que recebeu no palco L7NNON.

Mas a escalada de Harlow começou com seu primeiro hit , “What’s Poppin”, que já ultrapassou a marca de 221 milhões de views com o clipe no YouTube e também viralizou no aplicativo Tik Tok. Desde então, Jack Harlow tem somado conquistas em sua carreira, sendo a mais recente seu primeiro recorde: o single “First Class” se tornou a segunda maior estreia de single no Spotify em 2022!

O novo álbum de Harlow chega depois de um ano incrível para o artista, no qual o aclamado rapper ascendeu ao sucesso, se tornando um dos principais nomes da cena, que viu a estreia dele no programa Saturday Night Live, em apresentação com Lil Nas X, durante o MTV Video Music Awards de 2021, em uma participação no MET Gala e durante a comemoração do primeiro lugar no chart Billboard Hot 100 pela colaboração com o indicado ao Grammy Lil Nas X, em “Industry Baby”.

Atualmente Harlow já ultrapassa a incrível marca de 793 milhões de visualizações no Youtube, 49 milhões de ouvintes no Spotify, mais de 9,3 milhões de seguidores em suas redes sociais e figura nos charts globais de diversas plataformas, e no Top 120 do Spoitfy Brasil.

Dos palcos do mundo para os games, Free Fire e Anitta anunciam colaboração dentro do jogo

A parceria entre o Free Fire e “A Patroa” chega com eventos recheados de novidades ao público 

(Foto: divulgação)

O Free Fire, jogo mobile mais baixado do mundo em 2021, segundo data.ai (antigo App Annie), anuncia seu novo evento temático com participação da artista pop global Anitta. A colaboração chegará em breve aos jogadores. 

Além de surpresas e desafios no jogo, o evento trará uma música exclusiva da Anitta que será tema da campanha.

O público ainda poderá jogar com a própria Anitta, que chega como a personagem “A Patroa” no universo de Free Fire. Mais detalhes e data de lançamento serão revelados em breve. 

Todo processo criativo da colaboração, tanto do personagem quanto da música, tiveram participação direta da Anitta, colocando sua identidade no evento.

O Free Fire, assim como seu público, é diverso e está conectado com a música. Anitta chega para se juntar a outros artistas que passaram pelo Battle Royale da Garena, como Alok, KSHMR, que também possuem seus personagens no jogo e, mais recentemente, o grupo pop BTS, que desenhou suas próprias skins.

Mais informações serão divulgadas em breve. 

 JULIETTE LANÇA “CANSAR DE DANÇAR”

Estreando como compositora, a cantora se joga no bregafunk e no pisêro em nova faixa

(Foto: divulgação)

Juliette lança “Cansar de Dançar”, faixa que ela mesma co-escreveu. Essa é a primeira vez que um som assinado pela cantora ganha o mundo. Marcada por elementos do bregafunk e do pisêro, a nova música foi produzida por HITMAKER – dupla de produtores responsáveis por trabalhos de grandes nomes, como Anitta, Luísa Sonza, Marina Sena e Jão – e por Juzé, que participou do EP “Juliette”. Mais solta e dançante, aqui a artista canta sobre querer se jogar na pista, sem amarras ou medo de ser quem é. A mensagem é ditada por versos como: “Entender quem sou / Qual o meu valor / Aonde eu quero ir / Vou me libertar”. Um videoclipe para o single será lançado em breve.

Amigos de Juliette, os conterrâneos Juzé, Luket e Soulucas (Lucas Dantas) compuseram um esboço da música, que chamou a atenção da artista pelo ritmo e pelo refrão. Depois, a cantora e Juzé juntaram-se para incorporar na letra o recado que ela queria passar, dando um tom poético à mensagem de diversão e empoderamento. “A batida que predomina é o bregafunk! Ritmo nordestino que já ganhou o Brasil e mistura-se com pagode baiano e o funk carioca no single que promete balançar quem der o play”, comenta Juzé.

O músico afirma ainda que compor em parceria com Juliette foi “interessante e me surpreendeu. Foi uma troca rápida na sintonia. Fechamos a música da melhor maneira que poderia ficar na voz dela”. Por sua vez, os produtores do HITMAKER afirmam que a interpretação da paraibana foi “de muita entrega”.

Sempre em contato com suas origens, Juliette encomendou para esse single uma capa de significado muito pessoal. A arte foi assinada pelo artista também paraibano Chico Shiko, que se inspirou na estética tipicamente brasileira dos cartazes de filmes nacionais antigos, como “Dona Flor e Seus Dois Maridos” (1976) e “Bye Bye Brasil” (1979).

A nova faixa marca também a primeira vez em que Juliette incorpora elementos do bregafunk, do pisêro e outros ritmos da música de rua nordestina ao seu som. “É um ritmo que vocês ainda não me ouviram cantar. Estou ansiosa para vocês ouvirem”, comenta a artista. “Gosto muito de trabalhar sons e elementos que me fazem bem, que eu mesma gostaria de ouvir. É desse desejo que nasceu ‘Cansar de Dançar’. É uma música cheia de leveza, bom-humor, uma novidade no meu repertório. Espero de verdade atingir um efeito positivo nas pessoas”, completa.

A estreia da carreira musical de Juliette veio em setembro de 2021, com o seu EP homônimo, que até hoje mantém o recorde de maior número de pré-saves da história do Spotify Brasil e segunda maior estreia de um álbum ou EP brasileiro na plataforma. Desde então, a cantora vem fazendo parcerias de sucesso na música, como suas colaborações com Alok, Luis Fonsi, Lunay e Lenny Tavárez (em “Un Ratito”) e Israel & Rodolffo (em “Sobre”). A paraibana também se apresentou no Prêmio Multishow de 2021.

Além disso, caiu na estrada a partir de março de 2022, quando deu início à Turnê Caminho, que está viajando por cidades de diversas regiões do país. O repertório dos shows é composto pelas faixas presentes no EP de estreia, assim como interpretações de canções de outros artistas que tiveram importância na trajetória da cantora.

ATITUDE 67 GRAVA DVD “SEMPRE FOI PAGODE” COM PARTICIPAÇÕES DE MUMUZINHO, MENOS É MAIS, MATHEUS FERNANDES E FERRUGEM

Audiovisual da nova label da banda foi registrado no PALMA Gastrobar, nesta quinta (14), no Rio de Janeiro

(Foto: divulgação)

Na noite de quinta (14), a banda Atitude 67 gravou seu novo álbum audiovisual, no Rio de Janeiro, que contou com a presença de diversas celebridades e amigos. Repleto de canções autorais e releituras de sucessos dos campo-grandenses e de grandes artistas, o projeto que recebe o nome de “Sempre Foi Pagode” – para reafirmar o ritmo que move suas raízes e seus integrantes – contou com as participações especiais dos amigos Mumuzinho, Menos é Mais, Matheus Fernandes e Ferrugem. O projeto também é a nova label da banda, que vai rodar o país todo com a festa “Sempre Foi Pagode”.

Com uma sonoridade mais popular, mas sem perder o DNAdo A67, a banda escolheu músicas de diversos estilos, que são parte de sua essência, tudo orquestrado com maestria por Bruno Cardoso e Lelê. O repertório do novo álbum vem recheado de uma mistura entre músicas inéditas, regravações e hits do A67.

Estão presentes no repertório sucessos da banda, como “Cerveja de Garrafa”, “Deus Abençoe o Rolê” e “Saideira”. Ao lado de Mumuzinho, o sexteto interpretou o medley “Selinho/Abandonado”; com os amigos do Menos é Mais o A67 tocou “Me Chama de Copo”; já Matheus Fernandes dividiu os vocais com a banda em “Liquidificador”; enquanto Ferrugem interpretou com o Atitude 67 a música “Pelada”, entre outras surpresas.

O local escolhido para o registro foi o PALMA Gastrobar, que fica no bairro do Itanhangá, na zona oeste do Rio de Janeiro. O cenário mega colorido trouxe leds e neons espalhados pela estrutura que envolve o palco, que também tem um formato diferente e inovador e deixou o público ainda mais próximo do A67 e seus convidados.

Por muitas vezes serem questionados quanto ao estilo musical da banda – “É pagode?”, “É pop rock?”, “É reggae?” – eles escolheram batizar o novo trabalho para frisar que sim, “Sempre Foi Pagode”, mas é o pagode do A67. Pedrinho, Rege, Leandro, Karan, GP e Eric adicionam o tempero da banda nos arranjos de todas as canções, que têm instrumentos característicos do ritmo, como pandeiro, rebolo e reco-reco.

Sempre Foi Pagode” tem direção geral de Diogo Duílio, direção de foto e vídeo de Phill Mendonça, produção musical de Bruno Cardoso e Lelê. O cenário e a arte são assinados por Cenolab, enquanto o conceito gráfico do projeto é assinado por Allyne Caminoto, diretora de arte da GTS/Universal Music.

“VERSIONS OF ME”: ANITTA LANÇA NOVO ÁLBUM

A estrela compartilha, nesta terça-feira (12), o aguardado projeto que possui parcerias internacionais e nacionais de peso

(Foto: divulgação)

“Versions of Me”, quinto álbum de estúdio de Anitta, chegou a todas as plataformas digitais. Primeiro lançamento da cantora pelo selo internacional Warner Records, o disco tem produção executiva assinada por Ryan Tedder, músico e produtor estadunidense que já trabalhou com cantoras como Beyoncé e Adele. São 15 faixas que, como indica o título, exploram as diversas mulheres e facetas que habitam a personalidade complexa da cantora de Honório Gurgel.

Dentre as participações especiais presentes na tracklist, nomes como Cardi B, Khalid, Ty Dolla $ign e Saweetie devem ser reconhecidos por ouvintes de todo mundo, ao passo que colaborações com Kevin O Chris e Papatinho, além de vocais de Mr. Catra, são indicativo de que a artista continua fiel às suas origens brasileiras.

“Venho trabalhando neste disco há mais ou menos 3 anos. O álbum já teve outro nome, outra cara. Mas sempre foi um reflexo de quem eu sou como artista. Fico feliz com o resultado que chegamos hoje e de, finalmente, poder lançá-lo por completo”, comemora a cantora, que vem trabalhando no projeto desde 2019. Inicialmente, o registro seria chamado de “Girl From Rio”, mas a mudança para o título definitivo veio para refletir melhor as mudanças que ocorreram na vida pessoal e artística de Anitta.

A capa de “Versions of Me”, que dialoga com as diversas versões de Anitta ao longo da carreira e seu poder de adaptação, tem Maxime Quoilin (que já colaborou com Beyoncé, Jay-Z, Rihanna, Miley Cyrus, entre outros) na direção criativa. A fotografia é de Jacob Webster, que possui em seu currículo fotos de Doja Cat, Drake, Megan Thee Stallion, Normani e Chloe Bailey.

O novo álbum tem músicas cantadas em português, espanhol e inglês, incorporando elementos sonoros como: funk carioca, reggaeton, pop rock, música eletrônica, pagodão baiano, trap, rap e vários outros. “O ‘Versions of Me’ é álbum trilíngue, de referências multiculturais e diversas. Nesse projeto eu não tento abraçar o mundo, mas abraço todas as minhas facetas”, ela explica.

“Esse álbum me representa em muitos níveis, muitas camadas. Tem, sim, os sons do Brasil, como o funk e o pagodão, que fazem parte das minhas origens. Mas tem também as referências que formaram o meu gosto musical, como o hip hop e o pop, sons que são globais. Me divirto, me solto e me sinto muito inspirada por todas essas ‘versões’ de mim”.

Além da diversidade sonora, são variados também os temas explorados na tracklist: o electropop dançante de “I’d Rather Have Sex”, por exemplo, é um retrato da mulher sexualmente livre e decidida que Anitta é. Enquanto isso, momentos mais lentos como “Love Me, Love Me” revelam a faceta mais vulnerável da cantora, que foi poucas vezes revelada ao público.

TIËSTO CERTIFICA A FAIXA DE ÖWNBOSS E SEVEK “MOVE YOUR BODY” COM UMA NOVA VERSÃO PRONTA PARA AS PISTAS

(Foto: divulgação)

Há poucos selos de aprovação que chegam com tanto peso na indústria quanto o do DJ, produtor, ganhador do Grammy e certificado com platina pela RIAA, Tiësto. E é esse selo que o formador de tendências musicais holandês lançou para a faixa de ÖWNBOSS & Sevek Move Your Body. O novo lançamento traz a estimada produção e know-how de Tiësto para o fervilhante sucesso, garantindo o lançamento como um dos super hits dos festivais de 2022. Com mais de 40 milhões de streams no Spotify e um crescente número de syncs no lançamento original, a fervilhante edição de Tiësto vai inevitavelmente dar continuidade e crescimento ao sucesso que já ultrapassou expectativas.

Desde seu lançamento em outubro de 2021, “Move Your Body” foi incluída nos sets de talentos globais do quilate de Martin Garrix, Alok, Benny Benassi, MORTEN e, claro, Tiësto, que apresenta o single como uma peça central em seus sets desde o último ano. “Move Your Body” é um sucesso não só em eventos ao vivo, como também foi um estrondo pela web, viralizando e gerando centenas de milhões de streams e milhares de criações a partir dele. Agora, sob a tutela de Tiësto, “Move Your Body” está pronta para sua próxima jornada sonora.

COLDPLAY ANUNCIA SHOWS NO BRASIL, PERU E CHILE

Banda acaba de confirmar shows em outubro no Rio e em São Paulo; Os ingressos estarão à venda a partir de 12 de abril

(Foto: James Marcus Haney / @marcushaney)

Respondendo a muitos pedidos, o Coldplay anunciou hoje seis novos shows da sua turnê Music Of The Spheres World Tour, com dois shows em outubro no Rio de Janeiro e em São Paulo e datas em setembro em Lima (Peru) e Santiago (Chile).
 
Mais de 2,6 milhões de ingressos já foram vendidos para a trunê, que se iniciou no dia 18 de março com um show na Costa Rica e seguiu com paradas com uma mega recepção por parte dos fãs na República Dominicana e México. A turnê continua a quebrar recordes pelo mundo: é, por exemplo, a primeira vez que um artista se apresenta por três noites no Estádio Nacional de Santiago, no Chile, e também marca a primeira vez que um artista internacional esgotou quatro noites no Foro Sol, na cidade do México, e dua snoites no Estádio Akron, em Guadalajara. A turnê segue pelos Estados Unidos entre maio e junho e segue para Europa com shows marcados na Alemanha, Polônia, França, Bélgica e Reino Unido. Novas datas e cidades ainda poderão ser incluidas.
 
A turnê inclui uma série de iniciativas de sustentabilidade que podem ser conhecidas em coldplay.com/sustainability.
 
Participações variam de acordo com as datas e incluem Camila Cabello, H.E.R. e London Grammar. Novas participações nos shows dos Estados Unidos ainda serão anunciados. 
 
Devido a questões logísticas, o show de Lima, que havia originalmente sido marcado para o dia 20 de setembro, foi reagendado para o dia 13 de setembro, com um segundo novo show adicionado para o dia 14/9. As duas datas em Los  Angeles originalmente marcadas para 2022 serão remarcadas para  2023, com novas datas de shows anunciadas tão breve quanto possível.
 
Ingressos para os novos shows adicionados em Lima começarão a ser vendidos na segunda, 11 de Abril, às 9 da manhã local, os shows em Santiago, na quarta, 13 de abril, às 11h local e, os do Rio de Janeiro e São Paulo, na quinta, 12/4, às 10h no horário de Brasília.
 
A lista completa de shows segue abaixo coldplay.com/tour.

Rock in Rio 2022: Festival anuncia grande homenagem a Gilberto Gil no Palco Sunset

Artista que se apresentou na primeira edição do festival ganha homenagem inédita na história do Sunset e encerra a noite do dia 04 de setembro com show especial para os fãs; Completam o line-up: Emicida & Convidados, com um show inédito da turnê “AmarElo”, Luísa Sonza convida Marina Sena, e Matuê; A data da abertura das vendas para o público geral será na próxima 3a feira, dia 05 de abril, às 19h

(Foto: divulgação)

O maior festival de música e entretenimento do mundo anuncia o line-up completo para o dia 4 de setembro no Palco Sunset. No dia que conta com Justin Bieber como headliner do Palco Mundo, o Sunset se prepara para receber outras apresentações inesquecíveis, entre elas uma homenagem inédita do Palco Sunset ao cantor Gilberto Gil. O cantor, um verdadeiro patrimônio musical do Brasil e memória viva da primeira edição do evento que colocou o Brasil na rota internacional do show business, encerra o primeiro final de semana do festival com um show especial, convidando alguns membros de sua família para cantar seus maiores sucessos, entre eles “Esperando na janela”, “A Paz”, “Andar com fé” e “Palco”. Antes de Gil, Emicida & Convidados sobem ao palco para apresentar seu mais recente show, “AmarElo”, repleto de novidades e surpresas para o público. Para completar o line-up, Luísa Sonza convida Marina Sena para uma apresentação inédita e, dando início às apresentações do local, Matuê irá inovar e colocar uma pista de skate em cima do palco no show Matuê Skate Plaza. O Rock in Rio acontecerá nos dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022, na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro, e as vendas para o público geral se iniciam no dia 05 de abril, a partir das 19h, no site rockinrio.ingresso.com

Nesta edição, o Palco Sunset, que habitualmente traz shows homenageando um artista, ampliará este conceito para um tributo inédito em tempo integral, no qual Gilberto Gil será homenageado nos sete dias de evento, seja com projeções em telão, seja no camarim e backstage. O artista, memória viva do Palco Mundo na primeira edição do evento em 1985, será reverenciado pelos fãs ao melhor estilo Sunset de ser, por toda a sua identificação e pluralidade em suas aventuras musicais. O show, feito especialmente para o Rock in Rio, celebrará os 80 anos do artista que convidará ao palco alguns membros da família como Bem Gil, João Gil, Nara Gil, Flor Gil, José Gil, Marcelo Costa, Danilo Andrade, Diogo Gomes e Thiago Queiroz. Para Zé Ricardo, diretor artístico do palco, receber um show no qual Gilberto Gil canta ao lado de sua família será especial, um presente, 37 anos após sua primeira participação no festival.

“Receber Gilberto Gil no Palco Sunset é uma honra, ainda mais se pensarmos na possibilidade do resgate de tantas lembranças incríveis de 1985. Gil esteve conosco na primeira edição, aquela que marcou gerações, e isso não tem preço. Sua trajetória na música é imensa e ele representará o legado de todos os nossos grandes nomes da MPB. Por isso esta homenagem não ficará restrita a um único dia. Nos sete dias de evento teremos projeções nos telões do palco que contarão sua história a partir da música. Será um momento muito especial, de criarmos novas histórias para as 100 mil pessoas que estarão ali nos assistindo no dia 4, 700 mil em todos os dias e ainda para tantas milhares de outras que nos assistem pela transmissão do Multishow”, lembra Zé Ricardo.

Ainda no dia 4, Emicida sobe ao palco para apresentar o show do seu trabalho de estúdio mais recente, “AmarElo”, que ainda originou um celebrado documentário na Netflix, intitulado “AmarElo – É Tudo pra Ontem”. A apresentação terá direito a novidades e surpresas preparadas exclusivamente para o festival. Com AmarElo, Emicida propõe um olhar sobre a grandeza da humanidade e, por meio de suas apresentações, tem alcançado um estado de comunhão junto ao público. Para este grande espetáculo, ele recebe diversos convidados para mais um “Rock in Rio Originals”, tocando as canções mais emblemáticas da sua carreira.

Logo antes de Emicida, é a vez de uma das maiores cantoras brasileiras da atualidade, Luísa Sonza, convidar a revelação da música nacional, Marina Sena, para um show inédito recheado de músicas dançantes que farão o público vibrar. Considerada a artista pop mais ouvida pelo Spotify Brasil em 2021, Luísa acumula feitos importantes na plataforma: seu álbum “Doce 22” teve uma estreia espetacular e se firmou como o maior lançamento de 2021 do Spotify — só nas primeiras 24h foram mais de 4 milhões de streamings e 7 faixas entre as 50 mais tocadas da plataforma. Atualmente o álbum conta com mais de 1 bilhão de streamings e foi o disco nacional feminino mais escutado pela plataforma em 2021. Ao lado de Luísa Sonza na apresentação, a cantora Marina Sena foi uma das maiores artistas revelação do Brasil no ano passado. A voz por trás do fenômeno “Por Supuesto”, sucesso nas plataformas de streaming, rádios e redes sociais no fim de 2021, saiu do interior de Minas Gerais para conquistar o mundo. Seu álbum de estreia “De Primeira” fala sobre desejo, romance e paixão, além de mostrar todo o seu talento impressionante para compor e um timbre autêntico, impactante, sedutor. No setlist deste tão aguardado encontro não faltarão os maiores sucessos de Luísa, como “Anaconda”, “Penhasco”, “Modo Turbo” e “Sentadona”, e de Marina como “Por Supuesto”, “Temporal”, “Me Toca” e “Voltei Pra Mim”.

Abrindo o dia, Matuê vai inovar ao colocar uma pista de skate em cima do palco em mais uma apresentação Rock in Rio Originals. Intitulado “Matuê Skate Plaza”, o rapper vai convidar skatistas para se apresentarem enquanto performa seu show. Considerado o maior nome do Trap no país desde sua ascensão, em 2017, com a faixa “Anos Luz”, Matuê já emplacou diversos recordes em sua carreira. Presença fixa no Top 50 do Spotify Brasil desde o single “Kenny G”, em 2019, o trapper colocou seu álbum de estreia “Máquina do Tempo” no Top 15 da plataforma, incluindo o Top 1 ocupado pela faixa de mesmo nome. Com essa conquista sem precedentes, o artista quebrou o recorde de maior estreia de um álbum nas plataformas de streaming do país, abrindo as portas para que o Trap se tornasse um dos gêneros mais ouvidos pelo público nacional. No espetáculo, não faltarão seus mais recentes sucessos, como “Vampiro”, “Anos Luz”, “Aquarela Luz”, “Cogulândia”, entre outras. 

O palco, responsável por abrir e fechar a Cidade do Rock, recebeu 142 shows até a última edição do festival, em 2019. O local carrega toda uma simbologia para o Rock in Rio, já que ali se misturam músicos de todos os ritmos e que trazem consigo uma representatividade muito forte para o público presente. Nomes como Bullet For My Valentine, Racionais, Joss Stone, Avril Lavigne, Ceelo Green e Ludmilla estão entre os headliners confirmados.

O Rock in Rio faz parte da vida de milhões de fãs. Pelo mundo, nas quatro cidades onde já aconteceu, 10,2 milhões de pessoas foram impactadas pela magia do festival. Memórias são passadas de geração para geração — de pais para filhos, de avós para netos, todos guardam inúmeras lembranças de toda a atmosfera da Cidade do Rock. A cada edição, a organização oferece novas experiências para que esta colcha de retalhos que chamamos de história continue sendo construída.

“Há 37 anos nascia o maior de todos os meus sonhos e o maior que a música do nosso país já pôde imaginar. O Rock in Rio rompeu fronteiras e sua música nos ajuda a transformar o mundo, a unir gerações e a contagiar positivamente as pessoas em busca de dias de paz. Isso é o que construímos no Rock in Rio, um Mundo Melhor. Gilberto Gil, por exemplo, com a sua voz, desde muito antes de 1985, é capaz de transformar vidas. Neste ano, de 2022, seu show terá uma enorme simbologia, assim como teve na primeira edição do Rock in Rio. Será um momento de reencontros, de abraços e, acima de tudo, de construirmos um futuro melhor agora”, afirma Roberto Medina, presidente do Rock in Rio.

Rock in Rio 2022: Festival anuncia Jessie J no lugar de Joss Stone no Palco Sunset, no dia 08 de setembro

Devido a motivos pessoais da cantora Joss Stone, a artista Jessie J se apresentará no Palco Sunset dia 8 de setembro

JessieJ. (Foto: divulgação)

 Uma das maiores divas do pop mundial, a britânica Jessie J, é confirmada como headliner do palco Sunset para o dia 08 de setembro. Substituindo a cantora Joss Stone, que não poderá comparecer devido a motivos pessoais, Jessie J está de volta ao maior festival de música e entretenimento do mundo como headliner do Palco Sunset no dia 08 de setembro. Com um estilo musical nada convencional e um som que combina soul, R&B, pop e hip hop, Jessie J se apresenta no dia inspirado no “Divino Feminino”, com Corinne Bailey Rae, Gloria Groove e Duda Beat.

Com vocais impressionantes, alma desenfreada, letras confessionais e atitude empoderadora, a artista multiplatina, vencedora do BRIT Award e indicada ao GRAMMY®️, Jessie J toca corações toda vez que canta. Com mais de 1,5 bilhão de streams acumulados, inúmeras certificações de ouro e platina e 23 milhões de discos vendidos até hoje, sua voz continua a soar em quase todos os cantos do mundo. Em 2011, ela conquistou um lugar no cenário mundial com sua estreia “Who You Are”. Jessie não só ganhou disco de platina, como também entrou no Top 15 da Billboard Top 200. “Price Tag” conquistou o primeiro lugar em 18 países e acabou se tornando platina quádrupla. O disco de platina dupla “Domino” chegou logo atrás. Inúmeros elogios se seguiram com o prestigioso BRIT Award na categoria “Critic’s Choice”, o prêmio “Sound of 2011” da BBC e um convite para ser embaixadora dos Jogos Olímpicos de Londres 2012. Em 2014, explodiu quando “Bang Bang” — com Ariana Grande e Nicki Minaj — dominou as paradas e ganhou certificação de platina seis vezes. Enquanto isso, seu terceiro álbum, “Sweet Talker”, conquistou o top 10 no Billboard Hot 200.

Em 2018, trabalhando como nunca antes, ela criou um trabalho épico na forma de R.O.S.E. [Realizações, Obsessões, Sexo e Empoderamento]. Lançada em quatro partes ao longo do ano, ela trouxe essa obra confessional para as massas com shows esgotados em todos os lugares. Ao mesmo tempo, ela encerrou o ano com seu primeiro álbum natalino, This Christmas Day.

Após lançar a faixa “Brave”, em 2019, em uma parceria com o DJ Don Diablo, ano que também se apresentou no Rock in Rio, no Brasil, a artista passou por um hiato de cerca de dois anos sem lançar trabalhos novos. No ano passado, a cantora anunciou sua volta à indústria da música com o single “I Want Love” produzido em parceria com Ryan Tedder, vocalista da banda OneRepublic.