Arquivo da tag: Turismo

9 viagens que custam menos que um IPhone 11 Pro Max!

Pensando em comprar o novo IPhone 11?

Os preços dos novos modelos de IPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max, lançados em setembro pela Apple, foram revelados ontem (9/10) para o mercado brasileiro. E, como de costume, os preços chamaram a atenção da internet. A versão mais completa da linha, o 11 Pro Max, chegará às lojas brasileiras por R$ 9.599. Já o modelo mais simples, custará aos cofres do consumidor que quiser adquirir o telefone pela loja oficial da marca a bagatela de R$ 4.999. Em comparação com o ano passado, a nova geração de smartphones está cerca de 4% mais barata que a anterior.

Mas mesmo com a redução de valores, e se essa quantia fosse convertida em uma viagem e/ou experiência mundo afora? Até onde você conseguiria chegar e o que conseguiria fazer com o preço de IPhone 11 Pro Max? 

Hospede-se em um ecolodge no meio da floresta Amazônica!

(Foto: Divulgação)

Adquirir o celular mais desejado do planeta logo no lançamento pode até ser legal, mas você já imaginou o quão incrível seria passar alguns dias em um hotel no meio da Floresta Amazônica? No Cristalino Lodge, na cidade de Alta Floresta, sul da Amazônia, a experiência não só é possível, como é mais barata que top de linha de Apple. O destino, aliás, é um convite para os hóspedes se reconectarem com a natureza e deixarem a tecnologia de lado para garantir momentos inesquecíveis envoltos por um bioma rico e encantador como pano de fundo. O pacote com quatro noites de hospedagem em apartamento Standard, pensão completa, transfer e duas explorações diárias com guias locais sai a partir de R$ 5.600 por pessoa + taxas.

7 dias em um resort all inclusive em Maceió, Alagoas

(Foto: Divulgação)

O preço do novo IPhone 11 Pro Max poderia lhe render um logo e merecido descanso no Pratagy Beach All Inclusive Resort – Wyndham, de Maceió, Alagoas. O empreendimento, que está inserido à beira da deserta praia de Pratagy, uma das mais belas e tranquilas da região, é uma excelente opção para relaxar e curtir ótimos e belos momentos ao lado da família e dos amigos. O pacote de uma semana no resort para dois adultos e uma criança, com regime de alimentação All Inclusive, em novembro de 2019, sai a partir de R$ 6.998,00. Considerando o preço da passagem… férias garantida!

Aproveite o sol de Porto de Galinhas com o #mozão em um Hotel design

(Foto: Divulgação)

Um IPhone novo ou alguns dias em Porto de Galinhas com o #mozão em um hotel design pra lá de bacana? Quem preterir o smartphone e optar pela viagem, pode se hospedar no Kembali Hotel, que é exclusivo para maiores de 18 anos e aproveitar dias de intenso calor neste magnífico hotel. Dono de uma atmosfera contagiante e bem alegre, o empreendimento consegue unir – e muito bem – tranquilidade, design, música e boa gastronomia em um só lugar. A decoração, a propósito, é um dos pontos fortes do negócio. Os detalhes criativos, dispostos em todos os cantos do Kembali são de saltar os olhos. Deu vontade? Pacotes com 7 noites de hospedagem a partir de R$ 3.609,00 o casal para a última semana de novembro (25 a 2/12/2019). Considerando o preço da passagem aérea, dá até para incluir no orçamento, quem sabe, o modelo de entrada da Apple, o IPhone 11… ;P

Faça um safári pela África do Sul

(Foto: Divulgação)

Aventurar-se pela África do Sul também pode ser uma opção bastante interessante para o consumidor que preterir o gadget do momento a experiência única de um safári pelas savanas africanas. O pacote de 8 dias da Interpoint Viagens & Turismo para o país sai a partir de US$ 2.210, cerca de R$ 9.068,00. Na oferta está incluso hospedagem em três regiões diferentes – Hoedspruit, Stellenbosch e Cape Town –, café da manhã diário, todas as refeições em um dos hotéis, traslados privativos e safáris em serviço regular com guia local.

Vivencie o Pós luxo do Botanique Hotel & SPA

(Foto: Divulgação)

Embora não seja considerado como um artigo propriamente de luxo, ostentar o IPhone da vez no Brasil, reconhecido por comercializar os modelos mais caros do mundo, pode significar, em partes, um alto poder aquisitivo. Mas e se o preço do smartphone fosse empregado em algo que realmente vale a pena, como em um fim de semana no Botanique Hotel & SPA? Encravado nas montanhas da Mantiqueira, no Triângulo das Serras, em São Paulo, o empreendimento foi construído e pensado para oferecer uma genuína experiência além do luxo, que se traduz no luxo 100% brasileiro, com padrões de conforto e elegância absolutamente singulares. Diárias para o fim de semana a partir de R$ 2.240 o casal com o mínimo de duas noites e café da manhã diário.

Tente a sorte no maior cassino da América Latina

(Foto: Divulgação)

Que tal tentar a sorte apostando no maior cassino da América Latina, o Enjoy Punta Del Este, no Uruguai? Com sorte você pode faturar um outro IPhone 11 Pro Max e aproveitar um dos balneários mais famosos do continente. Mas para garantir um lugar à mesa de pôquer, Black Jack, roleta ou até mesmo no banquinho da caça-níquel é preciso desembolsar R$ 3.423,00 em pacote de 4 noites, em novembro, de domingo a quinta, com café da manhã diário, passagem aérea e traslados na suíte Punta e investir na própria sorte, é claro. #boasorte

Réveillon em Floripa!!!

(Foto: Divulgação)

E se ao invés de assistir a virada do ano pela tela do mais novo smartphone da maçã você for curtir o réveillon no badalado litoral de Florianópolis? O hotel Slaviero Essential Ingleses Convention, que terá festa, queima de fogos e ceia especial com bebidas inclusas oferece pacotes com o mínimo de 4 dias a partir de R$ 3.800,00 para o casal. Adicionando o preço das passagens aéreas ida e volta ainda sobra o suficiente para curtir os dias nas famosas e belas praias da ilha da magia e as noites cheias de agitação – com diferentes opções para agradar todos os gostos.

Sessão de fotos no Tibete

(Foto: Divulgação)

Visitar a cidade do Dalai Lama tem todo um contexto espiritual. Mas para algumas pessoas ter o registro do que viveu ali apenas na alma não é suficiente. Por isso, o Shangri-La Lhasa oferece uma sessão de fotos de cerca de 4 horas, com trajes e maquiagem típica, pela propriedade do hotel, com as famosas montanhas do Tibete ao fundo, bem no coração do Himalaia. Para levar para casa um total de 40 fotos por R$ 586,86. As diárias para hospedagem no hotel partem dos R$ 400,00. Uma semaninha de hospedagem sai a R$ 2.800. Considerando o valor da passagem aérea… dá e sobra!

Durma como um rei em um palácio português

(Foto: Divulgação)

Ter um IPhone 11 Pro Max de 512 GB pode até ser considerado algo digno da realeza, mas quem preterir o modelo por algum aparelho mais modesto e de outra marca, por exemplo, poderia ter a oportunidade de contar aos amigos e familiares que dormiu como um monarca na suíte D. Manuel ou D. Luís Felipe, do Pestana Palace, em Lisboa. O hotel, que é um dos mais luxuosos do mundo, está inserido em um palácio restaurado do século XIX e serviu de morada para a cantora Madonna em 2017. A noite em uma das suítes sai a partir de R$ 7.182,00.

Trekking em Púcon, no Chile

O Hotel Antumalal promove aos seus visitantes diversas opções de caminhadas que combinam aventuras e belas paisagens

Alternando em seu panorama montanhas, lagos, cachoeiras, águas termais e vulcões, a região de Pucón, ao sul do Chile, é de uma beleza extraordinária que chama a atenção dos visitantes. E se suas paisagens são assim tão diversas e incríveis, os trekkings para desbravá-las também o são. Durante a primavera, o clima torna-se ideal para quem deseja escapar da rotina das grandes cidades com um final de semana em contato com a natureza. Graças a uma agência de turismo própria, a Davita Tours, o Hotel Antumalal, localizado às margens do Lago Villarica, promove de simples caminhadas para contato com a fauna e a flora locais até ascensões de vulcões ativos.

Para a turma mais aventureira, uma das opções é a trilha San Sebastian, que começa em uma floresta e ultrapassa os 1.900 metros acima do nível do mar, oferecendo impressionantes vistas em 360º a vulcões e montanhas da região.

Caminhada pelas montanhas é opção no Antumalal. (Foto: Divulgação)

Ideal para um contato mais próximo com a fauna e a flora da região da Araucanía, o trekking no Parque Nacional Huerquehue acontece em meio a florestas de araucária, coihue e lenga, em um trajeto com várias cachoeiras. O trekking para as Lagoas Andinas, em meio à Cordilheira dos Andes e próximo à fronteira com a Argentina, passa por dois lagos rodeados por florestas de araucárias e habitados por pica-paus de Magalhães. Outra opção para uma grande imersão no ambiente tranquilo e natural de Pucón é a trilha das Crateras Parasíticas, que proporciona uma visão perfeita do vulcão Villarica.

Após as aventuras, a melhor pedida é retornar ao hotel Antumalal, que conta com confortáveis acomodações para um merecido descanso, todas com janelas panorâmicas que provocam a sensação de contato direto com o meio ambiente, além de proporcionar vistas espetaculares dos arredores. Quem viaja com a família encontra na Suíte Familiar, que comporta até quatro pessoas, ou nos Chalés, para até seis pessoas, um espaço amplo e aconchegante. Ambos contam com lareiras e no caso dos Chalés há ainda sala de estar, terraço privativo e, em um deles, uma cozinha, uma boa alternativa para quem viaja com crianças.

O sistema all inclusive aparece como a melhor opção por já incluir na tarifa a hospedagem, os traslados, as refeições – café da manhã, almoço e jantar -, bebidas alcoólicas e não alcoólicas e duas excursões de meio dia ou uma de dia inteiro por cada noite de estada. Os hóspedes ainda podem relaxar no Spa Antumaco, com piscina climatizada, jacuzzi e sauna com vista para o lago, ou então passear pelo parque privado de cinco hectares, com jardins, mirantes e praia. 

Suíte familiar do Hotel Antumalal Pucón. (Foto:

Mais informações podem ser obtidas em www.antumalal.com ou com as melhores operadoras e agências de turismo brasileiras.

Do Atacama à Patagônia: os incríveis destinos chilenos

Abreu recomenda belas cidades para conhecer no país sul-americano

O Chile é um destino com cultura interessante, muita história para contar e natureza exuberante. Popular entre os brasileiros, este país, que é o mais longo e estreito do mundo, reúne cenários imperdíveis, oferecendo experiências turísticas completamente distintas em pontos diferentes de seu território.

A Abreu, especialista em levar turistas aos melhores destinos ao redor do globo, ressalta que o país também atrai brasileiros por sua proximidade, preços acessíveis e a possibilidade de visitar sem necessidade de um passaporte. Por isso, pode ser uma boa opção mesmo para viagens mais curtas.

Confira abaixo alguns incríveis destinos chilenos!

San Pedro de Atacama
Esta cidade do norte do Chile é o ponto de partida perfeito para descobrir o Atacama, o deserto mais seco do mundo. Os cenários encontrados por lá são inesquecíveis: vales com formações rochosas impressionantes, que lembram a superfície da lua, lagoas de sal em que é impossível afundar, gêiseres poderosos, termas, extensos salares e, para completar, um céu estrelado de tirar o fôlego, perfeito para a observação de estrelas.

Santiago
A capital chilena é uma cidade grande, dinâmica, cosmopolita e versátil. A Abreu a considera um excelente destino para feriados prolongados. Há um pouco de tudo para fazer por lá: um agradável centro histórico para conhecer a pé, importantes construções históricas como o Palácio de la Moneda, restaurantes deliciosos para provar a famosa centolla chilena e os vinhos locais, bons lugares para fazer compras e grandes atrações de natureza próximas, como o Cajón del Maipo.

Valparaíso e Viña del Mar

(Foto: Divulgação)

A pouco mais de 100 quilômetros de Santiago estão Valparaíso e Viña del Mar, duas cidades vizinhas que costumam ser visitadas em um único dia. Valparaíso é boêmia e colorida, com casinhas e ruas estreitas que sobem e descem morros. Já Viña del Mar é conhecida como a “Cidade Jardim”, já que possui grandes áreas verdes, além de praias e belíssimas mansões de antigas famílias ricas da cidade.

Ilha de Páscoa

(Foto: Divulgação)

Este misterioso destino fica em meio ao Oceano Pacífico, a mais de 3.700 quilômetros da costa chilena, configurando o lugar habitado mais isolado no mar em todo o mundo. Lá, não há apenas uma natureza deslumbrante, que inclui praias de areia rosa, vulcões e pradarias, mas também uma cultura com raízes profundas, com restos arqueológicos únicos como os moai, estátuas de pedra gigantescas espalhadas por toda a ilha. Segundo a Abreu, este é um destino perfeito para amantes da natureza e de seus segredos.

Puerto Varas e Puerto Montt

(Foto: Divulgação)

A mais de mil quilômetros ao sul de Santiago estão as charmosas Puerto Varas e Puerto Montt, separadas por 20 quilômetros de estrada. A primeira mostra toda a tradição alemã no Chile em meio a uma natureza impressionante, com vulcões e um belo lago. Puerto Montt, por sua vez, fica à beira do imenso Pacífico, sendo o lugar certo para comer frutos do mar, principalmente o salmão criado por lá.

Puerto Natales
Ao sul do Chile está Puerto Natales, a porta de entrada para Torres del Paine, que já foi eleita a Oitava Maravilha do Mundo. Quem gosta de aventura e natureza vai amar este parque nacional chileno, que tem lagos de água azul-turquesa, geleiras e impressionantes formações de granito. A Abreu explica que os viajantes podem aproveitar cerca de 17 horas de luz do sol durante o verão, e ainda é possível avistar raposas, cervos e guanacos.

Punta Arenas
Em plena Patagônia chilena, Punta Arenas é um lugar extraordinário, que une geleiras e fiordes com a fauna da Antártida e dos Andes. É um destino extremamente pacato e com belezas naturais incríveis, como a Ilha Magdalena, habitada por pinguins, e a Reserva Natural de Magalhães, com 19 mil hectares recortados por diversas trilhas.

Começa temporada no Parque Nacional Torres del Paine, Chile

Tierra Patagonia Hotel & Spa está entre as melhores opções de hospedagem no destino

Com temperaturas mais agradáveis, menos turistas e paisagens ainda mais belas, a chegada da primavera no Chile marca o início da temporada 2019/2020 do Tierra Patagonia Hotel & Spa. O empreendimento, localizado na entrada do Parque Nacional Torres del Paine, extremo sul do Chile, reabre em 1º de outubro e segue em funcionamento até 31 de maio de 2020.

O período traz de volta as flores, sendo o momento ideal para realizar passeios pelo pampa e por lindos bosques, onde é possível avistar raposas-cinzentas, guanacos e até mesmo pumas, bem como diversas espécies de pássaros, como condores, pica-paus magalhânicos e patos patagônicos. Pode-se escolher explorar a região através de caminhadas, passeios de bicicleta, barco ou a cavalo. 

Parque Nacional Torres del Painel inicia temporada. (Foto: Divulgação)

Detentor de uma infraestrutura pensada para atender a todos os estilos de viajantes, o Tierra Patagonia possui 40 apartamentos com uma decoração aconchegante que remete à cultura local, restaurante, sala de estar, bar, biblioteca, sala de apresentação das expedições, piscina coberta, jacuzzis coberta e ao ar livre e estúdio de ioga. Há, ainda, o UMA SPA, que privilegia elementos como pedras e águas em tratamentos para o corpo e a mente.

O hotel também realiza uma série de passeios diários, contemplados em seu sistema all inclusive. Entre as opções estão tours cênicos de tirar o fôlego no Parque Nacional Torres del Paine e em seu entorno.

Mais informações podem ser obtidas em www.tierrahotels.com, no telefone 0800.761.1627 (Brasil) e com os principais operadores e agentes de turismo.

11 coisas que você não sabia sobre a Ilha da Madeira

Destino português é repleto de curiosidades

A Ilha da Madeira é um incrível território português localizado em meio ao Oceano Atlântico. Com paisagens naturais deslumbrantes, gastronomia ímpar e vinhos deliciosos, encanta viajantes do mundo todo.

Confira 11 curiosidades sobre este fantástico destino turístico que você provavelmente não sabe.

Ilha da Madeira possui diversos pontos turísticos e curiosidades. (Foto: Divulgação)

1. Embora seja conhecida como Ilha da Madeira, é na verdade um arquipélago.
O que chamamos de Ilha da Madeira é, na verdade, um conjunto de diversas ilhas. Apenas duas delas são habitadas: a Ilha da Madeira, que é a maior de todas, e Porto Santo, que possui belíssimas praias. As demais ilhas e ilhotas são divididas em dois grupos, as Desertas e as Selvagens, e são áreas protegidas, com muitas belezas naturais.

2. É um território português, mas fica mais perto da África.
Embora a Ilha da Madeira seja parte de Portugal, ela fica a sudoeste do país, em meio ao Atlântico. Com isso, ao olhar no mapa, você verá que ela está mais próxima da África do que do continente europeu. Mas a diferença é pouca: o litoral marroquino fica a cerca de 725 quilômetros do madeirense, enquanto o sul de Portugal está a pouco mais de 850 quilômetros da ilha. A distância, no entanto, parece maior do que é na realidade. Um voo de Lisboa a Funchal, a capital da Madeira, tem duração de uma hora e meia.

3. A Madeira é conhecida por um clima eterno de primavera.
A localização do destino é extremamente privilegiada. Graças às suas coordenadas no mapa e outras condições geográficas, a Madeira não costuma apresentar temperaturas extremas, seja na parte quente ou fria do termômetro. Com isso, o clima é sempre ameno, com um jeitinho de primavera.

4. Possui uma floresta única no mundo.
A Floresta Laurissilva é um ecossistema riquíssimo que cobre 20% de seu território. Formada por árvores da família das lauráceas, esta floresta úmida subtropical é considerada um Patrimônio Mundial pela UNESCO, uma vez que, embora exista em alguns outros territórios da região da Macaronésia, como os Açores, as Canárias e Cabo Verde, seu maior núcleo está Madeira, e em excelente estado de conservação.

5. Uma de suas ilhas tem uma praia de nove quilômetros.
Porto Santo, a segunda maior ilha do arquipélago da Madeira, é bastante diferente da ilha principal. Seu litoral é a principal atração, com areia dourada e água cristalina. A parte sul da ilha é basicamente um extenso e ininterrupto areal, onde existem ótimos resorts para desfrutar do mar. São nove quilômetros de praia!

6. É lar de flores e frutas exóticas.
Viajantes que conhecem o destino ficam encantados não apenas por sua oferta turística, mas pela diversidade natural. A localização da ilha no globo garante condições perfeitas para o cultivo de diversas plantas exóticas. Muitas são nativas, mas outras foram trazidas de variados países ao redor do mundo e se adaptaram perfeitamente ao local. Com isso, os turistas podem provar frutos diferentes como o maracujá roxo e a anona, além de aproveitar seus dias de férias em jardins e parques repletos de cores e aromas inesquecíveis.

7. Suas águas são lar de golfinhos.
Os passeios de barco estão entre as atividades mais populares entre os turistas que visitam a Madeira. Além do cenário de tirar o fôlego, é muito provável que os visitantes vejam de perto alguns golfinhos brincalhões, já que a região é habitat natural desses graciosos animais.

8. É a terra natal de Cristiano Ronaldo.
Craque do Juventus e da seleção portuguesa, premiado cinco vezes pela FIFA como o melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo é natural de Funchal. Mesmo tendo deixado sua terra natal há muito tempo, o ídolo mantém uma relação próxima com o local, e ganhou várias homenagens por lá. O principal aeroporto do arquipélago leva seu nome, o Museu CR7 reúne prêmios, camisas, chuteiras, fotos e outras recordações da carreira do jogador, e há também um hotel temático, o Hotel Pestana CR7 Funchal.

9. Produz um dos vinhos mais famosos do mundo.
À primeira vista, a Madeira não parece o lugar ideal para produzir vinhos. Mas os portugueses que chegaram primeiro à ilha se arriscaram pelo terreno montanhoso, muitas vezes cultivando as uvas em lugares de difícil acesso, e acabaram criando uma das bebidas mais famosas do mundo: o vinho Madeira. E não há nada como prová-lo em uma harmonização com a gastronomia local!

10. O bordado criado na ilha já rodou o planeta e chegou até às passarelas.
Quando a Madeira começou a ser povoada, as mulheres que viviam ali desenvolveram um tipo de bordado que usavam em peças de roupas e artigos de decoração, feito em tecidos de linho, algodão, organdi e seda. Os negociantes ingleses que moravam em Funchal começaram a levar esse trabalho minucioso para a Inglaterra, e ele acabou ganhando o mundo e sendo usado até mesmo por importantes grifes de moda.

11. Já deteve o recorde mundial do maior espetáculo pirotécnico do mundo.
O Réveillon é uma ocasião especial na Madeira, assim como no restante do mundo. As celebrações são animadas, e uma das tradições é um show de fogos de artifício grandioso. Os fogos foram chamando a atenção de turistas, moradores e viajantes de cruzeiros, que paravam por ali na virada do ano para curtir o espetáculo. Com isso, o show foi ficando ainda melhor, até ganhar o recorde de maior espetáculo pirotécnico do mundo pelo Guinness World Records na virada de 2007, título que manteve até 2012.

Começou a temporada da aurora boreal na Noruega

A aurora boreal é um dos fenômenos mais belos da natureza. Ela pode ser observada ao redor do mundo, em regiões próximas ao Círculo Polar Ártico. Sua ocorrência se dá a partir do outono, no final de setembro, mas com maior probabilidade e intensidade entre os meses de novembro e março. Ir à caça da aurora boreal pode ser uma bela aventura, especialmente na Noruega. Durante esta temporada, está disponível uma grande variedade  de atividades como expedições fotográficas, passeios de caiaque, de snowmobille, de trenó ou até mesmo a cavalo.  Em toda a região norte da Noruega é possível avistar a aurora boreal. Alguns dos principais destinos turísticos que oferecem essa experiências são as cidades de  Alta, Bodø e Kirkenes, as Ilhas Lofoten e Svalbard e a região do Cabo  Norte (ponto mais ao norte da Europa, localizado na ilha de Magerøya).

(Foto: Divulgação)

Capital da aurora boreal

Na Noruega está localizada Tromsø, conhecida como a capital da aurora boreal. A cidade está a 350 quilômetros ao norte do Círculo Polar Ártico e é a maior da região norte do país. Por lá, as chances de presenciar o fenômeno da aurora boreal são altas e o grande diferencial é que os visitantes podem ter essa experiência com toda estrutura e conforto. O acesso a Tromsø é muito simples, lá está um dos principais aeroportos do país, que recebe voos diários de inúmeras cidades norueguesas e também de capitais europeias.

Hurtigruten

(Foto: Divulgação)

Na Noruega, é possível ter a experiência de observar a aurora boreal a bordo de um navio. A empresa Hurtigruten oferece um percurso de 12 dias durante o inverno que vai à caça das luzes. E, de quebra, os viajantes ainda passam pelas belíssimas ilhas de Vesterålen e Lofoten, além de cidades como Bergen, Ålesund, Trondheim e, claro, Tromsø. Se os passageiros não conseguirem ver o fenômeno neste trajeto, a empresa oferece outro cruzeiro gratuitamente.

Aplicativo

O Visit Norway oferece um aplicativo exclusivo para quem está à caça da aurora boreal. O Norway Lights promete aumentar as chances de conseguir vislumbrar o fenômeno, oferecendo uma previsão do tempo e probabilidade de ocorrência para cada cidade norueguesa em tempo real e de forma super prática. Ele está disponível para Android, iOS e Windows.

Hotel de gelo

(Foto: Divulgação)

Na Noruega também é possível viver a incrível experiência de se hospedar em um hotel de gelo. O Sorrisniva Igloo Hotel, localizado a 20km da cidade de Alta, no norte do país, começa sua temporada deste ano no dia 19 de dezembro e permanece aberto até 2 de abril de 2019. Além de bar e restaurante, a estrutura do hotel ainda oferece diversas atividades como safári de snowmobile, jacuzzi externa, passeio de trenó puxado por renas, pescaria no gelo e muito mais. Tudo isso com uma boa chance de se vivenciar a maravilha do fenômeno da aurora boreal. Outra opção de hotel de gelo é o Snowhotel localizado na cidade de Kirkenes. Além da arquitetura de gelo e todas as atividades típica da região, ele também oferece chalés de madeira com vista panorâmica, possibilitando que os hóspedes possam avistar a aurora boreal no conforto do próprio quarto.

Povo Sami

(Foto: Divulgação)

Na região norte da Noruega, onde acontece o fenômeno da aurora boreal, é também onde residem os Samis, povo indígena da Lapônia. Além de conhecê-los de perto e aprender mais sobre suas tradições, os turistas ainda podem embarcar em um passeio guiado por eles, a bordo de um trenó puxado por renas. Os Samis conhecem como ninguém a região e, além de divertida, essa pode ser uma ótima experiência cultural.

Para mais informações, acesse: http://www.visitnorway.com.br

Casamentos em cenários de conto de fadas dentro de hotéis luxuosos na Europa

Propriedades históricas, o Château Fonscolombe, na Provence, e o Farol Hotel, em Cascais, aliam natureza e bom gosto para cerimônias memoráveis

Para muitos casais, o casamento é um dos momentos mais inspiradores da vida a dois. Aqueles que buscam uma cerimônia autêntica e intimista, mas plena em fantasia e glamour, encontram pela Europa diversas opções de destinos com cenários que parecem ter saído de um conto de fadas. Emoldurado por um castelo centenário ou com o Atlântico por testemunha, o sim dos noivos ganha notas de requinte pela eternidade. 

No sul da França, a tradição das grandes recepções do luxuoso Château Fonscolombe data do século 18, quando suas portas se abriam para festas e celebrações especiais da família do Marquês de Saporta, cujo legado principal está no campo da botânica. Situado em uma área verde de nove hectares, o hotel cinco-estrelas está no coração da Provence, próximo a campos de lavanda, e a apenas 20 minutos da cidade de Aix-en-Provence e 35 minutos da cidade de Marselha.

Compostos por cerca de 180 espécies de árvores e plantas, seus bosques são um convite à celebração ao ar livre. Já os seis salões para eventos do castelo, forrados por papéis de parede chineses e com decoração notadamente marcada pelo estilo provençal, comportam até 200 convidados. Na propriedade, há também uma charmosa capela do século 18, onde os noivos podem dizer o famoso “sim” durante uma cerimônia intimista.

Em Portugal, a equipe do Farol Hotel promete mimar tanto aqueles que optem por cerimônias reservadas quanto por festas com potencial para se transformarem no assunto da cidade. Seja qual for a escolha, o cenário descortina a costa de Cascais, a pouco mais de 30 minutos de carro a partir da capital portuguesa, Lisboa.

Sobre falésias que se debruçam diante do Atlântico, o Farol Hotel ocupa uma mansão do século 19. A construção impressiona sobretudo pelos salões de recepção com vista para as ondas do Atlântico, com destaque para o Deck on The Rocks, terraço que concede mais personalidade e charme às celebrações realizadas ali.

O Château de Fonscolombe (www.fonscolombe.fr) e o Farol Hotel (www.farol.com.pt) são representados no Brasil pela empresa Key Partners (www.keypartners.com.br), de Sylvia Leimann.

Park City, em Utah, anuncia novidades para temporada de inverno 2019/2020

A cidade americana abrirá mais um parque esportivo e contará com novas opções de hospedagem e alimentação para os seus visitantes

O inverno no Hemisfério Norte se aproxima e a cidade de Park City, localizada a apenas 35 minutos do Aeroporto Internacional de Salt Lake City, no Estado de Utah, prepara novidades para a nova temporada de neve. Para além das atividades já oferecidas pelas estações de esqui Park City Mountain e Deer Valley, a partir de novembro, os visitantes que curtem atividades de aventura terão mais uma opção de entretenimento.

Com mais de 4,5 mil m² de instalações indoor, o Woodward Park City contará com instrutores e oferecerá equipamentos para a prática e treinamento de esportes como skate, BMX, mountain biking, escalada e cheerleading, assim como opções de esqui e snowboarding para todos os níveis de praticantes. Ecológico, o parque terá seu edifício principal alimentado por um painel solar de 250 quilowatts, montado no teto, e sistema de drenagem sustentável.

Park City oferece aulas de ski em família. (Foto: Divulgação)

Já para quem prefere uma atividade física mais leve, o Park City Yoga Adventures promove o Stand Up Paddle Yoga, praticado em cima de pranchas em águas termais. Há também passeios guiados pelas trilhas da região, todos combinadas com a prática de yoga ao ar livre. Para maior relaxamento, após o exercício, pode-se realizar um tratamento em um dos spas de Park City, como o que fica dentro do Montage Deer Valley, que é o maior de Utah, ou o do hotel Stein Eriksen Lodge, único do estado americano classificado como cinco estrelas pela Forbes. No do Waldorf Astoria Park City, os amenities também foram recém-renovados.

Yoga em Stand Up Paddle é a novidade no Park City. (foto: Divulgação)

A gastronomia segue como um dos principais atrativos da cidade. No RIME Raw Bar, os turistas degustam os melhores frutos do mar e cervejas artesanais. O recém-aberto Courchevel é um bistrô de inspiração franco-europeia com ótimas opções de sobremesa. Em parceria, a destilaria Alpine Distilling e o 350 Main Brasserie recentemente inauguraram o primeiro bar de tortas da cidade, o Pie Bar, que recebe visitantes para coquetéis e seleções de tortas variadas e queijos locais. High West Distillery, Old Town Cellars, Wasatch Brewery e Park City Brewery são outras cervejarias e destilarias da cidade que também promovem visitas guiadas e degustações.

A fim de atender com conforto todos os estilos de viajantes, além das mais de 100 opções de hospedagem já existentes em Park City, neste ano foi inaugurado o The Lodge at Blue Sky. O hotel conta com atividades ao ar livre, o restaurante autoral Yuta e o spa da rede Auberge. Dentro da estação de esqui Deer Valley, o Goldener Hirsch Inn também expandiu a sua área ao construir mais 40 apartamentos, que ficam em um novo complexo, o The Goldener Hirsch Residences, uma interpretação moderna de uma pousada de esqui. A inauguração está programada para dezembro deste ano.

Aqueles que desejam investir em um imóvel podem visitar os novos empreendimentos imobiliários da cidade, o Apex Residences e o Lift Park City. Entre o charme dos Alpes, o Apex Residences mistura arquitetura moderna à natureza da região. Já o Lift Park City é um edifício com apartamentos de conceito aberto e vista para as montanhas. Ambos estão localizados na região de Canyons Village, um bairro moderno e rodeado de lojas e restaurantes.  

Mais informações podem ser obtidas em www.visitparkcity.com,  www.instagram.com/visitparkcitywww.instagram.com/visiteparkcitywww.facebook.com/VisitParkCity e www.facebook.com/VisitParkCityBR.

Villa Brunholi completa 30 anos de turismo e gastronomia em Jundiaí

Reconhecido pela culinária italiana e vinhos tradicionais, complexo também tem inovado portfólio e é o primeiro exportador de caipirinha 100% natural

Há 30 anos, a família Brunholi iniciava a empreitada de transformar as terras que abrigavam plantações de uva para fabricação de vinhos e sucos em algo maior – um complexo que reuniria restaurante, turismo e uma lojinha para vender as delícias fabricadas no local: vinhos, licores, geleias, sucos, doces e massas. O que iniciou como um pequeno negócio inovador, é hoje um dos principais pontos do turismo de enogastronomia do interior de São Paulo, tendo em torno de 100 colaboradores e produtos premiados internacionalmente.

Ao longo dos anos, a Villa Brunholi expandiu e se tornou um complexo de turismo completo: serve almoço e jantar à la carte durante a semana, às sextas a noite, os clientes ainda podem aproveitar o Festival de Massas, que, com um valor único por pessoa é possível provar vários pratos do menu. Aos finais de semana, um café colonial com pães, bolos, geleias, antepastos e várias delícias produzidas no local. A opção é um verdadeiro convite a um descanso no redário após a refeição e uma caminhada pelo pomar e mini-fazenda, que depois pede uma nova parada no restaurante para um almoço autenticamente italiano: molhos e massas produzidos no local, e as ervas do molho pesto são colhidas diretamente na horta da Villa Brunholi, com um perfume e sabor irresistíveis.

Viila Brunholi completa 30 anos. (Fotos; Edu Guimarães)

Para Sandra e Paulo Brunholi, irmãos e quarta geração à frente do empreendimento familiar, o crescimento do local sempre foi gradativo e constante. “Tudo começou com a venda dos vinhos, depois iniciamos uma pequena loja, 10 anos depois, reformamos e se tornou uma adega. Na sequência, inauguramos o restaurante, depois veio a fábrica de bebidas, ampliamos a adega e construímos o Museu do Vinho. É um crescimento que nunca para, sempre de olho nas tendências e nos turistas, buscando oferecer diferenciais e comodidades, como é o caso da nossa brinquedoteca que tem um espaço amplo e várias atrações para as crianças”, relembra Paulo, que é também engenheiro químico e criador de bebidas autênticas da casa.

Apesar da tradição do local estar ligada aos vinhos Brunholi, a inovação não poderia ficar de fora, e a Villa Brunholi tem uma linha de cachaças premiadas, como é o caso da Cachaça Ouro, que recebeu medalha de ouro no Festival de Bruxelas, e a Cachaça Premium Envelhecida, que ganhou medalha de ouro no Concurso Nacional de Destilados do Brasil. O portfólio de bebidas também ganha destaque com o gin Decreto 89 e a estrela da adega: a Caipirinha Brunholi, que é 100% natural e conquista turistas de todas as partes, sendo a primeira caipirinha engarrafada que leva apenas três ingredientes: cachaça, limão e açúcar. A novidade já tem sido exportada e vem conquistando espaço na República Dominicana, Reino Unido e Portugal.

Enoturismo é na Villa Brunholi. (Fotos; Edu Guimarães)

Com o intuito de comemorar o marco de 30 anos, a Adega Brunholi lança, em setembro, a nova bebida do portfólio: o Limoncello Brunholi, trazendo uma homenagem às raízes italianas, já que a bebida é quase “uma caipirinha italiana”. Também foram desenvolvidos pratos e sobremesas que harmonizem com a novidade, deixando o menu do restaurante com pedidos especiais para marcar essa nova fase.

Festa especial acontece em setembro

No dia 21, a partir das 20h, é comemorada a festa de 30 anos da Villa Brunholi, com menu desenvolvido pelo chef Gilli Lima, reconhecido pelo trabalho internacional na Itália e Grécia, com entrada, prato principal, sobremesa, água e vinho Brunholi inclusos. O valor para participar do jantar é de R$150 (individual) ou R$250 (casal) e a festa conta com músicas italianas do I Cantanti D´Italia, um grupo tradicional de Jundiaí, que resgata as tradições italianas. Informações pelos telefones: (11) 4584-1219 e (11) 4584-7619.

Confira o menu:

Mesa de pães e antepastos de entrada – pão italiano, focaccia, ciabata, grissini, corniccione ao limone, salame italiano e lombo defumado, provolone, parmesão, gorgonzola e brie com mel, sardela, alichela, antepasto de berinjela e azeitonas

Pratos principais (empratado em serviço sequencial) – risoto da casa com linguiça calabresa fresca ao alecrim, abóbora kabocha e pimenta biquinho; rondelle de espinafre com ricota, mozarela, catupiry e tomate seco ao molho branco; cordeiro ao molho de vinho branco, acompanhado de coalhada seca com hortelã e batatas rústicas.

Sobremesa – Trilogia de chocolate -três mini sobremesas especiais da casa (cannoli de Nutella, tiramissu e chocoterapia, um exclusivo brownie, mergulhado em ganache de chocolate e coberto com chantilly e farofa de pistache, servido com sorvete de creme).

Maior ilha italiana, Sicília tem praias, montanhas e belos monumentos

A Sicília é a maior ilha italiana, dividida do continente pelo Estreito de Messina e banhada pelo Jônico, o  Tirreno  e o  Mediterrâneo

Uma das pérolas do sul da Itália, tudo para descobrir, aprender e viver uma série de itinerários alternativos que variam, de acordo com gostos e necessidades, entre natureza, história e tradição. 

E a natureza parece ter destinado a esta terra suas maiores maravilhas:  montanhas,  colinas e, sobretudo, o  mar , que com suas cores incríveis, a transparência de suas águas e a beleza de seu fundo do mar se destaca dos outros mares. 

Lampedusa – (Foto: Getty Images)

Nesta região, o  Mediterrâneo  oferece cenários, aromas e sabores tão únicos e intensos que somente a natureza pode dar.

A região é conhecida pela beleza do seu território e peculiar pela natureza, tradição, arte e história. 

Um encanto também enriquecido pela preciosa evidência arqueológica que conta as origens antigas de  Trinacria  (antigo nome da Sicília) e pelos muitos monumentos, testemunho de uma arte que foi capaz de resistir ao longo dos séculos. 

O que ver

A Sicília  oferece uma infinidade de lugares para visitar, variando entre a natureza, história e tradição. 

Entre as peculiaridades deste território, existem dois  vulcões, Stromboli e Etna , o maior vulcão ativo da Europa. O Etna está localizado no leste da Sicília. Suas erupções espetaculares criaram, ao longo dos séculos, paisagens únicas no mundo. 

Etna – (Foto: Getty Images)

Os interessados ​​na paisagem podem escolher entre as áreas protegidas dos parques regionais do Etna, Madonie  e  Nebrodi e o paraíso vulcânico de  Pantelleria, pontilhada de vistas encantadoras, como as da ” Pertusa di Notaro ” (caverna que exala ar fresco) e o característico  dammusi  (edifícios típicos de pedra de lava). 

O Valle del Bove,  com seus muros de até 1000 m de altura, a  Grotta del Gelo,  com o único exemplo de geleira perene existente nessas latitudes, o  Gole dell’Alcantara , uma densa rede de canais rochosos atravessados ​​pelas águas frias de seu rio, são algumas das maravilhas que podem ser admiradas visitando este gigante da natureza.

Ilhas 

As ilhas que cercam a Sicília são numerosas e cheias de charme, mas uma delas, as Ilhas  Eólias , foram inseridas em 2000 na Lista do Patrimônio Mundial (WHL) da UNESCO como Patrimônio Mundial. O arquipélago consiste em  7 ilhas  – Lipari, Vulcano, Stromboli, Salina, Filicudi, Alicudi e Panarea – e uma série de ilhotas e recifes de vários tamanhos.

A história das Ilhas Eólias está indissoluvelmente ligada aos vulcões, os “artistas” que criaram essas esplêndidas obras da natureza, onde é possível mergulhar no azul profundo do mar, fazer caminhadas nas cavernas espalhadas pelas costas, relaxar nas pequenas praias banhadas pelas águas cristalinas, antes de se dedicar à excelente culinária local rigorosamente baseada em peixes.

O vale dos templos em Agrigento, uma área arqueológica, outro tesouro da humanidade certificado pela UNESCO. Imerso no verde das oliveiras, amendoeiras, cítricos e vinhedos que se estendem em direção ao mar. Seus monumentos imponentes e elegantes lembram a atmosfera irreal de 2500 anos atrás, quando os antigos “Akagras Agrigentum” era um centro de poder e cultura.

Siracusa e os locais da UNESCO

Na costa sudeste da Sicília, está localizado mais um local da UNESCO, juntamente com a necrópole de Pantalica. Esta colônia grega antiga tem vista para um sugestivo porto natural fechado a leste pela ilha de Ortigia, o núcleo urbano mais antigo. Cada canto da cidade oferece preciosas evidências arqueológicas que evocam o esplendor da Magna Grécia. Em Siracusa e nas Ilhas Eólias, há dois outros locais da UNESCO que devem ser visitados: as oito esplêndidas cidades barrocas tardias de Val di Noto  e a  Villa Romana del Casale .

Taormina – (Foto: Getty Images)

No entanto se alguém passasse apenas um dia na Sicília e perguntasse: “O que você precisa ver?” Eu responderia sem hesitar: “Taormina”. É apenas uma paisagem, mas uma paisagem na qual tudo o que parece ter sido criado na Terra seduz os olhos, a mente e a imaginação.  Assim, o famoso escritor francês Guy de Maupassant descreve Taormina. Algumas palavras que encerram a essência desta pequena joia a meio caminho entre Messina e Catania. 

O protagonista indiscutível desta terra antiga e esplêndida é inquestionavelmente o  mar , para ser experimentado de mil maneiras diferentes: relaxar em uma das muitas praias que a região costeira oferece, explorar seus maravilhosos fundos do mar ou ser levado pelas ondas e pelo vento com windsurf ou kitesurf. 

Sim, porque aqui a força do mar, combinada com a do vento, oferece a oportunidade de experimentar a emoção de “correr” ou até “voar” nas águas cristalinas que envolvem as costas de  San Vito lo Capo ,  Mondello ,  Cefalù , Marina de Ragusa ,  Taormina ,  Ilhas Eólias ,  Pantelária ,  Lampedusa ,  Ustica. 

Trekking, trilhas a cavalo, bicicletas e golfe
Para quem gosta de  trekking , uma excursão guiada pelos parques naturalistas da Sicília é certamente uma experiência a não perder. E quem não gosta de caminhar, pode optar por explorar esses lugares maravilhosos a cavalo ou de  bicicleta de montanha. 
Também deve ser enfatizado que nos últimos anos a Sicília também se tornou um destino importante para os amantes do  golfe . De fato, existem vários  campos de golfe  neste território, onde, entre outras coisas, o famoso Aberto da Sicília acontece todos os anos  . 

Os banhos e os banhos
O Belpaese sempre foi considerado um dos destinos mais procurados pelos entusiastas do  spa termal , uma forma de medicina natural que existe na Itália desde a época dos romanos antigos. Terra de água e vulcões, a Sicília oferece uma grande variedade para quem quer relaxar, regenerando-se com tratamentos terapêuticos e, por que não, tratamentos de beleza. Entre as mais famosas estão as de Sciacca , com a famosa  Stufe di S. Calogero , cavernas onde essa quantidade de vapor é concentrada para atingir uma temperatura de cerca de 40 °, ou a  Terme di Acireale , onde as águas subterrâneas do mar se misturam com os sulfurosos do Etna. 

Locais de literatura
Para os amantes do  turismo cultural, A Sicília é uma fonte inesgotável de conhecimento, história, arte e cultura. Grandes escritores como  Salvatore Quasimodo ,  Giovanni Verga ,  Luigi Pirandello ,  Leonardo Sciascia e  Tomasi di Lampedusa , encontraram a inspiração para escrever grandes obras, como  “Il Gattopardo ” ou ” I Malavoglia “. 

A mesma atmosfera em que, ainda hoje, podemos mergulhar, escolhendo embarcar em uma jornada nos lugares descritos por esses personagens ilustres, reviver as mesmas emoções e as mesmas sensações que esses grandes autores sentiram intimamente e depois contaram em suas obras.

Templos e história
Quem quiser mergulhar no passado pode optar entre os  templos gregos de Selinunte  e  Siracusa  e os de  Agrigento  e  Imera , entre o teatro greco-romano de  Taormina  e as  catedrais  normandas, especialmente em  Palermo  ( igrejas de Martorana , de  San Giovanni degli Eremiti  e  San Cataldo ). 

Valle de  Templi Agrigento. (Foto: Getty Images )

Para os interessados ​​em  tradição , uma visita a  Acireale é imperdível , para apreciar o espetáculo da Opera dei Pupi (teatro de marionetes siciliano), que conta as histórias de Orlando Furioso. 

Festivais e feiras
Extensas também são as escolhas para quem gosta de  festivais  e  eventos culturais . 

No cenário maravilhoso do antigo teatro de Taormina, todos os anos são organizados inúmeros eventos, incluindo o famoso  Festival de Cinema  dedicado à premiação das melhores obras cinematográficas. O calor e a alegria da vida dos sicilianos se manifestam em toda a sua exuberância nas celebrações dedicadas ao Carnaval , a festa mais alegre e colorida do ano, além de ser reconhecido por seu talento criativo e originalidade com que são exibidos os muitos carros alegóricos em papel machê ou infiorati, acompanhados por máscaras alegres e coloridas. 

Existem também numerosos festivais dedicados aos  santos padroeiros da Sicília   (uma mistura de fé, folclore e tradição) que contam a profunda devoção religiosa dos sicilianos. 
A  Festa  de Santa Rosalia  em  Palermo  e a  Festa de Sant’Agata  em  Catania  são alguns dos muitos eventos que são comemorados em toda a região todos os anos.